Você está na página 1de 44

Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

Capítulo 1
Introdução A Uma Vida Justa
Curso Bíblico Internacioanal
Esta é a segunda apostila de uma série de quatro, contendo
comentários para aqueles que acompanharam a transmissão dos
estudos da Carta de Paulo aos Romanos, versículo por versículo.
Caso você queira fazer um estudo autodidata ou dirigir um grupo de
estudos do Livro de Romanos, vai precisar de toda a seqüência desta
série de apostilas. Se você não possui a primeira apostila e deseja ter
a série completa, entre em contato conosco e nós a enviaremos.
No estudo feito pelo rádio, estudamos a Carta aos Romanos
CARTA DE PAULO AOS ROMANOS versículo por versículo. Nesta série, porém, estamos fazendo de
VERSÍCULO POR VERSÍCULO outra maneira. Na primeira apostila enfocamos os quatro primeiros
(Segunda Parte) capítulos da carta e nesta enfocaremos os capítulos 5 a 8 dessa obra
prima teológica de Paulo.
Apostila no 30 Nos quatro primeiros capítulos da carta, Paulo fala da
justificação para o pecador e concluiu que todos somos pecadores.
Depois de dar esta má notícia, ele anunciou as Boas Novas de que
Romanos 5 - 8 Deus justificou e declarou justo todo aquele que crer quando lhe é
revelado tudo o que Deus fez por nós através de Jesus Cristo. A
conclusão dos quatro primeiros capítulos desta carta está no primeiro
versículo do capítulo 5: “Tendo sido, pois, justificados pela fé, temos
paz com Deus, por nosso Senhor Jesus Cristo”.
Nos quatro capítulos seguintes Paulo fala da justificação para
aqueles que foram declarados justos por terem fé no sacrifício de
1
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

Jesus Cristo na cruz. Os pecadores que foram declarados justos por atuando em nós e através de nós” é “charisma”.
Deus não podem mais viver como pecadores. Como conseguimos
isso? Será que quando cremos em Cristo como nosso Salvador nossa Graça Maravilhosa
natureza pecaminosa é retirada de nós? Onde encontramos a força Da pena do apóstolo Paulo veio outro versículo maravilhoso
para viver de maneira justa e correta? Paulo começa a responder a sobre graça: “E Deus é poderoso para fazer que lhes seja
essa pergunta no segundo versículo do capítulo 5: “... por meio de acrescentada toda graça, para que, em todas as coisas, em todo o
quem obtivemos acesso pela fé a esta graça na qual agora estamos tempo, tendo tudo o que é necessário, vocês transbordem em toda
firmes; e nos gloriamos na esperança da glória de Deus”. Pela fé boa obra” (II Coríntios 9:8). As palavras foram sublinhadas com o
somos justificados através de Jesus Cristo e pela fé temos acesso à propósito de serem destacadas. Este é o versículo sobre graça mais
graça que nos possibilita ficar firmes e com Jesus Cristo. Quando enfático de toda a Bíblia que Deus deixou registrado para o Seu
aprendemos essa verdade, continuamos vivemos neste mundo, mas povo.
agora livres da escravidão do pecado; passamos a viver uma vida que De acordo com Paulo, Deus é poderoso para manifestar toda
glorifica a Deus. graça; não apenas um pouquinho de graça; Ele nos faz abundar em
No resumo que fizemos do primeiro estudo deste livro, graça, não dar em conta-gotas; dá, não apenas para o pastor, ou o
comentamos sobre os dois fatos do Evangelho: a morte e a missionário, mas para você, para todos, e Paulo enfatizou: para que
ressurreição de Jesus Cristo. Pela fé no primeiro fato do Evangelho vocês sempre e não de vez em quando, tendo toda a suficiência e não
somos justificados e reconciliados com Deus e temos paz com Ele. apenas um pouquinho, em todas as coisas e não apenas em algumas
Ao escrever que temos acesso pela fé à graça, Paulo nos leva a coisas, sejam abundantes e não escassos em toda boa obra, não
colocarmos nossa fé no segundo fato do Evangelho, a ressurreição de apenas em algumas coisas.
Jesus Cristo. Resumindo, toda graça, em todas as coisas, em todo o tempo,
A palavra usada por Paulo no original grego e traduzida aqui tendo tudo o que é necessário, transbordando em toda boa obra que
por “graça” é “charis”. A graça de Deus não é apenas o favor e a Deus quer fazer através de você! A igreja do Novo Testamento virou
bênção de Deus que não merecemos nem conseguimos com nossos o mundo de cabeça para baixo porque creu e viveu a verdade que
próprios esforços. A graça de Deus é a vida e o poder de Deus em Paulo proclamou neste versículo sobre a maravilhosa graça de Deus.
ação em nós e através de nós. A palavra grega usada para a “graça
2
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

Essa Graça Está Disponível Para os Crentes de Hoje? na esperança de viver de maneira que glorifiquem a Deus. Isso
Certa vez ouvi do teólogo A.W. Tozer o seguinte comentário: introduz o tema dos próximos quatro capítulos, que falam
“Temos lido a respeito da igreja do Novo Testamento e como é essencialmente de como pecadores que foram declarados justos
inevitável fazemos comparações com as igrejas de hoje. Por vezes podem ter acesso à graça de Deus, para viverem de maneira que O
pensamos: Será que devemos achar que Deus é culpado ‘de glorifiquem.
propaganda enganosa’, por causa de tudo que Ele anunciou sobre a
igreja no Novo Testamento?” Como explicar o marasmo das igrejas Alegria No Sofrimento
de hoje diante de todos os superlativos usados por Paulo nesses Paulo falou sobre outra maneira de acessar a graça de Deus
versículos de Romanos, capítulo cinco? quando exortou os crentes de Roma, a você e a mim, a nos
Certa vez um pastor disse o seguinte para sua igreja, que alegrarmos no sofrimento. Mas por que ele nos exortou a nos
ouvia apática um dos seus sermões: “Quando o Senhor voltar, esta alegrarmos no sofrimento? E o que tem a ver, alegrar-se no
igreja será a primeira a ser arrebatada. Sabem por que? Porque o sofrimento, com acessar a graça de Deus?
Novo Testamento afirma que ‘os mortos em Cristo vão ressuscitar Paulo afirmou que devemos nos alegrar no sofrimento porque
primeiro’!”. às vezes Deus usa o nosso sofrimento para nos levar a acessar a graça
Deus nos disse através do apóstolo Paulo: “Minha graça é descrita e prescrita conforme escreveu aos Coríntios. Essa graça está
suficiente para você”. Diante de toda esta “anemia” em que muitas disponível para todo discípulo verdadeiro de Jesus Cristo.
igrejas se encontram hoje, poderíamos perguntar: “Isso é falso ou Como você acha que Deus se sente quando nos vê lutando
verdadeiro?” O que concluímos é que essa graça hoje está para vivermos neste mundo como deveríamos viver, sendo que Ele já
disponível, mas não está sendo acessada. Será que é por não providenciou um caminho para acessarmos toda graça que
sabermos acessá-la ou será que não cremos mais nela? precisamos e não o fazemos? Depois de afirmar que podemos
Paulo inicia esta secção da carta escrevendo que aqueles que acessar a graça de Deus pela fé, Paulo exortou, pela segunda vez, a
foram declarados justos podem viver como tais, se tiverem fé para nos alegrarmos, mostrando outra maneira para acessarmos a graça de
acessar a graça de Deus. De acordo com Paulo, se essas pessoas Deus. Devemos acessá-la nos alegrando, porque a graça de Deus nos
tiverem fé e souberem acessar essa graça, poderão se manter firmes prepara para glorificá-lO, vivendo justamente; e devemos nos alegrar
em Cristo e para Cristo neste mundo pecador e depois se alegrarem porque Deus usa o sofrimento para nos fazer uma oferta irrecusável.
3
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

Existem níveis de sofrimento que simplesmente não podemos Paulo disse aos filipenses que orassem para que ele fosse
suportar sem a graça de Deus. Quando atingimos um limite além das libertado da prisão e isso aconteceu. Mas Paulo tinha um problema
nossas forças, Deus derrama Sua graça. Devemos nos alegrar pelo que ele mesmo chamou de “espinho na carne”. Três vezes Paulo
sofrimento que nos leva a conhecer a graça de Deus. Paulo descreve pediu a Deus que o livrasse desse problema, mas Deus lhe respondeu
este processo nos versículos seguinte: “Não só isso, mas também nos que não faria isso, porém lhe daria a Sua graça para que ele o
gloriamos nas tribulações, porque sabemos que a tribulação produz pudesse suportar (cf. II Coríntios 12:7-10). Paulo tinha aprendido
perseverança; a perseverança, um caráter aprovado; e o caráter por experiência própria o que estava ensinando aos romanos.
aprovado, esperança. E a esperança não nos decepciona, porque Eu estou convencido de que esse “espinho na carne” era um
Deus derramou seu amor em nossos corações, por meio do Espírito problema de saúde, porque estudando a carta aos gálatas percebemos
Santo que ele nos concedeu” (3-5). que Paulo tinha uma deficiência na sua visão, que é mencionada por
Paulo fala, nestes versículos, que a vontade de Deus jamais ele e que causava uma má impressão tão grande em quem o olhasse,
nos levará para onde a graça de Deus não pode nos manter. Pelo a ponto de cuspirem e terem ânsia, aqueles que o viam.
contrário, a vontade de Deus sempre nos leva para onde, apenas a Quando ele chegou na Galácia pela primeira vez, foi proibido
graça de Deus nos pode manter. Essa verdade é sempre reavivada pelo Espírito de entrar na Ásia. Neste ponto da sua viagem
durante a tribulação ou o sofrimento. Paulo escreveu que a missionária Paulo passou a ser acompanhado por seu querido amigo
“tribulação produz...”. Quando não suportamos mais o sofrimento e e médico Lucas, que estava escrevendo o Livro de Atos e que a partir
clamamos a Deus por uma medida de graça, uma virtude espiritual daí, deixou de usar o pronome “eles” na narração dos fatos
chamada “perseverança” é produzida em nós. A palavra grega relacionados a Paulo, passou a usar o pronome “nós” (cf. Gálatas
traduzida para “perseverança” é “hupo-mone”, que é a junção destas 4:15, 6:11; Atos 9:8, 18; 16:6, 10).
duas palavras, “suportar” e “sob”. Segundo Paulo é assim que funciona: quando Deus nos dá a
Existem momentos em que nos encontramos em dificuldade e graça para lidarmos com algum problema, adquirimos perseverança
quando clamamos a Deus por libertação, Ele nos livra. Mas há que se torna um fator vital para aquele que está em Cristo. Uma
outros momentos em que Ele não tira a dificuldade, porém, nos dá a laranja só é uma laranja depois de ter permanecido na laranjeira por
graça para suportarmos firmes a pressão e o estresse causados por algum tempo, ter-se desenvolvido e amadurecido. De acordo com
essa dificuldade. Paulo, esse nível especial de perseverança produz em nós um caráter
4
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

e o caráter produz esperança. A seguir Paulo afirma que “a Espírito Santo que ele nos concedeu” (Romanos 5:5). Jesus também
esperança não nos decepciona” (Romanos 5:5). Isso quer dizer que falou sobre este assunto no Sermão do Monte, na última bem-
um discípulo com o seu caráter provado não vai abandonar “o barco” aventurança: “Bem-aventurados os perseguidos por causa da justiça,
como fez João Marcos, que na sua primeira viagem missionária pois deles é o Reino dos céus” (Mateus 5:10).
voltou para casa por causa da perseguição (cf. Atos 15:37-40). Você entende agora porque Paulo disse que devemos nos
Durante uma visita que fiz em 1977, a missionários que alegrar na tribulação? O sofrimento produz perseverança, a
trabalhavam numa região entre o Paquistão e o Afeganistão, aprendi perseverança um caráter aprovado, e um caráter aprovado produz
que uma das qualidades mais importantes que um líder busca no seu esperança, ou a paciência necessária que nos faz agüentar o passar
grupo de missionários é a “perseverança” – a capacidade de dos dias e o sofrimento, e não nos deixa desistir de onde fomos
permanecer onde Deus colocou. Será que você participaria de um estrategicamente posicionados pelo Cristo Vivo e Ressurreto, a fim
trabalho missionário como médico ou enfermeiro ou engenheiro, de brilhar no meio deste mundo de trevas. Depois Deus enche o Seu
numa cultura estranha, durante 15, 20 ou 25 anos? Será que sua vida discípulo com o Seu amor, que é o fruto e a evidência do controle do
seria uma fragrância de Cristo e uma declaração irrefutável do Espírito Santo em sua vida.
Evangelho de Jesus Cristo para aqueles que são hostis a Cristo e a “De fato, no devido tempo, quando ainda éramos fracos,
Seus seguidores? Cristo morreu pelos ímpios. Dificilmente haverá alguém que morra
As organizações missionárias buscam candidatos que tenham por um justo, embora pelo homem bom talvez alguém tenha coragem
essa qualidade em seu caráter, porque sabem que para ser um de morrer. Mas Deus demonstra seu amor por nós: Cristo morreu
missionário transcultural frutífero é necessário ter perseverança. A em nosso favor quando ainda éramos pecadores. Como agora fomos
maioria dos trabalhos missionários não consistem em pregar, mas em justificados por seu sangue, muito mais ainda, por meio dele,
viver como Cristo em um contexto cultural diferente, até que as seremos salvos da ira de Deus! Se quando éramos inimigos de Deus
pessoas que você deseja alcançar vejam Cristo em você (cf. 2 fomos reconciliados com ele mediante a morte de seu Filho, quanto
Coríntios 4:11). mais agora, tendo sido reconciliados, seremos salvos por sua vida!
Paulo descreveu a experiência de um discípulo que foi testado Não apenas isso, mas também nos gloriamos em Deus, por meio de
e aprovado pela perseguição: “E a esperança não nos decepciona, nosso Senhor Jesus Cristo, mediante quem recebemos agora a
porque Deus derramou seu amor em nossos corações, por meio do reconciliação”.(Romanos 5: 6-11)
5
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

Paulo volta rapidamente ao primeiro fato do Evangelho, ao das Escrituras. Mais uma vez fico em débito com David Stuart
escrever que o amor de Deus é extraordinário, porque Deus Brisco. Vamos usar agora este resumo brilhante que ele fez dessa
demonstrou Seu amor por nós na morte de Cristo e através da morte passagem tão importante, que contém a essência teológica da Igreja
de Cristo, mesmo sendo nós pecadores e Seus inimigos. Deus nos do Novo Testamento.
amou e nos ama através de Cristo e assim fica claro que fomos e
somos indignos do amor de Deus. Nossa condição de perdidos e Os Quatro Conquistadores
nossa impiedade evidenciam o amor de Deus, porque não merecemos De acordo com o meu teólogo preferido, nesta passagem
nossa salvação. É por isso que um dos significados da palavra Paulo fala de quatro conquistadores. Cada um destes conquistadores
“graça” é “favor imerecido”. já entrou no mundo. Eles entraram, abundaram, reinaram e
Paulo volta a falar do segundo fato do Evangelho no versículo conquistaram. O primeiro conquistador é chamado de “Rei Pecado”.
10: “Se quando éramos inimigos de Deus fomos reconciliados com Paulo não apresentou nenhum tratado sobre a entrada do pecado no
ele mediante a morte de seu Filho, quanto mais agora, tendo sido mundo. Ele simplesmente reconheceu a realidade de que o pecado e
reconciliados, seremos salvos por sua vida!”. Quando Paulo trata do o mal estão aqui, presentes em nossas vidas.
assunto “reconciliação”, ele argumenta como pecadores como você e A origem do mal é discutida há milhares de anos por filósofos
eu devemos crer nos dois fatos do Evangelho. e teólogos. Os crentes não sabem explicar como, nem de onde veio o
A principal conseqüência da nossa reconciliação com Deus mal, uma vez que tudo o que Deus criou é bom. A Bíblia reconhece
quando somos justificados pela fé no Senhor Jesus Cristo é a paz a existência dessas forças inimigas de Deus, mas não explica como
com Deus e pela terceira vez Paulo exorta a nos alegrarmos. Ele faz Deus permitiu sua existência no mundo.
isso porque Só assim podemos viver de maneira que glorifiquemos a A melhor explicação que temos sobre este assunto é a
Deus. Devemos nos alegrar no sofrimento e na tribulação porque parábola do joio e o trigo que Jesus ensinou (cf. Mateus 13:24-30).
através do sofrimento e da tribulação somos levados a acessar a graça A boa semente é plantada, mas a plantação é sabotada,
de Deus. Finalmente Paulo nos exorta a nos alegrarmos pelo fato de provavelmente durante a noite, por alguém, que não desejando o bem
sermos reconciliados com nosso Deus. do agricultor nem da plantação, semeou também o joio, que é
A partir do versículo 12, na segunda metade deste capitulo, semelhante ao trigo. Quando os dois crescem juntos fica difícil
Paulo começa a escrever a passagem que consideramos a mais difícil identificar um e outro. A pergunta feita foi: “O senhor não semeou
6
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

boa semente em seu campo? Então, de onde veio o joio?” E a tarde, todo homem deve se sentar à mesa do banquete de
resposta dada foi: “Um inimigo fez isso”. conseqüências de suas atitudes”. Jesus enfatizou a mesma realidade
Quero lembrá-lo de que, como Moisés, no Livro de Gênesis, irrefutável de que cada uma de nossas escolhas tem suas
Paulo não falou apenas de algo que aconteceu no passado. Ele conseqüências (Mateus 7:13-27). É esta mesma verdade que Paulo
escreveu sobre quatro conquistadores que até hoje estão ativos. Não está ensinando ao declarar que o Rei Morte vem sempre atrás do Rei
vamos perder a linha de pensamento da argumentação de Paulo. Ele Pecado. Esses dois conquistadores são a “má notícia”.
ensinou que pecadores que foram declarados justos podem acessar a O terceiro e o quarto conquistadores são “as boas novas”. O
graça de Deus pela fé e viver de maneira justa neste mundo terceiro conquistador é o Rei Jesus. O Evangelho apresentado por
decadente e pecador. Paulo nesta carta é: Jesus entrou no mundo; Ele abundou neste
Paulo falou do Rei Pecado que entra no mundo e em nossas mundo até conquistar o pecado, o mal e Satanás. Um dia reinará e o
vidas, e sua intenção é reinar sobre nós. Certo pastor me ensinou: Seu reino não terá fim.
“você não pode co-existir com o pecado, assim como não pode co- Jesus Cristo é o maior conquistador que este mundo já
existir com um câncer maligno!”. Todo cristão verdadeiro precisar conheceu. Há dois mil anos Jesus tem conquistado vidas em todo o
saber que o pecado é um conquistador. Quando o pecado entrou mundo e chegará o dia em que todos reconhecerão Sua conquista e o
neste mundo ou em nossas vidas, teve como intenção, e ainda tem, de Seu reino sobre toda nação, raça e etnia em todo o mundo (cf.
crescer e florescer até conquistar e reinar sobre nós. Mateus 24:14, Apocalipse 5:9). De acordo com o último livro da
O segundo conquistador é o “Rei Morte”. Paulo encerra o Bíblia, um dia Jesus se manifestará como Rei dos reis e Senhor dos
capítulo seis concluindo que o rei pecado paga um salário e este senhores.
salário é sempre a morte. Quando lemos a referência que Paulo fez à Lembre-se que a argumentação sistemática que Paulo está
morte, pensamos em morte física, porém é mais do que isso. Ele apresentando é que é possível acessar a graça de Deus que nos dá
inclui como “morte” todas as conseqüências negativas do pecado no força espiritual para viver de maneira justa, como devem viver
mundo e em nossas vidas. Quando o Rei Pecado entra em nossas aqueles que foram declarados justos.
vidas é sempre acompanhado do Rei Morte. A verdade mais importante do Novo Testamento são as Boas
O salmista afirma que todos nós comeremos do trabalho de Novas, Jesus, que entrou no mundo para nos salvar dos nossos
nossas mãos (cf. Salmo 128:2). O poeta escreveu que “cedo ou pecado, e que tendo ressuscitado dos mortos, como Cristo Vivo pode
7
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

entrar na sua vida hoje. Essa linda metáfora sobre os quatro conquistadores inicia a
Ao entrar no mundo e em nossas vidas, Jesus quer abundar divisão dos quatro próximos capítulos, que falam de como podemos
até que reine em nós (Romanos 5:17). Ele declarou que veio para conquistar esses dois primeiros reis, o Rei Pecado e o Rei Morte, e
que possamos ter vida e vida em abundância (cf. João 10:10). entrar numa vida de união com Cristo e reinar em vida através do
Isso pode levantar algumas dúvidas em nossos corações: Será nosso relacionamento com Ele. Os capítulos 6, 7 e 8 falam mais
que já fui justificado pela fé em Jesus Cristo? Eu ainda sou profundamente sobre este assunto. No capítulo 8 Paulo conclui que
conquistado regularmente pelo Rei Pecado e o seu irmão gêmeo Rei podemos ser super conquistadores em Cristo e através dEle que nos
Morte? Será que estou comendo regularmente do “banquete de amou (cf. 37).
conseqüências”, o que mostra que ainda sou derrotado por esses dois Paulo concluiu o ensino dos quatro conquistadores
reis? relacionando o pecado de Adão, através do qual todos se tornaram
Se você ainda é derrotado pelo pecado e por suas pecadores, com obra de Cristo, através da qual todos os que crêem se
conseqüências, então você está pronto para ouvir as Boas Novas, o tornam justos: “Conseqüentemente, assim como uma só transgressão
Evangelho do terceiro conquistador apresentado por Paulo neste resultou na condenação de todos os homens, assim também um só
tratado sobre como viver uma vida justa. ato de justiça resultou na justificação que traz vida a todos os
O quarto conquistador é o Rei Você. Depois de falar sobre homens. Logo, assim como por meio da desobediência de um só
esses quatro conquistadores Paulo escreveu: “Se pela transgressão de homem muitos foram feitos pecadores, assim também, por meio da
um só a morte reinou por meio dele, muito mais aqueles que recebem obediência de um único homem muitos serão feitos justos” (18, 19).
de Deus a imensa provisão da graça e a dádiva da justiça reinarão O pecado de Adão resultou no julgamento e na condenação e
em vida por meio de um único homem, Jesus Cristo” (Romanos morte, enquanto a obra de Jesus Cristo resultou no dom da
5:17). justificação e na vida para aqueles que são filhos de Abraão, pela fé
Poderíamos escrever e fazer muitos comentários sobre essa no que Deus afirmou ter feito em Cristo Jesus.
passagem tão profunda, mas não teríamos espaço suficiente aqui. A Paulo resumiu este ensino escrevendo que a Lei de Deus
essência dessa verdade, entretanto, é que podemos entrar em Cristo, entrou no mundo através de Moisés, uma vez que a função da Lei
abundar em Cristo, reinar em Cristo e ser vitoriosos sobre o pecado e sempre foi e é fazer-nos conscientes do nosso pecado, ou seja, a Lei
a morte. fez a ofensa transbordar. Mas as Boas Novas são que quando o
8
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

pecado abundou, a graça transbordou: “A Lei foi introduzida para Perspectiva do Capítulo 6
que a transgressão fosse ressaltada. Mas onde aumentou o pecado, Agora que vamos iniciar o estudo deste capítulo, quero
transbordou a graça, a fim de que, assim como o pecado reinou na destacar um versículo e considerá-lo junto com a metáfora usada por
morte, também a graça reine pela justiça para conceder vida eterna, Paulo: “Falo isso em termos humanos, por causa das suas limitações
mediante Jesus Cristo, nosso Senhor” (20, 21). humanas” (19). Estudando este capítulo devemos fazê-lo
O reino do pecado levou e leva à morte, mas o reino da graça considerando a verdade contida nestes outros dois versículos:
levou e eleva à vida eterna, através de Jesus Cristo, nosso Senhor. “Portanto, não permitam que o pecado continue dominando os seus
Paulo fala mais sobre este assunto no capítulo 6 e conclui o ensino no corpos mortais... Pois o pecado não os dominará, porque vocês não
final do capítulo, com as seguintes palavras: “Pois o salário do estão debaixo da Lei, mas debaixo da graça” (12, 14).
pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna em Não podemos desassociar os primeiros versículos deste
Cristo Jesus, nosso Senhor” (23). capítulo 6, com o último pensamento de Paulo no capitulo 5. Paulo
encerrou o capítulo 5 dizendo que “onde aumentou o pecado,
transbordou a graça” e, adiantando-se ao seus leitores, ele mesmo
Capítulo 2 perguntou: “Que diremos então? Continuaremos pecando para que
Dois Tipos de Escravos a graça aumente?”. E ele mesmo respondeu: “De maneira
(6:1-23) nenhuma!”. E passou a usar metáforas para ilustrar o que ele estava
dizendo.
Como vivem aqueles que foram declarados justos por terem A primeira metáfora foi a do batismo, que é interpretado de
fé no sacrifício de Jesus Cristo? Como devem viver aqueles que já duas maneiras. Para aqueles que praticam o batismo por imersão,
foram declarados justos? Onde essas pessoas encontram a força para Paulo estava falando do batismo que Jesus ordenou na Grande
viver da forma como têm que viver? Esse é o tema da passagem que Comissão (Mateus 28:18-20). Paulo afirmou em outra carta que
vai do capítulo 5 até a primeira parte do capítulo 8 desta obra-prima quando cremos no Evangelho, somos todos batizados em Cristo (I
teológica. Coríntios 12:13). Muitos acreditam que nesses versículos Paulo
estava falando do nosso batismo em Cristo. Como na maioria dos
casos, pode ser tanto uma coisa como outra, ou as duas.
9
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

Quando somos justificados, mesmo que isso seja um mistério o que Paulo escreveu neste capítulo. Ele identifica o ato do batismo
que não compreendemos totalmente, somos batizados em Cristo. com os dois fatos do Evangelho: a morte e a ressurreição de Jesus
Somos batizados na morte e na ressurreição de Cristo. Paulo Cristo. Quando entramos nas águas, fazemos nossa profissão pública
escreveu no capítulo 5 sobre estarmos “em Adão” desde o momento de fé na morte de Jesus para nossa salvação. Quando descemos às
em que o primeiro ser humano pecou. Através do homem Adão, e de águas, professamos nosso compromisso de morrer para nossa velha
estarmos identificados com ele e nele, todos pecamos. Enquanto vida de pecado. E quando saímos das águas, professamos nosso
somos apenas expressão da natureza de Adão ou da nossa carne, compromisso de viver uma nova vida, tendo um relacionamento com
somos pecadores culpados que precisam ser justificados pela fé. o Cristo Vivo e Ressurreto e vivendo a vida abundante que é possível
Foi isso que Jesus ensinou quando disse a Nicodemos que viver através deste relacionamento.
aquele que não crê nEle já está condenado (cf. João 3:18). Quando Quando Paulo passa da metáfora do batismo para a metáfora
este milagre acontece, passamos a viver em Cristo, batizados na Sua da morte e da ressurreição de Cristo, desafia-nos a que
morte e na Sua ressurreição. Assim como antes estávamos em Adão, identifiquemos a morte e a ressurreição de Jesus com o nosso pecado
passamos a estar em Cristo. É por isso que Jesus é chamado de “O e com a nossa vida justificada. Lembre-se do versículo chave deste
último Adão” (cf. I Coríntios 15:45). capítulo: “Falo isso em termos humanos, por causa das suas
O batismo pelas águas, como Jesus ordenou, é um significado limitações humanas” (19). Isso quer dizer basicamente o seguinte:
mais profundo do batismo espiritual. Quando cumprimos a Grande “Estou usando uma ilustração humana para ajudá-los a compreender
Comissão de Jesus e somos batizados, professamos nossa fé nEle as verdades espirituais que estou ensinando”.
como Ele ordenou, fazendo uma profissão pública de fé. Jesus foi o maior Mestre que o mundo já teve e sabia fazer
O batismo pelas águas representa uma realidade mais uso das parábolas e metáforas de maneira perfeita. De acordo com o
profunda. Os mortos não pecam. Paulo sabia que não estamos que Paulo escreveu em sua Carta aos Gálatas, ele aprendeu a usar
mortos e por isso pecamos. Ele estava apenas usando essa figura este recurso de linguagem com Jesus, que o ensinou no deserto da
para fazer uma ilustração. Se estivéssemos mortos não pecaríamos. Arábia (cf. Gálatas 1:17). O uso que Paulo fez dessas metáforas
No que se refere ao pecado, mesmo que não estejamos mortos, mostra que ele seguiu os passos do melhor Mestre que o mundo
devemos agir como se para o pecado estivéssemos. conheceu.
O batismo pelas águas faz um paralelo muito bonito e ilustra Este capítulo possui outras palavras-chaves na interpretação e
10
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

aplicação que devemos fazer dessas ilustrações de Paulo na nossa para um desses amigos que tinha decidido entrar para o seminário,
luta contra o pecado. Observe o versículo 5, onde Paulo afirma que foi como se eu tivesse anunciado o meu velório: “Puxa, e você era
se formos unidos a Jesus na semelhança da Sua morte, também o um cara tão legal!”.
seremos na semelhança da Sua ressurreição. E no versículo 11 Paulo As palavras de Paulo no final da sua carta aos gálatas
escreveu: “Da mesma forma, considerem-se mortos para o pecado, serviram de encorajamento para mim durante meus estudos. Nesta
mas vivos para Deus em Cristo Jesus”. Com base no original grego, passagem Paulo anunciou que por causa da cruz de Jesus Cristo, o
podemos considerar a seguinte tradução alternativa para este mundo estava crucificado para ele e ele estava crucificado para o
versículo: “Da mesma forma, considerem-se mortos para a aparência mundo (cf. Gálatas 6:14).
e poder do pecado, mas vivos para Deus, através de Jesus Cristo Uma das principais verdades contidas neste capítulo que
nosso Senhor”. estudamos foi enfatizada por Paulo também no capítulo 2. Não
É importante observar que Paulo não estava dizendo que devemos jamais participar de uma cerimônia religiosa sem a
estamos literalmente mortos. Um morto não peca nem é tentado. Se consciência do que ela representa. O batismo é para nossa profissão
estivéssemos mortos, o pecado não seria problema para nós. de fé o que a circuncisão era para os judeus. Não podemos jamais
Acontece que não estamos mortos para o pecado. Paulo estava reduzir o batismo a uma arapuca religiosa vazia e sem significado
ensinando neste capítulo que devemos responder ao pecado e às algum para nossa fé e experiência de vida no poder do Cristo
tentações como se estivéssemos mortos para ele. Ressurreto. Não perca esta perspectiva quando interpretar e aplicar
Conta-se que um transeunte bêbado foi o primeiro a chegar ao as metáforas usadas por Paulo neste capítulo.
local de um acidente de carro. Uma das vítimas do acidente gritou
do acostamento: “Chame-me uma ambulância!”. E o bêbado Resumo do Ensino de Paulo no Capítulo 6
respondeu: “O quê? Você é uma ambulância?”. Paulo está nos A primeira verdade que Paulo ensinou neste capítulo é
desafiando a gritarmos quando formos tentados: “Chame-me um ilustrada pela metáfora do batismo: devemos relacionar o nosso ato
homem morto!”. de descer às águas com a morte e o sepultamento de Jesus, deixando
Como muitas outras pessoas, jamais me esquecerei de como nossa antiga vida de pecado nas águas; devemos relacionar o nosso
meus antigos amigos de farra ficaram tristes quando anunciei que não levantar das águas com a ressurreição de Jesus, e com a nova vida
ia mais acompanhá-los naquele antigo estilo de vida. Quando contei que passamos a ter, livre do pecado (1-4).
11
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

