Você está na página 1de 4

1)Determine a equao da elipse cujo centro coincide com o

centro da circunferncia 0 6
2 2
= + x y x , passa pelo ponto
) 27 , 2 ( P , tem excentricidade
6
32
e cujo eixo maior paralelo
ao eixo y .
Da equao geral 0 6
2 2
= + x y x temos que
3
6 2
=
=
a
a
e
0
0 2
=
=
b
b

) 0 , 3 ( =
elipse
C
Como
a
c
e = e
6
32
= e , temos que
6
32
=
a
c
(EQ1)
Como o ponto ) 27 , 2 ( P pertence a elipse,podemos substitu-lo na
equao
( ) ( )
1
2
2
0
2
2
0
=

b
x x
a
y y

( ) ( )
1
3 2 0 27
2
2
2
2
=

b a

1
1 27
2 2
= +
b a
(EQ2)
Com a
2
=b
2
+c
2
(EQ3) podemos resolver o sistema

+ =
= +
=
) 3 (
) 2 ( 1
1 27
) 1 (
6
32
2 2 2
2 2
EQ c b a
EQ
b a
EQ
a
c

Isolando c na EQ1 e substituindo na EQ3,vem:
2
2 2
6
32
|
|
.
|

\
|
+ =
a
b a
2 2
2
2
2
2
2
4
36 1
36
4
36
32
a b
b
a
b
a
a
=
=
=

Substituindo
2
4
36
a
na EQ2, vem:
6
1
36
1
9 27
1
4
36 27
2
2 2
2 2
=
=
= +
= +
a
a
a a
a a

Como 2
3 6
2
= = = b
a
b
a
b
Assim, a equao da elipse fica:
( ) ( )
( )
1
2
3
6
1
2
2
2
2
2
2
0
2
2
0
=

+
=

x y
b
x x
a
y y



ADMINISTRAO PBLICA seg fase 2008

2)Calcule a rea do tringulo ABC, em que os vrtices A e B
so os focos
da hiprbole de equao 36 4 9
2 2
= y x e o vrtice C o centro
da circunferncia de
equao 1 3 2
2 2
= + y y x x .


Trata-se de uma hiprbole com centro na origem e focos no eixo Ox
Desenvolvendo a equao da hiprbole em questo
1
9 4
36 4 9
2 2
2 2
=
=
y x
y x

Facilmente conclui-se que a=2 e b=3.Encontramos agora a semi-
distncia focal:

13
3 2
2 2
2 2 2
=
+ =
= +
c
c
c b a

Os focos so os pontos ) 13 , 0 (
1
F e ) 13 , 0 (
2
F .Resta encontrar as
coordenadas centro da circunferncia 1 3 2
2 2
= + y y x x
Equao geral da circunferncia:
0 2 2
2 2 2 2 2
= + + + r b a by ax y x
Da equao geral 1 3 2
2 2
= + y y x x ,temos que

1
2 2
=
=
a
a
e
2
3
3 2
=
=
b
b

Temos os pontos ) 13 , 0 ( A ) 13 , 0 ( B e )
2
3
, 1 ( C
Vamos rea do tringulo
( )
ua A
A
A
13
13 13
2
1
1
2
3
1
1 13 0
1 13 0
2
1
=
=

=



ENGENHARIA ELTRICA seg fase 2008
3)Os pontos A 3,0 e B 0,3 so vrtices de um tringulo; o
terceiro vrtice o
ponto M , interseo das retas de equaes 2x- 3y+ 9 =0 e 7x-
3y -21 =0 . Encontre a
equao da elipse cujo centro o ponto C(0,0) , o semi-eixo
maior a altura do tringulo
ABM relativa ao lado AB , e a excentricidade
2
2
= e .
Resoluo:
O ponto de interseo entre as retas obtido resolvendo-se o
sistema:

=
= +
2 0 21 3 7
1 0 9 3 2
EQ y x
EQ y x

Fazendo ) 1 ( 1 EQ ,temos
6
0 30 5
2 0 21 3 7
1 0 9 3 2
=
=
+

=
= +
x
x
EQ y x
EQ y x

Substituindo o valor de x na 1 EQ :
7
3 21
0 9 3 6 2
=
=
= +
y
y
y

Logo,temos os pontos ) 3 , 0 ( ), 0 , 3 ( B A e ) 7 , 6 ( M .
A altura do tringulo
ABM relativa ao lado AB a distncia do ponto M reta que contm
os pontos A e B.
Vamos determinar a equao desta reta usando a condio de
alinhamento de trs pontos:
0 3
0 9 3 3
0 3 3 9
0
1
1 3 0
1 0 3
= +
= +
=
=
y x
y x
y x
y x

Encontraremos agora e altura do tringulo pela frmula que fornece
a distncia de ponto a reta:
2 2
0 0
,
B A
C B x A
d
y
r P
+
+ +
=
2 2
,
1 1
3 7 . 1 6 1
+
+ +
=
r P
d
2
16
,
=
r P
d

2 8
,
=
r P
d
Da relao
2 2 2
c b a + = na elipse, temos:
( ) 1 2 8
2 2
2
EQ c b + =
Substituindo
2
2
= e e 2 8 = a em
a
c
e = ,vem:
8
2 8
2
2
=
=
c
c

Substituindo o valor de c na EQ1:
( )
64
8 2 8
8 2 8
2
2 2 2
2 2
2
=
=
+ =
b
b
b

Equao da elipse:
1
2
2
2
2
= +
b
y
a
x

1
64 128
2 2
= +
y x