Você está na página 1de 11

A DEDUZIR A A C R E S C E R

7
APURAMENTO DO LUCRO TRIBUTAVEL
RESULTADO LÍQUIDO DO EXERCÍCIO
Variações patrimoniais positivas não reflectidas no resultado líquido (art.o 21.o)
Variações patrimoniais negativas não reflectidas no resultado líquido (art.o 24.o)
SOMA (campos 201 + 202 -- 203)
Matéria colectável / lucro tributável imputado por sociedades transparentes, ACE ou AEIE (art.o 6.o)
Prémios de seguros e contribuições (art.o 23.o , n.o 4)
Reintegrações e amortizações não aceites como custos (art.o 33.o, n.o 1)
Provisões não dedutíveis ou para além dos limites legais (art.os 34.o, 37.o e 38.o)
Realizações de utilidade social não dedutíveis (art.o 40.o)
Donativos não previstos ou além dos limites legais (art.º 62.º do EBF)
IRC e outros impostos incidentes directa ou indirectamente sobre lucros [art.o 42.o, n.o 1, alínea a) ]
Multas, coimas, juros compensatórios e demais encargos pela prática de infracções [art.o 42.o, n.o 1, alínea d)]
Indemnizações por eventos seguráveis [art.º 42.º, n.º 1, alínea e)]
Encargos não devidamente documentados [art.º 42.º, n.º 1, alínea g)]
Despesas não documentadas (art.º 23.º)
Menos-valias contabilísticas
Correcções nos casos de crédito de imposto (art.o 62.o, n.o 1)
40% do aumento das reintegrações resultantes da reavaliação do imobilizado corpóreo
Importâncias devidas pelo aluguer de viaturas sem condutor [art.o 42.o, n.o 1, alínea h)]
Anulação do efeito do método da equivalência patrimonial (art.o 18.o, n.o 7)
Despesas com ajudas de custo e de compensação pela deslocação em viatura própria do trabalhador [art.o 42.o, n.o 1, alínea f)
Correcções relativas a exercícios anteriores
Correcções relativas a preços de transferência (art.o 58.º, n.º 8)
Pagamentos a entidades não residentes sujeitas a um regime fiscal privilegiado (art.o 59.º, n.º 1)
Imputação de lucros de sociedades não residentes sujeitas a um regime fiscal privilegiado (art.o 60.º)
Subcapitalização (art.o 61.º, n.º 1)
Juros de suprimentos [art.o 42.o, n.o 1, alínea j)]
Despesas com combustíveis [art.o 42.o, n.o 1, alínea i)]
Diferença positiva entre o valor patrimonial tributário definitivo do imóvel e o valor constante do contrato [art.o 58.o - A, n.o 3, alínea a)] 257
Importâncias constantes de documentos emitidos por sujeitos passivos com NIF inexistente ou inválido [art.º 42º, n.º 1, alínea b)]
Custos ou perdas suportados com transmissão onerosa de partes de capital (art.º 23º, n.os 5, 6 e 7)
Ajustamentos de valores de activos não dedutíveis ou para além dos limites legais (arts.º 34º, 35º e 36º)
Impostos diferidos
Mais-valias fiscais sem intenção de reinvestimento (art.o 43.o)
Mais-valias fiscais com intenção expressa de reinvestimento (art.º 45.º)
Acréscimos por não reinvestimento (art.º 45.º, n.º 6.º)
Mais-valias fiscais - regime transitório [art.º 7, n.º 7, alínea b) da Lei n.º 30-G/2000, de 29 de Dezembro e art.º 32, n.º
8 da Lei n.º 109-B/2001, de 27 de Dezembro

SOMA (campos 204 a 225)


Prejuízo fiscal imputado por ACE ou AEIE (art.o 6.o)
Redução de provisões tributadas
Mais-valias contabilísticas
Menos-valias fiscais (art.o 43.o)
Restituição de impostos não dedutíveis e excesso da estimativa para impostos
Rendimentos nos termos do artigo 46
Actualização de encargos de explorações silvícolas (art.o 18.o, n.o 6)
Benefícios fiscais
Anulação do efeito do método da equivalência patrimonial (art.o 18.o, n.o 7)
40% das realizações de utilidade social (art.o 40.o, n.o 9)
Reversões de ajustamentos de valores de activos tributados
Impostos diferidos

SOMA (campos 227 a 237)


PREJUÍZO PARA EFEITOS FISCAIS (Se 238 226)(A transportar para os Campos 301, 312 e/ou 323 do Quadro 09)
LUCRO TRIBUTÁVEL (Se 226 238)(A transportar para os Campos 302, 313 e/ou 324 do Quadro 09)

http://info.portaldasfinancas.gov.pt/pt/informacao_fiscal/codigos_tributarios/circ/index_irc.htm
201
202
203
204
205
206
207
208
209
210
211
212
213
277
214 74.82
215
217
218
220
222
223
224
251
252
253
254
255
256
257
258
259
270
270
216
274
275
276

