Você está na página 1de 50

DIREITO CONSTITUCIONAL

1) Assinale a opção correta.


a) Segundo a jurisprudência pacífica do Supremo Tribunal Federal, os direitos fundamentais
não podem ser regulados por medida provisória.
b) Nos casos autorizados pela Constituição, pode o legislador ordinário alterar completamente a
conformação de determinados direitos fundamentais.
c) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, a limitação aos direitos
fundamentais há de observar o princípio da proporcionalidade.
d) É pacífico na jurisprudência do Supremo Tribunal Federal o entendimento segundo o qual os
direitos fundamentais não têm aplicação às relações entre particulares.

2) É função institucional do Ministério Público


a) promover a assistência judiciária gratuita.
b) defender judicialmente os direitos e interesses das populações indígenas.
c) exercer o controle externo da atividade judicial.
d) representar, em juízo, a União, o Estado e o Distrito Federal.

3) Assinale a opção correta.


a) Para que o prefeito seja processado criminalmente, a Constituição Federal exige que a
Câmara de Vereadores confira licença para tanto.
b) A Câmara de Vereadores pode sustar processo criminal aberto contra qualquer de seus
membros.
c) A imunidade parlamentar de que gozam os vereadores pode abranger opiniões por eles
proferidas fora do recinto da Câmara Municipal, embora em local situado na circunscrição do
Município.
d) O prefeito não pode ser preso enquanto estiver no desempenho do seu mandato.

4) Assinale a alternativa incorreta:


a) quando o Supremo Tribunal Federal apreciar a inconstitucionalidade, em tese, de norma
legal estadual ou ato normativo estadual, citará, previamente, o Procurador-Geral do Estado,
que defenderá o ato ou texto impugnado;
b) É cabível liminar em sede de ação direta de inconstitucionalidade bem como de ação
declaratória de constitucionalidade;
c) Pode propor ação direta de inconstitucionalidade a mesa da Câmara dos Deputados;
d) As decisões definitivas de mérito, proferidas pelo Supremo Tribunal Federal nas ações
declaratórias de constitucionalidade de lei ou ato normativo federal, produzirão eficácia
contra todos e efeito vinculante, relativamente aos demais órgãos do Poder Judiciário;

5) "O todo sem a parte, não é todo; a parte sem o todo não é parte; mas se a parte o faz todo,
sendo parte; não se diga que é parte, sendo todo."Certos aspectos desses versos de Gregório
de Matos Guerra podem ilustrar o que decorre da estrutura constitucional do Estado brasileiro,
pois, segundo ela,
a) é impossível a secessão de Estados, já que estesdetêm apenas autonomia.
b) os Estados, sendo partes do todo, podem vir a ganhar soberania e formar um todo
independente, mediante emenda constitucional.
c) os Municípios, não sendo partes do todo, não detêm autonomia.
d) dado seu caráter confederativo, a União, os Estados e os Municípios que a integram detêm
autonomia.

6) Segundo a Constituição Federal, assinale a alternativa correta acerca da competência dos


Tribunais.
a) Compete ao Superior Tribunal de Justiça processar e julgar, nas infrações penais comuns, o
Presidente da República, o Vice-Presidente, os membros do Congresso Nacional, seus
próprios Ministros e o Procurador-Geral da República.
b) Compete ao Supremo Tribunal Federal julgar, em recurso especial, as causas decididas, em
única ou última instância pelos Tribunais Regionais Federais ou pelos Tribunais dos Estados,

www.novaapostila.com.br
do Distrito Federal e Territórios, quando a decisão recorrida contrariar tratado ou lei federal,
ou negar-lhe vigência.
c) Compete ao Tribunal de Justiça processar e julgar, originariamente, os juízes federais da
área de sua jurisdição, incluídos os da Justiça Militar e da Justiça do Trabalho, nos crimes
comuns e de responsabilidade e os membros do Ministério Público da União, ressalvada a
competência da Justiça Eleitoral.
d) A competência dos tribunais estaduais será definida na Constituição do Estado, sendo a lei
de organização judiciária de iniciativa do Tribunal de Justiça.

7) Federativa do Brasil, é INCORRETO afirmar que: No tocante a ação direta de constitucionalidade


e a ação declaratória de constitucionalidade, é correto afirmar que:
a) quando o STF apreciar a inconstitucionalidade, em tese, de norma legal, citará o Advogado-
Geral da União para defender o texto impugnado
b) nas ações de inconstitucionalidade, o Conselho Federal da OAB deverá ser previamente
ouvido
c) podem propor ação direta de inconstitucionalidade, confederação sindical ou entidade de
classe de âmbito estadual
d) nas ações diretas de inconstitucionalidade de lei estadual, as decisões definitivas de mérito,
originariamente proferidas pelo STJ, produzirão eficácia contra todos e efeito vinculante,
relativamente aos demais órgãos do Poder Judiciário

8) Considerando o conceito de Constituição e sua classificação, é correto afirmar que


a) o conceito formal de Constituição aplica-se apenas àquelas Constituições que acolhem
normas com hierarquia de lei ordinária.
b) a Constituição inglesa é um exemplo de constituição inteiramente costumeira, vale dizer,
resultante ape-nas do costume popular.
c) as Constituições flexíveis são sempre costumeiras.
d) a Constituição-dirigente tem como uma de suas características a existência de numerosas
normas programáticas.

9) Buscando formular uma concepção estrutural de constituição, a doutrina reconhece que: “A


constituição é algo que tem, como forma, um complexo de normas (escritas ou costumeiras);
como conteúdo, a conduta humana motivada pelas relações sociais; como fim, a realização dos
valores que apontam para o existir da comunidade; (...)”

Nessa mesma linha, reconhece(m)-se como causa criadora e recriadora da constituição:


a) a rigidez constitucional.
b) a organização dos elementos essenciais do Estado.
c) o puro dever-ser.
d) o poder que emana do povo.

10) A inviolabilidade dos deputados e senadores por suas opiniões, palavras e votos caracteriza a
imunidade:
a) material;
b) processual;
c) material e processual;
d) política;

11) Diretor de sociedade de economia mista da qual o Município participa pratica ato lesivo ao
patrimônio da empresa. A anulação do ato pode ser pleiteada
a) em ação popular proposta por qualquer pessoa residente no País.
b) em ação popular proposta por qualquer cidadão.
c) apenas pelos que foram prejudicados pelo ato.
d) em mandado de segurança impetrado por qualquer pessoa residente no Município.

12) Em caso de impedimento do Presidente e do Vice-Presidente da República ou vacância dos


respectivos cargos, serão sucessivamente chamados ao exercício da Presidência:

www.novaapostila.com.br
a) o Presidente do Senado Federal, o da Câmara dos Deputados e o Ministério-Chefe do estado
Maior das Forças Armadas.
b) o Presidente do Senado, o da Câmara e o do Supremo Tribunal Federal.
c) o Presidente do Supremo, o do Senado e o da Câmara.
d) o Presidente da Câmara, o do Senado e do STF.

13) 1ª. É da natureza do cargo em comissão que o seu provimento se dê independentemente de


concurso público. Contudo, é imprescindível que exista prévia e expressa criação do referido
cargo na legislação infraconstitucional da entidade contratante, não bastando autorização
genérica para tanto.c
2ª. A qualquer tipo de função a ser desenvolvida por servidor público pode corresponder um
cargo em comissão, inexistindo em face disso limitação à lei no tocante a definir a natureza das
atividades a serem desenvolvidas por ocupantes daquele tipo de cargo, exigindo-se neste caso,
no entanto, teste seletivo.e
3ª. É possível ao Promotor de Justiça, em face do sistema difuso, questionar em ação civil
pública a constitucionalidade de lei municipal que crie cargos em comissão sem observância dos
requisitos constitucionais, objetivando, com isso, a anulação das contratações que tenham sido
efetivadas.c
4ª. A ocorrência da necessidade temporária de excepcional interesse público não pode ser
aferida pelo Poder Judiciário, pois cabe exclusivamente ao Chefe do Poder Executivo, com base
na discricionariedade que informa a prática dos atos administrativos, o juízo de conveniência a
respeito.e
5ª. Ocorrendo a contratação irregular de servidores públicos, o Promotor de Justiça não pode,
através de ação civil pública, buscar a responsabilização do Prefeito Municipal pela prática de
ato de improbidade, pois, tendo ele foro privilegiado, a competência para processá-lo e julgá-lo
é do Tribunal de Justiça, sendo por isso a correspondente ação prerrogativa exclusiva do
Procurador-Geral de Justiça.e
a) 1ª CERTA; 2ª CERTA; 3ª CERTA; 4ª ERRADA; 5ª ERRADA;
b) 1ª ERRADA; 2ª ERRADA; 3ª CERTA; 4ª CERTA; 5ª ERRADA;
c) 1ª ERRADA; 2ª ERRADA; 3ª CERTA; 4ª ERRADA; 5ª CERTA;
d) 1ª CERTA; 2ª ERRADA; 3ª CERTA; 4ª ERRADA; 5ª ERRADA.

14) Suponhamos que determinado candidato a Presidente da República tenha sido eleito, mas seu
candidato a Vice, não. Diante do fato,
a) far-se-ia nova eleição, dentro de 60 dias;
b) assumiria o Vice com maior votação, mesmo se pertencente a outro partido ou coligação;
c) a suposição é absurda em face da Constituição Federal;
d) assumiria o suplente do Vice;

15) Nas infrações penais comuns, praticadas pelo Presidente da República, admitida a acusação,
perante que órgão federal será o Presidente submetido a julgamento?
a) Câmara dos Deputados.
b) Senado Federal.
c) Supremo Tribunal Federal.
d) Congresso Nacional.

16) Ao Superior Tribunal de Justiça compete julgar


a) os Governadores dos Estados, nos crimes de responsabilidade.
b) os Desembargadores, nos crimes comuns e de responsabilidade.
c) os membros dos Tribunais de Contas, apenas nos crimes comuns.
d) os membros dos Ministérios Públicos que oficiem perante tribunais.

17) Assinale a alternativa correta:


a) a União não intervirá nos Estados nem no Distrito Federal, exceto quando, entre outras
hipóteses, não tiver sido aplicado o percentual mínimo exigido nos recursos públicos
destinados à saúde e à manutenção e desenvolvimento do ensino;
b) o decreto de intervenção, no caso de desobediência à ordem ou decisão judicial, deverá ser
sempre apreciado pelo Poder Legislativo;

www.novaapostila.com.br
c) ao regulamentar uma lei o Poder Executivo pode restringir direitos especificados na lei,
desde que incompatíveis com seus interesses;
d) ao regulamentar uma lei, o Poder Executivo pode criar encargos para a própria
Administração, objetivando clareza do texto regulamentar.

18) Para fins orçamentários, consideram-se créditos extraordinários as autorizações de despesas


que:
a) resultam da anulação parcial ou total de dotações orçamentárias ou de créditos adicionais,
autorizados em lei.
b) se destinam a reforço de dotação orçamentária, sendo autorizados por lei e abertos por
Decreto executivo.
c) visam a despesas para as quais não haja dotação orçamentária específica, sendo abertos por
Decreto executivo.
d) se destinam a despesas urgentes e imprevistas, em caso de guerra, comoção intestina ou
calamidade pública.

19) Compete privativamente ao Presidente da República:


a) criar e extinguir ministérios e órgãos da administração pública mediante decreto.
b) organizar e dispor sobre o funcionamento da administração federal mediante decreto, ainda
quando isso implicar aumento de despesa.
c) decretar o estado de defesa e o estado de sítio, independentemente de aprovação ou
autorização do Congresso Nacional.
d) dispor, mediante decreto, sobre extinção de funções ou cargos públicos, quando vagos.

20) Considere a afirmação abaixo e assinale a hipótese correta:


Todos os julgamentos dos órgãos do poder judiciário serão públicos e fundamentadas as
decisões, podendo a lei:
a) limitar a presença, em determinados atos, às próprias partes e a seus advogados, ou
somente a estes;
b) exigir representante qualificado do Ministério Público Federal;
c) restringir a oitiva das partes e de suas testemunhas às audiências que se processarem em
segredo de justiça;
d) limitar o direito de defesa às garantias individuais contidas na Carta Magna;

21) Leis que fixem ou modifiquem o efetivo das Forças Armadas ou que disponham sobre o regime jurídico dos
militares daquelas são de iniciativa
a) privativa do Senado Federal.
b) privativa do Presidente da República.
c) de qualquer membro do Congresso Nacional.
d) de qualquer membro ou comissão de ambas as Casas do Congresso Nacional.

22) Diretor de sociedade de economia mista da qual o Município participa pratica ato lesivo ao patrimônio da
empresa. A anulação do ato pode ser pleiteada
a) em ação popular proposta por qualquer pessoa residente no País.
b) em ação popular proposta por qualquer cidadão.
c) apenas pelos que foram prejudicados pelo ato.
d) em mandado de segurança impetrado por qualquer pessoa residente no Município.

23) ASSINALE A ALTERNATIVA INCORRETA:


a) Não será objeto de deliberação a proposta de emenda constitucional tendente a abolir: a forma federativa
de Estado; o voto direto, secreto, universal e periódico; a separação dos Poderes e os direitos e garantias
individuais.
b) A matéria constante de proposta de emenda constitucional rejeitada ou havida por prejudicada somente
poderá ser objeto de nova proposta, na mesma sessão legislativa, mediante proposta da maioria absoluta
dos membros de qualquer das Casas do Congresso Nacional.
c) Iniciativa de lei é a faculdade que se atribui a alguém ou a algum órgão para apresentar projetos de lei ao

www.novaapostila.com.br
Legislativo, podendo ser parlamentar ou extra-parlamentar e concorrente ou exclusiva.
d) Entre as atribuições do Tribunal de Contas da União está a de aplicar aos responsáveis, em caso de
ilegalidade de despesa ou irregularidade de contas, as sanções previstas em lei, que estabelecerá, entre
outras cominações, multa proporcional ao dano causado ao erário.

24) O sistema de controle de constitucionalidade no Brasil é:


a) político e difuso;
b) jurisdicional e concentrado nas mãos do Supremo Tribunal Federal, único órgão competente para exercê-
lo;
c) político na via de ação direta e jurisdicional na via de exceção ou defesa;
d) jurisdicional, combinados os critérios difuso e concentrado, este último pelo Supremo Tribunal Federal.

25) "O sistema tributário nacional subordina-se a vários princípios, que configuram garantias constitucionais dos
contribuintes e constituem limitações ao poder de tributar". Deste enunciado deduz-se que é correta a
alternativa:
a) as garantias constitucionais expressas como princípios limitadores do poder de tributar não podem resultar
em vedações constitucionais às entidades tributantes;
b) as imunidades fiscais, instituídas por razões de privilégio, ou de considerações de interesse geral
(neutralidade religiosa, econômicos, sociais ou políticas), excluem a atuação do poder de tributar;
c) é vedado à União, aos Estados, ao Distrito Federal e aos Municípios instituir impostos sobre o patrimônio
dos partidos políticos, inclusive suas fundações, das entidades sindicais dos trabalhadores, das instituições
de educação e de assistência social, sem fins lucrativos, podendo, entretando, tributar suas rendas ou
serviços;
d) para alcançar os objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil, dentre eles, erradicar a
pobreza e a marginalização e reduzir as desigualdades sociais e regionais, a União pode estabelecer
medidas tributárias para controle migratório por meio de tributos interestaduais ou intermunicipais.

