Você está na página 1de 5

ESCOLA SUPERIOR DE TECNOLOGIA

1a Lista de Exercícios de Álgebra Linear II

Espaços Vetoriais Reais e Subespaços Vetoriais


1. (Steinbruch) Verifique quais dos conjuntos abaixo são espaços vetoriais com as
operações de adição e multiplicação por escalar neles definidas:
a) ℝ3 , (𝑥, 𝑦, 𝑧) + (𝑥 ′ , 𝑦 ′ , 𝑧 ′ ) = (𝑥 + 𝑥 ′ , 𝑦 + 𝑦 ′ , 𝑧 + 𝑧 ′ )
𝑘⨀(𝑥, 𝑦, 𝑧) = (0, 0,0)
b){(𝑥, 2𝑥, 3𝑥); 𝑥 ∈ ℝ} com as operações usuais
c) ℝ2 , (𝑎, 𝑏) ⊕ (𝑐, 𝑑) = (𝑎, 𝑏) e 𝛼(𝑎, 𝑏) = (𝛼𝑎, 𝛼𝑏)
d) 𝐴 = {(𝑥, 𝑦) ∈ ℝ2 ; 𝑦 = 5𝑥} com as operação
0 𝑎
e) 𝐴 = {[ ] ∈ 𝑀(2, 2); 𝑎, 𝑏 ∈ ℝ} com as operações usuais
𝑏 0
2. Seja 𝑉 = {𝑓: ℝ → ℝ} o conjunto das funções reais definidas em toda a reta. Para
quaisquer funções 𝑓, 𝑔 ∈ 𝑉 e qualquer 𝑘 ∈ ℝ, sejam 𝑓 + 𝑔 e 𝑘𝑓 funções em 𝑉
definidas da seguinte forma:
(𝑓 + 𝑔)(𝑥) = 𝑓(𝑥) + 𝑔(𝑥) e (𝑘𝑓)(𝑥) = 𝑘𝑓(𝑥).
Prove que 𝑉 é um espaço vetorial real.
3. (Steinbruch) Verifique quais dos subconjuntos de ℝ2 , apresentados abaixo, são
subespaços vetoriais de ℝ2 relativamente às operações de adição e multiplicação
por escalar usuais:
a) 𝑆 = {(𝑥, 𝑦); 𝑦 = −𝑥}
b) 𝑆 = {(𝑥, 𝑦); 𝑦 = 𝑥 + 1}
c) 𝑆 = {(𝑥, 𝑦); 𝑥 ≥ 0}
4. (Steinbruch) Verifique quais dos subconjuntos de ℝ3 , apresentados abaixo, são
subespaços vetoriais de ℝ3 relativamente às operações de adição e multiplicação
por escalar usuais:
a) 𝑆 = {(𝑥, 𝑦, 𝑧); 𝑥 = 4𝑦 e z = 0}
b) 𝑆 = {(𝑥, 𝑦, 𝑧); 𝑥 = 𝑧 2 }
c) 𝑆 = {(𝑥, 𝑦, 𝑧); 𝑦 = 𝑥 + 2 e z = 0}
d) 𝑆 = {(𝑥, 𝑦, 𝑧); 𝑥𝑦 = 0}
e) 𝑆 = {(𝑥, 𝑦, 𝑧); 𝑥 = 0 e y = |𝑧|}
f) 𝑆 = {(𝑥, 𝑦, 𝑧); 𝑥 + 𝑦 + 𝑧 = 0}
5. (Boldrini) Mostre que os seguintes subconjuntos de ℝ4 são subespaços:
a) 𝑊 = {(𝑥, 𝑦, 𝑧, 𝑡) ∈ ℝ4 ; 𝑥 + 𝑦 = 0 e z − t = 0}
b) 𝑈 = {(𝑥, 𝑦, 𝑧, 𝑡) ∈ ℝ4 ; 2𝑥 + 𝑦 − 𝑡 = 0 e z = 0}
