Você está na página 1de 4

Aristóteles

“O homem que projectou as ciências e sistematizou a lógica”

Tal como Platão foi discípulo de Sócrates, Aristóteles foi discípulo de Platão.

Nasceu na cidade de Estalgira em 384 a.c Foi educado na Academia de


Platão quando tinha 17 anos. Seu pai morreu quando ainda era criança.

Reconheceu que Platão era um grande mestre e que devia-o grande honra
por ser educado por ele. Mas como todo discípulo tem posição critica em
relação a doutrina do sue mestre o seu mestre. Ele foi de acordo com Platão
onde refere a existência de dois mundos.

Enquanto Platão ensinava que os objectos do verdadeiro conhecimento


habita noutro mundo, um mundo abstracto independente do tempo e
espaço e que só e acessível ao intelecto.

Aristóteles dizia que existe apenas um mundo onde podemos filosofar, e o


mundo onde vivemos e sofremos o mundo da admiração que faz com que
as pessoas filosofas, ou, seja questionar, para conhecer e aprender, disso
essa admiração e Inesgotável. Ele acredita que não existe terra fora deste
mundo onde poderemos interrogação filosófica.

Segundo a imagem mostra, Platão a esquerda com a obra da metafísica e


abstracto como titulo «segura o Temeu, onde aponta para as coisas mais
elevadas. Aristóteles a direita onde tem na mão a Ética e exprime pelo
gesto que devemos mantermos pés no chão. Estas duas doutrinas opôs ta
tem estado em conflito durante toda a historia.

Aristóteles tinha um desejo, uma ambição de saber tudo sobre o mundo e


dedicou a sua vida na investigação. A sua paixão era tão forte que estudou
a lógica, onde sistematizou, a física a ciência, politica a economia a
psicologia metodologia a retórica e a ética, muito estudo quase que
impossível para uma só pessoa, assim como os termos que inventou as
técnicas a energia, dinâmica, indução demonstração, subtracção, essência,
propriedade, acidente, categoria, tópicos, preposição e universo ainda
avaliou quais as formas de inferência que são validas e as que são invalidas,
isso e o vem do que e o que apenas aparece ser.

Durante dois mil anos estudava a lógica de Aristóteles. A sua sabedoria era
considerada tão grandiosa que na época não poeira haver espécie humana
com ele e até hoje há duvidas se houve quem soube mais do que ele.

Dante dizia que ele era «o mester dos que sabem «, pois esta obra cai no
esquecimento na Europa até no final da idade média tornou-se o contesto
mais importante do conhecimento científico. A sua biologia foi importante
ate o século XIX assim como a lógica. A sua filosofia geral conclui o teoria
politica moral e estética tem tido enorme influencia ate os nossos dia.

2
Retórica de Aristóteles

Nesta obra ele analisa e ensina a arte da persuasão como construir um


discurso e como obter uma impressão pessoal no público, isto e, ensina os
truques de ofício de um orador.

«Os fracos estão sempre ávidos de justiça e de igualdade. Os fortes não dão
importância a nenhuma delas «

Foi considerado pai da lógica, sistematizou a lógica. A lógica dele


permaneceu no centro dos mais elevado educação crista ou longo da idade
Média e após a idade Média.

Platão foi o primeiro sistemático, tratava tudo mas faltava-lhe dar o nome
aos temas. Isto e inventou os disciplinas mas não deu nome. O que
Aristóteles, também sistémico, veio dar nomes a essas disciplinas inventado
pelo Platão.

Aristóteles tal como Sócrates tiveram a vida em perigo.

Perto do final da sua vida Aristóteles foi acusada a de irreverência, falta de


respeito, pelos atenienses. Mas para evitar que eles não ofendesse a
filosofia pela segunda vez executando-o, como fizeram com o Sócrates,
deixou a Atenas e fugiu para Calces de secuta em 323 a.C. e ai morreu com
62 anos no ano seguinte.

Arquimedes inventor e matemático, um dos mais talentosos sucessores dele


desenvolveu a ciência, formulou o princípio da alavanca e mostrou que o
volume irregular de um corpo pode ser medido pela quantidade d e agua
que desloca.

Aristóteles não e metafísico. Ele rejeitou as teoria das formas de Platão o


que exclui a possibilidade de que a forma e uma espécie de entidade
sobrenatural que existe fora do espaço e do tempo. Segundo ele a forma de
um objecto apesar de não ser algo material, e inseparável do objecto deste
mundo e não pode existir isolada assim como a constituição de um homem
não pode existir separadamente do seu corpo.

As quatros (4) causais

Segundo Aristóteles a forma e o que faz como que uma coisa seja o que e.
Pois, acaba ele de referir sobre a causa e refere ao conceito da forma em 4
espécie deferente e cooperador de causa. Ele chama as 4 causa, as razoes
porque uma coisa e o que e ou também os quatros porquês. A forma e a
explicação das coisas

3
Com o exemplo de uma estatua de mármore para explicar. Para que seja o
que e primeiro tem que existir o mármore o que ele chamou de causa
material, causa do que e feito. Mas só por si segundo ele não e suficiente
para fazer o estatua, pois presida pelo menos de três outras causas. Dado
que o material e necessário mas não e suficiente, pois para que estatuo
torna realidade, também precisa ser cortada, que e a causa eficiente, mas
ainda precisa de forma para ser o que e, causa formal. Contudo tudo isto
acontece porque o escultor já tinha decidido fazer o estatua e todas esse
três causa já referida foram chamado para a realização do estatuo A razão
global para a realização deste e ser planeado pelo escultor. E a causa final,
causa da razão suprema para tudo.

Os seus escritos sobre a ética foram tão influente

Enquanto que a maioria dos filósofos moralistas do sec. XX mostrarão


tendência para uma visão limitada Aristóteles foi diferente e muito vasta
nos seus estudos.

Partindo ele de que cada um de nos quer uma vida feliz. E que nos
proporciona isso e o mais completo desenvolvimento e exercício das nossas
capacidade, que isso será com o viver em sociedade.

O termo Médio

E uma famosa doutrina que ele desenvolveu. Essa doutrina pode ser
chamada meio-termo, vejamos por conseguinte, a generosidade e o meio-
termo entre o arriscado e a covardia, o orgulho entre a vaidade e auto
humilhação, a modéstia entre a impudência e a timidez.

Objectivo e obter uma personalidade equilibrado que e a maneira de


alcançar a felicidade segundo a opinião dele

A vida completa

A ética Nicomaco é uma obra sua que nos conduz a sua política.

Segundo ele o objectivo do governo e proporcionar a felicidade ao seus


cidadão uma vida preenchida e feliz Um dos seus primeiros pontos e que o
individuo só consegui ser feliz sedo membro de uma sociedade. Pois a
felicidade e a realização pessoal não se encontra no isolamento individual.
Este é objectivo da expressão ´´Por natureza o homem e um animal politico.
´´

Um dos aspectos mais importante na sua filosofia e a sua visão capacitada


do estado, dai a sua ideia de que a função do estado e possibilitar o
desenvolvimento e a felicidade de cada individuo.

4
5