Você está na página 1de 6

TEMPOS DE REFRIGÉRIO

(ATOS 3:12-26)

12 Vendo isso, Pedro lhes disse: "Israelitas, por que isto os surpreende? Por que vocês estão
olhando para nós, como se tivéssemos feito este homem andar por nosso próprio poder ou piedade?
13 O Deus de Abraão, de Isaque e de Jacó, o Deus dos nossos antepassados, glorificou seu servo
Jesus, a quem vocês entregaram para ser morto e negaram perante Pilatos, embora ele tivesse
decidido soltá-lo. 14 Vocês negaram publicamente o Santo e Justo e pediram que lhes fosse
libertado um assassino. 15 Vocês mataram o autor da vida, mas Deus o ressuscitou dos mortos. E
nós somos testemunhas disso. 16 Pela fé no nome de Jesus, o Nome curou este homem que vocês
vêem e conhecem. A fé que vem por meio dele lhe deu esta saúde perfeita, como todos podem ver.
17 "Agora, irmãos, eu sei que vocês agiram por ignorância, bem como os seus líderes. 18 Mas foi
assim que Deus cumpriu o que tinha predito por todos os profetas, dizendo que o seu Cristo haveria
de sofrer. 19 Arrependam-se, pois, e voltem-se para Deus, para que os seus pecados sejam
cancelados, 20 para que venham tempos de descanso da parte do Senhor, e ele mande o Cristo, o
qual lhes foi designado, Jesus. 21 É necessário que ele permaneça no céu até que chegue o tempo
em que Deus restaurará todas as coisas, como falou há muito tempo, por meio dos seus santos
profetas. 22 Pois disse Moisés: ‘O Senhor Deus lhes levantará dentre seus irmãos um profeta como
eu; ouçam-no em tudo o que ele lhes disser. 23 Quem não ouvir esse profeta, será eliminado do
meio do seu povo’.
24 "De fato, todos os profetas, de Samuel em diante, um por um, falaram e predisseram estes dias.
25 E vocês são herdeiros dos profetas e da aliança que Deus fez com os seus antepassados. Ele
disse a Abraão: ‘Por meio da sua descendência todos os povos da terra serão abençoados’. 26
Tendo Deus ressuscitado o seu Servo, enviou-o primeiramente a vocês, para abençoá-los,
convertendo cada um de vocês das suas maldades".

Atos 3:12-26

INTRODUÇÃO

Vivemos tempos em que as almas estão exautas, deprimidas, enfraquecidas, imersas num
mundo desanimador, sem esperança, nem forças espirituais ou morais, abalado demais para se
soerguer. Nessa situação todos de certa forma suplicam por tempos de refrigério, período de
descanso, reavivamento de ar fresco, em meio a uma atmosfera tão espiritualmente saturada e
poluída. Não é raro conversarmos com pessoas que dizem querer apenas uma trégua, um tempo de
refrigério enquanto atravessam seus desertos de aflição, sofrimento, apatia e dor.
Não faltam filosofias e religiões para apontar supostas soluções para o anseio dos
atribulados. A igreja atual por sua vez, também apresenta recursos tecnológicos, templos amplos e
luxuosos, promessas de cura e prosperidade, variados recursos para atrair seguidores e trazer
paliativos para as vidas sedentas e famintas de Deus.
A Igreja primitiva, registrada no livro de Atos, não tinha as "vantagens" que alguns ministérios
se orgulham de possuir e das quais dependem hoje em dia. Não tinham recursos providos por
doadores ricos. Seus pastores não possuíam credenciais de instituições acadêmicas famosas nem
contavam com o apoio dos líderes políticos de sua época. A maioria de seus ministros havia
passado tempo na cadeia e dificilmente se tornaria membro, quanto mais líder de igrejas como as
nossas. Qual era, de fato, o segredo de seu sucesso? Na reflexão de hoje, veremos que os cristãos
da Igreja primitiva oravam para que a mão de Deus operasse com grande poder, a fim de trazer
tempos de refrigério. Períodos de descanso e reavivamento espirituais que estão disponíveis a todos
os que quiserem nele se deleitar.
12 Vendo isso, Pedro lhes disse: "Israelitas, por que isto os surpreende? Por que vocês estão
olhando para nós, como se tivéssemos feito este homem andar por nosso próprio poder ou piedade?
I- (V.12)TEMOS TEMPOS DE REFRIGÉRIO QUANDO NÃO PRECISAMOS OLHAR PARA
PODER OU ESPIRITUALIDADE DE HOMENS! OLHEMOS PARA CRISTO!

