Você está na página 1de 151

Caminhos

do Sabor
A união faz o destino

PORTO DE GALINHAS – IPOJUCA – PERNAMBUCO

A união faz o destino

Junho de 2009
PORTO DE GALINHAS
Clique para adicionar um título
Apresentação

 Este relatório apresenta os resultados da pesquisa realizada em Porto de Galinhas –


Ipojuca – Pernambuco, com a finalidade de elaborar um diagnóstico do Setor de
Alimentação Fora do Lar (SAFL) local para subsidiar a implantação do Projeto Caminhos
do Sabor – A União faz o destino.

 Este programa, foi conduzido pela ABRASEL – Associação Brasileira de Bares e


Restaurantes em parceria com o Ministério do Turismo, contando com o apoio do
SEBRAE e pretende utilizar características exclusivas da comida dos destinos onde for
implantado como fator de competitividade, diferenciando-o de outros destinos
concorrentes e, assim, atrair um maior fluxo de turistas para o local.

 A pesquisa contemplou quatro públicos distintos segundo sua relação com o SAFL:
Consumidores Locais, Turistas, Empresário do Setor e o grupo responsável pela
implantação do projeto na localidade, denominado Grupo de Governança.
PORTO DE GALINHAS
Clique para adicionar um título
Apresentação

 Dos consumidores locais e turistas, obteve-se uma análise da oferta proporcionada


pelo SAFL local, colocada frente às demandas que apresentaram, além de dados sobre
o perfil dos entrevistados, sobre o comportamento dos consumidores ao escolher e
verificar a qualidade dos estabelecimentos e uma avaliação da comida local, chamada,
no programa, de Comida do Lugar.

 Dos empresários do setor, obteve-se uma avaliação do mercado local, de suas


disponibilidades de oferta, de insumos e das características de gestão que
predominam no destino.

 Do Grupo de Governança, obteve-se uma avaliação do turismo observando-se sua


importância para a cidade e seus diferenciais mercadológicos, além de uma profunda
análise da gastronomia e sua participação no setor de turismo.
PORTO DE GALINHAS
Clique para adicionar um título
Apresentação
 Esta pesquisa foi desenvolvida em três fases, caracterizadas, cada uma, pelo público
que abordou.
 Consumidores do SAFL: compreendendo os consumidores locais e os turistas, esta
fase foi desenvolvida através de uma pesquisa quantitativa, que utilizou a técnica
denominada survey de opinião, que verifica a distribuição estatística das respostas a
um questionário estruturado, aplicado a uma amostra da população-alvo.
 Empresários do SAFL: este público foi abordado através de entrevistas semi-
estruturadas, com um questionário que combinava questões abertas, de resposta livre,
com questões fechadas que permitiram quantificações e comparações com os públicos
anteriores.
 Grupo de Governança: este público, constituído por importantes representantes de
lideranças no setor, foi ouvido através de Entrevistas em Profundidade.
CAPÍTULO 1 - NOTAS METODOLÓGICAS

5
PORTO DE GALINHAS
Clique para adicionar
Metodologia – Pesquisa
umQuantitativa:
título coleta de dados

 A pesquisa quantitativa foi utilizada na abordagem dos Consumidores Locais e Turistas. Os


dados foram coletados através da aplicação de um survey de opinião:

 CONSUMIDORES LOCAIS: Survey com 31 entrevistas estruturadas, de caráter


quantitativo, junto a moradores do destino, com pelo menos 18 anos de idade
e renda familiar de 3 salários mínimos ou mais.

 CONSUMIDORES VISITANTES (TURISTAS): Survey com 32 entrevistas


estruturadas, de caráter quantitativo, junto a turistas que se encontrassem em
Porto de Galinhas no período de realização da pesquisa. Os entrevistados
deveriam ter pelo menos de menos 18 anos de idade, estar em Ipojuca há no
mínimo 01 dia e ter utilizado, no mínimo, 02 vezes os serviços dos
estabelecimentos do Setor de Alimentação Fora do Lar (SAFL) da cidade.
PORTO DE GALINHAS
Clique para adicionar
Metodologia – Pesquisa
umQuantitativa:
título amostragem

 CONSUMIDORES LOCAIS: AMOSTRAGEM POR QUOTAS POPULACIONAIS. Os


entrevistados, dentre os moradores da cidade, foram selecionados através da
fixação de quotas proporcionais às distribuições de gênero (feminino, masculino) e
idade da população de Ipojuca, segundo dados do Censo 2000 do IBGE,
consideradas as restrições dos filtros de idade e renda familiar já descritas.

 TURISTAS: AMOSTRAGEM POR JULGAMENTO. As entrevistas foram realizadas em


locais de fluxo de turistas. A seleção do entrevistado foi feita pelo próprio
entrevistador, sob orientação da coordenação de campo, que supervisionou o
cumprimento dos critérios impostos para a entrevista.
PORTO DE GALINHAS
Clique para adicionar
Metodologia – Pesquisa
umQuantitativa:
título trabalhos de campo

 Os trabalhos de campo foram realizados entre os dias 20 de maio e 02 de junho de


2009. A abordagem aos entrevistados foi pessoal, face-face, aplicando-se um
questionário contendo perguntas fechadas e abertas.

 O controle de qualidade e da veracidade das respostas foi realizado em tempo real,


através de supervisão ativa do trabalho dos entrevistadores. Imediatamente após a
aplicação, cada questionário foi revisado em busca de erros de preenchimento e de
consistência de dados, com o retorno a campo daqueles considerados inadequados
pela coordenação dos trabalhos.

 Quando necessário, os dados ausentes, decorrentes de não-resposta ou de


incapacidade de resposta do entrevistado, foram tratados através de
processamento eletrônico, resultando em sua substituição por valores calculados
estatisticamente.
PORTO DE GALINHAS
Clique para adicionar
Metodologia – Pesquisa
umQualitativa:
título entrevista semi-estruturada
 Normalmente, a entrevista semi-estruturada é classificada como técnica qualitativa de
caráter aberto, embora admita, na construção do instrumento de coleta, questões
fechadas e estruturadas, com vistas a possíveis quantificações.

 EMPRESÁRIOS DO SAFL: Nesta pesquisa, esta técnica de coleta foi utilizada para ouvir
uma amostra de empresários do setor de alimentação fora do lar. A escolha justifica-
se por ser necessário dar aos entrevistados uma considerável liberdade de resposta
sobre temas voltados à gestão de suas empresas e à descrição do mercado local e suas
características. Por outro lado, mostrou-se útil, também, quando através de
quantificações, pode-se efetuar comparações com questões de igual teor colocadas
para os Consumidores Locais e Turistas, o que resultou em análises extremamente
ricas de conteúdo estratégico.
PORTO DE GALINHAS
Clique para adicionar
Metodologia – Pesquisa
umQualitativa:
título entrevista em profundidade

 A amostra foi composta de 30 empresários, selecionados intencionalmente de


listagem fornecida pela ABRASEL. As entrevistas foram aplicadas entre os dias 20 de
maio e 02 de junho de 2009.

 O ponto de vista das lideranças foi captado através de uma pesquisa em


profundidade que abordou questões que permitiram uma análise rica da cidade do
ponto de vista crítico e objetivo.

 A pesquisa com essas lideranças foi aplicada entre os dias 20 de maio e 02 de


junho de 2009, em Porto de Galinhas, de acordo com a disponibilidade dos
entrevistados.
CAPÍTULO 2 – PERFIL DOS ENTREVISTADOS

 Perfil Demográfico: Consumidores Locais e Turistas


 O Turista de Porto de Galinhas

11
PORTO DE GALINHAS
Clique para
Gênero dos adicionar
entrevistados
um título
– Consumidor Local e Turistas

Sexo do entrevistado - Consumidores Locais Sexo do entrevistado - Turistas

Homem Homem
Mulher Mulher

51,6% 48,4% 46,9%


53,1%

 Entre os Consumidores Locais a amostra foi de 48,4% homens e 51,6% mulheres. Já em relação
aos Turistas, o sexo masculino prevaleceu com 53,1% da amostra.
PORTO DE GALINHAS
Clique para adicionar
Faixas etárias um título – Consumidor Local e Turistas
dos entrevistados

Idade do entrevistado - Consumidores Locais Idade do entrevistado - Turistas


30,0% 40,0%

25,0%

30,0%

20,0%
Percent

Percent
15,0% 20,0%

25,8% 34,4%

10,0% 19,4%

10,0%
12,9% 18,8%
5,0% 15,6%
9,7% 9,7% 9,7%
12,5% 12,5%
6,5% 6,5%

3,1% 3,1%
0,0%
0,0%
18 a 20 21 a 25 26 a 30 31 a 35 36 a 40 41 a 50 51 a 60 Mais de 21 a 25 26 a 30 31 a 35 36 a 40 41 a 50 51 a 60 Mais de
60 anos 60 anos
PORTO DE GALINHAS
Clique etárias
Faixas para adicionar
dos entrevistados
um título – Consumidor Local e Turistas

 Conforme cota fixada para a realização da pesquisa, foram abordados Consumidores Locais
que atendiam a todas as faixa etárias. Podemos perceber que em Porto de Galinhas a faixa de
consumidores locais entrevistados predominante é entre 41 e 50 anos (25,8%), seguida de 21
e 25 anos (19,4%) e de 36 a 40 com 12,9% de representatividade.

 Já entre os Turistas, 34,4% da amostra era composta de pessoas na faixa de 26 a 30 anos.


Outras duas faixas apresentam alta representatividade, sendo elas de 41 a 50 (18,8%) e 31 a
35 anos (15,6%).

 Esse gráfico nos mostra que Porto de Galinhas parece ser mais atrativa para turistas na faixa
etária com menos de 35 anos, uma vez que essa faixa compreendia 62,5% da amostra.
PORTO DE GALINHAS
Clique para adicionar
Escolaridade dos entrevistados
um título – Consumidor Local e Turistas

Nível de Escolaridade - Consumidores Locais Nível de Escolaridade - Turistas

Superior completo 6,5% Pós-graduação


37,5%
incompleto/completo
Superior incompleto 3,2%

Ensino médio completo 32,3% Superior completo 25,0%

Ensino médio incompleto 9,7%


Superior incompleto 15,6%
Fundamental 2 completo 19,4%

Fundamental 2
3,2% Ensino médio completo 18,8%
incompleto

Fundamental 1 completo 19,4%

Fundamental 1 Fundamental 2 completo 3,1%


6,5%
incompleto

0,0% 10,0% 20,0% 30,0% 40,0% 0,0% 10,0% 20,0% 30,0% 40,0%
Percent Percent

 Enquanto 32,3% dos Consumidores Locais possuem ensino médio completo, sendo esse o nível de
escolaridade que predomina nesse grupo, entre os Turistas prevalecem a pós-graduação
incompleta/completa, com 37,5% de representatividade. Podemos perceber considerável diferença
do grau de escolaridade entre os grupos, uma vez que enquanto entre os Consumidores Locais,
somente 9,7% da amostra é composta de pessoas com no mínimo o superior incompleto ou
completo.
PORTO DE GALINHAS
Clique para
Estado Civil adicionar
dos entrevistados
um título– Consumidor Local e Turistas

Estado Civil - Consumidores Locais Estado Civil - Turistas

Casado 41,9% Casado 53,1%

Solteiro 25,8%
Solteiro 34,4%

União estável 19,4%

Separado/divorciado 9,4%

Viúvo 9,7%

União estável 3,1%


Separado/divorciado 3,2%

0,0% 10,0% 20,0% 30,0% 40,0% 50,0% 0,0% 10,0% 20,0% 30,0% 40,0% 50,0% 60,0%
Percent Percent

 Em relação ao estado civil dos Consumidores Locais, a predominância é dos casados


(41,9%). Entre os Turistas entrevistados, prevalecem os casados com 53,1% de
representatividade da amostra.
PORTO DE GALINHAS
Clique para
Renda familiar
adicionar
dos entrevistados
um título – Consumidor Local e Turistas

 Como poderá ser visto nos próximos gráficos, as faixas de renda familiar mais frequentes entre
os Turistas entrevistados são de 3 a 5 e de 15 a 20 salários mínimos.

 Já entre os Consumidores Locais entrevistados, uma grande maioria se concentra na faixa de 1


a 3 salários mínimos com 77,4% de representatividade.

 Este gráfico nos mostra que a renda familiar dos Consumidores Locais está bastante aquém da
renda dos Turistas. Provavelmente esse fato se dá em função da diferença no grau de
escolaridade apresentada pelos dois grupos, já que enquanto 78,1% dos Turistas possuem curso
superior completo / incompleto / pós graduação, somente 9,7% dos Consumidores Locais
possuem curso superior completo / incompleto.
PORTO DE GALINHAS
Clique para
Renda familiar
adicionar
dos entrevistados
um título – Consumidor Local

Faixa de renda familiar - Consumidores Locais


50,0%

40,0%

30,0%
Percent

48,4%

20,0%

29,0%

10,0% 19,4%

3,2%
0,0%

Até 1SM + de 1 a 3 SM + de 3 a 5 SM + de 5 a 10 SM

Referência: Salário Mínimo de R$ 465,00 – Fevereiro de 2009


PORTO DE GALINHAS
Clique para
Renda familiar
adicionar
dos entrevistados
um título – Turistas

Faixa de renda familiar - Turistas


30,0%

25,0%

20,0%
Percent

15,0%
28,1%

21,9%
10,0%
18,8%
15,6%

5,0%

6,2%
3,1% 3,1% 3,1%
0,0%

+ de 1 + de 3 + de 5 + de 10 + de 15 + de 20 + de 30 + de 40
a 3 SM a 5 SM a 10 a 15 a 20 a 30 a 40 SM
SM SM SM SM SM

Referência: Salário Mínimo de R$ 465,00 – Fevereiro de 2009


PORTO DE GALINHAS
Cliquedo
Perfil para
turista
adicionar
de Porto
um de
título
Galinhas: quem são, de onde vêm

 O perfil dos Turistas de Porto de Galinhas é resultado da análise dos dados obtidos nos
questionários aplicados à amostra deste público abordada no survey.

