Você está na página 1de 5

ENGENHARIA CIVIL | 2014

PREPARATÓRIO PARA A PETROBRAS Prof. Anísio Meneses

ASSUNTO: QUESTÕES DO CONCURSO PETROBRAS 2008 - CESGRANRIO

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS 4
A que tipo de material de construção se aplica o
1 ensaio de abrasão Los Angeles?
De acordo com a NBR 6.118, o módulo de (A) Agregado Graúdo
elasticidade transversal do concreto pode ser (B) Agregado Miúdo
estimado como Gc = 0,4 Ecs, onde Ecs é o módulo (C) Argila
de elasticidade secante do concreto. (D) Cimento
Esta hipótese equivale a considerar o concreto (E) Madeira
como um material com Coeficiente de Poisson
igual a
(A) 0,20 5
(B) 0,25 O procedimento que consiste em evitar a perda
(C) 0,30 de água do concreto, de modo a reduzir sua
(D) 0,35 retração hidráulica, é a(o)
(E) 0,40 (A) pega.
(B) cura.
(C) dosagem.
2 (D) lançamento.
O tensor que define o estado de tensões em um (E) adensamento.
ponto interno a um elemento estrutural é
apresentado a seguir.
6
Na determinação de que propriedade do
concreto é usado o ensaio de abatimento de
cone?
(A) Consistência.
(B) Durabilidade.
A tensão cisalhante máxima neste ponto, em (C) Retração autógena.
MPa, é igual a (D) Resistência à tração.
(A) 0 (E) Resistência à compressão.
(B) 25
(C) 50
(D) 75 7
(E) 100 Uma viga biapoiada de concreto com
comprimento L e seção retangular de base b e
altura h está submetida a uma carga distribuída
3 uniforme de intensidade q. A força de protensão
A relação entre as cargas críticas de flambagem aplicada a uma distância h/4 da extremidade
de uma coluna birrotulada (Pr) e de uma coluna inferior da viga e que anula as tensões de
engastada e livre (Pe) de mesmo comprimento L compressão no bordo inferior da seção no meio
é Pr/Pe igual a do vão é igual a
(A) 0,25 (A) qL²/(10h)
(B) 0,50 (B) 3qL²/(10h)
(C) 1,00 (C) 5qL²/(10h)
(D) 2,00 (D) 7qL²/(10h)
(E) 4,00 (E) 9qL²/(10h)
Rua Maria Tomásia, 22 – Aldeota – Fortaleza/CE – Fone: (85)3208. 2222 – www.masterconcurso.com.br 1
ENGENHARIA CIVIL | 2014
PREPARATÓRIO PARA A PETROBRAS Prof. Anísio Meneses

8 12
De acordo com a NBR 7.190 (Projeto de Na NBR 6.123 (Forças devidas ao vento em
Estruturas de Madeira), são consideradas peças edificações) é apresentado um mapa do Brasil em
curtas aquelas cujo índice de esbeltez é menor ou que são mostradas linhas que definem pontos
igual a que adotam a mesma velocidade básica do vento.
(A) 40 Estas linhas são denominadas
(B) 60 (A) isobáricas.
(C) 120 (B) isoietas.
(D) 200 (C) isométricas.
(E) 240 (D) isopletas.
(E) isotônicas.

9
Uma viga biapoiada de comprimento L está 13
submetida a um carregamento distribuído De acordo com a NBR 6.123 (Forças devidas ao
definido pela equação q(x) = Q(1 + 2x/L). O vento em edificações), a pressão dinâmica (em
momento fletor no ponto médio desta viga é N/m²) a ser adotada para uma velocidade
igual a característica do vento igual a 10m/s é igual a
(A) QL²/8 (A) 6,13
(B) QL²/6 (B) 30,65
(C) 5QL²/24 (C) 61,30
(D) QL²/4 (D) 91,95
(E) 7QL²/24 (E) 122,60

10 14
O número de graus de liberdade de um elemento É classificada como escavada, uma estaca
de treliça espacial é igual a (A) tipo Strauss.
(A) 4 (B) tipo Franki.
(B) 6 (C) metálica.
(C) 8 (D) madeira.
(D) 12 (E) pré-moldada de concreto.
(E) 24

15
11 A tensão transmitida ao solo por uma sapata
Uma viga contínua simétrica com três apoios e quadrada de 3m de lado, que recebe uma carga
sem balanços com comprimento total L está centrada de 4.500kN, é, em MPa, igual a
submetida a um carregamento definido por duas (A) 0,05
cargas concentradas de intensidade P localizadas, (B) 0,15
cada uma delas, no ponto médio de cada um dos (C) 0,5
vãos. A reação vertical no apoio central é igual a (D) 1,5
(A) 5P/8 (E) 5,0
(B) 9P/8
(C) 11P/8
(D) 13P/8 16
(E) 15P/8 A resistência de cálculo à tração, em kN, de um
perfil de aço MR-250, cujas áreas bruta e líquida
valem, respectivamente 40cm² e 36cm², é igual a
Rua Maria Tomásia, 22 – Aldeota – Fortaleza/CE – Fone: (85)3208. 2222 – www.masterconcurso.com.br 2
ENGENHARIA CIVIL | 2014
PREPARATÓRIO PARA A PETROBRAS Prof. Anísio Meneses