26) NO PROCESSO LEGISLATIVO, SEGUNDO A CONSTITUIÇÃO FEDERAL:


a) as leis complementares à Constituição, aprovadas pela maioria absoluta dos membros do Congresso
Nacional, podem dispor sobre qualquer matéria e são sempre hierarquicamente superiores às leis
ordinárias, inclusive de competência dos Estados, revogando-as automaticamente nas hipóteses de
incompatibilidade;
b) afixação do subsídio dos Ministros do Supremo Tribunal Federal, teto de remuneração no âmbito dos
Poderes Legislativo, Executivo e Judiciário, do Ministério Público, e da administração pública federal,
estadual, municipal e do Distrito Federal, depende de projeto de lei de iniciativa conjunta dos Presidentes
da República, da Câmara dos Deputados, do Senado Federal e do Supremo Tribunal Federal;
c) as medidas provisórias podem tratar de qualquer matéria, inclusive aquelas reguladas por lei
complementar e relativas à organização e garantias dos Poderes e do Ministério Público, desde que
mediante delegação do Congresso Nacional, como nas leis delegadas;
d) o veto parcial do Presidente da República pode limitar-se a palavras, expressões ou trechos das normas,
por considerá-los inconstitucionais ou contrários ao interesse público, mantendo o restante dos artigos,
parágrafos, incisos ou alíneas.

27) Nos termos do art. 182 da Constituição Federal, é facultado ao Poder Público municipal, mediante lei específica
para área incluída no plano diretor, exigir, nos termos da lei federa, do proprietário do solo urbano não edificado,
subutilizado ou não utilizado, que promova seu adequado aproveitamento. Caso essa obrigação não seja
cumprida, uma das sanções que pode incidir é a
a) venda compulsória da área ao poder Público municipal, a título de direito preempção.
b) desapropriação com pagamento em títulos da dívida pública, com prazo de resgate de até 10 anos.
c) cobrança de IPTU progressivo em função do valor venal do imóvel.
d) transferência da propriedade ao poder Público municipal a título de usucapião.

28) É suscetível de desapropriação para fins de reforma agrária


a) a grande propriedade rural produtiva.
b) terra pública federal.
c) terra pública federal incluída no Plano Nacional de Reforma Agrária.
d) a pequena propriedade rural, desde que seu proprietário possua outras.

www.novaapostila.com.br
29) Os servidores nomeados em cargo público serão considerados estáveis após o seguinte tempo, em anos, de
efetivo exercício:
a) 2
b) 3
c) 5
d) 7

30) Assinale a única opção correta relativa ao Sistema Tributário Nacional.


a) A União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios podem instituir impostos, taxas e contribuições de
melhoria e, sempre que possível, esses tributos devem ter caráter pessoal e serem graduados segundo a
capacidade econômica do contribuinte.
b) A União, os Estados e o Distrito Federal podem instituir contribuições sociais, de intervenção no domínio
econômico e de interesse das categorias profissionais ou econômicas, como instrumento de sua atuação
nas respectivas áreas.
c) Os Municípios e o Distrito Federal podem instituir contribuição para custeio dos serviços de iluminação e
segurança públicas.
d) Aos Estados, ao Distrito Federal e aos Municípios é vedado estabelecer limitações ao tráfego de pessoas ou
bens, por meio de tributos interestaduais ou intermunicipais, mas a cobrança de pedágio pela utilização de
vias conservadas pelo poder público é expressamente permitida, inclusive para a União.

31) O Senado Federal é integrante do Legislativo, não podendo aprovar-se lei sem que tenha
oportunamente se manifestado sobre o projeto, possuindo ainda algumas competências
privativas como, por exemplo:
a) Deliberar sobre a instauração de processo contra o Presidente da República.
b) Fiscalizar os Estados e os Municípios no que tange aos empréstimos externos que eles
desejem contrair.
c) Indicar o candidato a Vice-Presidente da República.
d) Nomear os Ministros da área econômica.

32) Segundo a Constituição Federal de 1988, uma pessoa nascida no Brasil, filha de pai uruguaio e
mãe argentina, é considerada:
a) brasileira naturalizada;
b) brasileira nata, em qualquer hipótese;
c) apátrida;
d) brasileira nata, desde que os pais não estejam a serviço de seu país.

33) O remédio heroico contra ato lesivo ao meio ambiente é :


a) Mandado de injunção.
b) Habeas-data.
c) Ação Popular.
d) Mandado de Segurança Coletivo.

34) A criação, a incorporação, a fusão e o desmembramento de municípios far-se-ão


a) por lei estadual, dentro do período determinado por lei complementar federal, e dependerão
de consulta prévia, mediante plebiscito, às populações dos municípios envolvidos.
b) por lei estadual, dentro do período determinado por lei complementar estadual, após
consulta prévia, mediante plebiscito, às populações dos municípios envolvidos, desde que
referendado o resultado daquele pelas Câmaras Municipais desses municípios.
c) por lei estadual, dentro do período determinado por lei complementar estadual, após
consulta prévia, mediante plebiscito, às populações dos municípios envolvidos, desde que
referendado o resultado daquele pelo Executivo e pelo Legislativo desses municípios.
d) por lei federal, dentro do período determinado por lei complementar federal, e dependerão
de consulta prévia, mediante plebiscito, às populações dos municípios envolvidos.

35) Assinale a alternativa incorreta:

www.novaapostila.com.br
a) pode a União intervir nos Estados para prover a execução de decisão judicial, desde que haja
requisição do Supremo Tribunal Federal, do Superior Tribunal de Justiça ou do Tribunal
Superior Eleitoral;
b) O Estado intervirá em seus Municípios ou a União nos Municípios localizados em Território
Federal sempre que houver indícios de malversação dos recursos públicos oriundos da
repartição de receitas tributárias estaduais;
c) A intervenção federal para o fim de assegurar a observância de princípios constitucionais
sensíveis depende de provimento, pelo Supremo Tribunal Federal, de representação do
Procurador-Geral da República;
d) Poderá a União intervir em caso de invasão de uma unidade da Federação em outra;

36) O art. 16, da Constituição Federal dispõe que "A lei que alterar o processo eleitoral entrará em
vigor na data de sua publicação, não se aplicando á eleição que ocorra até 1 (um) ano da data
de sua vigência"

Considerando as teorias que tratam da aplicabilidade e da eficácia das normas constitucionais, a


norma acima pode ser considerada:
a) de aplicabilidade imediata e eficácia contida porquanto, conforme dispõe em si mesma, a
aplicação da lei referida ficará contida em relação a eleição subsequente que ocorrer até um
ano após sua vigência;
b) de aplicabilidade imediata e eficácia plena, independentemente da lei referida;
c) de aplicabilidade imediata e eficácia limitada vez que limita no tempo a aplicação da lei
referida;
d) equivalente às normas "not self-executing" da doutrina constitucional norte-americana;

37) Considerando-se o que estabelece a Constituição Federativa de 1988, é CORRETO afirmar que
a) a não-conversão de medida provisória em lei não acarreta a perda de eficácia de suas
normas, após a conclusão do prazo de sua vigência.
b) as medidas provisórias terão vigência por 30 dias, prorrogáveis uma vez por igual período.
c) o prazo de vigência das medidas provisórias não fica suspenso durante os períodos de
recesso parlamentar.
d) o projeto de conversão da medida provisória em lei entrará em regime de urgência, se não
for votado no prazo de 45 dias.

38) A Câmara Municipal que utilizar mais de 70% de sua receita com folha de pagamento dará
ensejo à:
a) intervenção do Estado-membro no Município.
b) responsabilização do Presidente da Câmara Municipal pela prática de crime de
responsabilidade.
c) responsabilização dos Vereadores pela prática de improbidade administrativa.
d) obstrução do repasse de receitas da União para o Município.

39) A Lei de Responsabilidade Fiscal estabeleceu, para todos os governantes, normas e limites a
serem obedecidos na administração das finanças públicas do Brasil. Identifique a opção errada
com relação à referida Lei.
a) A lei fixou limites para gastos com pessoal em relação à receita corrente líquida, para os Três
Poderes e cada nível de governo.
b) O governante não pode criar uma despesa continuada sem indicar uma receita ou uma
redução de outra despesa.
c) A contratação de operações de crédito em cada exercício fica limitada ao montante da
despesa corrente.
d) Cada esfera de governo deverá explorar adequadamente sua base tributária e,
consequentemente, ter capacidade de estimar sua própria receita.

40) Assinale a opção correta.


a) O Presidente do Supremo Tribunal Federal é a autoridade hierárquica máxima do Judiciário e
do Ministério Público da União.
b) A ação penal pública pode ser proposta, hoje, pelo Ministério Público e pela autoridade

www.novaapostila.com.br
policial.
c) Somente o Ministério Público pode promover a ação civil pública.
d) Entre as competências do Conselho Nacional de Justiça não se inclui a de rever decisões
judiciais do Supremo Tribunal Federal.

41) A criação, a incorporação, a fusão e o desmembramento de municípios far-se-ão


a) por lei estadual, dentro do período determinado por lei complementar federal, e dependerão de consulta
prévia, mediante plebiscito, às populações dos municípios envolvidos.
b) por lei estadual, dentro do período determinado por lei complementar estadual, após consulta prévia,
mediante plebiscito, às populações dos municípios envolvidos, desde que referendado o resultado daquele
pelas Câmaras Municipais desses municípios.
c) por lei estadual, dentro do período determinado por lei complementar estadual, após consulta prévia,
mediante plebiscito, às populações dos municípios envolvidos, desde que referendado o resultado daquele
pelo Executivo e pelo Legislativo desses municípios.
d) por lei federal, dentro do período determinado por lei complementar federal, e dependerão de consulta
prévia, mediante plebiscito, às populações dos municípios envolvidos.

42) Assinale a alternativa correta: A ação declaratória de constitucionalidade pode ser proposta
a) pelo Governador do Estado.
b) pelo Conselho Federal da Ordem dos advogados do Brasil.
c) pelo Procurador Geral da República.
d) pela Mesa da Assembleia Legislativa.

43) No constitucionalismo brasileiro, várias foram as inovações introduzidas em cada nova Constituição. Dentre tais
inovações apontem-se, exemplificativamente, o rompimento com o tradicional bicameralismo federativo, a
exigência do quorum de maioria absoluta para a declaração de inconstitucionalidade pelos tribunais, a suspensão,
pelo Senado, de lei declarada inconstitucional pelo Supremo Tribunal Federal e um rol expresso de direitos dos
trabalhadores. Trata-se, no caso, de inovações introduzidas pela Constituição de
a) 24/02/1891.
b) 16/07/1934.
c) 18/09/1946.
d) 10/11/1937.

44) O Tribunal Superior Eleitoral é composto por:


a) no mínimo sete juízes, sendo três do Supremo Tribunal Federal, dois do Superior Tribunal de Justiça e dois
membros do Ministério Público Eleitoral;
b) no máximo sete juízes, escolhidos pelo Congresso Nacional, em votação secreta, dentre os integrantes do
Supremo Tribunal Federal e do Superior Tribunal de Justiça;
c) sete Ministros, nomeados pelo Presidente da República, dentre advogados de notável saber jurídico e
idoneidade moral, submetida a nomeação ao Senado Federal;
d) no mínimo sete juízes, sendo três oriundos do Supremo Tribunal Federal, dois do Superior Tribunal de
Justiça, e dois dentre seis advogados indicados pelo Supremo Tribunal Federal e nomeados pelo Presidente
da República;

45) A Constituição Federal reconhece as línguas dos índios (art. 231, caput) e assegura às comunidades indígenas
também a utilização de suas línguas maternas (art. 210, § 2º). De outra parte, afirma que a língua portuguesa é
o idioma oficial da República Federativa do Brasil. Assim:
a) só a língua portuguesa é oficial e as línguas indígenas podem ser usadas privadamente, mas, por exemplo,
não pode haver educação nessas línguas.
b) a língua oficial do país é o português, mas, nas comunidades indígenas, a língua materna tupi-guarani
também é oficial, ao lado daquela.
c) cada comunidade indígena tem sua língua como oficial ao lado da língua portuguesa, que é a única oficial
nacional.
d) temos uma única língua oficial e, nas comunidades indígenas, as línguas maternas também são reconhecidas
e podem ser utilizadas, mas a oficial é a língua portuguesa.

46) Em relação às tutelas constitucionais das liberdades:

www.novaapostila.com.br
I. O habeas corpus é o remédio constitucional cabível sempre que alguém sofrer ou se achar ameaçado de sofrer
violação ou coação em sua liberdade de locomoção, por ilegalidade ou abuso de poder, podendo ser impetrado
por qualquer pessoa, mesmo que sem advogado e sem as formalidades processuais.
II. O mandado de segurança coletivo pode ser impetrado por entidade de classe apenas quando a pretensão
veiculada interessa a toda a categoria que representa; trata-se da necessária pertinência temática do objeto da
ação coletiva com os objetivos institucionais da entidade.
III. O entendimento atualmente dominante no Supremo Tribunal Federal é no sentido de que a decisão proferida
em mandado de injunção tem como efeito apenas a decretação da mora do poder omisso e o reconhecimento
formal de sua inércia.
IV. As pessoas jurídicas e os estrangeiros residentes no país não têm legitimidade para propor ação popular que
vise anular ato lesivo ao meio-ambiente.
a) Todas as proposições são falsas.
b) Todas as proposições são verdadeiras.
c) Há apenas três proposições verdadeiras.
d) Há apenas duas proposições verdadeiras.

47) No que diz respeito ao conceito de ato administrativo, considera-se como um de seus elementos:
a) não estar sujeito, de regra, ao controle do Poder Judiciário.
b) a existência de uma declaração do estado ou de quem lhe faça as vezes.
c) a incidência preponderante do regime jurídico de direito privado.
d) não ser capaz de produzir efeitos jurídicos imediatos.

48) Na questão, assinale a opção correta.


a) Sendo os direitos fundamentais cláusulas pétreas, é inadmissível toda emenda à Constituição que sobre eles
disponha.
b) É constitucionalmente legítima a taxa judiciária calculada sem limite sobre o valor da causa.
c) É inconstitucional a lei distrital que vincule reajuste de vencimentos de servidores públicos do Distrito Federal
a índices federais de correção monetária.
d) É inconstitucional a correção monetária no pagamento com atraso dos vencimentos dos servi-dores públicos
distritais, estaduais ou municipais.

49) Diferentemente do previsto em relação aos Procuradores dos Estados e do Distrito Federal, a Constituição da
República estabelece, quanto à Advocacia Geral da União, que:
a) aos integrantes da carreira é assegurada estabilidade após três anos de efetivo exercício, mediante avaliação
de desempenho perante o Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil.
b) a remuneração dos integrantes da carreira dar-se-á pelo regime de subsídios, observada a disciplina
constitucional a este pertinente.
c) o chefe da instituição é livremente nomeado pelo Presidente da República, dentre cidadãos maiores de 35
anos, de notável saber jurídico e reputação ilibada.
d) o ingresso na carreira dependerá de concurso público de provas e títulos, com a participação da Ordem dos
Advogados do Brasil em todas as suas fases.

50) A Constituição da República veda que matéria constante de proposta de emenda constitucional rejeitada ou
havida por prejudicada seja objeto de nova proposta na mesma sessão legislativa. Considerando a classificação
doutrinária das limitações ao poder constituinte reformador, esta vedação constitucional caracteriza-se como
limitação de ordem:
a) material.
b) formal.
c) circunstancial.
d) implícita.

www.novaapostila.com.br
51) Assinale a assertiva correta:
a) A Constituição Federal assegura ao servidor público plena liberdade no exercício do direito de
greve.
b) Prescreve em cinco anos a ação de responsabilidade civil movida contra sociedade de
economia mista prestadora de serviço público.
c) Os atos de improbidade administrativa importarão a suspensão dos direitos políticos, a perda
da função pública, a indisponibilidade dos bens e ressarcimento, na forma e gradação
previstas na lei penal.
d) Somente por lei específica pode ser autorizada a desapropriação de ações constitutivas do
capital das empresas controladas por estrangeiros.

