Você está na página 1de 5

AMPLIANDO NOSSA POSTURA ESPIRITUAL

Textos: Lucas 11.37-44 e Atos 9; Filipenses 3. Carga Horária: 1:00 hora - Incluindo a Oração!

É impossível para uma pessoa ter um Encontro com Deus e permanecer a mesma. Algo
acontece que muda para sempre nossa forma de pensar, de agir e de falar! Um Encontro
real com Deus muda completamente a trajetória da vida de uma pessoa! Ela nunca mais
é a mesma.
Nossa maneira de enxergar o mundo muda. Passamos perceber melhor o que nos
rodeia, e ao mesmo tempo assumimos uma postura diferente diante das circunstâncias e
da própria vida.
O Encontro com Jesus mudou completamente a vida de Saulo de Tarso. De perseguidor,
ele passou a ser perseguido. De homem autoritário e sanguinário, Saulo passa a ser um
"escravo do Senhor”.
Para Paulo, o Evangelho era a loucura de Deus. Ele o via assim porque seu Encontro
com Jesus foi algo absolutamente extraordinário e sobrenatural! Foi uma santa loucura!
Vejamos, então, como foi o Encontro de Saulo de Tarso com Jesus:

Saulo era um homem durão, inflexível. De repente ele é transformado em um homem de


coração manso e humilde, tremendamente sensivel à voz do Espírito Santo.
Depois de um trato profundo no Encontro com Jesus, Saulo passa por uma tremenda
mudança nas suas convicções! Ele repensa por completo sua vida e passa a re-
interpretar sua fé e sua religiosidade à luz de um novo entendimento.
Cristo -, mais brilhante que o sol do meio dia -, ilumina todas as áreas sombrias da alma
de Saulo. Todo o convencimento e auto-suficiência daquele fariseu exemplar, cedem lugar
a inspiração superior e às revelações celestiais!

I- SAULO – UM RELIGIOSO EXEMPLAR


Para os padrões humanos e humanistas da sociedade secularizada, Saulo,
provavelmente, seria um modelo ideal... Mas Deus podia fazê-Io melhor.
Por tudo e em tudo que fazia, Saulo acreditava estar prestando um bom serviço a Deus,
até mesmo quando perseguia a igreja. Mas, apesar de toda a sua convicção, ele estava
enganado.
Apesar de todo o seu convencimento, de suas boas obras e de seu perfeccionismo, Paulo
é um dos maiores exemplos de que apenas boa formação e religiosidade não são
suficientes para mudar o caráter do homem. Ele só muda de verdade por obra do Espírito
Santo em seu coração.
Toda a religiosidade, ainda que em certos pontos pareça positiva, de nada vale diante da
revelação de Deus e diante da nova realidade interior que Ele coloca em nós. Veja o
exemplo do velho Saulo.

II – PARALELOS ENTRE SAULO E NÓS


Muitas vezes nós achamos que estamos bem, que o nosso jeito, nosso estilo e nosso
modelo é agradável. Às vezes até achamos que estamos abafando... Mas, só Deus sabe
se estamos bem ou não.
Sob muitos aspectos nossa vida é semelhante à de Saulo. Vejamos:
1. EXAMINANDO A VIDA DE SAULO

Em I Coríntios 11,28, temos aquela célebre frase do apóstolo. Ele diz "Examine-se, pois
o homem a si mesmo...”. Um exame honesto de nossas vidas certamente terá muito a
revelar.
1.1. Paulo Se Achava O Bom - Era um convencido - Mas isso era o que ele pensava.
Ele disse que poderia confiar na carne, e cita uma série de valores que antes tinha em
alta estima:

"Circuncidado ao oitavo dia, da linhagem de Israel, da tribo de Benjamim, hebreu de


hebreus; quanto à lei fui fariseu; quanto ao zelo, persegui a igreja; quanto à justiça, fui
irrepreensível" (Fp 3.5-6).
Saulo era cumpridor da lei cerimonial; era da melhor linhagem, tinha sangue nobre, era
zeloso na religião, perseguidor de quem pensava diferente dele, cheio de justiça própria,
irrepreensível.

Esses eram grandes atributos. Hoje Saulo seria a nata da sociedade moderna, mas...

1.2. Saulo Não Era Tão Bom Quanto Pensava

Veja esta descrição da sua vida e do seu estado de espírito: "Saulo, porém, respirando
ainda ameaças e mortes contra os discípulos do Senhor... afim de que, caso encontrasse
alguns do Caminho, quer homens quer mulheres, os conduzisse presos a Jerusalém"
(Atos 9.1,2).

