Você está na página 1de 8

Steel Sector

Steel Flash News

21 de julho de 2006
METALLICA

Paolo Di Sora, CNPI


Dados da Produção Global de Aço
em Junho: Cautelosos, porém
Confiantes
Fabiano R. dos Santos, FRM, CNPI O IISI e o IBS divulgaram ontem os dados relativos à produção mundial
de aço e às vendas brasileiras de aço no mês de junho. Os números
corroboram nossa classificação de OVERWEIGHT, apesar da
volatilidade de pico de ciclo.
De acordo com o IISI (Instituto Internacional do Ferro e Aço), a
produção de aço mundial totalizou 103,0 milhões de toneladas em
junho, indicando uma queda de 1,2% em relação ao mês de maio.
Entretanto, se levarmos em consideração o efeito calendário, a
produção diária global registrou, de fato, um aumento de 0,4% em
relação ao mês anterior, para 2,21 milhões de toneladas por dia.
A produção de aço da China continua a registrar aceleração, e o
excesso de produção começou recentemente a pressionar os preços
no mercado local. A produção diária chinesa atingiu 1,22 milhão de
toneladas em junho, um crescimento de 5,3% vis-à-vis o mês anterior.
A China continua a puxar para cima a produção mundial de aço.
Contudo, a produção no resto do mundo também começa a dar sinais
de aceleração, em função da recente alta nos preços mundiais do aço.
A taxa de crescimento da média móvel de três meses, excluindo a
China, registrou aceleração pelo quarto mês consecutivo.
A demanda global por aço permanece sólida na maioria das regiões, e
apesar da alta recente na taxa de produção e do impacto negativo que
isto deverá ter sobre os preços do aço durante os próximos meses,
acreditamos que os preços médios para o 4T06 deverão ser muito
mais elevados do que aqueles previstos pelo mercado.
Além disso, acreditamos que as empresas siderúrgicas brasileiras,
felizmente, são de certa forma capazes de aliviar os efeitos negativos
desta volatilidade nos preços internacionais através da administração
de seu mix de venda. Segundo o IBS (Instituto Brasileiro de
Siderurgia), as vendas no mercado interno de produtos de aço plano
ainda se encontram em ascensão (+3,1% em relação ao mês anterior e
19,4% ante o mesmo período em 2005), abrindo espaço para maiores
embarques ao mercado local, e portanto melhorando o mix de vendas.
USIM5 CSNA3 ARCE3 GGBR4
Recommendation BUY BUY BUY BUY
Target price (R$) 110.00 94.25 50.0 43.00
Total return R$ 58.6% 43.9% 42.1%

06 3.5 5.4 5.4 4.3


EV/EBITDA
07 3.1 5.4 3.9 4.1
06 6.0 6.9 9.1 7.8
P/E
07 5.3 7.6 7.0 7.5
06 13.4% -1.2% -4.4% 3.4%
FCFE yield (%)
07 13.3% 9.2% 11.7% 8.3%
06 7.2% 7.4% 7.0% 4.0%
Dividend yield (%)
07 7.3% 7.3% 7.5% 4.0%
Fonte: Itaú Corretora

Favor consultar as páginas finais deste relatório para divulgações importantes, certificações dos analistas e outras informações. A Itaú
Corretora se encontra envolvida e procura realizar negócios com as empresas monitoradas em seus relatórios de pesquisa e
acompanhamento. Assim, os investidores devem estar cientes de que a Empresa pode apresentar um conflito de interesse que pode vir a
afetar a objetividade deste relatório. Os investidores devem considerar o presente relatório somente como um dentre vários fatores ao
realizarem sua decisão de investimento.
21 de julho de 2006 Metallica – Steel

PRODUÇÃO GLOBAL DE AÇO REFERENTE A JUNHO

De acordo com o IISI, a produção global de aço registrou queda de 1,2% em relação
a maio, totalizando 103,0 milhões de toneladas em junho, com a China sendo
responsável pela produção de 36,6 milhões de toneladas deste total (35%).
Levando-se em consideração o número de dias no calendário dos meses de junho e
de maio, o ritmo da produção diária de fato cresceu 2,1%, para 3,43 milhões de
toneladas, o que claramente indica uma aceleração no ritmo de produção, como
resposta ao salto nos preços do aço verificado nos últimos meses.

