Você está na página 1de 10
GÁS NATURAL PARA COMPAGAS-PR TEORIA E QUESTÕES
GÁS NATURAL PARA COMPAGAS-PR
TEORIA E QUESTÕES
CLUBEDEGEOCIÊNCIAS
CLUBEDEGEOCIÊNCIAS
ATENÇÃO
ATENÇÃO
ATENÇÃO Este material é protegido por direitos autorais (copyright), nos termos da Lei 9.610/98, que altera,

Este material é protegido por direitos autorais (copyright), nos termos da Lei 9.610/98, que altera, atualiza e consolida a legislação sobre direitos autorais e dá outras providências. Grupos de rateio e pirataria são clandestinos, violam a lei, prejudicam o profissional que elabora e você que pagou pelo livro. Adquira honestamente nossos materais no site autorizado.

APRESENTAÇÃO

O presente conteúdo é muito recorrente em concursos de empresas e órgãos que compõem a Cadeia do Gás Natural.

O concurso da COMPAGÁS 2016, será realizado pela Fundação de Apoio à Educação, Pesquisa e Desenvolvimento Científico e Tecnológico da Universidade Tecnológica Federal do Paraná FUNTEF-PR, uma banca que tem tradição na realização de concursos municipais em seu estado e apresenta um esilo seco, sem rodeios, coloca as alternativas de forma direta, exigindo do candidato apenas o seu hábil conhecimento a cerca do assunto.

apenas o seu hábil conhecimento a cerca do assunto. Neste sentido, o presente livro foi proposto.

Neste sentido, o presente livro foi proposto. Sua metodologia consiste em teoria específica com questões intercaladas. Além de uma bateria de questões para reforçar o conhecimento.

Desta forma, o candidato terá um melhor aproveitamento do assunto e adquirindo a capacidade técnica de acertar todas as questões de um ceratame que cobre o tema.

do assunto e adquirindo a capacidade técnica de acertar todas as questões de um ceratame que

SUMÁRIO

CAPÍTULO 1 5 1.1 Introdução 5 1.2 Formação do Gás Natural 7 1.3 Riqueza do
CAPÍTULO 1
5
1.1 Introdução
5
1.2 Formação do Gás Natural
7
1.3 Riqueza do Gás Natural
8
1.4 Principais Características do Gás Natural
9
1.5 Gás Associado e Não Asssociado
12
1.6 Gás
Convencional e Não Convencional
12
1.7 Terminologias do Gás
12
CAPÍTULO 2
14
2.1 A Cadeia do Gás Natural
14
2.2 Exploração
14
2.3 Produção
15
2.4 Tratamento (ou processamento)
18
2.5 Transporte
18
2.5.1
Transporte de GNL
19
2.6
Armazenamento
20
2.6.1 Campos de Petróleo e Aquiferos exauridos
2.6.2 Cavernas Salinas
Gasodutos ou Linepack
Gasômetros ou Gas Holders
Armazenamento de GNL
21
21
2.6.3
21
2.6.4
21
2.6.5
21
2.7
Distriuição
22
CAPÍTULO 3
24
3.1
Principais Usos do Gás Natural
24
3.1.1
Industrial
24
3.1.2
Altomobilística
25
3.1.3
Residencial
25
3.1.3
Geração e Cogeração de Energia
26
3.2
Benefícios Ambientais e Operacionais
27

3.3 Vantagens tecnológicas e ambientais do Gás Natural em relação a

outros combustíveis

29

CAPÍTULO 4

30

4.1

Bateria de Questões Comentadas

30

BIBLIOGRAFIA

64

a outros combustíveis 29 CAPÍTULO 4 30 4.1 Bateria de Questões Comentadas 30 BIBLIOGRAFIA 64
a outros combustíveis 29 CAPÍTULO 4 30 4.1 Bateria de Questões Comentadas 30 BIBLIOGRAFIA 64

1.1 Introdução

CAPÍTULO 1

No estudo do Gás natural para banca FUNTEF-PR, é importante que o candidato registre os elementos da composição do gás natural, bem como suas características, pois comumente fazem parte das questões dos certames. A IESES apresenta um estilo semelhante, observe:

QUESTÃO 01 a) Etano, com 50%. b) Metano, com 70%. c) Butano, com 80%. d)
QUESTÃO 01
a) Etano, com 50%.
b) Metano, com 70%.
c) Butano, com 80%.
d) Propano, com 65%.
Comentários :
A resposta é a letra B.

(IESES 2015-MSGASAnalista de Meio Ambiente) Qual o gás que mais se apresenta a composição das reservas de Gás Natural?

