Você está na página 1de 6

Diocese da Campanha/MG – Ano A – 28 de janeiro de 2017 – Categoria: Festa – Cor: Branca

Dedicação da Catedral
da Campanha
A Diocese é uma porção do povo de Deus, sinal visivel da Igreja universal. A Catedral é a igreja-mãe de todas as igrejas
paroquiais e está em Campanha, onde reside nosso Bispo, Dom Pedro Cunha Cruz. Hoje celebramos a Festa da Dedicação desta
importante igreja, que aconteceu no dia 28 de janeiro de 1957 por Dom Inocêncio Engelke, OFM, nosso segundo Bispo, por
ocasião dos seus cinquenta anos de sacerdócio. Celebrar a Dedicação de nossa Catedral, é celebrar todo o povo de Deus
espalhado por este rincão sulmineiro, guardado sob a proteção da Virgem do Carmo, que caminha guiado por seu pastor
diocesano ao encontro de Cristo Jesus, nosso Senhor.
(Solo) Senhor, Bom Pastor, que conheceis vossas
Ritos Iniciais ovelhas, / tende piedade, / tende piedade, / tende piedade
de nós.
Processional de Entrada (De pé) R/. Piedade de nós,/ piedade de nós./ Tende piedade
(M.: José Procópio-São Gonçalo Sapucaí) de nós!
R/. Que alegria, quando ouvi que me disseram: * (Solo) Ó Cristo, que procurais / a ovelha desgarrada, /
“Vamos à casa do Senhor!” tende piedade, / tende piedade, / tende piedade de nós.
E agora nossos pés já se detêm, *
(Solo) Senhor, que nos conduzis / às pastagens eternas de
Jerusalém, em tuas portas. (Sl121 [122], 1-2)
céu, / tende piedade, / tende piedade, / tende piedade de
Salmo 121 (122) nós.
– 3Jerusalém, cidade bem edificada *
num conjunto harmonioso; Pres.: Deus todo-poderoso tenha compaixão de nós,
4
– para lá sobem as tribos de Israel, * perdoe os nossos pecados e nos conduza à vida eterna.
as tribos do Senhor. (R/.) Ass.: Amém.

– Para louvar, segundo a lei de Israel, * Hino de Louvor


o nome santo do Senhor. Pres.: Glória a Deus nas alturas,
5
– A sede da justiça lá está * (M.: Pe Luis Henrique Eloy e Silva)
e o trono de Davi. (R/.) Glória, glória a Deus nas alturas. (Bis)
1. E paz na terra aos homens por ele amados./ Senhor Rei
– 6Rogai que viva em paz Jerusalém, * dos céus,/ Deus Pai todo-poderoso.
e em segurança os que te amam!
– 7Que a paz habite dentro dos teus muros, * 2. Nós vos louvamos,/ nós vos bendizemos,/ nós vos
tranqüilidade em teus palácios! (R/.) adoramos,/ nós vos glorificamos,/ nós vos damos
graças por vossa imensa glória.
– 8Por amor a meus irmãos e meus amigos, *
peço: 'A paz esteja em ti!' 3. Senhor Deus, Cordeiro de Deus,/ Filho Unigênito,
– 9Pelo amor que tenho à casa do Senhor, * Filho de Deus Pai./ Vós que tirais o pecado do
eu te desejo todo bem! (R/.) mundo,/ acolhei a nossa súplica.
4. Vós que estais à direita do Pai,/ tende piedade, piedade
Acolhida de nós,/ pois só vós sois o Santo.
Pres.: Em nome do Pai e do Filho e do Espírito
Santo. 5. Só Vós o Senhor./ Só vós o Altíssimo, Jesus Cristo./
Ass: Amém. Com o Espírito Santo,/ na Glória de Deus Pai./
Pres.: A graça de Nosso Senhor Jesus Cristo, o amor do Amém.
Pai, e a comunhão do Espírito Santo estejam convosco.
Ass.: Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Oração do Dia
Cristo! Pres.: Oremos: Ó Deus, que chamastes Igreja o vosso
povo, concedei aos que se reúnem em vosso nome temer-
Ato Penitencial vos, amar-vos e seguir-vos até alcançar, guiados por vós,
Pres.: O Senhor Jesus, que nos convida à mesa da
as promessas eternas. Por nosso Senhor Jesus Cristo,
Palavra e da Eucaristia, nos chama à conversão.
vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.
Reconheçamos ser pecadores e invoquemos com
Ass.: Amém.
confiança a misericórdia do Pai.
(M.: Pe Luis Henrique Eloy e Silva)
Liturgia da Palavra
(Sentados)
1ª Leitura (Is 56,1.6-7) segundo João:
(Lecionário III, p. 236, n. 3) Ass.: Glória a vós Senhor
Leitura do Livro do Profeta Isaías. Naquele tempo, a mulher samaritana disse a Jesus:
19
1
Isto diz o Senhor: “Cumpri o dever e praticai a justiça, “Senhor, vejo que és um profeta! 20Os nossos pais
minha salvação está prestes a chegar e minha justiça não adoraram neste monte mas vós dizeis que em Jerusalém é
tardará a manifestar-se. 6Aos estrangeiros que aderem ao que se deve adorar”. 21Disse-lhe Jesus: “Acredita-me,
Senhor, prestando-lhe culto, honrando o nome do Senhor, mulher: está chegando a hora que nem neste monte nem
servindo-o como servos seus, a todos os que observam o em Jerusalém adorareis o Pai. 22Vós adorais o que não
sábado e não o profanam, e aos que mantêm aliança conheceis. Nós adoramos o que conhecemos, pois a
comigo, 7a esses conduzirei ao meu santo monte e os salvação vem dos judeus. 23Mas está chegando a hora, e é
alegrarei em minha casa de oração; aceitarei com agrado agora, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai
em meu altar seus holocaustos e vítimas, pois minha casa em espírito e verdade. De fato, estes são os adoradores
será chamada casa de oração para todos os povos”. que o Pai procura. 24Deus é espírito e aqueles que o
Palavra do Senhor. adoram devem adorá-lo em espírito e verdade”. Palavra
Ass.: Graças a Deus. da Salvação.
Ass.: Glória a vós, Senhor!
Salmo Responsorial
(Salmo 83[84],1-2a;7-8;10-11;12-13) Homilia (Sentados)
(Lecionário III, p. 241, n. 3) Momento de silêncio para meditação pessoal.
R/. Quão amável, ó Senhor, é vossa casa!
– 3Minha alma desfalece de saudades * Oração da Assembléia
e anseia pelos átrios do Senhor! Pres.: Como pedras vivas, edificadas sobre Cristo, pedra
– Meu coração e minha carne rejubilam angular, peçamos a nosso Deus cheios de fé e confiança
e exultam de alegria no Deus vivo! (R/.) em favor de sua amada Igreja:
R/. Lembrai-vos, ó Pai, da vossa Igreja!
= 2Mesmo o pardal encontra abrigo em vossa casa, †
e a andorinha ali prepara o seu ninho, * 1. Pai do céu, que sois o agricultor da vinha que Cristo
para nele seus filhotes colocar: plantou, purificai, guardai e fazei crescer a vossa
– vossos altares, ó Senhor Deus do universo! * Igreja, para que possa se espalhar por todo canto da
Vossos altares, ó meu Rei e meu Senhor! (R/.) terra, vos pedimos:
– 5Felizes os que habitam a vossa casa; * 2. Pastor eterno, protegei e aumentai o vosso rebanho, e
para sempre haverão de vos louvar! derramai as vossas bênçãos sobre o nosso Bispo Dom
– 6aOlhai, ó Deus, que sois a nossa proteção, * Pedro e todo o clero campanhense, para que guiado na
8a
vede a face do eleito, vosso Ungido! (R/.) terra por vossos pastores, possa um dia alcançar os
prados eternos, vos pedimos:
– 11Na verdade, um só dia em vosso templo, *
vale mais do milhares fora dele! 3. Semeador providente, semeai a palavra em vosso
– Prefiro estar no limiar de vossa casa, * campo, para que em nossa diocese surjam santas e
a hospedar-me na mansão dos pecadores! (R/.) piedosas vocações ao Sacerdócio, à vida consagrada e
ministerial, vos pedimos:
Aclamação ao Evangelho (De pé)
4. Sábio construtor, que edificais a vossa Igreja com
R/. Aleluia, aleluia, aleluia!
pedras vivas e escolhidas, concedei que vosso povo
V/. Na minha casa, quem pede, recebe,
espalhado por toda diocese da Campanha dê frutos
e todo o que busca, encontra
abundantes para a vida eterna, vos pedimos:
e a quem bate, abrir-se-lhe-á. (cf. Mt 7,8)
5. Ó Pai eterno que acolheis no paraíso todos aqueles que
Evangelho (Jo 4,19-24) ouviram vosso Filho e puseram em prática a Verdade
(Lecionário III, p. 247, n. 4)
do Evangelho, dai a felicidade eterna a todos os nosso
O Senhor esteja convosco.
Bispos, padres e leigos que doaram suas vidas para a
Ass.: Ele está no meio de nós.
salvação da vossa Igreja em nossa Diocese, vos
Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo, pedimos:
Pres.: Sede propício, ó Deus, às súplicas de vosso povo, Senhor, Pai Santo, Deus eterno e todo-poderoso, por
para que sem demora alcancemos de vossa bondade o Cristo, Senhor nosso. Vós quisestes habitar esta casa de
que, por vossa inspiração, pedimos cheios de fé. Por oração, para nos tornarmos, pelo auxílio contínuo da
nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho na unidade do vossa graça, o templo vivo do Espírito Santo. Dando-lhe
Espírito Santo. vida sem cessar, santificais a Igreja, Esposa de Cristo e
Ass.: Amém. Mãe exultante de muitos filhos, simbolizada pelos
templos visíveis. E, enquanto esperamos a plenitude do
Liturgia Eucarística vosso Reino, com os anjos e com todos os santos, nós
(Sentados) vos aclamamos, jubilosos, cantando (dizendo) a uma só
Apresentação das Oferendas voz:
(L. e M.: Fr. Luiz Turra) Ass.: Santo, Santo, Santo, Senhor Deus do universo!
1. Que maravilha, Senhor, estar aqui! O céu e a terra proclamam a vossa glória.
Sentir-se Igreja reunida a celebrar. Hosana nas alturas.
Apresentando os frutos do caminho, Bendito o que vem é nome do Senhor!
no pão e vinho, ofertas deste altar. Hosana nas alturas!
R/. Bendito sejais por todos os dons! Pres.: Na verdade, vós sois santo, ó Deus do universo, e
Bendito sejais pelo vinho e pelo pão! tudo o que criastes proclama o vosso louvor, porque, por
Bendito, bendito, bendito seja Deus para sempre.(bis) Jesus Cristo, vosso Filho e Senhor nosso, e pela força do
Espírito Santo, dais vida e santidade a todas as coisas e
2. Que grande benção servir nesta missão, não cessais de reunir o vosso povo, para que vos ofereça
missão de Cristo, tarefa do cristão. em toda parte, do nascer ao pôr-do-sol, um sacrifício
Tornar-se Igreja, formar comunidade, perfeito.
ser solidário, tornar-se um povo irmão. Ass.: Santificai e reuni o vosso povo!
3. Que graça imensa viver a mesma fé; Pres.: Por isso, nós vos suplicamos: santificai pelo
ter esperança de um mundo bem melhor; Espírito Santo estas oferendas que vos apresentamos para
Na caridade sentir-se familiares, serem consagradas. A fim de que se tornem o Corpo e
lutando juntos em nome do Senhor. o Sangue de Jesus Cristo, vosso Filho e Senhor nosso,
que nos mandou celebrar este mistério.
Convite à Oração (De pé)
Ass.: Santificai nossa oferenda, ó Senhor!
Pres.: Orai, irmãos e irmãs, para que o nosso sacrifício Pres.: Na noite em que ia ser entregue, ele tomou o pão,
seja aceito por Deus Pai todo-poderoso. deu graças, e o partiu e deu a seus discípulos, dizendo:
Ass.: Receba o Senhor por tuas mãos este sacrifício, TOMAI, TODOS, E COMEI: ISTO É O MEU CORPO
para glória do seu nome, para nosso bem e de toda a QUE SERÁ ENTREGUE POR VÓS.
santa Igreja. Pres.: Do mesmo modo, ao fim da ceia, ele tomou o
Oração sobre as Oferendas cálice em suas mãos, deu graças novamente e o deu a
Pres.: Aceitai, ó Deus, as nossas oferendas e concedei- seus discípulos, dizendo:
nos receber nesta Igreja os frutos dos sacramentos e das TOMAI, TODOS, E BEBEI: ESTE É O CÁLICE DO
preces. Por Cristo nosso Senhor. MEU SANGUE, O SANGUE DA NOVA E ETERNA
Ass.: Amém. ALIANÇA, QUE SERÁ DERRAMADO POR VÓS E
POR TODOS, PARA A REMISSÃO DOS PECADOS.
ORAÇÃO EUCARÍSTICA III FAZEI ISTO EM MEMÓRIA DE MIM.
V/ . O Senhor esteja convosco. Pres.: Eis o mistério da fé!
R/ . Ele está no meio de nós. Ass.: Salvador do mundo salvai-nos,
V/ . Corações ao alto. vós que nos libertastes
R /. O nosso coração está em Deus. pela cruz e ressurreição!
V/ . Demos graças ao Senhor, nosso Deus. Pres.: Celebrando agora, ó Pai, a memória do vosso
R/ . É nosso dever e nossa salvação. Filho da sua paixão que nós salva, da sua gloriosa
(Pref. Ded. Igreja II- Esposa de Cristo e templo do Espírito Santo)
ressurreição e da sua ascensão ao céu, e enquanto
Pres.: Na verdade, é justo e necessário, é nosso dever e esperamos a sua nova vinda, nós vos oferecemos em
salvação dar-vos graças, sempre e em todo o lugar, ação de graças este sacrifício de vida e santidade.
Ass.: Recebei, ó Senhor, a nossa oferta! os perigos, enquanto, vivendo a esperança, aguardamos a
Pres.: Olhai com bondade a oferenda da vossa Igreja, vinda do Cristo salvador.
reconhecei o sacrifício que nos reconcilia convosco e Ass.: Vosso é o reino, o poder e a glória para sempre!
concedei que, alimentando-nos com o Corpo e Sangue do Pres.: Senhor Jesus Cristo, dissestes aos vossos
vosso Filho, sejamos repletos do Espírito Santo e nos apóstolos: "Eu vos deixo a paz, eu vos dou a minha paz".
tornemos um só corpo e um só espírito. não olheis os nossos pecados, mas a fé que anima a vossa
Ass.: Fazei de nós um só corpo e um só espírito! Igreja; dai-lhe a paz e a unidade. Vós que sois Deus, com
Pres.: Que ele faça de nós uma oferenda perfeita para o Pai e o Espírito Santo.
alcançarmos à vida eterna com os vossos santos: a Ass.: Amém!
Virgem Maria, Mãe de Deus, São José seu esposo, os
vossos Apóstolos e Mártires, N. (Santo do dia ou
Saudação da Paz
patrono) e todos os vossos, que não cessam de interceder Pres.: A paz do Senhor esteja sempre convosco!
por nós na vossa presença. Ass.: O amor de Cristo nos uniu!
(Se for oportuno, o pres. convida para o abraço da paz.)
Ass.: Fazei de nós uma perfeita oferenda!
Pres.: E agora, nós vos suplicamos, ó Pai, que este
Cordeiro de Deus
sacrifício da nossa reconciliação estenda a paz e a Ass.: Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo,
salvação ao mundo inteiro. Confirmai na fé e na caridade tende piedade de nós!
a vossa Igreja, enquanto caminha neste mundo: o vosso Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo,
servo, o Papa N., o nosso Bispo N., com os bispos do tende piedade de nós!
mundo inteiro, o clero e todo o povo que conquistastes. Cordeiro de Deus que tirais o pecado do mundo,
Ass.: Lembrai-vos, ó Pai, da vossa Igreja! dai-nos a paz!
Pres.: Atendei às preces da vossa família, que está aqui Pres.: Eu sou o pão vivo que desceu do céu se alguém
na vossa presença. Reuni em vos Pai de misericórdia, come deste pão viverá eternamente! Eis o Cordeiro de
todos os vossos filhos e filhas dispersos no mundo Deus que tira o pecado do mundo.
inteiro. Ass.: Senhor, eu não sou digno de que entreis em
Ass.: Lembrai-vos, ó Pai, dos vossos filhos! minha morada, mas dizei uma palavra e serei salvo!
Pres.: Acolhei com bondade no vosso reino os nossos Canto da Comunhão - I
irmãos e irmãs que partiram desta vida e todos os que (L. e M.: José Procópio-São Gonçalo Sapucaí)
partiram desta vida e todos os que morreram na vossa R/. Feliz és tu se temes o Senhor
amizade. Unidos a eles, esperamos também nós e trilhas seus caminhos, e trilha seus caminhos,
saciarmos eternamente da vossa glória, por Cristo, e trilhas seus caminhos – ó Senhor!
Senhor nosso. Sl 127 [128], 2.3.4.5.6)
Ass.: A todos saciais com a vossa glória! – 2Do trabalho de tuas mãos hás de viver, *
Pres.: Por ele dais ao mundo todo bem e toda a graça. serás feliz, tudo irá bem! (R/.)
Pres.: Por Cristo, com Cristo, em Cristo, a vós, Deus Pai
todo poderoso, na unidade do Espírito Santo, toda a – 3A tua esposa é uma videira bem fecunda *
honra e toda a glória, agora e para sempre. no coração da tua casa; (R/.)
Ass.: Amém!
– os teus filhos são rebentos de oliveira *
Rito da Comunhão ao redor de tua mesa. (R/.)

Pai Nosso – 4Será assim abençoado todo homem *


Pres.: O Senhor nos comunicou o seu Espírito. Com a que teme o Senhor. (R/.)
confiança e a liberdade de filhos e filhas, digamos – 5O Senhor te abençoe de Sião, *
(cantemos) juntos: cada dia de tua vida; (R/.)
Ass.: Pai nosso...
Pres.: Livrai-nos, de todos os males, ó Pai, e dai-nos – para que vejas prosperar Jerusalém*
hoje a vossa paz. Ajudados pela vossa misericórdia, 6
e os filhos dos teus filhos. (R/.)
sejamos sempre livres do pecado e protegidos de todos
– Ó Senhor, que venha a paz a Israel, *
que venha a paz ao vosso povo! (R/.) Unidos, vamos tornar-te/ a casa da Comunhão.

Canto da Comunhão - II 2. Neste rincão sul mineiro/ ela tem dado bons frutos:
(L. e M.: Pe. José Weber) Padre Vítor, Nhá Chica,/ de Deus, venerados Servos.
R/. Nós somos muitos, mas formamos um só corpo, Nosso compromisso segue:/ evangelizar a todos:
que é o Corpo do Senhor, a sua Igreja, Pelo diálogo, no serviço,/ no anúncio e testemunho.
pois todos nós participamos do mesmo pão da unidade,
que é o Corpo do Senhor, a Comunhão.
1. O pão que reunidos repartimos
É a nossa participação do Corpo do Senhor.
2. O Cálice por nós abençoado
É a nossa comunhão no Sangue do Senhor.
3. À ordem do Senhor obedecendo,
Celebramos a memória da nossa redenção.
4. Da Ceia do Senhor participando,
Pelo Espírito seremos unidos num só corpo.
5. Seu Corpo e seu Sangue comungando,
Sua morte anunciamos, até que Ele venha.
Momento de silêncio para oração pessoal.

Oração depois da Comunhão (De pé)


Pres.: Oremos: Ó Deus, que nos deste a Igreja neste
mundo como imagem da Jerusalém celeste, concedei que
por esta comunhão sejamos templos da vossa graça e
habitemos um dia em vossa glória. Por Cristo, nosso
Senhor.
Ass.: Amém.

Ritos Finais
Benção Final
Pres.: O Senhor esteja convosco!
Ass.: Ele está no meio de nós.
Pres.: Abençoe-vos o Deus todo-poderoso, Pai e Filho
e Espírito Santo.
Ass.: Amém.
Pres.: A alegria do Senhor seja a vossa força; ide em paz
e o Senhor vos acompanhe.
Ass.: Graças a Deus!

Canto Final
(L.: Dom Diamantino Prata de Carvalho,Ofm e
M.: Débora Cavalher)
1. O Povo de Deus celebra,/ a Diocese centenária.
Reconhecido dá graças/ ao Pai de todos os dons.
Cem anos já são passados/ foi a oito de setembro
Pio Décimo criou/ a Diocese da Campanha.
R/. Salve, Igreja de Cristo,/ neste altaneiro rincão. /