P. 1
SISTEMA RESPIRATÓRIO

SISTEMA RESPIRATÓRIO

|Views: 42.790|Likes:
Publicado porlucas8anoa

More info:

Published by: lucas8anoa on Jul 14, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

08/18/2013

pdf

text

original

SISTEMA RESPIRATÓRIO 01. Os alvéolos são formados por uma única camada de células muito finas.

Explique como esse fato está relacionado à função dos alvéolos. 01. É nos alvéolos que ocorrem as trocas de gases. 02. O que acontece quando a concentração de gás carbônico no sangue aumenta? 02. O bulbo envia uma mensagem para os músculos respiratórios e determina o processo da inspiração. 03. Por que é melhor respirar pelo nariz do que pela boca? 03. No nariz encontramos cílios e muco que funcionam como filtros de ar, retendo e eliminando partículas de poeira e microrganismos. 04. A respiração pulmonar baseia-se essencialmente no transporte de O2 do ar ambiente para as células e do transporte do CO2 das células para a atmosfera”. a) O que é feito do O2 nas células ? a) É usado na respiração celular, para a produção de energia para o funcionamento do metabolismo, como um todo. b) Diferencie a respiração pulmonar da respiração celular. b) A respiração pulmonar corresponde à captação de oxigênio e à liberação de gás carbônico (hematose); já na respiração celular, teremos a utilização do oxigênio captado pela respiração pulmonar, para a produção de gás carbônico (que será liberado pela respiração pulmonar), água e energia para o corpo. c) O que é hematose e em que partes do corpo humano ela acontece ? c) Processo de trocas gasosas que converte o sangue venoso em arterial, que ocorre nos alvéolos pulmonares. 05. Um atleta morador da cidade de São Vicente, SP (nível do mar), deveria participar de um evento esportivo em La Paz, Bolívia (3.650 m de altitude). Foi sugerido que ele viajasse semanas antes para esta cidade. Explique, em termos fisiológicos, a razão da sugestão dada O grande problema enfrentado pelo atleta é o ar rarefeito (pouco oxigênio) em grandes altitudes. Para solucionar tal problema, foi sugerido a ele que viajasse semanas antes para La Paz. Este período de adaptação tem por finalidade fazer com que o organismo aumente o número médio de glóbulos vermelhos no sangue. Desta forma, haverá maior rendimento na captação do oxigênio, e não ocorrerão problemas na respiração celular e na obtenção de energia. 06. Jogadores de futebol que vivem em altitudes próximas à do nível do mar sofrem adaptações quando jogam em cidades de grande altitude. Algumas adaptações são imediatas, outras só ocorrem após uma permanência de pelos menos 3 semanas. Quais são as reações imediatas e as que podem ocorrer a longo prazo? IMEDIATAS: aumentam a freqüência respiratória, os batimentos cardíacos e a pressão arterial. A lONGO PRAZO: aumenta o número de hemácias. 07. O ritmo respiratório é controlado pelo __________, estimulado por regiões localizadas nas artérias carótidas e aorta. Essas regiões são muito sensíveis à variação na concentração de __________ na corrente sangüínea. Quando a quantidade desse gás aumenta, o ritmo respiratório __________. A seqüência correta que preenche as lacunas acima é: a) bulbo - CO2 - aumenta b) cerebelo - CO2 - diminui c) cerebelo - O2 - aumenta d) bulbo - O2 - aumenta

e) cerebelo - O2 – diminui a) bulbo - CO2 - aumenta 08. Assinale a alternativa correta: (PUC-MG) As trocas gasosas no pulmão humano, em condições normais, ocorrem: ( ) nos alvéolos ( ) nos bronquíolos ( ) nos brônquios ( ) na traquéia ( ) na laringe nos alvéolos 09. Responda: a) Em que local do sistema respiratório ocorrem as trocas gasosas ? a) Alvéolos pulmonares b) (PUC-MG) As trocas gasosas no pulmão humano, em condições normais, ocorrem: ( ) nos alvéolos ( ) nos brônquios ( ) nos bronquíolos ( ) na traquéia ( ) na laringe b) nos alvéolos 10. Responda: (CESGRANRIO-RJ) Quais os segmentos do sistema respiratório humano, por ordem de entrada do ar, desde, as vias áreas até a porção respiratória? Vias aéreas, faringe, laringe, traquéia, brônquios, bronquíolos, pulmões e alvéolos pulmonares. 11. Assinale a alternativa correta: (UnB) A seqüência das estruturas do sistema respiratório pulmonar é: ( ) fossas nasais – laringe – esôfago – brônquios – traquéia. ( ) fossas nasais – laringe – traquéia – brônquios ( ) fossas nasais – faringe – esôfago – traquéia – brônquios ( ) fossas nasais – faringe – traquéias – laringe – brônquios ( ) fossas nasais – faringe – laringe – traquéia – brônquios fossas nasais – faringe – laringe – traquéia 12. Assinale a alternativa correta: Durante a inspiração o ar: ( ) entra nos pulmões e o tórax aumenta de volume; ( ) entra nos pulmões e o tórax diminui de volume; ( ) sai dos pulmões e o tórax diminui de volume; ( ) sai dos pulmões e o tórax aumenta de volume. entra nos pulmões e o tórax aumenta de volume. 13. Assinale a alternativa correta: Os fenômenos mecânicos da respiração são: ( ) deglutição e inspiração ( ) inspiração e expiração ( ) inspiração e hematose ( ) expiração e hematose (X) inspiração e expiração

14. Ordene corretamente os órgãos do sistema respiratório humano partindo das fossas nasais. ( ) laringe ( ) traquéia () fossas nasais ( ) faringe ( ) brônquios ( ) bronquíolos 3/4/1/2/5/6 15. (MACK/SP) O esquema representa o aparelho respiratório humano. Assinale a alternativa incorreta a respeito dele.