Essa verdade foi apresentada no capítulo 5, versículo 2, como pode obrigar gentios a viverem como judeus?” (12-14).
quando Paulo escreveu que pela fé acessamos a graça que nos Paulo usou a palavra “pois” para nos ajudar a acompanhar sua
possibilita ficarmos firmes para Cristo neste mundo e vivermos uma lógica de pensamento, juntando estes três versículos aos que ele já
vida que glorifique a Deus. tinha escrito sobre o Evangelho ao contrário. Se vamos morrer para
Nos próximos sete versículos (5-11), Paulo reforçou este o pecado para que Cristo viva através de nós, mas continuamos
ensino com uma verdade freqüentemente apresentada por ele em suas pecando, Cristo não vive através de nós; isto é inconcebível para o
cartas: “Da mesma forma, considerem-se mortos para o pecado, mas apóstolo! Quando estávamos debaixo da lei não tínhamos a graça
vivos para Deus em Cristo Jesus” (11). Chamo esta verdade de “O para vivermos acima do pecado. Depois que a graça e a verdade
Evangelho ao Contrário”. O Evangelho é simplesmente: “Cristo vieram através de Cristo (João 1:17), não podemos continuar sob o
morreu para que você viva”. O Evangelho ao contrário é: “Agora é a domínio do pecado, porque agora temos a graça que nos conduz à
sua vez; morra você, para os seus desejos pecaminosos e suas vida que devemos viver.
ambições egoístas, para que Cristo viva em você”. A seguir Paulo inicia a parte mais importante deste capítulo
Paulo ensinou esta mesma verdade aos gálatas quando falou ao falar da escravidão: “E então? Vamos pecar porque não estamos
da sua própria experiência com Cristo: “Fui crucificado com Cristo. debaixo da Lei, mas debaixo da graça? De maneira nenhuma! Não
Assim, já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim. A vida que sabem que, quando vocês se oferecem a alguém para lhe obedecer
agora vivo no corpo, vivo-a pela fé no filho de Deus, que me amou e como escravos, tornam-se escravos daquele a quem obedecem:
se entregou por mim” (Gálatas 2:20). escravos do pecado que leva à morte, ou da obediência que leva à
Os próximos versículos são iniciados com a palavra “pois”: justiça? Mas, graças a Deus, porque, embora vocês tenham sido
“Pois, antes de chegarem alguns da parte de Tiago, ele comia com escravos do pecado, passaram a obedecer de coração à forma de
os gentios. Quando, porém, eles chegaram, afastou-se e separou-se ensino que lhes foi transmitida. Vocês foram libertados do pecado e
dos gentios, temendo os que eram da circuncisão. Os demais judeus tornaram-se escravos da justiça. Falo isso em termos humanos, por
também se uniram a ele nessa hipocrisia, de modo que até Barnabé causa das suas limitações humanas. Assim como vocês ofereceram
se deixou levar. Quando vi que não estavam andando de acordo os membros do seu corpo em escravidão à impureza e à maldade que
com a verdade do evangelho, declarei a Pedro, diante de todos: leva à maldade, ofereçam-nos agora em escravidão à justiça que
“Você é judeu, mas vive como gentio e não como judeu. Portanto, leva à santidade” (6:15-19).
12
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

Como já comentamos no início deste estudo, quando Paulo ao pecado eram impossibilitados de servirem à justiça. Ele lembrou
escreveu esta carta, metade da população de Roma era constituída de das conseqüências do pecado, que são vergonhosas. E chamou essas
escravos. Para aquelas pessoas que tinham nascido livres, como era conseqüências de “morte”.
o caso de Paulo, a simples idéia de se tornar escravo causava-lhes Paulo exortou seus leitores a entenderem que o fruto ou as
horror. O que Paulo disse com esta metáfora foi que somos escravo conseqüências de se servir à justiça são o caminho para a santidade e
de quem ou do quê servimos. Se você é controlado pelo pecado, a qualidade de vida eterna que Jesus Cristo promete a todo que
você é escravo do pecado. Mas, se você confia em Jesus Cristo confiar nEle como Salvador. Ele desafiou seus leitores a coroarem
como Seu Salvador e O escolheu como seu Senhor, então, ser Jesus como Senhor de suas vidas e a viverem o Evangelho ao
escravo do pecado é uma negação da sua fé em Cristo! (Lucas 6:46). contrário, ou seja, morrerem para si mesmos e viverem para Cristo.
Você deve ser escravo de Jesus Cristo apenas, o que o deixa livre do Paulo finalizou este ensino afirmando que existe sempre um
poder do pecado e da morte. Por isso Paulo se apresentava em suas pagamento para o pecado. Mesmo neste mundo de inflação e
cartas como servo, ou seja, escravo de Jesus Cristo (cf. Romanos 1:1; flutuação de mercado, o salário do pecado não muda, continua sendo
Filipenses 1:1; Tito 1:1). a morte. As más notícias são que “o salário do pecado é a morte”.
“Quando vocês eram escravos do pecado, estavam livres da Mas as boas novas são que “o dom gratuito de Deus é a vida eterna
justiça. Que fruto colheram então das coisas das quais agora vocês em Cristo Jesus, nosso Senhor”.
se envergonham? O fim delas é a morte! Mas agora que vocês
foram libertados do pecado e se tornaram escravos de Deus, o fruto
que colhem leva à santidade, e o seu fim é a vida eterna. Pois o Capítulo 3
salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida As Quatro Leis Espirituais de Paulo
eterna em Cristo Jesus, nosso Senhor” (20-23). (7:1 - 8:13)
Nos quatro últimos versículos do capítulo 6 Paulo voltou a
falar das conseqüências do pecado e desafiou seus leitores a No capítulo 7 da Carta aos Romanos Paulo manifestou seu
refletirem sobre o “banquete de conseqüências” que acontece se desapontamento com ralação ao desafio de vencer o pecado em sua
deixamos os membros do nosso corpo serem escravos do pecado. própria vida, compartilhou como vencia e perdia a batalha contra o
Paulo argumentou que quando os membros do nosso corpo serviam pecado, a sua própria luta para ter uma vida de santificação e deixou
13
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

registrada uma passagem que se tornou a favorita de milhões de venhamos a dar fruto para Deus. Pois quando éramos controlados
pessoas. pela carne, as paixões pecaminosas despertadas pela Lei atuavam
Na introdução desta seção da Carta aos Romanos o Apóstolo em nosso corpo, de forma que dávamos fruto para a morte. Mas
enfatizou o conceito da lei. A partir deste capítulo e até o versículo agora, morrendo para aquilo que antes nos prendia, fomos
17 do capítulo 8 Paulo apresentou as “quatro leis espirituais”. libertados da Lei, para que sirvamos conforme o novo modo do
Aqueles que foram declarados justos, que desejam sinceramente Espírito, e não segundo a velha forma da Lei escrita” (1-6).
viver justamente têm que compreender essas quatro leis espirituais
apresentadas por Paulo. Vejamos como nos capítulos 7 e 8 desta Lei Espiritual Número Um: A Lei de Deus
carta Paulo desenvolveu estes importantes ensinos sobre: Paulo passou a desenvolver o que tinha escrito sobre
A Lei de Deus; justificação pela fé. Ele já tinha afirmado que todos estamos sob o
A Lei do Pecado e da Morte; pecado, porque todos estamos sob a Lei de Deus, que cala nossa boca
A Lei do Espírito da Vida em Cristo e e nos mostra que somos pecadores.
A Lei da Disposição Mental Observe que antes de Paulo apresentar a metáfora com a qual
Depois das metáforas do capítulo 6 Paulo iniciou o capítulo 7 inicia este capítulo, ele admitiu que sabia que estava escrevendo para
com outra metáfora: “Meus irmãos, falo a vocês como a pessoas que pessoas que conheciam a Lei de Deus.
conhecem a lei. Acaso vocês não sabem que a lei tem autoridade Como já vimos no capítulo 2, isso quer dizer que Paulo
sobre alguém apenas enquanto ele vive? Por exemplo, pela lei a dirigiu esta carta aos judeus. Ele tinha em mente os judeus que tinha
mulher casada está ligada a seu marido enquanto ele estiver vivo; conhecido quando chegou em Roma pela primeira vez (cf. Atos
mas, se o marido morrer, ela estará livre da lei do casamento. Por 28:17-29). No estudo dos primeiros versículos do capítulo 9 vamos
isso, se ela se casar com outro homem enquanto seu marido ainda ver por que este apóstolo, quando escrevia, pregava e ensinava,
estiver vivo, será considerada adúltera. Mas se o marido morrer, ela dirigia-se sempre aos judeus em primeiro lugar e depois aos gregos.
estará livre daquela lei, e mesmo que venha a se casar com outro Ele estava se dirigindo a pessoas que eram como ele tinha
homem, não será adúltera. Assim, meus irmãos, vocês também sido, no seu tempo de Saulo de Tarso. Como fariseu dos fariseus,
morreram para a Lei, por meio do corpo de Cristo, para Saulo de Tarso tinha se dedicado inteiramente a cumprir a Lei de
pertencerem a outro, àquele que ressuscitou dos mortos, a fim de que Deus. Fariseus como Saulo de Tarso não tinham um bom conceito
14
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

do Evangelho. Entretanto, devemos entender que existia alguma repetidas vezes este compromisso. Mas ele se compadecia dos
coisa boa na doutrina dos fariseus. Por exemplo, eles eram fariseus que eram tão zelosos com a Lei de Deus. Nesta carta aos
doutrinados para preservar a ortodoxia da fé judaica. Eles eram os romanos Paulo dirigiu-se àqueles que tinham esse mesmo nível de
judeus fundamentalistas da história hebraica na época do Novo comprometimento com essa Lei.
Testamento. Fariseus como Saulo de Tarso tinham na memória toda Como era o relacionamento deles com a Lei de Deus depois
a Lei de Moisés, ou seja, os cinco primeiros livros do Velho de descobrirem que não podiam ser justificados por ela? A resposta
Testamento. A maioria dos cristãos hoje jamais leu os cinco a esta pergunta encontra-se na metáfora que Paulo usou para iniciar
primeiros livros da Bíblia. este capítulo.
Os fariseus empenhavam-se em ser pessoas incrivelmente Davi escreveu no Salmo primeiro que o homem abençoado
corretas e justa, mas era uma justiça legalista, “a letra da lei”, que foi tem prazer na Lei de Deus e a ama (Salmo 1:2). O Salmo 119, o
confrontada por Jesus e Seus apóstolos. Eles obedeciam à Lei de capítulo mais longo da Bíblia, foi escrito por Esdras, que tinha
Deus com zelo, porque acreditavam que a sua salvação dependia grande amor pela Lei de Deus.
dessa obediência. Muitos deles eram pessoas bem intencionadas e Quando os fariseus que amavam tanto a Lei de Deus
que exerciam a auto-justiça. entendiam que ela não podia salvá-los, choravam e lamentavam
Observe nos Evangelhos o amor e a paciência de Jesus com como uma viúva que perdeu o seu companheiro. Com esta metáfora
fariseus como Nicodemos, José de Arimatéia e aqueles com quem tão brilhante e inspirada Paulo ensinou que assim como o homem ou
Ele travou um longo diálogo, mesmo que hostil. Mas o maior a mulher que perdeu o seu cônjuge está livre para se casar
exemplo do amor de Jesus pelos fariseus é a conversão do apóstolo novamente, aqueles que tinham perdido suas “esposas”, a Lei,
Paulo na estrada de Damasco, quando o Cristo Vivo escolheu um estavam livres para se “casarem” com outra lei. Paulo afirmou que
fariseu dos fariseus para ser o maior missionário que a Sua igreja se eles realmente estivessem crendo no que ele estava afirmando
conheceu. então estavam livres para se “casarem” com o Senhor e Salvador
Em uma passagem autobiográfica escrita aos filipenses, Paulo Jesus Cristo, Vivo e Ressurreto!
afirmou que agora, o compromisso de guardar a lei era para ele como
refugo, porque como um fariseu, ele tinha crido que guardar a Lei lhe Aplicação Pessoal
traria a salvação. Na carta à igreja de Filipo Paulo denunciou Qual é a aplicação pessoal para os leitores daquela época e
15
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

para nós, que hoje lemos a Carta aos Romanos? Este ensino se aplica Cristo Vivo e Ressurreto?
a todos os que sempre confiaram sua salvação a alguém ou a algo e Outra aplicação pessoal é que, assim como esta carta foi
descobriram que nada daquilo podia salvá-los. dirigida aos bons judeus daquela época, hoje ela é dirigida a todos
O Evangelho de João registra um episódio que ilustra bem aqueles que se consideram boas pessoa e acham que sua bondade
essa afirmação. Quando Jesus entrou em Jerusalém havia uma lhes garante a salvação. Existe muita gente no mundo acreditando
multidão de doentes e debilitados junto a um Tanque chamado que a garantia de salvação se baseia em fazer o melhor que se pode, e
Betesda. Essa multidão era supersticiosa e acreditava que quando a viver sem prejudicar ninguém. Se você é uma dessas pessoas que
água do tanque fosse agitada, o primeiro que mergulhasse nela seria acredita na bondade, na integridade e na justiça própria para ser
curado. Jesus curou um homem naquele lugar porque este tinha salvo, então essa metáfora se aplica a você.
perdido toda sua esperança de entrar no tanque. No comentário que Quando estudamos os capítulos 3 e 4 levantei estas perguntas:
fizemos sobre esta passagem na apostila 24, comparamos aquela “Como saber se você já é bom o suficiente para ser salvo?” e, “Se
patética multidão com suas superstições com todos aqueles que você pode alcançar sua própria salvação, por que Jesus morreu na
buscam salvação em pessoas ou coisas e não em Jesus Cristo. cruz?”. Se você é uma dessas pessoas de boa moral, bondosas e
Pedro afirmou que não há salvação em nenhum outro senão íntegras que acham que bondade é tudo, aplique o ensino de Paulo
em Jesus Cristo: “Não há salvação em nenhum outro, pois, debaixo nesta carta à sua vida.
do céu não há nenhum outro nome dado aos homens pelo qual Jesus falou sobre o amor para um jovem que era bom e de
devamos ser salvos” (Atos 4:12). Se você confia que algo ou alguém boa moral. Nós o chamamos de “Jovem Rico”. Lemos que Jesus
além de Jesus Cristo pode salvá-lo, você está confiando em um olhou pare ele, amou-o e lhe disse que a moral e a integridade dele
“Tanque de Betesda” para ser salvo e a metáfora do inicio do não eram suficientes para lhe dar a vida eterna (cf. Marcos 10:21).
capítulo 7 se aplica a você. Nos versículos 8 a 12 do capítulo 7 Paulo fez uma mudança
Quando você crê no meio de salvação apresentado por Paulo muito importante no assunto da carta. Até então ele se tinha dirigido
nos seis primeiros capítulos desta carta, o que você faz com aquilo aos romanos como “meus irmãos”. Neste ponto ele fez uma relação
em que antes acreditava que lhe traria salvação? Você considera esta do que estava escrevendo, com a sua própria vida, com sua
situação como um cônjuge que morreu, ficando o outro com a experiência com a Lei de Deus e a batalha contra o pecado.
liberdade para se casar com outra pessoa? No nosso caso, com Jesus
16
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