52) A propósito dos direitos e garantias fundamentais, assinale a opção correta:


a) Uma profissão ou um ofício somente podem ser exercidos pelo particular depois de
regulamentados em lei e nos termos dessa regulamentação.
b) A casa é o asilo inviolável do indivíduo, mas nela pode-se penetrar, mesmo sem o
consentimento do morador, por determinação judicial, desde que durante o dia.
c) A autoridade policial pode determinar a quebra do sigilo telefônico de alguém, desde que isto
seja útil para a investigação de crime.
d) A Constituição assegura o direito de reunião sem armas e para fins pacíficos, exigindo apenas
que, antes do ato, se requeira autorização à autoridade competente.

53) A lei federal referente a regime jurídico do servidor público é de iniciativa:


a) de qualquer deputado ou senador;
b) da Comissão do Serviço Civil da Câmara dos Deputados;
c) da Assembleia Constituinte;
d) exclusiva do Presidente da República.

54) Denomina-se, em doutrina, "constituição cesarista", aquela que


a) é formada por um plebiscito popular sobre um projeto elaborado por um ditador ou detentor
do poder, cuja vontade é assim ratificada.
b) se origina de um órgão constituinte composto de representantes eleitos pelo povo.
c) é imposta por um ditador sem qualquer referendo popular.
d) somente é alterável mediante processos, solenidades e exigências formais especiais e
específicas.

55) A reforma da Constituição pode ocorrer pela via da(o):


a) processo de emendas e plebiscito;
b) processo de emendas e da revisão;
c) processo da revisão e da Assembleia Nacional Constituinte;
d) processo de referendo e de emendas.

56) As alternativas abaixo referem-se à vigência do estado de defesa, exceto:


a) a prisão por crime contra o Estado, determinada pelo executor da medida, será por este
comunicada imediatamente ao juiz competente, que a relaxará, se não for legal, facultado ao
preso requerer exame de corpo de delito à autoridade policial;
b) a comunicação de prisão ao juiz será acompanhada de declaração, pela autoridade, do
estado físico e mental do detido no momento de sua autuação;
c) é permitida a incomunicabilidade do preso que haja praticado crime contra o Estado, pelo
prazo autorizado pelo Poder Judiciário;
d) a prisão ou detenção de qualquer pessoa não poderá ser superior a dez dias, salvo quando
autorizada pelo Poder Judiciário.

57) São princípios do Estado Democrático de Direito, assegurados pela Constituição;


I. a liberdade de expressão e pensamento;
II. os princípios da legalidade e da igualdade perante a lei;

www.novaapostila.com.br
III. a república e a federação;
IV. eleições periódicas para o Legislativo e o Executivo por voto universal, secreto e direto.

Analisando-se as asserções acima, pode-se afirmar que:


a) todas estão corretas;
b) estão corretas apenas as de números I, II e III;
c) as de números I, II e IV estão corretas;
d) apenas as de números I e II estão corretas.

58) No tocante à proteção previdenciária dos servidores públicos, a Constituição Federal dispõe que:
a) os proventos de aposentadoria e as pensões, por ocasião de sua concessão, não poderão
exceder a remuneração do respectivo servidor, no cargo efetivo em que se deu a
aposentadoria ou que serviu de referência para a concessão da pensão.
b) é absolutamente vedada a percepção de mais de uma aposentadoria à conta do regime
próprio de previdência dos servidores titulares de cargos efetivos da União, dos Estados, do
Distrito Federal e dos Municípios.
c) é vedada a incidência de contribuição sobre os proventos de aposentadorias e pensões
concedidas pelo regime próprio de previdência e que superem o limite máximo estabelecido
para os benefícios para o regime geral de previdência social.
d) deve ser incentivada a existência de mais de um regime próprio de previdência social para os
servidores titulares de cargos efetivos e de mais de uma unidade gestora do respectivo
regime em cada ente estatal.

59) Nos termos da Constituição do Estado, é correto afirmar que a lei orçamentária anual:
a) estabelece diretrizes, objetivos e metas da administração pública estadual para as despesas
de capital e outras delas decorrentes.
b) não conterá dispositivo estranho à previsão da receita e à fixação da despesa, ressalvada
apenas a autorização para abertura de créditos suplementares, nos termos da lei.
c) compreenderá o orçamento de seguridade social, abrangendo todas as entidades e órgãos a
ela vinculados, da administração direta e indireta.
d) estabelece normas de gestão financeira e patrimonial da administração direta e indireta
estadual, bem como condições para a instituição e o funcionamento de fundos.

60) Acerca das regras de investidura em cargo ou emprego público previstas na Constituição
Federal, pode-se afirmar que:

I - é vedada a investidura de estrangeiros em empregos públicos;


II - o prazo de validade do concurso público será de até 2 (dois) anos, prorrogável uma vez, por
igual período;
III - a obrigatoriedade de realização de concurso público não é extensível às empresas públicas
e sociedades de economia mista;
IV - a investidura em emprego público depende de aprovação prévia em concurso público de
provas ou de provas e títulos, ressalvadas as nomeações para cargo em comissão declarado em
lei de livre nomeação.

Estão corretas as afirmações:


a) I e II, apenas.
b) I e IV, apenas.
c) II e IV, apenas.
d) I, II e IV, apenas.

www.novaapostila.com.br
61) A propósito dos direitos e garantias fundamentais, assinale a opção correta:
a) Uma profissão ou um ofício somente podem ser exercidos pelo particular depois de
regulamentados em lei e nos termos dessa regulamentação.
b) A casa é o asilo inviolável do indivíduo, mas nela pode-se penetrar, mesmo sem o
consentimento do morador, por determinação judicial, desde que durante o dia.
c) A autoridade policial pode determinar a quebra do sigilo telefônico de alguém, desde que isto
seja útil para a investigação de crime.
d) A Constituição assegura o direito de reunião sem armas e para fins pacíficos, exigindo apenas
que, antes do ato, se requeira autorização à autoridade competente.

62) Projetos de lei de iniciativa exclusiva de Tribunais e do Poder Executivo são propostos amiúde. O
exercício do poder de emenda, deferido aos congressistas, constitui incidente do processo
legislativo. Em princípio, a função de emendar esses projetos de lei é inerente à função de
legislar. Quem pode legislar, poderá emendar. A Constituição tem que prever expressamente as
vedações ao poder de emendar, que podem ser absolutas (que impedem o oferecimento de
quaisquer emendas), quase absolutas (que impedem o oferecimento de determinadas emendas)
e relativas. Isto posto, há vedação absoluta ao poder de emenda
a) no caso de delegação legislativa ao Presidente da República, se a resolução do Congresso
Nacional determinar a apreciação do projeto a posteriori.
b) na tramitação de projeto de lei de codificação.
c) no caso de rejeição de medida provisória, quando o Congresso Nacional disciplina as relações
jurídicas delas decorrentes.
d) no complexo procedimento legislativo de edição de emenda constitucional.

63) Assinale a opção correta.


a) O Legislativo não pode dispor sobre matéria da iniciativa legislativa privativa do Chefe do
Executivo sem a provocação deste, nem pode fixar prazo para que o Chefe do Executivo
apresente projeto de lei sobre tema da iniciativa privativa deste.
b) O projeto de lei da iniciativa privativa do Presidente da República pode sofrer qualquer
emenda no Congresso Nacional, desde que a inovação não aumente o total das despesas da
União, previsto na lei orçamentária anual.
c) Pacificou-se o entendimento de que não sofre de inconstitucionalidade a lei resultante de
projeto de lei apresentado por parlamentar, versando matéria da iniciativa privativa do Chefe
do Executivo, desde que tenha sido sancionada pelo Presidente da República.
d) A medida provisória pode ser editada com relação a matéria que se inclui no âmbito da
iniciativa legislativa reservada ao Poder Legislativo ou ao Poder Judiciário.

64) Não pode ser admitida emenda legislativa que resulte aumento de despesa:
a) nos projetos na área educacional;
b) nos projetos sobre organização dos serviços administrativos da Assembleia Legislativa, dos
Tribunais e do Ministério Público;
c) nos projetos de iniciativa do Tribunal de Contas;
d) nos projetos do Executivo, sem comprovar a existência de recurso e o disposto no art. 160,
III, da Constituição do Estado de Minas Gerais;

65) O Corregedor-Geral do Ministério Público é eleito:


a) pelo Colégio de Procuradores
b) pelo Órgão Especial do Colégio de Procuradores
c) pelo Conselho Superior do Ministério Público
d) por todos os integrantes da carreira

66) Assinale o enunciado que não está em consonância com um dos incisos do artigo 5º, da
Constituição Federal.
a) Ninguém será preso senão em flagrante delito ou por ordem escrita e fundamentada de
autoridade judiciária.
b) Não intentada ação penal pública dentro do prazo legal, será admitida ação penal privada.

www.novaapostila.com.br
c) É permitido reunir-se pacificamente, sem armas, em lugar aberto ao público, independente
de prévio aviso à autoridade competente, desde que não se fruste outra reunião
anteriormente convocada.
d) O estrangeiro não será extraditado em razão da prática de crime político ou de opinião.

67) Quanto à eficácia e aplicabilidade das normas contidas no art. 5º da CF (Capítulo I, Dos Direitos
e Deveres Individuais e Coletivos) é correto afirmar:
a) as normas definidoras dos direitos e garantias fundamentais não são auto-aplicáveis,
carecendo de norma infraconstitucional integradora;
b) as normas definidoras dos direitos e garantias fundamentais têm aplicação reduzida ou
eficácia contida;
c) os direitos e garantias expressos na Constituição requerem para sua aplicação interpretação
estrita ou restritiva;
d) as normas definidoras dos direitos e garantias fundamentais têm aplicação imediata.

68) A Constituição Federal assegura expressamente, em seu artigo 5º:


I) o direito de herança;
II) a impenhorabilidade do bem de família;
III) ao preso, o direito à identificação dos responsáveis por sua prisão ou por seu interrogatório
policial.
Pode-se afirmar que estão corretos:
a) apenas os ítens I e II.
b) apenas os ítens I e III.
c) apenas os ítens II e III.
d) todos os ítens.

69) Assinale a opção correta.


a) A criação de Municípios por desmembramento de outro Município é livre, dependendo,
apenas, de lei autorizadora da câmara municipal do Município que perderá parte do seu
território.
b) A Administração Pública estadual pode e deve exigir que documentos públicos de Municípios
sejam autenticados em repartição estadual para que sejam por ela aceitos.
c) Nas matérias da competência legislativa concorrente entre o Estado e a União, a competência
da União limitar-se-á a estabelecer normas gerais.
d) O Estado-membro pode estabelecer na sua Constituição que os cargos públicos estaduais
devem ser ocupados apenas por pessoas naturais do mesmo Estado-membro.

70) A Justiça Militar nos Estados:


a) é criada diretamente pela Constituição Federal e é constituída obrigatoriamente de juízes de
direito, em primeiro grau, e por um Conselho de Justiça, em segundo grau.
b) integra, de modo expresso, o rol dos órgãos que, na Constituição Federal, compõem o Poder
Judiciário, não podendo ser, em qualquer caso, suprimida ou desativada pelos Estados.
c) poderá ser criada mediante lei estadual e ser constituída, inclusive, por um Tribunal de
Justiça Militar, nos Estados em que o efetivo militar seja superior a vinte mil integrantes.
d) é constituída livremente pela Constituição Estadual, no exercício da autonomia organizatória
do Estado, e deverá ser exercida, em segundo grau, pelo Tribunal de Justiça do Estado.

71)
São a)
obj
etiv
os
fun
da
me

www.novaapostila.com.br
ntai
s
do
Est
ado
bra
silei
ro:
a b) a garantia do desenvolvimento nacional e a erradicação da pobreza.
livr
e
inici
ativ
ae
o
plur
alis
mo
eco

mic
o.
c) a cidadania e a redução das desigualdades sociais.
d) a soberania e a promoção do bem de todos.

72)
O a)
prin
cípi
o
do
ace
sso
ao
Pod
er
Judi
ciár
io:
dep b) só pode ser limitado por lei;
end
e
do
pré
vio
esg
ota
me
nto
da
via
ad
min
istr
ativ
a;
c) pode ser excluído da ordem constitucional vigente, através de Emenda à Constituição;
d) assegura o direito de pleitear a prestação jurisdicional sempre que um direito for lesado ou
ameaçado de lesão.

73)
O a)
Pre

www.novaapostila.com.br
sid
ent
e
da
Rep
úbli
ca
vet
ou
pro
jeto
de
lei
apr
ova
do
pel
o
Con
gre
sso
Nac
ion
al
por
con
sid
erá
-lo
inc
ons
titu
cio
nal.
O
vet
o
do
Pre
sid
ent
e
da
Rep
úbli
ca

pod
erá
ser
reje
itad
o,
no
pra
zo
de
trin
ta
(30
)
dia
s,
em
ses
são
con

www.novaapostila.com.br
jun
ta
da

ma
ra e
do
Sen
ado
:
pel b) pelo voto da maioria absoluta dos Deputados e Senadores em escrutínio secreto;
o
vot
o
de
doi
s
terç
os
(2/
3)
dos
Dep
uta
dos
e
Sen
ado
res
em
esc
rutí
nio
abe
rto;
c) pelo voto da maioria absoluta dos Deputados e Senadores em escrutínio aberto;
d) pelo voto de dois terços (2/3) dos Deputados e Senadores, em escrutínio secreto.

74)
Na a)
sep
ara
ção
judi
cial
,a
gua
rda
dos
filh
os
ser b) será confiada sempre a mãe.
á
con
fiad
a
ao
pai
se
am
bos
os
côn
jug

www.novaapostila.com.br
es
fore
m
res
pon
sáv
eis
pel
a
sep
ara
ção
judi
cial
,
salv
o
se
o
juiz
veri
fica
r
que
de
tal
sol
uçã
o
pos
sa
adv
ir
prej
uíz
o
de
ord
em
mo
ral
par
a
os
me
nor
es.
c) não poderá, em qualquer hipótese, ser confiada ao cônjuge que deu causa à separação.
d) poderá ser atribuído a pessoa notoriamente idônea da família de qualquer dos cônjuges, se
verificado que os filhos não devam permanecer em poder da mãe nem do pai.

75)
Indi a)
que
a
alte
rna
tiva
em
que
a
Uni
ão,
os
Est

www.novaapostila.com.br
ado
se
o
Dist
rito
Fed
eral
pos
sue
m
co
mp
etê
nci
a
legi
slat
iva
con
corr
ent
e
sob
re
tod
as
as
mat
éria
s
agr
upa
das
:
dire b) direito agrário, financeiro, aeronáutico, econômico e urbanístico; trânsito e transporte; custas
ito dos serviços forenses, produção e consumo;
trib
utá
rio,
fina
nce
iro,
pen
iten
ciár
io,
eco

mic
oe
urb
aní
stic
o;
pro
ced
ime
nto
s
em
mat
éria
pro
ces
sua
l;

www.novaapostila.com.br
pro
teç
ão
à
infâ
nci
ae
à
juv
ent
ude
;
c) direito tributário, do trabalho, financeiro, econômico e urbanístico; orçamento; juntas
comerciais;
d) desapropriação; trânsito e transporte, juntas comerciais;

76)
O a)
Gov
ern
ado
r
do
Est
ado
ser
á
julg
ado
,
dep
ois
de
obti
da
a
lice
nça
da
Ass
em
blei
a
Leg
isla
tiva
,
per
ant
e:
o b) Corte Especial formada por desembargadores e deputados estaduais;
Trib
una
l de
Jus
tiça
do
res
pec
tivo
Est
ado
;
c) pelo Superior Tribunal de Justiça;

www.novaapostila.com.br
d) pelo Tribunal Regional Federal com jurisdição sobre o respectivo Estado.