225
226
227
228
229
230
231
232
233
234
235
236
272
273
237
conta a debitar conta a creditar valor campo quadro 7 Mod. 22
1 653 111 74.82 214
312 228 3242.19 -
2
611 312 3242.19 -
3 2711 7811 1296.87
221 112 17142.86
4
221 7982 2857.14
5 6811 2733 60493.15 60,493.15
6 67 29 839.5 270 500 339.5
7 218
ano de coeficiente valor de aquisição
designação aquisiçao reaval. antes reaval. após reaval.
edificios e out. const. 2004 1.1 18,500,620.00 20,350,682.00
equip. basico 2005 1.08 8,500,000.00 9,180,000.00
equip. basico 2004 1.1 12,500,750.00 13,750,825.00
equip. basico 2006 1.05 63,620,850.00 66,801,892.50
-
-
-
-

TX amort. amortizações do exercicio diferença


antes reaval. (A) apos reaval. (B) (A-B) = C 40% de C
10% 1,850,062.00 2,035,068.20 185,006.20 74,002.48
16.50% 1,402,500.00 1,514,700.00 112,200.00 44,880.00
15% 1,875,112.50 2,062,623.75 187,511.25 75,004.50
12.50% 7,952,606.25
amortizações acumuladas em 01/01/09
antes reaval. após reaval.
9,250,310.00 10,175,341.00
5,610,000.00 6,058,800.00
9,375,562.50 10,313,118.75
39,763,031.25 41,751,182.81
-
-
-
-
BALANCETE DO RAZÃO GERAL ANTES DO APURAMENTO DOS RESULTADOS - DEZEMBRO DE 2009

Movimento
Conta Descrição
Débito Crédito
11 Caixa 180,769.35 74,904.48
12 Depósitos à Ordem 19,412,860.01 18,627,108.67
15 Títulos Negociáveis 782,574.00 560,603.94
21 Clientes 172,425,331.81 89,644,696.28
22 Fornecedores 52,882,807.43 64,288,145.88
23 Empréstimos Obtidos 40,171,027.82 138,836,967.91
24 Estado e outros Entes Públicos 199,756,003.04 208,223,371.68
25 Accionistas (Sócios) 23,272,263.84 1,342,679.14
26 Outros Devedores e Credores 266,731,127.98 272,554,408.87
27 Acréscimos e Diferimentos 11,146,113.60 12,516,845.39
28 Ajustamentos de Dívidas a Receber 461,242.16 4,373,454.97
29 Provisões 154,627.35
31 Compras 82,988,158.54 82,988,158.54
32 Mercadorias 4,335,820.67 3,975,364.37
33 Produtos Acabados e Intermédios 188,529,478.96 183,944,543.65
35 Produtos e Trabalhos em Curso 6,663,790.27 4,550,144.15
36 Mat.Primas, Subsidiárias e de Consumo 23,211,191.03 15,596,452.55
38 Regularização de Existências 879,560.26 879,560.26
41 Investimentos Financeiros 5,931,210.78
42 Imobilizações Corpóreas 287,402,549.85 433,465.36
43 Imobilizações Incorpóreas 3,941,560.84
44 Imobilizações em Curso 2,037,908.64 761,165.59
48 Amortizações Acumuladas 736,734.47 198,595,973.71
49 Ajustamentos de Investimentos Financeiros 254,706.16
51 Capital 47,385,800.22
55 Ajustamento Partes Capital em Associadas 415,673.23
56 Reservas de Reavaliação 24,768,158.74
57 Reservas 9,672,100.24
59 Resultados Transitados 84,235,055.47 77,853,505.05
61 Custo das Merc. Vendidas Mat. Consumidas 81,476,566.47
62 Fornecimentos e Serviços Externos 52,604,529.33 502,191.38
63 Impostos 432,382.96
64 Custos com o Pessoal 32,617,195.34 3,405,991.56
65 Outros Custos e Perdas Operacionais 1,715,814.89
66 Ajustamentos e Amortizações do Exercício
68 Custos e Perdas Financeiras 13,203,037.03 634,131.74
69 Custos e Perdas Extraordinárias 839,441.94
71 Vendas 184,497,790.33
72 Prestações de Serviços 3,267,156.15
73 Proveitos Suplementares 6,920,466.68
74 Subsídios à Exploração 395,791.14
75 Trabalhos para a própria Empresa 2,627,617.44
76 Outros Proveitos e Ganhos Operacionais 1,296.87
77 Reversões de Amortizações e Ajustament 461,242.16
78 Proveitos e Ganhos Financeiros 1,096,138.31
79 Proveitos e Ganhos Extraordinários 1,278,618.53
88 Resultado Líquido do Exercício (2008) 7,356,909.89
1,668,361,018.67 1,668,361,018.67
TADOS - DEZEMBRO DE 2009

Saldo
Débito Crédito
105,864.87
785,751.34
221,970.06
82,780,635.53
11,405,338.45
98,665,940.09
8,467,368.64
21,929,584.70
5,823,280.89
1,370,731.79
3,912,212.81
154,627.35
- -
360,456.30
4,584,935.31
2,113,646.12
7,614,738.48
- -
5,931,210.78
286,969,084.49
3,941,560.84
1,276,743.05
197,859,239.24
254,706.16
47,385,800.22
415,673.23
24,768,158.74
9,672,100.24
6,381,550.42
81,476,566.47
52,102,337.95
432,382.96
29,211,203.78
1,715,814.89

12,568,905.29
839,441.94
184,497,790.33
3,267,156.15
6,920,466.68
395,791.14
2,627,617.44
1,296.87
461,242.16
1,096,138.31
1,278,618.53
7,356,909.89
610,701,295.46 610,701,295.46