6. (Steinbruch) Verifique se os subconjuntos abaixo são subespaços de 𝑀(2, 2):
𝑎 𝑏
a) 𝑆 = {[ ] ; 𝑎, 𝑏, 𝑐 ∈ ℝ}(matrizes triangulares superiores)
0 𝑐
𝑎 𝑏
b) 𝑆 = {[ ] ; 𝑎, 𝑏, 𝑐 ∈ ℝ}(matrizes simétricas)
𝑏 𝑐
𝑎 𝑏
c) 𝑆 = {[ ] ; 𝑎𝑑 − 𝑏𝑐 ≠ 0} (conjunto de matrizes inversíveis)
𝑐 𝑑
7. (Boldrini) Responda se os subconjuntos abaixo são subespaços de 𝑀(2, 2). Em
caso afirmativo exiba geradores:
𝑎 𝑏
a) 𝑉 = {[ ] ; 𝑎, 𝑏, 𝑐, 𝑑 ∈ ℝ e 𝑏 = 𝑐}. Resp. Sim
𝑐 𝑑
𝑎 𝑏
b) 𝑊 = {[ ] ; 𝑎, 𝑏, 𝑐, 𝑑 ∈ ℝ e 𝑏 = 𝑐 + 1} Resp. Não
𝑐 𝑑
8. (Boldrini) Considere dois vetores (𝑎, 𝑏) e (𝑐, 𝑑) no plano. Se 𝑎𝑑 − 𝑏𝑐 = 0,
mostre que eles são 𝐿𝐷. Se 𝑎𝑑 − 𝑏𝑐 ≠ 0, mostre que eles são 𝐿𝐼.
9. (Steinbruch) Consideremos no espaço 𝑃2 = {𝑎𝑡 2 + 𝑏𝑡 + 𝑐; 𝑎, 𝑏, 𝑐 ∈ ℝ} os
vetores 𝑝1 = 𝑡 2 − 2𝑡 + 1, 𝑝2 = 𝑡 + 2 e 𝑝3 = 2𝑡 2 − 𝑡.
a) Escrever o vetor 𝑝 = 5𝑡 2 − 5𝑡 + 7 como combinação linear de 𝑝1 , 𝑝2 e 𝑝3 ;
b) Escrever o vetor 𝑝 = 5𝑡 2 − 5𝑡 + 7 como combinação linear de 𝑝1 e 𝑝2 ;
c) Determinar uma condição para 𝑎, 𝑏 e 𝑐 de modo que o vetor 𝑎𝑡 2 + 𝑏𝑡 + 𝑐
seja combinação linear de 𝑝2 e 𝑝3 ;
d) É possível escrever 𝑝1 como combinação linear de 𝑝2 e 𝑝3 ?
10. (Steinbruch) Seja o espaço vetorial 𝑀(2, 2) e os vetores
1 0 −1 2 0 −1
𝑣1 = [ ] , 𝑣2 = [ ] e 𝑣3 = [ ].
1 1 0 1 2 1
1 8
Escreva o vetor 𝑣 = [ ] como combinação linear dos vetores 𝑣1 , 𝑣2 e 𝑣3 .
0 5
11. (Steinbruch) Seja 𝑆 o subespaço do ℝ4 definido por:
𝑆 = {(𝑥, 𝑦, 𝑧, 𝑡) ∈ ℝ4 ; 𝑥 + 2𝑦 − 𝑧 = 0 e 𝑡 = 0}.
Pergunta-se:
a) (−1, 2, 3, 0) ∈ 𝑆?
b) (3, 1, 4, 0) ∈ 𝑆?
c) (−1, 1, 1, 1) ∈ 𝑆?
12. (Steinbruch) Seja 𝑆 o subespaço de 𝑀(2, 2):
𝑎 − 𝑏 2𝑎
𝑆 = {[ ] ; 𝑎, 𝑏 ∈ ℝ}.
𝑎 + 𝑏 −𝑏
Pergunta-se:
5 6
a) [ ]
1 2
b) Qual deve ser o valor de 𝑘 ∈ ℝ para que o vetor