Lei Espiritual Número Dois: A Lei do Pecado pregaram que se queremos saber qual é o problema, devemos olhar
Paulo enfatizou a verdade que já tinha deixado bem clara: o no espelho. Jeremias pregou muito sobre o julgamento de Deus que
propósito da Lei nunca foi a salvação, mas conscientizar o homem do estava para acontecer através do Cativeiro Babilônico. Uma das
seu pecado e da necessidade de salvação. De acordo com Paulo, a passagens referentes a este episódio é Jeremias 23:33: “Quando este
Lei é como uma linha demarcatória de Deus em nossos caminhos povo ou um profeta ou um sacerdote lhe perguntar: ‘Qual é a
tortuosos. Acredito que Paulo estava de acordo com o que Tiago mensagem pesada da qual o Senhor o encarregou?’, diga-lhes:
falou sobre a Lei de Deus ou a Palavra de Deus, comparando-a com Vocês são o peso!”.
um espelho no qual vemos refletidas as nossas imperfeições (Tiago Paulo escreveu a versão que ele deu para este sermão pregado
1:23, 24). Paulo também afirmou que a lei é como um professor por Jeremias com as seguintes palavras: “De fato a Lei é santa, e o
severo cuja função é nos conduzir até Cristo (cf. Gálatas 3:24). mandamento é santo, justo e bom. E então, o que é bom se tornou
Paulo estabeleceu o propósito e o valor da Lei de Deus nesta em morte para mim? De maneira nenhuma! Mas, para que o
passagem: “Que diremos então? A Lei é pecado? De maneira pecado se mostrasse como pecado, ele produziu morte em mim por
nenhuma! De fato, eu não saberia o que é pecado, a não ser por meio do que era bom, de modo que por meio do mandamento ele se
meio da Lei. Pois, na realidade, eu não saberia o que é cobiça, se a mostrasse extremamente pecaminoso” (7:12, 13).
Lei não dissesse: ‘Não cobiçarás’. Mas o pecado, aproveitando a Paulo se junta ao ensino de Jesus ao dizer que a Lei de Deus é
oportunidade dada pelo mandamento, produziu em mim todo tipo de boa se a interpretarmos e a aplicarmos de acordo com os propósitos
desejo cobiçoso. Pois, sem a Lei, o pecado está morto. Antes eu de Deus para ela (cf. Mateus 5:17-20). Jesus cumpriu a Lei
vivia sem a Lei, mas quando o mandamento veio, o pecado reviveu, e passando-a pelo prisma do amor de Deus antes de aplicá-la na vida
eu morri. Descobri que o próprio mandamento, destinado a produzir das pessoas. Paulo fez o mesmo e usou a expressão “Espírito da Lei
vida, na verdade produziu morte. Pois o pecado, aproveitando a (2 Coríntios 3:6). Com isso ele destacou o propósito para o qual
oportunidade dada pelo mandamento, enganou-me e por meio do Deus deu a Lei: revelar a Lei do Pecado.
mandamento me matou” (Romanos 7:7-11). Paulo conclui que não
existe nada de errado com a Lei de Deus e que o problema não está Três Confissões de Um Fariseu
nela, mas em nós mesmos. Paulo inicia a passagem mais transparente e honesta das
O profeta Jeremias e Paulo estavam de acordo quando Escrituras sobre a santificação ou a vitória sobre o pecado. Todo
17
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

crente luta com o “Rei Pecado” cuja intenção é dominar nossas vidas vida, Paulo compartilhou a chave da sua vitória, que pode ser
até que sejamos destruídos pelo “Rei Morte”. Esses versículos também a chave da nossa vitória. Este tema é encontrado desde o
mostram como Paulo aplicava o ensino bíblico sobre santificação em capítulo 7, versículo 13 até o final do capítulo 8; poderíamos até
sua vida. dizer que se estende até o capítulo 11 dessa obra-prima teológica.
Ele estava resumindo e chegando na essência do ensino que Ao ler essa passagem biográfica, busque encontrar as quatro
havia iniciado ao escrever o versículo 2 do capítulo 5: “por meio de leis espirituais apresentadas nela. Lembre-se de que esta passagem
quem (nosso Senhor Jesus Cristo) obtivemos acesso pela fé a esta parece mais com um diário espiritual de um homem que amava a Lei
graça na qual agora estamos firmes; e nos gloriamos na esperança de Deus e que provavelmente tentou mais do que qualquer outro,
da glória de Deus”. Lembre-se que foi a partir deste versículo que cumprir essa lei: “Sabemos que a Lei é espiritual; eu, contudo, não o
Paulo começou a ensinar como podemos acessar a graça de que sou, pois fui vendido como escravo ao pecado. Não entendo o que
precisamos, para viver da maneira como pessoas que foram faço. Pois não faço o que desejo, mas o que odeio. E, se faço o que
declaradas justas devem viver. não desejo, admito que a Lei é boa. Neste caso, não sou mais eu
Ele continuou dizendo que devemos nos alegrar em todas as quem o faz, mas o pecado que habita em mim. Sei que nada de bom
coisas que tornam a graça de Deus acessível para nós por fé, mesmo habita em mim, isto é, em minha carne. Porque tenho o desejo de
que sejam sofrimentos e tribulações. Depois disso ele apresentou a fazer o que é bom, mas não consigo realizá-lo. Pois o que faço não é
metáfora dos quatro conquistadores, Rei Pecado, Rei Morte, Rei o bem que desejo, mas o mal que não quero fazer, esse eu continuo
Jesus e Rei você e eu, para ensinar que o Espírito Santo veio para ter fazendo. Ora, se faço o que não quero, já não sou eu quem o faz,
o controle das nossas vidas e nos fazer mais do que vitoriosos. mas o pecado que habita em mim. Assim, encontro esta lei que atua
Depois, no capítulo 6, ele usou as metáforas do batismo, da em mim: Quando quero fazer o bem, o mal está junto a mim. No
morte, da ressurreição e da escravidão para nos convencer que o íntimo do meu ser tenho prazer na Lei de Deus; mas vejo outra lei
pecado jamais deve controlar a vida de alguém que já foi declarado atuando nos membros do meu corpo, guerreando contra a lei da
justo por causa da sua fé em Jesus Cristo. minha mente, tornando-me prisioneiro da lei do pecado que atua em
Paulo continuou o seu ensino sobre este tema com as quatro meus membros. Miserável homem que eu sou! Quem me libertará
leis espirituais e ilustrou essas leis com a confissão da luta que ele do corpo sujeito a esta morte? Graças a Deus por Jesus Cristo,
próprio enfrentava. Ao determinar que o pecado não reinaria em sua nosso Senhor! De modo que, com a mente, eu próprio sou escravo
18
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

da Lei de Deus; mas, com a carne, da lei do pecado” (7:14-25). Paulo concordava com o que a Lei de Deus lhe dizia para
Veja que esta declaração de Paulo é sua própria experiência fazer e cria que a Lei de Deus era boa. Na verdade ele amava a Lei
sobre a luta para vencer o pecado. Ele escreveu: “... a Lei é de Deus. Talvez, antes, quando era um fariseu, ele acreditasse que
espiritual; eu, contudo, não o sou, pois fui vendido como escravo ao cumprir a Lei de Deus era uma questão de força de vontade. Mas
pecado.” E disse mais que nele não havia nada de bom (14). agora ele estava dizendo que por causa da Lei do Pecado, ele tinha
Encontramos freqüentemente a palavra “carne” nos escritos descoberto que quando decidia obedecer a Lei de Deus, a sua força
de Paulo. Por isso é importante que entendamos o que ele queria de vontade não tinha nenhum poder sobre a sua própria vontade.
dizer com essa palavra. Um famoso teólogo e professor num Paulo também concluiu que a Lei do Pecado estava em guerra
seminário de Edimburgo, na Irlanda, definiu o termo “carne”, usado com o que ele chamou de “Lei da Mente”. Ele declarou que sua
tantas vezes por Paulo, como “natureza humana sem o cuidado de batalha contra o pecado não era vencida com sua força de vontade
Deus”. nem com sua intelectualidade. Depois dessa confissão desesperada
O apóstolo concluiu que não havia nada de bom em sua carne de que era um homem miserável, ele clamou por livramento e
até que sua natureza humana passou para os cuidados de Deus. declarou que a batalha contra o pecado não poderia ser vencida com
Devemos acrescentar que aqueles que vivem na carne ou que têm sua o olhar voltado para dentro de si mesmo. De acordo com Paulo não
natureza humana sem o cuidado de Deus vivem de acordo com a encontramos nada em nós mesmos que possa nos fortalecer para
filosofia da natureza humana, sem acesso à graça e a verdade vencer a batalha contra o pecado. Nossa batalha contra o pecado será
reveladas e ordenadas na Palavra de Deus. vencida apenas quando Deus acrescentar à nossa natureza humana
Esta definição é muito importante para qualquer pessoa uma dimensão espiritual. Isso quer dizer que quando somos
justificada pela fé, que queira viver de maneira justa e firme no justificados pela fé, a Lei do Pecado não é removida da nossa carne.
Senhor. Ao olhar para o seu próprio coração, o apóstolo Paulo foi No capítulo seguinte Paulo anuncia as boas novas de que
honesto e transparente sobre o que viu em sua natureza humana. quando somos justificados pela fé, algo espiritual, sobrenatural e
Além de não ver em si nada de bom, descobriu uma lei que agia miraculoso é acrescentado à nossa carne. Entretanto, mesmo depois
revelando o mal que estava nele, quando ele queria fazer o bem. deste milagre, continuamos a lidar com a dura realidade da Lei do
Quando ele olhava para sua natureza humana, descobria a Lei do Pecado, que persiste dentro de nós enquanto vivermos nestes corpos
Pecado. humanos. Quando o Cristo Vivo e Ressurreto vive em nossos
19
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

corações através do milagre do Espírito Santo, descobrimos que que as justas exigências da Lei fossem plenamente satisfeitas em nós,
Aquele que está em nós é maior do que aquele que comanda a força que não vivemos segundo a carne, mas segundo o Espírito. Quem
do pecado, o diabo, e que nós encontramos vitória em Cristo. vive segundo a carne tem a mente voltada para o que a carne deseja;
mas quem vive de acordo com o Espírito, tem a mente voltada para o
Capítulo Oito: A Vitória! que o Espírito deseja. A mentalidade da carne é morte, mas a
Mais Duas Leis Espirituais mentalidade do Espírito é vida e paz; a mentalidade da carne é
Agora que estamos no final do capítulo 7 e iniciando o inimiga de Deus porque não se submete à Lei de Deus, nem pode
capítulo 8 quero lembrá-lo de que Paulo não escreveu esta carta com fazê-lo. Quem é dominado pela carne não pode agradar a Deus.
essa divisão de capítulos e versículos. Algumas vezes, e isso Entretanto, vocês não estão sob o domínio da carne, mas do Espírito,
acontece neste caso, a divisão de capítulos interrompe a linha de se de fato o Espírito de Deus habita em vocês. E, se alguém não tem
pensamento do autor. o Espírito de Cristo, não pertence a Cristo. Mas se Cristo está em
Observe a presença da palavra “Portanto” no início do vocês, o corpo está morto por causa do pecado, mas o espírito está
capítulo 8 desta obra-prima. A função desta palavra é relacionar o vivo por causa da justiça. E, se o Espírito daquele que ressuscitou
que ele vai dizer neste capítulo, com o que disse anteriormente Jesus dentre os mortos habita em vocês, aquele que ressuscitou a
através das metáforas do capítulo 7, e com o que disse de maneira Cristo dentre os mortos também dará vida a seus corpos mortais, por
honesta e transparente sobre sua própria luta contra o pecado, meio do seu Espírito, que habita em vocês. Portanto, irmãos,
principalmente as últimas palavras do capítulo 7. estamos em dívida, não para com a carne, para vivermos sujeitos a
Atente também para a terceira e quarta leis espirituais que ela. Pois se vocês viverem de acordo com a carne, morrerão; mas,
extraímos do texto ao ler mais sobre o diário espiritual do apóstolo: se pelo Espírito fizerem morrer os atos do corpo, viverão” (8:1-13).
“Portanto, agora já não há condenação para os que estão em Cristo
Jesus, porque por meio de Cristo Jesus a lei do Espírito de vida me Lei Espiritual Número Três:
libertou da lei do pecado e da morte. Porque, aquilo que a Lei fora A Lei do Espírito da Vida em Cristo Jesus
incapaz de fazer por estar enfraquecida pela carne, Deus o fez, Existem três verdades muito importantes na introdução do
enviando seu próprio Filho, à semelhança do homem pecador, como capítulo 8. Se voltarmos ao início desta carta, no capítulo primeiro,
oferta pelo pecado. E assim condenou o pecado na carne, a fim de verso 17 vemos que se trata de uma afirmação semelhante à
20
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

conclusão de Paulo no início do capítulo 8, de que não há condenados porque são justificados pela fé, têm sua fé validada
condenação para os que estão em Cristo Jesus. Nesta passagem ele mostrando que não andam de acordo com a carne, mas de acordo
instruiu a não andarmos de acordo com nossa natureza humana, ou com o Espírito.
seja, sem o cuidado de Deus, mas de acordo com o Espírito. Tanto Existe uma diferença entre andar na carne e estar na carne.
Jesus como Paulo, ensinaram que aqueles que não crêem estão Andar na carne é uma escolha que fazem pessoas espirituais. Estar
condenados porque não creram... (cf. João 3:18). Os dois também na carne é a condição do homem não espiritual ou do homem natural,
ensinaram que a fé na obra acabada do Filho de Deus para nossa que não tem um relacionamento com Deus e por isso não entende
salvação cancela a condenação eterna. nem pode entender as coisas espirituais (1 Coríntios 2:14).
Paulo também mostra neste capítulo que o Cristo Vivo e Uma terceira verdade ensinada por Paulo neste primeiro
Ressurreto não nos condena quando erramos ou saímos do padrão de versículo está em duas palavras que ele usa centenas de vezes no
glorificar a Deus em tudo o que fazemos, pensamos ou dizemos. Ele Novo Testamento. Uma das maneiras preferidas de Paulo referir-se
é o nosso Pai do Céu perfeito e como qualquer outro pai, Ele tem aos pecadores justificados, que descobrem a terceira lei espiritual, é
compaixão dos Seus filhos e sabe que somos apenas pó (cf. Salmo dizer que eles estão “em Cristo”. Com isso ele está se referindo
103:14). àquele que estar em Cristo, como um ramo que está ligado à videira,
Será que dá para imaginar um pai terreno ensinando seu filho e dela tira a vida que o faz ser frutífero, como o próprio Senhor
a andar e castigando essa criança quando ela tropeça? Jesus fez esta afirmou (cf. João 15:1-16).
mesma comparação em Lucas 11:11-13: “Qual pai, entre vocês, se o Paulo introduz a terceira lei espiritual ao escrever: “a lei do
filho lhe pedir ume peixe, em lugar disso lhe dará uma cobra? Ou se Espírito de vida me libertou da lei do pecado e da morte”. Para falar
pedir um ovo, lhe dará um escorpião? Se vocês, apesar de serem da terceira lei e o que ela pode fazer, Paulo volta à segunda lei, a Lei
maus, sabem dar boas coisas aos seus filhos, quanto mais o Pai que do Pecado e acrescenta-lhe “Lei do Pecado e da Morte”. Dessa
está nos céus dará o Espírito Santo a quem o pedir!”. Nosso Pai não forma as quatro leis espirituais de Paulo ficam relacionadas com os
vai nos condenar porque erramos. quatro conquistadores apresentados no capítulo 5. Você está
Paulo também concordou com o que Tiago escreveu sobre lembrado do Rei Pecado e do Rei Morte? As conseqüências do
obras da fé e andar na fé (Tiago 2:14-26). A fé por si só salva, mas a pecado são sempre a morte.
fé que realmente salva nunca está sozinha. Aqueles que não são Assim como os dois conquistadores eram as más notícias e o
21
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

terceiro e o quarto conquistadores, as boas notícias, as duas primeiras flutuar sobre o poder e as conseqüências da Lei do Pecado e da
leis espirituais são as más notícias e a terceira e a quarta leis Morte.
espirituais, as boas notícias, as boas novas. A boa nova da terceira As boas novas da terceira lei espiritual é parte integrante do
lei espiritual é que ela nos liberta da lei do pecado e da morte. Novo Testamento desde que ele foi escrito. Será que os crentes
Imagine um avião de grande porte rugindo pela pista até justificados não deveriam estar flutuando sobre o poder e as
conseguir velocidade e subir como um elevador, levando cerca de conseqüências do pecado? Qual tem sido a experiência de tantos
375 passageiros e várias toneladas de bagagem e equipamento por pecadores que já foram justificados pela fé e que enchem os bancos
uma altitude de dez mil metros. Assim é a boa nova da Lei do das nossas igrejas?
Espírito e da Vida nos libertando da Lei do Pecado e da Morte. Com base na experiência de alguém que já é pastor há quase
Certa vez eu estava pregando sobre a terceira lei espiritual e cinco décadas, estou convencido de que a resposta mais transparente
usei essa ilustração. Confesso que não tinha nem idéia da altitude a e honesta que encontro para essa pergunta é que muitos de nós, na
que poderia chegar um avião como o que eu já tinha utilizado tantas maior parte do tempo, somos como grandes aviões aterrissados nas
vezes. Depois do sermão um professor de física me explicou o que pistas da vida, com motores incapazes de superar a lei espiritual da
acontece. gravidade, funcionando durante 30 ou 40 anos ou por toda a vida,
Ele disse que enquanto o avião corre pela pista, a sua sem jamais levantar vôo! Por que não voamos sobre tudo que está
velocidade e a força dos seus motores permitem que a lei da representado pela Lei do Pecado e da Morte e suas terríveis
aerodinâmica supere a lei da gravidade. Quando a lei da conseqüências?
aerodinâmica supera a lei da gravidade, o avião levanta vôo no céu e
flutua a dez mil metros de altitude, por milhares de quilômetros, até Lei Espiritual Número Quatro: A Lei da Disposição Mental
alcançar o seu destino. Nós simplesmente não saberemos como implementar a graça
Agora, compare a segunda lei espiritual, a Lei do Pecado e da de Deus ou a terceira lei espiritual se não compreendermos a quarta
Morte, com uma “lei da gravidade espiritual”, que nos mantém para lei espiritual apresentada pelo apóstolo Paulo. Leia mais uma vez
baixo, incapazes de flutuar espiritualmente. Paulo apresentou a estes versículos e procure identificar a quarta lei espiritual: “Quem
terceira lei espiritual, a Lei do Espírito da Vida em Cristo Jesus, vive segundo a carne tem a mente voltada para o que a carne deseja;
como a lei da “aerodinâmica espiritual”, que nos eleva e nos faz mas quem vive de acordo com o Espírito, tem a mente voltada para o
22
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