77)
A a)
corr
eta
co
mp
osiç
ão
do
Trib
una
l
Reg
ion
al
Elei
tor
al
é:
set b) nove juízes, sendo dois desembargadores, dois juízes de direito, dois juízes federais, dois
e advogados nomeados pelo Presidente da República, estes indicados em lista sêxtupla pelo
juíz Tribunal de Justiça, e um membro do Ministério Público Estadual, sendo
es, o Presidente do TRE escolhido dentre os desembargadores;
sen
do
um
des
em
bar
gad
or,
três
juíz
es
de
dire
ito
que

ten
ha
m
sid
o
juíz
es
elei
tor
ais,
um
me
mb
ro
do
Min
isté
rio
Púb
lico
Elei
tor
al e
doi

www.novaapostila.com.br
s
adv
oga
dos
indi
cad
os
pel
o
Gov
ern
ado
r
do
Est
ado
,
sen
do
o
Pre
sid
ent
e
do
TRE
o
des
em
bar
gad
or
mai
s
anti
go;
c) sete juízes, sendo dois desembargadores, dois juízes de direito, um juiz federal e dois
advogados, nomeados pelo Presidente da República, estes indicados em lista sêxtupla pelo
Tribunal de Justiça, sendo o Presidente do TRE escolhido dentre os desembargadores;
d) nove juízes, sendo três desembargadores, dois juízes de direito, dois juízes federais e dois
advogados, nomeados pelo Governador do Estado, sendo o Presidente do TRE o
desembargador mais antigo;

78)
O a)
arti
go
177
da
Con
stit
uiç
ão
Fed
eral
est
abe
lece
as
ativ
ida
des
que
con
stit

www.novaapostila.com.br
ue
m
mo
nop
ólio
da
Uni
ão.
As
nor
ma
s
de
flex
ibili
zaç
ão
dos
mo
nop
ólio
s
intr
odu
zid
as
pel
a
Em
end
a
Con
stit
uci
ona
l no
9/9
5,
que
pos
sibil
ita
ma
con
trat
açã
o
de
em
pre
sas
priv
ada
s
par
aa
real
izaç
ão
de
alg
um
as
daq
uel
as
ativ

www.novaapostila.com.br
ida
des
,
obs
erv
ada
s
as
con
diç
ões
est
abe
leci
das
em
lei,

O
se
apli
ca
m
a:
refi b) pesquisa e lavra das jazidas de gás natural.
naç
ão
do
pet
róle
o
nac
ion
al
ou
estr
ang
eiro
.
c) pesquisa e lavra de minérios e minerais nucleares.
d) transporte marítimo do petróleo bruto de origem nacional.

79)
No a)
julg
am
ent
o
por
cri
me
de
res
pon
sab
ilid
ade
do
Pre
sid
ent
e
da
Rep
úbli

www.novaapostila.com.br
ca,
apó
s
apr
ova
do
o
pro
ces
so
pel
a

ma
ra
dos
Dep
uta
dos
,
sob
a
pre
sid
ênc
ia
do:
Pre b) Presidente do Senado Federal, o Congresso Nacional julga o “impeachement”.
sid
ent
e
da

ma
ra,
o
Con
gre
sso
Nac
ion
al
julg
ao
“im
pea
che
me
nt”.
c) Presidente do STF, o Senado Federal julga o “impeachement”.
d) STJ (Superior Tribunal da Justiça), o Senado Federal julga o “impeachement”.

80)
Ace a)
rca
da
org
ani
zaç
ão
dos
pod
ere
s
da

www.novaapostila.com.br
Rep
úbli
ca,
con
sid
ere
as
afir
mat
ivas
aba
ixo:

I-
O
Pre
sid
ent
ee
o
Vic
e-
Pre
sid
ent
e
da
Rep
úbli
ca
tom
arã
o
pos
se
em
ses
são
do
Con
gre
sso
Nac
ion
al,
pre
sta
ndo
o
co
mp
ro
mis
so
de
ma
nte
r,
def
end
er e
cu
mp
rir
a
Con
stit

www.novaapostila.com.br
uiç
ão,
obs
erv
ar
as
leis
,
pro
mo
ver
o
be
m
ger
al
do
pov
o
bra
silei
ro,
sus
ten
tar
a
uni
ão,
a
inte
grid
ade
ea
ind
epe
ndê
nci
a
do
Bra
sil.
II -
Sub
stit
uirá
o
Pre
sid
ent
e,
no
cas
o
de
imp
edi
me
nto
,e
suc
ede
r-
lhe-
á,
no
de
vag

www.novaapostila.com.br
a, o
Vic
e-
Pre
sid
ent
e.
III
-O
ma
nda
to
do
Pre
sid
ent
e
da
Rep
úbli
ca
é
de
seis
ano
se
ter
á
iníci
o
em
pri
mei
ro
de
jan
eiro
do
ano
seg
uint
e
ao
da
sua
elei
ção
.
IV -
O
Pod
er
Exe
cuti
vo
é
exe
rcid
o
pel
o
Pre
sid
ent
e
da
Rep

www.novaapostila.com.br
úbli
ca,
aux
ilia
do
pel
a
Adv
oca
cia
Ger
al
da
Uni
ão.
V-
A
elei
ção
do
Pre
sid
ent
e
da
Rep
úbli
ca
imp
ort
ará
a
do
Vic
e-
Pre
sid
ent
e
co
m
ele
regi
stra
do.

São
ver
dad
eira
s
as
afir
mat
ivas
:
II, b) I e IV
III
e
IV
c) II, III e V
d) I, II e V

81) Assinale a alternativa correta sobre a competência originária nos casos de crimes contra a

www.novaapostila.com.br
administração pública:
a) os membros dos Tribunais de Contas dos Estados são julgados originariamente pelos
respectivos Tribunais de Justiça dos Estados;
b) os membros dos Tribunais de Contas dos Estados são julgados originariamente pelo Superior
Tribunal de Justiça;
c) os membros dos Tribunais de Contas dos Estados são julgados originariamente pelos
componentes dos Tribunais Regionais Federais;
d) os membros dos Tribunais Regionais Federais são julgados pelo Supremo Tribunal Federal;

82) Aponte, no rol de consequências adiante, aquela que, segundo as normas constitucionais, não
se relaciona com a prática de atos de improbidade administrativa:
a) perda da função pública;
b) perda da nacionalidade;
c) indisponibilidade dos bens;
d) ressarcimento ao erário;

83) A Constituição de 1967 entrou em vigência e era incompatível com a Lei 001/66. A Constituição
de 1967 foi substituída pela Constitução de 1988, que revigorou a Lei 001/66. Esta Lei 001/66
recupera a sua validade. Neste caso a afirmativa está calcada no princípio da:
a) Recepção;
b) Retrocessão;
c) Repristinação;
d) Renovação;

84) Após a realização de uma prisão, a Constituição Brasileira determina à autoridade policial que
a) informe imediatamente ao juiz e à família sobre a prisão.
b) apresente o preso ao juiz em vinte e quatro horas.
c) apresente o preso ao juiz em quarenta e oito horas.
d) informe imediatamente à autoridade superior sobre a prisão.

85) Constitui traço distintivo entre a concessão e a permissão de serviços públicos:


a) a obrigatoriedade de licitação apenas no tocante à primeira.
b) a remuneração do serviço mediante tarifa paga pelo usuário, própria da primeira.
c) a impossibilidade de ser a segunda formalizada mediante contrato.
d) a possibilidade de ser expressamente autorizada na primeira, por lei ou contrato, a
promoção de desapropriação pelo concessionário.

86) assinale a opção correta.


a) O Tribunal de Contas da União, que não integra o Poder Judiciário, não tem competência
para declarar a inconstitucionalidade de leis.
b) Proposta de Emenda à Constituição, mesmo que ainda não votada no Congresso Nacional,
pode ser objeto de controle de constitucionalidade no caso concreto, embora não possa ser
objeto de controle de constitucionalidade em tese.
c) Uma Emenda à Constituição, já promulgada, não pode ser objeto de controle abstrato de
constitucionalidade.
d) O efeito vinculante da decisão que julga procedente ação declaratória de constitucionalidade
não atinge os órgãos do Poder Executivo que não hajam participado do processo no Supremo
Tribunal Federal.

87) Relativamente ao processo legislativo, é correto afirmar que:


a) a iniciativa popular pode ser exercida pela apresentação ao Congresso Nacional de projeto de
lei subscrito por um por cento do eleitorado nacional, distribuído pelo menos por cinco
Estados, com não menos de um por cento dos eleitores de cada um deles;
b) a emenda à Constituição será sempre promulgada pelas Mesas da Câmara dos Deputados e
do Senado Federal, independentemente de ter sido proposta pelo Presidente da República ou
pelo Poder Legislativo;

www.novaapostila.com.br
c) o processo legislativo compreende a elaboração de emendas à Constituição, leis
complementares, leis ordinárias, leis delegadas, medidas provisó rias, decretos-leis e
resoluções;
d) as leis delegadas serão elaboradas pelo Presidente da República, que deverá solicitar a
delegação ao Senado Federal;

88) A Constituição de 1988 inicia estabelecendo que se trata da "Constituição da República


Federativa do Brasil".
Assim fazendo, enuncia, respectivamente,
a) a forma de governo e o sistema de governo.
b) o sistema de governo e a forma de Estado.
c) a forma de Estado e a forma de governo.
d) a forma de governo e a forma de Estado.

89) Com relação aos servidores públicos civis, a Constituição Federal prevê que:
a) os servidores nomeados para cargo de provimento efetivo em virtude de concurso de provas
e títulos tornar-se-ão estáveis após dois anos de efetivo exercício, podendo, após a aquisição
da estabilidade, serem demitidos apenas por sentença judicial transitada em julgado ou
mediante sindicância administrativa.
b) o servidor público da administração direta ou indireta, que venha a ser investido em
mandato eletivo ficará afastado de seu cargo, emprego ou função, desde que se trate de
mandato eletivo federal, excluídos, para estes fins, os mandatos eletivos estaduais e
municipais.
c) é vedada a criação de quaisquer critérios diferenciados para a concessão de aposentadoria
para os servidores titulares de cargo efetivo de todos os entes federativos, exceto apenas
para os casos de servidores que exerçam atividades de risco ou em condições que
prejudiquem sua saúde ou integridade física.
d) os proventos de aposentadoria ou pensão de servidores titulares de cargo efetivo poderão
ser fixados no montante máximo previsto para os integrantes do regime geral de previdência
social, não correspondendo aos subsídios percebidos na ativa, desde que o ente federativo
ao qual pertence o servidor tenha instituído um regime de previdência complementar.

90) Quanto à nacionalidade e os direitos políticos, segundo o texto constitucional é correto afirmar
que:
a) Os estrangeiros e os conscritos, durante o período de serviço militar, não têm capacidade
eleitoral passiva.
b) São brasileiros natos os nascidos no Brasil, ainda que de pais estrangeiros, mesmo que estes
estejam a serviço de seu país.
c) São brasileiros naturalizados os que, na forma da lei, adquiram a nacionalidade brasileira,
exigidas aos originários de países de língua portuguesa apenas residência por dez anos
ininterruptos e idoneidade moral.
d) A cassação de direitos políticos pode se dar em caso de incapacidade civil absoluta ou
condenação criminal transitada em julgado, enquanto durarem seus efeitos.

91) A técnica de interpretação conforme a Constituição somente é utilizável quando a norma


impugnada permite
a) uma só interpretação razoável e justa.
b) aplicação do princípio de proporcionalidade entre meio e fim da exigência legislativa.
c) várias interpretações da norma impugnada, das quais uma seja compatível com a
Constituição.
d) verificar a univocidade de seu sentido,

92) O Corregedor-Geral da Justiça é eleito:


a) pelo Órgão Especial do Tribunal de Justiça.
b) por todos os Desembargadores do Tribunal de Justiça.
c) pela Câmara Especial do Tribunal de Justiça.
d) pelo Conselho Superior da Magistratura.

www.novaapostila.com.br
93) A origem contratual ou convencional do Estado é admitida, entre outros, por
a) Rousseau, na obra GOVERNO REPRESENTATIVO.
b) Grocio, na obra DISCURSO SOBRE O MÉTODO.
c) Marx, na obra O CAPITAL.
d) Locke, na obra SEGUNDO TRATADO DO GOVERNO CIVIL.

94) Suponha que as seguintes alternativas correspondam a normas contidas em uma lei federal.
Indique a que está de acordo com a Constituição Federal.
a) Fica autorizado o Poder Executivo, por ato privativo e de modo indelegável, a aumentar as
alíquotas dos impostos sobre importação, exportação e propriedade territorial rural.
b) O imposto de renda passa a incidir sobre os rendimentos decorrentes de aluguéis cobrados
pelos Estados e Municípios.
c) O desatendimento da função social da propriedade imobiliária rural pode levar à cobrança
suplementar de imposto de renda de seu proprietário em valor igual ao da propriedade em
questão.
d) Fica instituída taxa federal de fiscalização de telecomunicações, podendo, desde que
verificada a hipótese de incidência, ser cobrada inclusive de igrejas e partidos políticos.

95) Não se admite "habeas-corpus" em relação a punições:


a) disciplinares e civis.
b) civis e administrativas.
c) disciplinares e militares.
d) administrativas e militares.

96) A CONSTITUIÇÃO BRASILEIRA, QUANTO À PROTEÇÃO DOS DIREITOS HUMANOS:


I - estabelece como princípio regente das relações internacionais do País a prevalência dos
direitos humanos e preconiza ainda a criação de um tribunal internacional dos direitos
humanos;
II - além de constituir a República Federativa em Estado democrático de direito, tendo como
um dos fundamentos a dignidade da pessoa humana, assegura a todos direitos e garantias
fundamentais, direitos individuais e sociais, expressos no seu texto, além de outros
decorrentes do regime e dos princípios por ela adotados, ou dos tratados internacionais em que
o Brasil seja parte;
III - inova quanto aos princípios sensíveis da federação, incluindo entre eles os direitos da
pessoa humana,, cuja inobservância pode resultar em intervenção federal nos Estados,
decretada pelo Presidente da República no caso de provimento, pelo Supremo Tribunal Federal,
de representação formulada pelo Procurador-Geral da República.
Analisando-se as assertivas acima, pode-se afirmar que:
a) somente a de número II está correta;
b) estão corretas as de números II e III;
c) apenas as de números l e II estão corretas;
d) todas estão corretas.

97) Assinale a alternativa que apresente corretamente os fundamentos da República Federativa do


Brasil.
a) soberania, cidadania, direito de resposta, acesso à informação e valores sociais do trabalho
e da livre iniciativa
b) soberania, cidadania, dignidade da pessoa humana, valores sociais do trabalho e da livre
iniciativa e pluralismo político
c) soberania, cidadania, prevalência dos direitos humanos, acesso à informação e pluralismo
político
d) soberania, cidadania, bem-estar social, valores sociais do trabalho e da livre iniciativa e
pluralismo político

98) Sobre organização dos poderes, assinale a única opção correta (garantias da magistratura e
Conselho Nacional de Justiça).
a) Pelas novas regras constitucionais, o ingresso na carreira da magistratura exige a
demonstração de que o bacharel em direito concluiu há, no mínimo, três anos seu curso de

www.novaapostila.com.br
graduação.
b) Segundo determina o texto constitucional, as decisões administrativas dos tribunais serão
motivadas e em sessão pública, salvo as sessões disciplinares.
c) O acesso dos juízes de primeiro grau aos tribunais de segundo grau far-se-á por
antiguidade e merecimento, alternadamente, apurados na última ou única entrância.
d) Nos tribunais com número superior a vinte e cinco julgadores, poderá ser constituído órgão
especial, com o mínimo de onze e o máximo de vinte e cinco membros, provendo-se
metade das vagas por merecimento e a outra metade por eleição pelo tribunal pleno.

99) Em relação aos partidos e aos direitos políticos previstos na Constituição, assinale a alternativa
correta.
a) A inelegibilidade de cônjuge e parentes de ocupante do cargo de prefeito não alcança a
figura do companheiro decorrente de união homossexual estável em razão de ausência de
previsão constitucional.
b) Os analfabetos são inalistáveis e inelegíveis.
c) Os partidos políticos não detêm legitimidade ativa para impetração de mandado de
segurança coletivo que tenha por objeto a impugnação de exigência tributária relativa à
majoração de Imposto sobre Propriedade Predial e Territorial Urbana.
d) O registro do estatuto do partido político no Tribunal Superior Eleitoral é suficiente para a
aquisição de sua personalidade jurídica.

100) Observe as afirmativas abaixo e que dizem respeito ao regime dos servidores públicos na
Constituição Federal.
I. O tempo de contribuição federal, estadual ou municipal será contado para efeito de
aposentadoria e o tempo de serviço correspondente para efeito de disponibilidade.
II. Ao servidor ocupante, exclusivamente, de cargo em comissão declarado em lei de livre
nomeação e exoneração bem como de outro cargo temporário ou de emprego público, aplica-
se o regime geral de previdência social.
III. Os proventos de aposentadoria e as pensões, por ocasião de sua concessão, poderão
exceder em até um terço a remuneração do respectivo servidor, se estável e cumprido o tempo
de contribuição no cargo efetivo em que se deu a aposentadoria ou que serviu de referência
para a concessão da pensão.
IV. A lei não poderá estabelecer qualquer forma de contagem de tempo de contribuição fictício.
V. Os proventos do servidor público, decorrentes de aposentadoria por invalidez permanente
resultante de acidente em serviço, moléstia profissional ou doença grave, contagiosa ou
incurável, na forma da lei, serão proporcionais ao tempo de contribuição.
É correto o que se afirma APENAS em:
a) I, II e IV.
b) I e IV.
c) II e III.
d) II, III e V.

101) Um mandado de segurança contra ato praticado por Prefeito de Capital, é impetrado perante :
a) O Juiz da Vara Cível da respectiva Comarca.
b) O Juiz da Vara da Fazenda Pública da Capital.
c) O Tribunal de Justiça.
d) O Superior Tribunal de Justiça.

102) É medida incompatível com o estado de sítio


a) permissão à violência da correspondência.
b) obrigação de permanência em localidade determinada.
c) aplicação da pena de banimento.
d) suspensão da liberdade de reunião.

103) O art. 5º, inciso II, da Constituição Federal estabelece que "ninguém será obrigado a fazer ou
deixar de fazer alguma coisa senão em virtude de lei."

Considerando a teoria clássica da aplicabilidade das normas constitucionais, defendida entre

www.novaapostila.com.br
nós inclusive por Rui Barbosa, esta norma constitucional é
a) programática.
b) autoexecutável.
c) de eficácia limitada.
d) de eficácia contida.

104) Pelo princípio da supremacia da Constituição, no ordenamento jurídico brasileiro,


a) somente as normas materialmente constitucionais devem integrar a Constituição e, assim,
figurar no ápice do ordenamento jurídico.
b) todas as normas jurídicas abaixo da Constituição são presumivelmente constitucionais.
c) as normas jurídicas infraconstitucionais podem ser consideradas formal e materialmente
inconstitucionais, caso sejam incompatíveis com a Constituição.
d) as normas constitucionais, por estarem no ápice do ordenamento jurídico,não admitem
alteração.

105) A Constituição da República Federativa do Brasil é classificada doutrinariamente como


a) semi-rígida, pois prevê mecanismos de participação popular direta no Poder.
b) rígida, pois prevê mecanismos excepcionais de restrição das liberdades, tais como estado
de sítio e estado de defesa.
c) flexível, pois caracteriza o Brasil como um Estado Democrático de Direito.
d) rígida, pois prevê processo especial para sua alteração, mais rigoroso que o processo
legislativo infraconstitucional.

106) O filho do embaixador da Itália e de mãe, também italiana, nascido no Brasil, é considerado:
a) brasileiro nato
b) brasileiro naturalizado
c) estrangeiro
d) apátrida

107) Assinale a assertiva correta:


a) As normas que preveem o direito de livre associação sindical e o direito de greve aos
servidores públicos são auto-executáveis.
b) A admissão de pessoal no âmbito das empresas estatais pode-se fazer independentemente
de concurso público.
c) As empresas públicas que desempenhem atividade econômica submetem-se ao mesmo
regime jurídico-administrativo das demais empresas públicas e sociedades de economia
mista.
d) Somente por lei específica poderá ser autorizada a instituição de empresa pública ou
sociedade de economia mista.

108) Sobre os princípios e diretrizes para os transportes aquaviários e terrestres, assinale a


alternativa que NÃO indica um dos princípios relacionados na Lei 10233:
a) assegurar a unidade nacional e a integração regional
b) assegurar, sempre que possível, que o custo dos serviços não sejam pagos pelos usuários
c) promover a conservação de energia por meio da redução do consumo de combustíveis
automotivos
d) estabelecer prioridade para o deslocamento de pedestres e o transporte coletivo de
passageiros, em sua superposição com o transporte individual, particularmente nos centros
urbanos

109) O tribunal de Contas da União:


a) é órgão integrante do Poder Judiciário;
b) é órgão integrante do Poder Executivo;
c) é órgão integrante do Poder Legislativo;
d) pode ser integrado por quem não seja Bacharelem Direito, estando vedada a todos os seus

www.novaapostila.com.br
membros a atividade político partidária;

110) Não respondem criminalmente por seus atos, mas são responsabilizados conforme legislação
especial (Artigo 228 da Constituição), os menores de:
a) 12 anos;
b) 14 anos;
c) 16 anos;
d) 18 anos;

111 - (ESAF/AFCE/TCU/99) - Assinale a opção correta:


a) A reforma constitucional, no sistema constitucional brasileiro, não conhece limites materiais.
b) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, existem normas de hierarquia diferenciada na
Constituição.
c) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, os princípios gravados com cláusula pétrea devem ser
interpretados de forma tão estrita que a simples alteração de sua expressão literal, mediante emenda, pode
significaruma violação da Constituição.
d) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, as cláusulas pétreas protegem direitos e garantias
individuais que não integram expressamente o capítulo relativo aos direitos individuais.
e) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal,as disposições constitucionais transitórias não são
modificáveis mediante emenda constitucional.

112 - (ESAF/AFCE/TCU/99) - Assinale a opção correta:


a) A decisão final de mérito proferida pelo Supremo Tribunal Federal em sede de controle abstrato de normas tem
eficácia ex nunc, necessariamente.
b) A liminar concedida em ação direta de inconstitucionalidade pode ter eficácia ex nunc ou ex tunc.
c) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, compete ao Tribunal, em sede de controle abstrato de
normas,declarar a inconstitucionalidade e não a constitucionalidade de norma impugnada.
d) A eficácia jurídica da decisão proferida pelo Supremo Tribunal Federal, em sede de controle incidental, está
condicionada à suspensão de execução da lei pelo Senado Federal.
e) Contra decisão proferida pelo Tribunal de Justiça, em processo de controle abstrato de normas do direito
estadual,não cabe recurso extraordinário.

113 - (ESAF/AFCE/TCU/99) - Assinale a opção correta:


a) No contexto de sua autonomia, os Estados-membros estão impedidos de instituir um regime parlamentar de
Governo.
b) Os Estados podem instituir uma Corte Constitucional com poderes para julgar as questões constitucionais,
especialmente a ação direta de inconstitucionalidade.
c) A Constituição estadual pode estabelecer que a representação interventiva, no plano estadual, deverá ser
proposta pelo Procurador-Geral ou Advogado-Geral do Estado.
d) É legítima previsão constitucional que condicione a nomeação ou a destituição de Secretários estaduais à
aprovação da Assembléia Legislativa.
e) Os Estados-membros não estão impedidos de constituir um sistema legislativo bicameral.

114 - (ESAF/AFCE/TCU/99) - Assinale a opção correta:


a) É legítimo o provimento de cargos públicos, mediante aproveitamento, transformação, acesso ou ascensão
funcional.
b) O direito de greve do servidor público será exercido nos termos previstos em lei complementar.
c) Nos termos da Constituição, a estabilidade no cargo adquire-se após dois anos de efetivo exercício.
d) A disponibilidade do servidor público dar-se-á com proventos integrais.

www.novaapostila.com.br
e) O servidor estável poderá perder o cargo em virtude de sentença judicial transitada em julgado, mediante
processo administrativo, no qual se lhe assegure ampla defesa ou mediante procedimento de avaliação periódica de
desempenho, na forma da lei complementar, assegurada ampla defesa.

115 - (ESAF/AFCE/TCU/99) - Assinale a opção correta:


a) As Comissões Parlamentares de Inquérito podem decretar a prisão provisória de eventual indiciado.
b) As Comissões Parlamentares de Inquérito podem determinar a quebra de sigilo fiscal e bancário de pessoa
submetida à sua investigação.
c) As Comissões Parlamentares de Inquérito podem determinar a interceptação ou escuta telefônica de pessoa
submetida à sua investigação.
d) As Comissões Parlamentares de Inquérito podem determinar a busca e apreensão de documentos, no domicílio de
pessoa submetida à sua investigação.
e) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal,é legítima a decretação da indisponibilidade de bens pelas
Comissões Parlamentares de Inquérito.

116 - (ESAF/AFCE/TCU/99) - Assinale a opção correta:


a) Segundo a jurisprudência pacífica do Supremo Tribunal Federal,medida provisória não pode estabelecer limitações
a direitos e garantias individuais.
b) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, medida provisória pode dispor sobre matéria reservada à
lei complementar, desde que seja aprovada pela maioria absoluta de cada uma das Casas do Congresso Nacional.
c) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal,o prazo de 90 dias para cobrança da contribuição social,
instituída por medida provisória, conta-se a partir do primeiro dia de vigência da medida inaugural.
d) Disposição constitucional que tenha sido objeto de alteração constitucional introduzida após 1995 pode ser
regulamentada mediante medida provisória.
e) Medida provisória é um típico instrumento do processo legislativo federal, sendo vedada a sua utilização no plano
estadual.

117 - (ESAF/AFCE/TCU/99) - Assinale a opção correta:


a) Compete ao Supremo Tribunal Federal processar e julgar, nos processos criminais, os Ministros de Estado, desde
que a instauração do processo seja autorizada pelo Congresso Nacional.
b) Compete ao Supremo Tribunal Federal processar e julgar, originariamente, os crimes políticos.
c) Os crimes contra a organização do trabalho devem ser julgados pela Justiça do Trabalho.
d) Cabe recurso extraordinário de decisão definitiva proferida no âmbito dos juizados especiais.
e) Compete ao Supremo Tribunal Federal o julgamento da representação interventiva, na hipótese de recusa à
execução do direito federal por parte do Estado-membro.

118 - (ESAF/AFCE/TCU/99) - Assinale a opção correta:


a) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, o princípio da proporcionalidade tem aplicação no nosso
sistema constitucional por força do princípio do devido processo legal.
b) A prisão provisória não se compatibiliza com o princípio constitucional da presunção de inocência.
c) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, a determinação contida na lei de crimes hediondos no
sentido de que os autores de determinados crimes cumpram a condenação em regime fechado atenta contra o
princípio da individualização da pena.
d)A condenação criminal proferida com base exclusiva em provas obtidas no inquérito criminal é plenamente válida.
e) O direito a permanecer calado está limitado estritamente à esfera do processo criminal.

119 - (ESAF/AGU/98) - Assinale a opção correta:


a) Nos termos da jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, o controle incidental perante os Tribunais exige que,
toda vez que renovado pedido de declaração de inconstitucionalidade em relação à mesma lei, deve o órgão
fracionário submeter a controvérsia ao plenário ou, se for o caso, ao órgão especial da Corte.
b)O direito pré-constitucional pode ser objeto de controle incidental ou abstrato de normas.

www.novaapostila.com.br
c)Declarada incidentalmente a inconstitucionalidade de uma lei pelo Supremo Tribunal Federal, pode o órgão
fracionário de Tribunal de Justiça deixar de aplicar o referido diploma sem observância da chamada "reserva de
plenário".
d)O Senado Federal, após a suspensão da execução da lei inconstitucional, não está impedido de revogar ou
modificar o referido ato de suspensão.
e)Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, a ação civil pública não é instrumento idôneo para se
obter, em qualquer hipótese, a declaração de inconstitucionalidade de uma lei.

120 - (ESAF/AGU/98) - Assinale a opção correta:


a) A jurisprudência do Supremo Tribunal Federal enfatiza que as disposições protegidas pelas cláusulas pétreas não
podem sofrer qualquer alteração.
b)Segundo orientação dominante no Supremo Tribunal Federal, os direitos assegurados em tratado internacional
firmado pelo Brasil têm hierarquia constitucional e estão ipso jure protegidos por cláusula pétrea.
c)Os direitos e garantias individuais protegidos por cláusula pétrea são somente aqueles elencados no catálogo de
direitos individuais.
d)Segundo entendimento dominante na doutrina e na jurisprudência, a introdução de um sistema parlamentar de
governo ou do regime monárquico pode ser realizada por simples Emenda Constitucional.
e)Segundo o entendimento dominante no Supremo Tribunal Federal, normas constitucionais originárias não podem
ser objeto de controle de constitucionalidade.

121 - (ESAF/AGU/98) - Assinale a opção correta:


a) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, a declaração de inconstitucionalidade pode ter efeito ex
nunc ou ex tunc.
b)A liminar concedida em sede de controle abstrato de normas há de ter sempre eficácia ex tunc.
c)O Supremo Tribunal Federal costuma declarar, freqüentemente, a inconstitucionalidade de lei sem a pronúncia da
nulidade.
d)Os tratados internacionais não podem ser objeto de impugnação em sede de controle abstrato de normas.
e)A ação direta de inconstitucionalidade e a ação declaratória de constitucionalidade, no que se refere ao direito
federal, são instrumentos de caráter dúplice ou ambivalente.

122 - (ESAF/AGU/98) - Assinale a opção correta:


a) Nos termos da jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, o princípio da proporcionalidade tem sua sede
material na disposição constitucional que determina a observância do devido processo legal.
b)Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, não se pode cogitar, em qualquer hipótese, de renúncia
de direito fundamental no ordenamento constitucional brasileiro.
c)No caso de colisão entre direitos fundamentais, deve o intérprete identificar o direito ou a garantia
hierarquicamente superior a fim de solver o conflito.
d)Não hálimite constitucional expresso ou implícito para as chamadas "reservas legais simples".
e)Segundo entendimento dominante na doutrina e na jurisprudência, os direitos fundamentais não têm aplicação às
relações privadas.

123 - (ESAF/AGU/98) - Assinale a opção correta:


a) No direito constitucional brasileiro, o princípio do direito adquirido protege contra mudança das situações
estatutárias ou dos regimes jurídicos.
b)As leis de ordem pública aplicam-se de imediato, independentemente da proteção ao ato jurídico perfeito e ao
direito adquirido.
c)A aplicação da lei que amplia os prazos de prescrição aquisitiva ou extintiva às situações em curso viola o princípio
do ato jurídico perfeito.
d)A tentativa de alteração, mediante lei, de situação jurídica submetida a termo ou a condição insuscetível de ser
modificada a arbítrio de outrem atenta contra o princípio constitucional do direito adquirido.
e)Segundo a jurisprudência pacífica do Supremo Tribunal Federal, o princípio do direito adquirido afirma-se inclusive
em face de alteração introduzida mediante Emenda Constitucional.

www.novaapostila.com.br
124 - (ESAF/AGU/98) - Assinale a opção correta:
a) Na fase do inquérito policial, a confissão do acusado na ausência de advogado deve ser considerada prova ilícita
para todos os fins.
b)A denúncia genérica no processo penal configura lesão ao princípio da ampla defesa e do contraditório.
c)A lei penal mais benéfica, para fins estabelecidos na Constituição Federal, háde ser considerada tão-somente a lei
que define ou suprime crime e estabelece ou reduz pena.
d)Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, a gravação de conversa telefônica por um dos
interlocutores, sem o conhecimento dos demais, constitui prova ilícita se utilizada em qualquer processo judicial ou
administrativo.
e)A disposição do Código de Processo Penal brasileiro segundo a qual o silêncio do acusado pode ser interpretado em
seu desfavor foi recebida pela ordem constitucional de 1988.

