~

JULHO

DE

2014

Nº04

C o n d i çõ es d e d o m i c í l i o d a
p o p u la ç ã o d e Sã o L u ís
O rg a n iz a d o re s : L AU R A R E G I N A C AR N E I RO
EDUARDO CELESTINO CORDEIRO

SEPLAN

diie.: SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO – SEPLAN RUA DO SOL.PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO LUÍS EDIVALDO HOLANDA BRAGA JÚNIOR .br diie@diie. da Secretaria Municipal de Planejamento e Desenvolvimento (SEPLAN).com.SÃO LUÍS/MA .020-590 FONE: (98) 3212-3670 /3671/3674/3675 FAX: (98) 3212-3660 www. 2 TEXTOPARADISCUSSÃO Nº 04/Julho 2014– Condições de Domicílio da população de São Luís. não expressando.PREFEITO SECRETARIA MUNICIPAL DE PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO (SEPLAN) JOSÉ CURSINO RAPOSO MOREIRA . necessariamente. Nº 188 – CENTRO .COLETORA DEPARTAMENTO DA INFORMAÇÃO E INTELIGÊNCIA ECONÔMICA (DIIE) END.com. .SECRETÁRIO DEPARTAMENTO DA INFORMAÇÃO E INTELIGÊNCIA ECONÔMICA (DIIE) LAURA REGINA CARNEIRO – COORDENADORA-GERAL EDUARDO CELESTINO CORDEIRO – COORDENADOR DA ÁREA DE ESTUDOS ECONÔMICOS E SOCIAIS ALINE SEREJO ROCHA .CEP.br Esta publicação tem por objetivo a divulgação de estudos desenvolvidos por pesquisadores do Departamento da Informação e Inteligência Econômica (DIIE). o posicionamento da Prefeitura Municipal de São Luís (PMSL).: 65. Seu conteúdo é de inteira responsabilidade do(s) autor(es).

Me. de acesso aos bens e serviços básicos são vitais para o desenvolvimento humano e regional. Me. dados e conclusões obtidas nesse estudo. Paulo Aguiar do Monte. em absoluto e percentual. Anselmo Cardoso de Paiva. CONDIÇÕE S DE DOMICÍLI O Este item retrata aspectos relacionados à condição de moradia das famílias residentes em São Luís do Maranhão. é intuitivo saber que as condições de infraestrutura.00% 3 TEXTOPARADISCUSSÃO Nº 04/Julho 2014– Condições de Domicílio da população de São Luís. para os anos 2000 e 2010. o projeto contou com a participação do Prof. Prof. Pós-Dr. Me. De 2000 a 2010. Geraldo Braz Júnior. Prof. fruto do acordo de empréstimo entre a Prefeitura Municipal de São Luís (PMSL) e o Banco Mundial (BIRD).Marcelo Virgínio de Melo. bem como o desenvolvimento de equipe da municipalidade na área de Análise de Dados Socioeconômicos e a elaboração do “Relatório com dados socioeconômicos de São Luís – MA”.APRESENTAÇÃO Em 2013. principalmente. Apesar de a definição de qualidade de vida ser bastante abrangente. de forma fracionada. As informações estão contempladas na Tabela 1 e retrata. Coordenado pelo Prof.UFMA. a Fundação Sousândrade de Apoio ao Desenvolvimento da Universidade Federal do Maranhão – FSADU foi contratada para implantar o Departamento da Informação e Inteligência Econômica (DIIE). 1. uma iniciativa do Programa de Recuperação Ambiental e Melhoria da Qualidade de Vida da Bacia do Bacanga. . Trata-se de um tema bastante importante dado que o desenvolvimento de um município/estado está diretamente associado à melhoria da qualidade de vida de sua população. Felipe de Holanda . o tema aborda questões relacionadas às condições de domicílio da população de São Luís. da Universidade Federal do Maranhão . Essa equipe-chave selecionada pela FSADU ficou responsável pela criação de mecanismos e instrumentos para o aperfeiçoamento e ampliação do “Mapa Socioeconômico de São Luís‟. Simara Vieira da Rocha.25% para cerca de 9. Me. A fim de dar publicidade às importantes informações. o DIIE irá reproduzir o relatório. o fenômeno da verticalização urbana. Inicialmente. Dr. Prof. fez-se um levantamento do tipo de domicílio. através da série “Textos para Discussão”. Profa. Nesse quarto número. o número relativo de famílias que moram em apartamentos subiu de 5. de moradia. além de estudantes e estagiários dos cursos de Ciências Econômicas e da Computação.