−4 𝑘
[ ]
2 −3
pertença a 𝑆?

13. (Steinbruch) Determine os subespaços do ℝ3 gerados pelos seguintes conjuntos:


a) 𝐴 = {(2, −1, 3)}
b) 𝐴 = {(−1, 3, 2), (2, −2, 1)}
c) 𝐴 = {(1, 0, 1), (0, 1, 1), (−1, 1, 0)}
d) 𝐴 = {(1, 2, −1), (−1, 1, 0), (−3, 0, 1), (−2, −1, 1)}
e) 𝐴 = {(1, 2, −1), (−1, 1, 0), (0, 0, 2), (−2, 1, 0)}
14. (Steinbruch) Sejam os vetores 𝑣1 = (1, 1, 1), 𝑣2 = (1, 2, 0) e 𝑣3 = (1, 3, −1). Se
(3, −1, 𝑘) ∈ [𝑣1 , 𝑣2 , 𝑣3 ], qual o valor de 𝑘?
15. (Boldrini) Considere o subespaço de ℝ3 gerado pelos vetores 𝑣1 = (1, 1, 0), 𝑣2 =
(0, −1, 1) e 𝑣3 = (1, 1, 1), [𝑣1 , 𝑣2 , 𝑣3 ] = ℝ3 ? Por quê?
16. (Steinbruch) Determinar o subespaço de 𝑃3 (espaço dos polinômios de grau ≤ 3)
gerado pelos vetores 𝑝1 = 𝑥 3 + 2𝑥 2 − 𝑥 + 3 e 𝑝2 = −2𝑥 3 − 𝑥 2 + 3𝑥 + 2.
17. (Steinbruch) Classificar os seguintes subconjuntos de ℝ2 , ℝ3 e ℝ4 em LI ou LD:
a) {(1, 3)}
b) {(1, 0), (−1, 1), (3, 5)}
c) {(1, −1, 1), (−1, 1, 1)}
d) {(1, 2, −1), (1, 0, 0), (0, 1, 2), (3, −1, 2)}
e) {(2, 1, 0, 0), (1, 0, 2, 1), (−1, 2, 0, −1)}
f) {(1, 1, 2, 4), (1, −1, −4, 2), (0, −1, −3, 1), (2, 1, 1, 5)}
18. (Steinbruch) Mostre que se 𝑢, 𝑣, 𝑤 são LI, então 𝑢 + 𝑣, 𝑢 + 𝑤 e 𝑣 + 𝑤 são
também LI.
19. (Boldrini) Mostre que
1 0 0 1 0 0 0 0
{[ ],[ ],[ ],[ ]}
0 0 0 0 1 0 0 1
é base de 𝑀(2, 2).
20. (Steinbruch) Verifique se os seguintes conjuntos de vetores formam uma base do
ℝ2 :
a) {(1, 2), (−1, 3)}
b) {(3, −6), (−4, 8)}
21. (Steinbruch) Verifique se os seguintes conjuntos de vetores formam uma base do
ℝ3 :
a) {(1, 0, 1), (0, −1, 2), (−2, 1, −4)}
b) {(1, 1, −1), (2, −1, 0), (3, 2, 0)}
22. (Steinbruch) Verifique se os seguintes conjuntos de vetores formam uma base de
𝑃2 :
a) 2𝑡 2 + 𝑡 − 4, 𝑡 2 − 3𝑡 + 1
b) 1 + 𝑥 + 𝑥 2 , 𝑥 + 𝑥 2 , 𝑥 2
23. (Steinbruch) Mostre que os vetores 𝑣1 = (1, 1, 1), 𝑣2 = (1, 2, 3), 𝑣3 = (3, 0, 2) e
𝑣4 = (2, −1, 1) geram o ℝ3 e encontre uma base dentre os vetores 𝑣1 , 𝑣2 , 𝑣3 e
𝑣4 .
24. (Steinbruch) Determinar o vetor coordenada de 𝑣 = (6, 2) em relação às
seguintes bases:
a) 𝛼 = {(3, 0), (0, 2)}
b) 𝛽 = {(0, 1), (1, 0)}
25. (Boldrini) Quais são as coordenadas de 𝑥 = (1, 0, 0) em relação à base 𝛽 =
{(1, 1, 1), (−1, 1, 0), (1, 0, −1)}?
26. (Boldrini) Considere o subespaço de ℝ4 gerado pelos vetores
𝑣1 = (1, −1, 0, 0), 𝑣2 = (0, 0, 1, 1), 𝑣3 = (−2, 2, 1, 1) e 𝑣4 = (1, 0, 0, 0).