Produção Mundial de Aço

MoM YoY YoY


Region Jun/06 May/06 Jun/05 YTD06 YTD05
+/- % +/- % +/- %
European Union (25) 17,1 17,5 -0,4 -2,1% 15,2 1,9 12,4% 100,7 96,8 3,9 4,0%
Other Europe 2,9 2,8 0,1 1,9% 2,5 0,4 15,5% 16,4 14,9 1,5 9,8%
C.I.S. 10,0 10,5 -0,5 -4,5% 8,7 1,3 15,1% 58,7 56,5 2,1 3,8%
North America 11,1 11,7 -0,7 -5,6% 9,8 1,3 13,1% 66,9 63,9 3,0 4,7%
South America 3,6 3,7 -0,1 -3,7% 3,7 -0,1 -1,7% 21,7 22,7 -1,0 -4,2%
Africa 1,5 1,5 0,0 0,6% 1,5 0,0 -1,1% 8,4 8,9 -0,5 -5,2%
Middle East 1,2 1,2 0,0 -3,0% 1,2 0,0 1,3% 7,4 7,3 0,2 2,4%
Asia/Oceania (ex-China) 19,0 19,3 -0,3 -1,6% 17,9 1,1 6,2% 111,7 108,1 3,6 3,4%
Total Above 66,4 68,3 -1,9 -2,8% 60,5 5,9 9,8% 391,9 379,1 12,9 3,4%
China 36,6 35,9 0,7 1,9% 30,9 5,7 18,5% 199,5 168,7 30,8 18,3%
Total (62 countries) 103,0 104,3 -1,2 -1,2% 91,4 11,7 12,8% 591,4 547,7 43,7 8,0%
Fonte: IISI

O ritmo de produção diária da China em junho avançou 5,3% em relação ao mês


anterior, para 1,22 milhão de toneladas, o que causa uma certa preocupação em
relação aos preços do aço no mercado asiático. Todavia, o resto do mundo tem
também contribuído com a recuperação em termos de resposta da oferta, após um
bem-vindo período de disciplina.

Produção Mundial de Aço ex-China (média móvel de 3 meses)

10%
3-months YoY growth rate (%)

8%

6%

4%

2%

0%
Jan-04

Mar-04

May-04

Jul-04

Nov-04

Jan-05

Mar-05

May-05

Jul-05

Nov-05

Jan-06

Mar-06

May-06
Sep-04

Sep-05

-2%

-4%

-6%
Fonte: IISI

Os preços do aço estão subindo na Europa, se mantêm estáveis nos EUA e


registram desaceleração na Ásia, e os dados do IISI reforçam nossa opinião de que
deverá ocorrer uma desaceleração adicional na Ásia nas próximas semanas e
meses, eventualmente impactando os preços nos outros principais mercados. Isto
deverá provocar volatilidade nas ações de empresas siderúrgicas brasileiras, assim
como algum movimento de realização de lucros, especialmente se considerarmos as
significativas valorizações das ações registradas no acumulado do ano.

Itaú Corretora 2
Metallica – 21 de julho de 2006

Registrou-se uma queda substancial no número dos respondentes que contribuem


com a pesquisa do The Steel Index que acreditam que os preços do aço continuarão
a subir durante os próximos três meses. Menos de 35% esperam que os preços
registrem alta, enquanto que o restante dos respondentes esperam que os preços
permaneçam estáveis ou caiam. Isto representa uma deterioração significativa em
relação aos resultados da pesquisa da semana passada, na qual metade dos
respondentes acreditavam que os preços iriam avançar. Este é também o menor
nível desde que o The Steel Index foi lançado, no final de abril.