que o Espírito deseja. A mentalidade da carne é morte, mas a tem superado a “gravidade espiritual” com a “aerodinâmica
mentalidade do Espírito é vida e paz; a mentalidade da carne é espiritual”? Ou você está com suas “turbinas” ligadas nas pistas da
inimiga de Deus porque não se submete à Lei de Deus, nem pode vida sem nunca decolar espiritualmente? Se sua resposta for “sim”,
fazê-lo. Quem é dominado pela carne não pode agradar a Deus” (5- você precisa desesperadamente da quarta lei espiritual do apóstolo
8). Paulo: A Lei da Disposição Mental.
Essa questão de ter a mente voltada para algo é muito De acordo com Paulo, quando temos à nossa disposição, a Lei
importante para atletas e equipes esportivas. Numa competição de do Espírito da Vida em Cristo Jesus, pela presença do Cristo Vivo
Copa do Mundo ou Olimpíada avaliamos qual foi o melhor time ou o em nós, temos uma opção: podemos escolher viver e andar de acordo
melhor atleta por aquele que fica em primeiro lugar. Geralmente o com a carne (nossa natureza humana sem o cuidado de Deus) ou
time ou o indivíduo que têm a melhor disposição metal ganha o viver e andar em submissão e sob o controle do Espírito Santo
primeiro lugar. (Gálatas 5:16-23).
Diplomatas precisam ter uma boa disposição mental para Paulo alertou para não vivermos na carne, mas no Espírito e
convencer potências mundiais de que a paz é melhor do que a guerra; nos disse que se o Espírito não habita em nós, não somos dEle e não
médicos que cumprem procedimentos cirúrgicos também precisam pertencemos a Deus. Este não é o mesmo ensino de viver de acordo
de uma disposição mental preparada; vendedores e qualquer outro com a carne, andar na carne ou ter a mente voltada para a carne.
profissional de qualquer área precisam ter a disposição mental Paulo divide toda a família humana em dois grupos: os
preparada para ter sucesso. espirituais e os não espirituais. Quem ainda está na carne é não-
Você acha que a mentalidade de uma pessoa tem um papel espiritual ou o homem natural, como Paulo definiu na sua carta aos
importante na sua vitória contra o pecado? Nesta passagem citada há Coríntios. De acordo com Paulo, esse homem natural não consegue
pouco, na qual Paulo fala sobre a quarta lei espiritual, que tem um entender conceitos espirituais, pois são loucura para ele, porque
papel importante na nossa luta contra o pecado, a palavra apenas aqueles que são espirituais conseguem entender verdades
mentalidade foi citada cinco vezes. espirituais (cf. I Coríntios 2:9-16).
A Lei de Deus já revelou a Lei do Pecado em sua vida? Você Ao escrever sobre viver segundo a carne, Paulo estava
já descobriu a boa nova miraculosa da Lei do Espírito da Vida em falando de algo diferente da expressão “na carne”. Ele estava
Jesus Cristo? Você tem flutuado sobre o poder do pecado? Você declarando que as pessoas espirituais que escolheram viver segundo
23
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

a carne fizeram a escolha deliberada de voltar suas mentes para a uma vida cheia de trevas (de infelicidade, de tristeza) (cf. Mateus
carne, enquanto que aqueles espirituais que vivem de acordo com o 6:22, 23).
Espírito têm suas mentes voltadas para as coisas do Espírito por Com este ensino Jesus deu um alerta contra o que chamamos
escolha própria. de “esquizofrenia espiritual” ou de “visão espiritual dupla”. Em
Paulo declarou que mesmo aqueles que são espirituais e que Tiago 1:8 lemos sobre um homem com mente dividida, instável,
assumiram o compromisso de serem seguidores de Cristo não hesitante e incerto a respeito de tudo o que faz e sente. Os capítulos
conseguem agradar a Deus quando vivem para a carne. Ele ainda 6, 7 e 8 de Romanos são como um alerta de Paulo.
acrescentou que esses vão descobrir que quando nossas mentes estão Jesus, Paulo e outros apóstolos e profetas deram vários nomes
voltadas para a carne, o pecado paga o seu salário. Esse salário é o para a mente voltada para a carne. O profeta Elias desafiou o povo
banquete de conseqüências negativas definidas como “morte” de Deus com estas palavras: “Até quando vocês vão oscilar para um
(Romanos 6:23; 8:2). Paulo não se referiu à morte física nem à lado e para o outro? Se o SENHOR é Deus, sigam-no; mas, se Baal
morte eterna, mas à morte no sentido de separação de Deus e é Deus, sigam-no” (I Reis 18:21).
separação da qualidade de vida resultante do conhecimento de Deus O apóstolo João registrou, no último livro do Novo
(cf. João 17:3). Testamento, uma carta do Cristo Vivo e Ressurrreto para a igreja em
Os espirituais têm a opção que os não espirituais não têm. Éfeso e esta carta contém a seguinte mensagem: “Conheço as suas
Ter a mente voltada para o Espírito. Ter a mente voltada para a vida obras, sei que você não é frio nem quente. Melhor seria que você
espiritual que Jesus definiu como “vida abundante” (cf. João 10:10). fosse frio ou quente! Assim, porque você é morno, não é frio nem
O apóstolo João resumiu essa verdade: “E este é o testemunho: Deus quente, estou a ponto de vomitá-lo da minha boca” (Apocalipse 3:15,
nos deu a vida eterna, e essa vida está em seu Filho. Quem tem o 16).
Filho, tem a vida; quem não tem o Filho de Deus, não tem a vida” (I Tiago, que junto com Pedro e Paulo foi um dos líderes mais
João 5:11, 12). importantes da primeira geração da Igreja do Novo Testamento,
Jesus ensinou que se nossa mente for saudável, todo o nosso instruiu os crentes a pedirem sabedoria a Deus quando estiverem na
corpo será cheio de luz, mas se nossa mente não for saudável, o situação de não saberem o que fazer. Como parte vital dessa
nosso corpo será cheio de trevas. De acordo com Jesus, depende da exortação Tiago lançou o desafio de sermos firmes na fé quando
nossa perspectiva de vida ter uma vida cheia de luz (de alegria) ou pedirmos sabedoria a Deus. Não devemos ser como a onda do mar,
24
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

levados de um lado para outro. Ele deu a seguinte descrição do círculo com sinais de mais e de menos, separados e isolados uns dos
mesmo problema enfocado por Jesus, Paulo, Elias e João: “tem mente outros por uma linha imaginária em nossas mentes, no meio desse
dividida e é instável em tudo o que faz”. círculo.
Este professor ensinou que cada pensamento que temos passa
Aplicação Pessoal para um banco de memória no subconsciente e cria um reservatório
Certa vez eu ouvi um professor dar explicações sobre um de conflitos, que acaba causando sintomas físicos. Esses sintomas
assunto que ele chamou “compartimentos da lógica”. Ele sugeriu físicos são mensagens do nosso subconsciente para o nosso
que imaginássemos a mente como um círculo e dentro deste círculo consciente avisando que é melhor resolvermos nossos conflitos
um pensamento positivo, como fé, e uma pessoa afirmando: “Eu interiores.
tenho fé e por isso não me preocupo com coisa alguma”. A seguir Ele desafiou os psicólogos e conselheiros ali presentes a
deveríamos imaginar outro pensamento nesta mesma mente, que removerem cuidadosamente dos seus pacientes esta parede
gerasse um conflito direto com o primeiro pensamento de fé. imaginária que divide e isola os pensamentos conflitantes e alertou
Segundo ele, quando esses dois pensamentos entram em conflito na para o fato, segundo ele, de que pessoas religiosas precisam mais do
mente, surgem enfermidades como úlceras no estômago, pressão alta que as outras, desse procedimento, porque têm dentro de si padrões
e outros sintomas que tornam evidente a preocupação pela qual a irreais de integridade, impossíveis de serem atingidos no dia-a-dia.
pessoa está passando. Ele concluiu sua palestra declarando que aqueles que ensinam
Segundo o professor, para conviver com esses pensamentos padrões absolutos de moral estão deixando seus seguidores
conflitantes, constrói-se na mente uma parede imaginária e esses mentalmente perturbados!
pensamentos são isolados em dois compartimentos da lógica. Jesus ensinou que a Palavra de Deus é a Verdade e que
Enquanto estamos preocupados, não liberamos os pensamentos de fé devemos ler A Palavra de Deus buscando a Verdade. Além disso,
que temos. Dizemos a nós mesmos e aos outros que não estamos devemos assumir o compromisso de aplicar a Verdade em nossas
preocupados porque temos fé. Quando reafirmamos nossa fé e vidas quando a encontrarmos (cf. João 17:17; 7:17; 13:17).
dizemos que não estamos preocupados, não liberamos o pensamento Este esclarecimento do Senhor moldou a abordagem que eu
de que temos sintomas físicos, o que impede de negar que estamos faço da Palavra de Deus. Descobri, e você também vai descobrir,
preocupados. Nossa mente, então, poderia ser representada por um que é dessa forma que provamos que a Palavra de Deus é a Palavra
25
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

inspirada! Resumo e Aplicação Pessoal


Jesus também ensinou que o Seu ensino é como o vinho que Comentei com vocês esse exemplo de psicologia para enfocar
ainda não foi fermentado e alertou para o fato de que, se o vinho do o ensino de Jesus, de Paulo e de outros escritores bíblicos.
Seu ensino for colocado em odres velhos, quando ele fermentar vai Ao ler a carta de Paulo aos Romanos, imagine sua mente
causar uma pressão tão forte na bolsa em que foi armazenado, que como um círculo, e cheia de sinais positivos. Isso representaria o que
poderá explodi-la. Isso quer dizer que o vinho será desperdiçado Jesus ensinou sobre termos o corpo ou a vida cheia de luz e alegria.
(Lucas 5:37, 38). Este círculo representaria o objetivo do ensino de Paulo nas quatro
Jesus estava alertando aqueles que ouviam Seu ensino de que leis espirituais.
se eles não aplicassem a Palavra que estavam ouvindo, nem Agora, imagine este círculo com sinais positivos e negativos e
obedecessem a esta Palavra, ela acabaria por “explodir” suas mentes. uma linha no meio dele dividindo um sinal do outro. O sinal de mais
Compartilhei esta parábola com aquele professor de psicologia e ele simboliza a Lei de Deus ou a Palavra de Deus. Ou ainda, o sinal de
me perguntou: “Vocês pregam este ensino de Jesus nas suas mais representa o padrão de vida baseado na Palavra de Deus. O
igrejas?”. Respondi-lhe: “certamente que sim. Há quase cinco sinal de menos simboliza um comportamento que não se harmoniza
décadas tenho compartilhado essa parábola de Jesus, não apenas com com a representação do sinal de mais e com o que ele exige de você.
minhas congregações, mas também com vários psiquiatras e O círculo divido representa a confissão sincera de Paulo, o
psicólogos que acreditam que aqueles que ensinam a Palavra de Deus fariseu dos fariseus, escrita no capítulo 7 desta carta. Essa mente
estão deixando seus ouvintes mentalmente perturbados”. dividida ou essa visão espiritual dupla, é um retrato do que Paulo
Desde 1949 descobri a Palavra de Deus e passei a obedecer à chamou de um “homem miserável”.
verdade e a partir daí tenho comprovado a Sua veracidade. Doenças psicossomáticas são causadas pela mente ou pela
Entretanto devemos nos lembrar de que existe a verdade revelada e a alma. Uma das principais causas da doença psicossomática é a
verdade descoberta. Quando conselheiros, juizes, médicos e culpa. E uma das culpas mais comuns entre os crentes é não viver de
centenas de outros profissionais descobrem a verdade em suas áreas acordo com o padrão estabelecido pela Palavra de Deus.
de atuação, simplesmente descobrem o que a Bíblia já tinha revelado Um dos homens mais santos que já viveu neste mundo foi
com excelência. Podemos também afirmar que a Bíblia é inspirada descrito pelo Deus Todo Poderoso como “um homem com o coração
porque a verdade que nela encontramos é incontestável. segundo o coração de Deus” (cf. I Samuel 13:14; Atos 13:22). A não
26
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

ser Moisés, não houve outro homem que melhor demonstrasse o que Palavra de Deus ou, como Jesus mencionou, que não tem a luz e
é adoração e como se deve adorar. Mas a Palavra de Deus conta toda portanto não tem conhecimento do pecado (João 9:40, 41; 15:22).
a verdade sobre ele. A Bíblia diz que ele cometeu alguns pecados De acordo com Jesus, pecado é rejeitar ou não conseguir um viver de
graves! Ele adulterou, traiu, assassinou e durante um ano tentou acordo com a luz que já recebeu.
encobrir esses pecados terríveis. Este deve ter sido o ano mais infeliz Será que existe alguém que consiga viver de acordo com o
da vida de Davi. seu propósito de vida? Se existisse não haveria pecado nem culpa e
Preste atenção nestas palavras de Davi, que revelam a terrível as pessoas não sofreriam de úlceras, enxaquecas, gastrite e outras
culpa que o afligiu, física, emocional e espiritualmente: “Como é feliz enfermidades.
aquele que tem suas transgressões perdoadas e seus pecados Leia o capítulo 6 de Romanos e pense em alguém com uma
apagados!”. Que alívio é confessar os pecados e saber que Deus Se mente que não seja dividida, mas que só tem sinais negativos. Essa
esqueceu completamente deles! Davi declarou: “Enquanto eu pessoa não tem padrões de moral para se conduzir. Hoje se usa o
mantinha escondidos os meus pecados, o meu corpo definhava de termo “amoral”, que quer dizer: sem padrões absolutos de moral e do
tanto gemer. Pois dia e noite a tua mão pesava sobre mim; minhas que é certo ou errado. Aqueles que crêem na Lei de Deus sabem que
forças foram-se esgotando como em tempo de seca. Então reconheci existem padrões absolutos de moral e do que é certo ou errado.
diante de ti o meu pecado e não encobri as minhas culpas. Eu disse: No capítulo 6 desta carta Paulo enfatizou que aqueles que
Confessarei as minhas transgressões ao SENHOR e tu perdoaste a foram justificados pela fé, que têm acesso à graça e que crêem na
culpa do meu pecado” (Salmo 32:3-5). Palavra de Deus jamais deveriam ser representados por este círculo
Estas palavras de Davi estão em concordância com toda a cheio de símbolos negativos. Isso quer dizer que o pecado, de
transparência e honestidade de Paulo ao admitir a luta que ele maneira nenhuma deve ter controle sobre eles!
enfrentava contra a carne. Encontramos no Velho Testamento este Ao ler esta confissão de Paulo, pense em um círculo com os
exemplo que é paralelo à confissão de Paulo no Novo Testamento. sinais de mais e de menos separados ao meio por uma linha. O Paulo
As confissões destes dois homens de Deus servem de exemplos para do capitulo 7 é o “homem miserável” que fica exatamente em cima
nós. Paulo considerou-se um “homem miserável”. desta linha. Este homem é descrito por Jesus, Davi, Elias, João,
Agora imagine um círculo só com sinais negativos. Isso Tiago e por Paulo na conclusão de sua confissão, como um “homem
representa a vida daquele que nunca teve a luz ou que nunca ouviu a miserável” (cf. Romanos 7:24).
27
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