● (Hebreus 12:1,2 - NVI) 1 Portanto, também nós, uma vez que estamos rodeados por tão grande
nuvem de testemunhas, livremo-nos de tudo o que nos atrapalha e do pecado que nos envolve, e
corramos com perseverança a corrida que nos é proposta, 2 tendo os olhos fitos em Jesus, autor e
consumador da nossa fé. Ele, pela alegria que lhe fora proposta, suportou a cruz, desprezando a
vergonha, e assentou-se à direita do trono de Deus.
● (Hebreus 12:1,3 – A MENSAGEM) Percebem o que isso significa — todos esses pioneiros
iluminando o caminho, todos esses veteranos nos encorajando? Significa que o melhor a fazer é
continuar. Livres dos acessórios inúteis, comecem a correr — e nunca desistam! Nada de gordura
espiritual extra, nada de pecados parasitas. Mantenham os olhos em Jesus, que começou e
terminou a corrida de que participamos. Observem como ele fez. Porque ele jamais perdeu o alvo de
vista — aquele fim jubiloso com Deus. Ele foi capaz de vencer tudo pelo caminho: a cruz, a
vergonha, tudo mesmo. Agora, está lá, num lugar de honra, ao lado de Deus. Quando se sentirem
cansados no caminho da fé, lembrem-se da história dele, da longa lista de hostilidade que ele
enfrentou. Será como uma injeção de adrenalina na alma!
● (Mateus 6:24) "Ninguém pode servir a dois senhores; pois odiará a um e amará o outro, ou se
dedicará a um e desprezará o outro. Vocês não podem servir a Deus e ao Dinheiro".
● (Josué 24:14-15) 14 "Agora temam o Senhor e sirvam-no com integridade e fidelidade. Joguem
fora os deuses que os seus antepassados adoraram além do Eufrates e no Egito, e sirvam ao
Senhor. 15 Se, porém, não lhes agrada servir ao Senhor, escolham hoje a quem irão servir, se aos
deuses que os seus antepassados serviram além do Eufrates, ou aos deuses dos amorreus, em cuja
terra vocês estão vivendo. Mas, eu e a minha família serviremos ao Senhor".
● (1 Reis 18:21) Elias dirigiu-se ao povo e disse: "Até quando vocês vão oscilar entre duas
opiniões? Se o Senhor é Deus, sigam-no; mas, se Baal é Deus, sigam-no". O povo, porém, nada
respondeu.
● IDOLATRIA X EGOLATRIA (Gálatas 2:20 - Fui crucificado com Cristo. Assim, já não sou eu quem
vive, mas Cristo vive em mim. A vida que agora vivo no corpo, vivo-a pela fé no filho de Deus, que
me amou e se entregou por mim.

13 O Deus de Abraão, de Isaque e de Jacó, o Deus dos nossos antepassados, glorificou seu servo
Jesus, a quem vocês entregaram para ser morto e negaram perante Pilatos, embora ele tivesse
decidido soltá-lo. 14 Vocês negaram publicamente o Santo e Justo e pediram que lhes fosse
libertado um assassino. 15 Vocês mataram o autor da vida, mas Deus o ressuscitou dos mortos. E
nós somos testemunhas disso.
II - (V.13-15) TEMOS TEMPO DE REFRIGÉRIO QUANDO DEIXAMOS DE NEGAR JESUS,
DECIDINDO PARAR DE MATAR O AUTOR DA VIDA EM NO NOSSO CORAÇÃO, DEIXANDO DE
ESCOLHER O PECADO