a) I representa as fossas nasais, onde o ar é aquecido e umedecido. b) II representa a epiglote, que impede a entrada de alimento na laringe. c) Em III situam-se as cordas vocais. d) A entrada e saída do ar em IV ocorrem por movimentação ativa dos alvéolos. e) As trocas gasosas ocorrem em V, exigindo grande vascularização. D 16. (CESGRANRIO) Nos esquemas abaixo, o aparelho respiratório humano está sendo representado e neles são localizadas suas principais estruturas, tais como: vias aéreas superiores, traqueia, brônquios, bronquíolos, bronquíolos terminais e sacos alveolares, que se encontram numerados. Sobre este desenho são feitas três afirmativas:

I. Em 4, o ar passa em direção aos pulmões após ter sido aquecido em 1. II. Em 6, o oxigênio do ar penetra nos vasos sanguíneos, sendo o fenômeno conhecido como hematose. III. Em 8, o gás carbônico proveniente do sangue passa para o ar. Assinale: a) se somente I for correta. b) se somente II for correta. c) se somente I e II forem corretas. d) se somente I e III forem corretas. e) se I, II e III forem corretas. D 17. (UFRN) O tabagismo pode causar enfisema, um problema pulmonar crônico que se caracteriza pela destruição da parede dos alvéolos e perda da elasticidade dos pulmões. As referidas alterações podem ocasionar: a) diminuição de CO2 no alvéolo e aumento da oxiemoglobina no sangue. b) diminuição da hematose, com aumento da freqüência respiratória. c) aumento da hematose, diminuindo a troca de sangue venoso pelo arterial. d) hipertensão pulmonar, com sobrecarga do lado esquerdo do coração. B 18. (UFPI) A recomendação de não se esquentar carro dentro de garagens fechadas ou pequenas e sem ventilação deve-se ao fato de que: a) um dos gases expelidos, o CO2, é muito tóxico e, se aspirado em demasia, pode causar morte por parada cardíaca. b) motores de combustão utilizam o O2 na queima do combustível e conseqüentemente vai faltar O2 para a respiração humana. c) os gases de enxofre liberados pela queima do combustível são altamente tóxicos e podem levar à morte. d) o monóxido de carbono expelido durante a combustão se liga à hemoglobina bloqueando o transporte de O2, podendo causar a morte. e) os gases liberados durante a queima do combustível são cancerígenos. D 19. (PUC/RJ) A respiração é a troca de gases do organismo com o ambiente. Nela o ar entra e sai dos pulmões graças à contração do diafragma. Considere as seguintes etapas do processo respiratório no homem: I. Durante a inspiração, o diafragma se contrai e desce aumentando o volume da caixa torácica. II. Quando a pressão interna na caixa torácica diminui e se torna menor que a pressão do ar atmosférico, o ar penetra nos pulmões. III. Durante a expiração, o volume torácico aumenta, e a pressão interna se torna menor que a pressão do ar atmosférico. IV. Quando o diafragma relaxa, ele reduz o volume torácico e empurra o ar usado para fora dos pulmões. Assinale as opções corretas. a) I e II d) II, III e IV b) I, II e III e) I, II e IV c) todas (D) I, II e IV. A afirmativa III está errada, pois durante a expiração o volume toráxico se reduz em função da atuação do diafragma, o que leva à expulsão do ar.

20. (PUC-PR) As figuras A e B procuram simular situações observadas durante a respiração.

Após análise dos eventos representados em A e B, podemos concluir que: a) em A está ocorrendo inspiração, devido à diminuição da pressão atmosférica. b) em A está ocorrendo inspiração, devido à diminuição da pressão interna. c) em B está ocorrendo inspiração, devido ao aumento da pressão interna. d) em A está ocorrendo expiração, devido ao aumento do volume pulmonar. e) em B está ocorrendo expiração, devido à diminuição da pressão interna. B

8º ano

[ESTUDO DIRIGIDO] GABARITO
B) Explique como isso acontece nos alvéolos pulmonares.  Por meio da difusão, onde o gás mais concentrado de dentro dos alvéolos ( oxigênio) passa para o sangue. E o gás mais concentrado do

Professora : Andréa Barreto Martins da Poça 1. Observe a equação da respiração abaixo e explique :

A)

O que acontece com o gás carbônico que é um dos resultados desta reação ?  É eliminado na expiração. C)

sangue ( gás carbônico) deixa este e vai para os alvéolos. Por que somos capazes de respirar pela boca ?

B)

Em qual sistema ( digestório ou respiratório ) são obtidos a glicose e o oxigênio ?  Glicose => Sistema Digestório  Oxigênio => Sistema Respiratório.

 Porque existe um tubo único que faz a conexão entre os sistemas digestório e respiratório.
3. Imagine que um menino de 1 ano, esteja tomando uma vitamina de banana e comendo um biscoito tipo Maria. A) Onde ocorre a digestão do amido do biscoito? E quais enzimas são responsáveis pela sua digestão.  Na boca pela amilase salivar e no intestino delgado pela amilase pancreática. B) Onde ocorre a digestão do potássio da banana? E qual enzima é responsável pela sua digestão?  O potássio é um sal mineral e não é digerido. Assim não precisa de enzima para ele.

C)

Qual é a diferença entre sangue venoso e arterial ?  Sangue venoso é rico em gás carbônico. E o sangue arterial é rico em oxigênio.

2. Observe o esquema abaixo e responda:

A)

O que é hematose ?  É a troca de gases ( o oxigênio que vai para os alvéolos e o gás carbônico que deixa o sangue) nos alvéolos . E nos tecidos ( o oxigênio é deixado nas células e o gás carbônico vai para o sangue),

C)

Onde acontece a digestão da Proteína do Leite ? Qual enzima agirá neste caso ?  No estômago pela renina.