a) O vetor (2, −3, 2, 2) ∈ [𝑣1 , 𝑣2 , 𝑣3 , 𝑣4 ]? Justifique.
b) Exiba uma base para [𝑣1 , 𝑣2 , 𝑣3 , 𝑣4 ]. Qual é a dimensão?
c) [𝑣1 , 𝑣2 , 𝑣3 , 𝑣4 ] = ℝ4 ? Por quê?
27. (Steinbruch) Determine uma base do subespaço de ℝ4 gerado pelos vetores
𝑣1 = (1, −1, 0, 0), 𝑣2 = (−2, 2, 2, 1), 𝑣3 = (−1, 1, 2, 1) e 𝑣4 = (0, 0, 4, 2).
28. (Steinbruch) Determine a dimensão e uma base para cada um dos seguintes
espaços vetoriais:
a) {(𝑥, 𝑦, 𝑧) ∈ ℝ3 ; 𝑦 = 3𝑥}
b) {(𝑥, 𝑦, 𝑧) ∈ ℝ3 ; 𝑦 = 5𝑥 e z = 0}
c) {(𝑥, 𝑦, 𝑧) ∈ ℝ3 ; 2𝑥 − 𝑦 + 3𝑧 = 0}
29. (Boldrini) Seja 𝑉 o espaço das matrizes 2 × 2 sobre ℝ, e seja 𝑊 o subespaço
gerado por
1 −5 1 1 2 −4 1 −7
[ ],[ ],[ ],[ ]
−4 2 −1 5 −5 7 −5 1
Encontre uma base e a dimensão de 𝑊.
30. (Boldrini) Considere o sistema linear
2𝑥 + 4𝑦 − 6𝑧 = 𝑎
(𝐼) { 𝑥 − 𝑦 + 4𝑧 = 𝑏
6𝑦 − 14𝑧 = 𝑐
3 (𝑥,
Seja 𝑊 = {(𝑥, 𝑦, 𝑧) ∈ ℝ : 𝑦, 𝑧) é solução de (𝐼)},ou seja, 𝑊 é o conjunto-
solução do sistema.
a) Que condições devemos impor a 𝑎, 𝑏 e 𝑐 para que 𝑊 seja subespaço vetorial
de ℝ3 ?
b) Nas condições determinadas em a) encontre uma base para 𝑊;
c) Que relação existe entre a dimensão de 𝑊 e o grau de liberdade do sistema?
Seria este resultado válido para quaisquer sistemas homogêneos?
31. (Steinbruch) Encontre uma base e a dimensão do espaço-solução dos sistemas:
𝑥 + 2𝑦 − 2𝑧 − 𝑡 = 0
a) { 2𝑥 + 4𝑦 + 𝑧 + 𝑡 = 0
𝑥 + 2𝑦 + 3𝑧 + 2𝑡 = 0
𝑥 − 2𝑦 − 𝑧 = 0
b) {2𝑥 + 𝑦 + 3𝑧 = 0
𝑥 + 3𝑦 + 4𝑧 = 0
2𝑥 + 2𝑦 − 3𝑧 = 0
c) { 𝑥 − 𝑦 − 𝑧 = 0
3𝑥 + 2𝑦 ∓ 𝑧 = 0
𝑥 + 𝑦 − 2𝑧 + 𝑡 = 0
d) {
2𝑥 + 2𝑦 − 4𝑧 + 2𝑡 = 0
32. (Boldrini) Seja 𝑈 o subespaço de ℝ3 , gerado por (1, 0, 0) e 𝑊 o subespaço de
ℝ3 , gerado por (1, 1, 0) e (0, 1, 1). Mostre que ℝ3 = 𝑈⨁𝑊.
33. (Boldrini) Sejam 𝑊1 = {(𝑥, 𝑦, 𝑧, 𝑡) ∈ ℝ4 ; 𝑥 + 𝑦 = 0 e 𝑧 − 𝑡 = 0} e
𝑊2 = {(𝑥, 𝑦, 𝑧, 𝑡) ∈ ℝ4 ; 𝑥 − 𝑦 − 𝑧 + 𝑡 = 0} subespaços de ℝ4 .
a) Determine 𝑊1 ∩ 𝑊2 ;
b) Exiba uma base para 𝑊1 ∩ 𝑊2 ;
c) Determine 𝑊1 + 𝑊2 ;
d) 𝑊1 + 𝑊2 é soma direta? Justifique.
e) 𝑊1 + 𝑊2 = ℝ4 ?
34. (Boldrini)
a) Dado o subespaço 𝑉1 = {(𝑥, 𝑦, 𝑧) ∈ ℝ3 |𝑥 + 2𝑦 + 𝑧 = 0} ache um
subespaço 𝑉2 tal que ℝ3 = 𝑉1 ⨁𝑉2;
b) Dê exemplos de dois subespaços de dimensão dois de ℝ3 tais que 𝑉1 + 𝑉2 =
ℝ3 . A soma é direta?
35. (Boldrini) Ilustre com um exemplo a proposição: “Se 𝑈 e 𝑊 são subespaços de
um espaço vetorial 𝑉 que tem dimensão finita, então:
dim(𝑈 + 𝑊) = dim 𝑈 + dim 𝑊 − dim(𝑈 ∩ 𝑊)”