125 - (ESAF/AGU/98) - Assinale a opção correta:


a) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, o valor da prévia e justa indenização na desapropriação
há de ser assegurado já por ocasião da imissão provisória na posse.
b)Segundo a jurisprudência pacífica do Supremo Tribunal Federal, a retrocessão, no caso de tredestinação ou
adestinação do bem expropriado, configura simples direito pessoal que se resolve em perdas e danos.
c)A indenização da propriedade, no caso de desapropriação para fins de reforma agrária, não há de ser
necessariamente prévia, uma vez que o pagamento do imóvel há de se fazer mediante entrega de títulos da dívida
agrária.
d)Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, as condições de uso, gozo e fruição da propriedade
material ou imaterial não podem ser objeto de alteração mediante decisão legislativa superveniente.
e)A Constituição Federal autoriza a desapropriação pelo município de terrenos urbanos não edificados, subutilizados
ou não utilizados, com pagamento mediante títulos da dívida pública de emissão previamente aprovada pelo Senado
Federal.

126 - (ESAF/AGU/98) - Assinale a opção correta:


a) A liberdade sindical constitucionalmente assegurada não permite a criação de mais de um sindicato,
representativo de uma mesma categoria profissional ou econômica, por base territorial.
b)A contribuição fixada pela assembléia geral para custeio do sistema confederativo da representação sindical
respectiva é obrigatória para filiados ou não-filiados.
c)A participação dos sindicatos nas negociações coletivas pode ser dispensada se os trabalhadores designarem
diretamente os seus próprios representantes.
d)As normas que integram o capítulo referente aos direitos sociais são normas constitucionais programáticas.
e)A Constituição Federal assegura um direito de greve absoluto ou irrestrito.

127 - (ESAF/AGU/98) - Assinale a opção correta:


a) Os Estados-membros podem adotar, no âmbito do seu poder de conformação, o regime parlamentar de governo.
b)A não-aplicação pelo Estado-membro do mínimo exigido da receita resultante de impostos estaduais configura
violação a princípio constitucional sensível, podendo dar ensejo a representação para fins de intervenção federal.
c) Os Estados-membros podem dispor sobre o sistema eleitoral, sendo-lhes possível adotar, por exemplo, o sistema
distrital misto nas eleições parlamentares estaduais e municipais.
d)A Câmara do Distrito Federal pode dispor sobre a organização do Tribunal de Justiça do Distrito Federal, cabendo-
lhe, se for o caso, definir a estrutura do controle direto de inconstitucionalidade no âmbito daquela Corte.
e)A competência legislativa concorrente disciplinada na Constituição Federal impõe que o Estado-membro somente
atue supletivamente.

128 - (ESAF/AGU/98) - Assinale a opção correta:


a) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, matéria objeto de medida provisória rejeitada
expressamente pelo Congresso Nacional pode ser objeto de nova medida provisória na mesma sessão legislativa.

www.novaapostila.com.br
b)A reedição de medida provisória não produz qualquer efeito jurídico relevante, uma vez que, consoante a
jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, a fórmula adotada não evita uma solução de continuidade normativa.
c)Contribuição social instituída mediante medida provisória, sucessivamente reeditada, poderáser exigida 90
(noventa) dias após publicação do ato normativo inaugural, independentemente de sua conversão em lei.
d)Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, é inconstitucional a cláusula de convalidação ou de
ratificação de medida provisória, na hipótese de reedição.
e)A Constituição Federal proíbe a utilização de medida provisória pelo Estado-membro.

129 - (ESAF/AGU/98) - Assinale a opção correta:


a) Segundo a jurisprudência pacífica do Supremo Tribunal Federal, os créditos de natureza alimentícia poderão ser
pagos independentemente de precatório.
b)No pagamento das sentenças judiciais proferidas contra as pessoas jurídicas de direito público, é ilegítima a
atribuição de precedência de pagamento aos créditos de natureza alimentícia.
c)O pagamento de indenização pela desapropriação não se submete ao regime precatório, uma vez que a
Constituição Federal consagra, na espécie, o princípio da justa e prévia indenização.
d)O valor do crédito constante de precatório deve ser atualizado monetariamente, a partir de 10 de julho do
exercício de sua expedição, até a data do efetivo pagamento, devendo ser expedido novo precatório para o
pagamento, pela Fazenda Pública, do quantum correspondente à atualização se não houver previsão normativa
determinando o pagamento de uma só vez do valor atualizado.
e)A não-inclusão no orçamento das entidades de direito público de verba necessária ao pagamento de seus débitos,
constantes de precatórios judiciários, pode dar ensejo ao seqüestro da quantia necessária à satisfação do débito.

130 - (ESAF/AGU/98) - Assinale a opção correta:


a) Ressalvada a competência da Justiça Militar, compete à Justiça Federal processar e julgar os crimes cometidos a
bordo de navios e aeronaves, bem como os crimes contra a organização do trabalho.
b)Compete à Justiça do Trabalho processar e julgar as causas movidas por funcionários públicos contra a União.
c)Compete à Justiça Federal processar e julgar as ações propostas contra a União, entidade autárquica ou empresa
pública federal, inclusive aquelas relativas à falência e a acidente de trabalho.
d)É da competência da Justiça Federal processar e julgar os crimes políticos, cabendo recurso diretamente para o
Superior Tribunal de Justiça.
e)As causas que envolvam instituição de previdência social e segurado poderão ser processadas e julgadas na
Justiça Estadual, no foro de domicílio dos segurados ou beneficiários, devendo o recurso cabível ser interposto
perante o Tribunal de Justiça competente.

131 - (ESAF/AGU/98) - Assinale a opção correta:


a) Compete ao Advogado-Geral da União a formulação da representação interventiva contra o Estado-membro, no
caso de eventual lesão aos princípios sensíveis.
b)O Advogado-Geral da União pode deixar defender a constitucionalidade da lei ou ato impugnado em ação direta de
inconstitucionalidade, especialmente se entender que se trata de ato normativo incompatível com a Constituição
Federal.
c) Compete ao órgão central da Advocacia-Geral da União a representação judicial nas execuções da dívida ativa.
d)O Advogado-Geral da União somente poderá ser destituído após a aprovação do ato de exoneração pela maioria
absoluta do Senado Federal.
e)Compete ao Senado Federal processar e julgar o Advogado-Geral da União no caso de crime de responsabilidade.

132 - (ESAF/AGU/98) - Assinale a opção correta:


a) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, a imunidade do papel destinado à impressão de livros,
jornais e periódicos é restrita ao papel ou ao material a ele assimilável, não sendo por isso extensiva aos
equipamentos ou a outros insumos utilizados na impressão.
b)É lícito que a União tribute as rendas das obrigações da dívida pública dos Estados, do Distrito Federal e dos
Municípios, bem como a remuneração e os proventos dos respectivos agentes públicos em níveis superiores aos que
fixar para suas obrigações e para seus agentes.

www.novaapostila.com.br
c)A União pode instituir isenções de tributos da competência dos Estados, do Distrito Federal ou dos Municípios,
desde que com a finalidade de estimular o comércio internacional e a integração entre os países.
d)É vedada a instituição de qualquer tributo sobre os templos de qualquer culto, bem como o patrimônio, a renda ou
os serviços dos partidos políticos.
e)A União, os Estados, o Distrito Federal e os Municípios podem instituir impostos sobre o patrimônio, renda ou
serviços das instituições de educação e de assistência social, sem fins lucrativos, desde que atendidos os requisitos
fixados em lei complementar.

133 - (ESAF/AGU/98) - Assinale a opção correta:


a) A fixação ou o tabelamento de preços não se afigura compatível com a ordem constitucional brasileira, que adota
a livre iniciativa como princípio fundamental.
b)A Constituição Federal veda expressamente que a navegação de cabotagem seja exercida por empresas
estrangeiras.
c)A Constituição Federal permite que se conceda tratamento favorecido à empresa brasileira de capital nacional.
d)A pesquisa e a lavra de recursos minerais somente poderão ser efetuadas mediante autorização ou concessão da
União por brasileiros ou empresa constituída sob as leis brasileiras.
e)A Constituição Federal não proíbe que se concedam privilégios fiscais exclusivamente às empresas públicas.

134 - (ESAF/ASSIST. JURÍDICO/AGU/99) - Assinale a opção correta:


a) Segundo entendimento pacífico do Supremo Tribunal Federal, qualquer alteração que afete os direitos
fundamentais configura lesão expressa à cláusula pétrea.
b)Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, não só as normas constantes do catálogo de direitos
fundamentais, mas também outras normas consagradoras de direitos fundamentais constantes do Texto
Constitucional podem estar gravadas com a cláusula de imutabilidade.
c)Os direitos previstos em tratados internacionais firmados pelo Brasil somente poderão ser alterados mediante
emenda constitucional.
d)É vedada a alteração de disposições transitórias constantes do texto constitucional original.
e)Segundo a firme jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, é admissível a argüição de inconstitucionalidade de
norma constitucional originária.

135 - (ESAF/ASSIST. JURÍDICO/AGU/99) - Assinale a opção correta:


a) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, a ação civil pública pode ser utilizada como instrumento
de controle de constitucionalidade.
b)A ação direta de inconstitucionalidade por omissão permite que o Supremo Tribunal Federal expeça,
provisoriamente, a norma que o legislador deixou de editar.
c)A Constituição autoriza expressamente que o constituinte estadual institua, no seu âmbito, a ação direta por
omissão.
d)Nos termos da Constituição, o habeas-data destina-se exclusivamente à defesa dos direitos de eventual atingido
em face de entidades estatais.
e)A Constituição estadual pode atribuir ao Chefe da Advocacia do Estado a competência para propor a representação
interventiva contra os municípios.

136 - (ESAF/ASSIST. JURÍDICO/AGU/99) - Assinale a opção correta:


a) Mandado de segurança somente pode ser utilizado para a defesa de direitos e garantias individuais, sendo vedado
o seu uso com objetivo de defender atribuições ou prerrogativas de órgãos públicos.
b)A decisão proferida em mandado de injunção supre plenamente a omissão legislativa.
c)O salário do trabalhador é irredutível, salvo disposição contida em acordo ou convenção coletiva.
d)A contribuição sindical, fixada pela assembléia geral, será descontada em folha de qualquer trabalhador
independentemente de sua vinculação ao sindicato.
e)Lei complementar não pode estabelecer restrições ao direito de greve do servidor público.

137 - (ESAF/ASSIST. JURÍDICO/AGU/99) - Assinale a opção correta:

www.novaapostila.com.br
a) Segundo entendimento dominante no Supremo Tribunal Federal, não cabe liminar em ação declaratória de
constitucionalidade.
b)A Constituição autoriza expressamente a instituição de ação declaratória de constitucionalidade no âmbito do
Estado-membro.
c)A representação interventiva com objetivo de assegurar a execução de leis federais há de ser proposta perante o
Supremo Tribunal Federal.
d)É cabível a propositura de recurso extraordinário contra decisão de Tribunal de Justiça estadual proferida em ação
direta de inconstitucionalidade, desde que a norma estadual eleita como parâmetro de controle seja de reprodução
obrigatória por parte do constituinte estadual.
e)Não cabe ação direta de inconstitucionalidade contra emenda constitucional.

138 - (ESAF/ASSIST. JURÍDICO/AGU/99) - Assinale a opção correta:


a) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, a proteção do direito adquirido impede mudanças no
regime de um dado instituto jurídico.
b)Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, as leis de ordem pública hão de respeitar o princípio do
direito adquirido.
c)O caráter de garantia institucional que se atribui ao direito de propriedade impede qualquer alteração legislativa de
seu conteúdo ou configuração.
d)É legítimo invocar direito adquirido contra alteração no estatuto da moeda.
e)Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, pode-se invocar legitimamente direito adquirido em face
de mudança de um estatuto jurídico como, por exemplo, o Estatuto dos Servidores Públicos.

139 - (ESAF/ASSIST. JURÍDICO/AGU/99) - Assinale a opção correta:


a) É legítima a extradição de brasileiro naturalizado.
b) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, é legítima a extradição de português beneficiado com o
estatuto da igualdade.
c) A Constituição brasileira admite a extradição nos casos de crimes políticos ou de opinião.
d) A jurisprudência do Supremo Tribunal Federal admite a extradição de pessoas que enfrentam, nos países
requerentes, acusações que poderão acarretar a sua condenação à pena de morte.
e) O brasileiro naturalizado poderá ser extraditado no caso de comprovado envolvimento em tráfico de drogas.

140 - (ESAF/ASSIST. JURÍDICO/AGU/99) - Assinale a opção correta:


a) Segundo a jurisprudência pacífica do Supremo Tribunal Federal, os direitos fundamentais não podem ser
regulados por medida provisória.
b)Nos casos autorizados pela Constituição, pode o legislador ordinário alterar completamente a conformação de
determinados direitos fundamentais.
c)Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, a limitação aos direitos fundamentais há de observar o
princípio da proporcionalidade.
d)É pacífico na jurisprudência do Supremo Tribunal Federal o entendimento segundo o qual os direitos fundamentais
não têm aplicação às relações entre particulares.
e)Em caso de colisão entre direitos fundamentais, recomenda a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal que se
identifique e se aplique a norma de hierarquia mais elevada.

131 - (ESAF/ASSIST. JURÍDICO/AGU/99) - Assinale a opção correta:


a) Além da aplicação da lei mais benéfica, em se tratando de leis penais no tempo, afigura-se razoável, segundo a
jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, que se proceda à combinação interpretativa de disposições da lei velha
e da lei nova com o objetivo de assegurar a aplicação da lex mitior.
b)Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, é constitucional a prisão civil do devedor fiduciante.
c)Segundo entendimento dominante no Supremo Tribunal Federal, é inconstitucional disposição legal que vede a
progressividade do regime de cumprimento da pena para crimes hediondos.
d)A Constituição Federal admite a interceptação telefônica para fins de investigação criminal, administrativa ou
parlamentar.

www.novaapostila.com.br
e)A norma superveniente que amplie o prazo de prescrição tem aplicação imediata, independentemente dos reflexos
que produza nas situações concretas, por se tratar de norma de conteúdo processual.

142 - (ESAF/ASSIST. JURÍDICO/AGU/99) - Assinale a opção correta:


a) Nos termos da Constituição, a proteção contra a despedida arbitrária há de ser estabelecida em lei ordinária.
b) É permitida a criação de mais de uma entidade sindical, representativa de categoria profissional ou econômica, na
mesma base territorial.
c) A Constituição admite a não-equiparação dos direitos do trabalhador avulso e do trabalhador com vínculo
empregatício.
d) A Constituição legitima a distinção entre trabalho manual, técnico e intelectual.
e) Nos termos da Constituição, é obrigatória a participação dos sindicatos nas negociações coletivas de trabalho.

143 - (ESAF/ASSIST. JURÍDICO/AGU/99) - Assinale a opção correta:


a) A Constituição Federal elenca, de forma precisa e expressa, a competência dos Estados-membros e da União.
b) Adotou-se, no sistema federativo brasileiro, um rígido modelo horizontal de distribuição de competência
legislativa.
c) Nos termos da Constituição brasileira, os municípios não dispõem de competência material específica.
d) Cabe aos Estados explorar diretamente, ou mediante concessão, os serviços locais de gás canalizado.
e) O Distrito Federal é dotado de todas as competências reconhecidas aos Estados-membros.

144 - (ESAF/ASSIST. JURÍDICO/AGU/99) - Assinale a opção correta:


a) É amplo o poder constituinte do Estado-membro, facultando-se-lhe dispor, de forma incondicionada, sobre o
sistema eleitoral e o sistema de governo.
b) No âmbito das competências do Estado-membro, não se exclui a possibilidade de instituição de uma verdadeira
Corte Constitucional.
c) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, o processo legislativo previsto na Constituição Federal
aplica-se aos Estados-membros.
d) Nos termos da Constituição, a criação de municípios é decisão que compete exclusivamente aos Estados-
membros.
e) A Constituição não veda, expressamente, o direito de secessão dos entes federados.