D)

E se fosse um adulto? Ele seria capaz de digerir a Proteína do leite ? Justifique a sua resposta.  Se fosse um adulto ele não seria capaz de digerir essa proteína pois à

8º ano

[ESTUDO DIRIGIDO] GABARITO
aparelho respiratório. Se a epiglote não se fecha direito por alguma razão, a nossa reação é tossir até que o alimento saia dali. 5. Marque com um (X) as respostas certas : A) A epiglote é uma válvula.. presente na entrada do nariz que

Professora : Andréa Barreto Martins da Poça partir dos 2 anos de idade nós não produzimos mais renina. 4. Responda : A) Qual é a diferença entre o ar que inspiramos e o ar que expiramos?  Ar que inspiramos é rico em oxigênio e o ar que expiramos é rico em gás carbônico. B) Como o diafragma ajuda na inspiração e na expiração ?  O diafragma atua na inspiração pois ele se contrai e aumenta a caixa torácica – o ar entra. Quando relaxa, diminui a caixa torácica – o ar sai. ( expiração) C) Qual alimento é rico em ... i. Cálcio: Leite e derivados ( manteiga, queijo, iogurte...) ii. Vitamina A: Cenoura, abóbora, laranja iii. Vitamina C: Laranja, acerola , limão D) Diferencie alimentos construtores, reguladores de energético. Dê um exemplo para cada grupo.  Construtores ( proteína) forma o corpo ( Exemplos – leite, carne, soja,...)  Reguladores ( vitaminas e sais minerais) regulam o nosso metabolismo ( as nossas atividades para nos manter vivos) – Exemplos: frutas e legumes.  Energéticos ( carboidrato) fornecem energia ao nosso corpo (Exemplosaçúcares, mel, batata, massa, pão,...) E) Explique o engasgo.  Existe um válvula na entrada da laringe ( epiglote) que evita que pedaços de comida sigam para o

a. ( )

impede a passagem do alimento. b. ( ) presente na entrada da traquéia que

impede a passagem do alimento. c. ( ) presente na entrada da faringe que

impede a entrada de alimento. d. ( ) presente na entrada da laringe que

impede a entrada de alimento. - Certo B) A digestão é a quebra... de moléculas pequenas de alimentos

a. ( )

em moléculas maiores. b. ( ) de moléculas grandes de alimentos em

moléculas gigantes. c. ( ) de moléculas grandes de alimentos em

moléculas pequenas. Certo d. ( ) Nenhuma das respostas anteriores.

QUESTÕES: SISTEMA RESPIRATÓRIO Instruções: Leia atentamente os exercícios e tente resolvê-los. A sugestão de resposta elaborada pelo professor você irá encontrar clicando no link "Sugestão de Resposta" situado logo abaixo da pergunta.
01. (FUVEST) Observe o esquema;

Identifique: a) o sistema representado no esquema. b) os órgãos apontados pelas setas de um a quatro. c) o detalhe representado em cinco. d) o local das trocas gasosas.

Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] a) Sistema respiratório. b) Um: traquéia; dois: brônquios: três: bronquíolos; quatro: parede pulmonar ou simplesmente pulmão. c) Alvéolos pulmonares. d) Alvéolos pulmonares.

02. (UFF-RJ) Descreva o caminho que o ar atmosférico percorre no aparelho respiratório humano, citando seus segmentos anatômicos e explicando a diferença na composição do ar inspirado e expirado. Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] O ar penetra pelas fossas nasais, passa pela faringe, laringe e traquéias e chegando aos pulmões, onde segue pelos brônquios e bronquíolos até chegar aos alvéolos, onde ocorrem as trocas gasosas. A diferença entre o ar inspirado e expirado está na concentração de oxigênio e gás

carbônico. No ar inspirado há maior quantidade de oxigênio e menor de gás carbônico. No ar expirado ocorre o contrário, há maior concentração de gás carbônico e menor de oxigênio.

03. (VUNESP) Com relação á respiração dos mamíferos, responda: a) Cite a seqüência correta e ordenada das estruturas do aparelho respiratório humano por onde passa o ar inspirado. b) Explique o que é, e dê a função do diafragma. c) A faringe é um órgão comum a dois sistemas orgânicos. Quais são esses sistemas? d) O que são alvéolos pulmonares? Qual a sua função? e) A respiração pela boca é útil quando precisamos de mais oxigênio (durante um exercício físico, por exemplo), porém é muito melhor respirarmos pelo nariz. Por quê? Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] a) O ar passa pelas fossas nasais, faringe, laringe, traquéia, brônquios, bronquíolos ë alvéolos pulmonares. Sendo que os bronquíolos e alvéolos pulmonares fazem parte dos pulmões. b) O diafragma é um músculo que separa o tórax do abdome, sua função é auxiliar os movimentos de expansão e contração da caixa torácica e dos pulmões. O diafragma e os músculos intercostais estão envolvidos nos mecanismos de inspiração e expiração do ar. c) A faringe é um órgão comum aos sistemas digestivo e respiratório. d) Alvéolos pulmonares são estruturas em forma de "cachos" localizadas nas extremidades dos bronquíolos pulmonares. É o local onde ocorre a hematose, ou seja, a transformação do sangue venoso em arterial. e) O ar que entra pela boca não é filtrado e aquecido. As fossas nasais têm a função de aquecer, filtrar e umedecer o ar. A filtração ocorre através de um conjunto de cílios.

