Você está na página 1de 1

GESTÃO FINANCEIRA ORÇAMENTÁRIA E PATRIMONIAL

ALUNO: GUILHERME LUIZ DE SOUZA

As demonstrações contábeis do ente público têm como objetivo oferecer informações


financeiras e orçamentárias aos gestores públicos, bem como aos administrados. Com a
finalidade mencionada, encerrado o exercício financeiro, a contabilidade realiza o
levantamento dos balanços gerais, onde serão agregadas as receitas arrecadadas e as
despesas realizadas. é justamente através do balanço orçamentário, do balanço financeiro,
do balanço patrimonial, da demonstração das variações patrimoniais, que os atos dos
gestores públicos são captados e evidenciados”. Com esses balanços e demonstrativo, a
contabilidade visa fornecer aos gestores e a sociedade a posição em que se encontra o
patrimônio público, bem como a realização dos projetos e atividades, demonstrando o
realizado em relação ao que foi previsto, e auxiliando o gestor em sua tomada de decisões.
1 - Balanço Orçamentário - No balanço orçamentário estão listadas as receitas previstas e
as realizadas, juntamente com as despesas fixadas e as realizadas, indicando o resultado
orçamentário do exercício financeiro. As contas constituintes do balanço orçamentário estão
divididas em dois grandes grupos, que são o da receita e o da despesa. Cada um desses
grupos possui suas especificações, seguidas de suas previsões e fixações, as quais são
comparadas com a coluna das execuções, para que se possa chegar à diferença entre elas,
destacando-se que essa diferença pode ser positiva ou negativa
2 - Balanço Financeiro - O balanço financeiro, outro importante instrumento da Contabilidade
Pública, é o documento que conterá todos os recebimentos e pagamentos efetivados no
exercício, sendo que neste balanço, além dos valores orçamentários, estarão os valores de
natureza extraorçamentários, incluindo-se o resultado do exercício anterior, bem como do
exercício que se seguirá, demonstrando o que ocorreu com os recursos públicos,
evidenciando a situação das disponibilidades da Administração Pública. Em relação ao
balanço financeiro, Silva (2003, p. 349) ensina que o mesmo “representa ao final do exercício
o produto da contabilidade financeira, cuja função é a de registrar as operações relativas à
movimentação de valores, especialmente numerário”. O balanço financeiro possui duas
seções, a da receita e a da despesa, que se subdividem em receitas/despesas orçamentárias
e receitas/despesas,extra-orçamentárias. .
3 - Balanço Patrimonial – O balanço patrimonial demonstra toda a situação patrimonial da
entidade, seus direitos, deveres e obrigações, indicando o valor do seu patrimônio em
determinado momento. O saldo patrimonial, demonstrado no balanço em análise,
corresponde ao ativo real menos o passivo real da Administração. “o Balanço Patrimonial
demonstrará: I - O Ativo Financeiro; II - O Ativo Permanente; III - O Passivo Financeiro; IV - O
Passivo Permanente; V - O Saldo Patrimonial; e VI - As Contas de Compensação.
4- Demonstração das Variações Patrimoniais - A demonstração das variações patrimoniais
evidencia as alterações que ocorreram no patrimônio durante determinado exercício. A
Demonstração das Variações Patrimoniais visa evidenciar as alterações verificadas no
patrimônio líquido da entidade, resultantes ou independentes da execução orçamentária, e
indicar o resultado patrimonial do exercício. As variações patrimoniais são divididas em ativas
e passivas, sendo que a diferença entre elas poderá apresentar um déficit ou um superávit, o
qual será evidenciado no item patrimônio líquido, podendo ser o passivo real a descoberto ou
o ativo real líquido, respectivamente, do balanço patrimonial, representando o resultado do
período.