145 - (ESAF/ASSIST. JURÍDICO/AGU/99) - Assinale a opção correta:


a) A responsabilidade civil objetiva das entidades de direito público exonera o eventual atingido da prova do nexo de
causalidade.
b)Não influi no juízo sobre a responsabilidade civil da administração a eventual contribuição ou concorrência da
vítima para o evento danoso.
c)Nos termos da Constituição, o ato lícito da administração não poderá dar ensejo à responsabilidade civil.
d)A responsabilidade civil do Estado adotada pela Constituição é ampliada pela idéia de que se aplica entre nós a
teoria da equivalência das condições.
e)A doutrina e a jurisprudência brasileiras admitem que a responsabilidade civil do Estado submete-se entre nós à
teoria do dano direto e imediato ou da interrupção do nexo causal.

146 - (ESAF/ASSIST. JURÍDICO/AGU/99) - Assinale a opção correta:


a) A imunidade parlamentar somente protege o Deputado ou Senador após a posse.
b)As comissões permanentes da Câmara dos Deputados e do Senado Federal poderão, na forma do regimento,
discutir e votar determinados projetos de forma definitiva.
c)A convocação extraordinária do Congresso Nacional não poderá ser requerida pelos membros da Câmara dos
Deputados e do Senado Federal.
d)A deliberação do Congresso Nacional que suspende a eficácia de ato regulamentar do Poder Executivo é
insuscetível de controle judicial.

www.novaapostila.com.br
e)É legítima deliberação do Congresso Nacional, na sessão extraordinária, sobre qualquer matéria que esteja
submetida à sua apreciação.

147 - (ESAF/ASSIST. JURÍDICO/AGU/99) - Assinale a opção correta:


a) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, as Comissões Parlamentares de Inquérito podem
determinar a quebra de sigilo bancário de eventuais indiciados.
b)Comissão Parlamentar de Inquérito dispõe de poderes para decretar a prisão preventiva de eventual indiciado.
c)A comissão representativa do Congresso Nacional que deve atuar no período de recesso dispõe de poderes para
emendar a Constituição ou decretar a perda de mandato de parlamentares.
d)Não se pode invocar sigilo profissional perante Comissão Parlamentar de Inquérito.
e)Não se pode alegar o direito de permanecer calado perante Comissão Parlamentar de Inquérito.

148 - (ESAF/ASSIST. JURÍDICO/AGU/99) - Assinale a opção correta:


a) Segundo a jurisprudência pacífica do Supremo Tribunal Federal, as medidas provisórias não se submetem a
processo de controle de constitucionalidade.
b)É legítima a edição de medida provisória sobre matérias que devem ser reguladas mediante lei complementar,
desde que a sua conversão em lei se dê com a aprovação da maioria absoluta dos membros da Câmara dos
Deputados e do Senado Federal.
c)Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, contribuição social prevista em medida provisória somente
poderá ser cobrada 90 dias após a sua conversão em lei.
d)Não se pode regulamentar norma constitucional resultante do processo de reforma constitucional aprovada a partir
de 1995 mediante edição de medida provisória.
e)Segundo a jurisprudência pacífica do Supremo Tribunal Federal, não se pode editar medida provisória nas matérias
que não podem ser disciplinadas mediante edição de lei delegada.

149 - (ESAF/ASSIST. JURÍDICO/AGU/99) - Assinale a opção correta:


a) Compete ao Supremo Tribunal Federal julgar toda e qualquer causa de interesse dos magistrados em geral.
b)O Supremo Tribunal Federal somente poderá apreciar denúncia contra Ministro de Estado após a autorização de
instauração do processo pela Câmara dos Deputados.
c)Compete ao Supremo Tribunal Federal apreciar e julgar a representação interventiva nos casos de violação do
princípio sensível e de recusa à execução de lei federal.
d)Compete ao Supremo Tribunal Federal processar e julgar habeas-corpus contra ato de membro de Tribunal de
Justiça.
e)Compete ao Supremo Tribunal Federal julgar, em recurso ordinário, o crime político.

150 - (ESAF/ASSIST. JURÍDICO/AGU/99) - Assinale a opção correta:


a) Segundo entendimento dominante no Supremo Tribunal Federal, o legislador não pode conferir tratamento
privilegiado a outros créditos, além dos créditos de natureza alimentícia, para os fins de pagamento mais favorecido.
b)É legítimo o pagamento de vantagens pecuniárias asseguradas a servidores em decisão judicial de caráter cautelar
ou em tutela antecipada.
c)Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, é recomendável que se utilizem indexadores como a OTN -
Obrigações do Tesouro Nacional ou BTN - Bônus do Tesouro Nacional nos precatórios, de modo a facilitar a
atualização de seu valor.
d)Segundo a jurisprudência dominante do Supremo Tribunal Federal, os créditos de natureza alimentícia deverão ser
pagos independentemente de precatório.
e)Em caso de plena disponibilidade de recursos, poderá o legislador adotar o sistema de pagamento direto.

151 - (ESAF/ASSIST. JURÍDICO/AGU/99) - Assinale a opção correta:


a) Compete à Justiça Federal processar todos os crimes previstos em tratados ou convenções internacionais.
b)Compete à Justiça Militar processar e julgar todos os crimes cometidos a bordo de navios ou aeronaves.

www.novaapostila.com.br
c)Compete à Justiça Federal processar e julgar os crimes contra a organização do trabalho e, nos termos da lei, os
crimes contra o sistema financeiro e a ordem econômico-financeira.
d)Compete à Justiça Federal processar e julgar as ações criminais movidas contra seus próprios juízes.
e)Compete à Justiça Federal processar e julgar as causas em que a União for interessada na condição de autora, ré,
assistente ou oponente, inclusive as de falência.

152 - (ESAF/ASSIST. JURÍDICO/AGU/99) - Assinale a opção correta:


a) Compete ao Ministério Público a defesa judicial dos direitos e interesses das populações indígenas.
b)O Procurador-Geral da República será nomeado para o cargo para um mandato de dois anos, admitida apenas
uma recondução.
c)A Constituição determina, em casos excepcionais, que órgãos do Ministério Público assumam atribuições de
assessoria jurídica de entidades públicas.
d)O Advogado-Geral da União somente poderá ser destituído após a aprovação do Senado Federal.
e)Compete ao Advogado-Geral da União a propositura da representação interventiva, no caso de afronta aos
chamados princípios sensíveis.
153 - (ESAF/ASSIST. JURÍDICO/AGU/99) - Assinale a opção correta:
a) Nos termos da Constituição, o petróleo somente pode ser explorado pela União ou por empresa pública federal.
b)A Constituição preconiza o incentivo às empresas brasileiras de capital nacional.
c)Nos termos da Constituição, a navegação de cabotagem somente poderá ser realizada por embarcações
brasileiras.
d)É legítima a desapropriação de solo urbano não edificado, subutilizado ou não utilizado com pagamento mediante
títulos da dívida pública.
e)Os imóveis públicos urbanos poderão ser adquiridos mediante usucapião.

154 - (ESAF/AUDITOR FORTALEZA/CE/98) - Assinale a opção correta:


a) A exigência de depósito prévio de parte do valor da multa administrativa aplicada como condição de
admissibilidade do recurso administrativo em matéria previdenciária ou fiscal viola o princípio da ampla defesa e do
contraditório.
b) A proibição de concessão de tutela antecipada ou de concessão de liminar contra o Poder Público em matéria de
vencimentos de servidores viola o princípio da proteção judicial efetiva.
c) A fixação de prazo para impetração de mandado de segurança não se afigura compatível com a própria garantia
que se pretende outorgar.
d) A interceptação telefônica pode-se dar mediante autorização do Ministério Público.
e) É inválida a condenação criminal fundada exclusivamente nos elementos informativos do inquérito policial.

155 - (ESAF/AUDITOR FORTALEZA/CE/98) - Assinale a opção correta:


a) É possível invocar-se direito adquirido contra mudanças de um dado regime ou de um determinado instituto
jurídico.
b) As leis de ordem pública aplicam-se independentemente da proteção do direito adquirido ou do ato jurídico
perfeito.
c) No sistema constitucional brasileiro, veda-se expressamente a aplicação de qualquer lei com caráter retroativo.
d) A jurisprudência pacífica do Supremo Tribunal Federal consagra a possibilidade de se invocar direito adquirido
contra a Constituição Federal.
e) Preenchidos os requisitos para a aposentadoria segundo a lei vigente ao tempo da aposentação, reconhece-se a
existência a direito adquirido.

156 - (ESAF/AUDITOR FORTALEZA/CE/98) - Assinale a opção correta:


a) A Constituição Estadual pode estabelecer, legitimamente, que qualquer convênio ou obrigação assumida pelo
Estado-membro somente produzirá efeitos após a aprovação do ato pelo Poder Legislativo Estadual.
b) A regra da Constituição Federal que veda a recondução dos membros da mesa das Casas Legislativas é de
reprodução obrigatória por parte dos Estados-membros.

www.novaapostila.com.br
c) Os requisitos para nomeação dos membros do Tribunal de Contas da União contidos na Constituição Federal são
de observância obrigatória pelo constituinte estadual.
d) O processo legislativo estabelecido na Constituição Federal não tem força vinculante para o Estado-membro.
e) A criação de municípios é matéria da alçada exclusiva do Estado-membro.

157 - (ESAF/AUDITOR FORTALEZA/CE/98) - Assinale a opção correta:


a) Os Ministros de Estado somente poderão ser processados e julgados nos processos por crime comum após a
autorização da Câmara dos Deputados.
b) A imunidade a atos estranhos ao exercício das funções, previstana Constituição Federal em relação ao Presidente
da República,pode ser estendida aos Governadores de Estado.
c) A Constituição Estadual não pode condicionar a instauração de processo-crime contra o Governador do Estado à
prévia aprovação da Assembléia Legislativa.
d) A definição de crime de responsabilidade e a fixação dasregrasdoprocessode impeachment no âmbito estadual são
da competência privativa da União.
e) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, a prerrogativa de foro das pessoas investidas em cargos
públicos, em relação aos processos penais pendentes, não cessa com o término do mandato, quer o crime tenha
ocorrido antes ou durante o exercício da função pública.

158 - (ESAF/AUDITOR FORTALEZA/CE/98) - Assinale a opção correta:


a) A Constituição Federal adota um modelo vertical de distribuição de competência legislativa.
b) A Constituição Federal admite expressamente a possibilidade de delegação da competêncialegislativa federal para
os Estados-membros.
c) Cabe ao órgão responsável pela advocacia do Estado-membro a propositura de representação interventiva contra
Município.
d) O modelo de competência legislativa concorrente consagrado na Constituição Federal condiciona a elaboração de
ato normativo estadual à existência prévia da norma federal.
e) No âmbito da autonomia dos Estados-membros, coloca-se até mesmoa possibilidade de adoção de um sistema
parlamentar de Governo.

159 - (ESAF/AUDITOR FORTALEZA/CE/98) - Assinale a opção correta:


a) Qualquer juiz de primeiro grau, turma ou câmara de Tribunal pode declarar a inconstitucionalidade de lei no
sistema incidental ou concreto vigente no Brasil.
b) Os Estados-membros estão impedidos expressa ou implicitamente de instituir a ação direta de
inconstitucionalidade por omissão e a ação declaratória de constitucionalidade.
c) A interpretação conforme a Constituição não pode ser utilizada no âmbito dos juízos e Tribunais ordinários,
porquanto tal prática corresponde, efetivamente, a uma declaração parcial de inconstitucionalidade sem redução de
texto.
d) A legitimidade da suspensão pelo Legislativo de ato do Executivo que exorbite dos limites do poder regulamentar
é suscetível de verificação em sede de controle de constitucionalidade.
e) O Chefe de Poder Executivo municipal não pode deixar de cumprir lei sob a alegação de incompatibilidade com a
Constituição Federal.

160 - (ESAF/AUDITOR FORTALEZA/CE/98) - Assinale a opção correta:


a) A ordem econômica consagrada na Constituição Federal, calcada na livre iniciativa, é compatível com política de
controle ou tabelamento de preços.
b) A Constituição Federal preconiza o incentivo à empresa brasileira de capital nacional.
c) A pesquisa e a lavra de recursos minerais poderão ser efetivadas mediante autorização ou concessão da União a
empresas brasileiras ou estrangeiras.
d) O transporte de mercadorias na cabotagem e a navegação interior são privativos de empresas brasileiras.
e) A pesquisa e a lavra das jazidas de Petróleo, bem como a pesquisa, a lavra, o enriquecimento, o
reprocessamento, a industrialização e o comérciodos minerais nucleares poderão ser objeto de contrato com
empresas estatais ou privadas.

www.novaapostila.com.br
161 - (ESAF/AUDITOR FORTALEZA/CE/98) - Assinale a opção correta:
a) A Constituição de 1988 eliminou o empréstimo compulsório e a contribuição de melhoria enquanto espécies
tributárias.
b) O prazo de noventa dias para a cobrança de contribuição social instituída por medida provisória conta-se da data
da publicação do referido ato normativo.
c) De acordo com a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, a imunidade de impostos dos livros, jornais e
periódicos e do papel destinado a sua impressão abrange inclusive as máquinas e equipamentos utilizados.
d) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, a adoção da progressividade do Imposto Predial e
Territorial Urbano depende de exclusiva decisão legislativa do Município.
e) Os partidos políticos gozam de ampla e irrestrita imunidade de tributos.

162 - (ESAF/ANALISTA COM. EXTERIOR/98) - Assinale a opção correta:


a) O Senado Federal não está obrigado a suspender a execução da lei declarada inconstitucional pelo Supremo
Tribunal Federal em controle concreto ou incidental de normas.
b) Os Estados-membros podem atribuir competência para julgar as ações diretas a uma Corte Constitucional.
c) Qualquer juiz ou órgão fracionário de Tribunal pode declarar a inconstitucionalidade incidental de lei na ordem
constitucional brasileira.
d) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, a ação civil pública não constitui instrumento adequado
para impugnação de lei inconstitucional.
e) Os Estados-membros podem adotar controle abstrato de normas do direito estadual ou municipal em face da
Constituição estadual ou da Constituição Federal.

163 - (ESAF/ANALISTA COM. EXTERIOR/98) - Assinale a opção correta:


a) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, não cabe recurso extraordinário contra decisão do
Tribunal de Justiça proferida em controle abstrato de normas.
b) Não cabe ação direta de inconstitucionalidade contra norma constitucional originária.
c) Os atos tipicamente regulamentares são passíveis de impugnação em controle abstrato de normas.
d) A liminar em ação direta de inconstitucionalidade deve ser deferida com eficácia ex tunc.
e) O Supremo Tribunal Federal declara, freqüentemente, a inconstitucionalidade da lei com eficácia ex nunc.

164 - (ESAF/ANALISTA COM. EXTERIOR/98) - Assinale a opção correta:


a) Os Estados-membros dispõem de plena autonomia na criação de novos municípios, não podendo o legislador
federal interferir na disciplina da matéria.
b) A intervenção federal pode ser decretada pela suspensão por parte do Estado-membro do pagamento de dívida
fundada ou flutuante.
c) A não-aplicação do mínimo da receita resultante de impostos estaduais, compreendida a proveniente de
transferências, na manutenção e desenvolvimento do ensino, configura violação a princípio sensível apta a ensejar a
representação interventiva.
d) Compete ao Advogado-Geral da União a formulação da representação interventiva.
e) Compete ao Supremo Tribunal Federal o processo e julgamento da representação interventiva nos casos de
violação a princípio sensível ou na hipótese de recusa à execução de lei federal.