04. (UERJ) Responda as questões abaixo sobre a respiração humana. a) De que maneira o muco secretado pela nossa traquéia protege nosso aparelho respiratório? b) Qual a seqüência de eventos que ocorre no nosso organismo durante a inspiração e expiração? c) A epiglote e as cordas vocais são importantes estruturas do aparelho respiratório. Onde se localizam? Qual a função de cada uma? d) Como o oxigênio e o gás carbônico são transportados através do sangue? Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] a) O muco retém partículas poluentes e agentes infecciosos que podem causar lesões no aparelho respiratório b) Durante a inspiração ocorre a contração do diafragma (abaixamento) e elevação das costelas. Estes movimentos aumentam o volume da caixa torácica, a pressão do ar no interior dos pulmões diminui facilitando a entrada do ar. Na expiração ocorre o relaxamento do músculo diafragma e dos músculos intercostais, diminui o volume da caixa torácica que ao se contrair, expulsa o ar existente no interior dos pulmões. c) Tanto a epiglote como as cordas vocais localizam-se na laringe. A epiglote - fecha a glote durante a deglutição evitando a entrada de alimento no canal respiratório. As cordas vocais estão ligadas com a fonação. d) Oxigênio é transportado principalmente associado à hemoglobina no interior dos glóbulos vermelhos (cerca de 97 %). Gás carbônico é transportado dissolvido no plasma (mais ou menos 10%), associado à hemoglobina (mais ou menos 20%) e dissolvido na forma de íon bicarbonato (cerca de 70%).

05. ((FUVEST) Que relação existe entre respiração pulmonar e respiração celular? Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] Os pulmões são os órgãos respiratórios responsáveis pela hematose, transformação do sangue venoso em arterial. O oxigênio transportado às células, nelas penetra e atinge as mitocôndrias, onde ocorrerá a respiração celular, que leva a produção de energia.

06. (UFGO) "A respiração pulmonar baseia-se essencialmente no transporte de oxigênio do ar ambiental para as células e do transporte do gás carbônico das células para a atmosfera." a) O que é feito com o oxigênio nas células? b) Explique como se realiza o transporte de gás carbônico? c) Quais os grupos animais que apresentam esse processo? Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] a) Nas células, o oxigênio é consumido pela respiração celular dentro das mitocôndrias onde ocorre a liberação de energia. b) O gás carbônico sai das células e difunde-se no sangue. Uma parte dele transforma-se em íons bicarbonato e é transportado pelo plasma; outra parte combina-se com a hemoglobina das hemácias. Ao chegar nos pulmões ocorre o processo inverso e o gás carbônico difunde-se no ar dos alvéolos e é eliminado. c) Esse processo é encontrado em animais terrestres, com respiração pulmonar, como anfíbios, répteis, aves e mamíferos.

07. (VUNESP) Leia atentamente o texto a seguir: "Respirar é uma ação automática. Nós respiramos enquanto estamos acordados ou dormindo sem que, para isso, tenhamos que fazer qualquer esforço consciente. Podemos variar o ritmo da respiração, como em geral acontece quando paramos para pensar sobre isso, e podemos conscientemente respirar mais profundamente". O que não podemos fazer é parar de respirar por mais de um minuto. Se a respiração é contida por muito tempo, nosso encéfalo assume o controle, enviando automaticamente impulsos nervosos ao diafragma e aos músculos intercostais, instruindo-os a se contraírem. O ritmo e a profundidade da respiração também são controlados quimicamente. Durante o esforço, os músculos aumentam a produção de gás carbônico, que começa a se acumular no sangue. O centro respiratório do bulbo detecta esse aumento e acelera o ritmo e a profundidade dos movimentos respiratórios de maneira a eliminar o excesso indesejável de gás carbônico através dos pulmões."". Responda: a) Por que respiramos diferentemente quando estamos dormindo e quando corremos? b) Qual o principal mecanismo que nosso corpo usa para informar a necessidade de mudar o ritmo respiratório? Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] a) Quando estamos dormindo a atividade fisiológica é menor, logo, produz menos gás carbônico e o movimento respiratório é mais lento. b) Quando o nível de gás carbônico é alto no sangue, isso é captado por células quimiorreceptoras

localizadas na aorta e nas carótidas. O bulbo recebe os estímulos e coordena o ritmo respiratório, estimulando os movimentos de inspiração e expiração, eliminando o gás carbônico a absorvendo mais oxigênio.

08. (VUNESP) Em condições normais e encontrando-se desperta, uma pessoa pode parar de respirar na hora em que desejar fazê-lo. A pessoa seria capaz de produzir anoxia total simplesmente parando de respirar? Justifique a sua resposta. Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] Não. Chega um momento que o centro respiratótio (bulbo raquidiano), em função da acidificação do sangue (excesso de gás carbônico), assume o controle dos movimentos respiratórios.

09. (VUNESP) Observe a figura. Ela representa um tipo de respiração.

a) Indique um invertebrado terrestre e um vertebrado que, na fase adulta, apresentam este tipo de respiração. b) Por que este tipo de vertebrado, na fase adulta, necessita efetuar esse tipo de respiração?

Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] a) O desenho indica respiração cutânea. Um invertebrado terrestre que apresenta esse tipo de respiração é a minhoca (anelídeo). Um vertebrado terrestre que apresenta esse tipo de respiração na fase adulta é o sapo (anfíbio da ordem anura). b) Porque os anfíbios (sapos, rãs e pererecas) possuem um pulmão muito pequeno que não consegue realizar trocas gasosas necessárias para a vida do animal, por isso que esses animais possuem respiração cutânea na fase adulta.

10. ((UFV) A alta atividade orgânica dos vertebrados impõe um consumo maior de oxigênio. Para tanto, observa-se que diversos mecanismos respiratórios foram adaptados, tais como: respiração cutânea, branquial e pulmonar. a) Qual a condição básica para que ocorra a respiração cutânea? b) Explique o que é trocas gasosas, citandas onde e como é realizada. c) O que provoca a entrada e a saída de ar na respiração pulmonar, sabendo-se que os pulmões não possuem movimentos ativos? Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] a) Os animais que possuem respiração cutânea possuem: epiderme fina, úmida e permeável e bem vascularizada.

b) É o processo onde o gás carbônico, produzido no organismo é trocado pelo oxigênio atmosférico. Realizada por processo mecânico (difusão) nos pulmões ou outras estruturas respiratórias dos animais como poríferos e cnidários. c) Contrações da musculatura intercostal nos representantes das classes dos répteis, aves e mamíferos. Sendo que os mamíferos possuem também o diafragma para auxiliar nos movimentos de inspiração (entrada do ar) e expiração (saída do ar).