● Muitos vivem como se Jesus estivesse morto; como se Ele não tivesse morrido na cruz para
termos vidas transformadas;
● Como Deus Pai glorificou Jesus, nós também devemos glorificá-Lo, coroá-Lo em nosso
coração, em nossa mente e corpo cujo viver seja santificado;

16 Pela fé no nome de Jesus, o Nome curou este homem que vocês veem e conhecem. A fé que
vem por meio dele lhe deu esta saúde perfeita, como todos podem ver.
III - (V.16) TEMOS TEMPO DE REFRIGÉRIO, QUANDO ASSIM COMO O MENDIGO COXO,
PERMITIMOS QUE JESUS NOS TRANSFORME PELA FÉ, NOS LEVANDO A UMA SAÚDE
ESPIRITUAL PERFEITA

● Ter saúde é uma grande bênção. Mas a saúde não vale nada sem Jesus.
● Deus quer nos dar Saúde física; (Provérbios 3:7-8) 7 Não seja sábio aos seus
próprios olhos; 8 tema o Senhor e evite o mal. Isso dará a você saúde ao corpo e vigor aos
ossos. (Êxodo 23:25) Prestem culto ao Senhor, o Deus de vocês, e ele os abençoará, dando
a vocês alimento e água. Tirarei a doença do meio de vocês.
● A pior doença é o pecado (Marcos 2:5-11) 5 Vendo a fé que eles tinham, Jesus disse ao
paralítico: "Filho, os seus pecados estão perdoados". 6 Estavam sentados ali alguns mestres da
lei, raciocinando em seu íntimo: 7 "Por que esse homem fala assim? Está blasfemando! Quem
pode perdoar pecados, a não ser somente Deus? " 8 Jesus percebeu logo em seu espírito que era
isso que eles estavam pensando e lhes disse: "Por que vocês estão remoendo essas coisas em
seus corações? 9 Que é mais fácil dizer ao paralítico: ‘Os seus pecados estão perdoados’, ou:
‘Levante-se, pegue a sua maca e ande’? 10 Mas, para que vocês saibam que o Filho do homem
tem na terra autoridade para perdoar pecados — disse ao paralítico — 11 eu lhe digo: Levante-
se, pegue a sua maca e vá para casa".
● (Mateus 9:12,13) 12 Ouvindo isso, Jesus disse: "Não são os que têm saúde que precisam de
médico, mas sim os doentes. 13 Vão aprender o que significa isto: ‘Desejo misericórdia, não
sacrifícios’. Pois eu não vim chamar justos, mas pecadores".
● (Romanos 6:23) Pois o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida
eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor.
● Artigo compartilhado pela irmã Jana Hina, que diz: “Harvard comprova que levar filhos à
igreja gera benefícios físicos e mentais na fase adulta”. Há níveis mais altos de satisfação e
felicidade aos que frequentam igrejas do que os não religiosos.

17 "Agora, irmãos, eu sei que vocês agiram por ignorância, bem como os seus líderes. 18 Mas foi
assim que Deus cumpriu o que tinha predito por todos os profetas, dizendo que o seu Cristo haveria
de sofrer.
IV - (V. 17-18) TEMOS TEMPO DE REFRIGÉRIO AO ADMITIR QUE VIVER SEM JESUS É VIVER
NAS TREVAS DA IGNORÂNCIA. MELHOR É VIVER NA LUZ DO CUMPRIMENTO DOS PLANO
PERFEITO DE DEUS;

● (João 8:12) Falando novamente ao povo, Jesus disse: "Eu sou a luz do mundo. Quem me
segue, nunca andará em trevas, mas terá a luz da vida".
● (João 8:32) E conhecerão a verdade, e a verdade os libertará".
● 332 Profecias cumpridas integralmente em Jesus uma probabilidade de 1017;

19 Arrependam-se, pois, e voltem-se para Deus, para que os seus pecados sejam cancelados, 20
para que venham tempos de descanso da parte do Senhor, e ele mande o Cristo, o qual lhes foi
designado, Jesus.

