Você está na página 1de 3

É impossível colocar um jumbo num porta-aviões ?

É muito difícil vencer a resitência às mudanças das


pessoas ?

Ao invés de motivar que tal engajar a equipe ?


O que é um ambiente saudável para trabalhar ?
Como desempenhar além do limite ?

Resumo da Ópera :
A questão é humana e não técnica. Fatores críticos para o
sucesso : Duração, Integridade, Comprometimento e
Empenho.

A Duração : se o tempo de conclusão do projeto de mudança têm


um curto ciclo, o controle é mais simples; se não, o tempo entre as
revisões de milestones do projeto é de fundamental importância. A
Integridade do desempenho do time do projeto, o que se traduz
nas competências dos membros da equipe para entregar o projeto
em tempo, e dos requerimentos de especificação do mesmo. O
–2– Dezembro 14, 2009

Comprometimento da alta gerência e dos colaboradores afetados


pela mudança. E o Empenho em cima e acima do trabalho usual
que será demandado dos colaboradores, e a dosagem ideal para a
eficácia do processo.

Nota-se que nos quatro fatores existe um forte componente de


relacionamento humano, tanto dentro como fora da equipe de
transformação. E o fator humano é justamente o que tem sido
deixado de lado na abordagem tradicional.

Como nós podemos apoiar os líderes da sua organização,


os Gerentes de Projetos e agentes de mudança para que
as transformações ocorram sem impactos negativos para
a corporação e ainda alavancar oportunidades de
aperfeiçoamento ?

Seguem algumas estratégias que nós podemos utilizar para isso :

- Mobilização de energia e comprometimento por meio da


identificação conjunta de problemas e respectivas soluções. Se as
pessoas não entenderem porque as mudanças devem ocorrer elas
não se envolvem, e o nível de resistência e apatia pode ser muito
alto. A pergunta mais comum do pessoal afetado é :
para que tudo isso ?

- Desenvolvimento de um plano de comunicações específico


para a organização.

- Desenvolvimento de uma visão compartilhada de como


organizar e gerenciar para a eficácia e eficiência da organização.
Visão clara de um futuro diferente e melhor.

- Identificação e Gerenciamento dos stakeholders. Definição e


suporte aos verdadeiros líderes do processo de transformação.

- Treinamento e "coaching".

- Concentração em resultados e não em atividades.

- Começar as mudanças pelas bordas, fazendo depois o roll-out


pelas outras unidades.

- Institucionalizar os sucessos intermediários (vitórias rápidas)


por meio de políticas, sistemas e estruturas formais.

- Monitorar e ajustar as estratégias em reposta aos obstáculos


encontrados no processo de mudança, com constantes análises de
impacto do início até a conclusão do projeto.
–3– Dezembro 14, 2009

Para saber mais sobre a nossa abordagem para gestão de


mudanças, basta enviar um e-mail ou nos telefonar que teremos o
maior prazer em conversar pessoalmente.

Mais detalhes em : www.americaschoicebbs.com/americas20.html