11. (UNICAMP) Existem quatro tipos de sistemas para trocas gasosas nos animais: branquial, pulmonar, traqueal e através da superfície do corpo. a) Quais desses sistemas captam o oxigênio dissolvido na água e quais captam o oxigênio do ar? b) Associe os tipos de sistemas aos seguintes animais: minhoca, barata, camarão, medusa e aranha. Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] a) Os sistemas respiratórios que captam oxigênio da água são: branquial e difusão simples. Difusão simples do oxigênio da água através de membranas úmidas, para o interior do corpo como ocorre com poríferos, cnidários e a planária. Os sistemas traqueal, cutâneo (pele) e pulmonar captam oxigênio do ar. Observação: em qualquer dos métodos de respiração ocorre difusão através de uma superfície úmida. b) Minhocas possuem respiração cutânea pela superfície do corpo. Baratas realizam respiração traqueal. Camarão possui respiração branquial. Medusas realizam respiração por difusão pela superfície do corpo. Aranhas respiram por filotraquéias ou pulmões foliáceos.

12. ((UFRN) Todos nós possuímos uma combinação fantástica de células, que, para sobreviverem, necessitam respirar. Considerando que a função respiratória é desempenhada, em diferentes níveis, pelos pulmões e por todas as células. a) Estabeleça uma comparação entre o processo de respiração pulmonar e o de respiração celular; b) Esclareça como a respiração pulmonar e a celular se relacionam entre si e como cada uma delas, por sua vez, se relaciona com o sistema respiratório.

Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] a) Os pulmões são estruturas especializadas na captação de oxigênio e eliminação de gás carbônico. A respiração celular é o processo bioquímico que consome compostos orgânicos (nutrientes) e oxigênio, produzindo gás carbônico, água e a energia necessária para os processos vitais dos seres vivos b) O oxigênio do ar é conduzido aos alvéolos pulmonares passando por fossas nasais, faringe, laringe, traquéia, brônquios e bronquíolos. O oxigênio associa-se às moléculas de hemoglobina presentes nas hemácias e é então transportado às células e aos tecidos pela corrente sangüínea. O gás carbônico produzido nas células percorre o caminho inverso e é eliminado, pelos pulmões, para o meio ambiente.

13. ((UNICAMP) As hemácias ou glóbulos vermelhos têm vida média de apenas 120 dias no sangue circulante. Isso significa que essas células têm que ser constantemente produzidas. a) Em que local do organismo ocorre a produção de hemácias? b) Qual a principal substância presente nas hemácias? Que elemento da dieta é essencial para sua formação? c) Aponte uma situação que estimula o aumento da produção de hemácias.

Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] a) As hemácias são produzidas pelo tecido hematopoiético da medula óssea vermelha (tecido mielóide). b) A principal substância presente nas hemácias é a hemoglobina. O Ferro é o elemento essencial para a síntese de hemoglobina. c) Grandes altitudes onde o ar é rarefeito

14. (FUVEST) Em relação ao processo respiratório de uma grávida e o seu feto em desenvolvimento, responda: a) O comportamento da hemoglobina humana em relação ao gás oxigênio é muito diferente no adulto e no feto. Qual é essa diferença? Por que essa diferença é necessária em mamíferos placentários? b) É muito comum que mulheres apresentem um quadro de anemia durante a gravidez. As mulheres anêmicas queixam-se de cansaço constante, além de uma acentuada "falta de ar". Essa condição em geral pode ser tratada por meio da ingestão de sais de ferro, ou de uma dieta rica em ferro. Explique de que forma a dose extra de ferro alivia os sintomas de falta de ar. Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] a) A hemoglobina fetal (Hbf) apresenta maior afinidade pelo oxigênio do que a hemoglobina materna. Isso explica a grande captação deste gás pelo sangue fetal ao nível da placenta durante a gestação. Essa maior afinidade da hemoglobina fetal garante a perfeita oxigenação embrionária e fetal durante a gestação dos mamíferos placentários. b) A mulher grávida possui um consumo maior de oxigênio devido à presença do feto. Uma dieta rica em ferro aumenta a formação da hemoglobina e, portanto, permite o transporte de mais oxigênio, o que reduz a sensação de "falta de ar".

15. (FUVEST) O monóxido de carbono (CO) é absorvido nos pulmões e reage com a hemoglobina do sangue, com a qual forma um complexo (COHb) 210 vezes mais estável do que a oxihemoglobina (O2Hb). Qual o prejuízo imediato para as células decorrente da inalação de CO por uma pessoa? Explique. Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] O CO combinado com a hemoglobina impede esta de transportar oxigênio, para as células causando sua morte por asfixia.

16. (UNESP) Vários atletas do continente americano foram convidados a participar de uma competição de atletismo na cidade do Rio de Janeiro. Assim que os atletas desembarcavam no Aeroporto Internacional, eram submetidos a vários testes e exames, um dos quais o hemograma. Um determinado atleta tendo perdido o seu passaporte durante a viagem, alegou ser mexicano e que morava na Cidade do México. Qual o elemento figurado do sangue que, analisado através do hemograma deste atleta, possibilitaria acreditar em sua origem? Justifique sua resposta. Sugestão de Resposta:

[fechar resposta] O aumento do número de glóbulos vermelhos pela medula óssea vermelha é uma adaptação que ocorre em indivíduos que vivem em regiões de elevada altitude. Nestes locais a pressão parcial do oxigênio é menor. O aumento no número de hemácias permite melhor captação, transporte e distribuição do oxigênio ao nível dos tecidos. Em grandes altitudes o número de hemácias aumenta para adaptar o organismo ao ambiente em que o ar é rarefeito. Conseqüentemente aumentaria a capacidade aeróbica do atleta.