A Literatura entende o termo como “Gás Natural” aquele que ainda não passou por nenhum tratamento. Portanto, gás natural é aquele encontrado na natureza constituindo uma mistura, sendo o Metano (CH 4 ) o elemento predominante (cerca de 70% ou mais), o restante é divido entre propano, nitrogênio, oxigênio, etano e enxofre.

predominante (cerca de 70% ou mais), o restante é divido entre propano, nitrogênio, oxigênio, etano e

5

O Gás natural, assim como o petróleo, é uma fonte

primária de energia. Faz parte do grupo dos chamados Combustíveis Fósseis, devido sua natureza de formação. Formação essa que se dá a partir da decomposição anaerobica de matéria orgânica (animais e vegetais) que, em determinadas condições de temperatura e pressão, transformam-se quimicamente em petróleo e gás natural.

Essa teoria é conhecida como Teoria Biótica (ou Fóssil) de formação do Gás natural. Apesar de existirem correntes de pesquisadores divergentes (a minoria) em relação a essa teoria.

O O
O
O

gás é considerado natural quando é encontrado na

natueza e não passou por nenhum tipo de tratamento industrial.

O gás natural é caracterizado por possuir uma composição de 70 % (ou mais) de metano e o restante divido entre etano, propano, butano, nitrogênio, oxigênio e enxofre.

metano (CH 4 ) possui densidade de aproximadamente

0,679 kg/m³, apresenta ponto de vaporização/condensação de 162° C negativos e poder calorífico de 40 Mj/Nm³ (o mais baixo entre todos os hidrocarbonetos gasosos e líquidos). É o mais simples hidrocarboneto encontrado na natureza.

É
É

importante que o candidato registre esses elementos

da composição do gás natural, bem como suas características, pois comumente fazem parte das questões dos certames, observe:

6

QUESTÃO 02

(FCC

2010

-

Sergipe

Gás

S.A.

-

Assistente

Administrativo/ Química / Gás Natural)

O gás natural pode ter diferentes composições dependendo de onde é extraído. A composição média do gás natural é de

Etano Metano Propano Butano, gases pesados e gases inertes. a) 90% 6% 2% 2% b)
Etano
Metano
Propano
Butano, gases
pesados e
gases inertes.
a) 90%
6%
2%
2%
b) 6%
90%
2%
2%
c) 6%
50%
42%
2%
d) 6%
2%
90%
2%
e) 20%
40%
30%
10%

Comentários :

A resposta é a letra B

Como infere-se do conteúdo abordado, o gás natural é caracterizado por possuir uma composição de 70 % (ou mais) de metano e o restante divido entre etano, propano, butano, nitrogênio, oxigênio e enxofre. A única alternativa condizente é a letra B.

e enxofre. A única alternativa condizente é a letra B. 1.2 Formação do Gás Natural Segundo

1.2 Formação do Gás Natural

Segundo a teoria Biótica, o petróleo e o gás natural surgem a partir da decomposição anaeróbica de matéria orgânica ao longo de milhões de anos.

Esssa matéria orgânica é soterrada por materiais sedimentares ao longo do tempo até que as condições de

7

temperatura e pressão favoreçam a transformação química dessa matéria em forma de petróleo e gás natural.

Em alguns casos, a camada de material sedimentar desencadeia um processo de petrificação e formação de rochas sedimentares como o carvão e o xisto.

Em baixas profundidades, onde as temperaturas de confinamento da matéria orgânica não são suficientemente altas para gerar petóleo, a ação bacteriana rapidamente produz gás bigênico, comumente conhecido como gás do pântano ou de charco, cuja composição é basicamente metano (ALMEIDA E FERRACO, 2013). Esse gás facilmente escapa para a atmosfera e raramente se acumula formando depósitos.

1.3 Riqueza do Gás Natural
1.3 Riqueza do Gás Natural

Quando em baixas profundidades, mas em temperaturas elevadas (maior que 150°), ocorre a formação do gás termogênico. Que pode formar reservatório quando presente em rochas impermeáveis, que evitam seu escape para atmosfera.

Quando o gás é extraído, ocorre alívio da pressão do reservatório e alguns hidrocarbonetos mais complexos podem voltar ao seu estado líquido. Quando isso acontece dizemos que o reservatório possui um gás “molhado”. Quando mesmo após o alívio de pressão o gás permanece em seu estado gasoso, dizemos que o reservatório possui um gás “seco”.

dizemos que o reservatório possui um gás “seco” . Juntamente com o metano (CH 4 ),

Juntamente com o metano (CH 4 ), no gás natural são encontrados quantidades signicativas de etano (C 2 H 6 ), propano (C 3 H 8 ), butano (C 4 H 10 ) e hidrocarbonetos de cadeias mais complexas (a partir de C 5 e maiores).

Os hidrocarbonetos com cadeia apartir de C 3 são considerados pesados. Quanto maior a quantidade de hidrocarbonetos pesados no gás natural mais rico ele é considerado, pois maior é o seu poder calorífico, ou seja, possui uma maior quantidade de energia. E isso pode determinar sua viabilidade econômica ou não.

8

Adquira o livro completo em http://terraconcursos.wix.com/clubedegeociencias 9
Adquira o livro completo em http://terraconcursos.wix.com/clubedegeociencias 9

9