 Todos os Turistas entrevistados eram originários do Brasil, principalmente de São Paulo, Rio
Grande do Sul e Minas Gerais. 25% da amostra era composta de turistas que estavam
retornando à cidade.

 Os Turistas vão para a cidade em busca de lazer (90,6%) e o período de estadia programado
pela maioria dos entrevistados é de 7 dias ou mais (46,9%), demonstrando que o destino é
procurado para estadias mais longas. A maioria vai à cidade acompanhada de duas ou três
pessoas, sendo as principais companhias escolhidas a (o)esposa (o) / namorada (o) e parentes
/ amigos / colegas.

 Para chegar à cidade, o principal meio de transporte utilizado é o automóvel (68,8%).


PORTO DE GALINHAS
Cliquedo
Perfil para
turista
adicionar
de Porto
um de
título
Galinhas: origem

País de origem do entrevistado - Turistas


 Todos os Turistas
entrevistados eram
brasileiros,
demonstrando a
grande atratividade
do destino para o Brasil 100,0%

público interno.

0,0% 20,0% 40,0% 60,0% 80,0% 100,0%


Percent
PORTO DE GALINHAS
Cliquedo
Perfil para
turista
adicionar
de Porto
um de
título
Galinhas: origem

 21,9% dos turistas entrevistados


em Porto de Galinhas, eram
Estado de origem do entrevistado - Turistas
originários do estado de São
Paulo. Em segundo lugar, temos SP 21,9%

o Rio Grande do Sul e Minas RS 12,5%

Gerais, com 12,5% de MG 12,5%

PE 9,4%
representatividade cada.
RJ 9,4%

PR 6,2%

GO 6,2%
 Em terceiro lugar, temos
SC 6,2%
Pernambuco e o Rio de Janeiro DF 3,1%
com 9,4% cada um. MT 3,1%

PI 3,1%

AC 3,1%
 A diversidade de estados RN 3,1%

representados demonstra a
0,0% 5,0% 10,0% 15,0% 20,0% 25,0%
atratividade do destino para o Percent

turismo.
PORTO DE GALINHAS
Cliquedo
Perfil para
turista
adicionar
de Porto
um de
título
Galinhas: origem

 Belo Horizonte e São Paulo


(12,5% cada) são as duas cidades Cidade de origem do entrevistado - Turistas

com maior representatividade na Belo Horizonte 12,5%


São Paulo
amostra. Rio de Janeiro 9,4%
12,5%

Recife 6,2%
Goiânia 6,2%
Porto Alegre 6,2%
 Em segundo lugar, aparece o Rio Curitiba 6,2%
Teresina 3,1%
de Janeiro com 9,4%. Brasília 3,1%
Rio Branco 3,1%
Seberi 3,1%
Bagé 3,1%
 Outras 17 cidades são citadas Barretos 3,1%
Rondonópolis 3,1%
demonstrando a grande Limeiras 3,1%
Sombrio
atratividade que a cidade possui Florianópolis
3,1%
3,1%

para a atividade turística. Vitória de Santo Antão


Campinas
3,1%
3,1%
Natal 3,1%

0,0% 2,5% 5,0% 7,5% 10,0% 12,5%


Percent
PORTO DE GALINHAS
Cliquedo
Perfil para
turista
adicionar
de Porto
um de
título
Galinhas: frequência a Porto de Galinhas

 75,0% dos Turistas entrevistados


estavam pela primeira vez na
cidade. Outros 12,5% estavam Quantas vezes o entrevistado já foi a Porto de Galinhas - Turistas

retornando à cidade pela segunda 80,0%

vez.

60,0%

 Podemos perceber, nesse gráfico,


que a cidade é procurada por

Percent
40,0%
pessoas que buscam esse destino 75,0%

com o objetivo de conhecer a


cidade e que 25% já o fizeram e 20,0%

retornaram.
12,5% 3,1% 3,1%
6,2%
0,0%

É a primeira Duas vezes Três vezes Cinco vezes Mais de


vez cinco vezes
PORTO DE GALINHAS
Cliquedo
Perfil para
turista
adicionar
de Porto
um de
título
Galinhas: permanência na cidade

Tempo planejado para permanência em Porto de Galinhas - Turistas

 Quase a metade dos Turistas 25,0%

(46,9%) entrevistados
pretendia ficar na cidade por 7 20,0%

dias ou mais.
 Isso demonstra que o destino é 15,0%

Percent
procurado para férias ou 25,0%
21,9%
descansos mais longos, uma 10,0%

vez que a permanência é por 15,6%


12,5% 12,5%
um período maior. 5,0%

6,2% 6,2%

0,0%

Um dia Dois Três dias Quatro Cinco Sete Mais de


dias dias dias dias sete dias
PORTO DE GALINHAS
Cliquedo
Perfil para
turista
adicionar
de Porto
um de
título
Galinhas: permanência na cidade

Há quantos dias o entrevistado estava em Porto de Galinhas - Turistas

30,0%
 28,1% dos Turistas
entrevistados 25,0%

estavam na cidade há
um dia e 46,8% 20,0%

estavam na cidade há

Percent
15,0%
28,1%
quatro dias ou mais.
10,0%
18,8%
15,6% 15,6%

5,0% 9,4%
6,2% 6,2%

0,0%

Um dia Dois Três dias Quatro Cinco Sete Mais de


dias dias dias dias sete dias
PORTO DE GALINHAS
Cliquedo
Perfil para
turista
adicionar
de Porto
um de
título
Galinhas: finalidade da viagem

Qual o motivo da viagem - Turistas

 A maioria dos Turistas Lazer 90,6%

entrevistados (90,6%)
estavam na cidade a
lazer, demonstrando a
Negócio/trabalho 6,2%
vocação de Porto de
Galinhas para esse fim.

Estudos 3,1%

0,0% 20,0% 40,0% 60,0% 80,0% 100,0%


Percent
PORTO DE GALINHAS
Cliquedo
Perfil para
turista
adicionar
de Porto
um de
título
Galinhas: com quem viajam

 65,6% dos entrevistados estavam


Com quantas pessoas o entrevistado estava viajando - Turistas
na cidade acompanhados de 2, 3
ou 4 pessoas. 3,1% estavam na 0 3,1%

cidade sozinhas ou 1 3,1%

2 37,5%
acompanhadas de uma pessoa.
3 21,9%

4 6,2%

 Esse gráfico nos mostra que a 5 3,1%

cidade é procurada por grupos 6 9,4%

8 3,1%
menores sendo mais atrativa
15 3,1%
principalmente para grupos de no
40 3,1%
máximo 4 pessoas.
NS 6,2%

0,0% 10,0% 20,0% 30,0% 40,0%


Percent
PORTO DE GALINHAS
Cliquedo
Perfil para
turista
adicionar
de Porto
um de
título
Galinhas: com quem viajam

 Esposa (o) / Namorada (o)


é a principal companhia dos
entrevistados (59,4%),
seguidos de Parentes
/Amigos /Colegas (46,9%).

 Podemos perceber que a


cidade é procurada como
lazer, sendo um destino
atrativo principalmente
para casais e pequenos
grupos.
PORTO DE GALINHAS
Cliquedo
Perfil para
turista
adicionar
de Porto
um de
título
Galinhas: como viajam

 A forma de transporte mais


Como o entrevistado chegou a Porto de Galinhas - Turistas
utilizada pelos Turistas
entrevistados para chegar a
Porto de Galinhas foi o
automóvel (68,8%). Automóvel 68,8%

 Foi citado também o ônibus


com (31,2%).

Ônibus 31,2%
 Todos os Turistas chegaram a
Porto de Galinhas por meios
de transporte terrestre.
0,0% 10,0% 20,0% 30,0% 40,0% 50,0% 60,0% 70,0%
Percent
CAPÍTULO 3 - O TURISMO EM PORTO DE GALINHAS

 O turismo na economia de Porto de Galinhas


 Principais atrativos
 Características positivas e negativas
 Hábitos de lazer
31
PORTO DE GALINHAS
Clique
O turismo
parana
adicionar
economiaumdetítulo
Porto de Galinhas: avaliações do Grupo de Governança
 O Grupo de Governança foi convidado a opinar sobre a importância do turismo na economia de
Porto de Galinhas. Todos os membros do Grupo destacaram que o turismo é a principal atividade
econômica de Porto de Galinhas, o que também é válido para Ipojuca, município do qual Porto de
Galinhas pertence.

“Porto de Galinhas representa 70% do fluxo de turistas que vem a Pernambuco. Por isso a grande
importância do turismo na economia de Porto Galinhas. Nós temos aqui uma média de 10mil leitos
entre pousadas, resorts e hotéis de lazer”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Porto de Galinhas tem grandes empresários do ramo de hotelaria que vão muito bem, enquanto
que os pequenos empresários que ficam na Vila, estão numa situação delicada. Porque o
turista vai ao hotel , fica no hotel e não tem estímulo para visitar a Vila e isso, prejudica a
economia do setor como um todo”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
O turismo
parana
adicionar
economiaumdetítulo
Porto de Galinhas: avaliações do Grupo de Governança

“É predominante a área de turismo. O turismo é fundamental para a economia local. Para a


economia, a atividade de turismo é importante pela sua complexidade, pois envolve vários setores
como: bares, restaurantes, pousadas, barraqueiros, jangadeiros... Enfim, é um setor em que um
empreendimento está dentro do outro. Hoje, o setor tem se alavancado mais. Porto de Galinhas
agora, englobando Ipojuca e outros municípios, estão recebendo investimentos, tanto no ramo
hoteleiro, como na parte de petróleo, enfim... tem um grande potencial de crescimento, e é fato, já
está acontecendo”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Porto de Galinhas, na verdade, dos anos 90 para cá, teve um grande crescimento na instalação de
hotéis, de proprietários de “Velaneiros” e aí, começou a crescer desenfreadamente até hoje. Sendo
que atualmente, se vive um momento estável, de harmonia entre a população local com os
comerciantes locais e os hoteleiros. Mas o turismo em Porto de Galinhas é a atividade econômica
mais importante, lógico, existem outras, mas essa é muito importante”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
O turismo
parana
adicionar
economiaumdetítulo
Porto de Galinhas: avaliações do Grupo de Governança
 Quando solicitados a comentar especificamente sobre a importância do SAFL para a economia local,
o Grupo de Governança destacou principalmente, como pontos positivos, que trata-se de um setor
atrativo para o turista e é uma atividade local importante pelo fato de ser um setor amplo em Porto
de Galinhas, onde é encontrada uma grande quantidade de bares, restaurantes, hotéis, pousadas,
etc.

“É importantíssima a gastronomia em Porto de Galinhas. Existe uma grande quantidade de


estabelecimentos, como bares, restaurantes, hotéis, etc. É um dos grandes atrativos para o turista e
um setor muito importante para a economia da região”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“São restaurantes que já se estabeleceram e são uma referência até para os turistas que visitam Porto
de Galinhas. E muitos deles tem uma culinária mais sofisticada, outros têm uma qualidade boa,
porém mais regional”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
O turismo
parana
adicionar
economiaumdetítulo
Porto de Galinhas: avaliações do Grupo de Governança
 Ainda como pontos positivos do SAFL local, o grupo destacou a qualidade, a variedade e o sabor
da comida. Os entrevistados consideram mais uma vez, esses fatores como fortes atrativos
turísticos, mas que a comida local, a comida nordestina, necessita ser mais bem explorada e
divulgada.

“A culinária local é um grande atrativo turístico. Nós temos uma comida de qualidade, saborosa e
com grande variedade. A culinária nordestina, pernambucana, é muito rica, mas precisa ser
melhor explorada e divulgada. Hoje, eu diria que existe um campo, mas este campo não é bem
explorado. Eu diria que sim, ela é um atrativo econômico devido à sua variedade e diversidade,
mas necessita mais divulgação”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Acho que essa diversidade de comidas atrai bastante. Sem dúvidas, essa variedade de comidas é um
grande atrativo local, tem gente que sai de Recife para ir jantar em Porto de Galinhas e só volta
no dia seguinte”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
O turismo
parana
adicionar
economiaumdetítulo
Porto de Galinhas: avaliações do Grupo de Governança

“Eu acho que o sabor da comida é um referencial bem grande. O sabor dos pratos regionais. Temos
uma grande diversidade, uma grande variedade de comidas. Tem tanto os pratos locais, como os
pratos internacionais. Porto de Galinhas com certeza tem a culinária também como um forte
atrativo para os turistas”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“A principal qualidade é a diversificação. Porto de Galinhas, antigamente, oferecia muitos frutos do


mar, claro é um destino de praia. Mas, além disso, você pode encontrar churrascarias,
restaurantes que vendem comida regional, creperias, restaurante francês... Tem de tudo”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
O turismo
parana
adicionar
economiaumdetítulo
Porto de Galinhas: avaliações do Grupo de Governança

 Sobre os pontos negativos do setor, o grupo destaca principalmente a falta de capacitação de mão de
obra. São pontos considerados importantes e que devem ser melhorados através de cursos e
treinamentos para aprimorar o trabalho dos funcionários e inclusive, dos próprios empresários, para
que haja melhoria no atendimento, na qualidade, na higiene e na manipulação dos alimentos.

