Você está na página 1de 16

A paz grande sonho da humanidade

Todos os povos
procuram a paz, de
modo a construrem
uma sociedade justa,
com amor, na qual todos
vivam em harmonia uns
com os outros.
A paz na arte
So muitas as histrias da literatura sobre a paz.
Muitos foram os escritores que falaram de paz:
Leo Tolsti-Guerra e Paz, em 1869

Papa Joo XXIII-Paz na terra

Tambm se faz a referncia paz em esculturas,


obras de arte e mesmo msicas.
Prmios, organizaes e
comemoraes
O dia mundial da paz
celebra-se no dia 1 de
Janeiro, desde 1968, foi A Organizao das
proposto por Paulo VI. Naes Unidas, o
Conselho Portugus
para a Paz e
Cooperao e a
Comisso Nacional
Justia e Paz foram
fundadas para
garantir a paz no
mundo.
A trinta de janeiro
Tambm pela paz foi
celebra-se o dia da
estabelecido o Dia
morte de Gandhi.
Escolar da No-Violncia
e da Paz.

Pela promoo e
defesa da paz foi
criado o Prmio
Nobel da Paz.
Smbolos da paz
Pomba branca com um ramo de oliveira
A pomba com o ramo de oliveira smbolo de
paz e harmonia.
Arco-ris
Une o cu e a Terra e significa a harmonia e a
paz com Deus e com o Universo.
Bandeira branca
A Bandeira Branca um smbolo usado para
representar a paz mundial entre os povos.
Lira
Smbolo dos poetas e da harmonia csmica.
Cachimbo da paz
Usado pelos ndios americanos que faziam a
fumaa subir at aos deuses da concrdia.
Anis olmpicos
Cinco anis que retratam a unio dos
continentes.
Vela
A luz significa a presena de Deus no interior do
ser humano, como paz e esperana de uma vida
plena e justa.
Mas afinal o que a paz?
A paz a consequncia
da justia e o sinal do
amor realizado. Onde
existe paz, pode cada
criatura descansa
numa boa ordem (So
Toms de Aquino). A
paz terrena a
imagem da paz de
Cristo, que reconciliou
o Cu com a Terra.
A paz mais do que
a ausncia de
guerra, e tambm
mais que um
equilbrio de foras
obtido com zelo
(equilbrio do
medo). Num estado
de paz, as pessoas
podem viver seguras
com a sua riqueza
adquirida com
justia e realizar
permutas umas com
as outras.
Na paz, so
respeitadas a
dignidade e o
direito
autodeterminao
do indivduo e dos
povos. Na paz, a
comum existncia
humana
marcada pela
solidariedade
fraternal.
Obrigado pela vossa ateno

Trabalho realizado por:


Simo Costa
Professora de EMRC:
Isabel Rosado