Saulo Era Um Homem Insensível, Duro de Coração


Ele estava cheio de rancor, injusto e respirava ameaças de morte. A simples menção do
seu nome causava medo aos cristãos de seus dias. Para eles, Saulo era sinônimo de
morte. Ouça isto:
"Senhor, muito ouvi acerca desse homem, quantos males tem feito aos teus santos em Jerusalém...”
E nós? Como é a nossa vida? Quem somos nós, você e eu?
Qual o testemunho do mundo sobre nós? E os cristãos, o povo de Deus, o que será que
realmente pensam da nossa conduta, do nosso jeito de ser, do modelo que cada um de
nós representa?
Saulo era um grande perseguidor. Ele só pensava que estava bem, mas não estava.
Ao encontrar com Jesus ele muda completamente sua vida e sua conduta. Só agora ele
fica bem. -. Agora, Jesus torna-se Senhor da vida desse homem. E isso traz toda a
diferença. Acompanhe-a.

2 – O ENCONTRO DE SAULO COM JESUS

Foi um Encontro chocante, de confrontação direta.


Saulo rendeu-se por completo no Encontro com Jesus. E nós, que vamos fazer?
Diante de Jesus o homem cai por terra.
2.1. Saulo Fica Por Três Dias No Divã de Deus
Foram três dias de tratamento intensivo da vida do convencido "Doutor Saulo de Tarso".
Ele nem falava - ficou mudo... Apenas ouvia a voz de Deus. É como você e eu aqui.
Você está em silêncio. Deve permanecer em silêncio total. Isso faz parte do seu
tratamento.
O próprio Deus está tratando de você. Saulo chorou e clamou por três dias.

2.2. Paulo Torna-se Um Escolhido de Deus


"Disse-Ihe, porém, o Senhor: este é para mim um vaso escolhido, para levar o meu nome”.
2.3. O Encontro com Jesus Muda Saulo Para Sempre - Até o seu nome muda para Paulo.
Ao Encontrarmos Cristo - de verdade -, tudo muda.

O próprio Paulo Declara O Quanto Mudou: Ouça o que ele passa a dizer:
"Mas, o que para mim era lucro considerei perda por cansa de Cristo".
"Considero tudo como perda, por causa da sublimidade do conhecimento de Cristo (Fp 3.7-
8)."
"Por amor a Cristo perdi todas as coisas e as considero como refugo (Fp 3.9)".
"Não tendo justiça própria... senão a que é mediante a fé em Cristo (Fp 3.9)".
Seu testemunho passa a causar profunda admiração. Agora tudo é um grande contraste
com o que os próprios discipulos sabiam a respeito dele.

Todos os seus ouvintes pasmavam e diziam:”Não é este o que em Jerusalém perseguia os que
invocavam o nome do Senhor?" (At 9,13,14 e 21), Mas Saulo muda por completo.
Esse homem, agora são, curado e tratado por Jesus, fala numa linguagem
completamente nova sobre as feias maneiras de sua velha natureza e de suas velhas
obras: "...nas quais tamhém em outro tempo andastes, quando vivíeis nelas; mas agora despojai-vos
tamhém de tudo isto: da ira, da cólera, da malícia, da maledicência, das palavras torpes da vossa boca".
(Cl 3.7-8).

Saulo realmente mudou. Agora nem parece mais o mesmo homem falando.
Por que Saulo Muda Tanto?
Para conhecer o poder da sua ressurreição e a comunhão (Fp 3,10).

3 – NOSSO ENCONTRO COM JESUS


Notamos a transformação radical pela qual Saulo passou ao ter um Encontro com Jesus.
Sua vida e suas atitudes mudaram por completo. E nós, quanto vamos mudar?
Lembremos que nossas atitudes, no passado, tinham a mesma natureza das atitudes de
Saulo.
3.1. Quais são os nossos valores? Como está nossa vida?
Ouça o que o próprio Paulo diz: "Exterminai, pois, as vossas inclinações carnais; a prostituição,
a impureza, a paixão, a vil concupiscência, e a avareza, que é idolatrial".

Que temos a ver com isso? Podemos perguntar.


E o próprio Paulo responde: por essas " coisas vem a ira de Deus sobre os fllhos da
desobediência”.

Mas Paulo insinua que isso é coisa do passado. Ele diz: "nas quais também em outro
tempo andastes, quando vivíeis nelas...”. Agora ele desafia para a nova vida:
“Mas agora despojai-vos também de tudo isto: da ira, da cólera, da malícia, da
maledicência, das palavras torpes da vossa boca" (Cl 3.5-8).