“Acredito que cursos e treinamentos são sempre bem vindos. A capacitação é sempre bem vinda.
Acho que o empresariado, do segmento de gastronomia, também está precisando ser melhor
orientado, melhor capacitado. Tanto ele, como os funcionários, para que consiga gerir melhor o seu
negócio em tempo de crise e bonança, principalmente em nosso país. A gente precisa capacitar
melhor o nosso empresário em como gerir o seu negócio, como tratar as pessoas melhores e como
tratar seus clientes e funcionários. E isso é uma preocupação que não se deve esquecer nesse
projeto”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
O turismo
parana
adicionar
economiaumdetítulo
Porto de Galinhas: avaliações do Grupo de Governança

“Existem falhas de gestão, acho que como em qualquer município. Então, a gente está sempre
fazendo capacitação de melhoria no atendimento ao cliente. É sempre necessário estar capacitando
a mão de obra, melhorando no atendimento, na higiene e na manipulação dos alimentos. Assim, os
funcionários vão se aprimorando. O empresário que investe em capacitação para sua empresa,
acaba investindo em alguns pontos de melhoria para o setor”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Eu acredito que o serviço poderia melhorar na qualidade. Eu acredito que isso é muito deficiente em
todo o nordeste e a gente consegue perceber isso em Porto de Galinhas também. E o serviço de
Porto de Galinhas precisa ser melhorado, pelo fato de ser um atrativo turístico, eu acho que precisa
se melhorado”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
O turismo
parana
adicionar
economiaumdetítulo
Porto de Galinhas: avaliações do Grupo de Governança
 Em relação ao porte, estrutura e profissionalização dos estabelecimentos de SAFL local, na opinião
do grupo, a estrutura é diversificada. Alguns apontam a predominância dos estabelecimentos
menores, com estruturas mais familiares mas que já estão se profissionalizando. Outros mencionam
estabelecimentos maiores e que já são mais profissionalizados e mais bem estruturados.

 Os entrevistados comentam também sobre a preocupação e interesse dos empresários em relação


à profissionalização e capacitação da mão de obra do SAFL local.

“Há empresas de pequeno porte, e as de grande porte. E tem as empresas que já estão aqui há mais
de 20, outras acima de 15 anos. É um setor bastante variado. A maioria é de uma gestão
profissional, eu diria que todos estão preocupados com o profissionalismo em Porto de Galinhas”.
GRUPO DE GOVERNANÇA


PORTO DE GALINHAS
Clique parana
O turismo adicionar
economiaumdetítulo
Porto de Galinhas: avaliações do Grupo de Governança

“A predominância é de pequena empresa, bem familiar, mas existem as profissionais que são as
multinacionais. Tem empresários novos que estão iniciando agora, e tem empresários de muitos
anos”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Nós temos bons restaurantes em Porto de Galinhas, sendo poucos de franquias. Alguns restaurantes
são de gestão familiar, mas mesmo sendo de gestão familiar,eles foram se profissionalizando”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Alguns restaurantes são de gestão familiar, mais que foram se profissionalizando. Mas temos
restaurantes com quase 18 anos estabelecidos aqui no destino. Então, é uma referência. Isso
significa que houve uma proximidade na qualidade e no atendimento, a gente acredita que são
bons, porém, sabemos que também há um rodízio de funcionários, pois um funcionário é hoje, e
às vezes, não é mais amanhã, por isso a necessidade de capacitação”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
O turismo
parana
adicionar
economiaumdetítulo
Porto de Galinhas: avaliações do Grupo de Governança
 Em relação ao nível de organização setorial e à sua força política e social, o grupo julga que o setor é
bem organizado nesse sentido, e foi destacado principalmente, o trabalho das associações
comerciais de diversos segmentos. Um entrevistado acrescenta ainda, o bom nível de organização
do setor e o grande interesse dos empresários em relação ao associativismo.

“Existem a associação dos hotéis, a dos bares, dos restaurantes e até dos “bugueiros”. Existem sim e
julgo que eles são bem familiarizados com essa questão do associativismo e possuem uma boa
força política e social nesse sentido. No meu ponto de vista, eles são bem organizados”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Existem associações comerciais de todos os segmentos de comércio. Normalmente, elas têm uma
parceria com o poder público e com o SEBRAE, onde são ministrados cursos com frequência,
orientando os funcionários e os empresários”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
O turismo
parana
adicionar
economiaumdetítulo
Porto de Galinhas: avaliações do Grupo de Governança

“Sim, existe uma Associação Comercial em Porto de Galinha e tem um grupo que está se
formando, acho que o nome é PROPURPJ, que é um grupo formal que representa todos os setores
de turismo, tem os bares, os restaurantes... E estão tentando revigorar a Associação Comercial de
Porto de Galinhas. Isso vai ser a grande representação do setor como um todo”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Existem várias parcerias dessas associações junto ao SEBRAE. Parcerias voltadas para a
capacitação de mão de obra. Inclusive, tivemos nessa semana, o curso para conservação de
alimentos, ou seja, para manipulação de alimentos. São demandas que estamos recebendo, que
partem do próprio empresário que está buscando recursos para melhorar a gestão da empresa. A
gente está buscando uma melhoria a médio e longo prazo. Estamos vendo que o setor está
crescendo cada vez mais, por isso, os empresários estão se precavendo”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
O turismo
parana
adicionar
economiaumdetítulo
Porto de Galinhas: avaliações do Grupo de Governança

 Em relação às qualidades dos estabelecimentos do SAFL de Porto de Galinhas, o grupo avalia mais
uma vez, que os principais fatores positivos são a diversidade de tipos de comidas ofertadas, o
sabor da comida, o bom atendimento ao turista e a preocupação em relação à higienização e
manipulação dos alimentos. Um entrevistado destaca ainda, que existem na maioria dos
estabelecimentos, funcionários que falam uma outra língua, necessidade gerada pela grande
demanda de clientes estrangeiros.

“É uma gastronomia variada, e que tem um atendimento bom para o turista. Em sua maioria, as
empresas tem o atendente que fala uma língua estrangeira. Porque a gente recebe um público
estrangeiro forte. A gente tem que estar preparado, só que a gente tem que se profissionalizar,
mais ainda”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
O turismo
parana
adicionar
economiaumdetítulo
Porto de Galinhas: avaliações do Grupo de Governança

“Eu acho que as principais qualidades são a diversificação e o sabor da comida local. Porto de
Galinhas, antigamente, oferecia muitos frutos do mar, pois é um local de praia. Mas, você pode
encontrar também lá churrascarias, restaurantes que vendem comida regional, creperias,
restaurantes internacionais, etc. Tem de tudo um pouco. Mas sem dúvida, o sabor da comida e a
variedade, são as principais qualidades do setor no local”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“O sabor da comida, eu acho que é um diferencial bem grande. O sabor tanto do prato local como do
internacional. E também, existe uma grande preocupação como o manuseio e com a higienização
dos alimentos. Nós já há uns dois anos, estamos fazendo um trabalho de higienização dos
alimentos”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
O turismo
parana
adicionar
economiaumdetítulo
Porto de Galinhas: avaliações do Grupo de Governança

 Como defeitos foram mencionadas mais uma vez a necessidade de uma constante capacitação de
mão de obra, de aperfeiçoamento na gestão dos empresários e da melhoria na qualidade do
atendimento de uma forma geral.

 Um entrevistado demonstra ainda, o interesse dos empresários também do setor de hotelaria, no


sentido de sugerir aos hóspedes que frequentem também o setor de alimentação e de lazer fora
dos hotéis.

“Existem ainda muitas falhas na gestão, por isso existe uma necessidade de contínua capacitação de
mão de obra, tanto para os funcionários do setor, como para os proprietários desses
estabelecimentos”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
O turismo
parana
adicionar
economiaumdetítulo
Porto de Galinhas: avaliações do Grupo de Governança

“Os empresários dos hotéis entendem que é interessante você ter um turista no seu hotel, que ele
possa usufruir de tudo o que o hotel oferece. Mas também, que é muito interessante retirar o
turista do hotel, para que ele possa ir aos bares e restaurantes, possa ir dançar, explorar outros
tipos de lazer. Então assim, existe o estímulo dos hotéis para que o turista possa fazer isso”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Eu acredito que o serviço poderia melhorar mais a qualidade no atendimento de uma forma geral. Eu
acredito que isso é ainda muito deficiente. E o serviço, o atendimento em Porto de Galinhas precisa
ser melhorado pelo fato de ser um destino turístico, e eu acho que esses fatores necessitam ainda
ser melhorados em vários aspectos”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
O turismo
parana
adicionar
economiaumdetítulo
Porto de Galinhas: avaliações do Grupo de Governança

 Os representantes do Grupo de Governança também comentaram sobre os hábitos da população


local em frequentar os estabelecimentos de SAFL em Porto de Galinhas. Alguns entrevistados
julgam que a população local não frequenta, ou frequenta pouco o setor, por falta de condições
financeiras. Mas existe consenso entre o grupo, em relação à absorção de mão de obra local por
parte do SAFL, e que este, representa um dos principais setores de geração de empregos na região.

“A população local fica à parte porque não tem uma renda suficiente para frequentar os
restaurantes. Frequentam mais é para trabalhar, pois 100% da mão de obra é local. O setor é um
dos maiores em relação à geração de emprego aqui na região”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“ Não, a população não frequenta. Eles não têm condições financeiras. Existem aqueles que
trabalham no setor... Mas no mais, os restaurantes são turísticos e sobrevivem mais pelo lucro
vindo da população de fora, dos turistas”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
O turismo
parana
adicionar
economiaumdetítulo
Porto de Galinhas: avaliações do Grupo de Governança

“A população local frequenta muito pouco. A não ser aqueles que trabalham no setor, porque aqui
na Vila, a maioria das pessoas, dos funcionários são de regiões próximas, como de Ipojuca e
outros daqui de Porto de Galinhas mesmo. E o setor gera trabalho, gera renda e por isso, a
gente sabe que cada vez mais é preciso ter capacitação”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Não sei exatamente quais são os problemas da população local, mas sei que há um problema
de favelização, uma parte sendo suburbana. Sei que eles sobrevivem entre si, uma parte com a
pesca, ou com o comercio informal, uma parte deles é de “barraqueiros”. E sei que tem muita
gente de Porto de Galinhas que trabalha nos hotéis, nos bares e restaurantes. Na verdade, o
setor é a principal atividade econômica de Porto de Galinhas. Eu acredito que a população local
tem o hábito de frequentar os diversos ambientes de Porto de Galinhas, mas não tenho
certeza”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
O turismo
paranaadicionar
economia umdetítulo
Porto de Galinhas: Consumidores Locais

Importância do turismo em Porto de Galinhas para a economia da cidade -


1 totalmente sem importancia e 5 muito importante - Consumidores Locais

 Para todos os 100,0%

Consumidores Locais
entrevistados, o 80,0%

turismo possui alto


grau de importância 60,0%

Percent
para a economia de 100,0%

Porto de Galinhas 40,0%

(100,0%).
20,0%

0,0%

5
PORTO DE GALINHAS
Clique
O turismo
paranaadicionar
economia umdetítulo
Porto de Galinhas: Consumidores Locais

Importância do turismo para a economia de Porto de Galinhas - Nota 1


não tem nenhuma importância e 5 muito importante - Empresários

100,0%

 Assim como para os


consumidores locais, 80,0%

para todos os
Empresários 60,0%

Percent
entrevistados, o grau de 100,0%
importância do Turismo 40,0%

para a economia de
Porto de Galinhas
20,0%
mereceu nota 5.

0,0%

5
PORTO DE GALINHAS
O turismo
Clique paranaadicionar
economia umdetítulo
Porto de Galinhas: pontos positivos e negativos –
Sumarização

• Praias

Pontos • Riquezas naturais/ Turismo Ecológico

Positivos • Piscinas naturais

• Divulgação da cidade

• Falta de infra-estrutura
Pontos • Preço altos
Negativos • Sujeira da cidade/ Falta de limpeza pública

• Abordagem de ambulantes nas praias


PORTO DE GALINHAS
Clique
O turismo
paraem
adicionar
Porto deum
Galinhas:
título principais atrativos – Consumidores Locais

 Segundo os Consumidores Locais


entrevistados, os finais de semana
/ lua de mel e as praias são os
maiores atrativos turísticos de
Porto de Galinhas.

 Os tipos de turismos para os quais


foram atribuídas maiores notas
foram: fim de semana/ lua de mel,
praias, gastronomia local, turismo
esportivo, turismo ecológico e
turismo de aventura.
PORTO DE GALINHAS
Clique
O turismo
paraem
adicionar
Porto deum
Galinhas:
título principais atrativos – Turistas

 Os Turistas entrevistados
apontaram como o maior
atrativo turístico de Porto de
Galinhas as praias, com 100,0%
das citações.

