P. 1
LEI 8112 90 Aula 02 to Vacancia to

LEI 8112 90 Aula 02 to Vacancia to

|Views: 123|Likes:
Publicado porpatriciafeitosa

More info:

Published by: patriciafeitosa on Apr 01, 2012
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOC, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

09/25/2012

pdf

text

original

Curso saber direito- Profª.

: Lucília Sanshes LEI 8112/90 FOCO: PROVIMENTO, VACÂNCIA E DESLOCAMENTO 1PROVIMENTO: É A OCUPAÇÃO DE UM CARGO. É QUANDO UM SERVIDOR CHAMDO PARA OCUPAR UM CARGO PÚBLICO. DIVIDE-SE EM: PROVIMENTO ORIGINÁRIO (OU PRIMEIRO PROVIMENTO): • Nomeação - Para pessoas que prestaram concurso e ocuparam o cargo público;

!!! ATENÇÃO : CUIDADO PARA NÃO CONFUNDIR PREENCHER UM CARGO COM A INVESTIDURA. A INVESTIDURA É UM CASO POSTERIOR A NOMEAÇÃO!!! NO CASO DA LEI 8112/90 A INVESTIDURA SE DÁ COM A POSSE! (esfera federal) PROVIMENTO DERIVADOS (OU DECORRENTES) – pois decorrem do provimento originário: • Para pessoas que já são servidores públicos e preenchem outros cargos públicos por várias circunstâncias.

SÃO 5 AS HIPÓTESES:

1. READAPTAÇÃO – acontece quando o servidor sofre uma limitação ou física ou mental que dificulta ou inviabiliza o exercício daquela atividade que ele prestava, mas não o torna inapto para o exercício das atividades em modo geral. Não ficando impossibilitado de trabalhar, mas de exercer aquela função que exercia antes.

Ex:Quando não houver cargo vago ele vai trabalhar na situação de excedente. E o primeiro cargo que vagar é dele. Não pode haver desvio de função.

2 A) REVERSÃO-. Quando alguém que estava inválido volta a trabalhar devido a não existir mais os motivos da aposentadoria por invalidez, ou seja, quando são insubsistentes (não existirem mais) os motivos da aposentadoria por invalidez e a pessoa retorna ao seu trabalho. AINDA SEM CARGO VAGO, A PESSOA FICA COMO EXCEDENTE.

reconduzo de volta essa pessoa ao cargo dela. 3 REINTEGRAÇÃO – Quando algum servidor for demitido. Caso não exista nenhum outro cargo vago e não se consiga aproveitar esse servidor ele ficará em disponibilidade. Portanto. 5 critérios : 1. .2 B ) REVERSÃO NO INTERESSE DA ADMINISTRAÇÃO: incluída pela Medida Provisória 2225/01 – acrescentou a lei 8112/90 uma segunda hipótese de reversão: Houve uma época q Só se chama reversão porque se tem a volta de alguém que está aposentado. tenta-se aproveitar esse servidor agora em outro cargo. pois isso feriria o principio da isonomia. retornando ao seu cargo que ocupava. consegue invalidar a sua demissão seja administrativamente ou judicialmente. Necessidade de ser um servidor estável (não bastava ocupar um cargo efetivo. Prazo de 5 anos a contar da sua aposentadoria . Caso exista alguém no cargo desse servidor. 2. Necessário que o servidor solicitasse a sua volta ao trabalho. 4. 5. mas não recebe a mesma quantia de quem está trabalhando. e caso exista outra pessoa ocupando o cargo deste que foi reconduzido ao invés de se reconduzir agora mais outra pessoa. A pessoa que ocupava o seu cargo é reconduzida. Quem está em disponibilidade continua sendo remunerado. mas para evitar o efeito domino a LEI 8112/90 resolveu: Você é reintegrado. A pessoa ficará em casa disponível para a administração pública. O aposentado tinha de ser aposentado voluntariamente. era necessário ter estabilidade) 3. O cargo tem que estar vago. este servidor receberá proporcional ao seu tempo de serviço. REINTEGRAÇÃO CONFORME A CONSTITUIÇÃO FEDERAL: É a invalidação administrativa ou judicial da demissão de um servidor estável.