17. (UNICAMP) Um atleta morador da cidade de São Vicente, SP (nível do mar), deveria participar de um evento esportivo em La Paz, Bolivia (3 650 m de altitude). Foi sugerido que ele viajasse semanas antes para esta cidade. Explique, em termos fisiológicos, a razão da sugestão dada Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] O grande problema enfrentado pelo atleta é o oxigênio rarefeito em grandes altitudes. Para solucionar tal problema, foi sugerido a ele que viajasse semanas antes para La Paz. Este período de adaptação tem por finalidade fazer com que o organismo aumente o número médio de glóbulos vermelhos no sangue. Desta forma, haverá maior rendimento na captação do oxigênio rarefeito, e não ocorrerão problemas na respiração celular e na obtenção de energia.

18. (UNICAMP) A utilização e manipulação de materiais produzidos com amianto foram proibidas, pois esta substância é prejudicial à saúde das pessoas que trabalham na produção de caixas de água, telhas e revestimentos. As fibras de amianto, por serem finíssimas, quando inaladas penetram, por exemplo, nos pulmões, alojando-se nas estruturas responsáveis pelas trocas gasosas. Em que estrutura dos pulmões se alojam as fibras de amianto? Explique como se realizam as trocas gasosas. Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] As fibras de amianto alojam-se na luz dos alvéolos pulmonares. O oxigênio que chega à cavidade alveolar difunde-se para os capilares sangüíneos, enquanto o dióxido de carbono contido nos capilares sangüíneos difunde-se à cavidade alveolar. Conseqüentemente, o sangue venoso é transformado em arterial, fenômeno denominado de hematose.

19. (UFSCar) O gráfico relaciona a percentagem de oxiemoglobina (%HbO2) formada sob várias pressões parciais de oxigênio (em mmHg). Na ordenada, foi representada a percentagem de oxiemoglobina formada em relação ao total de hemoglobina presente numa amostra de sangue. Na abscissa, está indicada a pressão parcial de oxigênio (em mmHg) do ar em contato com essa amostra. A curva tracejada corresponde a um mamífero e a curva contínua a outro mamífero, de espécie diferente.

Analise o gráfico e responda. a) Em que região deve viver, respectivamente, cada mamífero representado nas curvas um e dois? Justifique a sua resposta. Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] A curva um indica um mamífero que vive em locais de maior altitude. A curva dois indica um mamífero que habita regiões de menor altitude. Mamíferos adaptados a locais de maior altitude possuem hemoglobina com maior afinidade pelo oxigênio. Isso pode ser observado no gráfico, pois o 100% de saturação (oxihemoglobina) acontece em pressões mais baixas. Ao contrário dos mamíferos que vivem em baixas altitudes. Estes possuem hemoglobina com menor afinidade pelo oxigênio, portanto, atingem só atingem os 100% de sua saturação em pressões maiores, ou seja, com mais oxigênio.

20. (FUVEST) Em condições normais, nem todo o gás oxigênio transportado pelo sangue é liberado nos tecidos corporais; um pouco dele continua retido nas moléculas de hemoglobina. No entanto, um aumento da temperatura ou uma queda do pH faz com que a hemoglobina libere uma quantidade adicional de gás oxigênio. a) Explique a relação entre atividade muscular e aumento de temperatura. b) Explique a relação entre atividade muscular e queda de pH.

Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] a) Quanto mais intensa for à atividade muscular maior será a taxa respiratória e, conseqüentemente, maior será a liberação de calor. b) Quanto maior a atividade muscular, maior será a respiração celular aeróbia, conseqüentemente haverá maior produção de gás carbônico. No plasma sangüíneo esse gás carbônico combina-se com a água formando ácido carbôncio, o qual dissocia-se em íon bicarbonato e íon H. Este fenômeno reduz o pH do meio (tornando-o mais ácido) facilitando a liberação do oxigênio pela hemoglobina.

21. (UERJ) É comum vermos em túneis placas com os dizeres: " Em caso de congestionamento, desligue os motores". Nas construções modernas, cada vez mais há preocupação com o sistema de ventilação dentro dos túneis. Isso se deve a um gás inodoro, expelido pelos escapamentos dos carros, por queima de carvão, lenha e outras combustões, e que, quando inspirado em ambientes fechado, pode levar à morte. a) Que gás é esse? b) Por que esse gás pode levar à morte? Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] a) Esse gás é o monóxido de carbono ( CO). b) O monóxido de carbono se liga na hemoglobina, que com isso, não se liga com o oxigênio. O indivíduo pode vir morrer por falta de oxigênio.

22. (UFF) O quadro informa a percentagem de oxi-hemoglobina presente no sangue de dois diferentes animais - X e Y - segundo a pressão parcial de oxigênio

Pressão parcial de oxigênio (mmHg) 20 30 50 100

Oxi-hemoglobina (%) animal X animal Y 30 70 50 80 80 100 95 100

Qual desses dois animais melhor se adapta a altitudes elevadas? Justifique a resposta. Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] O animal Y é o que melhor se adapta a elevadas altitudes, pois em baixas pressões de oxigênio a hemoglobina já está 70% saturada, indicando maior afinidade desta proteína pelo oxigênio.