 O turismo ecológico vem em


segundo lugar, com 40,6% das
citações e o turismo
cultural/histórico em terceiro,
com 15,6%.
PORTO DE GALINHAS
O turismo
Clique paraem
adicionar
Porto deum
Galinhas:
título características positivas e negativas –
Consumidores Locais

 Para identificar as melhores e piores Melhores qualidades de Porto de Galinhas para o turismo
qualidades do turismo na cidade, aos Resultados para Consumidores Locais
Consumidores Locais, Turistas e (Respostas múltiplas)

Empresários do SAFL Local foram feitas Casos %


perguntas abertas, com três Praias 23 74,2%
oportunidades de resposta. Piscinas naturais 9 29,0%
Riquezas naturais/ Turismo ecológico 5 16,1%
 Para os Consumidores Locais, as praias Passeios de bugre/ Dunas 2 6,5%
são o principal atrativo da cidade, com Opções de lazer (diversidade) 2 6,5%
74,2% das citações. Em segundo lugar Diversidade/ conforto da rede de
hospedagem 1 3,2%
aparecem as piscinas naturais (29,0%)
Hospitalidade / Receptividade 1 3,2%
e em terceiro as riquezas naturais /
Pontos turísticos 1 3,2%
turismo ecológico com 16,1%.
Turismo exotérico 1 3,2%
A fama da cidade 1 3,2%
PORTO DE GALINHAS
O
Clique
turismo
paraem
adicionar
Porto deum
Galinhas:
título características positivas e negativas – Turistas

 Os Turistas concordam com Melhores qualidades de Porto de Galinhas para o turismo


a percepção dos Resultados para Turistas
(Respostas múltiplas)
Consumidores Locais em
relação ao principal Casos %
Praias 17 53,1%
atrativo da cidade: as
Riquezas naturais/ Turismo ecológico 14 43,8%
praias (53,1%). Em Piscinas naturais 6 18,8%
segundo lugar citaram as Divulgação da cidade 6 18,8%
riquezas naturais / turismo Tranqüilidade da cidade 5 15,6%
ecológico (43,8%) e em Hospitalidade / Receptividade 1 3,1%
terceiro lugar, as piscinas Localização 1 3,1%
naturais e a divulgação da Beleza da cidade 1 3,1%
cidade com 18,8% cada. Segurança 1 3,1%
Boas barracas de praia 1 3,1%
Águas quentes 1 3,1%
Facilidade de locomoção 1 3,1%
PORTO DE GALINHAS
O turismo
Clique paraem Porto deum
adicionar Galinhas:
título características positivas e negativas – Empresários
do SAFL

 Para os Empresários do SAFL Melhores qualidades de Porto de Galinhas para o turismo


Local assim como para os Resultados para Empresários
consumidores locais e turistas, (Respostas múltiplas)

as praias são consideradas o Casos %


maior atrativo turístico da Praias 17 56,7%
cidade, citado por 56,7% dos Piscinas naturais 10 33,3%
empresários entrevistados. Em Belezas naturais 9 30,0%
Rede de hospedagem 2 6,7%
segundo lugar são citadas as
Gastronomia 2 6,7%
piscinas naturais (33,3%) e em
Variedade de restaurantes 1 3,3%
terceiro as belezas naturais com
Passeios náuticos 1 3,3%
30,0%. Cultura local / Regional 1 3,3%
Eventos locais 1 3,3%
 A rede de hospedagem e a Atendimento 1 3,3%
gastronomia local aparecem em Vida noturna variada 1 3,3%
Boa divulgação 1 3,3%
terceiro lugar (6,7% cada).
Passeios de bugre 1 3,3%
PORTO DE GALINHAS
O turismo
Clique paraem
adicionar
Porto deum
Galinhas:
título características positivas e negativas –
Consumidores Locais

 Quando solicitados a identificar


Piores características de Porto de Galinhas para o
os piores atributos de Porto de turismo
Galinhas para o Turismo, os Resultados para Consumidores Locais
Consumidores Locais citaram (Respostas múltiplas)
em primeiro lugar os preços Casos %
altos, com 25,8% das citações. Preços altos 8 25,8%
Falta de infra-estrutura 5 16,1%
 A falta de infra-estrutura vem Preços altos dos alimentos nos
em segundo lugar com 16,1% e restaurantes e bares 4 12,9%
os preços altos dos alimentos Mau atendimento 2 6,5%
nos bares em restaurantes em Ambulantes nas praias 2 6,5%
Falta saneamento básico/ Saúde
terceiro lugar com 16,1%. precária 1 3,2%
Pobreza/ Desigualdade social 1 3,2%
NS 14 45,2%
PORTO DE GALINHAS
Clique
O turismo
paraem
adicionar
Porto deum
Galinhas:
título características positivas e negativas – Turistas

 Já para os Turistas, a falta de infra-


Piores características de Porto de Galinhas para
estrutura é citada como a pior
o turismo
característica de Porto de Galinhas Resultados para Turistas
para o turismo (31,3%). Os preços (Respostas múltiplas)
altos também é um característica Casos %
citada por 21,9% da amostra. Falta de infra-estrutura 10 31,3%
Preços altos 7 21,9%
Sujeira da cidade 3 9,4%
 Em terceiro lugar vem a sujeira da Pobreza/ Desigualdade social 2 6,3%
cidade com 9,4% e em quarto lugar Ambulantes nas praias 2 6,3%
vem a pobreza/desigualdade social e Criminalidade / violência / drogas 1 3,1%
os ambulantes nas praias com 6,3% Falta guias/ informações turísticas 1 3,1%
Falta transporte para passeios 1 3,1%
de citações cada.
Comércio 1 3,1%
Falta espaço na área de banho
(ocupação de barcos) 1 3,1%
NS 10 31,3%
PORTO DE GALINHAS
O turismo
Clique paraem
adicionar
Porto deum
Galinhas:
título características positivas e negativas – Empresários
do SAFL

Piores características de Porto de Galinhas


 Também os Empresários do SAFL para o turismo
Local apontaram como principal Resultados para Empresários
ponto negativo a falta de infra- (Respostas múltiplas)
estrutura (46,7%). Casos %
Falta de infra-estrutura 14 46,7%
Preço dos passeios elevados 11 36,7%
 Foram apontados também os
Falta de saneamento básico 4 13,3%
preços elevados dos passeios Excesso de pedintes 4 13,3%
(36,7%), a falta de saneamento Abordagem de ambulantes 4 13,3%
básico, o excesso de pedintes e a Falta limpeza pública 3 10,0%
Mau atendimento ao turista 3 10,0%
abordagem dos ambulantes, com
Prostituição 2 6,7%
13,3% cada. Calçamentos esburacados/ falta
pavimentação 2 6,7%
Clima 1 3,3%
Falta de eventos culturais 1 3,3%
Falta de administração pública 1 3,3%
CAPÍTULO 4 – FATORES DE COMPETITIVIDADE DO SETOR DE
ALIMENTAÇÃO FORA DO LAR DE PORTO DE GALINHAS
 Frequência aos estabelecimentos
 O processo decisório dos consumidores
 Avaliação de qualidade por atributos
 Avaliação geral da qualidade
 Divulgação – Publicações especializadas
PORTO DE GALINHAS
Clique para aadicionar
Frequência estabelecimentos
um título do SAFL – Consumidores Locais

Quantas vezes por mês vai a algum estabelecimento do SAFL de Porto


 As faixas de frequência de Galinhas - Consumidores Locais

dos consumidores 50,0%

locais mais citadas


foram menos de uma 40,0%

vez por mês (45,2%), e


de duas a três vezes 30,0%

Percent
por mês (32,3%). 45,2%
20,0%

32,3%

10,0%

9,7% 9,7%
3,2%
0,0%

Nunca vou Menos de Uma vez por Duas a três Quatro a


uma vez por mês vezes cinco vezes
mês
PORTO DE GALINHAS
Clique para aadicionar
Frequência estabelecimentos
um título do SAFL – Consumidores Locais

 Conversar com amigos (90,3%) e


beber (77,4%) são os principais
motivos que levam os Consumidores
Locais a frequentar os
estabelecimentos de SAFL. Lanchar
(22,6%) e almoçar (16,1%) também
aparecem com relativa
representatividade.

 A análise demonstra que estes locais


são procurados mais para a interação
social que pela sua principal atividade
(alimentação).
PORTO DE GALINHAS
Clique para aadicionar
Frequência estabelecimentos
um título do SAFL – Turistas

 Entre os Turistas Quantas vezes o entrevistado foi a algum estabelecimento do SAFL em


Porto de Galinhas - Turistas
entrevistados, 50% já 50,0%

esteve em
estabelecimentos do 40,0%

SAFL local mais de duas


vezes e 25,0% já esteve 30,0%
por mais de sete vezes.

Percent
50,0%

20,0%

 Esta frequência é alta


visto que os 10,0%
25,0%
18,8%
entrevistados
permanecem na cidade 6,2%
0,0%
por muitos dias. Duas a três Quatro a cinco Seis a sete Mais de sete
vezes vezes vezes vezes
PORTO DE GALINHAS
Clique paradeadicionar
A escolha um título ou outro tipo de estabelecimento do SAFL
um bar, restaurante

Higiene /
limpeza

Bom
Preço atendimento
/ cordialidade
PORTO DE GALINHAS
A escolha
Clique para
deadicionar
um bar, restaurante
um título ou outro tipo de estabelecimento do SAFL –
Avaliações do Grupo de Governança

 Os entrevistados foram convidados a apontar quais critérios eles acham que os clientes utilizam
quando vão optar por algum estabelecimento do SAFL. Foram destacados vários fatores como: a
qualidade da comida servida, o sabor, o tipo de comida servida, o tempero, a apresentação dos
pratos, higiene, tipo de restaurante, etc.

“Eu acho que na verdade seriam principalmente a qualidade e o sabor da comida... Porque por
exemplo, um turista paulista que já lida com uma qualidade, que já é uma exigência para ele, que é
embutida, entendeu? Ele olha a qualidade, a apresentação, a limpeza, mas normalmente ele
escolhe restaurantes exóticos, pelo sabor da comida nordestina, regional principalmente”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“O turista procura mais o sabor, o tempero e também, o visual, a apresentação do prato. E aqui o
turista come um peixe com um molho diferente, eu acho isso muito constante. Ele procura também
o conforto, ser bem tratado, ter nos restaurantes um cardápio que venha traduzido em sua língua,
procura a higiene..."
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
A escolha
Clique para
deadicionar
um bar, restaurante
um título ou outro tipo de estabelecimento do SAFL –
Avaliações do Grupo de Governança

“Ele procura frutos do mar, carne, procura a cozinha internacional, ele procura comida a peso
em “self services”, a procura é bem variada. Porque a gente recebe em Porto de Galinhas turistas de
todos os poderes aquisitivos e de todos os gostos. Acredito que há uma procura em todo o leque de
alimentação. Ele procura uma estrutura que se adeque ao gosto dele e que tenha uma qualidade
boa”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
A escolha
Clique para
deadicionar
um bar, restaurante
um título ou outro tipo de estabelecimento do SAFL –
Avaliações do Grupo de Governança

 Também foi solicitado que fosse feita uma avaliação geral dos estabelecimentos frente a esses
critérios que eles julgaram como sendo importantes na escolha do cliente. Na opinião dos
entrevistados, como mencionado anteriormente, apesar de já existirem ações nesse sentido, ainda
existe a necessidade de constante qualificação, treinamento da mão de obra e também, no que se
refere à higiene e à manipulação dos alimentos.

“O setor merece ter melhor higiene. Os manipuladores de alimentos precisam ser melhor
capacitados. E principalmente, os gestores, porque não adianta você treinar os recursos humanos
se o gestor não tem consciência de higiene”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Em relação à limpeza, à higiene, são coisas que estão se aperfeiçoando, como já lhe disse, a gente
está fazendo capacitação com esse foco, na limpeza, na higiene... Acredito que isso já tenha
alcançado boa parte dos empresários. Acho que eles têm buscado melhorias satisfatórias para
buscar a excelência, mas é sempre necessário ter um treinamento contínuo”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
A escolha
Clique para
deadicionar
um bar, restaurante
um título ou outro tipo de estabelecimento do SAFL –
Avaliações do Grupo de Governança

“A gente sabe que aqui funciona a Vigilância Sanitária da prefeitura, e a gente sabe que é
bastante atuante. Aparentemente, a coisa funciona, porém, sei que a Vigilância Sanitária tem
alguns itens que cobram dos estabelecimentos. Eu não saberia dizer nesse momento quantos
estabelecimentos não estão adequados segundo a Vigilância Sanitária. A gente precisaria ter
um suporte de uma empresa que oferecesse cursos de capacitação para condicionamento de
alimentos e manipulação destes. A gente sabe que em Porto de Galinhas existem restaurantes
que são amadores e que precisariam se profissionalizar e crescer no ramo alimentício, e para
isso, são necessários mais cursos”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
A escolha
Clique para
deadicionar
um bar, restaurante
um título ou outro tipo de estabelecimento do SAFL –
Consumidores Locais

 Para descrever alguns aspectos de Atributos de escolha de um estabelecimento do SAFL


como escolhem um bar ou restaurante, Resultados para Consumidores Locais
os entrevistados responderam a uma (Respostas múltiplas)
pergunta aberta, com três
oportunidades de resposta. Casos %
Bom atendimento / Cordialidade dos
atendentes 28 90,3%
 Para os Consumidores Locais Higiene / Limpeza 15 48,4%
entrevistados, 3 características são
Preço 13 41,9%
fundamentais para que eles
Qualidade dos alimentos / comida 6 19,4%
frequentem um estabelecimento de
Variedade dos cardápios 3 9,7%
SAFL: bom atendimento / cordialidade
dos atendentes (90,3%), higiene / Ambiente agradável 2 6,5%
limpeza (48,4%) e o preço (41,9%). Aparência do local 2 6,5%
Rapidez / Agilidade no atendimento 1 3,2%
PORTO DE GALINHAS
A escolha
Clique para
deadicionar
um bar, restaurante
um título ou outro tipo de estabelecimento do SAFL -
Turistas

 Já para os Turistas entrevistados


Atributos de escolha de um estabelecimento do SAFL
em primeiro lugar vem a Resultados para Turistas
higiene/limpeza (62,5%) como (Respostas múltiplas)
principal atributo para escolher Casos %
um estabelecimento do SAFL. Higiene / Limpeza 20 62,5%
Preço 16 50,0%
 Em segundo lugar, com 50,0% das Qualidade dos alimentos / comida 11 34,4%
Bom atendimento / Cordialidade dos
citações, vem o preço e em atendentes 7 21,9%
terceiro, a qualidade dos Variedade dos cardápios 4 12,5%
alimentos/comida com 34,4%. Aparência do local 3 9,4%
Ambiente agradável 2 6,3%
Infra-estrutura do local 2 6,3%
Localização 2 6,3%
Indicação (guias/ amigos/ parentes) 2 6,3%
Outras 8 25,0%
PORTO DE GALINHAS
Clique paradaadicionar
Avaliação qualidadeum
dos
título
estabelecimentos locais

 Para entender estrategicamente os processos envolvidos na escolha de um estabelecimento,


um modelo de decisão que relaciona a importância de um atributo com a sua incidência na
avaliação dos estabelecimentos locais foi desenvolvido para nesta pesquisa. Seu
desenvolvimento compreende três passos.

