Você está na página 1de 29
VALE FERTILIZANTES AVALIAÇÃO PRATICA Escola SENAI “Hessel Horácio Cherkassky”

VALE FERTILIZANTES

AVALIAÇÃO PRATICA

VALE FERTILIZANTES AVALIAÇÃO PRATICA Escola SENAI “Hessel Horácio Cherkassky”

Escola SENAI

“Hessel Horácio Cherkassky”

Diagnóstico dos Operadores

O projeto tem como

objetivo analisar o nível de maturidade da equipe

operacional e aperfeiçoar conforme os resultados

apurados.

Temos como priore a

qualificação do nosso

capital humano e para

alcançar os nossos

objetivos, teremos três

etapas distintas:

Avaliação Teórica;

Avaliação Pratica;

Treinamento.

Avaliação teórica.

Momento ao qual é apresentado questões

para analise de conhecimento de nível acadêmico.

Avaliação teórica. Momento ao qual é apresentado questões para analise de conhecimento de nível acadêmico.

Avaliação Pratica.

Momento ao qual é submetido a executar

uma das suas atribuições diárias em campo.

Avaliação Pratica. Momento ao qual é submetido a executar uma das suas atribuições diárias em campo.

Avaliação Pratica.

Neste momento teremos uma ferramenta que ira auxiliar o Avaliador durante a atividade proposta.

Avaliação Pratica. Neste momento teremos uma ferramenta que ira auxiliar o Avaliador durante a atividade proposta.

Avaliação Pratica.

Critérios de avaliação

Os níveis de maturidade estão baseados no CHA:

Conhecimento; saber, aspectos teóricos.

Habilidade; saber realizar, aspectos técnicos.

Atitude; querer realizar, aspectos comportamentais.

Avaliação Pratica.

Critérios de avaliação

Nota Qualificação Conhecimento Habilidade Atitude NA Não se aplica Não se aplica Não se aplica
Nota
Qualificação
Conhecimento
Habilidade
Atitude
NA
Não se aplica
Não se aplica
Não se aplica
Não se aplica
Não demonstra
Não demonstra
Não demonstra
DESCONHE
conhecimento
habilidade na
00
CE
para a execução
da tarefas.
execução de sua
tarefa.
interesse pela
tarefa, área e
empresa onde
atua.
Frequentemente
espera que o
diga/instrua o
que fazer.

Avaliação Pratica.

Nota Qualificação Conhecimento Habilidade Atitude Demonstra pouco Conhece de forma interesse pela tarefa, muito
Nota
Qualificação
Conhecimento
Habilidade
Atitude
Demonstra pouco
Conhece de forma
interesse pela tarefa,
muito limitada os
conceitos que
área e empresa
onde atua.
GAP
sustentam a plena
Frequentemente
01 SIGNIFICATI
espera e/ou
VO
execução de suas
tarefas. Conhece de
necessita ser
forma muito limitada
orientado e
suas
responsabilidades.
Realiza tarefas
muito abaixo da
qualidade
necessária e
frequentemente
utiliza mais tempo
do que previsto e/ou
gera retrabalho.
Possui um
entendimento muito
básico do que deve
fazer e precisa de
direcionamento
supervisionado
quanto ao que/e
como fazer.
constante para
execução das
atividades.

Avaliação Pratica.

Nota Qualificação Conhecimento Habilidade Atitude Realiza tarefas sem a qualidade Demonstra interesse Conhece de
Nota
Qualificação
Conhecimento
Habilidade
Atitude
Realiza tarefas sem
a qualidade
Demonstra interesse
Conhece de forma
necessária e
limitada os conceitos
,normalmente, utiliza
pela tarefa, área e
empresa onde atua.
que sustentam a
mais tempo do que
Frequentemente
EM
02 DESENVOLVI
plena execução de
suas tarefas.
previsto e/ou gera
retrabalho. Entende
espera e/ou
necessita ser
MENTO
Conhece de forma
o que deve fazer,
orientado e
limitada suas
responsabilidades.
mas ainda precisa
de auxílio na
supervisionado
quanto ao que/e
execução e
como fazer.
supervisão direta.

Avaliação Pratica.

Nota Qualificação Conhecimento Habilidade Atitude habilidade técnica para o cargo/ 03 ATENDE Possui
Nota
Qualificação
Conhecimento
Habilidade
Atitude
habilidade técnica
para o cargo/
03 ATENDE
Possui
conhecimento
técnico para o cargo/
função. Conhece
seu papel e
responsabilidades e
sabe qual
ferramenta é
indicada para cada
tarefa.
Demonstra
função.
Utiliza as
ferramentas,
processos de
trabalho e sistemas
de forma indicada
para cada tarefa
Demonstra muito
interesse pela tarefa,
área e empresa
onde atua. Se
informa sobre
resultados e
desafios de sua área
e empresa e busca
melhorar suas
entregas. Atua com
autonomia e busca
auxilio quando se
depara com
dificuldades.

Avaliação Pratica.

