Você está na página 1de 1

Aluno: Waldir Noberto Flôres de Oliveira. 3º04.

Há uma antiga sociedade chamada Alquimista é muito confundida com a


“Sociedade Tula” que fazia sacrifícios para acalmar os Deuses e procuravam Shamballa o
mundo da paz ( Eram confundidos pois usavam círculos de magias muito parecidos com os
círculos de transmutação dos alquimistas). Alquimistas adotavam a lei universal da “Troca
Equivalente”. A Alquimia era composta de 3 etapas: compressão, decomposição e
reconstrução.
A lei que movimenta a tudo e a todos, o mundo até mesmo o universo, a “Troca
Equivalente”, funciona complexamente. Podemos dizer que “tudo é um e um é tudo” , para
simplificar mais ainda podemos dizer que para ganharmos algo devemos dar algo de igual
valor. Se formos refletir sobre isso realmente podemos ver que é verdade, pois veremos
uma situação bem típica do dia a dia: Você fala mal de alguém, depois de um tempo você se
machuca ou alguém lhe nega um favor. Essa lei se equivale a tudo que fazemos ou
deixamos de fazer, os alquimistas á adotavam como lei primordial, sem ela não haveria
vida em lugar nenhum.
Além disso, eles acreditavam na “verdade universal”, que seria o conhecimento
absoluto, o mais próximo de Deus se não o próprio conhecimento de Deus. Mais para
adquirir tal conhecimento era necessário algo de imenso valor, poucos foram os
aventurados a pagar esse preço e mesmo assim não há conhecimento se alguém o
conseguiu. Não é para menos para obtê-lo era necessário invadir o terreno de Deus.
Um grande fato marcante dos alquimistas era a “Pedra do Sangue”, conhecida
também como “Pedra Filosofal”, onde quem a obtivesse não mais precisaria obedecer a
“Troca Equivalente”.Alguns rumores indicam que a pedra continha os seguintes
ingredientes: 35 litros de água, 20kg de carboidratos, 4 litros de amônia, 1,5 kg de cácio,
800 gr de adenosina, 250 gr de sal, 100 gr de nitrogênio, 80 gr de enxofre, 7,5 gr flúor, 5 gr
em ligas metálicas, 3 gr de silicone e mais 15 gr em porções de materais( formula de um ser
humano adulto normal), almas de pessoas dentre outros ingredientes.
Mas, contudo é uma sociedade inteligente que progrediu rapidamente, mais foi
decaindo por serem confundidos com bruxos, e pela sociedade “Tula”. A rumores que
existe um sobrevivente com mais de 100 anos escondido, com um grande conhecimento e
ajuda indiretamente em varias pesquisas cientificas, afinal de contas os alquimistas também
são cientistas.
Vemos que essa lei que age como uma força é verdadeiramente legitima. Poucos
acreditam nessa sociedade, mas ela nos deixou muito conhecimento, que nos impulsionou.
Contudo poucos conhecem sua verdadeira historia, alguns pesam que é uma lenda, ou até
mudaram o verdadeiro significado da alquimia que é tentar romper a “Troca Equivalente”.

( Baseado na história de Alphonse e Eduard )

Interesses relacionados