V - (V. 19-20) TEMOS TEMPO DE REFRIGÉRIO NO MOMENTO QUE CREMOS QUE JESUS TEM
PODER PARA CANCELAR NOSSOS PECADOS, MEDIANTE NOSSO ARREPENDIMENTO E FÉ
= CONVERSÃO
● Se pacássemos 5 vezes por dia, em 1 ano teríamos pecado 1.825; aos 74 teríamos quebrado a
lei 127.000 vezes;
● (Atos 2:38) Pedro respondeu: "Arrependam-se, e cada um de vocês seja batizado em nome
de Jesus Cristo, para perdão dos seus pecados, e receberão o dom do Espírito Santo.
● O verbo grego aqui traduzido por «convertei-vos» é «epistrepho», palavra essa que significa
«voltar-se», «retornar», «fazer meia-volta», «voltar-se novamente», sendo utilizada por toda a parte,
na literatura grega, para indicar as ações físicas subentendidas nesses termos. Quando o vocábulo
é utilizado em sentido religioso, pode falar do retorno intelectual, isto é, da mudança de opinião, da
modificação da atitude moral, da volta da alma para Deus, em que a pessoa se volta para Deus,
contra quem estivera em rebeldia e de quem se desviara.
● Quando esse termo é aplicado à conversão, fica subentendido que o indivíduo se desvia de uma
vida anteriormente dedicada ao «eu», que se mostrava contrário a Deus, para então voltar-se para
Deus, entrando num novo caminho, começando uma nova vida. Naturalmente isso pressupõe a
operação de Deus na alma do indivíduo envolvido, que o leva a assim «converter-se», o que só
pode vir mediante a operação do Espírito Santo. Não obstante, a própria pessoa exerce o seu livre-
arbítrio nessa operação, e os dois fatores cooperam juntamente para produzir a conversão.
● O Arrependimento e a Conversão - 1. Essas ideias são amplamente comentadas em outros
lugares. Quanto ao «arrependimento», ver Atos 2:38; quanto à «conversão», ver João 3:3. 2. Quanto
ao papel desempenhado nessa questão pelo «livre-arbítrio humano», ver as notas em I Tim . 2:4. 3.
O arrependimento e a fé, juntos, constituem a conversão. (Ver notas sobre a «fé», em Heb. 11:1). 4.
A conversão resulta em uma autêntica santificação, segundo se vê em I Ts. 4:3 e nas notas a
respeito; do contrário, não terá havido conversão. 5. A transformação moral redunda em
transformação metafísica do ser, de modo que os homens nascem em um mundo novo, como se
fossem um novo gênero de criaturas, filhos que Deus está conduzindo à glória (ver notas em Heb.
2:10). Dessa forma, participam da própria natureza de Cristo (ver II Cor. 3:18). É disso que consiste
a salvação (ver notas em Heb. 2:3).
● A conversão é um tema que surge com freqüência neste livro de Atos, figurando no mesmo por
cerca de dez vezes, a saber, neste versículo e em Atos 9:34,40; 11:21; 14:15; 15:19; 16:18; 26:18,20
e 28:27. (V e r também os trèchos de M at. 13:15; Marc. 4:12; Luc. 22:32 e João 12:40). O emprego
da voz média aqui, no original grego, dá ao verbo «converter-se» a mesma força da expressão
«voltai-vos», que foi usada pelos profetas mais antigos das Escrituras. (Ver Eze. 14:6 e 18:30,32).
● «...para serem cancelados os vossos pecados...» O perdão dos pecados é retratado nessas
palavras. (Quanto a notas expositivas gerais sobre o «perdão dos pecados», ver Atos 2:38 e Rom.
3:25). A imagem que subjaz à expressão aqui é a de uma acusação que cataloga os pecados do
indivíduo.
● EXALEIPHTHÊNAI – serem apagados;
● João 3:18;
● Assim, pois, a grande lista de registros negativos, contra o indivíduo envolvido, chamados
«pecados», é anulada, ficando inteiramente limpo o registro, o que representa o fato espiritual da
alma perdoada e purificada de seus atos pecaminosos. No caso em foco, o cancelamento era da
culpa dos maus-tratos com que os judeus haviam acolhido ao Messias, ao ponto de levarem-no à
crucificação. Todavia, apesar de profundo como é o perdão dos pecados, e apesar de ser
extremamente necessário, isso é tão-somente o começo da vida espiritual, e não o seu grande alvo.
Pois o grande alvo não tem apenas um aspecto negativo, isto é, não consiste meramente na
remoção da culpa do pecado; mas também se reveste de um aspecto positivo, que é a participação
na perfeita natureza moral de Deus, segundo nos dá a entender um trecho como M at. 5:48, que diz:
«Portanto, sede vós perfeitos como perfeito è o vosso Pai celeste».
● Os «tempos» ou «períodos» de «refrigério» ou de «reavivamento de ar fresco», podem ser
compreendidos como aquele período futuro das últimas chuvas espirituais, que tem por base
simbólica o fato das últimas chuvas do ano serem necessárias, na Palestina, para que à terra
produzisse seu fruto, nas áreas cultivadas.
● O ministério do Espírito Santo, no seio da igreja cristã, tem produzido diversas expressões de tais
refrigérios ou períodos. As almas exaustas são vivificadas pela brisa fresca da nova manhã que, em
Cristo, tem raiado em sua igreja. A experiência e o desenvolvimento espiritual do crente, em Cristo,
talvez incorpore diversos períodos de refrigério particular. Tais períodos são seqüências à verdadeira
conversão, prelúdios da completa regeneração e restauração de todas as coisas. Todas essas
formas de bênção vêm da presença de Deus, e, de certo modo, são manifestações de sua presença
entre nós, porquanto são administradas através do seu Santo Espírito. Mediante essa administração,
o combalido mundo dos homens recebe descanso e renovação, prosperidade e alegria; e isso é
exibido ante um mundo miserável com o tipo da quilo que pode ser produzido pelo arrependimento e
pela fé em Cristo.
● (1 Tessalonicenses 4:3) A vontade de Deus é que vocês sejam santificados: abstenham-se
da imoralidade sexual.
● Provérbios 28:13; Miquéias 7:19; isaías 1:18;
21 É necessário que ele permaneça no céu até que chegue o tempo em que Deus restaurará todas
as coisas, como falou há muito tempo, por meio dos seus santos profetas.
VI - (V. 21) TEMOS TEMPO DE REFRIGÉRIO NUMA VIDA EM COMUNHÃO COM JESUS AGORA
E NO PORVIR NOS CÉUS