23. (VUNESP) Ministério da Saúde adverte:

FUMAR PODE CAUSAR CÂNCER DE PULMÃO, BRONQUITE CRÔNICA E ENFISEMA PULMONAR.
Os maços de cigarros fabricados no Brasil exibem advertências como essa. O enfisema é uma condição pulmonar caracterizada pelo aumento permanente e anormal dos espaços aéreos distais do bronquíolo terminal, causando a dilatação dos alvéolos e a destruição da parede entre eles e formando grandes bolsas, como mostram os esquemas a seguir:

a) Explique por que as pessoas portadoras de enfisema pulmonar têm sua eficiência respiratória muito diminuída. b) Faça uma breve descrição de como o nefasto hábito de fumar está associado ao desenvolvimento de câncer de pulmão, garantindo que em seu texto apareçam, de forma relacionada, os seguintes conceitos: tumor, mutação, fumo, proliferação celular descontrolada, genes reguladores da divisão celular. Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] a) Com o rompimento das paredes dos alvéolos e a formação de grandes bolsas, as áreas onde ocorrem às trocas gasosas diminuem causando a deficiência respiratória. b) Substâncias químicas carcinogênicas, presentes na fumaça dos cigarros, provocam mutações nos genes reguladores que controlam as divisões celulares nas células pulmonares. Este fato pode acarretar uma proliferação celular descontrolada originando tumores malignos.

24. (FUVEST) (FUVEST) O termo hipóxia refere-se à condição na qual a disponibilidade ou a utilização de oxigênio está reduzida. Os indivíduos B, C, D e E, relacionados na tabela a seguir, estão submetidos, a diferentes formas de hipóxia. O indivíduo A tem metabolismo de oxigênio normal. Considere que o peso, o sexo e a idade de todos os indivíduos são os mesmos.

indivíduocondição A B C D E normal hipóxia hipóxia hipóxia hipóxia

hemoglobina (g/100 mL de sangue) 15 15 8 16 15

teor de 02 no teor de 02 no sangue sangue arterial venoso 0,190% 0,150% 0,120% 0,150% 0,095% 0,065% 0,200% 0,130% 0,190% 0,180

a) Qual dos indivíduos está sofrendo as conseqüências de uma dieta pobre em ferro? Qual apresenta insuficiência cardíaca e circulação deficiente? Em que dados você baseou suas conclusões? b) Qual deles está sofrendo de envenenamento que impede suas células de usar o oxigênio? Justifique a resposta.

Sugestão de Resposta:
[fechar resposta] a) O indivíduo C porque apresenta uma quantidade de hemoglobina abaixo do normal. b) Em condições normais, a taxa de oxigênio é sempre bem maior no sangue arterial que no venoso. O indivíduo E tem uma taxa de oxigênio no sangue venoso muito próxima à taxa observada no sangue arterial, portanto, é ele que está sofrendo envenenamento que impede as suas células de usar esse gás.

Escola EB 2,3/S de Mora
Ano Lectivo 2008/2009

Ciências Naturais – 9º ano

TESTE DE AVALIAÇÃO Nº 4
Nome _______________________________________ n.º ____ Turma____ Data: 05 /03 / 2009

Classificação: ___________________ A professora _____________ O enc. de educação_____________ Observações:

1 – O esquema da figura 1 diz respeito à circulação do sangue. As letras A e B representam, respectivamente, à circulação pulmonar e sistémica. 1.1 – Faça a legenda da figura. 1– 2– 3– 4– 5– 6– 7– 8– 9– 10 –

Figura 1

1.2 – Relacione a estrutura dos vasos sanguíneos representados com os números 8 e 10 com a função desempenhada por cada um.

1.3 – Explique qual a importância/função do trajecto da circulação sanguínea representado: a) pela letra A

b) pela letra B.

Página 1 de 7

2 – As análises sanguíneas são uma das melhores formas de detectar problemas de saúde dos pacientes, nomeadamente por apresentarem valores anormalmente baixos ou elevados de plaquetas, glóbulos vermelhos ou glóbulos brancos. 2.1 – Indique, justificando para cada caso, quais seriam as anomalias verificadas: 2.1.1 – num indivíduo que sofresse de hemofilia

2.1.2 – num indivíduo que tivesse uma infecção.

3 – Observe atentamente a figura 2 que representa o sistema respiratório

Figura 2

3.1 – Faça a legenda da figura

3.2 – A estrutura indicada com o número 5 tem como função realizar as trocas gasosas com o sangue. 3.2.1 – Indique qual a designação atribuída a esse processo.

3.3. – Indique quais as características da estrutura 5 que lhes permitem realizar com eficácia a sua função.

3.4 – Explique qual a importância da existência de muco e cílios a revestir a parede das vias respiratórias.

Página 2 de 7

4 – Identifique o termo definido em cada uma das afirmações que se seguem: A – Local onde ocorrem as trocas gasosas ao nível dos pulmões. B – Tubo de ligação da faringe à traqueia. C – Circulação do ar para dentro e para fora do corpo. D – Conjunto de processos físicos, químicos e biológicos que permitem às células obter energia através da utilização de nutrientes e oxigénio. E – Canais de bifurcação da traqueia. F – Músculo situado acima do estômago que desce na inspiração.

5 – Das afirmações seguintes, seleccione as que são verdadeiras em relação à inspiração. ___ A – O ar entra nos pulmões, fazendo aumentar o volume da caixa torácica. ___ B – Os pulmões acompanham o aumento de volume da caixa torácica. ___ C – O diafragma e os músculos intercostais contraem-se. ___ D – O volume da caixa torácica diminui. ___ E – Os pulmões aumentam de volume, fazendo aumentar o volume da caixa torácica. ___ F – A entrada de ar para os pulmões faz diminuir a pressão intrapulmonar. ___ G – A pressão intrapulmonar aumenta à medida que a caixa torácica aumenta de volume. ___ H – A diminuição da pressão intrapulmonar obriga o ar a entrar para os pulmões. ___ I – O aumento de volume da caixa torácica leva a um aumento da pressão intrapulmonar.

5.1 – Ordene as frases que seleccionou, de modo a reconstituir o conjunto de fenómenos que desencadeiam o mecanismo de inspiração.

6 – A figura 3 representa esquematicamente as trocas gasosas que ocorrem no corpo humano.

