Você está na página 1de 16

Brener Reis

Juliane Rodrigues
Mirian Santos
Paula Mota

Potência e Energia

LAURO DE FREITAS – BA

2014
Brener Reis
Juliane Rodrigues
Mirian Santos
Paula Mota

Potência e Energia

Pesquisa referente a Potência e energia para


obtenção de avaliação da disciplina Física aplicada,
ao curso técnico de Automação Industrial, sob
orientação do docente Luiz Góes

LAURO DE FREITAS – BA

2014
Sumário

1. Introdução

2. Desenvolvimento

2.1 O que é potência elétrica

2.2 Diferença de potencial ou ddp

2.3 O que é Energia

2.4 O que é potência dissipada

2.5 Potência do Gerador

2.6 Potência elétrica do Receptor

3. Conclusão

4.Referências
1. Introdução

Potência e Energia

A Potência Elétrica, é o resultado de uma determinada transformação de


energia. Para ficar mais claro, vamos ao exemplo de um ferro de passar. Para
que esse aparelho funcione, a energia elétrica é transformada em energia
térmica, e isso depende do tempo de consumo de energia. Portanto, a potência
elétrica nada mais é que o trabalho que a energia realiza para se transformar
num determinado intervalo de tempo. Quanto maior for a energia transformada,
levando um menor tempo possível, maior será a potência. Como ocorre
transformação, gera calor. Isso é basicamente o que chamamos de Efeito
Joule.

Energia é um termo que deriva do grego "ergos" cujo significado original


é trabalho. Na física está associado à capacidade de qualquer corpo produzir
trabalho, ação ou movimento. O conceito de energia é utilizado no sentido
corrente para designar o vigor, a firmeza e a força.
2. Desenvolvimento

A elaboração desse trabalho tem por finalidade, estimular os alunos não


somente em teoria, como também, aplicar seus conhecimentos adquiridos na
prática. O estudo de potência e energia, abrange os princípios de eletricidade,
força, transformadores de energia, corrente elétrica, tensão elétrica, geradores
e receptores. Portanto, a construção e apresentação dessas informações será
de suma importância para o desenvolvimento de aprendizagem na disciplina
junto ao curso.
2.1 Potência Elétrica

Potencia é a grandeza física que mede a energia transformada por segundo


pelo aparelho. No sistema internacional (S.I.) a potência é medida em watts
(w), que é derivada da divisão entre a unidade de energia, o joule(J), e a
unidade de tempo em segundo(s). Assim:
1W= 1J/s

Voltagem e potencia são as características mais comuns de equipamentos


elétricos residenciais, como lâmpadas, ventiladores, maquinas de lavar roupas,
geladeiras, etc.

Exercitando:
Qual o consumo elétrico mensal de um televisor de 300W que permanece
ligado diariamente durante 4h (Adotar um mês = 30 dias.)?

Resposta:
potência do aparelho= 300W/1.000= 0,3kW

Tempo mensal de funcionamento= 4x 30 = 120h


Energia elétrica= 0,3x 20= EL = 36kwh
Portanto, essa televisão será responsável por 36 kwh de consumo elétrico
mensal.
2.2 Diferença de potencial ou ddp

A diferença de potencial também denominada de tensão elétrica (V), é uma


grandeza física que está intimamente ligada ao conceito de corrente elétrica,
então iniciaremos nosso estudo relacionando brevemente a definição de
corrente elétrica com o aprendizado da diferença de potencial.
Inicialmente devemos lembrar a definição de corrente elétrica.
Afinal o que é corrente elétrica? É o fluxo ou movimento de partículas
carregadas em um condutor de forma ordenada. Porém para “existir” corrente
elétrica entre dois pontos deve-se haver uma diferença de potencial
elétrica entre os mesmos dois pontos. Para entendermos a d.d.p, relembremos
o seguinte: todo corpo que está eletrizado, recebeu ou cedeu elétrons. Como a
carga de um elétron é representada por (-) o corpo que recebeu elétrons fica
carregado negativamente (denominado de íon negativo ou ânion), já o corpo
que cedeu elétrons ou perdeu fica carregado positivamente, pois o mesmo tem
falta de elétrons, denominado de íon positivo ou cátion. Portanto esse
desequilíbrio de cargas entre dois corpos revela que ambos têm um potencial
elétrico diferente, ou seja, existe uma diferença de potencial elétrica. Existem
dispositivos (instrumentos) capazes de medir a diferença de potencial elétrica,
denominados de voltímetro.
A diferença de potencial é uma grandeza física expressa no SI por
V(volts).
2.3 Energia

É um termo que deriva do grego "ergos" cujo significado original é trabalho.


Energia na Física está associado à capacidade de qualquer corpo produzir
trabalho, ação ou movimento. O conceito de energia é utilizado no sentido
corrente para designar o vigor, a firmeza e a força. A energia não pode ser
criada, mas apenas transformada (primeiro princípio da Termodinâmica) e
cada uma capaz de provocar fenômenos determinados e característicos nos
sistemas físicos.
2.4 Potência dissipada

Quando utilizamos algum aparelho que funciona à base de transformação de


energia, podemos observar que ele esquenta durante o seu funcionamento.
Isso não é diferente quando estamos lidando com aparelhos que funcionam à
base de energia elétrica.
Esse aquecimento é conhecido como efeito Joule, e ele é fruto das colisões
que os elétrons sofrem contra os átomos e íons que pertencem ao condutor. A
energia que é drenada nesse aquecimento é chamada de energia dissipada.
Existem aparelhos que têm como objetivo dissipar toda a energia elétrica e
transformá-la em energia térmica. Temos muitos exemplos cotidianos de
aparelhos que funcionam assim, o chuveiro, o ferro de passar, o forno elétrico,
o secador de cabelo, etc. Os aparelhos citados são providos de resistores.
Esses resistores são dispositivos que transformam integralmente a energia
elétrica em energia térmica, e por isso, quando a corrente elétrica flui por ele, o
mesmo esquenta.
A potência elétrica dissipada internamente é dada por:

Onde:

P é a potência
r é a resistência interna do gerador.
i é a intensidade de corrente elétrica.
2.5 Potência do Gerador

Gerador elétrico é um equipamento que transforma em energia elétrica outras


formas de energia. Uma bateria de automóvel, por exemplo, transforma a
energia química em energia elétrica. Uma usina hidrelétrica utiliza a energia
mecânica transformando-a em energia elétrica.
Portanto, um gerador elétrico é o aparelho que realiza a transformação de uma
forma qualquer de energia em energia elétrica.

Um gerador possui dois terminais denominados polos:


Polo negativo corresponde ao terminal de menor potencial elétrico.
Polo positivo corresponde ao terminal de maior potencial elétrico.
Quando colocado em um circuito, um gerador elétrico fornece energia potencial
elétrica para as cargas, que entram em movimento, saindo do polo negativo
para o polo positivo.
A potência elétrica total gerada por um gerador é diretamente proporcional à
intensidade de corrente elétrica. Ou seja:

Pg = fem . i

Onde:
fem é a constante de proporcionalidade, chamada de força eletromotriz.
i é a intensidade de corrente elétrica entre os terminais do gerador.
Portanto, a força eletromotriz de um gerador pode ser definida pelo quociente:
2.6 Potência no Receptor

Sabemos que um receptor elétrico nada mais é do que um dispositivo capaz de


receber energia elétrica e transformá-la em outros tipos de energia, sem,
entretanto, convertê-la totalmente em energia térmica, pois, nesse caso, o
dispositivo não é mais chamado de receptor, mas de resistor.

Para qualquer dispositivo que seja percorrido por uma corrente elétrica i e
tendo tensão U em seus terminais, dizemos que produz ou consome uma
potência P. Se um receptor está submetido a uma tensão U, como mostra a
figura abaixo, podemos determinar a potência total PT recebida por ele através
da seguinte equação:
PT = U . i
3.0 Exercitando os conhecimentos adquiridos

3.1(Unesp) Uma lâmpada incandescente (de filamento) apresenta em seu


rótulo as seguintes especificações: 60 W e 120V. Determine:

a) a corrente elétrica i que deverá circular pela lâmpada, se ela for conectada a
uma fonte de 120V.

b) a resistência elétrica R apresentada pela lâmpada, supondo que ela esteja


funcionando de acordo com as especificações.

Resolução

a) Os dados do exercício são a potência elétrica e a tensão elétrica da


lâmpada.
P = 60 W
U = 120V

Para encontrar a corrente elétrica com estes dados utilizamos a equação da


potência elétrica em um resistor.

P = U.i

i=P/U
i = 60 / 120
i = 0,5 A

b) Agora que temos a corrente elétrica utilizamos a equação do resistor para


encontrarmos o valor da resistência elétrica.

U = R.i
R=U/i
R = 120 / 0,5
R = 240Ω
3.2 Em uma lâmpada incandescente comum, a corrente elétrica flui por um
filamento de tungstênio, que aquece, fica incandescente e ilumina o ambiente.
Esse tipo de lâmpada recebe a especificação 60W – 120V.

a) Qual a intensidade de corrente que percorre essa lâmpada quando


alimentada por uma diferença de potencial de 120V?

Resolução:

Potencia= 60W

Ddp= 120V

P=V.I

60=120.I

I=0,5ª

b) Qual é o valor da resistência elétrica do filamento da lâmpada?

Resolução:

Potencia=60W

Intensidade= 0,5A

P=R.i²

60=R.0,5²

R=240ohm
3.3 Um resistor de 10ohm é ligado a uma fonte de tensão de 220V.Calcule

a) A intensidade de corrente elétrica que percorre o resistor.

Resolução:

V=R.I

220=10.I

I=22ª

b) A potencia dissipada por efeito Joule pelo resistor.

Resolução:

P=V.I

P=220.22

P=4840OHM
3. CONCLUSÃO

O potencial elétrico e a energia são utilizados frequentemente, no dia a


dia. Os exemplos mais comuns de suas aplicações são: energia mecânica,
eólica, solar, elétrica, química e etc.
É possível constatar que ambos assuntos estão interligados e presentes
em diversos momentos de nossas ações. Portanto, é essencial o conhecimento
de suas aplicações não só para o cotidiano, como também, para ampliar o
desenvolvimento no ambiente profissional.
4. REFERÊNCIAS

Disponível em: http://www.eletricante.com.br/2014/01/o-que-e-


potencia-eletrica-e-fator-de-potencia.html.
Acessado em 05 de outubro de 2014.

Disponível em: http://www.significados.com.br/energia/

http://educacao.uol.com.br/disciplinas/fisica/potencia-eletrica-
calculo-do-consumo-de-energia-eletrica.htm. Acessado em 05 de
outubro de 2014.

Disponível em: http://www.brasilescola.com/fisica/geradores-


eletricos-forca-eletromotriz.htm. Acessado em 05 de outubro de 2014.

Disponível em: http://www.mundoeducacao.com/fisica/potencia-


receptor.htm. Acessado em 05 de outubro de 2014.

Conexões com a Fisíca VOL.3 Eletricidade Física do século XXI