● «...restauração...» Essa palavra é usada no N.T. somente aqui; embora a idéia apareça em
muitos lugares. Essa restauração é ao mesmo tempo tanto uma autêntica restauração como um
estabelecimento. Restaurará certas condições anteriores, tanto no que diz respeito às relações de
Cristo, o «Logos» eterno, com toda a criação, como também estabelecerá outras condições que
nunca prevaleceram; e nesse sentido é um estabelecimento, mais do que mesmo uma restauração
de condições passadas. O sentido dessa palavra pode ser melhor percebido sob os seguintes
pontos: 1. Como termo médico, essa palavra indica a total recuperação da saúde — e a restauração
de todas as coisas será a total recuperação da saúde do mundo. O apóstolo Paulo (ver Rom. 8:22)
pinta a criação inteira como se estivesse a sofrer as dores de parto, agonizando, a fim de produzir a
saúde espiritual completa de toda a criação, na manifestação final dos filhos de Deus e no
estabelecimento da verdadeira ordem divina na criação. 2. Nos papiros e nas inscrições, essa
palavra se encontra nos casos de reparos em templos, de sua remodelação, nos casos de consertos
de outros edifícios ou mesmo de instituições. Por semelhante modo, Deus haverá de reparar o seu
antigo templo espiritual, produzindo a restauração do povo de Israel, essa restauração tem os
seguintes pontos que merecem nossa atenção: a. A restauração da terra, a redenção da terra de
Israel. Isso faz parte do pacto palestino. (Ver Deut. 30:1-9; Gên. 12:2,3 e Rom. 11:26). b. Significa
também a restauração da teocracia davídica, sob o Filho de Davi, o Messias, e isso inclui o governo
da era do reino, em que Israel será o cabeça das nações. (Ver o pacto davídico, conforme aparece
em II Sam. 7:8-17. O assunto é plenamente comentado em Atos 2:30. Ver também Isa. 34:4; 57:6;
65:17).
● Quanto aos temas relacionados à «restauração», examinem-se os seguintes: a. A segunda
vinda de Cristo, Apo. 19:11. b. O arrebatamento da igreja, I Tes. 4:15-17; 1 Co 15:51-52. c. O milênio,
Apo. 20:6. d. O estado eterno, e como o mistério da vontade de Deus será cumprido, Efé. 1:10. A
restauração foi tema abordado pelos profetas desde a antiguidade, vocábulo esse que significa
«desde o ponto inicial da história da humanidade», ficando assim indicadas as promessas feitas a
Adão (ver Gên. 3:15) e a Abraão (ver Gên. 22:18). A passagem de Lc. 1:70 encerra uma declaração
quase idêntica.