Condições da moradia. Os números mostram que dos 202. em absoluto e percentual.96% em 2010.no município. 2000 e 2010. sendo este o 4 TEXTOPARADISCUSSÃO Nº 04/Julho 2014– Condições de Domicílio da população de São Luís.21%) residiam em moradia própria no ano de 2000. conforme a situação – própria. 2000 e 2010. em 2000. Tipo de domicílio. alugada. As condições da moradia no referente à posse do imóvel onde reside estão descritas na Tabela 2. Capitais do Nordeste. Tabela 2.284 (83. Tabela 1. cedida e outra condição – para os anos 2000 e 2010. cerca de 168. . para 88. Fonte: IBGE.231 domicílios localizados na cidade de São Luís. As informações foram coletadas para as capitais do Nordeste. Fonte: IBGE. enquanto o percentual de famílias que moram em casas reduziu de 92.05%. São Luís – MA. Censos Demográficos. a seguir. Censos Demográficos.

que reduziu de 80. tanto para a cidade de São Luís quanto para a média observada nas capitais nordestinas.154 domicílios de São Luís cerca de 201. Fonte: IBGE. em 2000. saltando de um indicador de 7. O número de cômodos na residência segundo a zona urbana e rural.154 em 2010). Posse de bens da população. Restringindo a análise para o município de São Luís e levando em consideração o total de domicílios na cidade (202. De uma forma geral. 5 TEXTOPARADISCUSSÃO Nº 04/Julho 2014– Condições de Domicílio da população de São Luís.38 rádios para cada 100 residências. dois fatos interessantes merecem ser destacados quando se analisa a relação bem/domicílio: 1. estão descritas na Tabela 4. 2. Tendo como base de análise a taxa de crescimento geométrica anual. em 2010. dos 258. Já em relação ao ano de 2010. independente da zona (urbana ou rural). cerca de 48. sendo o segundo maior percentual observado dentre as capitais nordestinas. São Luís – MA. O único bem que reduziu sua participação foi rádio. As informações referem-se aos domicílios da cidade de São Luís e da média das capitais do Nordeste. Censos Demográficos.maior percentual encontrado quando comparado aos valores observados para as demais capitais nordestinas.82%). A Tabela 3 retrata os bens materiais por domicílio.50% (para o ano 20000) e 54. e 258. 2000 e 2010. pode-se verificar que os itens que apresentaram maiores índices de crescimento anual foram microcomputador e máquina de lavar. em 2000. para os anos 2000 e 2010. O bem automóvel para uso particular foi o que apresentou maior crescimento no período.621 (78. para cerca de 69.14. Tabela 3.85 em 2010.231. atrás apenas de Teresina (79. em 2000.10%) eram de residências próprias. para cerca de 36. .68 automóveis para cada 100 residências.27% (para o ano 2010) dos domicílios da cidade de São Luís possuem entre 4 e 6 cômodos.

com 93.30% dos domicílios com a coleta de lixo sendo realizada por serviço de limpeza no ano de 2000. e. Censos Demográficos. Fonte: IBGE. deve-se ressaltar que houve uma melhoria significativa dos serviços de coleta de lixo realizado por serviço de limpeza cujo percentual de domicílios alcançados saltou para 88. superado apenas por Salvador (67. assim. diminuindo o gap existente entre São Luís e as capitais nordestinas que apresentaram os melhores indicadores (Recife.98% dos domicílios e saltou para 88. . refletindo.30% no ano de 2010. Número de cômodos na residência.Tabela 4. 2. COLETA DE LIXO A Tabela 5 descreve a presença dos serviços de coleta de lixo das capitais nordestinas para o ano de 2000 e 2010. apesar de ainda continuar na mesma posição relativa – a segunda pior quando comparada às demais capitais nordestinas.07% no ano de 2010). Ainda com base na Tabela 5. Analisando as capitais do Nordeste de forma comparativa e tendo como base a cidade de São Luís percebe que no ano de 2000 a coleta de lixo realizada por serviço de limpeza contemplava 68. 6 TEXTOPARADISCUSSÃO Nº 04/Julho 2014– Condições de Domicílio da população de São Luís.98%) apresentou o segundo pior indicador de coleta de lixo no ano de 2000. 2000 e 2010.07%). a cidade de São Luís (68. Já em 2010.30%. uma melhoria considerável dos serviços. São Luís – MA. João Pessoa com 97.