Nota Qualificação Conhecimento Habilidade Atitude Tem conhecimentos técnicos exigidos Demonstra Demonstra
Nota
Qualificação
Conhecimento
Habilidade
Atitude
Tem conhecimentos
técnicos exigidos
Demonstra
Demonstra interesse
habilidades técnicas
pela tarefa, área e
para o cargo/função.
exigidas para o
empresa onde atua.
Aplica e tem
capacidade cognitiva
cargo/função. Utiliza
com presteza e
Compartilha,
multiplica e forma
que lhe favorece e
qualidade
opiniões mostrando
desenvolve de forma
eficiente o
ferramentas,
processos de
e apoiando os
colegas para os
conhecimento
trabalho e sistemas
resultados e
04
SUPERA
adquirido nos
processos de acordo
operacionais. Além
disso consegue
desafios de sua área
e empresa e busca
com a sua área de
aplicar outros
melhorar entregas.
atuação. Demonstra
métodos e técnicas
para melhoria dos
Atua com autonomia
aplicar e aprender
e propõe soluções.
com facilidade
resultados a serem
conceitos correlatos
ou contributivos para
alcançados.
seu trabalho.

Avaliação Pratica.

Nota Qualifica Conhecimento Habilidade Atitude ção É referencia técnica Apresenta Reconhecidamente dentro da
Nota
Qualifica
Conhecimento
Habilidade
Atitude
ção
É referencia técnica
Apresenta
Reconhecidamente
dentro da sua área de
capacidade distinta
um referencial para
conhecimento. Exerce
as equipes, clientes
naturalmente liderança
no que diz respeito a
sua capacidade para
e gestores, gerando
técnica entre os seus
transformar
valor para o negócio
pares, os auxiliando com
seu conhecimento e
conceitos em
processos e
e para as relações.
Exerce uma atuação
habilidades. Através de
resultados
sistêmica,
MELHORA
seu domínio e
diferenciados.
alavancando os
05
INOVA
experiência, contribui
Cria/inova
resultados de forma
para alto padrão de
processos,
colaborativa,
serviços em sua equipe.
Pensamento criativo e
ferramentas e
sistemas de trabalho
promove e garante a
disseminação do
inovador trazendo para a
que podem ser
conhecimento nas
área resultados
diferenciados. Introduz
aplicados a sua área
e a outras similares.
diversas áreas
envolvidas.
novas tecnologias ou
técnicas no trabalho.

Avaliação Pratica.

Desafio:

Determine quais a solicitações devem ser analisadas, reconhecidas

e realizadas durante a partida, parada e/ou simulado do equipamento proposto ou do processo sugerido, seguindo as instruções técnicas de trabalho e procedimentos operacionais da empresa;

Situação a ser analisada :

Transferência do operador para uma nova planta

e procedimentos operacionais da empresa; Situação a ser analisada : Transferência do operador para uma nova

Avaliação Pratica.

Critérios de avaliação

01 - Reconhece o processo e o objetivo do procedimento

operacional apresentado?

Pratica. Critérios de avaliação 01 - Reconhece o processo e o objetivo do procedimento operacional apresentado?

Avaliação Pratica.

Critérios de avaliação

PTP 0150 75 001

PRODUÇÃO DE ACIDO FOSFÓRICO E FLUO SILÍCICO

O Ácido Fosfórico é um composto químico de fórmula molecular H 3 PO 4 . É o ácido de fósforo mais importante e o derivado do fósforo comercialmente responsável pela maior parte da rocha fosfática que é extraída.

A produção do Ácido Fosfórico se dá através do ataque do

concentrado fosfático a 70% de sólidos com Ácido Sulfúrico, desta reação

obtemos Ácido Fosfórico diluído e fosfogesso.

As unidades de concentração de ácido fosfórico têm como finalidade elevar o teor de P 2 O 5 do Ácido Fosfórico diluído através da evaporação de parte da água presente no ácido.

Avaliação Pratica.

Critérios de avaliação

02 - Conhece e solicita as referências pertinentes ao processo

operacional como a Planilha de Gerenciamento de Riscos,

Manual de Operação da Planta entre outros?

Planilha de Gerenciamento de Riscos;

Manual de Operação da Planta Ácido Sulfúrico;

INS 041 Instrução para Requisitos de Atividades Críticas;

PRO-0005-75-026 - Planilhas de Registro de Informações

Operacionais de Processo.

PGS-0001-46-001 Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos Industriais

Política do Sistema Integrado de Gestão

Avaliação Pratica.

Critérios de avaliação

03 - Descreve os RISCOS presentes no procedimento e MEDIDAS DE CONTROLE a serem tomadas?

Avaliação Pratica.

 
 

PERIGO / ASPECTO

PERIGO / ASPECTO

RISCO / IMPACTO

MEDIDAS CONTROLE

Contato com produto químico

Queimadura

Uso correto dos EPI´s / RAC 10

Postura inadequada

Doença ocupacional

Atenção e postura correta

Exposição linhas alta pressão

Danos integridade física

Atenção, seguir procedimentos

Exposição gases

Intoxicação/asfixia

Atenção, usar máscaras

Ruído

Doença ocupacional

Uso protetor auricular qdo aplicável

Exposição partes móveis/rotativas

Escoriação, lesão grave/contusão

Seguir normas segurança / RAC 4

Trabalho nível elevado

Danos a integridade física

Seguir normas segurança / RAC 1

Incêndio

Queimadura /intoxicação /

Atenção, seguir normas segurança

Exposição ao calor

Danos a integridade física

Usar creme protetor / EPI´s

Consumo energia / água

Esgotamentos recursos hídricos

Usar recursos de forma racional

Emissão gases / vapores

Alteração da qualidade do ar

Seguir as normas de operação

Geração efluentes hídricos

Alteração qualidade do solo/água

Seguir as normas de operação

Geração efluentes sólidos / óleo

Alteração qualidade do solo/água

Seguir as normas de operação

Contato superfície quente

Danos a integridade física

Danos a integridade física

Seguir as normas de operação/EPI´s

Avaliação Pratica.

Critérios de avaliação

04 - Esta paramentado de acordo com os RISCOS presentes

no processo?

.

capacete

.

máscara para pó

.

óculos ampla visão, se aplicável

.

uniforme completo

.

luvas de couro

.

botas PVC, se aplicável

.

botina com biqueira aço

.

óculos segurança padrão

.

luvas PVC, se aplicável

.

protetor auricular

.

macacão ty-veck, se aplicável

.

cinto de segurança, se aplicável

Avaliação Pratica.

Critérios de avaliação

05 - Verificou as etapas antecessoras ao processo estão de acordo?

Verificar se todas as válvulas de alimentação de ácido para as

torres: final, secagem e intermediária estão abertas. Verificar se as válvulas de by-pass quente de ácido, TV 2040 e TV 2045, estão

fechadas, válvulas de drenos dos trocadores e linhas fechadas,

verificar o alinhamento dos trocadores de calor para o sistema e se a exportação de ácido para o Fertilizantes está bloqueada.

Avaliação Pratica.

Critérios de avaliação

06 Reconhece os equipamentos envolvidos no processo como?

Avaliação Pratica. Critérios de avaliação 06 – Reconhece os equipamentos envolvidos no processo como?

Avaliação Pratica.

Critérios de avaliação

07 - Descreve o funcionamento e a importância dos equipamentos no processo de obtenção do produto final?

As bombas de água da torre estão ligadas a os trocadores de calor do circuito de ácido, TQ 401, 402, 403 e 404 . Serve para manter o nível do TN-401, este deve ser maior que 40% e na dúvida fazer medição física e o valor deve ser maior que 1,40 m. O

ideal é trabalhar na faixa de nível de 50% a 55 %. Nível maior que 60%, no caso de trip geral, há risco de transbordo de ácido para o

dique.

Avaliação Pratica.

Critérios de avaliação

08 - Apresenta os tipos de energia presente no processo produtivo?

ELÉTRICA;

MECANICA;

QUÍMICA;

TÉRMICA;

PNEUMÁTICA;

HIDRÁULICA;

Avaliação Pratica.

Critérios de avaliação

09 - Descreve e realiza a sequência das etapas de operação corretamente?

Operação de Produção de Ácido Sulfúrico e Estocagem

Operação de Produção de Ácido Sulfúrico e Estocagem
Operação de Produção de Ácido Sulfúrico e Estocagem

Nº: PRO-0005-75-012

Classificação: Uso interno

Classificação: Uso interno

Pág.: 5 de 6

Rev.: 01-

29/04/2015

Avaliação Pratica.

Critérios de avaliação

10 - Realiza o acompanhamento ao decorrer do processo em perfeito funcionamento conforme valores de emissão atmosférica e valores de produção conforme projeto?

SISTEMA DE GESTÃO DA QUALIDADE

Variável de Processo

Parâmetro

Ajuste

Ação Tomada

Operacional

Operacional

Temperatura do reator

   

Aumentar ou diminuir a velocidade do CB-

15/16/1801

(RE 15/16/1801)

Temperatura do reator (RE 1701) (Leitura

Micro)

81ºC a 84ºC

SI-15/16/1805

-

76º C a

Aumentar ou diminuir a pressão no Flash Cooler

(EV-1702)

79,5ºC

PV-1702

Avaliação Pratica.

Critérios de avaliação

11 - Ao finalizar a atividade, manteve a área organizada conforme programa 5S? Encerrou todos os controles do processo e documentos pertinente atividade?

Questões 12 e 13 são para se houver a necessidade de

complementar a atividade pratica, este procedimento fica a

critério do avaliador.

Avaliação Pratica.

Critérios de avaliação

As informações mais importantes ao qual o AVALIADOR deve preencher se encontra no campo de OBSERVAÇÕES, pois, é nesse campo que consiste os dados do PROCESSO utilizado

na avaliação pratica e os GAPs apresentados pelo AVALIADO

para traçarmos a melhor estratégia de treinamentos e e

alcançarmos a nossa meta de nivelamento operacional.

Treinamento

Período de adequação.

Treinamento Período de adequação.

Avaliação Pratica.

Avaliação Pratica.