1- Importância de 2- Avaliação dos 3- Análise


atributos na decisão estabelecimentos comparativa
locais
• Em uma escala de • Utilizando a • Comparação1, atra-
1 a 10, avaliação mesma escala e os vés de tabelas, que
de 31 atributos em mesmos atributos, analisam a
função da avaliação da importância dos
importância que qualidade dos atributos e suas
têm no processo estabelecimentos percepções na
de escolha de um do SAFL local. avaliação da
bar, restaurante ou relevância e
estabelecimento desempenho dos
similar pelo estabelecimentos
entrevistado. locais.

1 Média das notas de 1 a


10.
PORTO DE GALINHAS
Clique paradaadicionar
Avaliação qualidadeumdos
título
estabelecimentos locais

Nas tabelas
que se
A importância
seguem, coin-
dos atributos
cidência entre
na escolha Quando
Os atributos as cores nas
dos avaliados sob Quando
de alta colunas
entrevistados a percepção comparados,
relevância ou Relevância e
indicam a de sua relevância e
desempenho Desempenho
relevância que qualidade, os desempenho
estão indicam
têm em mesmos indicam
indicados em pontos que
relação à atributos pontos que
azul. Os de devem ser
qualidade dos foram devem ser
média, em mantidos ou
estabeleci- avaliados em reforçados,
amarelo e os reforçados.
mentos e alto, médio e mantidos ou
de baixa em Cores
estão baixo corrigidos.
vermelho. diferentes
classificados desempenho.
indicam a
em alta,
necessidade
média e baixa.
de algum tipo
de correção.
PORTO DE GALINHAS
Clique paradaadicionar
Avaliação qualidadeum
dos
título
estabelecimentos locais

 Para equiparar estatisticamente os índices encontrados, as médias obtidas nas escalas de


avaliação, que eram de 1 a 10, foram transformadas através do cálculo de médias
padronizadas, que os torna equivalentes independentemente dos valores máximos e mínimos
em cada avaliação.

 Este procedimento resolve o seguinte problema: uma nota 8 em um grupo de notas cuja
média geral é 7 é diferente de uma nota 8 em outra escala de média 5.

 Através da padronização, consegue-se a certeza de que as avaliações de relevância e de


qualidade têm o mesmo significado.
PORTO DE GALINHAS
Clique paradaadicionar
Avaliação qualidadeum
dos
título
estabelecimentos locais – Consumidores Locais
Atributos de alta relevância – Consumidores Locais
Relevância Desempenho
média médio
1 Tamanho da porção servida 10,00 9,47
2 Preços praticados 10,00 5,61
3 Higiene no preparo dos pratos 9,97 8,67
4 Sabor da comida 9,97 9,57
Ter opções de acessibilidade para idosos e pessoas com
5 necessidades especiais 9,97 2,77
6 Limpeza e higiene das instalações físicas 9,94 8,32
7 Disponibilizar áreas para fumantes e não fumantes 9,93 9,93
8 Agilidade no atendimento 9,90 8,43
9 Cordialidade no atendimento 9,90 8,43
10 Apresentação do prato 9,90 8,90
11 Segurança do local 9,90 8,58
12 Ofertar comidas e bebidas típicas do local 9,87 6,64
13 Oferecer espaços e serviços para crianças 9,84 3,59
14 Meios de pagamento eletrônicos 9,72 8,16
15 Variedade do cardápio 9,65 8,32
16 Apresentação dos garçons/atendentes 9,45 8,45
17 Conforto acústico do estabelecimento 9,43 8,17
18 Conforto térmico do estabelecimento 9,40 8,30
19 Estacionamento 9,39 2,69
20 Ter cardápio traduzido para outra língua 9,33 6,93
21 Localização 9,32 8,35
PORTO DE GALINHAS
Clique paradaadicionar
Avaliação qualidadeum
dos
título
estabelecimentos locais – Consumidores Locais

Atributos de média relevância – Consumidores Locais


Relevância Desempenho
média médio
22 Variedade de bebidas 9,29 8,40
23 Horários e dias de atendimento 9,26 8,03
24 Perfil dos freqüentadores 9,14 8,47
Ter placas, fachada e outras sinalizações bem
25 visíveis 8,90 8,03
26 Decoração do ambiente 8,84 8,58
Ser listado em publicações e/ou estar presente
27 em guias ou catálogos relacionados ao setor 8,77 7,42
28 Ser sofisticado 8,70 8,22
29 Qualidade da carta de vinhos 8,58 7,67
PORTO DE GALINHAS
Clique para
Avaliação daadicionar
qualidadeum
dos
título
estabelecimentos locais – Consumidores Locais

Atributos de baixa relevância – Consumidores Locais

Relevância Desempenho
média médio
30 Ser um estabelecimento tradicional 8,17 8,14
31 Ser um lugar da moda 7,87 7,76
PORTO DE GALINHAS
Clique paradaadicionar
Avaliação qualidadeum
dos
título
estabelecimentos locais – Turistas

Atributos de alta relevância – Turistas


Desempenho
Relevância média médio
1 Higiene no preparo dos pratos 10,00 8,53
Ter opções de acessibilidade para idosos e pessoas com
2 necessidades especiais 9,97 3,67
3 Cordialidade no atendimento 9,94 8,72
4 Sabor da comida 9,94 9,07
5 Preços praticados 9,94 6,91
6 Segurança do local 9,91 8,16
7 Limpeza e higiene das instalações físicas 9,91 8,28
8 Agilidade no atendimento 9,91 7,94
9 Apresentação do prato 9,84 8,88
10 Tamanho da porção servida 9,81 8,74
11 Meios de pagamento eletrônicos 9,78 8,03
12 Ofertar comidas e bebidas típicas do local 9,66 7,07
13 Variedade do cardápio 9,66 8,16
14 Disponibilizar áreas para fumantes e não fumantes 9,53 9,53
15 Localização 9,53 8,75
16 Ter cardápio traduzido para outra língua 9,50 6,77
17 Oferecer espaços e serviços para crianças 9,35 4,40
18 Apresentação dos garçons/atendentes 9,34 8,19
19 Horários e dias de atendimento 9,22 7,77
PORTO DE GALINHAS
Clique paradaadicionar
Avaliação qualidadeum
dos
título
estabelecimentos locais – Turistas

Atributos de média relevância – Turistas


Relevância Desempenho
média médio
Ter placas, fachada e outras sinalizações bem
20 visíveis 9,13 8,08
21 Conforto acústico do estabelecimento 9,13 8,55
22 Variedade de bebidas 9,13 8,10
Ser listado em publicações e/ou estar presente
23 em guias ou catálogos relacionados ao setor 9,07 6,71
24 Conforto térmico do estabelecimento 9,06 8,38
25 Estacionamento 9,03 3,44
26 Perfil dos freqüentadores 8,94 8,41
27 Decoração do ambiente 8,81 8,19
28 Ser sofisticado 8,63 8,00
29 Qualidade da carta de vinhos 8,59 7,52
PORTO DE GALINHAS
Clique para
Avaliação daadicionar
qualidadeum
dos
título
estabelecimentos locais – Turistas

Atributos de baixa relevância – Turistas

Relevância Desempenho
média médio
30 Ser um estabelecimento tradicional 8,13 7,65
31 Ser um lugar da moda 7,59 7,96
PORTO DE GALINHAS
Clique paradaadicionar
Avaliação qualidadeum
dos
título
estabelecimentos locais – Empresários do SAFL
Atributos de alta relevância – Empresários
Relevância Desempenho
média médio
1 Cordialidade no atendimento 10,00 7,80
2 Higiene no preparo dos pratos 10,00 8,54
3 Sabor da comida 10,00 9,03
4 Agilidade no atendimento 9,97 7,47
5 Limpeza e higiene das instalações físicas 9,93 7,77
6 Apresentação do prato 9,93 8,90
Ter opções de acessibilidade para idosos e pessoas com necessidades
7 especiais 9,93 4,30
8 Tamanho da porção servida 9,90 8,87
9 Variedade do cardápio 9,90 8,27
10 Preços praticados 9,90 6,60
11 Segurança do local 9,90 7,27
12 Apresentação dos garçons/atendentes 9,90 7,87
13 Ofertar comidas e bebidas típicas do local 9,87 7,03
14 Ter cardápio traduzido para outra língua 9,87 6,28
15 Estacionamento 9,83 2,97
16 Conforto acústico do estabelecimento 9,80 7,30
17 Meios de pagamento eletrônicos 9,77 7,79
18 Conforto térmico do estabelecimento 9,77 7,07
19 Perfil dos freqüentadores 9,73 8,57
20 Horários e dias de atendimento 9,73 8,10
21 Disponibilizar áreas para fumantes e não fumantes 9,73 5,04
22 Oferecer espaços e serviços para crianças 9,70 3,88
23 Ser sofisticado 9,67 7,97
24 Localização 9,60 8,37
PORTO DE GALINHAS
Clique paradaadicionar
Avaliação qualidadeum
dos
título
estabelecimentos locais – Empresários do SAFL

Atributos de média relevância – Empresários


Relevância Desempenho
média médio
25 Variedade de bebidas 9,47 8,20
Ser listado em publicações e/ou estar presente
26 em guias ou catálogos relacionados ao setor 9,37 6,85
27 Decoração do ambiente 9,30 8,17
28 Ser um estabelecimento tradicional 9,27 7,60
PORTO DE GALINHAS
Clique paradaadicionar
Avaliação qualidadeum
dos
título
estabelecimentos locais – Empresários do SAFL

Atributos de baixa relevância – Empresários

Relevância Desempenho
média médio
29 Qualidade da carta de vinhos 9,03 7,04
Ter placas, fachada e outras sinalizações bem
30 visíveis 8,93 7,50
31 Ser um lugar da moda 8,63 7,72
PORTO DE GALINHAS
Clique paradaadicionar
Avaliação qualidadeumdos
título
estabelecimentos locais – Grupo de Governança

Avaliações qualitativas – Entrevistas em Profundidade

• As avaliações da qualidade feitas pelos integrantes do Grupo de Governança de


Porto de Galinhas foram conduzidas com a utilização de uma técnica diferente da
utilizada para os Consumidores Locais, Turistas e Empresários do SAFL.

• As análises são qualitativas e não apresentam índices estatísticos. Entretanto são


valiosas se tomadas pelo lado conceitual, que representa o entendimento que o
Grupo responsável pela condução do projeto Caminhos do Sabor na localidade tem
da qualidade dos estabelecimentos locais.
PORTO DE GALINHAS
Clique paradaadicionar
Avaliação qualidadeumdos
título
estabelecimentos locais – Grupo de Governança

“É algo que está se aperfeiçoando, como já lhe disse, a gente tá fazendo


capacitação com esse foco na higiene e limpeza, mas acredito que já
Higiene
tenha alcançado por parte dos empresários. Acho que eles têm buscado
melhorias satisfatórias para buscar a excelência”.
• O grupo considera a GRUPO DE GOVERNANÇA

questão da higiene
“A higiene é satisfatória, mas pode ser melhorada. Os manipuladores de
satisfatória nos
alimentos também precisam ser melhor capacitados e principalmente,
estabelecimentos de os gestores, pois não adianta você treinar os recursos humanos se o
Porto de Galinhas. Porém, gestor não tem consciência de higiene”.
todos acham que ainda GRUPO DE GOVERNANÇA
pode ser melhorada,
Eu não posso dizer que a higiene é 100%, mas acredito que esteja boa.
através de mais cursos de
Existe uma preocupação por parte dos empresários em relação à higiene
capacitação. e manipulação dos alimentos”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique paradaadicionar
Avaliação qualidadeumdos
título
estabelecimentos locais – Grupo de Governança

“Eu daria nota 7,5 para a cordialidade no atendimento. Alguns


estabelecimentos estão bem posicionados. Outros precisam
Atendimento capacitar melhor seus atendentes para melhorar o atendimento. E
outros estão em nível médio, ou seja, não está nem fraco, nem lá em
cima”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

• Em relação à cordialidade “Na minha opinião, não acho o atendimento bom. Eu acho que eles não
no atendimento, as sabem chegar... Às vezes que eu fui mal atendida, eles não eram
prestativos, eu tinha que os chamar várias vezes”.
opiniões são parecidas. Os GRUPO DE GOVERNANÇA
entrevistados acham que
o atendimento deixa a
“Existe uma preocupação sim para oferecerem um bom atendimento,
desejar. porém, não existe o nível de execução, é com relação ao aplicar. São
necessários mais cursos para aprimorar o atendimento”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique paradaadicionar
Avaliação qualidadeumdos
título
estabelecimentos locais – Grupo de Governança

“Os cardápios são bem organizados, mas na maioria dos


estabelecimentos não se encontra cardápios traduzidos. Alguns, já
Cardápio dispõem desse tipo de cardápios traduzidos, mas a maioria dos
restaurantes não têm”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

• São considerados bem “Sei que há tradução dos cardápios. Soube que existe, até pela ABRASEL
organizados pelo grupo,
que até é gratuita, mas que as pessoas não aproveitam”.
GRUPO DE GOVERNANÇA “
porém, a opinião se divide
no que se refere à
“Existe uma preocupação com a tradução dos cardápios, é um processo
quantidade de cardápios
que está se iniciando aqui em Porto de Galinhas, mas a gente vê que
traduzidos. ainda há muito por fazer.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique paradaadicionar
Avaliação qualidadeumdos
título
estabelecimentos locais – Grupo de Governança

Preços praticados
“Eu diria que os preços são bons, são compatíveis para o destino
turístico. Para a população local não, porque os custos são elevados, a
população local é de baixa renda”.
• Apesar da variação de
GRUPO DE GOVERNANÇA
preços, dependendo do
tipo do restaurante, a “As pessoas dizem que os preços são altos, mas a maioria tem um
maioria dos entrevistados preço adequado ao cardápio oferecido”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
no Grupo de Governança
acha que os preços “Pensado na porção e no preço do prato, eu acredito que aqui em Porto
praticados são justos e existe um incremento do preço, existem restaurante que você paga e
sai pensando que valeu, e existem outros que já não são assim”.
considera que são
GRUPO DE GOVERNANÇA
compatíveis com o que é
oferecido.
PORTO DE GALINHAS
Clique paradaadicionar
Avaliação qualidadeumdos
título
estabelecimentos locais – Grupo de Governança

