Você está na página 1de 1

TEMA: QUEM É VOCÊ, OSSO OU PROFETA? 5. É preciso entrar nela o espírito – vs.

9 – até aqui o que se tem,


TEXTO: Ez: 37.1-5 apesar de essencial à vida, é apenas um “defunto fresco”, que não é
INTRODUÇÃO: Os ossos são as casa de Israel (vs 11), que é o muito diferente dos ossos secos. a diferença é só o tempo. se o
povo de Deus, que é a igreja. Vejamos como a igreja pode estar aos corpo recuperado não receber o espírito, logo voltará a ser ossos
olhos de Deus: Apenas ossos sequíssimos (vs 2). secos. (vs. 8) a igreja de deus tem que amar e desejar a presença
PERGUNTA DE LIGAÇÃO: Quem é você no vale, Ossos Secos ou do espírito santo. (vs. 9) para viver – vs. 10.
o Profeta? para se por de pé – vs. 11
1. CARACTERISTICAS DOS OSSOS SECOS
1. Representa morte. Dizimo e Oferta
2. Sepultura e cemitério.
3. Mau cheiro.
"A quem dá liberalmente, ainda se lhe acrescenta mais e mais; ao
4. Enterro. que retém mais do que é justo, ser-lhe-á em pura perda. A alma
5. Osso sequíssimo diz respeito que já morreu há muito tempo. generosa prosperará, e quem dá a beber será dessedentado."
APLICAÇÃO PRATICA: Provérbios 11:24-25
1. Diz respeito àquele que não ora, não busca, não consagra e não
ler a palavra.
Dia dos mortos, origem e prática.
A prática de orar pelos defuntos iniciou-se por volta do 5º século
2. Fala de quem participava de todos os trabalhos por amor e hoje (d.c), quando a igreja passou a dedicar um dia especifico do ano para
é negligente. rezar pelos seus mortos. No entanto, o culto de finados somente seria
3. Trabalhou muito pelo reino como um bom soldado, hoje é um instituído na França, no século X, através de um abade beneditino de
nome Cluny. Um século depois, os papas Silvestre II (1009), João XVII
simples irmão encostado, soldado aposentado. (1009) e Leão IX (1015) obrigaram os fiéis a dedicar um dia inteiro aos
4. Enterrou os talentos. mortos.
5. O mau cheiro dos ossos podem também dizer pecado Já no século XIII o dia de rezar pelos finados finalmente começou a
ser celebrado em 2 de novembro. Essa data foi definida por ser um dia
escondido. depois da comemoração da Festa de Todos os Santos, onde se celebrava
2. O PROFETA: a morte de todos que faleceram em estado de graça e que por algum
1. Profeta significa aquele que proclama a palavra de Deus. motivo não foram canonizados.
2. É o representante de Deus.
3. É aquele que tem intimidade com Deus (Vs filho do homem A Bíblia é absolutamente clara ao afirmar que após a morte só nos resta
o juízo. Ensina também, que o fato de toda e qualquer decisão por Cristo
poderão viver esses ossos?). só pode ser tomada em vida, o que, por conseguinte, nos leva a entender
4. É o homem escolhido para mudar o ambiente. de que não existe fundamento teológico para interceder a favor dos
5. Ele só fala e faz o que Deus manda nada alem disso. mortos.
6. Foi o canal usado para trazer vida onde só havia morte. Para os católicos romanos a referência bíblica que fundamenta esta
7. O profeta é o homem de fé. prática encontra-se em 2 Macabeus 12.44. Entretanto, nós protestantes,
3. QUEM É VOCÊ: OSSO OU PROFETA? não reconhecemos a canonicidade deste livro e nem tampouco a
1. Você representa morte ou vida. legitimidade desta doutrina, uma vez que o Protestantismo não se
submete às tradições católicas e sim as doutrinas das Sagradas Escrituras.
2. Enterrou o seu talento ou Deus te usa. Segundo a interpretação protestante, a Bíblia nos diz que a salvação de
3. Tem pecado na sua vida, ou vive em santidade. uma pessoa depende única e exclusivamente da sua fé na graça salvadora
4. É representante de cemitério ou representante de Deus. que há em Cristo Jesus e que esta fé seja declarada durante sua vida na
4. O QUE É PRECISO PARA QUE A IGREJA TENHA VIDA? terra (Hebreus 7.24-27; Atos 4.12; 1 João 1.7-10) e que, após sua morte, a
1. Que alguém creia na palavra de deus, ainda que a atual pessoa passa diretamente pelo juízo (Hebreus 9.27) e que vivos e mortos
circunstância pareça dizer o contrário – vs. 3, 4,7 – profetizar é não podem comunicar-se de maneira alguma (Lucas 16.10-31).
“declarar o que deus diz”. diferente da confissão positiva, a profecia
diz: “assim diz o senhor”. Ora, do ponto de vista bíblico é inaceitável acreditar que os mortos
2. Que haja tendões sobre os ossos – vs. 6 – são os ligamentos que estejam no purgatório ou no limbo aguardando uma segunda
unem os ossos. o povo de deus tem que estar unido para ter vida. oportunidade para a salvação.
um monte de ossos separados são apenas ossos, mas quando
ligados é um corpo. Em hipótese alguma nós como cristãos devemos celebrar ou participar de
3. Que cresça carne sobre os tendões – vs. 6 – é o conteúdo interior. culto aos mortos, antes pelo contrário, fomos e somos chamados a
a robustez interna. é onde se acham as reservas de energia. é o que anunciar aos vivos a vida que somente podemos experimentar em Cristo
identifica a saúde de uma pessoa. o doente fica “em pele e osso”. se Jesus.
o povo de deus quer ter vida, é preciso cuidar do conteúdo do corpo.
a unidade tem que ser revestida de conteúdo.
4. Que se estenda pele sobre a carne – vs. 6 – é o revestimento
Av. 31 de Março Terra Nova II
exterior. aquilo que se vê em uma pessoa. é o que revela a beleza
do corpo. ninguém consegue enxergar os ossos, os tendões ou a
Pr. Michael Camurça carne. se a igreja de deus quer ter vida, é preciso mostrar um
Pra. Diana Camurça exterior saudável.

Manaus 02 de Novembro 2014

BOLETIM DA RAC Nº 24