Produção Chinesa de Aço

35 50%
30
Production (mton) 40%
25

YoY % Chg
20 30%

15 20%
10
10%
5
- 0%
nov-04

nov-05
jul-04

jan-05

jul-05

jan-06
mai-04

set-04

mar-05
mai-05

set-05

mar-06

mai-06
Chinese Production Growth YoY in China
Fonte: IISI

A produção chinesa de aço está ultrapassando a demanda, e o país aumentou


substancialmente suas exportações de aço, tornando-se um perigoso exportador
líquido de 2,8 milhões de toneladas em junho. O crescimento das exportações
chinesas de aço representa um risco ao equilíbrio entre a oferta e a demanda global,
e o Instituto Norte-Americano do Ferro e Aço, em um artigo recente, rotulou este
risco de “Síndrome da China”, pedindo a adoção de medidas anti-dumping para
sustar a crescente importação de aço chinês pelos EUA.

Balança Comercial de Aço da China (milhões de toneladas)

-1

-2

-3
Jan-01

Jul-01

Jan-02

Jul-02

Jan-03

Jul-03

Jan-04

Jul-04

Jan-05

Jul-05

Jan-06

Fonte: Bloomberg

Fazemos parte da lista daqueles que esperam uma certa desaceleração nos preços
internacionais, mas continuamos confiantes que o ciclo do aço deverá acomodar
preços muito mais elevados do que anteriormente imaginados. Os preços no 4T06
deverão se mostrar robustos, bastante acima daqueles esperados pelo mercado
antes da recente recuperação, o que sustenta nossa percepção favorável em relação
ao setor siderúrgico.

3 Itaú Corretora
21 de julho de 2006 Metallica – Steel

VENDAS BRASILEIRAS DE AÇO EM JUNHO

Conforme o IBS (Instituto Brasileiro de Siderurgia), as vendas de produtos acabados


de aço plano avançaram 3,1% em junho em relação ao mês de maio, ultrapassando
as vendas de produtos de aço longo, que verificaram queda de 4,7% durante o
mesmo período.

Graças aos incentivos fiscais federais concedidos ao setor de construção em


fevereiro, as vendas de produtos de aço longo no mercado interno registraram um
momentum positivo no início do ano, mas têm registrado desaceleração nos últimos
meses. Em contrapartida, as vendas de produtos de aço plano têm ganho impulso,
refletindo a recuperação da demanda.

Vendas Internas de Produtos Siderúrgicos (mil toneladas)

Domestic Sales Jun/06 May/06 MoM Jun/05 YoY YTD06 YTD05 YoY

Finished 1.457 1.455 0,2% 1.271 14,6% 8.217 8.111 1,3%


Flat 935 907 3,1% 783 19,4% 5.038 5.227 -3,6%
Long 522 548 -4,7% 489 6,9% 3.179 2.884 10,2%
Semi-finished 52 71 -27,5% 49 4,5% 356 306 16,6%
Slabs 18 32 -43,7% 15 16,3% 151 90 67,8%
Blooms & billets 34 39 -14,5% 34 -0,9% 205 215 -4,9%
TOTAL 1.509 1.526 -1,1% 1.321 14,2% 8.573 8.417 1,9%
Fonte: IBS

Os números do IBS corroboram nossa opinião de que o segmento de aço plano


desfruta de melhores perspectivas para o 2S06, ao passo que o segmento de aço
longo deverá registrar um desempenho modesto durante o mesmo período. Isto
justifica nossa preferência pelas empresas produtoras de aço plano, em detrimento
das produtoras de aço longo.

Além disso, entendemos que a demanda positiva por produtos de aço plano no Brasil
deverá ser vista como uma oportunidade para os produtores de aço obterem um
“porto seguro” no atual cenário de incertezas em relação ao mercado internacional.
Esperamos que as empresas siderúrgicas brasileiras administrem estrategicamente
seu mix de vendas, tirando proveito da boa demanda no mercado local, aliviando os
efeitos dos preços voláteis (e possivelmente desfavoráveis) dos exportados.

Exportações de Produtos Siderúrgicos (mil toneladas)

Exports Jun/06 May/06 MoM Jun/05 YoY YTD06 YTD05 YoY

Finished 542 358 51,5% 547 -1,0% 3.074 2.739 12,2%


Flat 282 207 36,0% 351 -19,8% 1.890 1.468 28,7%
Long 260 150 72,9% 196 32,9% 1.184 1.271 -6,9%
Semi-finished 379 455 -16,8% 707 -46,4% 2.591 2.914 -11,1%
Slabs 199 302 -34,1% 516 -61,5% 1.726 1.809 -4,6%
Blooms & billets 180 154 17,3% 191 -5,9% 865 1.105 -21,7%
TOTAL 921 813 13,3% 1.254 -26,6% 5.665 5.653 0,2%
Fonte: IBS

Em relação às exportações brasileiras, os dados do IBS apontaram um enorme


crescimento sobre o mês anterior, mas atribuímos estes aumentos impressionantes
ao final da greve dos funcionários das alfândegas. O final da greve teve o efeito de
liberar as exportações de aço estocadas nos portos, aumentando de forma dramática
os resultados das exportações no mês. Em relação ao trimestre anterior, contudo,
acreditamos que as exportações deverão registrar uma queda de 15% no caso de
produtos acabados de aço longo, o que aliado aos menores preços internacionais
deverão exercer uma certa pressão sobre as margens da Gerdau no Brasil no 2T06.

Itaú Corretora 4
Metallica – 21 de julho de 2006

Vendas Totais de Produtos Siderúrgicos (mil toneladas)

Total Sales Jun/06 May/06 MoM Jun/05 YoY YTD06 YTD05 YoY

Finished 1.999 1.812 10,3% 1.818 9,9% 11.291 10.850 4,1%


Flat 1.216 1.114 9,2% 1.134 7,3% 6.928 6.695 3,5%
Long 782 698 12,0% 684 14,3% 4.363 4.155 5,0%
Semi-finished 430 526 -18,2% 757 -43,1% 2.947 3.219 -8,5%
Slabs 217 333 -35,0% 531 -59,2% 1.877 1.899 -1,1%
Blooms & billets 214 193 10,8% 225 -5,1% 1.069 1.320 -19,0%
TOTAL 2.429 2.338 3,9% 2.575 -5,7% 14.238 14.070 1,2%
Fonte: IBS

Para o ano de 2006 como um todo, nossas projeções para a demanda brasileira
permanecem inalteradas. Estimamos que a demanda por aços planos aumente 6%
em relação ao ano de 2005; já para os produtos de aço longo, esperamos que a
demanda cresça 10% em relação ao mesmo período, dando suporte a nossa
classificação de OVERWEIGHT para o setor siderúrgico brasileiro.

5 Itaú Corretora
21 de julho de 2006 Metallica – Steel

EXONERAÇÃO DE RESPONSABILIDADE – ITAÚ CORRETORA DE VALORES S.A.

CLASSIFICAÇÕES: DEFINIÇÕES, DISPERSÃO E RELAÇÕES BANCÁRIAS (3) EXONERAÇÃO DE RESPONSABILIDADE DE TERCEIROS

Relação Cotação Item de Divulgação


Classificação Definição Cobertura (1) Empresas Mencionadas Código
Bancária (2) Recente 1 2 3 4 5 6
Arcelor Brasil PN ARCE3 35,17 X 0 X 0 0 0
Outperformer Retorno total projetado pela Itaú Corretora
Gerdau Met PN GOAU4 38,75 X 0 X X 0 0
10% maior que a projeção de retorno total da 45% 29%
(Compra) Itaú Corretora para o Índice IBOVESPA Gerdau PN GGBR4 32,01 X 0 X X 0 0
Sid Nacional ON CSNA3 69,10 0 0 X X 0 0
Retorno total projetado pela Itaú Corretora Usiminas PNA USIM5 73,91 X 0 X 0 0 0
Market Performer entre + 10% e -10% que a projeção de retorno Em 21 de julho de 2006 Fonte: Itaú Corretora
33% 21%
(Manutenção) total da Itaú Corretora para o Índice
IBOVESPA 1. Itaú Corretora de Valores S.A. e/ou suas afiliadas atuaram como
administradores ou co-administradores de uma oferta pública para
Underperformer Retorno total projetado pela Itaú Corretora as empresas analisadas neste relatório nos últimos 12 (doze)
10% menor que a projeção de retorno total da 22% 14%
(Venda) Itaú Corretora para o Índice IBOVESPA meses, pelo qual receberam remuneração.
2. Itaú Corretora de Valores S.A. e/ou suas afiliadas mantinham
1. Percentual de empresas no universo de cobertura da Itaú Corretora de Valores mercado para as empresas analisadas neste relatório na data da
S.A.dentro desta categoria de classificação. divulgação deste relatório.
2. Percentual de empresas dentro desta categoria de classificação para as quais foram 3. Itaú Corretora de Valores S.A. e/ou suas afiliadas atuaram na
prestados serviços de banco de investimentos nos últimos 12 (doze) meses, ou que qualidade de subscritores de títulos emitidos pelas empresas
serão prestados durante os próximos 3 (três) meses. analisadas neste relatório nos últimos 5 (cinco) anos.
3. As classificações de COMPRA, MANUTENÇÃO e VENDA de curto prazo refletem o juízo 4. Itaú Corretora de Valores S.A. e/ou suas afiliadas detêm em
do analista sobre o desempenho da ação em relação ao desempenho do universo de usufruto, direta ou indiretamente, 1% (um por cento) ou mais de
cobertura da Itaú Corretora S.A. no curto prazo. Uma recomendação atual de curto prazo qualquer classe de ações ordinárias emitidas pelas empresas
será válida até que o analista altere sua classificação, como resultado de quaisquer analisadas neste relatório no final do mês anterior a data de
notícias ou simplesmente em função de uma alteração na cotação da ação (não existe divulgação.
um horizonte de tempo pré-determinado). 5. De acordo com a política de conformidade da Itaú Corretora de
Valores S.A., o(s) analista(s) de investimento e quaisquer dos
membros de seu núcleo famíliar não detêm posições em títulos
emitidos pelas empresas analisadas neste relatório em sua(s)
carteira(s) de investimentos pessoal(is) e não estão pessoalmente
envolvidos na aquisição, venda ou negociação de tais títulos no
mercado. Adicionalmente, o(s) analista(s) de investimento e
quaisquer dos membros de seu núcleo famíliar não atuam como
administrador, diretor ou membro do conselho consultivo das
empresas analisadas neste relatório.
6. Itaú Corretora de Valores S.A. e/ou suas afiliadas receberam
remuneração por serviços de banco de investimento prestados às
empresas analisadas neste relatório nos últimos 12 (doze) meses,
e esperam receber ou pretendem buscar remuneração por
serviços de banco de investimento prestados às empresas
analisadas neste relatório nos próximos 3 (três) meses.

ARCELOR ON SID NACIONAL ON GERDAU MET PN


54 100 150

45 120
Stock Price (R$/share)
Stock Price (R$/share)

75
Stock Price (R$/share)

36
90
27 50

18 60
25
9 30
0 0
0
jul/06
jan/04

jun/04

set/05

fev/06
nov/04

abr/05
fev/04

mai/04

fev/05

mai/05

fev/06

mai/06
ago/04

nov/04

ago/05

nov/05

jul/06
jan/04

jun/04

set/05

fev/06
nov/04

abr/05

UnderPerformer M arket Performer Outperformer UnderPerformer M arket Performer Outperformer


Not Rated Stock Price Target Price Not Rated Stock Price Target Price UnderPerformer M arket Performer Outperformer
Not Rated Stock Price Target Price

GERDAU PN USIMINAS PNA


120 100

100
Stock Price (R$/share)

75
Stock Price (R$/share)

80

60 50

40
25
20
0
0
jul/04

jul/05

jul/06
jan/04

out/04

jan/05

out/05

jan/06
abr/04

abr/05

abr/06
jul/06
jan/04

jun/04

set/05

fev/06
nov/04

abr/05

UnderPerformer M arket Performer Outperformer


UnderPerformer M arket Performer Outperformer Not Rated Stock Price Target Price
Not Rated Stock Price Target Price

21 de julho de 2006 Fonte: Itaú Corretora

Itaú Corretora 6
Metallica – 21 de julho de 2006

INFORMAÇÕES RELEVANTES E GERAIS DE EXONERAÇÃO DE RESPONSABILIDADE

1. Este relatório foi elaborado pela Itaú Corretora de Valores S.A., uma subsidiária do Banco Itaú S.A. Este relatório está sendo distribuído (i) nos Estados Unidos da
América pela Itaú Securities Inc., uma empresa membro da NASD e SIPC; e (ii) no Reino Unido e na Europa pelo Banco Itaú Europa S.A., Agência de Londres,
autorizada pelo Banco de Portugal e regulamentada pela Financial Services Authority para certos tipos de negócios de investimento no Reino Unido. Este relatório
tem como único propósito fornecer informações, e não constitui ou deve ser interpretado como uma oferta ou solicitação de compra ou venda de qualquer
instrumento financeiro ou de participação em qualquer estratégia de negócios específica, qualquer que seja a jurisdição. Embora as informações contidas neste
relatório sejam consideradas confiáveis na data da divulgação deste relatório e tenham sido obtidas de fontes públicas consideradas confiáveis, a Itaú Corretora de
Valores S.A., Itaú Securities Inc. e o Banco Itaú Europa S.A., Agência de Londres não declaram ou garantem, de forma expressa ou implícita, a integridade,
confiabilidade ou exatidão de tais informações. Este relatório não é uma declaração completa ou resumo dos valores mobiliários, mercados ou desdobramentos
aqui abordados. As opiniões, estimativas e projeções expressas neste relatório refletem o atual julgamento do analista de investimento responsável pelo conteúdo
do relatório na data de sua divulgação e estão, portanto, sujeitas a alterações sem aviso prévio. As cotações e disponibilidades dos instrumentos financeiros são
meramente indicativas e sujeitas a alterações sem aviso prévio. A Itaú Corretora de Valores S.A. não está obrigada a atualizar, modificar ou corrigir este relatório e
informar ao leitor a tais alterações, com exceção do encerramento da cobertura das empresas analisadas neste relatório.
2. O analista de investimento responsável pela elaboração deste relatório garante que as opiniões expressas neste relatório refletem de forma precisa suas visões e
opiniões pessoais a respeito de todo e qualquer emitente analisado neste relatório ou seus títulos e foram produzidas com independência e autonomia, incluindo
no que se refere a Itaú Corretora de Valores S.A. Uma vez que as opiniões pessoais dos analistas de investimento podem ser divergentes entre si, a Itaú Corretora
de Valores S.A. e suas empresas afiliadas podem ter publicado ou vir a publicar outros relatórios que não apresentem uniformidade e/ou que cheguem a diferentes
conclusões em relação às informações fornecidas neste relatório.
3. A remuneração do analista de investimento é determinada com base no total de receitas da Itaú Corretora de Valores S.A., uma parcela da qual é gerada através
da prestação de serviços de banco de investimento. Assim como todos os funcionários da Itaú Corretora de Valores S.A. e suas empresas afiliadas, a
remuneração dos analistas de investimento é influenciada pelo resultado geral desta(s) companhia(s), razão pela qual a remuneração de um analista de
investimento pode ser considerada como relacionada indiretamente a este relatório. Entretanto, o analista de investimento responsável pela elaboração deste