“Quando não se tem uma data comemorativa, não se tem uma


Ambiente dos
estabelecimentos
decoração que chama a atenção. Normalmente é uma decoração
estática. Sobre o conforto, a maioria pode melhorar muito também”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

• Em relação à decoração e “Existe uma preocupação com a decoração, com a ambientação e com o
ao conforto dos conforto. Mas normalmente, todos os restaurantes são quase
uniformes, iguais, a gente precisa estar sempre mudando, pondo algo
ambientes, a maioria do de novo”.
grupo acha que os GRUPO DE GOVERNANÇA
estabelecimentos podem
melhorar nesses dois “Tem um restaurante mais antigo que tem a decoração toda de pirata,
aspectos. que tem peixes, conchas do mar, etc. Mas na minha opinião, a maioria
deles precisam melhorar na decoração e no conforto”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique paradaadicionar
Avaliação qualidadeum
dos
título
estabelecimentos locais – Grupo de Governança

“É um trabalho que tem que começar a ser feito. Adequação para


Acessibilidade e adequação portadores de necessidade especiais, idosos, espaços para crianças... Eu
dos espaços para crianças e não vejo nada. Em alguns hotéis, ainda vejo, mas aqui na Vila, nos bares
portadores de necessidades
e restaurantes, não vejo”.
especiais
GRUPO DE GOVERNANÇA
• O grupo afirma que não
“Não, não existe nada para portadores de deficiências e nem para
existem espaços idosos. A gente ainda tá trabalhando, mas precisa existir uma
adequados e específicos sensibilização com o empresariado. Existe já um pessoal trabalhando
para isso. Quanto ao espaço para as crianças não, é muito pouco, eu
para crianças.
diria quase nenhum”.
• Sobre as adequações para GRUPO DE GOVERNANÇA
idosos e portadores de
“Alguns tem adequações para os idosos outros não. São poucos. Quanto
necessidades especiais a às crianças, a maioria dos restaurantes não oferecem espaços, não são
maioria afirma que não
tão grandes. O próprio restaurante toma todo o espaço. Então não há
espaço específico para crianças”.
existe. GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique paradaadicionar
Avaliação qualidadeumdos
título
estabelecimentos locais – Grupo de Governança

Forma de pagamento
“Aceitam sim, cartões de débito e crédito. Isso é tranquilo”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

• A aceitação de cartões de “Sim, a maioria trabalha com todos os cartões de débito e crédito no
mercado”.
débito e crédito é uma
GRUPO DE GOVERNANÇA
prática constante em
Porto de Galinhas, sendo
“Acho que todos os estabelecimentos aceitam os cartões de débito e
crédito. Isso não é problema”.
exercida na maioria dos GRUPO DE GOVERNANÇA
estabelecimentos.
PORTO DE GALINHAS
Avaliação
Clique para
geral
adicionar
da qualidade
um título
dos estabelecimentos de Porto de Galinhas –
Consumidores Locais e Turistas

A avaliação geral da A escala de qualidade


qualidade dos geral foi categorizada em
estabelecimentos do SAFL - Ótima
local foi solicitada com o Para cada resposta, foi
objetivo entender esta - Boa solicitada uma
percepção em uma escala - Regular justificativa.
simplificada e, a seguir,
relacioná-la com motivos - Ruim
que a justificassem. - Péssima.
PORTO DE GALINHAS
Avaliação
Clique para
geral
adicionar
da qualidade
um título
dos estabelecimentos de Porto de Galinhas –
Consumidores Locais e Turistas
 A percepção dos estabelecimentos por parte dos Consumidores Locais é, para maior parte dos
entrevistados, Boa (58,1%). Pelos Turistas, a percepção também é, em sua maioria, Boa
(65,6%) .

Avaliação geral dos estabelecimentos do SAFL - Consumidores Locais Avaliação geral dos estabelecimentos do SAFL - Turistas

60,0% 70,0%

60,0%
50,0%

50,0%
40,0%

40,0%
Percent

Percent
30,0%
58,1% 65,6%
30,0%

20,0%
20,0%
32,3%

28,1%
10,0%
10,0%

9,7% 3,1% 3,1%

0,0% 0,0%

Boa Regular NS Boa Regular Ruim NS


PORTO DE GALINHAS
Avaliação
Clique para
geral
adicionar
da qualidade
um título
dos estabelecimentos de Porto de Galinhas –
Consumidores Locais e Turistas

 As razões associadas à avaliação da qualidade geral dos estabelecimentos do SAFL de Porto


de Galinhas como Boa por parte dos Turistas foi justificada principalmente pelo
atendimento (38,1%), pelos cardápios variados (33,3%) e pela qualidade da comida (23,8%).
Já para os Consumidores Locais, a qualidade da comida vem em primeiro lugar (33,3%), os
cardápios variados vem em segundo lugar com 27,8% das citações e em terceiro vem o
atendimento e a variedade de estabelecimentos com 22,2% cada.

 A avaliação Regular foi dada pelos Consumidores Locais principalmente pelos preços altos e
pela falta de infra-estrutura local com 40,0% das citações cada. Já entre os Turistas os
motivos mais citados foram a falta de infra-estrutura (44,4%) e a falta de acesso para idosos
e pessoas especiais com 33,3%.

 Por fim, tivemos a avaliação como Ruim por um Turista. Este justificou a resposta pela falta
de acesso para idosos e pessoas especiais.
PORTO DE GALINHAS
Avaliação
Clique para
geral
adicionar
da qualidade
um título
dos estabelecimentos de Porto de Galinhas –
Consumidores Locais e Turistas

Razões de quem avaliou como boa a qualidade dos estabelecimentos

Consumidores Locais Turistas

Qualidade da comida 33,3% Atendimento 38,1%


Cardápio variado 27,8% Cardápio variado 33,3%
Atendimento 22,2%
Qualidade da comida 23,8%
Variedade de estabelecimentos 22,2%
Infra-estrutura 9,5%
Higiene dos estabelecimentos 11,1%
Conforto dos estabelecimentos 9,5%
Outras 16,7%
Outras 23,8%
Base: 18 entrevistas
Respostas múltiplas Base: 21 entrevistas
Respostas múltiplas
PORTO DE GALINHAS
Clique parageral
Avaliação adicionar um título
da qualidade dos estabelecimentos de Porto de Galinhas –
Consumidores Locais e Turistas

Razões de quem avaliou como regular a qualidade dos estabelecimentos

Consumidores Locais Turistas

Altos preços 40,0% Falta infra-estrutura 44,4%


Falta acesso para idosos e pessoas
Falta infra-estrutura 40,0%
especiais 33,3%
Falta acesso para idosos e pessoas
especiais 20,0% Atendimento 11,1%
Atendimento 10,0% Demora no atendimento 11,1%
Base: 10 entrevistas Altos preços 11,1%
Respostas múltiplas Falta profissionalismo 11,1%
Base: 9 entrevistas
Respostas múltiplas
PORTO DE GALINHAS
Clique para– Publicações
Divulgação adicionar um título
especializadas

 Em relação à divulgação em publicações especializadas, o Grupo de Governança afirma que os


estabelecimentos do local são bem inseridos nestes tipos de publicações, inclusive, existe interesse
por parte dos empresários em investir nesse tipo de divulgação.

“Existe sim, no guia Quatro Rodas, existem alguns guias locais também. O mercado de Porto de
Galinhas investe muito em propaganda também. É um interesse dos próprios empresários”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Existe uma preocupação com a divulgação. Tem muitas publicações. Eu acho natural, inclusive, boa
parte dos turistas que chegam aqui, já procuram por um restaurante específico, e isso, é fruto desse
tipo de divulgação”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Sim, tem muitas publicações. Acho que pode ser feito mais. Até a própria ABRASEL pode atuar bem
mais forte com a gente aqui, e a gente pode fazer isso muito bem”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
CAPÍTULO 5 - A COMIDA DO LUGAR

 Oferta e demanda
 Competitividade
 A comida típica
PORTO DE GALINHAS
Clique
A oferta
para
da comida
adicionar
local
umsegundo
título os Consumidores Locais e Turistas

 Consumidores Locais e Turistas avaliaram a diferença entre a oferta e a demanda por opções
de comida em Porto de Galinhas. Este estudo foi feito através de uma lista com diversos tipos
de comida, na qual, em um primeiro momento, os entrevistados deveriam indicar o que
esperavam encontrar em Porto de Galinhas (ou que deveria ter, no caso dos Consumidores
Locais) e, no segundo momento, indicar o que lá é encontrado com facilidade.

• Os Consumidores Locais apontaram a existência de uma


Consumidores demanda não atendida apenas para a comida brasileira.
Já em relação aos demais tipos de comida, a oferta é
Locais sempre superior à demanda percebida.

• Já os Turistas apontaram apenas uma demanda não


atendida para a lagosta. Para os sanduíches e salgados,
Turistas petiscos e tira gostos a demanda é similar à oferta
percebida e para os demais itens a oferta é superior à
demanda.
PORTO DE GALINHAS
Clique para adicionar
A Gastronomia como um título turístico
potencial

 Os entrevistados do Grupo de Governança também foram convidados a comentar sobre a oferta


gastronômica da cidade. Quando questionados sobre o tipo de comida mais facilmente encontrado
em Porto de Galinhas, foram citados os frutos do mar, os peixes, o camarão, a tapioca, comidas
internacionais, as massas e churrascos.

“Os Frutos do mar, a procura é grande e a oferta é compatível”.


GRUPO DE GOVERNANÇA

“Peixe e camarão são encontrados com a maior facilidade”.


GRUPO DE GOVERNANÇA

“Peixe, pratos internacionais, o tradicional filé, camarão, lagosta, restaurantes de massas, muito bons,
pizzas, Sushi, churrasco de Picanha. Você tem um leque de opções, acho que Porto tem um leque de
opções”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique para adicionar
A Gastronomia como um título turístico
potencial

“Frutos do mar são característicos daqui, você vê que a maioria dos restaurantes oferecem frutos
do mar. Considero que a gastronomia daqui é um atrativo. E cultura e turismo ninguém pode
separar não”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Come-se peixe em praticamente em todos os restaurantes. Acho que o peixe e os frutos do mar, são
alimentos que têm “a cara” de Porto de Galinhas”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“A “cara” de Porto de Galinhas é o Peixe, a Tapioca e algumas pessoas procuram lugares mais
trabalhados para poder degustar os peixes, o filé...”
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
A Gastronomia
para adicionar
como potencial
um título turístico

 Em relação ao tipo de comida mais difícil de encontrar em Porto de Galinhas, o Grupo apontou que
existem poucas comidas que não sejam oferecidas ou que sejam difíceis de serem encontradas no
local. Percebe-se, que talvez, na opinião do grupo, falte uma maior oferta da comida típica regional.
Foi citada a Peixada Pernambucana e ainda, as comidas tailandesa e japonesa.

“Acredito que todo o tipo de gastronomia procurado pelo o turista a gente atende. E eu não tenho
conhecimento do tipo de comida que seja encontrado com menor facilidade.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Não sei quais são os pratos mais difíceis de serem encontrados, talvez seja a comida tailandesa ou
japonesa, não sei, mas acho que tem aqui também”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Um prato que não se encontra com facilidade é Peixada Pernambucana, poderíamos incentivar e
divulgar mais esse prato”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
A Gastronomia
para adicionar
como potencial
um título turístico
 A comida de Porto de Galinhas é vista pelo Grupo de Governança como um forte atrativo turístico
para o destino. Como melhores características da gastronomia local, o grupo apontou
principalmente a variedade e o sabor da comida. O grupo não apontou nenhuma característica
negativa da comida de Porto de Galinhas, mas um dos entrevistados considera que a comida típica
pernambucana, pode ser melhor divulgada e ofertada na região de Porto de Galinhas.

“Eu acho que as melhores características seriam principalmente a variedade, ou seja, a diversidade de
tipos de comida e o sabor da comida daqui”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Eu considero que a nossa gastronomia seja um grande atrativo turístico. As suas melhores
características são o sabor, a grande quantidade de tipos de comidas ofertadas, como os frutos do
mar, os peixes, o camarão,a tapioca, os doces regionais e outros tipos, como as massas, pizzas, etc.”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
A Gastronomia
para adicionar
como potencial
um título turístico

“A culinária local é um atrativo turístico com certeza. A culinária nordestina, pernambucana, é muito
rica, mas precisa ser melhor explorada, mais ofertada e divulgada aqui em Porto de Galinhas. Hoje,
eu diria que existe um campo, mas este espaço não é bem explorado. Eu diria que sim, ela é um
atrativo econômico, devido principalmente à sua variedade, à sua diversidade”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“São comidas saborosas, e tem muita variedade aqui. Tem muita demanda,
o turista gosta muito da comida local.
Eu não vejo nenhuma característica negativa, não”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
A Gastronomia
para adicionar
como potencial
um título turístico

 O Grupo de Governança considera que trabalhar com comida em Porto de Galinhas é um bom
negócio por ter um fluxo grande de turistas, o que acarreta muita procura.

“É um bom negócio trabalhar com comida em Porto de Galinhas, porque mesmo na baixa estação, há
um fluxo muito bom de turistas, e eles vêm para se hospedar e procuram comer fora. Então, pelo o
que eu vejo, é bom para o empresário sim”.

GRUPO DE GOVERNANÇA

“Sim, é um bom negócio. Mas é evidente que em período de baixa estação, o movimento é menor, mas
em alta estação, é bom para todo mundo”.

GRUPO DE GOVERNANÇA


PORTO DE GALINHAS
Clique
A Gastronomia
para adicionar
como potencial
um título turístico
 Questionados sobre o que pode ser feito para aumentar o poder de atração da comida local, os
representantes do Grupo de Governança sugerem maior divulgação da comida regional,
principalmente da comida típica nordestina e mais cursos e treinamentos de capacitação de mão de
obra para os funcionários, e também, para os empresários do SAFL.

