Você está na página 1de 1

Museus de Ciência e formação de

educadores e professores: encontros e


desencontros
João Carlos Sousa e Adelina Machado, CCVA
O Centro Ciência Viva da Amadora (CCVA) é um espaço interactivo de ciência e
tecnologia. Aberto ao público desde Setembro de 2003 é parte integrante da Rede
de Centros Ciência Viva e como tal o seu principal objectivo é promover a difusão
da cultura científica e tecnológica entre os cidadãos.

Os grupos escolares constituiram sempre um importante público-alvo da acção da


Coordenação Educativa do CCVA desde o início da sua acção em Setembro de
2005.

A observação atenta das actividades envolvendo grupos escolares veio permitir à


Coordenação Educativa constatar que em muitos casos, o papel dos professores
nas visitas ao centro é bastante limitado. As visitas de estudo assumem também
por vezes um carácter vincadamente lúdico, apresentando uma relação ténue com
o currículo e com os temas que estão a ser abordados na Escola.

A proximidade que foi sendo cultivada com os professores das escolas de 1º ciclo
na envolvência geográfica do Centro Ciência Viva permitiu-nos ainda identificar
uma série de características transversais do modo como as temáticas científicas em
geral e o ensino experimental das ciências em particular era implementado em sala
de aula.

Como resposta a este diagnóstico, a Coordenação Educativa do CCVA desenvolveu


um conjunto de intervenções o mais abrangente possível visando a utilização mais
eficaz dos recursos do Centro como parte integrante da abordagem da ciência na
Escola.

Intervenção não-formal:
 análise dos currículos dos vários anos e preparação de uma série de
actividades com base nas nossas exposições visando facilitar a integração
curricular das visitas por parte dos professores;
 transferência das marcações para a Equipa Educativa, numa perspectiva de
intervenção proactiva propondo materiais já construídos ou a sua adaptação,
e incentivando a co-autoria de outros materais por forma a incentivar uma
postura diferente do professor relativamente à visita de estudo;
 preparação conjunta das visitas de estudo, como forma de garantir a
adequação dos recursos e tempos disponíveis no Centro aos objectivos
desejados para as visitas;
 promoção e apoio ao desenvolvimento de projectos (divulgação de boas
práticas).

Intervenção formal:
 realização de 7 turmas do curso de formação para professores do 1º ciclo do
ensino básico "Centros e Museus de Ciência como Centros de Recursos para
o Ensino Experimental das Ciências" que decorreu no Centro Ciência Viva da
Amadora e também no Pavilhão do Conhecimento e nos Centros Ciência
Viva de Estremoz e de Vila do Conde.

A apresentação aborda e desenvolve estes aspectos dando conta do processo de


formação e das perspectivas dos professores intervenientes nestes cursos.