Figura 3

4

5

6.1 – Identifique os gases representados pelas letras A e B.

6.2 – Faça a legenda dos números da figura.

Página 3 de 7

6.3 – Indique a função dos constituintes do sangue representados na figura pelos números 4 e 5.

6.4 – Com base nos dados da tabela, explique o o movimento de gases que ocorre durante a hematose pulmonar.
Pressão dos gases em mm Hg Ar alveolar Sangue venoso Sangue arterial

Oxigénio Dióxido de Carbono

105 40

40 46

100 40

7 – Estabeleça a correspondência entre as afirmações da coluna I e os conceitos da coluna II. Coluna I Coluna II A – O oxigénio difunde-se dos alvéolos pulmonares para o sangue. 1 – Hematose celular 2 – Hematose pulmonar B – O oxigénio difunde-se do sangue para as células. C – O dióxido de carbono difunde-se para o sangue. D – O dióxido de carbono difunde-se das células para o sangue. E – É o processo que ocorre durante a circulação pulmonar. F – É o processo que ocorre durante a circulação sistémica.

A - _____ , B - ______, C - ______, D - ______, E - ______, F - _______

8 – O gráfico da figura 4 relaciona a ventilação pulmonar e ritmo cardíaco durante, antes e depois da realização de exercício físico.

Figura 4

Página 4 de 7

8.1 – Com base no gráfico, descreva o que acontece durante o período de exercício físico e durante o período de recuperação.

8.2 – Explique as alterações verificadas durante o período de exercício físico.

9 – Com o passar dos tempos, a tuberculose é uma doença que tem vindo a diminuir, enquanto que cada vez mais pessoas são afectadas por enfisema pulmonar. 9.1 – Explique que factor terá contribuído para: a) a diminuição da tuberculose b) o aumento do enfisema pulmonar

9.2 – Indique algumas medidas que podem ser tomadas para promover a saúde do sistema respiratório.

Bom trabalho.

A professora:

Ana Rita Rainho

Página 5 de 7

Escola EB 2,3/S de Mora
Ano Lectivo 2008/2009

Ciências Naturais – 9º ano

TESTE DE AVALIAÇÃO Nº 4 - Correcção
1.1 – 1 – artéria pulmonar 2 – veia pulmonar 3 – aurícula direita 4 – ventrículo direito 5 – válvula semi-lunar 6 – aurícula esquerda 7 – bicúspide 8 – veia cava 9 – ventrículo esquerdo 10 – artéria aorta

1.2 – Vaso 8 – como é uma veia transporta sangue de volta ao coração. Por isso apresenta válvulas que impedem que o sangue volte para trás. Vaso 10 – como é uma artéria transporta o sangue que sai do coração. Por isso apresenta paredes espessas e elásticas que lhe permitem aguentar a pressão do sangue durante a diástole. 1.3 – a) A circulação pulmonar leva o sangue até aos pulmões, onde o sangue é purificado (recebe oxigénio). b) A circulação sistémica efectua o transporte de sangue até às células para lhes garantir o fornecimento de oxigénio e nutrientes necessários ao seu funcionamento. 2.1.1 – Teria baixos níveis de plaquetas, já que são elas que fazem a coagulação do sangue. 2.1.2 – Teria elevados níveis de glóbulos brancos, porque são eles que fazem a defesa do organismo. Logo, se o indivíduo tem uma infecção o seu número aumenta. 3.1 – 1 – laringe 2 – traqueia 3 – brônquios 4 – bronquíolos 5 – alvéolos (sacos alveolares) 6 – capilares 7 – pleura 8 – diafragma

3.2.1 – Hematose pulmonar 3.3 – Apresentam paredes finas ; elevada área de trocas ; muito vascularizados 3.4 – O muco permite humedecer as vias respiratórias e reter impurezas. Os cílios permitem conduzir o muco até ao exterior do organismo. 4– A – alvéolos pulmonares B – laringe C – ventilação D – respiração E – brônquios F – diafragma

5.1 – C, B, H 6.1 – A – Oxigénio ; B – Dióxido de Carbono 6.2 – 1 – alvéolo pulmonar 2 – capilar 3 – células 4 – glóbulo vermelho 5 – plasma
Página 6 de 7

6.3 – 4 – transporte de oxigénio 5 – transporte de substâncias em suspensão: dióxido de carbono, nutrientes e hormonas. 6.4 – Os gases tendem a difundir-se do local onde existem em maior quantidade para onde existem em menor quantidade. Assim: • • O oxigénio difunde-se do ar alveolar, onde existe 105mmHg, para o sangue venoso, onde existe apenas 40mmHg deste gás. Já o dióxido de carbono tende a deslocar-se do sangue venoso, onde existe 46mmHg, para o ar alveolar onde existem apenas 40mmHg

7 – A - 2 ; B - 1; C - 1 ; D - 2 ; E - 2; F - 1 8.1 – Durante o período de exercício físico a ventilação e o ritmo cardíaco aumentam e depois voltam ao valores normais durante o período de recuperação. 8.2 – Os aumentos verificados devem-se ao facto de as células necessitarem de mais energia durante o exercício físico. • • O aumento da ventilação permite a obtenção mais rápida de oxigénio, que vai ser utilizado pelas células para produzir a energia que necessitam. O aumento do batimento cardíaco permite um fornecimento mais rápido desse oxigénio às células.

9.1 – a) deve-se à implementação e cumprimento do plano nacional de vacinação. b) deve-se ao aumento do número de fumadores 9.2 – Algumas medidas que podem ser tomadas para promover a saúde do sistema respiratório são: - Não fumar - Seguir o plano de vacinação - Praticar exercício físico regularmente - Privilegiar o ar livre e ambientes não poluídos

A professora:

Ana Rita Rainho

Boa Páscoa

Página 7 de 7

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->