 Um dos entrevistados considera também, a necessidade de uma maior integração entre os


empresários do setor, para que haja maior fortalecimento da atração da gastronomia local. Outro
membro do grupo, considera que essa união já existe, mas cita que poderia haver mais ações
conjuntas que colaborem com a potencializarão da gastronomia de Porto de Galinhas.

“Eu acho que seria mesmo aumentar a oferta e divulgação da comida típica nordestina, da comida
pernambucana e também, mais cursos e treinamentos de mão de obra, para que tenhamos sempre
um aprimoramento no atendimento”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
A Gastronomia
para adicionar
como potencial
um título turístico

“ O empresariado do segmento de gastronomia também está precisando ser melhor orientado, melhor
capacitado, para que consiga gerir melhor o seu negócio em tempo de crise. A gente precisa capacitar
melhor o nosso empresário em como gerir o seu negócio, e melhorar assim, o atendimento de uma
forma geral” .
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Eu acho que está faltando aqui é mais integração entre os próprios empresários. As pequenas empresas
se comunicarem mais, para que se tenha ações efetivas quanto a um projeto de execução, que tenha
atividades integradas do começo ao fim. Penso que assim, aumentaria mais ainda o poder de atração da
comida local”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Eu acho que os empresários já são unidos, essa questão do associacionismo funciona. Lógico que a
ABRASEL é muito presente aqui, e os tipos de trabalhos como esse, é que deveriam de fato acontecer
para melhorar o poder de atração da gastronomia. Os proprietários junto com os funcionários precisam
ser qualificados, porque são os empresários que precisam achar soluções para o seu negócio prosperar”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique para
A oferta da adicionar um título
comida local

 Sobre a existência de algum produto ou prato típico local, foram apontados principalmente os
peixes, o camarão, frutos do mar, a tapioca, etc.

“Come-se peixe praticamente em todos os restaurantes de Porto de Galinhas. Acho que o peixe, da
forma que os chefes preparam e que apresentam os pratos, os molhos, é que dão essa diferença à
comida local”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Os frutos do mar, são comidas bem características daqui. A maioria dos restaurantes oferecem frutos
do mar. E tem outras comidas também, bem típicas, como as peixadas, a tapioca, etc.”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique para
A oferta da adicionar um título
comida local
 Esses produtos, segundo os entrevistados, são consumidos mais pelos turistas, mas a população
local também os consomem, em menor escala. O grupo afirma também, que são produtos fáceis de
serem encontrados no SAFL de Porto de Galinhas.

 A opinião do grupo se divide em relação à compra desses alimentos para se levar para casa. A
maioria dos entrevistados acha que não são produtos fáceis de se levar para casa, pois são muito
perecíveis e não existem embalagens condicionadas para isso. Porém, um entrevistado diz que a
maioria dos restaurantes oferecem o serviço de embalar as comidas “para viagem”, apesar de não
existir ainda, o serviço de entrega em domicílio.

“São comidas fáceis de serem encontradas sim, mas quanto a levar a comida para casa, acredito
que não, devido à embalagem, por causa do condicionamento, alguns são alimentos muito
perecíveis. (...) Acho que são comidas consumidas mais pelos turista, mas a população também
consome, porém menos que os turistas”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique para
A oferta da adicionar um título
comida local

“A maioria dos restaurantes já oferecem o serviço de embalar a comida para viagem, sendo que
não se faz entrega em domicilio. Quanto à oferta de comida para viagem isso ai não é problema.
No geral, no SAFL, essas comidas são consumidas mais pelos turistas”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Eu acho que não são comidas que não tem como levar para casa, no caso do peixe pronto por
exemplo, seria difícil levar para casa, é muito perecível. Mas também não sei se nos restaurantes
tem peixes congelados para se levar, ou outros que possam ser levados”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
A oferta
para
da comida
adicionar
local
umsegundo
título os Consumidores Locais
PORTO DE GALINHAS
Clique
A oferta
para
da comida
adicionar
local
umsegundo
título os Turistas
5.1 - A COMPETITIVIDADE DA COMIDA DO LUGAR

 Características
 Comparação com a comida de outros destinos
 Importância da gastronomia local na decisão de viagem
PORTO DE GALINHAS
Clique
As características
para adicionar
da comida
um título
de Porto de Galinhas
 Algumas características citadas pelos Turistas e pelos Consumidores Locais foram comuns. As
mais representativas foram o sabor da comida, a variedade e a qualidade da comida.

 Tanto para os Turistas como para os Consumidores Locais o alto custo da comida foi a pior
característica destacada.

Melhores características

• Sabor da comida
• Variedade da comida
• Qualidade da comida
PORTO DE GALINHAS
Clique
As características
para adicionar
da comida
um título
de Porto de Galinhas

Melhores características da comida de Porto de Galinhas

Consumidores Locais Turistas

Sabor da comida 80,6% Variedade 84,4%


Variedade 48,4% Sabor da comida 78,1%
Qualidade da comida 25,0%
Comida bem temperada 12,9%
Temperos / Produtos tradicionais 18,8%
Qualidade da comida 12,9%
Fartura da comida 9,4%
Temperos / Produtos tradicionais 3,2%
Comida bem temperada 6,3%
Boa apresentação dos pratos 3,2% Boa apresentação dos pratos 6,3%
NS 12,9% Preços praticados 6,3%
Base: Total da amostra Peixe/ frutos do mar utilizados 3,1%
Respostas múltiplas
Base: Total da amostra
Respostas múltiplas
PORTO DE GALINHAS
Clique
As características
para adicionar
da comida
um título
de Porto de Galinhas

Piores características da comida de Porto de Galinhas

Consumidores Locais Turistas

Alto custo da comida local 51,6% Alto custo da comida local 34,4%

NS 48,4% Muito forte / Apimentada / Salgada 3,1%


Base: Total da amostra NS 62,5%
Respostas múltiplas
Base: Total da amostra
Respostas múltiplas
PORTO DE GALINHAS
Clique
A comida
para
deadicionar
Porto de um
Galinhas
título comparada à de outros destinos

O principal determinante da competitividade de um produto ou serviço é a percepção de sua melhor


qualidade em relação à concorrência e dos atributos que os tornam superiores.

Este mesmo princípio se aplica à temática da competitividade da comida local, principal conceito
norteador do projeto "Caminhos do Sabor".

Nesta pesquisa, a competitividade dos destinos foi avaliada segundo os seguintes critérios:
 Percepção genérica do diferencial da comida local em relação a destinos concorrentes.

 Identificação dos destinos concorrentes.

 Comparação da qualidade da comida local com a dos destinos concorrentes.

 Razões associadas às comparações feitas.


PORTO DE GALINHAS
Clique
A comida
para
deadicionar
Porto de um
Galinhas
título comparada à de outros destinos

 Os entrevistados foram questionados em relação à oferta de alimentos semelhantes ao de Porto de


Galinha em outras localidades. As opiniões foram dividas entre o grupo. Uma parte considera que
existem localidades próximas à Porto de Galinhas com comidas semelhantes, e outra parte considera
que a comida local tem suas particularidades próprias, se diferenciando das de outras localidades.

“Não existe localidades com comidas iguais, pode parecer, mas não igual.
Se o turista quiser,ele pode ir até Recife, mas a nossa gastronomia local é
de excelente qualidade e tem suas particularidades”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Existem sim, existe as praias de Santo Agostinho, Serraninho, Maracaíbe, até Tamandaré,
eu acho que a culinária se parece muito, que é essencialmente de frutos do mar”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
A comida
para
deadicionar
Porto de um
Galinhas
título comparada à de outros destinos

 Em relação à qualidade dessas comidas, a maioria dos membros da Governança julgam que a própria
qualidade, o sabor e a apresentação dos pratos da comida de Porto de Galinhas são melhores em
comparação à dos outros locais. Outros entrevistados acham que existem locais que as comidas são
melhores e que em outros não.

“Eu acho que esses lugares não apresentam comidas melhores, porque em Porto de Galinhas apresenta
melhor qualidade, melhor apresentação dos pratos, e também, eu acho que é uma comida mais
saborosa”.
GRUPO DE GOVERNANÇA

“Existem lugares que tem comidas melhores, e outros que são piores, isso, na média, é muito relativo”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
A comida
para
deadicionar
Porto de um
Galinhas
título comparada à de outros destinos

“Eu acho que a gastronomia de Porto de Galinhas se sai melhor, porque penso que tem melhor
qualidade, melhor sabor. E também, nosso SAFL local é muito diversificado, tem muitos
restaurantes e uma variedade grande de comidas. Tem gente que come em um canto e depois
come em outro”.
GRUPO DE GOVERNANÇA
PORTO DE GALINHAS
Clique
A comida
para
deadicionar
Porto de um
Galinhas
título comparada à de outros destinos

41,9 dos entrevistados consideram Daqueles que disseram ser possível


encontrar essa culinária, vários destinos
que é possível encontra outros
foram apontados, sendo os mais
destinos com culinária semelhante à citados: Carneiros, Cabo Santo
ofertada em Porto de Galinhas. Agostinho, Tamandaré, Gaibu e Recife.

Competitividade da comida
de Porto de Galinhas
Consumidores Locais

Para 30,8% dos entrevistados a culinária Já para 69,2% dos entrevistados a culinária
encontrada em Porto de Galinhas é encontrada em Porto de Galinhas não é
melhor que a de outros destinos por ser nem melhor, nem pior do que a de outros
mais saborosa e por ter mais variedade destinos por ter o mesmo sabor e porque a
de pratos. qualidade da comida é a mesma.
PORTO DE GALINHAS
Clique
A comida
para
deadicionar
Porto de um
Galinhas
título comparada à de outros destinos

Apenas 12,5% dos entrevistados


disseram ser possível encontrar a
Entre os turistas, 75% não sabem
mesma culinária de Porto de Galinhas
dizer se existe destino com comida
em outros destinos, sendo
semelhante à de Porto de Galinhas.
apontados: Carneiros, Maragogi e
Gaibu.

Competitividade da comida
de Porto de Galinhas
Turistas

25% dos entrevistados consideram a


50% da amostra disse que a culinária
culinária de Porto de Galinhas melhor
de Porto de Galinhas não é nem
que a de outros destino, sendo que a
melhor, nem pior que a de outros
justificativa dada para essa avaliação
destinos, por terem o mesmo sabor e
foi pelo fato de a comida ser mais
o mesmo tempero.
saborosa.
PORTO DE GALINHAS
Clique
A comida
para
deadicionar
Porto de um
Galinhas
título comparada à de outros destinos

O entrevistado acha que existem localidades que tenham comidas de O entrevistado acha que existem localidades que tenham comidas de
características semelhantes às de Porto de Galinhas - Consumidores Locais características semelhantes às de Porto de Galinhas - Turistas

Sim Sim
Não Não
NS NS

12,5%
22,6%
12,5%
41,9%
75,0%

35,5%
PORTO DE GALINHAS
Clique
A comida
para
deadicionar
Porto de um
Galinhas
título comparada à de outros destinos

Localidades com comida de características semelhantes à de Porto de Galinhas

Consumidores Locais Turistas


Carneiros 53,8%
Carneiros 50,0%
Cabo Santo Agostinho 38,5%
Tamandaré 30,8% Maragoji 50,0%
Gaibu 23,1% Gaibu 25,0%
Recife 15,4% Base: 4 entrevistas
Itamaracá 7,7% Respostas múltiplas
Maragoji 7,7%
Morro Alto 7,7%
Base: 13 entrevistas
Respostas múltiplas
PORTO DE GALINHAS
Clique
A comida
para
deadicionar
Porto de um
Galinhas
título comparada à de outros destinos

Como o entrevistado considera a comida típica de Porto de Galinhas em Como o entrevistado considera a comida típica de Porto de Galinhas em
relação a de outros locais - Consumidores Locais relação a de outros locais - Turistas

70,0% 50,0%

60,0%
40,0%

50,0%

30,0%
40,0%

Percent
Percent

69,2% 50,0%

30,0%
20,0%

20,0%
25,0% 25,0%
30,8% 10,0%

10,0%

0,0% 0,0%

Melhor Nem melhor, nem pior Melhor Nem melhor, nem pior Pior
PORTO DE GALINHAS
Clique
A comida
para
deadicionar
Porto de um
Galinhas
título comparada à de outros destinos

Por que a comida de Porto de Galinhas é melhor?

Consumidores Locais Turistas

É mais saborosa 50,0% É mais saborosa 100,0%


Por ter mais variedade de pratos 50,0% Base: 1 entrevista
Respostas múltiplas
O modo de preparo é melhor 25,0%

Base: 4 entrevistas
Respostas múltiplas
PORTO DE GALINHAS
Clique
A comida
para
deadicionar
Porto de um
Galinhas
título comparada à de outros destinos

Por que a comida de Porto de Galinhas não é nem melhor nem pior?

Consumidores Locais Turistas

Tem o mesmo sabor 88,9% Tem o mesmo sabor 50,0%


Porque a qualidade da comida é a
Mesmo tempero 50,0%
mesma 11,1%
Base: 2 entrevistas
Base: 9 entrevistas Respostas múltiplas
Respostas múltiplas
PORTO DE GALINHAS
Clique
A importância
para adicionar
da culinária
um título
local na decisão de viajar a Porto de Galinhas

 Foram dadas notas de 1 a 5 para


Importância da culinária local na decisão de fazer a viagem - 1 nenhuma
avaliar a importância da culinária de importancia e 5 muito importante - Turistas
Porto de Galinhas na decisão de 100,0%

fazer a viagem, sendo 1 totalmente


sem importância e 5 muito
80,0%
importante.

60,0%
 90,6% dos entrevistados atribuíram

Percent
nota 1 para a importância da 90,6%
culinária na decisão de fazer a 40,0%

viagem. O restante dos entrevistados


atribuíram as notas 3 e 5 com 3,1% 20,0%

de citações cada nada.