22 Pois disse Moisés: ‘O Senhor Deus lhes levantará dentre seus irmãos um profeta como eu;
ouçam-no em tudo o que ele lhes disser. 23 Quem não ouvir esse profeta, será eliminado do meio do
seu povo’. 24 "De fato, todos os profetas, de Samuel em diante, um por um, falaram e predisseram
estes dias. 25 E vocês são herdeiros dos profetas e da aliança que Deus fez com os seus
antepassados. Ele disse a Abraão: ‘Por meio da sua descendência todos os povos da terra serão
abençoados’. 26 Tendo Deus ressuscitado o seu Servo, enviou-o primeiramente a vocês, para
abençoá-los, convertendo cada um de vocês das suas maldades".
VII - (V. 22-26) TEMOS TEMPO DE REFRIGÉRIO AO OUVIR JESUS, SERMOS POR ELE
ABENÇOADOS E CONVERTIDOS DE NOSSA MALDADE PARA A SUA BONDADE

CONCLUSÃO

I- (V.12)TEMOS TEMPOS DE REFRIGÉRIO QUANDO NÃO PRECISAMOS OLHAR PARA


PODER OU ESPIRITUALIDADE DE HOMENS! OLHEMOS PARA CRISTO!

II - (V.13-15) TEMOS TEMPO DE REFRIGÉRIO QUANDO DEIXAMOS DE NEGAR JESUS,


DECIDINDO PARAR DE MATAR O AUTOR DA VIDA EM NO NOSSO CORAÇÃO, DEIXANDO DE
ESCOLHER O PECADO

III - (V.16) TEMOS TEMPO DE REFRIGÉRIO, QUANDO ASSIM COMO O MENDIGO COXO,
PERMITIMOS QUE JESUS NOS TRANSFORME PELA FÉ, NOS LEVANDO A UMA SAÚDE
ESPIRITUAL PERFEITA

IV - (V. 17-18) TEMOS TEMPO DE REFRIGÉRIO AO ADMITIR QUE VIVER SEM JESUS É VIVER
NAS TREVAS DA IGNORÂNCIA. MELHOR É VIVER NA LUZ DO CUMPRIMENTO DOS PLANO
PERFEITO DE DEUS;

V - (V. 19-20) TEMOS TEMPO DE REFRIGÉRIO NO MOMENTO QUE CREMOS QUE JESUS TEM
PODER PARA CANCELAR NOSSOS PECADOS, MEDIANTE NOSSO ARREPENDIMENTO E FÉ
= CONVERSÃO

VI - (V. 21) TEMOS TEMPO DE REFRIGÉRIO NUMA VIDA EM COMUNHÃO COM JESUS AGORA
E NO PORVIR NOS CÉUS

VII - (V. 22-26) TEMOS TEMPO DE REFRIGÉRIO AO OUVIR JESUS, SERMOS POR ELE
ABENÇOADOS E CONVERTIDOS DE NOSSA MALDADE PARA A SUA BONDADE

Interesses relacionados