(A) 810 se a uma altura mínima igual a 2,0m acima da


(B) 900 cobertura, no caso de laje utilizada para outros
(C) 1.080 fins além de cobertura; caso contrário, esta
(D) 1.200 altura deve ser, no mínimo, igual a 20cm.
(E) 1.440 IV- Os trechos horizontais dos coletores e
subcoletores prediais devem possibilitar o
escoamento dos efluentes por gravidade,
17 sendo que 5% é a declividade máxima a ser
Uma laje retangular de concreto armado possui considerada.
sua menor dimensão igual a 2m. Para que possa
ser dimensionada como uma laje armada em uma Desta forma, é (são) correta(s) APENAS a(s)
só direção, sua maior dimensão deverá, em afirmativa(s)
metros, no mínimo, ser igual a (A) III
(A) 3 (B) IV
(B) 4 (C) I e II
(C) 5 (D) II e III
(D) 6 (E) III e IV
(E) 8

20
18 Considere o ramal da instalação elétrica predial
A matriz de rigidez de um elemento de pórtico formada por condutores de 2,5mm², conforme os
espacial é uma matriz quadrada de ordem dados mostrados no esquema abaixo.
(A) 4
(B) 6
(C) 8
(D) 12
(E) 24
A soma dos produtos potência (W) versus
distância (m) para a tensão de 110 V está definida
19 na tabela a seguir.
Segundo a NBR 8160:1999 (Sistemas prediais de
esgoto sanitário – Projeto e execução), considere
as afirmativas a seguir.

I - Os trechos horizontais dos ramais de descarga


e de esgoto devem possibilitar o escoamento
dos efluentes por gravidade, devendo, para
isso, apresentar uma declividade constante O valor máximo da potência da lâmpada L, para
mínima de 2% para tubulações com diâmetro que a tensão não ultrapasse os limites
nominal igual ou inferior a 100mm e 1% para estabelecidos pela NBR 5410:2004 (Instalações
diâmetros maiores do que 100mm. elétricas de baixa tensão), em W, é
II - As caixas sifonadas que coletam despejos de (A) 60
mictórios devem ter tampas cegas e, quando (B) 100
providas de desconector próprio, podem (C) 150
receber contribuições de outros aparelhos (D) 200
sanitários. (E) 250
III - A extremidade aberta de um tubo ventilador
primário ou coluna de ventilação deve situar-
Rua Maria Tomásia, 22 – Aldeota – Fortaleza/CE – Fone: (85)3208. 2222 – www.masterconcurso.com.br 3
ENGENHARIA CIVIL | 2014
PREPARATÓRIO PARA A PETROBRAS Prof. Anísio Meneses

21 (A) A energia crítica é de 1,11 m.


A tabela abaixo apresenta os dados das (B) Para a profundidade igual a 0,80 m, o
tubulações de sucção e recalque de um conjunto escoamento tem regime fluvial.
elevatório de água. (C) Para a profundidade igual a 1,00 m, o
escoamento é supercrítico.
(D) Para a profundidade a 0,74 m, o Número de
Froude é igual à unidade.
(E) Para a profundidade igual a 1,50 m, o raio
hidráulico é cerca de 1,30 m.

23
Em uma bacia hidrográfica, a resposta unitária à
ação de uma chuva com altura de 10mm e
Considerando uma vazão de 2,8 litros por duração de 1h é dada pelo hidrograma unitário
segundo e que o conjunto motor-bomba possui abaixo.
50% de rendimento, a potência comercial do
motor para acionar a bomba, em CV, será
(A) 1/2
(B) 1
(C) 2
(D) 3
(E) 5

22
Um canal de seção retangular com 20 m de
largura transporta uma vazão de 40 m³/s.

A vazão máxima da onda de cheia formada por


uma chuva efetiva de 40mm com duração de 1h,
seguida de uma chuva de 25mm, com duração de
2h, em m³/s, é
(A) 94
Sabendo que a profundidade crítica é de 0,74 m e (B) 126
considerando a Curva de Energia Específica (C) 139
apresentada no gráfico acima, assinale a (D) 154
afirmativa INCORRETA. (E) 175

Rua Maria Tomásia, 22 – Aldeota – Fortaleza/CE – Fone: (85)3208. 2222 – www.masterconcurso.com.br 4


ENGENHARIA CIVIL | 2014
PREPARATÓRIO PARA A PETROBRAS Prof. Anísio Meneses

24
Com relação aos métodos de planejamento e
controle de projetos e obras, acerca dos
conhecimentos sobre rede PERT/CPM, considere
a tabela abaixo com as atividades, descrições,
durações estimadas e precedências de uma obra
de construção civil.
Desprezando os efeitos da carga cinética e as
perdas de cargas a partir do ponto 3 (logo após o
3º joelho de 90°), e considerando a tabela acima,
se a pressão disponível no ponto 1 (logo após o
1º joelho de 90°) é igual a 2,659m.c.a., então a
pressão disponível no chuveiro, em m.c.a, é
(A) 0,85
(B) 0,90
(C) 0,95
(D) 1,05
(E) 1,15

De quantas semanas é o caminho crítico da obra


em questão?
(A) 45
(B) 44
(C) 43
(D) 42
(E) 41

25
Considere que a instalação hidráulica predial
abaixo conduz uma vazão de 0,20L/s, sendo que
o ramal 1-2 possui diâmetro de 1” e perda de
carga unitária 0,0135m/m, enquanto o sub-ramal ACOMPANHE OS COMENTÁRIOS EM VÍDEO E
2-3 possui diâmetro 3/4” e perda de carga REGISTRE O GABARITO
unitária 0,0560m/m. 1 2 3 4 5

6 7 8 9 10

11 12 13 14 15

16 17 18 19 20

21 22 23 24 25

Rua Maria Tomásia, 22 – Aldeota – Fortaleza/CE – Fone: (85)3208. 2222 – www.masterconcurso.com.br 5