3.2. Assim como Paulo teve que se humilhar para mudar, nós também temos que nos
humilhar.

Precisamos abrir mão daquelas manias e convicções. de certas atitudes de


convencimento.
Talvez tenhamos que deixar nosso orgulho e arrogância, nossa auto-suficiência.
Talvez tenhamos que rever e reavaliar tudo aquilo que ainda achamos certo e infalível.
Talvez nós também precisemos "cair do cavalo", como Saulo.
Precisamos nos prostrar, cair por terra com toda a humilhação. Talvez só assim
poderemos alcançar revelações tão excelentes como alcançou o Saulo.
Temos que parar para pensar quem realmente somos. O que temos feito, a quem
estamos perseguindo? A quem estamos obedecendo no dia a dia da nossa religiosidade.
3.3. O Que é a Igreja, a Vida com Deus Para Nós?

- Assim como para Saulo, para nós o cristianismo também pode estar sendo uma loucura.
Talvez porque ainda não conhecemos o amor de Deus o suficiente.

3.4. Como Será Nosso Encontro Com Cristo?


Da mesma forma que Saulo esteve três dias isolado, sem comer e sem beber, nós
também estamos aqui por três dias. Estamos isolados do mundo. Vamos refletir sobre o
modo de vida que temos levado até hoje. Ouça isto: "E esteve três dias sem ver, e não
comeu nem bebeu" (Atos 9.9). Que Encontro!
Pense! Retlita sobre sua vida! Aproveite o tempo com Deus. Valorize o silêncio e a chance
que o Espírito Santo tem de Ministrar diretamente em uaa alma.
3.5. Como Saulo, Você também está aqui para ouvir a voz de Deus.
Saulo era um vaso escolhido para Deus. Você também é. Você quer mesmo ouvir a voz
de Deus?
Mesmo um passado de pecado, de miséria e de impureza que talvez lhe persiga, não
importa mais a Deus. O que importa é o que você vai fazer a partir deste Encontro.
3.6. Precisamos começar a buscar a Deus com jejum e oração. Foi isso que Saulo fez.
Buscando a Deus ele teve respostas e alcançou grandes revelações. E nós, você e eu?

3.7. Assim como Deus confrontou Saulo, Ele nos confronta por nossos pecados.
Mas Ele nos perdoa, nos cura e nos liberta para sempre.
Ele não fica lançando o pecado em nosso rosto nem nos humilhando. Mas Ele quer
humilhação.
Nenhuma porta está fechada para o homem humilhado e arrependido.
3.8. Nós Também Somos Escolhidos de Deus
Pense em Saulo, depois em você, em mim. Por que escolher um homem quefez tanto
mal?
Por que será que Deus nos escolheu? O que será que Ele viu em nós? Que temos para
oferecer?
Eis a grande resposta: Porque a Deus não interessa quem fomos. Ele está interessado
em quem somos, e em quem seremos a partir de agora. Ele enxerga nosso potencial, o
que podemos ser hoje. Ele hoje já vê você e eu corno homens santos. Hoje Ele nos vê
amanhã.
3.9. Vamos Viver Como Pau/o - Como Novas Criaturas.
Depois do Encontro, vamos esquecer o passado, e avançar para a frente, para o alvo.
O que você deve fazer depois do Encontro, depois de haver vencido, como diz o próprio
Paulo? Depois do Encontro, não deixe o diabo acusá-lo. A palavra de Deus é específica
sobre a sua nova vida em Cristo: "Portanto, agora nenhuma condenação há para os que estão
em Cristo" (Rm 8.1).

CONCLUSÃO
O velho homem morreu. Quem vive agora é Cristo. Minha vida, minha vontade, e meu
querer... tudo está submisso a Ele. Não vivo mais segundo o curso deste mundo. Sou um
servo, a cruz me prendeu a Jesus. Agora sou guiado pelo Espirito Santo. Foi assim com
Saulo - que virou Paulo. Há de ser assim conosco.
Veja como ele pensa; ouça o que ele diz: "Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais
eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne, vivo-a na fé no filho de Deus, o
qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim" (Gl 2.20).
Somente através do arrependimento e busca sincera de Deus, é possível ser
transformado. "Buscar-me-eis, e me achareis, quando me buscardes de todo o vosso coração” (Jr
29.13).
Devemos confessar os erros e pecados. Não pedir desculpas, nem transferir a
responsabilidade.
Vamos orar e confessar. Vamos buscar a Deus.

INSTRUÇÕES PARA O PRELETOR


Ore para que os encontristas tenham um Encontro com Deus. Mencione os pontos
principais da Reflexão. Lembre a experiência de Saulo. Desafie-os a buscarem a Jesus.