165 - (ESAF/ANALISTA COM. EXTERIOR/98) - Assinale a opção correta:


a) Os Estados-membros dispõem de amplo poder de conformação de sua ordem constitucional, estando autorizados
a disciplinar, no seu âmbito, a forma de Governo e o sistema eleitoral.
b) Os Estados-membros estão impedidos pela Constituição Federal de instituir ação declaratória de
constitucionalidade.
c) O processo legislativo estabelecido na Constituição Federal não vincula o Estado-membro.
d) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, a sanção presidencial a projeto de lei aprovado não supre
o vício de iniciativa verificado.

www.novaapostila.com.br
e) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, os Estados-membros estão autorizados a proceder a uma
revisão constitucional especial nos moldes da estabelecida na Constituição Federal.

166 - (ESAF/ANALISTA COM. EXTERIOR/98) - Assinale a opção correta:


a) O princípio segundo o qual a força probatória do inquérito policial se esgota com a apresentação da denúncia
constitui regra inafastável em qualquer condição.
b) Não constitui prova ilícita a captação por meio de fita magnética de conversa entre presentes autorizada por um
dos interlocutores, se realizada em legítima defesa.
c) É inconstitucional a prisão civil do depositário infiel em se tratando de alienação fiduciária em garantia.
d) A existência de outros processos penais sem trânsito em julgado contra o mesmo réu não pode ser apreciada
como maus antecedentes por implicar violação do princípio da presunção de inocência.
e) A exigência de comprovação de depósito como pressuposto de admissibilidade e garantia recursal afronta o
princípio da ampla defesa e do contraditório.
167 - (ESAF/AFTN/98) - Assinale a opção correta:
a) As comissões permanentes da Câmara dos Deputados e do Senado Federal poderão discutir e votar determinados
projetos de forma definitiva.
b) A imunidade parlamentar somente protege o Deputado ou Senador após a posse.
c) A convocação extraordinária do Congresso Nacional não poderá ser requerida pelos membros da Câmara dos
Deputados ou do Senado Federal.
d) A Comissão Parlamentar de Inquérito dispõe de poderes para decretar a prisão preventiva de eventual indiciado.
e) A comissão representativa do Congresso Nacional, que deve atuar no período de recesso, dispõe de poderes para
emendar a Constituição ou decretar a perda de mandato de parlamentares.

168 - (ESAF/AFTN/98) - Assinale a opção correta:


a) A criação de territórios, bem como sua transformação em Estado serão disciplinadas em lei ordinária federal.
b) A União, os Estados e os Municípios não estão impedidos de subvencionar cultos religiosos ou igreja.
c) A outorga de tratamento diferenciado a cidadãos ou empresas do Estado-membro é perfeitamente compatível
com a Constituição.
d) Em determinados casos, a intervenção federal poderá realizar-se sem a designação de um interventor.
e) No caso de não-execução da lei federal, a intervenção federal dependerá de provimento à representação
formulada pelo Advogado-Geral da União.

169 - (ESAF/AFTN/98) - Assinale a opção correta:


a) Na hipótese de impedimento do Presidente da República e do Vice-Presidente, serão chamados ao exercício da
Presidência, sucessivamente, o Presidente do Supremo Tribunal Federal, o Presidente do Senado Federal e o
Presidente da Câmara dos Deputados.
b) O afastamento do Presidente e do Vice-Presidente do País há de ser precedido, em qualquer hipótese, da
necessária licença do Congresso Nacional.
c) O recebimento de denúncia ou queixa contra o Presidente da República, por prática de crime comum, implica
suspensão do exercício de funções presidenciais.
d) A vacância dos cargos de Presidente e Vice-Presidente implica, em qualquer hipótese, a realização de eleições
noventa dias após aberta a última vaga.
e) Será considerado eleito Presidente o candidato que, registrado por partido político, obtiver maioria absoluta,
computados os votos em branco.

170 - (ESAF/AFTN/98) - Assinale a opção correta:


a) A Constituição de 1988 conferiu aos municípios a condição de autênticos integrantes da Federação.
b) Os Estados-membros não estão impedidos de adotar medida provisória como espécie legislativa estadual.
c) Nos termos da Constituição Federal, o Estado-membro não pode, em qualquer hipótese, legislar sobre matéria de
competência privativa da União.

www.novaapostila.com.br
d) A Constituição estadual deve instituir ação direta de controle de constitucionalidade de ato normativo tanto de
direito estadual quanto municipal em face da Constituição Federal.
e) Os Estados-membros não estão impedidos de celebrar tratados internacionais, desde que com a interveniência
expressa da União.

171 - (ESAF/AFTN/98) - Assinale a opção correta:


a) Os direitos sociais são considerados direitos de conteúdo meramente programático.
b) A prova obtida de forma ilícita poderá ser utilizada em qualquer outro processo, vedada a sua utilização naquele
para o qual foi originariamente produzida.
c) Segundo a jurisprudência assente do Supremo Tribunal Federal, a interceptação telefônica somente poderá
efetivar-se mediante autorização da autoridade judicial, nos casos expressamente previstos em lei.
d) O princípio constitucional que assegura a ampla defesa e contraditório não permite que se realize o interrogatório
do indiciado perante a autoridade policial na ausência do advogado.
e) Segundo orientação dominante na jurisprudência, os direitos fundamentais passíveis de restrição mediante
atividade legislativa podem ter seu âmbito de proteção reduzido de forma ilimitada.

172 - (ESAF/AFTN/98) - Assinale a opção correta:


a) Segundo entendimento dominante na doutrina, os direitos fundamentais podem ser regulamentados por medida
provisória.
b) Os direitos constantes do catálogo de direitos individuais e coletivos estão elencados de forma exaustiva.
c) Os direitos constantes de tratados internacionais são intangíveis, não podendo ser alterados sequer por emenda
constitucional.
d) Segundo a jurisprudência dominante, somente os direitos constantes do catálogo de direitos individuais gozam de
proteção da cláusula pétrea.
e) No sistema constitucional brasileiro, os direitos previstos em tratado internacional são dotados de força de uma
norma constitucional.

173 - (ESAF/AFTN/98) - Assinale a opção correta:


a) Não cabe liminar em ação declaratória de constitucionalidade.
b) Os atos de caráter regulamentar não podem ser objeto de impugnação em ação direta de inconstitucionalidade.
c) Segundo a orientação dominante, os Estados-membros não podem adotar ação declaratória de
constitucionalidade no seu âmbito.
d) A decisão proferida em ação direta por omissão permite que o Supremo Tribunal Federal assuma a posição de
autêntico legislador positivo.
e) Entre as técnicas de decisão utilizadas pelo Supremo Tribunal Federal, em sede de controle de
constitucionalidade, assume relevo a declaração parcial de inconstitucionalidade sem redução de texto.

174 - (ESAF/AFTN/98) - Assinale a opção correta:


a) A Câmara dos Deputados atua como Casa revisora no que diz respeito a projetos de Emenda Constitucional
aprovados pelo Senado Federal.
b) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal, a emenda parlamentar a projetos de iniciativa privativa do
Executivo ou do Judiciário há de guardar relação de pertinência com a matéria objeto da proposta.
c) A Constituição Federal não proíbe que se adote medida provisória na regulamentação de dispositivo cuja redação
tenha sido alterada por emenda constitucional aprovada a partir de 1995.
d) A alegação de lesão a normas constitucionais relativas ao processo legislativo não é suscetível de exame pelo
Poder Judiciário em mandado de segurança.
e) As chamadas questões interna corporis são passíveis de controle judicial.

175 - (ESAF/AFTN/98) - Assinale a opção correta:


a) É pacífica a orientação em favor da edição de medida provisória em matéria relativa a direito penal.
b) Nos termos da orientação dominante, medida provisória não pode dispor sobre matéria orçamentária.

www.novaapostila.com.br
c) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, matéria de lei complementar pode ser regulada por
medida provisória desde que o Congresso Nacional a aprove por maioria absoluta de votos.
d) Não se afigura legítima a revogação de medida provisória antes do decurso do prazo constitucionalmente fixado.
e) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, pode a Corte, em casos excepcionais, examinar a
existência do pressuposto relativo à urgência para a edição de medida provisória.

176 - (ESAF/AFTN/98) - Assinale a assertiva correta quanto ao Distrito Federal.


a) No âmbito do Distrito Federal, a organização da Defensoria Pública e da Polícia Civil constitui tarefas de
competência legislativa do Distrito Federal.
b) Compete ao Distrito Federal, nos termos da Constituição Federal, a organização do Poder Judiciário local.
c) O Distrito Federal dispõe de competência legislativa estadual e municipal.
d) A Constituição não prevê a possibilidade de decretação de intervenção federal no Distrito Federal.
e) A Constituição não proíbe a divisão do Distrito Federal em municípios.

177 - (ESAF/PFN/98) - Efeito vinculante e eficácia contra todos decorrem das decisões definitivas de mérito do STF:
a) nas ações diretas de inconstitucionalidade
b) nas causas referentes a tratado ou lei federal
c) nas ações declaratórias de constitucionalidade
d) na argüição de descumprimento de lei fundamental
e) quando contrariado dispositivo constitucional

178 - (ESAF/PFN/98) - A Emenda Constitucional poderá ser proposta pelo:


a) Presidente da República
b) Presidente do Senado Federal
c) Presidente da República, exclusivamente
d) Presidente da República e do Senado
e) Presidente do Senado e da Câmara dos Deputados

179 - (ESAF/PFN/98) - A inconstitucionalidade por omissão compreende:


a) omissões ocorridas no texto legal
b) falta de quorum
c) omissão da iniciativa do poder competente
d) omissão de medida para tornar efetiva a norma
e) omissão de formalidade substancial

180 - (ESAF/PFN/98) - A ação declaratória de constitucionalidade poderá ser proposta pelo (pelas):
a) Presidente da República e o Procurador-Geral, conjuntamente
b) Presidente da República ou pelo Procurador-Geral da República
c) Mesas do Senado e da Câmara, conjuntamente
d) Conselho Federal da OAB
e) Mesas das Assembléias Legislativas

181 - (ESAF/PFN/98) - Assinale a assertiva correta:


a) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, não cabe recurso extraordinário contra decisão proferida
em processo de controle abstrato de normas no plano estadual.
b) A cautelar concedida em ação direta de inconstitucionalidade tem o condão de restaurar provisoriamente a
vigência do direito revogado pela norma impugnada.

www.novaapostila.com.br
c) A Constituição Federal veda, expressamente, a instituição, pelo Estado-membro, da ação direta de
inconstitucionalidade por omissão e da ação declaratória de constitucionalidade.
d) A decisão proferida em sede de controle abstrato de normas somente terá eficácia após a suspensão de sua
execução pelo Senado Federal.
e) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, não cabe concessão de cautelar em ação declaratória de
constitucionalidade.

182 - (ESAF/PFN/98) - Assinale a assertiva correta:


a) A Constituição de 1988 consagra um regime de democracia representativa absolutamente incompatível com
qualquer forma de democracia direta ou "de identidade".
b) A Constituição de 1988 não impede que o legislador ordinário crie um tipo de "recall " para cassar o mandato do
representante infiel às teses programáticas assumidas durante o processo eleitoral.
c) A filiação partidária não constitui condição de elegibilidade no sistema constitucional brasileiro.
d) A fim de proteger a probidade administrativa e a moralidade para o exercício do mandato, lei complementar
poderá estabelecer outras hipóteses de inelegibilidade, além daquelas já previstas na Constituição Federal.
e) Nos termos da Constituição Federal, os partidos políticos são pessoas jurídicas de direito público.

183 - (ESAF/PFN/98) - Assinale a assertiva correta:


a) A Constituição Federal não impede que o legislador ordinário federal opte por um sistema eleitoral que, nas
eleições parlamentares, combine o sistema proporcional com o sistema majoritário-distrital.
b) Segundo a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal, o cômputo dos votos brancos como votos válidos para
efeito de obtenção do quociente eleitoral revela-se incompatível com a Constituição Federal.
c) Nos termos da Constituição Federal, os Estados não dispõem de autonomia para disciplinar o sistema eleitoral a
ser adotado para as eleições estaduais e municipais.
d) Realizada a distribuição inicial das cadeiras pelo sistema proporcional, optou a Constituição brasileira, no caso de
necessidade de distribuição de vagas remanescentes, pelo critério de maior resto.
e) Será considerado eleito Presidente o candidato que, computados os votos brancos e nulos, obtiver a maioria
absoluta de votos.

184 - (ESAF/PFN/98) - Assinale a assertiva correta:


a) O Distrito Federal constitui uma autêntica unidade federada, dispondo de amplo poder de auto-organização em
relação à sua estrutura administrativa e à organização dos Poderes Executivo, Legislativo e Judiciário.
b) A Constituição do Estado-membro pode condicionar a eficácia de convênio celebrado pelo Poder Executivo à
aprovação pelo Poder Legislativo local.
c) Na ordem constitucional brasileira, o Estado-membro, no âmbito do seu poder de auto-organização, está impedido
de instituir um Poder Legislativo bicameral e um regime parlamentar de Governo.
d) Dentro do poder de conformação da sua ordem constitucional, pode o Estado-membro estabelecer "quorum" para
a aprovação de emenda constitucional mais rígido do que o previsto na Constituição Federal.
e) Segundo orientação do Supremo Tribunal Federal, o Estado-membro pode adotar modelo de revisão constitucional
simplificado, tal como previsto no Ato das Disposições Constitucionais Transitórias da Constituição Federal.

185 - (ESAF/PFN/98) - Assinale a assertiva correta:


a) No sistema constitucional brasileiro, a estabilidade do servidor público somente pode ser afastada em virtude de
sentença judicial transitada em julgado ou mediante processo administrativo no qual se assegure ao servidor a
ampla defesa.
b) Em caso de extinção do cargo, o servidor estável será colocado em disponibilidade com proventos integrais.
c) A lei pode estabelecer limites para as pensões por morte diferentes daqueles existentes para os próprios
vencimentos ou remuneração.
d) Nos termos da Constituição Federal, é lícita, em qualquer hipótese, a acumulação de proventos de aposentadoria
em cargo público com os vencimentos de outro cargo obtido mediante concurso.
e) A Constituição brasileira não admite as formas derivadas de provimento de cargo público.

www.novaapostila.com.br
GABARITO:
01) C 02) B 03) C 04) B 05) A 06) D 07) A 08) D 09) D 10) A
11) B 12) D 13) D 14) C 15) C 16) B 17) D 18) D 19) D 20) A
21) B 22) B 23) B 24) D 25) B 26) B 27) B 28) D 29) B 30) D
31) B 32) D 33) C 34) A 35) B 36) B 37) D 38) B 39) C 40) D
41) A 42) C 43) B 44) D 45) D 46) C 47) B 48) C 49) C 50) B
51) B 52) B 53) D 54) A 55) B 56) C 57) C 58) A 59) C 60) C
61) B 62) A 63) A 64) B 65) A 66) C 67) D 68) B 69) C 70) C
71) B 72) D 73) B 74) D 75) A 76) C 77) C 78) C 79) C 80) D
81) B 82) B 83) C 84) A 85) D 86) B 87) B 88) D 89) D 90) A
91) C 92) B 93) D 94) D 95) D 96) D 97) B 98) C 99) C 100) A
101) C 102) C 103) B 104) C 105) D 106) C 107) D 108) B 109) D 110) D
111) D 112) B 113) A 114) E 115) B 116) C 117) D 118) A 119) C 120) E
127)
121) E 122) A 123) D 124) B 125) E 126) A ANU 128) C 129) D 130) A
131) E 132)A 133) D 134) B 135) A 136) C 137) D 138) B 139) E 140) C
150)
141) B 142) E 143) D 144) C 145) E 146) B 147) A 148) D 149) E ANU
151) C 152) A 153) D 154) E 155) E 156) C 157) D 158) B 159) D 160) A
161) B 162) A 163) B 164) C 165) D 166) B 167) A 168) D 169) C 170) B
173)
171) C 172) A ANU 174) B 175) E 176) C 177) C 178) A 179) D 180) B
181) B 182) D 183) C 184) C 185) E

www.novaapostila.com.br