relatório garante que nenhuma parcela de sua remuneração esteve, está ou estará, direta ou indiretamente, relacionada a quaisquer recomendações ou opiniões
específicas contidas neste relatório ou atrelada à precificação de quaisquer dos valores mobiliários emitidos pela Companhia. Adicionalmente, o analista de
investimento declara que não mantém vínculo com qualquer pessoa natural que atue no âmbito da Companhia e que não recebe remuneração por serviços
prestados ou apresentam relações comerciais com a Companhia, ou pessoa natural ou jurídica, fundo ou universalidade de direitos, que atue representando o
interesse da Companhia.
4. Os instrumentos financeiros discutidos neste relatório podem não ser adequados para todos os investidores. Este relatório não leva em consideração os objetivos
de investimento, situação financeira ou necessidades específicas de qualquer indivíduo em particular. Os investidores devem obter orientação financeira em
caráter individual, com base em suas características pessoais, antes de tomar uma decisão de investimento baseada nas informações contidas neste relatório.
Caso um instrumento financeiro seja expresso em uma moeda que não a do investidor, uma alteração nas taxas de câmbio podem impactar adversamente o preço
ou valor do instrumento financeiro, assim como a rentabilidade obtida com o mesmo, e o leitor deste relatório assume quaisquer riscos de câmbio. A rentabilidade
dos instrumentos financeiros pode apresentar variações, e seu preço ou valor podem, direta ou indiretamente, subir ou cair. Os desempenhos anteriores não são
necessariamente indicativos de resultados futuros, e nenhuma declaração ou garantia, de forma expressa ou implícita, é feita neste relatório em relação aos
desempenhos futuros. A Itaú Corretora de Valores S.A. se exime de qualquer responsabilidade por quaisquer prejuízos, diretos ou indiretos, que venham a
decorrer da utilização deste relatório ou de seu conteúdo.
5. Este relatório não pode ser reproduzido ou redistribuído para qualquer outra pessoa, no todo ou em parte, e para qualquer propósito, sem o prévio consentimento
por escrito da Itaú Corretora de Valores S.A. Maiores informações relativas aos instrumentos financeiros discutidos neste relatório se encontram disponíveis
quando solicitadas.
Observação Adicional aos Investidores nos EUA: A Itaú Securities Inc. aceita a responsabilidade pelo conteúdo deste relatório. Todo e qualquer investidor nos
Estados Unidos que receba este relatório e deseje realizar uma transação envolvendo qualquer dos títulos e valores mobiliários discutidos neste relatório deve fazê-lo
através da Itaú Securities Inc., localizada na 540 Madison Avenue, 23rd Floor, New York, NY. Favor consultar a Página de Contatos para maiores informações.
Observação Adicional aos Investidores no Reino Unido e na Europa: A Itaú Corretora de Valores S.A., uma subsidiária do Banco Itaú S.A., concedeu autorização
ao Banco Itaú Europa S.A. para distribuir este documento através de sua agência de Londres aos investidores que sejam contrapartes e clientes intermediários, de
acordo com as normas e regulamentos da FSA. Caso você não se enquadre, ou deixar de se enquadrar, na definição de contraparte ou cliente intermediário, você não
deve se basear nas informações contidas neste relatório e deve notificar imediatamente o Banco Itaú Europa S.A., Agência de Londres. As informações contidas neste
documento não se aplicam a, e não devem ser utilizadas por, clientes privados.