Quando você ler o capítulo 8 desta carta, imagine um círculo vocês, aquele que ressuscitou a Cristo dentre os mortos também dará
com apenas sinais positivos representando uma mente que não está vida a seus corpos mortais, por meio do seu Espírito, que habita em
dividida, mas que está, como Jesus falou, cheia de luz e alegria. Esta você” (Romanos 8:9-11).
é a aplicação e o tipo de obediência que Davi, os apóstolos e os Paulo resume o que já tinha escrito sobre suas quatro leis
profetas buscaram. Este círculo cheio de sinais positivos também espirituais nestes versículos: “Portanto, irmãos, estamos em dívida,
representaria a aplicação da terceira lei espiritual definida por Paulo, não para com a carne, para vivermos sujeitos a ela. Pois se vocês
que dá ao pecador justificado, a força necessária para obedecer a Lei viverem de acordo com a carne, morrerão; mas, se pelo Espírito
de Deus e superar a Lei do Pecado e da Morte. fizerem morrer os atos do corpo, viverão” (12, 13).
A Lei da Disposição Mental consiste na escolha que temos
para implementar a terceira lei do apóstolo Paulo. Diferente do Aplicação Pessoal: Onde Você Está?
psicólogo que não tem nada para oferecer àqueles que removem a A ilustração que fiz destes círculos contém a mensagem
parede, que os faz terem uma mente dividida ou serem miseráveis, central dos capítulos 6 e 7 até o versículo 13 do capítulo 8 desta carta
Paulo oferece a Lei do Espírito e da Vida em Cristo Jesus, que supera de Paulo, esta magnífica obra-prima teológica. Em qual destes
a Lei do Pecado e da Morte. círculos você se encontra?
Leia estes versículos mais uma vez e observe que Paulo Você está no círculo que representa a verdade ensinada por
reforça a idéia de que, sem a força do Espírito de Deus não podemos Paulo no capítulo 6? Você está no círculo que possui sinais
vencer nossa batalha contra o pecado. Se não tivermos o Espírito negativos? Se a resposta for afirmativa, você precisa ouvir e
Santo, não pertencemos a Cristo nem a Deus. Mas se pertencemos a compreender o Evangelho proclamado por Paulo nesta carta, que é a
Cristo, temos o Espírito e a promessa de que Ele dará vida aos nossos obra-prima de todas as suas cartas.
corpos mortais: “Entretanto, vocês não estão sob o domínio da Você está no círculo com sinais positivos e negativos? Então
carne, mas do Espírito, se de fato o Espírito de Deus habita em você precisa ir para o círculo que tem apenas sinais positivos. Em
vocês. E, se alguém não tem o Espírito de Cristo, não pertence a outras palavras, se você não quer ser um “homem miserável”, você
Cristo. Mas se Cristo está em vocês, o corpo está morto por causa precisa encontrar a solução para sua condição de miserável vivendo a
do pecado, mas o espírito está vivo por causa da justiça. E, se o experiência descrita por Paulo nos capítulos 7 e 8 desta carta.
Espírito daquele que ressuscitou Jesus dentre os mortos habita em
28
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

Capítulo 4 Lembre-se de que, depois de escrever o segundo versículo do


Mais Que Vencedores capitulo 5 e afirmar que temos acesso pela fé à graça, Paulo
(8:14-39) apresentou a metáfora dos quatro conquistadores, e nos mostrou
como reinar em vida através da graça que há em Cristo (5:17). Este
No restante do capítulo 8 encontramos a declaração de Paulo, tema do pecado e suas conseqüências continua no capitulo 6 e vai até
que Deus não está em todo mundo. Deus está apenas naqueles que o versículo 13 do capítulo 8. Com ousadia e eloqüência Paulo
pela fé foram justificados e pela fé encontraram acesso pessoal à anunciou a mesma mensagem da metáfora dos quatro conquistadores
graça divina. Deus não está em todo mundo, mas apenas naqueles na metáfora das quatro leis espirituais.
que Lhe obedecem. Deus não é para todo mundo, mas apenas para No ponto mais alto da inspirada apresentação da vitória
aqueles que O amam e que são chamados de acordo com os Seus espiritual do crente, Paulo inicia outro tema: a Intervenção Divina de
propósitos. Entretanto Paulo conclui que se Deus está em nós, para um Deus Soberano e Conquistador que vence a batalha em nós,
nós e conosco, não há poder na terra nem debaixo da terra, nem no através de nós e para nós. Mas, antes de iniciar este tema Paulo
presente, nem no passado que possa nos separar do Seu amor e do desafia a identidade espiritual daqueles para quem ele estava
que Ele deseja fazer em nós, conosco, para nós e através de nós. escrevendo: “Entretanto, vocês não estão sob o domínio da carne,
Os últimos 25 versículos do capítulo 8 de Romanos são mas do Espírito, se de fato o Espírito de Deus habita em vocês. E, se
considerados uma das passagens mais sublimes de toda a Bíblia. O alguém não tem o Espírito de Cristo, não pertence a Cristo. Mas se
ensino que eu chamei de “As Quatro Leis Espirituais de Paulo” foi Cristo está em vocês, o corpo está morto por causa do pecado, mas o
apresentado e concluído por ele. Mas o tema que ele iniciou no espírito está vivo por causa da justiça. E, se o Espírito daquele que
capítulo 5, referente aos pecadores que foram declarados justos e ressuscitou Jesus dentre os mortos habita em vocês, aquele que
como eles devem viver, este assunto é retomado nos últimos ressuscitou a Cristo dentre os mortos também dará vida a seus
versículos deste capítulo, quando Paulo declara que podemos ser corpos mortais, por meio do seu Espírito, que habita em vocês”
mais do que vencedores por meio de Cristo. A verdade que Paulo (Romanos 8:9-11).
apresenta agora é que podemos ser super vencedores porque Deus é a As perguntas que Paulo levanta aqui referentes à identidade
fonte, o poder e o propósito que está por trás das nossas conquistas espiritual são do tipo: “Você está na carne ou no Espírito?”. Para
espirituais. Paulo só existem duas possibilidades. Se o Espírito Santo habita em
29
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

você, você é uma pessoa espiritual, se não, você é uma pessoa não João ensinou que quando Jesus veio ao mundo aqueles que O
espiritual, ou seja, natural. Se o Espírito não habita em você, você receberam ou que tiveram fé nEle nasceram de novo e lhes foi dada
não é espiritual e nada do que ele escreveu se aplica a você. Mas se autoridade para serem feitos filhos de Deus (João 1:12, 13). Se todos
o Espírito habita em você, Ele, que levantou Jesus de entre os fossem filhos de Deus, a vida e a morte de Jesus Cristo teria sido
mortos, dará vida ao seu corpo mortal. E Paulo não estava se desnecessária.
referindo à vida eterna. Ele estava falando deste corpo mortal. A A palavra “filhos” na Bíblia não se refere apenas aos seres
mortalidade pressupõe estar nesta terra por um tempo determinado. humanos do sexo masculino. O termo é genérico e incluiu todos os
Normalmente quando estamos num funeral refletimos sobre nossa seres humanos, masculinos e femininos. Foi neste sentido que Paulo
mortalidade, porque estamos frente a frente com a realidade de que afirmou “que não há homem nem mulher, pois somos todos um em
um dia vamos morrer. Cristo (Gálatas 3:28).
A pergunta sobre a identidade espiritual é seguida por outra: Escrevendo aos filipenses Paulo se referiu a níveis de
“Você é filho de Deus?”. Paulo combina estas duas perguntas ao relacionamento, quando fez referência a um homem que levou
escrever: “porque todos os que são guiados pelo Espírito de Deus presentes da igreja para ele na prisão (cf. Filipenses 2:25-30). Ele se
são filhos de Deus. Pois vocês não receberam um espírito que os referiu a esse homem como seu irmão, seu colaborador, seu
escravize para novamente temerem, mas receberam o Espírito que os companheiro de lutas e mensageiro dos que o enviaram para ajudá-lo
adota como filhos, por meio do qual clamamos: ‘Aba, Pai’. O na necessidade. A palavra “irmão” referia-se ao crente a quem tinha
próprio Espírito testemunha ao nosso espírito que somos filhos de sido dada autoridade para se chamar “filho de Deus”. Ele também
Deus. Se somos filhos, então somos herdeiros; herdeiros de Deus e usou o termo “companheiro de luta” para se referir a uma pessoa que
co-herdeiros com Cristo, se de fato participamos dos seus tinha ficado com ele arriscando a vida por causa de Cristo e do
sofrimentos, para que também participemos da sua glória” (14-17). Evangelho.
Dizem por aí que todos são filhos de Deus e por isso somos Paulo declara de maneira clara e dogmática que só pertencem
todos irmãos. O Evangelho de João declara explicitamente que a Cristo aqueles em quem o Espírito Santo habita. A seguir ele
aqueles que crêem e recebem Jesus Cristo têm o poder, e nesse relaciona essa identidade espiritual com a condição de “ser filho de
contexto poder tem o sentido de autoridade, de se tornarem filhos de Deus” ao escrever: “porque todos os que são guiados pelo Espírito
Deus. de Deus são filhos de Deus”. De acordo com Paulo, pertencemos a
30
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

Cristo quando o Espírito Santo habita em nós, e somos filhos de Essa foi a metáfora usada por Paulo para falar que somos
Deus quando somos guiados pelo Espírito. filhos, nascidos na família de Deus através do nascimento espiritual.
Essa verdade coincide com um maravilhoso ensino que Paulo Entretanto, por causa da graça de Deus tornamo-nos mais do que
escreveu aos gálatas. Essencialmente Paulo escreveu nessas duas filhos: “O próprio Espírito testemunha ao nosso espírito que somos
cartas, que quando o Espírito Santo testifica com o nosso espírito que filhos de Deus. Se somos filhos, então somos herdeiros; herdeiros de
somos filhos de Deus, podemos exclamar: “Aba, Pai” (Gálatas 4:6). Deus e co-herdeiros com Cristo, se de fato participamos dos seus
A palavra “Aba” em aramaico significa “Pai”. Aqui ela está se sofrimentos, para que também participemos da sua glória”
referindo a uma experiência pessoal, íntima e espiritual. (Romanos 8:16, 17). Herdamos com Jesus Cristo, que é o Amado
Certa vez, no início do meu ministério, quando ainda era bem Filho de Deus, tudo o que Ele herdou do Pai. Isso não é pouca coisa!
jovem, perguntei ao pastor que me aconselhava: “Como podemos Mas existe um custo em tudo isso. Lembre-se de que somos
fazer com que um crente inseguro tenha certeza da salvação?”. Eu identificados com Cristo na Sua morte e na Sua ressurreição.
estava com meu caderno e caneta, prontos para anotar sua resposta. Paulo inicia seu louvor pela conquista e vitória, relacionando
E a resposta dele foi: “Não há como assegurar a salvação para a identificação com a morte e a ressurreição de Cristo, ensinadas no
ninguém. Esse é um ministério do Espírito Santo”. Ele me explicou capítulo 6, quando ele falou do nosso sofrimento neste mundo por
que podemos mostrar muitos versículos e buscar evidências de fé e causa de Cristo. Ele proclama que se sofremos com Cristo, também
de salvação. Podemos também fazer perguntas e oferecer apoio e seremos glorificados com ele na vida por vir: “Se somos filhos, então
encorajamento. Mas, em última análise, apenas o Espírito Santo somos herdeiros; herdeiros de Deus e co-herdeiros com Cristo, se de
pode testificar com nosso espírito e assegurar que somos filhos de fato participamos dos seus sofrimentos, para que também
Deus. participemos da sua glória. Considero que os nossos sofrimentos
Seguindo o pensamento de Paulo, é necessário compreender atuais não podem ser comparados com a glória que em nós será
um detalhe da cultura romana daqueles dias. Os romanos revelada. A natureza criada aguarda, com grande expectativa, que
consideravam seus filhos crianças, até a idade de quatorze anos. os filhos de Deus sejam revelados” (17, 19).
Depois disso, eles iam a um tribunal e adotavam legalmente essa Paulo apresentou dois aspectos da vitória sobre o pecado, na
criança como seu filho, tornando-a herdeira dos seus bens. vida de alguém que foi justificado. Primeiro ele relacionou a vitória
espiritual e o crescimento, com o sofrimento. Da vitória espiritual de
31
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

um crente, Paulo passou a falar sobre a vida eterna. Mas, antes de forma - eu ainda mais: trabalhei muito mais, fui encarcerado mais
enfocar o que Paulo escreveu sobre o crescimento espiritual e a vezes, fui açoitado mais severamente e exposto à morte repetidas
vitória que teremos na dimensão futura é importante considerar o que vezes. Cinco vezes recebi dos judeus trinta e nove açoites. Três
ele escreveu sobre a relação do sofrimento com nosso crescimento vezes fui golpeado com varas (forma de punição comum em Roma;
espiritual e a vitória nesta vida. semelhante ao que é praticado hoje em lugares como Singapura, pior
Erroneamente prega-se por aí que Deus não quer que Seu do que o simples açoite, pois as varas cortam o tecido muscular e
povo sofra, fique doente, pobre ou passe por dificuldades. Não é isso podem inclusive quebrar ossos) uma vez apedrejado (cf. Atos 14),
o que a Bíblia ensina nem á assim que Paulo quer que entendamos três vezes sofri naufrágio (cf. Atos 27,28), passei uma noite e um dia
esta verdade. Será que durante o seu tempo de vida como crente não exposto à fúria do mar. Estive continuamente viajando de uma parte
deu para perceber que o crescimento espiritual e a vitória sobre o a outra, enfrentei perigos nos rios, perigos de assaltantes, perigos
pecado podem estar relacionados com o sofrimento? De acordo com dos meus compatriotas, perigos dos gentios; perigos na cidade,
Jesus, nós somos os ramos e Ele, a Videira, e frutificaremos depois perigos no deserto, perigos no mar, e perigos dos falsos irmãos.
de sermos devidamente podados pelo Pai (cf. João 15:2). Neste Trabalhei arduamente; muitas vezes fiquei sem dormir, passei fome e
sentido o sofrimento serve mais como um tratamento do que como sede, e muitas vezes fiquei em jejum; suportei frio e nudez” (II
um empecilho em nossa vida. Coríntios 11:23-27).
O apóstolo Paulo é um exemplo de quem passou por esse tipo Deu para entender por que Paulo relacionou o crescimento
de sofrimento. Foram as suas freqüentes prisões que permitiram que espiritual e a vitória sobre o pecado com o sofrimento? O sofrimento
ele produzisse cinco das suas mais importantes cartas. Ele poderia é uma das ferramentas que Deus usa para nos fazer novas criaturas
ter sido muito produtivo pregando e ensinando, mas Deus quis que dEle. E você? Você tem permitido que o sofrimento o faça crescer
ele gastasse algum tempo na prisão. O resultado é que passados mais espiritualmente? Será que você tem o que contar na sua jornada de
de dois mil anos, as cartas que ele escreveu na prisão têm trazido fé? Cuidado para não desperdiçar o sofrimento na sua vida!
salvação e bênçãos para milhões de pessoas. Em outra de suas inspiradas cartas Paulo escreveu que somos
Considere este texto, parafraseado ou com tradução livre e criaturas de Deus. Eu conheci um construtor empreiteiro que sempre
veja como ele nos revela um pouco do sofrimento do apóstolo Paulo: que terminava uma obra, levava todos os seus possíveis clientes para
“São eles servos de Cristo? - estou fora de mim para falar desta ver a casa que ele tinha acabado de construir e dizia: “Pela graça de
32
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