3,1% 3,1% 3,1%
0,0%

1 3 5 NR
A COMIDA TÍPICA DE PORTO DE GALINHAS
PORTO DE GALINHAS
Clique
A comida
para
típica
adicionar
de Porto
umdetítulo
Galinhas
Guardando ainda uma forte relação com a questão da competitividade, mas agora procurando
identificar com maior clareza o produto local, a comida do lugar, uma série de perguntas
abordou a forma com que o mercado do destino oferece a comida típica.

Os aspectos investigados foram:


 Identificação da comida do lugar:
 A que lembra em primeiro lugar
 Citação de mais três pratos que identifica como típicos do destino.
 Tipologia dos consumidores.
 Suficiência da quantidade de estabelecimentos para atender a demanda sobre a
comida do lugar.
 Avaliações do sabor, da atratividade, da apresentação, da higiene e do preço.
 Avaliação da facilidade de encontrar e de transportar os produtos.
 Identificação das fontes de informação utilizadas pelos turistas.
 Experiência dos turistas sobre a comida do lugar.
 Pretensão de experimentar a comida típica durante a estadia no destino.
PORTO DE GALINHAS
Cliqueé para
Qual a comida
adicionar
típicaum
de título
Porto de Galinhas? – Consumidores Locais

PORTO DE GALINHAS
Consumidores Locais
PRATOS TÍPICOS DE

Peixes

Peixada
PORTO DE GALINHAS
Cliqueé para
Qual a comida
adicionar
típicaum
de título
Porto de Galinhas? – Turistas

PORTO DE GALINHAS
PRATOS TÍPICOS DE

Turistas Peixes

Tapioca
PORTO DE GALINHAS
Cliqueé para
Qual a comida
adicionar
típicaum
de título
Porto de Galinhas?

O prato mais lembrado

Consumidores Locais Turistas

Peixes 54,8% Peixes 15,6%

Tapioca 15,6%
Peixada 16,1%
Base: Total da amostra
Base: Total da amostra
PORTO DE GALINHAS
Cliqueé para
Qual a comida
adicionar
típicaum
de título
Porto de Galinhas?

Outros pratos típicos de Porto de Galinhas

Consumidores Locais Turistas

Camarão 48,4% Peixes 9,4%


Lagosta 19,4% Camarão 9,4%
Tapioca 6,5% Lagosta 6,3%
Feijoada 6,5% Tapioca 6,3%
Frutos do mar 3,2% Feijão verde 6,3%
Peixes 3,2%
Macaxeira 3,1%
Mariscada 3,2%
Buchada 3,1%
Macaxeira 3,2%
Carne de bode 3,1%
Fritada de aratu 3,2% Bolo de rolo 3,1%
NS 35,5% NS 68,8%
Base: Total da amostra Base: Total da amostra
Respostas múltiplas Respostas múltiplas
PORTO DE GALINHAS
Clique
Os consumidores
para adicionar
da comida
um título
típica de Porto de Galinhas

 Para a maioria dos


A comida típica é mais consumida por - Consumidores Locais
Consumidores Locais
(80,6%), os Turistas são
os maiores responsáveis
Turistas 80,6%
pelo consumo da comida
típica.
 Para 6,5% tanto os
consumidores locais Ambos 6,5%

quanto os turistas são


responsáveis pelo
consumo da comida
NR 12,9%
típica de Porto de
Galinhas.
0,0% 20,0% 40,0% 60,0% 80,0% 100,0%
Percent
PORTO DE GALINHAS
Clique para adicionar
Capacidade de atendimento
um título
da demanda pela comida típica de Porto de Galinhas

 Em relação ao número de
Em relação à quantidade de estabelecimentos em Porto de Galinhas que
estabelecimentos que vendem a vendem a comida típica: - Consumidores Locais

comida típica, para os


Consumidores Locais
É mais do que suficiente
entrevistados mais do que para atender a procura
87,1%

suficiente para atender a


procura, com 87,14% das
citações.
NR 9,7%

NS 3,2%

0,0% 20,0% 40,0% 60,0% 80,0% 100,0%


Percent
PORTO DE GALINHAS
Clique para adicionar
Capacidade um título
de atendimento da demanda pela comida típica de Porto de Galinhas

 Dos Turistas entrevistados


25,0% consideram que a Em relação à quantidade de estabelecimentos em Porto de Galinhas que
vendem a comida típica: - Turistas
quantidade de
estabelecimentos que vendem
É mais do que suficiente
a comida típica em Porto de para atender a procura
25,0%

Galinhas é mais do que


suficiente para atender a É suficiente para atender
18,8%
a procura
demanda e 18,8% consideram
que é suficiente.
NR 31,2%

 Mais da metade dos


entrevistados (56,2%) não NS 25,0%

souberam responder essa


questão. 0,0% 10,0% 20,0% 30,0%
Percent
PORTO DE GALINHAS
Clique para adicionar
Capacidade de atendimento
um título
da demanda pela comida típica de Porto de Galinhas

Os produtos típicos da culinária de Porto de Galinhas são fáceis ou


difíceis de encontrar para levar para casa - Consumidores Locais

100,0%
 A maioria dos
Consumidores Locais
80,0%
entrevistados disse ser
fácil encontrar os
produtos típicos para 60,0%

Percent
levar para casa (87,1%).
87,1%
40,0%

20,0%

12,9%
0,0%

Fáceis NR
PORTO DE GALINHAS
Clique
A demanda
para adicionar
por produtos
um título
típicos de Porto de Galinhas

 Quando questionados se já O entrevistado já procurou algum produto da culinária local para


comprar? - Turistas
haviam procurado algum
Sim
produto da culinária local Não

para comprar, a maioria dos


Turistas entrevistados
15,6%
disseram não ter tido esse
interesse (84,4%).
84,4%
PORTO DE GALINHAS
Clique
A demanda
para adicionar
por produtos
um título
típicos de Portos de Galinhas

 Dos Turistas que Qual foi o produto


procuraram algum
produto típico de Porto de %
Galinhas para comprar,
Camarão 80,0%
80,0% citaram camarão e
20,0% citaram castanha; Castanha 20,0%
Base: 5 entrevistas
PORTO DE GALINHAS
Clique
A demanda
para adicionar
por produtos
um título
típicos de Porto de Galinhas

 Para a maioria dos Turistas


Interesse do entrevistado em comprar produtos típicos da culinária de
entrevistados, existe Porto de Galinhas para levar para casa - Turistas

interesse pequeno (56,2%) 60,0%

em levar os produtos
50,0%
típicos da culinária para
casa. Podemos concluir 40,0%

que a culinária não pode

Percent
ser considerada um dos 30,0%
56,2%
atrativos da cidade para ser
40,6%
levado para casa, pelo 20,0%

menos na opinião dos


10,0%
Turistas entrevistados.
3,1%
0,0%

Pequeno Muito pequeno NR


PORTO DE GALINHAS
Clique parados
Avaliações adicionar
pratos um
típicos
título
de Porto de Galinhas

 Os pratos típicos de Porto de Galinhas foram avaliados segundo 5 atributos: sabor, capacidade
de despertar o apetite, apresentação do prato, higiene e preço através de uma escala de 5
pontos.
 Ótimo
 Bom
 Regular
 Ruim
 Péssimo.

 Nos quatro primeiros atributos, tanto os Consumidores Locais quanto os Turistas


demonstraram aprovação, com a avaliação de Ótima ou Boa prevalecendo. Em relação ao
quinto atributo (preço), a avaliação foi Regular pela maioria dos Consumidores Locais e dos
Turistas.
PORTO DE GALINHAS
Clique parados
Avaliações adicionar
pratos um
típicos
título
de Porto de Galinhas: sabor

 Os Consumidores Locais avaliaram o sabor da comida de Porto de Galinhas como Ótima ou


Boa, sendo a avaliação Ótima apresentada por 77,4% dos entrevistados. Os Turistas também
ficaram satisfeitos, com 70,6% dos entrevistados atribuindo a classificação Ótima e 29,4% como
Boa para este item.

Avaliação do sabor da comida típica de Porto de Galinhas -


Consumidores Locais Avaliação do sabor da comida típica de Porto de Galinhas - Turistas

80,0% 80,0%

60,0% 60,0%
Percent

Percent
40,0%
77,4% 40,0%

70,6%

20,0%
20,0%

29,4%

3,2% 12,9%
6,5%
0,0%
0,0%
Boa Ótima NS NR
Boa Ótima
PORTO DE GALINHAS
Clique parados
Avaliações adicionar
pratos um
típicos
título
de Porto de Galinhas: capacidade de despertar apetite

 A avaliação dada em relação à capacidade de despertar o apetite também foi positiva, tendo a
classificação Boa ou Ótima por 80,6% dos Consumidores Locais. Para os Turistas a avaliação foi
de 64,7% como Ótima e 23,5% como Boa.

Avaliação do despertar do apetite da comida típica de Porto de Galinhas


Avaliação do despertar do apetite da comida típica de Porto de Galinhas
- Consumidores Locais
- Turistas
80,0%
70,0%

60,0%

60,0%
50,0%

40,0%
Percent

Percent
40,0%
77,4%
64,7%
30,0%

20,0%
20,0%

23,5%
10,0%

12,9% 11,8%
3,2%
6,5%
0,0% 0,0%

Boa Ótima NS NR Regular Boa Ótima


PORTO DE GALINHAS
Clique parados
Avaliações adicionar
pratos um
típicos
título
de Porto de Galinhas: apresentação do prato

 A apresentação do prato também obteve aprovação de ambos os grupos: 80,6% dos


Consumidores Locais e 88,3% dos Turistas avaliaram como Ótima ou Boa.

Avaliação da apresentação do prato típico de Porto de Galinhas - Avaliação da apresentação do prato típico de Porto de Galinhas -
Consumidores Locais Turistas

80,0% 50,0%

40,0%
60,0%

30,0%
Percent

Percent
40,0%
77,4% 47,1%

20,0% 41,2%

20,0%
10,0%

3,2% 12,9%
5,9% 5,9%
6,5%
0,0% 0,0%

Boa Ótima NS NR Ruim Regular Boa Ótima


PORTO DE GALINHAS
Clique parados
Avaliações adicionar
pratos um
típicos
título
de Porto de Galinhas: higiene do prato

 A higiene do prato manteve classificação satisfatória por ambos os grupos: 80,7% dos
Consumidores Locais e 88,2% dos Turistas avaliaram como Boa ou Ótima.

Avaliação da higiene do prato típico de Porto de Galinhas -


Avaliação da higiene do prato típico de Porto de Galinhas - Turistas
Consumidores Locais

80,0% 60,0%

50,0%

60,0%

40,0%

Percent
Percent

40,0% 30,0%

71,0% 52,9%

20,0%
35,3%
20,0%

10,0%

11,8%
12,9%
9,7%
6,5%
0,0% 0,0%

Boa Ótima NS NR Regular Boa Ótima


PORTO DE GALINHAS
Clique parados
Avaliações adicionar
pratos um
típicos
título
de Porto de Galinhas: preço do prato
 No quinto item da avaliação, referente ao preço, houve uma diversidade de respostas. Entre os
Consumidores Locais a avaliação que apresentou maior incidência foi Regular (64,5%). Entre os
Turistas a maior incidência também foi Regular, seguida de Boa e Ruim com 17,6% cada. A
avaliação como Ótima obteve 23,5% das citações.

Avaliação do preço da comida típica de Porto de Galinhas -


Consumidores Locais Avaliação do preço da comida típica de Porto de Galinhas - Turistas
70,0%
40,0%

60,0%

50,0% 30,0%

40,0%
Percent

Percent
64,5% 20,0%
30,0%
35,3%

20,0%
23,5%
10,0%
17,6% 17,6%
10,0%
12,9%
9,7%
6,5% 6,5% 5,9%
0,0%
0,0%
Ruim Regular Boa NS NR
Péssima Ruim Regular Boa Ótima
PORTO DE GALINHAS
Clique para
Turistas: fontes
adicionar
de informação
um títulosobre a comida típica de Porto de Galinhas

 Os Turistas entrevistados
buscaram principalmente
as conversas com amigos
e familiares (75,0%)
como fonte de
informação em relação à
comida típica de Porto
de Galinhas.
 21,9% souberam em
estabelecimentos locais
nesta viagem.
PORTO DE GALINHAS
Clique para
Turistas: adicionarcom
experiência um título
a comida típica de Porto de Galinhas

O entrevistado já experimentou a comida típica de Porto de Galinhas -


Turistas

 53,1% dos Turistas Sim


Não

entrevistados já haviam
experimentado a
comida típica de Porto
de Galinhas, enquanto 46,9%
53,1%
46,9% ainda não haviam
experimentado.
PORTO DE GALINHAS
Clique para
Turistas: adicionarcom
experiência um título
a comida típica de Porto de Galinhas

 Dos Turistas
entrevistados que não
O entrevistado pretende experimentar a comida típica de Porto de
haviam experimentado a Galinhas - Turistas

comida típica de Porto de Sim


Não
Galinhas, 20,0% disseram Não tem certeza
NS

que pretendiam
6,7%
experimentar, 60,0% não 20,0%

tinham certeza, 13,3%


13,3%
disseram que não e 6,7% 60,0%

responderam que não


sabiam.
PORTO DE GALINHAS
Clique para
Equipe Técnica
adicionar um título

 Coordenação geral: Hélvio Luiz Lopes de Brito

 Analistas:
 Pesquisa Quantitativa: Luciana Nery França
 Pesquisa Qualitativa: Leonardo Rocha
 Pesquisa semi-estruturada: Luciana Nery França

 Relatório Final: Leonardo Rocha

 Estatística responsável: Luciana Nery França

 Coordenação de campo em Porto de Galinhas: Leonardo Rocha


PORTO DE GALINHAS
Clique para adicionar um título
Realização