Você está na página 1de 6

Resoluo dos Exerccios

Captulo 2 7 Questo
Uma carga Q distribuda uniformemente
sobre um fio semicircular de raio a. Calcule a
fora com que atua sobre uma carga de sinal
oposto q colocada no centro.
Resoluo:
Sabemos que:
Aplicando a Lei de Coulomb, temos:

d a dl
a
Q
dl dQ
..
.

2
0
. 4
1
a
dQ q
F d

2
0
.
. 4
1
a
q dl
F d

2
0
. .
. .
. 4
1
a a
d q a Q
F d

2
0
2
. 4
1
a
d q Q
F d

Decompondo dF numa componente y


dF
, vemos que ao integrar sobre , as
componentes paralelas se cancelam devido a simetria. Teremos, ento que:
cos dF dF
Y

e integrando
Y
F F

fica

d
a
q Q
F
y
. cos
4
1
2
2
2
0
2

Substituindo

d
a
qQ
F
y
. cos
. 4
1
2
2
2
0
2

[ ]
2
2
2
0
2
. 4
1



sen
a
qQ
F
y
[ ] ) 1 ( 1
. 4
1
2
0
2

a
qQ
F
Y

2 .
. 4
1
2
0
2
a
qQ
F
Y


2
0
2
. 2 a
qQ
F
Y

Captulo 3 3 Questo
Seja E a magnitude do campo num ponto P situado a uma distancia D de
um plano uniformemente carregado com densidade superficial de carga

. A
maior contribuio para E provem dos pontos mais prximos de P sobre o plano.
Mostre que a regio do plano situada a uma distancia D 2 do ponto P
responsvel pela metade (E/2) do campo em P.

Ou vetorialmente
chamaremos essa equaao de 1
Se tivermos
Ou vetorialmente,
chamaremos essa equaao de 2
Substituindo 2 em 1,teremos:
E
1
=E
2
/2
Para uma distncia 2D, teremos o seguinte calculo para o Campo
Eltrico:
Captulo 3 4 Questo
Um fio retilneo de comprimento l est uniformemente carregado com
densidade linear de carga . (a) Calcule o campo eltrico num ponto situado
sobre o prolongamento do fio, a uma distancia d de sua extremidade. (b) Calcule
a magnitude do campo, se cm d l 5 e a carga total do fio de
C 3
Aplicando a equao do campo eltrico, temos:
a)
2
0
4
1
x
dQ
dE

sendo que

dx dQ .
Substituindo

2
0
.
. 4
1
x
dx
dE


2
0
. 4 x
dx
dE E
L a
a

+


L a
a
x
E
+
1
]
1

1
. 4
0


a
L a
x
E
+
1
]
1

1
. 4
0

,
_

+

L a a
E
1 1
. 4
0

( )

,
_

+
+

L a a
a L a
E
0
. 4



( )

,
_

L a a
L
E
0
. 4

) ( . 4
0
L a a
L
E
+

b) cm d l 5 ; C Q
T
3
L
Q


2
10 5 5

x cm a l m
5
2
6
10 6
10 5
10 3

x
x
x


) ( . 4
0
L a a
L
E
+


( )
2 2 2 12
2 5
10 5 10 5 10 5 10 85 , 8 . 4
10 5 10 6


+

x x x x x
x x x
E


7
13
6
10 539 , 0
10 56 , 5
10 3
x
x
x
E

6
10 39 , 5 x E
Captulo 4 7 Questo
No modelo de Bohr para o tomo de hidrognio, calcule (a) a razo da
energia potencial eletrosttica do eltron a sua energia cintica, (b) a energia
necessria para ionizar o tomo em eletro- volts. Comparando o modelo de Bohr
para o tomo de hidrognio ao sistema terra lua, onde teremos o papel da terra
feito pelo prton e o da lua pelo eltron, a atrao gravitacional sendo substituda
pela eletrosttica e tomando a distancia entre o eltron e o prton de 0,5.

Dividindo os dois membros por dois da
Como temos,
Fazendo a razo da energia potencial eletrosttica do eltron a sua energia
cintica teremos,
O que da,
Como,

Calculo da energia necessria para ionizar o tomo em eV, tomando como
r=0,5 sendo 1eV=