Deus, essa é a minha mais recente criação!”. De acordo com Paulo, Estamos esculpindo a pedra que se encaixa ali”.
Deus quer apontar para cada um de nós e dizer: “Esta é a minha Ao se afastar daquela construção, o pastor disse: “Obrigado,
criação!” (Efésios 2:10). Senhor. Era exatamente isso o que eu precisava ouvir!”. Ele
Havia um pastor meu conhecido, que depois de realizar um percebeu que a maioria dos problemas e pressões que o tinham
casamento, enquanto o casal estava em viagem de lua-de-mel, ele ia levado àquela depressão eram uma forma de Deus moldá-lo aqui,
até a casa onde o casal ia morar e colocava na porta da frente o para ele se encaixar lá em cima.
seguinte aviso: “Cuidado! Deus trabalhando!”. A mensagem que ele Ao relacionar o sofrimento ao crescimento espiritual e à
queria passar para o casal era que marido e esposa precisavam ser vitória sobre o pecado na vida de um crente, Paulo destacou o
pacientes um com o outro e entender que Deus estava trabalhando compromisso de Deus de nos moldar como Seus filhos e filhas e nos
em suas vidas. Este é um aviso que deveria estar na porta da casa de fazer Seus mensageiros aqui e agora. Ele também está nos moldando
todos os crentes justificados pela fé. para a eternidade, quando viveremos completa redenção e vitória
Isso não se aplica apenas à esta vida. A criação de Deus não total sobre o pecado. Atente para estes dois versículos nos quais
estará completa até que sejamos aperfeiçoados na eternidade, através Paulo relaciona o sofrimento com nosso crescimento espiritual, atual
da nossa morte física e ressurreição (Filipenses 1:6). e futuro: “Considere que os nossos sofrimentos atuais não podem ser
Certa vez um pregador estava tão deprimido que não tinha comparados com a glória que em nós será revelada. A natureza
condições de escrever o seu sermão. Decidiu, então, dar uma criada aguarda, com grande expectativa, que os filhos de Deus sejam
caminhada pela cidade. Sem perceber, vagueou até uma catedral revelados” (Romanos 8:18, 19).
antiga que estava passando por uma grande reforma. Aquele pastor
parou em frente a um canteiro de obras e ficou observando alguns Vida em Duas Dimensões:
homens trabalharem numa grande pedra em forma de cruz. Depois Você já assistiu a uma libélula voando, com suas asas duplas,
de algum tempo um dos trabalhadores observou aquele homem de uma flor para outra? Ela pode ficar suspensa no ar, como um
parado ali, olhando para eles. Quando seus olhares se encontraram o helicóptero, o dia todo. Essa criatura, com suas assas duplas,
pastor lhe perguntou: “O que vocês estão fazendo?”. Aquele homem representa uma maravilha da aerodinâmica.
apontou para a torre da catedral onde havia uma abertura no formato Uma libélula passa o primeiro ou os quatro primeiros anos de
de uma cruz e falou: “Está vendo aquela abertura lá em cima? sua vida dentro d’água. Observando-a durante este período veremos
33
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

que durante os primeiros anos de sua vida submarina, esta criatura é eternamente.
equipada com dois sistemas respiratórios. Um deles possibilita que A libélula, na sua segunda dimensão de vida é uma maravilha
ela inale água através do seu corpo longo, tirando oxigênio da água da aeronáutica. Quando os crentes ressuscitarem sobrenaturalmente,
como fazem tantas criaturas aquáticas. Deus lhes dará um corpo espiritual que os equipará para viverem a
O segundo sistema respiratório é o que será usado na segunda dimensão eterna da suas vidas. Imaginem como será essa dimensão!
fase da sua vida. Depois de cumprido o seu período sob a água, a Quase no final do Novo Testamento, na Primeira Epístola de
libélula sobe para a superfície, vai para a terra, estende suas asas, e João, o já idoso líder da Igreja do Novo Testamento reflete sobre
depois de secá-las ao sol inicia a segunda fase de sua existência. quem ou o que somos como crentes e quem e o que vamos ser. Ele
Deus criou a libélula para viver essas duas dimensões. afirma que o que seremos ainda não foi revelado, mas será
Temos uma semelhança com a libélula. De acordo com maravilhoso, muito além do que podemos imaginar, porque no céu,
Paulo também fomos feitos por Deus para vivermos duas dimensões. seremos exatamente como Cristo é agora (cf. I João 3: 1, 2).
Deus nos deu este corpo para vivermos aqui na terra, mas vai nos dar Paulo escreveu que o mundo inteiro espera ansioso para ver o
um corpo celestial para vivermos para sempre a segunda dimensão da milagre glorioso que nos acontecerá. Já ouvi dizer que envelhecer é
nossa existência no céu. para valentes. Conforme envelhecemos ou vemos nossos amados
Se fôssemos fazer um exame na vida de alguém nascido de envelhecerem, não podemos nos esquecer de que este corpo é apenas
novo, como o exame da libélula, descobriríamos que o nascido de o “traje terreno” do crente. Deus preparou este corpo para que
novo também é equipado com dois sistemas de vida. Todo autêntico possamos viver na terra; mas para cada seguidor de Cristo Ele nos
seguidor de Cristo tem um corpo terrestre ou um sistema de vida que preparou uma corpo espiritual para vivermos no céu como filhos de
o capacita a viver a primeira dimensão da sua existência, e também o Deus.
que Paulo chamou de “nova criação”, “novo homem” ou “homem
Estes dois versículos que relacionam o crescimento e a vitória
interior”.
com o sofrimento e a eternidade são seguidos por outros versículos
De acordo com Paulo, assim como acontece com o sistema
muito profundos que contém verdades fascinantes sobre este mundo
respiratório da libélula, o milagre da nova criação pelo Espírito Santo
criado e sustentado por Deus. Os filhos de Deus não são apenas uma
nos capacita com um corpo espiritual que Deus vai dar a todo crente
criação de Deus que precisa constantemente de um toque do Criador:
e esse corpo espiritual nos prepara para vivermos no céu
34
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

“Pois ela (a criação) foi submetida à inutilidade, não pela sua própria natureza criada será libertada da escravidão da decadência
própria escolha, mas por causa da vontade daquele que a sujeitou, em que se encontra, recebendo a gloriosa liberdade dos filhos de
na esperança de que a própria natureza criada será libertada da Deus. Sabemos que toda a natureza criada geme até agora, como
escravidão da decadência em que se encontra, recebendo a gloriosa em dores de parto. E não só isso, mas nós mesmos, que temos os
liberdade dos filhos de Deus. Sabemos que toda a natureza criada primeiros frutos do Espírito, gememos interiormente, esperando
geme até agora, como em dores de parto” (Romanos 8:20-22). ansiosamente nossa adoção como filhos, a redenção do nosso corpo.
Para interpretar estes três versículos precisamos compreender Pois nessa esperança fomos salvos. Mas, esperança que se vê não é
a queda do homem, descrita nos primeiros capítulos do Livro de esperança. Quem espera por aquilo que está vendo? Mas se
Gênesis e no primeiro capítulo desta carta de Paulo aos romanos. O esperamos o que ainda não vemos, aguardamo-lo pacientemente”
pecado do homem mudou tudo o que ele tocava. No meio ambiente (Romanos 8:20-25).
vemos de várias maneiras, o resultado do pecado do homem. A Agora Paulo volta à questão da nossa redenção completa e
ambição do homem polui as águas, o ar que respiramos e a comida final e escreve que somos salvos para essa esperança de redenção dos
que comemos. nossos corpos. Por isso afirmamos que jamais seremos totalmente
Com base no relato da criação podemos afirmar que tudo que redimidos até que ressuscitemos para a eternidade. Quando algum
existe sofreu influência com a queda do homem. De acordo com os servo do Senhor adoece e morre costumamos questionar por que ele
versículos citados, quando se completar a redenção do homem, o não foi fisicamente curado. A resposta parcial a esta pergunta
mundo também passará por uma redenção completa e final. Quando encontra-se nesses versículos citados. Da mesma forma que a
somos redimidos nos tornamos novas criaturas. Paulo ensinou, nesta redenção não será completa até que a eternidade tenha início, a cura
carta, que nosso velho homem morre para que nossa vida nova se também não será completa até que ressuscitemos no céu. Quando se
inicie. As Escrituras ensinam que um dia Deus criará um novo céu e transformarem os corpos para viverem no céu, aí então a cura e a
uma nova terra nos quais a justiça reinará (II Pedro 3:13). redenção serão completas.
Paulo firma aqui no capítulo 8 de Romanos, que a presente
criação está gemendo, esperando a nova criação. “Pois ela foi
submetida à inutilidade, não pela sua própria escolha, mas por
causa da vontade daquele que a sujeitou, na esperança de que a
35
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

Mesmo Assim, Ore! Agradeço a Deus por essa promessa e por Deus não me dar
“Da mesma forma o Espírito nos ajuda em nossa fraqueza, tudo o que peço. Agora que sou um cristão mais maduro posso olhar
pois não sabemos como orar, mas o próprio Espírito intercede por para trás, ver como Deus trabalhou na minha vida e dizer: “Espírito
nós com gemidos inexprimíveis. E aquele que sonda os corações Santo, obrigado por interceder por mim quando meus pedidos são
conhece a intenção do Espírito, porque o Espírito intercede pelos errados”.
santos de acordo com a vontade de Deus” (26, 27). O Velho Testamento registra que alguns homens de Deus,
Nos versículos 23 a 25 Paulo escreveu que nossos corpos e a como Moisés, Elias e Jó, chegaram a tal ponto de exaustão e
criação geme esperando a redenção plena. E prosseguiu com estes desânimo que pediram para morrer. Mesmo sendo muito espirituais,
versículos que trazem tanto conforto para um número incontável de estavam física, mental, emocional e até espiritualmente esgotados e
cristãos há mais de dois mil anos, ao dizer que Deus nos ouve e não pediram a coisa certa a Deus. Mas como seus corações estavam
ministra em nossas fraquezas mesmo quando não sabemos como diante de Deus, nosso Pai amoroso não atendeu o pedido deles e não
orar. os matou.
Qualquer pessoa que ora sabe que devemos pedir de acordo Deus deu a Moisés setenta homens que o ajudaram a carregar
com a vontade de Deus. Mas o problema é que nem sempre sabemos a carga que o tinha deixado esgotado. Durante quase quarenta anos
qual é a vontade de Deus e por esta razão há pessoas que não ora, Moisés tinha guiado os filhos de Israel pelo deserto, percorrendo uma
nem apresenta a Deus suas petições. distância que poderia ter sido feita em onze dias. Ele estava cansado,
O que este apóstolo ensina é que devemos orar mesmo assim, e cansado de ficar cansado. Moisés ficou esgotado (cf. Números
porque o Espírito Santo conhece a vontade de Deus para cada uma de 11:10-17).
nossas petições. Por isso quando oramos, pedindo ou não dentro da Paulo ensina que não podemos deixar que o fato de
vontade de Deus, o Espírito Santo intercede por nós de acordo com a não conhecermos a vontade de Deus nos impeça de continuar orando.
vontade de Deus! Em uma linguagem simples. Isso significa que Devemos orar mesmo assim, porque o Espírito Santo vai interceder
quando pedimos alguma coisa errada, se nossos corações forem por nós e Deus vai nos dar o que está em alinhamento com a Sua
sinceros diante de Deus, o Espírito Santo intercede por nós e Deus vontade.
nos dá o que é da vontade d’Ele para nós ou para aqueles por quem Na minha opinião, em se tratando do profeta Elias, ele
oramos. negligenciou o que eu chamo de “Manutenção do Templo”. Paulo
36
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

ensina que nosso corpo é Templo do Espírito Santo. Como nossa o seu propósito”.
vida é a união do aspecto físico, espiritual e mental, quando Este versículo começa com a promessa maravilhosa de que
negligenciamos o aspecto físico, a exaustão se manifesta nos outros todas as coisas colaboram para o bem. Paulo escreveu “todas as
aspectos também, no mental, emocional e até no físico. Quando coisas” várias vezes, mas não usou a expressão “de vez em quando”
Elias pediu a Deus para morrer, Deus o fez adormecer, depois o ou “casualmente”. Crentes e incrédulos que passaram por tragédias,
acordou para alimentá-lo e o fez dormir novamente. Esse profeta que como por exemplo, as conseqüências de uma guerra, já questionaram
antes queria morrer, depois de descansar e comer recebeu energia e estas palavras de Paulo. Tragédias como uma guerra ou outros males
disposição para viajar durante quarenta dias! Ele pediu a coisa da humanidade muitas vezes parece que só podem ser explicados
errada para Deus, mas Deus lhe deu a coisa certa (cf. I Reis 19:1-8). como um caos acidental ou a triste constatação de que se está no
Lendo cuidadosamente os discursos de Jó, vemos que o seu lugar errado na hora errada. Esses questionadores olharam para essas
sofrimento o levou até o ponto de fazer a mesma oração que Moisés palavras de Paulo e perguntaram: “Você tem certeza que são ‘todas
e Elias fizeram (Jó 3:11, 10:18). O profeta Jonas fez oração as coisas’, Paulo? Mesmo essa tragédia horrorosa?”.
semelhante a que fizeram os três primeiros (cf. Jonas 4). Deus não Preste atenção nesta tradução livre deste texto: “Além disso,
matou, nem Jó nem Jonas. Quando eles pediram a Deus para morrer, sabemos que para aqueles que amam a Deus, que são chamados de
Deus lhes deu o conteúdo dos livros que levam seus nomes. Estes acordo com o Seu plano, tudo o que lhes acontece se encaixa para o
quatro exemplos ensinam-nos que mesmo pessoas tementes a Deus bem deles” (28). Quero fazer duas observações a respeito deste
podem chegar a ponto de perder a perspectiva de vida e fazer um versículo. A primeira é que a promessa que inicia este versículo está
pedido errado. Esses quatro homens são exemplos do que Paulo está sujeita a dois pré-requisitos muito importantes:
ensinando nesta passagem sobre oração. 1) Amar a Deus.
Estes dois versículos, Romanos 8:26, 27, são uma preparação 2) Atender ao chamado segundo o propósito de Deus
para os versículos seguintes, os quais, desde que foram escritos, O que significa exatamente amar a Deus? O apóstolo João
servem de consolo e inspiração para milhões de discípulos cristãos. ensina que não é fácil amar a Deus e lança um desafio: “Se alguém
O versículo 28, entretanto, pode ser mal interpretado e aplicado afirmar: ‘Eu amo a Deus’, mas odiar seu irmão, é mentiroso, pois
erroneamente: “Sabemos que Deus age em todas as coisas para o quem não ama seu irmão, a quem vê, não pode amar a Deus, a quem
bem daqueles que o amam, dos que foram chamados de acordo com não vê” (I João 4:20).
37
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

De acordo com Paulo, mostramos que amamos a Deus prioridade atender ao Seu chamado, a única coisa que nos interessa é
quando atendemos ao Seu chamado. Quando a prioridade em cada o bem de Deus. Sempre que passamos por problemas, devemos
fibra do nosso ser é atender ao chamado de Deus, como Moisés, reagir imediatamente com a pergunta: “Como esta situação se
Elias, Jó e Jonas fizeram, satisfazemos as condições para aplicarmos encaixa para o bem e glória de Deus?”.
esse versículo em nossas vidas e em nossos problemas, Para as situações de sofrimento, o salmista lançou uma
independentemente da tragédia que possa nos sobrevir. pergunta semelhante: “Quando os fundamentos estão sendo
Algumas vezes, depois de pregar que todas as coisas destruídos, que pode fazer o justo?” (Salmo 11:3). Com base em
colaboram para nosso bem, crentes e incrédulos vieram me procurar comentários de estudiosos do hebraico, este versículo poderia ser
e questionar minha pregação. O fato é que se toda sua vida tiver sido assim traduzido: “Quando os fundamentos das nossas vidas estão
dirigida por valores egoístas e pertencentes a este mundo, então não caindo, o que O Justo está fazendo?”.
lhe poderá ser aplicado este versículo. Antes de aplicarmos esta promessa maravilhosa de que todas
Minha segunda observação é que este versículo não está as coisas cooperam para o bem, devemos entender e aplicar esses
dizendo que tudo que acontece em nossas vidas é bom. Às vezes pré-requisitos. Só assim entenderemos este versículo.
parece que nada do que nos acontece é bom. Jesus e Paulo trataram
deste assunto com muita propriedade. A Providência de Deus
O ensino de Jesus é que passaríamos por aflição neste mundo Depois das perspectivas de oração desses versículos, Paulo dá
(cf. João 16:33) e em concordância com este ensino o apóstolo Paulo continuidade à sua carta escrevendo uma das palavras mais
deixou claro que freqüentemente sofremos por causa do mal que inspiradas da Bíblia, tratando ainda do tema que tinha iniciado no
odeia o Senhor Jesus Cristo e aqueles que são Seus. A promessa do capítulo 5, versículo 2. “Como pecadores que foram declarados
versículo 28 de Romanos 8 é que, cumpridos os requisitos, nosso justos por Deus podem viver uma vida justa?” Os quatro
Deus pode transformar tudo o que nos acontece, mesmo que seja um conquistadores e as quatro leis espirituais são a resposta de Paulo
trágico problema, em algo bom para nossa vida. para esta pergunta. Mas agora Paulo apresenta a resposta mais
Isso levanta outra pergunta: esse versículo está se referindo convincente e inspiradora para esta pergunta, concluindo que
ao bem de quem? Ao nosso bem ou ao bem de Deus? A resposta podemos ser mais do que simples conquistadores – somos super
está nos requisitos desta promessa. Se amamos a Deus e temos como vencedores!
38
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

