Você está na página 1de 7

Universidade Federal de Pernambuco

CCEN - Departamento de Fı́sica


Segunda Chamada - Fı́sica Geral I (2006/2)
Data: 23/03/2007

Justificar TODAS as respostas; NÃO é permitido o uso de calculadoras; Dado: g = 10, 0 m/s2

Questão 1: Um rifle mira horizontalmente em um alvo a 60 m de distância. A bala atinge o alvo


20 cm abaixo do ponto de mira.
a) (0,5) Qual é o tempo de vôo da bala?
b) (0,5) Qual é o módulo da velocidade da bala ao sair do rifle?
c) (1,0) Considere um sistema de eixos coordenados xy com origem no ponto de mira original do rifle,
e eixo x ao longo da direção entre o rifle e o ponto de mira. Em termos dos versores î e ĵ dos eixos x e y,
respectivamente, qual é o vetor velocidade ~v da bala no instante em ela atinge o alvo?
d) (0,5) O raio médio da Terra é de cerca de 6.400 km. Desprezando o efeito da resistência do ar e
considerando a Terra como uma esfera, estime a velocidade que um projétil lançado horizontalmente na
superfı́cie da Terra precisaria ter para ficar girando em movimento circular uniforme ao invés de cair em
direção ao seu centro.

Questão 2: Na situação mostrada na figura 1, os blocos A e B têm massa M = 3, 0 kg cada. Existe


atrito entre o bloco A e a mesa e entre os blocos A e C. Em todos os casos, os coeficientes de atrito
estático e cinético são dados por µe = 0, 30 e µc = 0, 15, respectivamente. A polia e a corda são ideais.
a) (1,0) Qual o menor valor mC = m0 da massa do bloco C que mantém o sistema estático?
b) (1,5) Suponha que mC < m0 , ou seja, que o sistema está em movimento. Qual o valor mı́nimo
mC = m00 para que os blocos A e C movam-se juntos?
    
    




C 








Massa de vidraceiro

























I,R
    
    

    
    

     
     






A 
























Eixo de rotação
     
     

                      

                      



m
     
     

M


B


     
     

     
     

     
     

     
     

     
     

h


Figura 1: Figura 2: Figura 3:

Questão 3: Dois blocos de massas M e m (M > m) estão conectados por uma corda inextensı́vel e
de massa desprezı́vel que passa pela borda de uma polia de momento de inércia I e raio R, como mostra
a figura 2. A polia e a corda são ideais. O sistema é abandonado a partir do repouso. Determine:
a) (1,5) O módulo da aceleração dos blocos.
b) (1,0) A tensão em cada uma das extremidades da corda.

Questão 4: Conforme descrito pela figura 3, duas bolas de 2, 00 kg estão presas às extremidades de
uma haste fina, de comprimento 50, 0 cm e de massa desprezı́vel. A haste é livre para girar sem atrito em
um plano vertical em torno de um eixo horizontal, que passa pelo seu centro. Com a haste inicialmente na
horizontal, um pedaço de massa de vidraceiro úmida de 50, 0 g cai de uma altura de 45 cm verticalmente
sobre uma das bolas, atingindo-a em cheio, inelasticamente. Determine:
a) (1,0) A velocidade angular do sistema imediatamente após a colisão com a massa de vidraceiro.
b) (1,5) A altura da massa de vidraceiro quando o sistema pára de girar momentaneamente, tomando
como referência a linha horizontal que passa pelo eixo de rotação do sistema.

1
Gabarito da Segunda Chamada de Física Geral I 2006/2