7 Itaú Corretora
Contatos www.itautrade.com

ROBERTO M. NISHIKAWA CEO - GLOBAL HEAD OF BROKERAGE BUSINESS


Análise

DIRETOR DE ANÁLISE E ESTRATEGISTA ESTRATÉGIA PARA PESSOA FÍSICA


Marcos De Callis, CFA, CFP, CNPI Flavio R. Conde

ANÁLISE ECONÔMCA SMALL CAPS


Guilherme da Nóbrega, CNPI - Head Renata Faber, CNPI
Tarsila S. Afanasieff Renato Salomone
Mauricio Oreng

AGRONEGÓCIO TELECOM, MÍDIA E TECNOLOGIA


Paolo Di Sora, CNPI Ricardo Araújo, CNPI
Fabiano R. dos Santos, FRM, CNPI Victor Mizusaki, CNPI

PETRÓLEO, PETROQUÍMICA E GÁS RECURSOS NATURAIS (SIDERURGIA, MINERAÇÃO, PAPEL & CELULOSE)
Gilberto P. Souza, CNPI Paolo Di Sora, CNPI
Luiz Carlos Cesta, CNPI Fabiano R. dos Santos, FRM, CNPI

ELÉTRICO E SANEAMENTO CREDITO DE RENDA FIXA


Sergio Tamashiro, CNPI Ciro S. Matuo, CNPI
Boanerges B. Pereira

BANCOS, HEALTHCARE, CONSTRUÇÃO CIVIL & TRANSPORTES ESTRATÉGIA DE RENDA FIXA


Tomás Rocha Awad, CNPI Paulo F. Hermanny, PhD ABD - Head
Vanessa Ferraz, CNPI Paulo Eduardo Mateus

Vendas e Mesa de Operações

DIRETOR DE VENDAS DIRETOR DE RENDA FIXA E FUTUROS


Eduardo Sancovsky Elias Mota Lima Jr.

AÇÕES - VENDAS RENDA FIXA LOCAL


Alexandre Guedes Rogerio Queiroz - Head
Ricardo Schneider Patricia Cruz Bilezikjian, CFA
Regina Jordão Mauricio Silveira
Rodrigo Pace

AÇÕES - MESA DE OPERAÇÕES RENDA FIXA INTERNACIONAL E PROJETOS ESTRUTURADOS


Eduardo Sancovsky Alex Low - Head
Eduardo Borro Vinicius Pasquarelli
Christian Lemos
Gustavo M. Rosa
Eduardo Guiherme dos Santos
Danuse Corradi COMMODITIES
Octavio C. Caruzo Alexandre Mariano
Aureo Eduardo Bernardo Manoel Gimenez
Rogerio Figueiredo Antonio Paro

MERCADOS DOMÉSTICOS DE FUTUROS - ATIVOS FINANCEIROS MERCADOS DOMÉSTICOS DE DERIVATIVOS DE AÇÕES


Alan Jacob Eira Fábio Oliveira M. Monteiro
Douglas Jacob Celso Azem
Luciana Eugenio
Sandro Nogueira Carotini
Roberto Pacheco Motta
Fernando Mormillo Juliano
Rodrigo Mendes
A WHOLLY OWNED SUBSIDIARY OF ITAU CORRETORA DE VALORES S.A.
ITAU SECURITIES, INC. MEMBER: NASD/SIPC - NEW YORK
Itaú Securities U.S. INVESTORS MUST CALL ITAU SECURITIES, INC. IN NEW YORK

PRESIDENTE AÇÕES - MESA DE OPERAÇÕES


Thomas Decoene Andre Teixeira Soares
Alec Cunningham
AÇÕES - VENDAS
Jeffrey Noble RENDA FIXA INTERNACIONAL E PROJETOS ESTRUTURADOS
Renato Lobo Valeria Achoa
Augusto C. Castilho

Itaú Europa
DIRETOR AÇÕES - VENDAS
Carmo Cal André Luiz Dreicon Vieira
Fabio Faraggi
ANÁLISE DE RENDA FIXA
Ana Esteves RENDA FIXA INTERNACIONAL E PROJETOS ESTRUTURADOS
Luis Vaz Irina Goreva
María Insausti Salvador Valadares
Rodolfo Dejou

Asia LICENSEPENDINGWITHSECURITIESANDFUTURESCOMMISSION
Itaú Securities
Julia Chen - Director

As informações contidas neste documento são consideradas confiáveis, mas a Itaú Corretora de Valores S.A. não garante que elas sejam completas ou precisas. As opiniões e estimativas constituem nosso julgamento e estão sujeitas a
mudança sem aviso prévio. O Banco Itaú S.A. pode deter posições nos títulos mencionados a qualquer momento. Os desempenhos anteriores não garantem resultados futuros. Este documento não representa uma oferta ou solicitação de compra
ou venda de nenhum instrumento financeiro. Este relatório foi elaborado pela Itaú Corretora de Valores S.A. e distribuído nos E.U.A. pela Itaú Securities, Inc. e a Itaú Securities Inc. assume a responsabilidade correspondente a seu conteúdo.
Qualquer pessoa que receber este material nos E.U.A. e desejar realizar transações de qualquer título apenas fazem parte da equipe técnica e não emitem opiniões pessoais.