NUNCA SERÁ PUNIÇÃO.2 casos: 1Pegar aquele servidor que na tentativa de ser reconduzido ao seu cargo. Ascensão é algo hoje inconstitucional! É diferente de promoção 2VACÂNCIA – SÃO AS HIPÓTESES EM QUE SE VAI DEIXAR O CARGO VAGO E NÃO PREENCHENDO O CARGO.EXONERAÇÃO – deixa-se o cargo vago e perde o vínculo com a administração. sendo que anteriormente era servidor federal estável de uma cargo anterior. 6 PROMOÇÃO –UMA MOVIMENTAÇÃO VERTICAL NA ESTRUTURA DA ADMINISTRAÇÃO. de um cargo federal. e não pediu desligamento do cargo anterior. É O INVERSO DO PROVIMENTO. portanto aproveitasse ele para outro cargo. mas apenas um afastamento deste para a realização do estágio probatório atual. mas não significa deixar a relação com a administração.2 CASOS: 1Pegar algum servidor que está num cargo onde alguém foi reintegrado e enviá-lo ao seu cargo anterior. 5 APROVEITAMENTO. SÃO 7 AS HIPÓTESES: 1. se depara com o seu anterior cargo ocupado e. 2Reprovado no estágio probatório. Vacância é simplesmente deixar um cargo vago. 2Chamar ao trabalho aquele servidor que ficou em DISPONIBILIDADE ( que estava em casa). .4 RECONDUÇÃO. Nesse caso o servidor é reconduzido ao seu cargo anterior sem perdê-lo.

AQUI NÃO É UMA PUNIÇÃO ISSO É= A EXONERAÇÃO DA LEI 8112/90 2.Servidor federal casado com outro servidor (estadual.vacância com a perda do vínculo.APOSENTADORIA6.Servidor doente. Associação com A CLT PARA SE ENTENDER MELHOR: DEMISSÃO COM JUSTA CAUSA ISSO SIM É PUNIÇÃO = DEMISSÃO DA LEI 8112/90. A) REMOÇÃO-É o deslocamento de uma pessoa física. 7. 3- DESLOCAMENTO – DESLOCAR UMA PESSOA OU CARGO.PROMOÇÃO.caso em que se deixa um cargo vago.READAPTAÇÃO. ou federal. ou a administração pode remover o servidor também). – Circunstâncias em que se consegue a remoção a pedido por direito do servidor: 1. AQUI É A PUNIÇÃO.POSSE EM OUTRO CARGO INACUMULADO – deixo o cargo vago. mas ocupa-se outro (vacância seguida de provimento 5. do servidor. . 4. 2. 3. mas ocupa-se outro (vacância seguida de provimento). ou até militar) e o seu cônjuge é removido de ofício. ( o servidor pode solicitar para ser removido. O servidor federal tem o direito de ser removido para onde o cônjuge foi.Associação com A CLT PARA SE ENTENDER MELHOR: DEMISSÃO SEM JUSTA CAUSA.FALECIMENTO.caso em que se deixa um cargo vago. EXEMPLO CORTE DE PESSOAL.deixa-se o cargo vago e perde o vínculo com a administração. ou alguém da minha família está doentepedirei remoção pra onde tem tratamento. mas não perco o vínculo com a administração.DEMISSÃO.

(Só pode acontecer no interesse da administração).Quando há edital de remoção interna: a administração observa os cargos vagos e concede aos servidores uma lista de inscrição. . B) REDISTRIBUIÇÃO.é a remoção ou deslocamento do cargo do servidor. desde que se esteja dentro daquela lista com o seu cargo vago.3.

mas está na atividade recebendo integral SEMPRE QUE UM CARGO ESTÁ VAGO OCORREU VACÂNCIA? Não. DIFERENÇA ENTRE DISPONIBILIDADE E O EXCEDENTE: O disponível vai para a disponibilidade por um lngo período O EXECEDENTE vai trabalhar sem cargo. OS DESLOCAMENTOS MANTÉM O CARGO PREENCHIDO. PROVIMENTO NA ADMINSTRAÇÃO PÚBLICA: Primeiro provimento. VACÂNCIA – É A ÚNICA QUE SE OPÕE.RESUMO: INVESTIDURA= O primeiro ato que vai ligar a pessoas física à administração. existem 6 possibilidades de provimentos de cargo. VARIA NO ESPAÇO DA REMOÇÃO . POIS SIGNIFICA DEIXAR O CARGO VAZIO. pois o cargo é criado vago e daí se se realiza os concursos pó exemplo.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->