O ponto máximo deste ensino de Paulo é que nossa vitória predestinou, também chamou; aos que chamou, também justificou;
não é uma questão de quem ou o que somos. A nossa vitória aos que justificou, também glorificou” (29, 30).
espiritual não consiste no que podemos ou não podemos fazer e não O primeiro milagre da providência de Deus na nossa
tem nada a ver com que desejamos. A nossa vitória espiritual é justificação pela fé é o fato de Deus conhecer com antecedência
original e sua força está em Quem ou no Quê Deus é; no que Ele aqueles que Ele declararia justos. A onisciência é um dos atributos
pode e quer fazer. Ele é a fonte da nossa conquista. Ele é o Poder de Deus e significa que Deus sabe tudo sobre o passado, o presente e
que está por trás da nossa vitória hoje e no mundo por vir. A glória o futuro. Deus jamais se surpreende com nada que acontece.
de Deus é o propósito de tudo que nos acontece – pecadores Quando o homem caiu com o pecado de Adão Deus não Se
declarados justo e capacitados para viver uma vida justa. surpreendeu. Ele não teve que acionar o “Plano B”. A redenção do
Ao concluir esta seção da sua obra-prima Paulo usa homem caído sempre fez parte do plano de Deus.
novamente estas palavras - “todas as coisas”: “Pois dele, por ele e O fato de Deus saber com antecedência aqueles que seriam
para ele são todas as coisas. A ele seja a glória para sempre! justificados não implica em uma violação no livre arbítrio do
Amém” (Romanos 11:36). Este versículo está um pouco mais homem. O fato de Deus ter predestinado aqueles que de antemão
adiante, mas lendo os últimos versículos do capítulo onze antes de ler conheceu não significa que Ele escolheu um para o céu e outro para o
esta passagem que estamos enfocando agora, você terá uma inferno. Estudaremos o conceito de eleição no capítulo 9 e
perspectiva que o ajudará a compreender a passagem que é o apogeu enfocaremos mais de perto este assunto. O ensino aqui é que Deus
desta carta de Paulo, o apóstolo que escreveu metade do Novo predestinou pecadores para serem justificados e serem conforme a
Testamento! imagem do Seu Filho.
Paulo começa explicando que quando Deus decidiu enviar Como sabem aqueles que foram declarados justos, o que é
Seu Filho ao mundo a fim de nos tornar pecadores justificados, foram viver de maneira justa? Essa foi uma das razões por que Deus
necessários três milagres. Além disso, existe uma dimensão futura enviou o Seu Filho Amado a este mundo. Deus predestinou ou pré-
neste nosso viver justo envolvendo um milagre que só depende de determinou que Seu Filho fosse O Primeiro dentre muitos que seriam
Deus: “Pois aqueles que de antemão conheceu, também os como Ele, que seriam Seus irmãos. É por isso que lemos que Jesus
predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de não Se envergonha de nos chamar irmãos (cf. Hebreus 2:11).
que ele seja o primogênito entre muitos irmãos. E aos que O terceiro milagre de Deus para que nos tornemos conforme a
39
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

imagem do Seu Filho é que depois de conhecer de antemão e “Que diremos, pois, diante dessas coisas? Se Deus é por nós,
predestinar, Deus também chamou. Parece que a palavra chamar é quem será contra nós? Aquele que não poupou seu próprio Filho,
uma das preferidas de Paulo quando se refere aos seguidores de mas o entregou por todos nós, como não nos dará juntamente com
Cristo que experimentam a salvação. Ser justificado pela fé e ele, e de graça, todas as coisas? Quem fará alguma acusação contra
encontrar, pela fé, o acesso à graça é mais do que uma mera os escolhidos de Deus? É Deus quem os justifica. Quem os
disposição intelectual. É um “chamado” para ter um relacionamento condenará? Foi Cristo Jesus que morreu; e mais, que ressuscitou e
com o Cristo Vivo e Ressurreto (cf. I Coríntios 1:9). Deus quer que está à direita de Deus, e também intercede por nós. Quem nos
conheçamos o Seu Filho e que nos tornemos como Ele é. separará do amor de Cristo? Será tribulação, ou angústia, ou
Esses três milagres formam o contexto para a mensagem perseguição, ou fome, ou nudez, ou perigo, ou espada? Como está
principal desta carta: aqueles que Ele conheceu, predestinou e escrito: ‘Por amor de ti enfrentamos a morte todos os dias; somos
chamou, Ele justificou. Paulo vai além desta vida terrena e profetiza considerados como ovelhas destinadas ao matadouro’. Mas, em
uma dimensão do presente e do futuro para este importante milagre. todas estas coisas somos mais que vencedores, por meio daquele que
Aqueles que Ele justificou, também glorificou. Esta palavra está de nos amou” (31-37).
acordo com o que Paulo escreveu aos Coríntios: Deus nos deu um A primeira pergunta que Paulo fez foi: “Que diremos, pois,
corpo terreno para viver nesta vida e nos dará um corpo espiritual ou diante dessas coisas?”. A resposta a essa pergunta, ele mesmo
celestial para vivermos no céu. responde com uma segunda pergunta que revela o seu próprio
Entretanto este versículo também revela que a experiência da pensamento: “Se Deus é por nós, quem será contra nós?”. Se Deus
glorificação começa quando somos justificados pela fé e acessamos a está nos chamando para experimentarmos estes cinco milagres e
graça de Deus. Quando a graça de Deus transforma nossas vidas e nossa redenção, a redenção final depende mais dEle do que de nós.
nos tornamos novas criaturas, nosso homem interior pré-figura o Então quem pode vir contra nós?
estado glorificado que teremos na eternidade. A terceira pergunta acrescenta um conceito muito importante
a esta carta. “Aquele que não poupou seu próprio Filho, mas o
Perguntas e Respostas entregou por todos nós, como não nos dará juntamente com ele, e de
Paulo formula sete perguntas cujas respostas são graça, todas as coisas?”. Se Deus nos amou a ponto de dar O Seu
empolgantes: Filho por nós, você não acha que Ele dará tudo o que precisamos
40
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

para seguir o Seu Filho, nosso Salvador e Senhor? Paulo já tinha significa “declarado justo”, como “declarado digno”. Muita gente
considerado isso: se somos reconciliados com Deus pela morte do sofre em agonia tentando conquistar valor próprio por meio de boas
Seu Filho, não seremos salvos pela vida do Filho Vivo e Ressurreto? obras. A mensagem desta obra-prima teológica da Bíblia é que Deus
(cf. 5:10). mostrou a este mundo de pecadores declarados dignos que isso não
Considere a quarta pergunta de Paulo no contexto do depende de obras positivas ou negativas da nossa parte.
julgamento sobre o qual ele escreveu no segundo capítulo: “Quem Paulo está dizendo aqui nesta carta que quando Deus nos
fará alguma acusação contra os escolhidos de Deus?”. Deus declara dignos, o diabo está lá para dizer exatamente o contrário:
certamente não fará isso, porque Deus é Aquele que nos declara “Você não é digno. Você não merece”. Isso pode ser uma aplicação
justos. Ele desfalcou o céu e sacrificou o Seu Filho para nos mais do que uma interpretação. Quando você se sentir condenado ou
justificar. Certamente Ele não vai nos condenar. alguém lhe disser que você não tem valor, pense neste versículo. O
A quinta pergunta de Paulo foi: “Quem os condenará?”. Espírito Santo então vai testificar com o seu espírito que você é um
Existem dois pensamentos implícitos aqui. Deus submeteu todo o filho de Deus e tem valor.
julgamento a Jesus Cristo (cf. João 5:22), o que quer dizer que Jesus O seu valor está garantido porque ele não se baseia na sua
está qualificado para nos condenar. Entretanto, Jesus declarou que capacidade de fazer tudo certo e não falhar. Esta declaração de que
não veio ao mundo para condenar o mundo, mas para que o mundo você é justo e tem valor é como o amor incondicional de Cristo, que
fosse salvo através dEle (João 3:17). Como Jesus pagou o preço da não é obtido por meio de um bom desempenho e nem é perdido por
nossa redenção, Ele não nos condenará. Jesus está assentado à causa de um mau desempenho. É isso o que significa “graça e
direita de Deus intercedendo por nós (cf. Hebreus 7:25; I João 2:1). misericórdia de Deus” – existe perdão quando você erra. É Deus
O segundo pensamento implícito na pergunta de Paulo refere- quem nos justifica.
se à forma como o mal trabalha. A Bíblia afirma que o diabo nos A sexta pergunta: “Quem nos separará do amor de Cristo?” é
acusa diante de Deus, de dia e de noite. Quando o acusador for um tremendo consolo para todos nós. E a sétima pergunta é uma
destruído, o Reino de Deus emergirá com grande poder (cf. lista de circunstâncias que muitas vezes acreditamos poderem nos
Apocalipse 12:10, 11). separar do amor do Senhor Jesus Cristo Vivo e Ressurreto. O
Um dos meus preferidos estudiosos da Bíblia, com quem consolo está na informação que Paulo dá de que nenhuma dessas
servi como pastor assistente, parafraseou a palavra “justificado”, que
41
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

coisas pode nos separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus A chave para a conquista mais importante do pecador que foi
nosso Senhor. declarado justo pela fé é o amor de Deus em Cristo Jesus nosso
A Vida é difícil! Tanto Jesus quanto os Apóstolos foram Senhor. A chave para a vitória não vem de nós, mas vem de Deus e
muito realistas com respeito à tribulação e ao sofrimento que o está em Cristo. Esta é a base da forte segurança deste apóstolo.
mundo impõe àqueles que decidiram seguir a Cristo, a quem o Realmente não existe nada de novo nesta conclusão de Paulo.
mundo odeia (cf. João 16:33; Atos 14:6-22). Ela é apenas uma síntese de tudo o que ele ensinou. Paulo anunciou
Paulo mencionou muitos desafios que hoje os discípulos de que estava certo de que a morte não nos separará do amor de Cristo.
Jesus Cristo enfrentam. A lista inclui tribulação, perseguição e até Aos Coríntios Paulo escreveu que estar ausente do corpo é estar
morte pela espada. A impressionante resposta de Paulo é que somos presente com o Senhor (II Coríntios 5:6-8). Aos Filipenses ele
mais que vencedores em todas estas coisas porque nada pode nos escreveu que o viver é Cristo e o morrer é lucro e que ele preferiria
separar do amor de Deus! morrer e estar com Cristo (cf. Filipenses 1:20-23). Portanto, a morte
No Salmo 23 Davi fala da misericórdia ou do amor não o separaria nem nos separará do amor de Cristo.
incondicional de Cristo que nos segue todos os dias de nossas vidas e Paulo também está convencido de que nada nesta vida pode
que estará conosco para sempre (Salmo 23:6)! Pode ser que o nos separar do amor de Cristo. Paulo não tinha absolutamente medo
apóstolo Paulo tivesse em mente este texto de Davi quando da morte, porque ele cria que viver era Cristo e morrer era lucro. Os
respondeu à sétima e última pergunta: “Pois estou convencido de que discípulos verdadeiros de Cristo, que realmente crêem nos valores
nem morte nem vida, nem anjos nem demônios, nem o presente nem eternos do Evangelho não devem temer a morte.
o futuro, nem quaisquer poderes, nem altura nem profundidade, nem Alguns crentes, entretanto, temem a vida mais do que a
qualquer outra coisa na criação será capaz de nos separar do amor morte. Se temos a filosofia de morte que Paulo tinha, não devemos
de Deus que está em Cristo Jesus, nosso Senhor” (38, 39). temer a morte porque morrer é lucro. Se temos a filosofia de vida de
Este é o resumo e a conclusão maravilhosa que Paulo fez da Paulo também não precisamos temer a vida, porque viver é Cristo.
argumentação iniciada no capítulo 5, versículo 2. Ele explicou com Paulo tinha convicção de que não existe nada nesta vida nem na
detalhes como um ímpio, um pecador, que antes era inimigo de Deus, morte que possa nos separar do amor de Deus em Cristo Jesus.
pode ser declarado digno de alguma coisa e como pode acessar a Paulo tinha certeza e ensinou, que existe a dimensão
graça que o permitirá viver uma vida que glorifique a Deus. espiritual desta vida na qual anjos, principados e potestades têm um
42
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

impacto positivo ou negativo sobre as nossas vidas. Ele escreveu aos céus e Marte’ e que falaria sobre o amor e a salvação de Deus para os
Efésios que “a nossa luta não é contra seres humanos, mas contra os seus habitantes marcianos!”.
poderes e autoridades, contra os dominadores deste mundo de Paulo poderia estar declarando que mesmo que exista uma
trevas, contra as forças espirituais do mal nas regiões celestiais” (cf. criação em algum lugar do universo, até mesmo essa criação não
Efésios 6:12). Paulo sabia que nenhuma dessas forças espirituais poderia nos separar do amor de Deus em Cristo Jesus.
pode nos separar do amor de Deus em Cristo Jesus. Não existe
absolutamente nenhuma circunstância no presente e não haverá no Aplicação Pessoal
futuro que possa nos separar deste amor. Somos pecadores indignos que foram declarados dignos por
A seguir Paulo falou sobre altura e profundidade. Esta foi causa da vida e da morte do Filho de Deus. Temos acesso à graça
uma referência que Paulo fez ao fato de Jesus ter subido às alturas e que nos permite viver de maneira justa, que glorifica a Deus que nos
ter descido até às profundidades, onde libertou os cativos e liberou declarou dignos. Quatro conquistadores mostram como pecadores
dons aos homens (cf. Efésios 4:8-10). justificados podem reinar nesta vida. Quatro leis espirituais mostram
O tema principal da Carta aos Efésios nos desafia a viver no como flutuar sobre a lei do pecado e suas terríveis conseqüências.
céu ou nas alturas celestiais, onde podemos receber todas as bênçãos Depois temos a majestosa declaração de Deus, que de antemão
espirituais em Cristo Jesus (cf. Efésios 1:3). Outra aplicação se conheceu, pré-determinou, chamou, justificou e glorificou pecadores
refere às alturas e às profundezas pelas quais todos nós passamos indignos para serem mais do que vencedores nesta vida e na
nesta vida. A promessa é que não existe altura nem profundidade próxima!
que possa nos separar do amor de Cristo. Paulo escreveu que estava plenamente convencido de que esta
A última declaração de Paulo foi que “nem qualquer outra lista de milagres é absolutamente verdadeira! Você também está
coisa na criação” pode nos separar do amor de Deus. convencido disso? Você é justificado pela fé ou ainda está tentando
Em pleno século 21 temos ouvido especulações sobre outros se salvar por si mesmo, tentando cumprir a Lei que existe para o
planetas. Quase um século atrás um importante teólogo questionou: quebrar e calar a sua boca e levá-lo a confessar que necessita
“Como se salvariam os marcianos, se houvesse vida em Marte?”. desesperadamente de um Salvador e que não pode se salvar por si
Ele mesmo respondeu: “Se existisse vida em Marte, eles teriam uma mesmo?
Bíblia que se iniciaria com as palavras ‘No princípio criou Deus os
43
Apostila no 30: CARTA DE PAULO AOS ROMANOS, VERSÍCULO POR VERSÍCULO (Segunda Parte)

Você está convencido de que Deus, que é a Fonte deste


milagre, também será a Força por trás deste milagre e acabará a obra
que Ele iniciou quando o declarou justo? Creia no que você acabou
de ler nos oito primeiros capítulos desta obra-prima teológica.
Atenda o chamado de Deus e seja justificado pela fé. Seja
glorificado nesta vida e na vida que está por vir!
Querido leitor, esta é apenas a segunda apostila desta série de
estudo do livro de Romanos. Se você ainda não leu o primeiro
volume, escreva-nos solicitando-o, bem como a apostila de número
31, que dará continuidade a este estudo maravilhoso.
Escreva-nos também para contar se você já abriu o seu
coração para crer. Se você já foi justificado pela fé e conhece o
acesso à graça para viver de maneira justa, escreva-nos contando
como Deus tem usado esses estudos da Palavra de Deus na sua vida.

44