30% em 2000 para 46. os índices mostram uma melhoria nas ações de coleta e disposição final dos esgotos sanitários haja vista o aumento percentual do esgotamento sanitário via rede geral de esgoto ou pluvial (de 41. tratamento e a disposição final adequada dos esgotos sanitários que vão desde as ligações prediais até o seu lançamento final no meio ambiente. Censos Demográficos. Sobre as formas de esgotamento sanitário na cidade de São Luís durante a primeira década do século XXI. . a Tabela 6 retrata os valores em absoluto e percentual do tipo de esgotamento sanitário observada nos domicílios da cidade de São Luís. Apesar das melhorias observadas. Serviços de coleta de Lixo.Tabela 5. No referente ao tratamento da rede de esgoto.14% em 2000 para 1. 2000 e 2010.68% em 2010) e a redução do número de residências que não tinham banheiro ou sanitário (de 15. A definição de esgotamento sanitário contempla as ações de coleta. Capitais do Nordeste.90% em 2010). 3. Fonte: IBGE. os números mostram que 7 TEXTOPARADISCUSSÃO Nº 04/Julho 2014– Condições de Domicílio da população de São Luís. transporte. ESGOTAMENTO SANIT ÁRIO A universalização dos serviços tratamento da rede de esgoto e de abastecimento de água está prevista na legislação nacional no intuito de garantir a saúde dos cidadãos brasileiros.

em absoluto e percentual. em absoluto e percentual. ABASTECIMENTO DE ÁGUA No referente às formas de abastecimento de água dos domicílios. Censos Demográficos. Capitais do Nordeste. Tabela 6. 2000 e 2010. Formas de abastecimento de água. Tipo de esgotamento sanitário. São Luís – MA. . 4. 8 TEXTOPARADISCUSSÃO Nº 04/Julho 2014– Condições de Domicílio da população de São Luís. a Tabela 7 descreve os valores.ainda existe muito a ser feito no sentido de melhorar as condições de esgotamento sanitário dos domicílios da cidade de São Luís. Censos Demográficos. Fonte: IBGE. observados para as capitais dos estados do Nordeste. Tabela 7. 2000 e 2010. Os números verificados relativos às formas de abastecimento de água podem ser um bom indicador para mensuração do acesso da população aos serviços básicos. Fonte: IBGE.

90%). tanto em 2000 (78. Estes valores destoam bastante dos observados em João Pessoa no ano de 2000 (97. 9 TEXTOPARADISCUSSÃO Nº 04/Julho 2014– Condições de Domicílio da população de São Luís. .70%) e em Salvador.53%). em 2010 (98.76%) quanto em 2010 (78. a cidade de São Luís apresentou o segundo menor percentual de domicílios abastecidos pela rede geral de distribuição. capital da Bahia.Dentre as capitais do Nordeste.

. Relatório com dados socioeconômicos de São Luís – MA. 114 p.REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA Fundação Sousândrade de Apoio ao Desenvolvimento da UFMA (FSADU). São Luís: FSADU. 10 TEXTOPARADISCUSSÃO Nº 04/Julho 2014– Condições de Domicílio da população de São Luís. mediante a criação de mecanismos e instrumentos capazes de atualização. 2013. Produto 1 do Acordo de Empréstimo nº 7578 – BR: “Implementação do Departamento da Informação e Inteligência Econômica com o desenho e instalação de portal socioeconômico. aperfeiçoamento e ampliação do ‘Mapa socioeconômico de São Luís’”.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful