Você está na página 1de 48

ROMPENDO

OS
PACTOS
DE
SANGUE
Com orações
Missionário: Jonas Ribeiro da Silva
Contato (41) 999867464 (41)36989302
E-mail: Jonas.jribeiro@gmail.com
stiintercessao@gmail.com
www.jocumpr.com.br/sti
SUMÁRIO
INTRODUÇÃO----------------------------------------------------------------2
1.SANGUE --------------------------------------------------------------------- 3
2.INÍCIO ------------------------------------------------------------------------4
3.A QUEDA ---------------------------------------------------------------------5
4.PACTOS DE SANGUE-----------------------------------------------------9
5.VALORES DO SANGUE NO ESPIRITISMO -----------------------11
6.SANGUE BRANCO -------------------------------------------------------16
7.SANGUE INCOLOR DAS LÁGRIMAS ------------------------------19
8.SANGUE INCOLOR DO SUOR ----------------------------------------20
9.SANGUE NA ALIANÇA ABENÇOADA ------------------------------21
10.TATUAGEM ---------------------------------------------------------------24
11.HONRA --------------------------------------------------------------------- 26
12.FILHOS DO PECADO --------------------------------------------------29
13.INSEMINAÇÃO E ABORTO-------------------------------------------31
14.RESPONSABILIDADE -------------------------------------------------33
15.COMER SANGUE -------------------------------------------------------36
16.TRANSFUSÃO DE SANGUE -----------------------------------------40
17.SINTOMAS E CAUSAS ------------------------------------------------41
18.O SANGUE MAIS PURO-----------------------------------------------43
19.ORAÇOES -----------------------------------------------------------------44

Jonas Ribeiro da Silva

PACTOS E ALIANÇAS DE SANGUE


2015 – Direitos Reservados – Jonas Ribeiro da Silva

2
1ª Edição – Abril de 2015

Revisão: Isabel Lima Rodrigues da Silva


Diagramação: Isabel Lima Rodrigues da Silva

INTRODUÇÃO

Meu desejo com este material não é colocar uma teologia nova ou discutir o
assunto deste ponto de vista mas sim abordarmos conceitos , princípios e valores
da palavra de Deus; é restaurar o valor da aliança e da honra que na cultura
nossa não tem muito sentido, e também na sociedade atual, a 150 anos atrás
teríamos algumas ideias sobre honra por exemplo: matar ou duelar com o
homem que adulterou com sua mulher pra lavar a honra, ou fazer sua filha casar
se perdeu a virgindade com um namorado, para honrar a família então este era o
conceito de honra que tínhamos que veio da Europa mas os nativos tinham
conceitos bem diferentes sobre honra, como se portar com suas genitais leis do
banho de casamento etc. Pois está condicionado ao sistema de leis de cada povo
no Brasil até pouco tempo adultério era considerado crime e ainda está na lei
atual. Honra também é o sistema de valores de família e de religiões e Leis
divinas aplicada na vida das pessoas. Mas por algumas razões estamos sem
nenhum ensino sobre estes temas esta é uma das razões a outra é as leis que dão
legitimidade a aliança e os pactos e também as consequências delas tanto de
forma positiva ou negativa é o fundamento das maldições espero que neste
material tenhamos uma igreja mais comprometidas com os princípios da aliança
e pactos e da honra e respeito a elas na vida individual e na vida familiar e na
sociedade.

3
1. SANGUE
Este é um tema bastante abrangente e não pretendo
esgotar o assunto por suas variações e perplexidades.
Podemos definir sangue como um líquido que
transita nos corpos de humanos e de animais fazendo
irrigação e transportando nutrientes nos seres vivos.
Seria o bastante para definir sangue?
Acredito que não! É muito mais do que isso. Sangue também é um elemento
com muitas utilidades na medicina e na ciência de reprodução humana e animal
que contém milhões de células e mais células com valores e definições
diferentes umas das outras.
Existem várias terapias com sangue. Os atletas, por exemplo, agora, são
tratados com seu próprio sangue e se descobriu a eficiência na recuperação de
lesões e cirurgias; existe a terapia de tirar e aplicar seu próprio sangue
(hemoterapia) com efeitos muito eficientes para as pessoas. Nas transfusões e
nos bancos de sangue, tiram-se vários elementos do sangue para diversas
aplicações.
Mas, quando o sangue deixa de cumprir com sua função de nos proteger dos
invasores microscópicos e lutar com os glóbulos brancos e vermelhos, podemos
adoecer e, até mesmo, morrer.
Agora, existem outras formas de vermos o sangue, como no mundo espiritual,
por exemplo: Olhando deste ponto de vista, veremos o sangue como uma moeda
espiritual de vários valores e usados por todos os povos de todas as partes do
mundo, em todas as culturas, tanto no passado como nos dias de hoje.
Existem rituais que requerem sangue de animais e também humanos e isso
não é novidade, pelo menos para nós que lidamos com libertação. Se estudarmos
a história dos povos e da humanidade, vemos práticas de derramamento de
sangue ao longo de toda a história da humanidade, mas o mais interessante é
saber o porquê de tudo isto.
Um dos motivos é busca por conquista do poder, riqueza, fama, e poder do
sobrenatural. Mas, a busca pelo espiritual é inerente no homem, dada pelo
próprio Deus.

4
O sangue também nos ensina sobre as alianças e pactos de sangue, todos
temos alianças que são benditas e abençoadas nas nossas vidas e outras que não
são abençoadas nem santas. Mais à frente nos aprofundaremos no assunto.
Vemos, também, espiritualmente que o mais alto nível de aliança tem sangue
envolvido. Por isto eu acredito ser este um tema muito importante e pouco
aprofundado em nosso meio, temos pouca luz sobre o assunto e ainda temos
muitos mitos sobre o tema por conta das leis do Pentateuco. Mas, acredito ser
possível termos um equilíbrio sobre os extremos e o legalismo na forma de
pensar sobre o assunto. Antes, porém, de todas as formas de ver e entender
sangue na mais ampla questão, faz-se necessárias muitas informações a respeito
do assunto e o entendimento de todas as implicações no que diz respeito às áreas
da nossa vida sobre o que se relaciona com sangue.
Quero ser bem claro e muito transparente sobre o assunto sob vários pontos
de vista e, para isso, vou contar com contribuição de pessoas muito mais
especializadas do que eu em algumas áreas de conhecimento técnico.

2. INÍCIO
Gostaria de começar pelo início, claro, mas, quando estava a escrever este estudo,
o Senhor me revelou um evento anterior que tem muito a ver com sangue. Eu
pesquisava a palavra a partir do sacrifício que Deus fez ao sacrificar uma ou mais
ovelhas para vestir Adão e Eva depois de ambos sentirem que estavam nus no
paraíso, mas o que me veio foi, que antes deste sangue derramado, ouve a retirada
de uma costela de Adão para formar Eva e acredito que ela não estava em uma UTI
e nem em uma sala hospitalar. Contudo, o homem foi criado fora do jardim e
depois que foi colocado lá no jardim, ainda que Ele seja O todo poderoso, sangue
faz parte disso, todo ser humano é criado a partir de um pacto de sangue, (vamos
ver isto mais adiante), mesmo porque Eva era tipo um “clone” de células direto de
Adão, tudo a ver com sangue.
A primeira aliança abençoada é o casamento no qual Adão diz que ela é sangue
do seu sangue e ossos dos Seus ossos. Porém, antes de haver um sacrifício de
sangue animal, ouve uma criação específica, com uma parte especifica de
sangue célula tronco logo na criação da família humana desde o começo. Deus
sabe tudo sobre reprodução humana, pois o homem foi o único que não foi
criado da mesma forma como foram feitos os demais na natureza, nenhum
animal foi feito da mesma forma que o homem.

5
3. A QUEDA
Bom, para que fique bem claro, tenho que explicar que satanás estava agindo
na terra para onde ele foi banido depois do seu pecado de querer ser como Deus.
“Agora, que criação é esta que Deus está fazendo? Um ser igual a ele mesmo! ”
O que satanás nunca foi. Então, o homem, este ser é superior e teria domínio
sobre tudo, está era a ideia inicial de Deus, todo domínio seria do homem,
inclusive sobre satanás e seu exército, este homem tinha toda capacidade mental,
psicológica e espiritual cognitiva, 100% em todas as áreas, com visão do mundo
espiritual, por isso satanás em forma de serpente ( dragão no original que
significa majestoso a forma de um querubim) para conseguir se infiltrar no
jardim, e esta era uma visão comum para adão e Eva, na verdade podemos
cogitar se quem estava sendo testado não seria o próprio Lúcifer.
Deus confiava na capacidade do homem que havia criado, mas, em se
tratando de homem, Satanás não sabia nada, tinha que aprender a lidar com a
nova criação de Deus. Faz muitos milhares de séculos que satanás age com o
homem, no jardim, ele tinha que testar para ver como conseguir mais poder, e
como consegui-lo através da adoração. Ele já sabia, mas de que forma a
adoração do homem seria efetiva nesta nova criação. A partir de então, ele
passou a observar como Deus agia com a sua nova criação. Deus sonhou com
um homem que andava na terra, mas vivia no céu também.
A primeira coisa que se nota é que o homem era o único ser de toda criação
com quem o próprio Deus conversava e vinha diariamente para se relacionar,
isto chamou a atenção de satanás, ele descobriu a sensibilidade espiritual e
entendeu que este ser era superior aos outros e muito importante para Deus
também.
Como Deus vai agir para poder conquistar toda atenção e adoração deste
homem recém-criado? Ai vem a ardilosidade de Satanás para fazer o homem
pecar contra uma ordem de Deus, e ele consegue com sucesso fazer que um
deles erre o alvo. Como Deus iria agir agora? O que se observa é que para cobrir
a vergonha há um derramamento de sangue animal. Vem o julgamento para se
estabelecer a responsabilidade pelo pecado.
Gênesis 3:21: “fez o Senhor Deus vestimentas de pele para Adão e sua
mulher.”A vergonha que adão sentiu todo ser humano já sentiu foi quando
tivemos consciência do pecado e fizemos algo errado e fomos nos esconder de
nossos pais sempre que fomos expostos sentimos vergonha, isto acontece muitas
vezes na infância ou adolescência na escola quando somos chamados ao quadro
e não sabemos responder ou resolver isto gera uma tremenda vergonha e

6
exposição nos sentimos expostos e se isto foi acompanhado de uma crítica ou
uma palavra maldosa pior ainda é a magoa ferida e a vergonha somos sucetivos
a vergonha e exposição e reagimos de muitas formas a isto do Éden até hoje.
No princípio, o primeiro sangue Ritual, como propiciação do pecado deles, foi
o de animal para fazer as roupas de Adão e Eva, o próprio Deus matou um
animal para providenciar a solução para o problema da vergonha que o pecado
causa. Hoje vemos a cauterização da consciência, e isto demora mais tempo.
O inimigo aprende rápido, mas ainda faltavam peças a serem encaixadas no
quebra cabeça. Então esperou a nova geração para saber como seria o próximo
passo de Deus. Não há grandes avanços na obra do Diabo até o próximo
acontecimento, que acontece em
Gênesis 4:1-12:

“Adão teve ralações com sua mulher, e ela engravidou e deu a luz
Caim, disse ela: com auxílio do senhor tive um filho homem. Voltou a
dar à luz desta vez a Abel, irmão dele. Abel tornou-se pastor de ovelhas,
e Caim, agricultor. Passado algum tempo, Caim trouxe do fruto da terra
uma oferta ao Senhor. Abel por sua vez, trouxe as partes gordas das
primeiras crias do seu rebanho. O Senhor aceitou com agrado Abel e
sua oferta, mas não aceitou Caim e sua oferta. Por isso Caim se
enfureceu e o seu rosto se transformou. O Senhor disse a Caim: “por
que você está furioso? Por que se transformou o seu rosto? Se você fizer
o bem, não será aceito? Mas se não o fizer, saiba que o pecado o
ameaça a porta; ele deseja conquistá-lo, mas você deve dominá-lo.”
Disse porem, Caim a seu irmão Abel: “vamos para o campo”. Quando
estavam lá, Caim atacou seu irmão Abel e o matou. Então o Senhor
perguntou a Caim: “onde está seu irmão Abel?” Respondeu ele: “Não
sei; sou eu responsável por meu irmão Disse o Senhor: “O que foi que
você fez? Escute! Da terra o sangue do seu irmão está clamando. Agora
amaldiçoado é você pela terra, que abriu sua boca para receber da sua
mão o sangue do seu irmão. Quando você cultivar a terra, esta não lhe
dará mais sua força. Você será um fugitivo errante pelo mundo”

7
Por observação o Inimigo viu que adão ensina seus filhos a oferecer sacrifício
de sangue no altar para Deus mas o inimigo entendeu que havia um altar e
sempre que há um altar existe um sacerdote e um trono e um principado. Por
esta razão ele vai agora inspirar a Caim a oferecer uma oferta diferente para ver
a consequência de Deus e da sua vítima da seta que lançou como conseguiu ele
agora recebe este sangue e esta oferta se estabelece um deus para o sangue
derramado na terra.
Vemos agora como satanás pode obter acesso ao sangue da terra, e mais, a
terra seria amaldiçoada e não produziria com facilidade; então surge o primeiro
deus, o da colheita, e o sacrifício pela culpa e a maldição da fuga da
responsabilidade, mas como, diante de Deus, tudo fica patente não há como
fugir. O peso de quem matar Abel, será vingado sete vezes. Quem vai efetuar
esta vingança? Um espírito perseguidor da iniquidade que foi gerado pelo
derramamento de sangue. Antes podia ser um parente da vítima que fazia esta
vingança e não era culpado por este sangue.

Todo sangue exige um altar todo altar um sacerdócio todo sacerdócio


um trono todo trono um principado. O sangue abriu portais ainda maiores para
os espíritos então eles souberam que sangue animal tem um tipo de valor no
reino do espirito mas o sangue humano tem muito mais valor, porque abre
acesso aos níveis mais altos das trevas, e até os alimentos em oferecimento é
usado pelo diabo que aproveitou a oferta que foi recusada por Deus quando
Caim a ofereceu então ele usa todo tipo de oferecimento, como fonte de pacto e
de envolver as pessoas nos seus vassalos menores deixando as vidas vulneráveis
aos demônios.
Agora podemos entender a importância do sangue como agente de juízo e
justiça. Desta forma é estabelecida uma perseguição. Gênesis 9:4-6 diz:

“Mas não comam carne com sangue, que é a vida. A todo aquele que
derramar sangue tanto homem como animal, pedirei contas; a cada um pedirei
contas da vida do seu próximo quem derramar sangue do homem seu sangue
será derramado porque à imagem de Deus foi o homem criado.”

Então agora o inimigo já sabe quais as armas que ele vai usar para conquistar
o culto dos seres humanos. Ele descobriu aqui a importância do sangue
sacrificial e cultual, ele descobriu que todo sangue tem valor espiritual, e em se

8
tratando dele que é legalista, por menor que seja o valor, ele imprime os juros de
cobrança sobre o que foi feito para ele, ou pelo pecado que gera a legalidade.
Isaías 26:21b “A terra mostrará o sangue derramado sobre ela; não mais
encobrirá os seus mortos. ”

Agora entra a questão de alianças e elas foram feitas bem depois quando o
Senhor chama Abrão para começar o seu povo, o próprio Senhor requereu uma
aliança de sangue de sua descendência, e isso também foi copiado pelos povos
pagãos, fazendo com demônios alianças de sangue. Nas religiões antigas havia
muitos derramamentos de sangue, os druidas antigos também faziam sacrifícios
de animais e sacrifícios humanos; os maias, astecas e egípcios, também faziam
estes tipos de sacrifícios desde a antiguidade. E, ainda hoje, no satanismo,
existe este tipo de sacrifício em todas as partes do mundo;
Podemos pensar que acabou, mas não é verdade, até hoje podem ser vistos,
também no Brasil, não só nas religiões afro.

Na história do Brasil muito sangue foi derramado, pelos índios, pelos


portugueses, e pelos brancos durante o período de colonização do Brasil por
causa da escravidão. Ouve depois contaminação proposital da gripe entre os
índios para tomarem suas terras. Inclusive nas conquistas e nas guerras injustas
contra o Paraguai e Uruguai. Índios, negros e judeus novos foram perseguidos
na Europa e, mesmo depois de fugidos para o Brasil, tiveram que mudar os
nomes para não serem forçados a se converter ao catolicismo, e mortos pelo
governo e pela igreja católica, por riqueza e ganância dos portugueses.

Os primeiros portugueses faziam filhos bastardos com as Índias para que


trabalhassem nas terras, esses filhos não herdavam nada, trabalhavam de graça
para estes pais, que não demonstravam carinho, muito menos amor, recebiam
exploração castigo e ausência, pois os pais vinham apenas para buscar
mercadorias e viviam fora em viagens de longos períodos, demorando a
voltarem, causando peso e responsabilidade a esses filhos, sem nenhuma
compensação financeira ou emocional.

9
Na Europa vemos o enorme derramamento de sangue por conta das guerras e do
Nazismo muitos povos foram mortos e os judeus dizimados na Europa a terra foi
poluída e portais malignos foram abertos nestes lugares onde agora o evangelho tem
dificuldade de ser forte novamente e os Mulçumanos estão tomando a Europa e
perseguindo os crentes e Judeus novamente é o mesmo espirito com uma nova
roupagem.

4. PACTOS DE SANGUE

Ao povo escolhido, Israel, Deus instituiu em Abraão a circuncisão que também


continha um pacto de sangue com Ele, e este povo seria marcado por este pacto que
consistia em cortar o prepúcio do pênis de todo macho nascido da descendência de
Abraão, por isso muitos povos também circuncidam, pois, depois dos dois primeiros
filhos, Abraão teve mais filhos, seis com Quetura, depois da morte de Sara, todos
devidamente aliançados com o Senhor dos Exércitos pela circuncisão.
Depois disso, vem Moisés e as leis do pecado e como fazer para serem encobertos
os pecados anuais? Então, vamos ver uma quantidade de sangue dos mais diversos
animais sendo derramado por causa do pecado dos homens, pombas, carneiros,
ovelhas, novilhos e outras leis de banhos, e até pena de morte para alguns pecados.
Veja quem copiou novamente? Isso mesmo, o Diabo. Sacrifícios vazios que não
podiam cobrir pecados, mas sabendo que a consciência do homem o acusava,
Satanás então instituiu sacrifícios para resolver este problema inerente no homem
que paga promessa, faz autoflagelo, se mutila, tudo para conseguir aplacar a dor da
separação do seu criador.

Levítico 17:11,12: “Pois a vida1 da carne está no sangue, e eu o dei a vocês para
fazerem propiciação pela vida. Por isso digo aos Israelitas: nenhum de vocês
poderá comer sangue, nem também o estrangeiro residente. ”

Aqui fica claro o intuito de usar o sangue animal como propiciação e também o
sangue humano como sacrifício pelo pecado com pena de morte, e no ritual pagão,

1
Grifo nosso.

10
até hoje, nas culturas em todo lugar vemos sacrifícios de sangue a outros deuses,
entidades, demônios etc. - Apocalipse.18:13 b. “corpos e almas de seres humanos”.
Sangue com e sem vida, de toda espécie faz parte do comercio mundial.
Concluímos, portanto, que tudo que se relaciona com sangue tem um enorme
valor espiritual. Uma pessoa que peca derramando sangue fica sujeita ao
apedrejamento. O que seria o apedrejamento no nosso tempo? Nós entendemos que
isto seria o que acontece depois de um pecado se tornar público, todos vão comentar
e julgar, é o julgamento humano, condenação, acusação, exposição do pecado pelas
pessoas públicas. As penas são diferentes para um pecado não confessado ou um
pecado descoberto, para quem confessa e para quem é pego no ato ou depois dele.

Levítico 26:38-42 “Vocês perecerão entre as nações, e a terra dos seus inimigos
os devorará. Os sobreviventes apodrecerão na terra do inimigo por causa dos seus
pecados, e também por causa dos pecados dos seus antepassados. Mas se
confessarem os seus pecados e os pecados dos seus antepassados, sua infidelidade e
oposição a mim, que me levaram a opor-me a eles e a enviá-los para a terra dos
seus inimigos se seu coração obstinado se humilhar, e eles aceitarem o castigo do
seu pecado eu me lembrarei da minha aliança com Jacó.” Eu estive no lugar onde
aconteceu o holocausto e vi o vale de ossos secos por desobediência de Israel
prosperaram e esqueceram do seu Deus e cumpriu-se a palavra que Jesus falou uma
ameaça que não tinham como fugir naquele lugar foi erguido um trono a Satanás de
sangue humano e até hoje a Europa está colhendo as consequências daquele
extermínio de Judeus.
Deus é um Deus de pactos ele instituiu pactos para reger o povo de Israel o que
também foi imitado pelo inimigo primeiro veio a intimidação com a raça humana
depois ele descobriu a ganância e também ofereceu pactos neste sentido e toda área
de necessidade humana ele buscava uma alternativa de pacto na promessa de
satisfazer a necessidade do ser humano por um Deus que fizesse sua vontade e lhe
desce tudo que ele acredita ser felicidade hoje o discurso que tira muitos do caminho
é este, seja feliz é um direito seu ser feliz, é obvio que nenhum ser humano quer ser
infeliz, esta é a razão do sucesso dele nos pactos oferecer felicidade dinheiro fama
etc.
Na maçonaria existem vários pactos simbólicos com sangue e com
representação de sangue e com juramentos os juramentos também são pactos a
Bíblia afirma o valor dos juramentos tenho ao longo de dezesseis anos atendidos
muitos ex maçônicos e percebo como muitos casos de morte de filhos esposa de
forma prematura porque os pactos feitos não foram quebrados e deixam a pessoa a

11
mercê dos espíritos por traz desta confraria. Mundial também pessoas que fizeram
parte de guerras e revoluções e derramaram sangue seus descendentes estarão
debaixo destas influências, é comum vermos mortes prematuras nestes descendentes
familiares.

5.VALORES DO SANGUE NO ESPIRITISMO


Ezequiel. 35:6. “Por isso, juro pela minha vida, palavra do soberano, o Senhor,
que entregarei você ao espírito sanguinário, e este o perseguirá. Uma vez que você
não detestou o espírito sanguinário, este o perseguirá. ”

O espírito que requer sangue também pode ser chamado de espírito sanguinário
e libera perseguição nas gerações. Aqui vemos um dos motivos da perseguição
espiritual, trazendo assassinatos e suicídios numa geração inteira. Outra perseguição
é a dos espíritos de vampiros tanto espirituais como vampiros emocionais, e até de
sangue mesmo. São espíritos que causam doenças emocionais, tirando as forças da
pessoa, e também agem colocando enfermidades, a pessoa fica sofrendo cirurgias
após cirurgias, derramando tanto sangue que precisam fazer uma transfusão; outra
forma são as enfermidades que causam hemorragias terríveis. Como vemos no novo
testamento, a mulher do fluxo de sangue.
Jesus mostrou que houve há dezoito anos um trauma ou evento que
desencadeou aquela enfermidade, ou uma perseguição espiritual na área da saúde.
Uma hemorragia intermitente pode ser ataque ou, até mesmo, uma represália por
crimes de sangue e abortos na linhagem. Temos visto muitos casos que são curados
quando a pessoa confessa um pecado e se arrepende, também quando perdoa algo
que guardou por anos sem nunca perdoar. Muitas vezes, sofreram abusos e injustiças
que não foram perdoadas e isto traz doenças na alma que se manifestam no físico.
São as chamadas doenças psicossomáticas.

Ezequiel. 33:25,26. “Então diga a eles: assim diz o soberano, o Senhor: uma vez
que vocês comem carne com sangue, voltam-se para os seus ídolos e derramam
sangue, como deveriam possuir a terra? Vocês confiam na espada, fazem coisas
repugnantes, e cada um de vocês contamina a mulher do seu próximo deveriam
possuir a terra?”

No espiritismo, eles graduam sete tipos de sangue, mas nós vamos falar só de
cinco tipos:

12
1-sangue vermelho: de animais ou humanos.
2-sangue branco: do sêmen ou leite.
3-sangue incolor: lágrimas, saliva ou suor.
4-sangue verde: de plantas e folhas.
5-sangue preto: de raízes ou terra.
Como acontece a graduação do sangue nos pactos e nos sacrifícios?
Na verdade, todos têm um objetivo igual, buscam mais poder e aprofundar sua
influência frente a outros; é uma forma de alcançar poder e liderança espiritual,
além de mais poder para realizar rituais mais poderosos, e lidar com entidades de
maior poder, às vezes, requerido pelos próprios espíritos.
Uma outra forma de contaminação espiritual muito comum é através de alimentos
consagrados as entidades então geralmente vai contaminar o físico da pessoa e se
torna um ponto de apoio ou mesmo quando uma pessoa é curada ela vai carregar um
ponto de apoio por causa do que os espíritos fizeram por ela. Deuteronômio.
7:25,26. “Vocês queimarão as imagens dos deuses dessas nações. Não cobicem a
prata e o ouro de que são revestidas; isso lhes seria uma armadilha. Para o senhor,
o seu Deus, isso é detestável. Não levem coisa alguma que seja detestável para
dentro de casa, se não também vocês serão separados para destruição. Considere
tudo isso proibido e detestem-no totalmente, pois está separado para destruição.
Aqui vemos que existem coisas que são consagradas aos ídolos e aos
deuses, que não podem ser remidos. Estão destinados à destruição, mas muita gente
gananciosa fica com ouro e outros objetos consagrados, trazendo, assim, maldição
sobre si.
Por exemplo: Uma pessoa que derramava sangue de uma ave. No velho
testamento, uma ave substituía um sacrifício maior para as pessoas mais pobres, mas
tinha o mesmo valor de outros animais maiores. Já nas religiões pagãs, o sacrifício é
graduado pelo tamanho da oferenda ou o tipo de favor que se quer alcançar. Por
exemplo: fazem pactos com demônios de uma patente maior, dos que não derramam
sangue, fazem pactos de alimentos ou de ervas, pactos com demônios de terra para
conseguirem algum favor na área de sexo ilícito ou de riqueza para ganhar dinheiro
em menor valor.
Mas quem faz cabeça no terreiro, por exemplo, compromete-se em um nível bem
maior com estes demônios, pois tem que ficar 21 dias em uma sala escura, sem
contato com ninguém, comer com a mão, sem saber o que come, - todas as comidas
contem sangue - é raspada a sua cabeça e é colocado sangue sobre ela (de galinha,
de bode etc.). Muitos, também, nestes rituais fazem marcas no corpo, cortes que

13
deixam cicatrizes na cabeça e nos ombros e ficam com um lenço amarrado na
cabeça por vários dias. Isto implica um nível mais grave de consagração, e cada vez
fica mais difícil para a pessoa se converter e para ser totalmente liberta.
Nestes casos, temos que retirar espiritualmente toda contaminação na mente,
vontade, lembranças, para purificar a mente da pessoa. E as pessoas com este nível
de consagração adquirem e desenvolvem dons e habilidades místicas, como
adivinhação, premonição, visão aberta, comunicação com espíritos, corpo aberto
para a possessão das entidades e viagem astral, muitas vezes, vão para a igreja com
dons contaminados, e até espíritas mesmo, como aconteceu com Simão, o mágico,
que tentou comprar o dom.

Atos.8:18 “Quando Simão viu que pela imposição das mãos dos apóstolos se
dava o Espírito Santo, ofereceu-lhes dinheiro”.

Ele tinha uma posição no reino das trevas mais ainda não estava
totalmente liberto para servir com dons espirituais.

Atos 8:20-23 “mas Pedro disse-lhe: vá tua prata contigo à perdição, pois
cuidaste adquirir com dinheiro o Dom de Deus. Tu não tens parte nem sorte neste
ministério, porque o teu coração não é reto diante de Deus. Arrepende-te, pois,
dessa tua maldade, e roga ao Senhor para que por ventura te seja perdoado o
pensamento do teu coração; pois vejo que estas em fel de amargura, e em laços de
iniquidade”.

Vemos também o caso de uma menina que tinha o “dom” de adivinhação. Ela
ficava no caminho onde passavam as pessoas que iam orar. Imagino quantas pessoas
chegavam falando de como Deus podia usar uma pessoa para lhes revelar coisas
maravilhosas sobre Ele. E até Paulo por muitos dias ouviu as previsões, e não eram
erradas, não até ele se sentir incomodado no espírito, pois a palavra diz muitos dias.

Atos 16:16-19. “Ora aconteceu que quando íamos ao lugar de oração nos veio
ao encontro uma jovem que tinha um espírito de adivinhação e que adivinhando
dava grande lucro aos seus senhores. Ela, seguindo a Paulo e a nós, clamava,
dizendo: São servos do Deus altíssimo estes homens que vos anunciam um caminho
de salvação. E fazia isto por vários dias. Mas Paulo, perturbado, voltou-se e disse
ao espírito: eu te ordeno em nome de Jesus Cristo que saias dela. E na mesma hora
saiu”.

14
Ela seria uma pessoa que poderia facilmente se converter, ir pra igreja e se tornar
uma profetisa e ninguém iria confrontar o dom. Por isso, precisamos dos dons
purificados para saber quem está operando nos dons impuros, faz-se necessário um
mapeamento, discernimento e uma libertação “caprichada”.
Atendi um pastor que me contou a seguinte história: ele sabia que há seis
meses, ele era um vaso para Deus, mas durante esse mesmo período, ele atuava na
igreja com dons espíritas, e até mesmo debaixo de endemoniamento, isto era tão
forte que uma vez ficou endemoniado na rua. Ele conseguiu chegar à casa de umas
irmãs de outra igreja que estavam orando que ficaram a noite toda lutando com
demônios na vida deste pastor. Então, eu fui buscar a causa na sua história de vida, e
encontramos pesadas consagrações que haviam sido feitas pelos pais, entregando
sua vida a várias entidades para ele ser o herdeiro espiritual da família, que lidava
com bruxaria. Desfizemos estes pactos e agora ele é uma benção com dons
totalmente purificados.
Existem casos de pessoas que ouvem vozes, que falam com elas como se fosse
Deus falando, mas são um espírito de engano. Um amigo meu, que entrou por um
caminho de engano, mesmo depois de ser salvo, quando começou a orar pela sua
liderança, ele e mais dois irmãos, estavam sendo guiados por um espírito de crítica,
acusação e murmuração, e nestas reuniões nas quais ele passou a “ouvir a voz de
Deus”, estes demônios o levaram a se desviar e a quase ser dado como louco. Ele
chegou a ser preso com camisa de força tal era o nível de engano em que se
encontrava quando fazia o que a “voz” lhe ordenava, dizendo ser o próprio Deus.
Ele cria que era profético o que fazia, tal foi o nível de engano que ele entrou.
Visão aberta ou terceiro olho místico: muitas pessoas pensam que só tem visões
que vem do Senhor, por ser crente, ou estar na igreja, mas nem sempre é assim.
Tivemos um atendimento com uma esposa de pastor, de uma denominação muito
conhecida pelos milagres e visões. Ela falava em línguas, mas, desde o primeiro dia
de oficina, ficou totalmente endemoninhada e tentou até se matar na nossa base. Eu
tive de atendê-la três vezes. Sua história foi marcada pelo abandono da mãe, e a
família que a adotou a rejeitava, tratavam-na como escrava, exploravam-na. Depois
vieram os envolvimentos, e muitas feridas na alma, cheia de pactos e adultérios,
fiquei impressionado, mas na igreja, ela era uma benção para as pessoas, imagina
quantas foram as vezes que ela impôs as mãos nas cabeças e orou com dons
totalmente espíritas.
Ela precisava entender que temos o capacete da salvação e a Palavra de Deus, e
agora, em Cristo, fazer uso disto para nos proteger do engano do diabo.

15
A linhagem também fica contamina, pois o pacto de sangue se estende aos seus
descendentes e as futuras gerações. Existem, também, as pessoas que são marcadas
ou riscadas. Moisés teve que ser confrontado com os milagres operados pelos
satanistas do Egito. Quando ele teve seu encontro com Deus, a primeira coisa que
fez foi transformar seu cajado em cobra. Cajado é sinal de autoridade e ministério,
por isso o seu dom teria que ser limpo, pois ele iria ter confrontos com os magos
novamente.

Levítico. 19:28 “não façam corte no corpo por causa dos mortos nem tatuagens
em si mesmos. Eu sou o Senhor”.

No espiritismo e satanismo, existem marcas no corpo e até tatuagens de


consagração, assim como na automutilação ou autoflagelo imposto pelo catolicismo
por algumas ordens monásticas no período da renascença. No islamismo, budismo,
hinduísmo, também existem as punições, obrigações e sacrifícios.
Mais adiante vou falar sobre a tatuagem como conceito de moda e influência
dos amigos que já fizeram. Também trazem contaminações, a pessoas, a famílias, ao
terreno, ao bairro, a cidade, ao estado e ao país.
Um amigo missionário teve uma experiência em uma cidade tida como
amaldiçoada. Eles foram chamados para fazer guerra espiritual neste lugar,
descobriram que algumas pessoas do lugarejo, logo no começo, assaltavam pessoas
que viajavam por ali. Em um destes assaltos vinha um monge, e ao roubarem o
monge ele amaldiçoou a cidade, então os ladrões irados o mataram, derramaram o
sangue de um sacerdote. Ainda que católico, suas palavras se cumpriram, pois era
uma autoridade espiritual. Muitas autoridades civis e espirituais têm usado esta
prática, pois todo sangue tem um poder de contaminação.
Também ocorre em que o próprio sangue da própria pessoa que faz pacto é
derramado, neste caso a alma da pessoa se endemoniza.
As gerações futuras ficam comprometidas com visitações destes espíritos na
linhagem; as emoções e o poder de decisão da pessoa passam a ficar escravizados. É
difícil para elas fazerem uma decisão por Jesus, pois entram muitas questões, como
medo, ameaça espiritual, e todo um controle mental de satanás e seus demônios na
vida da pessoa.
Outra forma mais grave é o derramamento de sangue inocente.

Salmos 106:36-38. “Prestaram cultos aos seus ídolos que se tornam uma
armadilha para eles sacrificam seus filhos e suas filhas aos demônios derramam

16
sangue inocente, o sangue de seus filhos e filhas sacrificados aos ídolos de Canaã;
e a terra foi profanada pelo sangue deles. ”

Aqui o salmista está se referindo as três principais potestades da terra de Canaã:


Moloque, Falik, Ball. Estes espíritos recebiam sacrifício humano. O valor de uma
vida, o preço de sangue, o resultado é uma linhagem demonizada por gerações e
gerações. Isto requer confissão e arrependimento profundos para uma libertação
maior do pecado e da contaminação na linhagem. Em deuteronômio 21 nos fala do
sangue derramado, e como deve ser a restituição, quando não se acha um culpado,
não basta derramar sangue, tem que haver uma proclamação e um arrependimento e
um pedido de misericórdia junto ao Senhor.
Vemos, também, outros tipos de contaminação, uma delas é o oferecimento às
entidades de vários tipos de coisas, como cachaça, rosa, comida, vinho, champanhe,
entre outros, tudo isto vai comprometer a pessoa suas finanças e seus
relacionamentos.
O casamento passa a ter dificuldades, suas finanças desabam, a profissão também.
Sacrifício de répteis, aves, cabritos, touros, e até sangue humano, podem ser
requeridos de acordo com o que se deseja ou com o grau de importância.

Levítico. 20:2b “quem entregar um dos seus filhos a Moloque, terá que ser
executado o povo da terra o apedrejará”.

Levítico. 19:26“Não comam nada com sangue. Não pratiquem adivinhação nem
feitiçaria”.

6. SANGUE BRANCO

Gostaria de falar um pouco sobre o sangue branco o que é? Ele está presente no
esperma semem e no leite materno principalmente no colostro que é o primeiro leite,
o sangue branco muitas vezes é derramado com relações sexuais tanto nas licitas
como nas ilícitas nas licitas que é no casamento e amamentação elas servem como
um renovador da aliança entre duas pessoas marido e esposa e mãe e filho, no
casamento se recomenda que um casal não deve passar um ciclo sem renovar a
aliança pois ela nos protege das infiltrações malignas no casamento levando um ou
outro a masturbação para se aliviar, ou até mesmo do adultério quando uma pessoa

17
vai pecar só porque está com falta de sexo no casamento logico que isto não justifica
um adultério mas estou falando de proteção, quando o casal tem uma vida sexual
saldável dificilmente o inimigo vai usar isto como trampolim para a queda e aqui
entra o conselho Bíblico de não deixar o sol se pôr sobre sua ira homens e mulheres
se desentendem muitas vezes durante o dia mas vão dormir brigados logico que isto
vai impedir uma vida sexual saldável o sangue branco tem o poder de nos ligar a
alma da outra pessoa dizem alguns que os judeus não deixam de ter relação mais de
três dias que é o tempo que fica vivo um espermatozoide. Uma mãe que não
amamenta seu filho ou que foi impedida vai gerar na vida do filho um vazio de
rejeição tristeza melancolia e até depressão; uma pastora me contou uma linda
experiência com seu filho que já tinha dezessete anos que ele se trancava no quarto
sendo um levita e ficava tocando só músicas tristes e chorava muito no começo ela
achou que ele era muito quebrantado mas depois notou muita tristeza na vida dele e
o chamou pra conversar e ele lhe falou que queria morrer e estar com Cristo não
tinha prazer na vida então ela foi orar e chorou muito porque via a depressão na vida
de seu filho e orando Deus lhe falou se ela lembrava do nascimento deste filho e do
quanto eles dois sofreram ela ficou doente e teve infecção e ele foi levado pra casa
sem a mãe e recebeu leite de mamadeira e nunca foi amamentado e quando ela
voltou ele não queria mais e ela não tinha mais leite então ela foi e fez um ato
profético orou com ele o colocou no colo deu-lhe de mamar ela me falou que foi
lindo até leite veio e depois disto ele nunca mais falou em tristeza e desejo de
morrer, Estava faltando uma fase importante de ligação com afetividade da mãe.
Vemos o sangue que é derramado quando pessoas se manipulam com masturbação e
com outros tipos de alivio sexual derramando sangue na terra isto fica no reino do
espirito formando uma legalidade na vida e dando brechas espirituais na vida da
pessoa
Aconselhando um casal, disse sobre masturbação que ninguém se masturba
pensando em um lindo pinheiro ou numa paisagem das montanhas. Um homem,
quando ele ficava chateado com sua esposa, para puni-la, não tinha relações com ela
por um longo tempo, contudo, ia para o banheiro e se masturbava pensando na
esposa, acreditando que não estava pecando. Isto é um engano por duas razões:
1. Você não pode sonegar sexo ao seu parceiro de aliança, pois o corpo de um
pertence ao outro segundo a palavra.
2. O sangue derramado na masturbação cai na terra e a palavra condena isto.
Um homem foi morto por Deus por esta atitude. Derramar o sêmen significa
derramar sangue de forma indevida.

18
Gênesis. 38:6-10. “Judá escolheu uma mulher chamada Tamar, seu filho mais
velho. Mas o Senhor reprovou a conduta perversa de Er, o filho mais velho de Judá,
e por isso o matou. Então Judá disse a Onã “case-se com a mulher do seu irmão,
cumpra as obrigações de cunhado para com ela e dê uma descendência a seu
irmão”. Mas Onã sabia que a descendência não seria sua; assim, toda vez que
possuía a mulher do seu irmão, derramava o sêmen no chão para evitar que seu
irmão tivesse descendência. O Senhor reprovou o que ele fazia, e por isso o matou
também”.

A Bíblia não diz qual era o problema de perversão de Er, se ele seria um
homem mau que derramava sangue, ou se sua perversão estava ligada a algum
distúrbio sexual como homossexualismo ou uma pessoa com algum tipo de
perversão, como só ter sexo anal com sua esposa, e desta forma não gerava filhos,
isto é só uma especulação, para que a ira do Senhor se acendesse contra ele. Mas em
provérbios, temos alguns textos que dizem que desperdiçar o vigor da sua mocidade
significa sexo compulsivo, vicio sexual.

Provérbios. 5:9 “para que você não entregue aos outros o seu vigor”.
Provérbios. 5:15,16 “beba das águas da sua cisterna, das águas que brotam do
seu próprio poço por que deixar que as suas fontes trasbordem pelas ruas e os seus
ribeiros pelas praças?”

Vigor não desperdiçado: até sua virilidade pode ser usada de forma indevida,
desperdiçando a força sexual com perversão sexual, adultérios, prostituição,
pornografia, masturbação, mas sendo usado com as bênçãos do Senhor e moderação
tem a sua potência sexual por toda vida até sua velhice, sem impotência na velhice.
Uma garantia de vida sexual ativa por muitos mais anos, com qualidade de vida.
Uma aliança precisa sempre de duas partes, onde consiste de deveres e direitos,
ninguém se alia sem nenhuma proposta, todos querem alguma coisa. No caso do
sexo, uma obsessão ou um distúrbio sempre vai levar a outro tipo de obsessão, ou
um rompimento de seus limites morais na área sexual.

19
7. SANGUE INCOLOR DAS LÁGRIMAS

Vemos a importância que a Bíblia da às lagrimas, pois a palavra diz que o próprio
Deus recolherá toda lágrima, também enxugará toda lágrima e vê toda lágrima
derramada e isto comove o coração de Deus

Salmos 126:5 “Aqueles que semeiam com lágrimas, com cantos de alegria
colherão”.
Muitos antes de uma grande benção, poucos lutaram derramaram suas lagrimas e
depois vieram outros e colheram as bênçãos vemos isto em muitos ministérios e nas
guerras espirituais o esforço de poucos para vitória de muitos, sangue suor e
lagrimas trazem colheitas nas futuras gerações.
Quando sentimos a presença de Deus ou o chamado por uma nação ou
simplesmente um chamado a intercessão se fazem presentes nossas emoções e
nossas lagrimas, lutando intercedendo sentindo o coração de Deus por sua vontade
pelo povo de forma tão significativa nos rompemos os céus com nossas lagrimas e o
próprio Deus se alegra conosco quando somos identificados com ele em sua dor,
pelos perdidos pelos não alcançados pelos pobres que sofrem muitas vezes vemos
uma reportagem onde retrata a miséria física ou espiritual e nos compungimos em
oração e choro por aquela situação nossas lagrimas ajudam a contar nossa dor e
nosso identificar com Deus na dor dele também e ele se alegra pelo fato de
podermos orar com lagrimas de todo nosso coração e lagrimas também nos faz bem,
em muitos atendimentos as lagrimas estão presentes em lembranças do passado em
confissões arrependidas de atos que nos se pudéssemos mudaríamos a trajetória em
nossas vidas e quando estamos frente a frente com o espirito santo choramos por
sentir o quão arrependidos estamos ou o quanto gostaríamos de ter tido uma história
diferente quando estamos na cura interior também as lagrimas acompanham os
processos de cura da paternidade e da maternidade. Nosso sofrimento é colhido por
Deus nossas lagrimas ficam diante dele e fazem sua mão se mover em nossa
direção, arrancando a dor a amargura e trazendo perdão e cura a nossa alma ao
nosso coração.
.
Salmos 56:8 “Registra, tu mesmo, o meu lamento; recolhe as minhas lágrimas em
teu odre; acaso não estão anotadas em teu livro? ”

20
Apocalipse 21:4 “Ele enxugará dos seus olhos toda lágrima. ‘Não haverá mais
morte, nem tristeza, nem choro, nem dor, pois a antiga ordem já passou’”.

O Senhor dá esta importância, principalmente quando nos arrependemos com


lágrimas, nossas lutas e tristezas não ficam sem a atenção de Deus. Nossas lágrimas
também expressam o nosso amor. Quando Ana chorava por não ter filhos Deus viu
suas lagrimas e moveu o sacerdote para lhe profetizar um filho mas ela teve outros
filhos porque ofereceu a primicia de seu filho para o templo como respondemos a
benção de Deus, isto vai nos dar um vislumbre de muito mais prosperidade que vem
depois de lagrimas sinceras diante de um Deus amoroso.

8. SANGUE INCOLOR DO SUOR

Gênesis 3:19 “Com o suor do seu rosto você comerá o seu pão, até que volte a
terra, visto que dela foi tirado; porque você é pó e ao pó voltará”.
Neste texto a queda do suor na terra é uma profecia da volta à terra do corpo a
terra também vemos que o ser humano está debaixo desta direção voltar a terra,
muitos crentes hoje querem ser cremados mas não é a cinzas que a Bíblia fala de
voltar a terra.
Em 1 Reis.23:20 fala de como se profana um altar tornando ele inútil para se
oferecer sacrifícios de qualquer tipo então ossos humanos queimados e cinzas
derramado sobre ela profana altares imagina a terra onde cinzas humanas são
derramadas também profanam a terra de forma a ela não ser mais produtiva.
Estando angustiado, ele orou ainda mais intensamente; e o seu suor era como
gotas de sangue que caíam no chão. Lucas 22:44 estando angustiado, ele orou
ainda mais intensamente; e o seu suor era como gotas de sangue que caíram no
chão
Assim começou o maior derramamento do mais puro sangue pela humanidade na
angustia do sofrimento as primeiras gotas do sangue retentivo estavam sendo
derramada na forma de suor que rompiam os vasos de sangue da pele assim
começou a minha e a sua redenção um puro e suado sangue pelos nossos pecados.

O Suor nos lembra do que perdemos com o pecado de como fomos expulsos do
paraíso e da presença de Deus agora teríamos que preparar a terra e ainda limpar
para que possa produzir já notou que mato e espinhos não precisam de nada para
nascer mas toda hortaliça não sobrevive sem cuidados e sem adubo, temos que suar
para termos alimentos e toda obra de nossas mãos, nos custa muitas gotas de suor.

21
Comer do suor como um regador do solo nosso suor faz parte desta irrigação do
solo de forma a gotejar o esforço sobre a terra. O reino de Deus é tomado por
esforço quem põe a mão no arado não deve desistir olhando atrás mesmo porque
quem olha atrás vai errar o caminho que deve ser arado, errando a direção, é assim
conosco devemos nos esforçar na direção certa.

9- SANGUE NA ALIANÇA ABENÇOADA

Agora, gostaria de ver o lado de alianças que Deus estabeleceu para nossa
bênção e segurança.
A esta aliança, ele chamou de família. Começou com o primeiro sangue de
Adão para formar a família tirando o sangue do osso de Adão, uma célula tronco,
deu início a família. E quando quebramos estas leis, atraímos as consequências e as
maldições da quebra de aliança.
O casamento é uma aliança sólida não só de sangue, mas também de pacto civil
e familiar, temos também muitos mitos sobre isto em Ex.34:15, 16.
Vemos o porquê Deus manda não casar com uma moça ou um jovem de fora da
casa de Israel: por causa da contaminação com deuses estranhos, do jugo desigual
que eles traziam em si e da contaminação com que iriam influenciar o povo de
Deus. O único impedimento é sobre isto, e não sobre a escolha.
Acredito que casamento é uma instituição de Deus, mas não significa que só
quem casou na igreja evangélica tem a aprovação de Deus nesta aliança, pois
antigamente não existia o casamento na igreja, eram os pais que faziam a festa de
casamento, não tinha nada disto que hoje vemos. Então o casamento é casamento,
seja ele civil somente, ou religioso, ou espírita, não importa, é um pacto entre duas
pessoas que Deus aprova e abençoa. Óbvio que num casamento espírita ambos
pactuam diante de um deus pagão, e esta era a proibição para o povo de Israel, mas
o casamento é uma instituição divina.
O propósito de Deus é que a família seja uma representação do seu caráter;
de quem ele é; de sua essência: o pai, a mãe e o filho tem um aspecto de ensinar
quem é Deus na nossa vida familiar.
É da família que procede todo nosso sistema de crenças e valores. O pai traz ao
filho identidade, destino, limites, proteção, direção. A mãe gera, traz consolo,
inspiração, alimento. O filho é o alvo de formação dos pais, da atenção e amor.

22
Todo filho nasce com uma carência de amor, de afeto e de cuidado. E sua parte
é honrar, obedecer, andar nos caminhos que os pais ensinam.
Já quanto a questão de Deus escolher sua esposa, eu sou cético, pois entendo
que a escolha é sua. Deus não casa ninguém, é sempre nossa escolha. Muitos alegam
que casaram errado, mas agora, depois de casado, é da vontade de Deus que fiquem
juntos e honrem a aliança que foi feita até que a morte separe. Toda separação vai
abrir uma brecha para a morte vir sobre a pessoa, talvez não de forma física, mas
espiritual.

1Coríntios 7:39 “a mulher está ligada enquanto vive o marido: contudo, se falece
o marido, fica livre para casar com quem quiser2, mas somente no Senhor”.

Ênfase: casar com quem quiser, ou seja, de sua escolha, de sua vontade única,
mas a proibição da parte de Deus, é que seja no Senhor, quer dizer, com um homem
ou mulher crente, este é o único mandamento ou recomendação.
Em Números. 27:1-8, temos um caso raro em Israel, as filhas de um líder
requerem herança junto às terras de Israel, depois queriam casar com jovens de
outras tribos, dividindo assim a herança, entre outras tribos, foram então buscar ao
senhor, e a resposta foi.

Números. 36:6-8 “esta é a palavra que o Senhor mandou acerca das filhas de
Zelofeade dizendo: sejam por mulheres a quem bem parecer aos seus olhos 3 ,
contanto que se casem na família da tribo de seu pai. Assim, a herança dos filhos de
Israel não passará de tribo em tribo; pois os filhos de Israel se hão de vincular
cada um à herança da tribo de seus pais. Qualquer filha que possuir herança das
tribos dos filhos de Israel se casará com alguém da família da tribo de seu pai, para
que os filhos de Israel possuam cada um a herança de seus pais. ”

Vejam bem a escolha é sempre nossa, é decisão sua, a parte da ordem divina é
que seja da casa ou tribo de seu pai. Novamente, vemos uma disposição para que os
pais ajudem seus filhos nas suas escolhas, namoro não existe na Bíblia, isto é uma
cultura ocidental, tenho para mim que os pais devem ser parte ativa na escolha do
cônjuge dos seus filhos, ensiná-los a fazer escolhas com valores que sustentarão a
aliança.

2
Grifo nosso.
3
Grifo nosso.

23
Jugo desigual é um fator importante para apostasia e divórcios. Lógico
que tem outros fatores importantes que levam a divórcios como classe social, idade,
finanças, adultérios etc.

O casamento é uma aliança de sangue que deve ser renovada. Existem


casos de homens e mulheres que passam mais de trinta, noventa dias, um ano sem
relações, isto é uma quebra de aliança, e uma porta aberta para adultérios e pecados
de toda sorte entrarem no casamento. Os Judeus não passam de três dias sem relação
que é o tempo que vive um esperma. Porque nada que envolve sangue é gratuito,
sangue é uma moeda espiritual, e existem vários tipos de derramamento de sangue;
assim como existem vários tipos de sangue.

Tudo que se refere a sangue tem importância, nas nossas vidas não é
diferente, vamos pensar na nossa vida. Quais alianças de sangue que fizemos? Você
pode dizer, nenhuma, nunca fiz nada. Vamos ver então o sangue que te gerou na sua
concepção, é um sangue branco como do esperma, do leite materno, saliva, lágrima
e suor são considerados sangue. Contêm todo seu DNA. Sua geração foi um pacto
de sangue, onde você não existia de fato, esperma e ovulo, sangue branco e sangue
vermelho se tornam uma célula tronco. Quando cientistas manipulam células
troncos, estão tratando de sangue, uma moeda espiritual de grande valor, voltando
para a geração de filhos é uma confirmação de uma aliança de sangue, porque toda
relação sexual é uma aliança de sangue branco e micro sangramentos que ocorrem
em uma relação.

Laços de sangue: falamos que nossos filhos têm o nosso sangue e isto é
verdade. DNA: o que nos une a família de onde viemos; comprova os laços
sanguíneos de família.
E no nascimento: todo bebe nasce envolto em sangue mesmo no parto por
cesariana, todos vêm envolto em muito sangue. Então estamos aliançados com
nossos pais desde o nascimento e isto tem mais valor para Deus do que sua certidão
de nascimento, é sangue! Depois vamos crescendo e acabamos nos achando, vamos
tomando mais independência para sermos os donos do nosso nariz, da vida e do
corpo, mas o que a Bíblia nos diz? Os pais devem ir emancipando os filhos de forma
gradativa e responsável, mas nunca de uma vez e sem nenhuma responsabilidade,
enquanto filhos estão ligados em uma aliança de obediência e de honra, e submissão
para com os pais.

24
Aqui aparece, também, neste texto em outra versão aparece o apedrejamento que
é o julgamento da sociedade e da igreja e perda do ministério e desaprovação do
Senhor. Enquanto um homem desonra uma moça, ele fica com suas finanças
amarradas, pois pela lei teria que pagar em peso de prata pela desonra, mas se uma
moça desonra seus pais teria que ser apedrejada. É isso que antigamente se falava
da moça ficar mal falada, acontecia o Apedrejamento (embora, hoje em dia, não seja
de forma literal como era antes).

Levíticos. 20:9 “se alguém amaldiçoar seu pai ou sua mãe, terá de ser
executado. Por ter amaldiçoado o seu pai ou a sua mãe merece a morte. ”

Também devemos prestar contas aos nossos pais, pois o filho que se rebelam
contra seus pais incorrem em maldição também.
O desejo do meu coração é falar das bênçãos geracionais que se estabelecem em
vidas e alianças sadias e abençoadas isto fala de gerações com um proposito Deus é
Deus de gerações e proposito tanto que se chamava o Deus de abração, Isaque e
Jacó porque ele é um Deus geracional que estabelece os seus planos e propósitos de
geração em geração um pai um líder que passa e não faz sucessores bons porque Eli
fez dos seus filhos sucessores ordenou mas eles se desviaram e não foram corrigidos
pelo pai ai vemos Samuel que também incorreu no mesmo erro não foi um pai que
ordenou bem sua casa pois o pai que ele teve foi Eli e acabou repetindo o erro de
seu pai de criação. Mas vemos que Deus chamou o pai de Abraão mas ele ficou no
meio do caminho para Canaã e Deus então cumpriu o chamado do pai no filho e isto
é bem aceitável dentro da lei do liverato um irmão poderia suscitar herança a outro
irmão que morreu ou foi incapacitado de gerar.
Sempre as gerações cumprem um proposito nele mesmo quando o plano original
não dá certo da forma normal, o propósito é geracional Deus quer nos abençoar
geracionalmente não somente pessoalmente. Temos que formar sucessores.

10. TATUAGEM

Não quero satanizar nem santificar a tatuagem mas ela é sim, um pacto de
sangue que pode ser neutro ou ter envolvimentos quero lançar um parecer e dizer
que têm tatuagens totalmente envolvidas com religiões orientais, animais impuros, e
satânicas ligadas a maldade e a violência, linguagem de rebelião, atitude de rebelião,

25
tribos urbanas, gangs, moda. Mas para (quase) toda regra existe algumas exceções,
todavia há uma linha muito fina entre o permitido e o abominável.
Gostaria de falar um pouco mais sobre tatuagens e piercing, que também se
constitui um pacto de sangue. Pode um jovem cristão fazer tatuagens e usar
piercings?
Bom, aqui temos que analisar várias coisas antes de dar um veredicto. Eu tive
uma experiência na qual Deus aceitou uma tatuagem de uma jovem e me deu até um
texto que eu nunca havia visto na bíblia em Isaias. 44:5, o qual nunca havia visto
este texto na NVI fica muito claro que uma pessoa escreverá na sua mão sou do
senhor ou pertenço ao senhor e Deus me falou que Ele havia aceitado esta tatuagem,
pois foi feita como um ato de adoração debaixo de temor e com uma pessoa cristã
(tatuador). A história aconteceu assim: eu estava num culto na época na calvary e
quando estava atrás sentado no louvor eu vi um pedacinho de uma tatuagem e a
menina era muito temente ao Senhor e eu no coração pensei meu Deus a irmã fez
uma tatuagem e logo em seguida o espirito me falou não a julgue pois eu aceitei a
tatuagem dela eu comecei a questionar a Deus “ como o Senhor aceita tatuagem? ”
Ele me disse está sim e ele me deu o texto acima eu fiquei pasmo quando li pensei
espera ai? Desde quando existe este versículo na Bíblia? Li e reli o texto tudo
enquanto o louvor rolava, assim que termina o louvor tem um tempo de comunhão
eu fui falar com ela e perguntei você fez uma tatuagem? Ela ficou desconcertada
sem graça e falou sem jeito não é pra ninguém ver, ai eu disse eu vi, e pedi pra ela
me contar o porquê da tatuagem, ela me explicou que fez escrito em hebraico eu
pertenço ao senhor da esquerda pra direta de ponta cabeça fiz o hebraico se escreve
ao contrário do português que é da esquerda pra direita então ela me disse que adora
ao Senhor com rosto em terra de joelhos em casa e só que estivesse em pé na sua
frente poderia ler perfeitamente. Detalhe ela é descendente de judeus. Ai eu lhe disse
pois Deus aceitou sua tatuagem e lhe contei tudo que Deus tinha me dito e lhe falei
do texto.
Então existem princípios, mas eu sempre desaconselho uma pessoa a fazer uma
tatuagem, para se ter uma direção, pois nosso corpo é o templo do Espírito Santo,
não podemos pichá-lo de forma arbitrária como se fosse nosso e não dele. Temos
que usar de princípios os quais seriam uma inspiração divina, ter autorização dos
seus pais por honra, ter aprovação de teus lideres, uma direção clara de Deus quanto
ao que fazer, o porquê de fazer, qual a mensagem, qual a motivação, com quem
fazer e uma pessoa sem envolvimentos espirituais, pois um tatuador poderia muito
bem tomar este sangue e usá-lo indevidamente amarrando a vida desta pessoa.
Todavia é um risco muito grande. Tenho visto muitas pessoas aprisionadas nas

26
motivações que a levaram a fazer uma tattoo ou usar algum tipo de piercing alguns,
endemonizam quando ungimos suas tatuagens e por isso é muito sério fazê-las. Mas
também tive outra experiência que um rapaz em uma aposta tatuou escrito
“guerreiro” em japonês, era o que estava escrito na tradução do livro do tatuador, e
depois quando estávamos ministrando Deus me falou que tinha algo errado que ele
não estava me falando tudo e ele lembrou da tatuagem que descobriu que estava
escrito na verdade “guerreiro de satanás” porque uma irmã havia profetizado pra ele
que havia uma marca de satanás no corpo dele mas ele não ligou depois um dia
jogando bola ele tirou a camisa e um menino que estava junto disse legal tua tatoo é
igual do meu irmão que está preso e quer dizer guerreiro de satanás mas ele discutiu
com ele mas depois soube que era isto mesmo, e tivemos que ungir e quebrar este
pacto e ele iria cobrir aquela tatuagem. Algumas perguntas antes de tatuar: o que?
Porque? Aonde? Com quem? Om que motivação? Tem aprovação das autoridades?
Pais pastores? Depois disto vai orar muito para saber a vontade de Deus. Um outro
irmão aqui da nossa base também estava tatuando uma gueixa eu disse a ele você
sabe o que é uma gueixa? Ele disse sei é fiel e discreta disse que pesquisou no
google, mas eu lhe falei que significa prostituta ai ele foi pesquisar mais a fundo e
viu que era isto mesmo e vai mudar a tatuagem devemos ter muito cuidado acho
mesmo que o crente não deve tatuar só por modismo ou por achar bonito deve
primeiro consultar ao Senhor se realmente ele concorda.

11. HONRA
O que é a honra em nosso sistema de vida honra não é muito ensinado e o
conceito se perdeu ao longo dos anos mas honra é tudo que valorizamos
enaltecemos reconhecemos como algo de valor com alto conceito de respeito e
admiração algo que não podemos manchar ou macular tornar indigno ou sujo,
também é reconhecer a importância e o valor da identidade e posição do abjeto da
honra ou pessoa a ser honrada.

Provérbios. 19:26; 10:1 “o filho que rouba o pai e expulsa a mãe é causador de
vergonha e desonra; O filho sábio dá alegria ao seu pai o filho tolo dá tristeza à
mãe. ”

27
O filho que desonra os pais tem vida curta e os que honra tem vida longa, isso é
uma promessa da palavra, e isto está totalmente visível nos dias atuais.
Existem várias formas de desonrar os pais, por exemplo: quando não
valorizamos o ato sexual na maneira como Deus ordenou, ou seja, dentro do
casamento e se guardando até depois da cerimônia, casando-se virgem tanto homem
como mulher, pois este o plano de Deus para todo jovem e moça; saindo com a
bênção da aliança dos pais para entrar na benção da nova aliança familiar dentro dos
preceitos e princípios da palavra de Deus.

1Coríntios. 6:13b-20 "Os alimentos foram feitos para o estômago e o estômago


para os alimentos", mas Deus destruirá ambos. O corpo, porém, não é para a
imoralidade, mas para o Senhor, e o Senhor para o corpo. Por seu poder, Deus
ressuscitou o Senhor e também nos ressuscitará. Vocês não sabem que os seus
corpos são membros de Cristo? Tomarei eu os membros de Cristo e os unirei a uma
prostituta? De maneira nenhuma! Vocês não sabem que aquele que se une a uma
prostituta é um corpo com ela? Pois como está escrito: "Os dois serão uma só
carne". Mas aquele que se une ao Senhor é um espírito com ele. Fujam da
imoralidade sexual. Todos os outros pecados que alguém comete, fora do corpo os
comete; mas quem peca sexualmente, peca contra o seu próprio corpo. Acaso não
sabem que o corpo de vocês é santuário do Espírito Santo que habita em vocês, que
lhes foi dado por Deus, e que vocês não são de vocês mesmos? Vocês foram
comprados por alto preço. Portanto, glorifiquem a Deus com o seu próprio corpo. ”

Voltando ao sangue, qualquer médico pode atestar que não existe uma razão ou
motivo clínico ou de saúde que justifique o hímen, mas para Deus é algo precioso, é
bem ai que entra uma nova aliança de sangue na vida de um filho quando ele deixa
seus pais para ser uma nova família, agora, uma família bendita do Senhor e
oferecer o sangue de sua pureza no altar do Senhor saindo da antiga aliança com os
pais se tornarão uma só carne.

Marcos 10:8 “E assim eles já não são dois, mas sim uma só carne; vocês não
sabem que aquele que se une a uma prostituta é um corpo com ela? Pois, como está
escrito: “os dois serão uma só carne”.

A isso chamamos de ligação de almas dentro da aliança de casamento, ela é


abençoada e só traz bênçãos para ambos, mas fora, ela se torna uma ligação iníqua
onde cada pessoa compartilha de tudo da outra pessoa, então as áreas de influência

28
são compartilhadas da alma e as espirituais também. Você adquire espíritos
familiares da outra pessoa assim como influências da alma dela sobre ti vão
permanecer. E os pais são, sim, responsáveis pela virgindade dos filhos, tanto
meninos como meninas.

“Segura sua cabrita que meu bode está solto”. Como já ouvi muitas vezes, e de
mães o mais estranho ainda conceito do machismo quanto mais pegador mais prova
que é homem a responsabilidade é dos pais não importa quantos anos tenha é uma
aliança que temos com nossos pais.

Deuteronômio 22:13-21 “Se um homem se casar e depois de deitar-se com a


mulher, rejeitá-la e falar mal dela e difamá-la, dizendo: 'casei-me com esta mulher,
mas quando me cheguei a ela, descobri que não era virgem,' e o pai e a mãe da
moça trarão aos líderes da cidade, junto à porta, a prova da sua virgindade. Então
o pai da moça dirá aos líderes: 'dei a minha filha em casamento a este homem, mas
ele a rejeita. Ele também a difamou e disse: ''descobri que tua filha não era mais
virgem. “Mas aqui está a prova da virgindade da minha filha” então os pais dela
apresentarão a prova aos líderes da cidade, e eles castigarão o homem. Aplicarão a
ele a multa de cem peças de prata, que serão dadas ao pai da moça, pois aquele
homem prejudicou a reputação de uma virgem israelita. E ele não poderá divorciar-
se dela enquanto viver. Se, contudo, a acusação for verdadeira e não se encontrar
prova de virgindade da moça, ela será levada a porta da casa de seu pai e ali os
homens da sua cidade a apedrejarão até a morte. Ela cometeu um ato vergonhoso
em Israel, prostituindo-se enquanto estava na casa de seu pai. Eliminem o mal do
meio de vocês. ”

Aqui fica clara a responsabilidade pela virgindade e pala vida de uma filha
diante de Deus. É dos pais, quer eles gostem ou não, por isso devemos conversar
com nossos filhos sobre sexualidade e todos os temas relacionados. Hoje nosso
padrão moral e de compromisso é tão pequeno que os pais não querem mais assumir
responsabilidade, desistem de tentar corrigir as atitudes dos filhos sem afirmar sua
identidade. Nesta área dos seus filhos, muitos se sentem impotentes pela mídia,
Televisão, Cinema, etc., outros dizem que não tem mais jeito para os meus filhos.
Quero exortá-los para que nunca desistam de seus filhos e de ensiná-los na lei
do Senhor, pois, na escala de valores, sangue humano é o mais caro de todos e o

29
sangue do filho de Deus o mais valorizado entre os humanos. vou falar mais adiante
sobre isto.
A maior aliança abençoada aconteceu quando os sacerdotes de Israel, os
únicos instituídos por Deus a oferecer sacrifício. Eles mesmos teriam que imolar o
cordeiro de Deus – voltaremos a este ponto no final do estudo para usar e aplicar
corretamente este sangue a nosso favor para desfrutarmos de todo perdão redenção e
quebra das maldições alcançadas neste sacrifício.

12. FILHOS DO PECADO

Escolhi este subtítulo a fim de chamar atenção para os dias de hoje nos
quais vivemos em uma sociedade permissiva e sem valores, com pouca força moral.
Quando um filho é gerado fora da aliança de casamento, está se gerando uma
criança bastarda, ou seja, já vem uma carga e uma perseguição na sua vida que vai
influenciar toda sua história de vida e vai crescer debaixo da orfandade, bastardia,
rejeição e provavelmente terá problemas para congregar pois este pecado gera uma
dificuldade de se sentir aceita em um meio e incluída no reino de Deus por força de
uma maldição que lhe foi imposta por uma situação que não foi escolha da pessoa.

Deuteronômio 23:2 “quem nasceu de união ilícita não poderá entrar na


assembleia do Senhor, como também os seus descendentes, até a décima geração. ”

E neste caso também se faz necessário o mapeamento e a ministração de quebra,


pois esta maldição foi imposta por causa do pecado dos pais a pessoa não leva o
pecado dos pais, mas sim a consequência dos atos dos pais, mesmo que depois os
pais se casem e o pai esteja presente fica uma marca no espírito da pessoa que foi
gerada nesta situação.
Mas existem, também, os filhos cujo pai não “existe”, neste caso, há um vazio e
esta pessoa não consegue se relacionar com um Deus pai, pois pra ela o pai é uma
figura distante e ausente, por outro lado, existe uma enorme vontade de conhecer o
pai, e ser aceito por ele. Dentro dela se trava uma guerra de emoções, também existe
uma revolta que diz: por que os outros têm um pai e eu não? Não vou querer
conhecer esta pessoa que me causou tanto sofrimento.
Quando Deus entra na sua história, a pessoa começa a transferir para Deus toda
sua frustração, ira, raiva, solidão, rejeição e sentimentos de abandono que viveu, por
isso se faz necessário uma ministração na paternidade.

30
Em outro caso, há o filho gerado pelo abuso ou estupro. Os sentimentos são
parecidos, a orfandade e bastardia, mas neste caso o pai nunca vai ser presente na
sua vida e recebe uma carga na área sexual ainda maior com perseguição do espírito
de abuso e violência tanto física quanto sexual e, muitas vezes, a mãe biológica vai
rejeitá-lo ou entregá-lo para adoção ou tentar aborto. As marcas que ficam são
maiores ainda, o espírito da pessoa pode ficar aprisionado no ventre.
Isso não ocorre só em casos de violência, mas também em um caso de sexo
consensual que gerou um filho fora da aliança, aqui entra o espírito de violência,
raiva, ódio e sentimento de injustiça por parte da mãe. Nestes casos, fica claro que
alguma pessoa não só pecou contra os princípios, mas também não cumpriu sua
parte no compromisso de aliança com o filho gerado - causa de muitos distúrbios
emocionais nas vidas que temos aconselhado.
Aconselhei um homem que tinha sete filhos de quatro mulheres diferentes com as
quais nunca foi casado. Só gerou filhos bastardos. Imagine quanta dor por ausência,
abandono, falta da paternidade, afirmação e os filhos todos com problemas sérios
nos relacionamentos e repetindo os pecados do pai.
A palavra também fala sobre o caso do primogênito, mas ele não se aplica ao
filho bastardo. Embora, na maioria das vezes, ele seja o primeiro filho de muitas
mães e pais não são poucos os homens que ministro que dizem que tem uma ou duas
filhas ou filhos da época em que não eram casados e então pergunto com quem
estão, como ele se relaciona com esses filhos? A maioria responde que os filhos
estão com a avó materna ou com a mãe e faz tempo que não vêm, não pagam
pensão; é totalmente irresponsável com aquela vida em todos os sentidos.
Nossas Igrejas devem se prevenir também dos pedófilos que podem aparecer na
igreja. Muitos dizem que têm um chamado com crianças e adolescentes só por que
querem estar perto da sua paixão pelo pecado e na primeira oportunidade vão
seduzir alguns para terem proveito de alguma maneira. Nós temos que ter um
cuidado maior nas nossas igrejas neste sentido. Pessoas com áreas não resolvidas na
cruz, principalmente na área de caráter e vícios sexuais escondidos na igreja. Com
falsa conversão ou até verdadeira, com uma facilidade que surge, eles vão cair pela
facilidade que encontram e a confiança dos pais nos irmãos.

31
13 Inseminação e aborto
Sobre o aborto gostaria de adicionar esta matéria de uma médica geneticista que
trabalha com fertilização em vitro, F.I.V.
Quando ocorre o início da vida? A resposta da Bíblia.
Muitos teólogos acreditam que a Bíblia não é clara sobre quando se dá o início da
vida humana. Será na união do óvulo com o espermatozoide, como querem os mais
conservadores e radicais? Ou será a partir da 12a semana de gestação, quando os
principais sistemas do organismo estão delineados? Ou será somente quando o feto
é capaz de sobreviver fora do organismo da mãe, digamos, com 6 meses de gestação
(com a tecnologia da qual dispomos hoje)? A questão é complicada. Na opinião da
grande maioria, está se trata de uma zona “cinza”, a qual deve ser discutida por meio
de princípios éticos cabíveis em cada contexto e cultura. Será??

Eu me enquadrava dentro dessa “grande maioria” de nossa sociedade. Contudo,


mantinha a postura de que “é melhor não errar”, preferindo acreditar que a vida já se
inicia com a sua concepção. Acreditava que a Bíblia realmente não era clara a
respeito, seja pelo fato de que conceitos como “célula”, “zigoto” e o próprio
mecanismo de fecundação e gestação fossem um completo mistério para os seus
escritores, seja pelo fato de que talvez isso não fosse tão relevante assim, do ponto
de vista divino. O mistério que representava a gestação é bem evidente em textos
poéticos e ao mesmo tempo lindíssimos como os do Salmo 139: “Tu criaste o íntimo
do meu ser e me teceste no ventre da minha mãe... Meus ossos não estavam
escondidos de ti quando em secreto fui formado e entretecido como nas profunde-
zas da terra. ” (NVI, grifo do autor).

Imaginem o meu susto quando, ao meditar sobre a história do nascimento de


Sansão em Juízes 13, descobri que a Bíblia é BEM CLARA a respeito da origem da
vida humana. A informação está nas entrelinhas, porém não deixa dúvidas! A
mulher de Manoá, como a mãe de Sansão é chamada, era estéril até receber a visita
de um anjo. Este lhe declara que engravidará de um filho que deve ser nazireu
durante toda a sua vida, pois deve se tornar um juiz do seu povo e libertá-lo da
opressão dos filisteus, povo vizinho e inimigo dos hebreus. O nazireado implicava
em um sinal de consagração interior, através da abstenção de qualquer produto da
videira (mesmo uvas e passas), e de consagração exterior, através da distância de
cadáveres e manutenção do cabelo (o cabelo – assim como a barba - nunca poderi-
am ser cortados). O detalhe crucial é que o anjo ordena à própria mãe que não deve

32
ingerir nada que viesse da uva, embora o nazireado coubesse explicitamente ao
filho!

Para ficar bem clara, esta ordem é repetida duas vezes, uma vez à mulher, outra
vez a ela e a seu marido Manoá. Além disso, a mãe também deveria se lembrar de
não ingerir qualquer comida impura, regulamento ao qual se sujeitavam todos os
israelitas, nazireus ou não. Logo, a desobediência da mãe a essas ordens implicaria
na perda da consagração ao filho. Como ela não sabia do momento da concepção do
filho, deveria iniciar o jejum de uva desde já. A seriedade deste compromisso revela
que o espírito de Sansão poderia ser contaminado pela desobediência da mãe desde
o estágio mais tenro do seu desenvolvimento. Logo, se a “vida” de Sansão se
iniciasse após 11-12 semanas de gestação, a ordem do anjo teria sido a de abstenção
da uva a partir do momento em que a mulher de Manoá percebesse que estava
grávida. Aplicando o mesmo raciocínio à ideia de que a sua “vida” iniciasse
somente após o parto, a mãe receberia ordens apenas para cuidar da dieta do filho!

Esta lógica é reforçada por várias outras passagens bíblicas que refletem a aver-
são que Deus sente pelo aborto provocado. Por exemplo, o famoso princípio “Olho
por olho, dente por dente” ocorre pela primeira vez na Torah (os cinco livros de
Moisés) no contexto em que um parto prematuro é provocado porque uma mulher
grávida foi ferida em uma briga de homens: Êx. 21:22-25. Também na Torah, a
ordem de que “um cabrito não deve ser cozido no leite da sua própria mãe” é
repetida três vezes (Êx. 23:19, 34:26, Deut. 14:21). Mais do que um preciosismo
culinário, creio que esta ordem representa a ideia de que uma mãe não deve ter
participação alguma na morte do seu filho! Mais uma vez, as razões para a destrui-
ção dos povos canaanitas são repetidas diversas vezes não somente na Torah, mas
também em muitos outros livros do Velho Testamento: promiscuidade sexual
seguida do sacrifício dos filhos indesejados ao deus Moloque (queimados vivos).
Razões semelhantes conduziram à destruição de Jerusalém e ao êxodo dos israelitas
para a Assíria e a Babilônia. Quer os filhos sejam queimados após o nascimento,
quer sugados aos pedaços (como quer a cartilha mais recente sobre “Como abortar
com segurança” da OMS), quer destruídos na forma de embriões ou fetos, creio que
o ódio divino contra a destruição da vida humana é evidente de qualquer forma.

Filhos são sempre uma bênção, mesmo que em circunstâncias indesejadas. O


assim chamado “planejamento familiar” tem minado a saúde mental de centenas de
mulheres às quais foi ensinado que a criação de filhos representa um fardo e um
empecilho às suas carreiras. Nesse sentido posso declarar o meu próprio testemu-
nho, pois sou pesquisadora e professora da UFPR e, ao mesmo tempo, mãe de três

33
filhos maravilhosos! Dois nasceram durante o mestrado e um no início do pós-
doutorado. Cada um deles me enriqueceu de uma maneira não comparável a todo o
reconhecimento que obtive pelas conquistas científicas! Agradeço todos os dias a
Deus por eles!.. Sei que posso não servir de parâmetro, mas oro para que este
testemunho sirva ao menos de estímulo!

Angelica B. W. Boldt

Mãe de três filhos, leia-se “milagres” (o pai é considerado infértil e foi


advertido, ainda antes de se casar, que jamais teria filhos por meios “naturais”).
Dra em Genética Humana pela Universidade de Tübingen, Alemanha, pós-
doutorado em Imunopatologia Molecular no Departamento de Patologia Médica do
Hospital de Clínicas, UFPR, Curitiba. Atualmente professora de Genética da
UFPR.

Ainda sobre isto muitas pessoas me perguntam sobre a pílula do dia seguinte e eu
conversando com minha esposa ela me falou sobre um entendimento que ela teve
sobre dois textos da Palavra de Deus em Isaias 49:1,5 diz que o Senhor deu um
chamado ao profeta ainda no ventre e em efésios 1;4 fala que Deus nos escolheu
antes da fundação do mundo todo projeto de uma vida pode ser abortado mesmo que
seja no primeiro separar de célula logo no ventre onde o ovulo espera o esperma
Deus já está esperando esta vida ou seja todo que não se formou ou não nasceu é
sim um aborto.

14. RESPONSABILIDADE
Responsabilidade nos fala de honra muitos pais que engravidam e somem
como se a responsabilidade da gravidez e do filho fosse só da mulher e não dele mas
o pai tem sim responsabilidade uma adolescente que ministrei fiz o ato profético
para que ela falasse de forma representativa tudo que quisesse ao pai e a única
palavra que ela disse foi “porque” ou seja porque você sumiu não foi presente
porque você me odiou tanto que não quis saber de mim o que de tão mau eu te fiz
para que você me odiasse tanto? Nunca me abraçou nem disse que me ama nada
simplesmente você não quis fazer parte da minha vida e com este desabafo pude
presenciar muitas vezes estas mesmas feridas do abandono e da irresponsabilidade
que não deu, nada nem pensão pagou outros por pagar pensão pensam que estão

34
fazendo muito por estes filhos, mas isto mostra o caráter irresponsável de uma
pessoa que desonrou a mãe e não foi honrado para se responsabilizar por este filho.
Agora quero falar um pouco de pecados por omissão, ou seja, quando nós
deixamos que alguém passe pela nossa vida sem que falemos para ela do sangue de
cristo que foi vertido por ela. Essa é uma forma de omissão da nossa
responsabilidade como atalaias de Cristo nesta terra.

Ezequiel 33:1-9 esta palavra do Senhor veio a mim: ''filho do homem, fale com os
seus compatriotas e diga-lhes: quando eu trouxer a espada contra esta terra e o
povo desta terra escolher um homem para ser sentinela, e ele vir a espada vindo
contra a terra e tocar a trombeta para advertir o povo, então, se t alguém ouvir a
trombeta mas não der atenção à advertência e a espada vier e tirar sua vida, este
será responsável por sua própria morte. Uma vez que ele ouviu o som da trombeta,
mas não deu atenção a advertência, será responsável por sua morte. Se eles dessem
atenção à advertência, se livraria. Mas se a sentinela vir chegar a espada e não
tocar a trombeta para advertir o povo e a espada vier e tirar a vida de um deles,
aquele homem morrerá por causa da sua iniquidade mas considerarei a sentinela
responsável pela morte daquele homem. ''filho do homem eu fiz de você uma
sentinela para a nação de Israel; por isso, ouça a minha palavra e advirta-os em
meu nome. Quando eu disser ao ímpio que é certo que ele morrerá e você não falar
para dissuadi-lo de seus caminhos, aquele ímpio morrerá por sua iniquidade, mas
eu considerarei você responsável pela morte dele. Entretanto, se você de fato
advertir o ímpio para que se desvie dos seus caminhos e ele não se desviar, ele
morrerá por sua iniquidade, e você estará livre da sua responsabilidade. ”

Então obreiros, lideres, pastores, apóstolos, que também quer dizer missionário,
todos serão chamados a alertar a sociedade, a igreja e todos de seus pecados.
Alguma vez você já sentiu que não fez o que deveria ter feito? Esta é a sensação de
uma atalaia que falhou na sua missão: ter visitado mais uma alma, orado mais por
uma vida, ido mais uma vez ao hospital, enfim não desistido tão cedo de que uma
vida fosse salva. Temos que ter este senso de responsabilidade com nossas ovelhas e
todos quantos podermos alcançar

Isaías 59:3 “pois suas mãos estão manchadas de sangue e os dedos, de culpa. Os
seus lábios falam mentiras e a sua língua murmura palavras ímpias”.

35
Murmurações e mentiras fazem as pessoas se desviarem dos caminhos e muitos
não cumprem o que falam e prometem, fazem de conta que não é com eles. Por isso,
temos tido muitos decepcionados com o evangelho; não são desviados, são feridos
pelas mãos de quem deveria cuidá-los.
Será que estamos sendo boas atalaias de Cristo? O preço de sangue não pode ser
perdoado se não houver arrependimento e uma mudança radical.

Mateus 27:6 Os chefes dos sacerdotes ajuntaram as moedas e disseram: ‘‘É


contra a lei colocar este dinheiro no tesouro, visto que é preço de sangue. ”

Agora entra aqui um alerta para líderes que recebem ofertas e dízimos de pessoas
que não conhecem a procedência. Um satanista pode muito bem entrar e colocar
dinheiro impuro de sangue dentro da igreja e então a obra começa a andar para traz
e nada acontece; pecados começam a se multiplicar na igreja. Todo cuidado é pouco.
Um pastor conhecido ficou muito doente e foi parar na UTI de um hospital, então
começou a clamar a Deus e o Senhor falou para ele que havia pecado com
derramamento de sangue. Ele pediu uma revelação, pois não se lembrava de haver
pecado desta forma e o Senhor lhe fez lembrar-se de uma moça que foi na igreja
desesperada pedindo uma ajuda financeira, era vida ou morte, e ele deu dinheiro
para a moça. O Senhor lhe revelou que ela havia feito um aborto com aquele
dinheiro. Então ele se arrependeu e chorou e no outro dia ele foi pra casa perdoado e
curado. Vamos ver uma tremenda revelação acerca da culpa de sangue.

Mateus 23:30-36 “ai de vocês, mestres da lei e fariseus, hipócritas! Vocês


edificam os túmulos dos profetas e adornam os monumentos dos justos. E dizem: 'se
tivéssemos vivido no tempo dos nossos antepassados, não teríamos tomado parte
com eles no derramamento do sangue dos profetas'. Assim vocês testemunham
contra si mesmos que são descendentes dos que assassinaram os profetas. Acabem,
pois, de encher a medida do pecado dos seus antepassados! ''Serpentes! Raça de
víboras! Como vocês escaparão da condenação ao inferno? Por isso, eu lhes estou
enviando profetas sábios mestres. A uns vocês matarão e crucificarão; a outros
açoitarão nas sinagogas de vocês e perseguirão de cidade em cidade. E assim,
sobre vocês recairá todo o sangue justo derramado na terra desde o sangue do justo
Abel, até o sangue de Zacarias, filho de Baraquias, a quem vocês assassinaram
entre o santuário e o altar. Eu lhes asseguro que tudo isso sobrevirá a esta
geração.”

36
Este texto traz a contextualização necessária com o novo testamento para ficar
bem claro, pois é Jesus que está falando neste texto sobre coisas muitíssimo
importantes na área de pecados e a culpa do sangue nas gerações de pessoas que
pecaram com sangue nas mãos.
Primeiro era a forma como eles queriam ocultar a culpa dando ''honra'' ao túmulo
e dizendo-se melhores que seus pais, mas a verdade Jesus diz: isto só reforça a culpa
de sangue das gerações passadas. Estes lideres tinham que preservar o poder, não
trilhar o caminho dos pais e isto implicaria em reconhecer Jesus como messias e
lançar novos fundamentos; mas o novo vai contra meu conceito religioso - isto
exigiria humildade quebrantamento.
Agora vejam outro detalhe, Jesus diz que eles precisam encher a medida de
iniquidade dos pais e disse que iriam fazer o mesmo que seus pais e a tendência de
todos era repetir o pecado dos antepassados, e sem um sangue de maior valor não
tem como estar livre da condenação.
Existe uma disputa entre o clero e os mestres e profetas e sábios e aqui entra uma
nova medida de juízo. Eles teriam agora uma oportunidade de não repetir o pecado
de seus pais, mas isso não acontece, iriam fazer o mesmo que seus pais.
As leis de responsabilidade e as leis da herança nossos traumas são novos
conceitos que a igreja tem recebido nos últimos tempos. Mas como temos reagido a
toda revelação que tem vindo a nós? Como fariseus ou saduceus ou como bons
religiosos? Para receber o vinho, mais novo temos que deixar os velhos odres.

15. COMER SANGUE

Deus proibiu definitivamente comer sangue em todas as épocas. Nos dias logo
após o dilúvio, o Senhor disse:

Gênesis 9:2-4"Pavor e medo de vós virão sobre todos os animais da terra e sobre
todas as aves dos céus; tudo o que se move sobre a terra e todos os peixes do mar
nas vossas mãos serão entregues. Tudo o que se move e vive ser-vos-á para
alimento; como vos dei a erva verde, tudo vos dou agora. Carne, porém, com sua
vida, isto é, com seu sangue, não comereis”.
Na lei de Moisés, Deus simplesmente ordenou:
Levítico 17:10-12"Qualquer homem da casa de Israel ou dos estrangeiros que
peregrinam entre vós que comer algum sangue, contra ele me voltarei e o eliminarei

37
do seu povo. Porque a vida da carne está no sangue. Eu vo-lo tenho dado sobre o
altar, para fazer expiação pela vossa alma, porquanto é o sangue que fará expiação
em virtude da vida".
No Novo Testamento, a palavra de Deus continua a proibir o consumo de
sangue:
Atos 15:28-29"Pois pareceu bem ao Espírito Santo e a nós não vos impor maior
encargo além destas cousas essenciais: que vos abstenhais das cousas sacrificadas
a ídolos, bem como do sangue, da carne de animais sufocados e das relações
sexuais ilícitas; destas cousas fareis bem se vos guardardes. Saúde".

Veja também Atos 15:20; 21:25. Nestes textos, vemos alianças de sangue em
todas as implicações, por exemplo, sangue de ofertas sacrificadas a ídolos, ainda que
jogados na terra constituem um sacrifício às entidades santos ou demônios, em
sacrifícios aos ídolos que depois as carnes são assadas. Nas relações sexuais ilícitas,
existem pactos e envolvimento de sangue branco, transparente e até sangramento
mesmo e comer com sangue foi uma das últimas recomendações aos discípulos, mas
já existia antes da lei.
Essas proibições se aplicam a nós hoje? Alguns dizem que não, e argumentam
que esses mandamentos do Novo Testamento tinham um propósito especial: evitar
ofender os preconceitos dos judeus e permitir a partilha de refeições entre judeus e
gentios. Eles dizem que as admoestações de Atos 15 foram meros conselhos para
promover boas relações, mas não tinham a intenção de serem mandamentos
inalteráveis de Deus. Assim, eles ensinam que não precisamos mais seguir essas
proibições. Há três problemas com tal abordagem.
Esses não eram meramente conselhos de alguns homens. Atos 15:28 diz
especificamente que o Espírito Santo autorizou esse ensinamento. Desde que o que
os apóstolos disseram através do Espírito Santo foi inspirado por Deus (João 16:13;
1 Coríntios 14:37; 1 Tessalonicenses 2:13), não temos direito a pô-los de lado.
Ainda mais, esses mandamentos são chamados "cousas essenciais" (Atos 15:28).
O que é essencial não é opcional e não pode ser anulado por nossa vontade.
Finalmente, essas decisões deviam ser observadas pelos irmãos (Atos 16:4). A
palavra "decisões" se refere a decretos e ordenanças. As outras passagens usadas na
Bíblia são Lucas 2:1; Atos 17:7; Efésios 2:15; Colossenses 2:14 em que “decisões” é
traduzido como "decretos" e "ordenanças". Elas se referem a mandamentos
obrigatórios, quer de César, nas primeiras duas passagens (Lucas 2:1; Atos 17:7),
quer de Deus nas duas últimas
Efésios2:15; Colossenses2:14.

38
A palavra "observar" é uma palavra frequentemente usada na Bíblia em relação à
obediência da lei: veja Atos 7:53 e 21:24 como exemplos. A linguagem usada nessas
decisões certamente não deixa a impressão de que eram opcionais ou temporárias.
O contexto de Atos 15 envolve a situação de alguns judeus cristãos tentarem
forçar os gentios a guardarem a lei de Moisés (veja versículos 1 e 5). A ideia nesse
capítulo era para mostrar que essa posição era errada. Os gentios não precisavam
guardar a lei de Moisés. Pedro referiu-se a guarda da lei de Moisés como "um jugo
que nem nossos pais puderam suportar, nem nós" (Atos 15:10). Paulo não permitiu
que Tito fosse circuncidado, porque ele não queria dar a entender que concordava de
algum modo com esses mestres judaizantes (veja Gálatas 2:1-5, que provavelmente
se refere ao mesmo encontro).
Nesse contexto, seria quase impossível imaginar que os apóstolos mudassem de
ideia e pedissem aos gentios que fizessem exatamente o que os falsos mestres
queriam, isto é, que guardassem a lei de Moisés. Tal grupo estava absolutamente
determinado a não perturbar os gentios, mas somente informá-los sobre os
mandamentos essenciais (Atos 15:19). É difícil imaginá-los emitindo decretos a uma
grande área meramente para acomodar o preconceito judeu. Isto seria fazer
exatamente o que os falsos mestres queriam. Queira ler Atos 15 e examinar o texto
cuidadosamente.
O contexto mais amplo mostra que esses mandamentos eram ensinados em vários
lugares (Atos 16:4) e ainda estavam em vigor alguns anos depois (Atos 21:25). Eles
não estavam lidando só com um assunto temporário local. Esses mandamentos
também fazem parte dos ensinamentos apostólicos revelados pela boca de Deus.
É significativo, contudo, que a proibição contra comer sangue não se tenha
originado na lei de Moisés, mas tenha feito parte da ordem de Deus para a
humanidade desde o dia em que ele autorizou os homens a comer carne de animais
(Gênesis 9). Não foi somente comer sangue e coisas estranguladas o que foi
proibido nessas decisões. Foram também a fornicação e as "contaminações dos
ídolos" (Atos 15:20).
Se a proibição quanto a comer sangue não pretendesse ser universal, então a
proibição contra a fornicação e a idolatria também não teria a intenção de ser
universal. Não se pode entendê-la de duas maneiras: se um desses itens está certo
hoje, todos eles estão. Se um deles está errado hoje, todos também estão. Linguagem
idêntica é usada para descrever todos eles.
Sabemos que a fornicação e a idolatria são sempre erradas. Não há situação, ou
lugar, ou tempo no qual o Novo Testamento permita qualquer delas. Assim, não há
situação, ou lugar, ou tempo no qual o Novo Testamento permita comer sangue.

39
Uma objeção frequentemente levantada é que as "contaminações dos ídolos"
eram às vezes aceitáveis na Bíblia. Isto é incorreto. A expressão usada em Atos
15:20 não é usada em nenhuma outra ocasião no Novo Testamento. A expressão
usada em Atos 15:29; 21:25 é usada também em 1 Coríntios 8:1,4,7,10; 10:19 e em
Apocalipse 2:14,20. Todas essas passagens condenam quanto a comer "cousas
sacrificadas aos ídolos."
1 Coríntios 8-10 condena comer "cousas sacrificadas aos ídolos" por duas razões:
isso viola o amor ao nosso próximo, porque encoraja os irmãos a pecarem (1
Coríntios 8) e viola o amor a Deus, porque é idolatria (1 Coríntios 10:14-22). Paulo
diz claramente que não se pode participar na ceia do Senhor sendo participante da
mesa dos ídolos (1 Coríntios 10:19-22; veja também Mateus 6:24).
Alguns acreditam que 1 Coríntios 10:23-33 permite comer "cousas sacrificadas
aos ídolos" porque permite aos cristãos comprar carne no açougue sem perguntar
compulsivamente qual a origem da carne. Mas quando a carne é comprada no
açougue ela já não se enquadra na categoria de "cousas sacrificadas aos ídolos", e
por essa razão pode ser comida pelo cristão. Chamar alguma coisa de "alimento
sacrificado aos ídolos" implica que seja alimento sendo comido em ligação com a
festa do ídolo.
Observe cuidadosamente as passagens no Apocalipse:

Apocalipse2:14,20. "Tenho todavia, contra ti algumas cousas, pois que tens aí os


que sustentam a doutrina de Balaão, o qual ensinava a Balaque a armar ciladas
diante dos filhos de Israel para comerem cousas sacrificadas aos ídolos 4 e
praticarem a prostituição... Tenho, porém, contra ti o tolerares que essa mulher,
Jezabel, que a si mesma se declara profetisa, não somente ensine, mas ainda seduza
os meus servos a praticarem a prostituição e a comerem cousas sacrificadas aos
ídolos5"

Essas passagens mostram que Deus considera o comer alimento sacrificado aos
ídolos como idolatria (observe Apocalipse 2:15-16, 21-23). Segundo Gary Fisher,
quando se entende que fornicação e idolatria são sempre erradas, torna-se fácil ver
que comer sangue é errado também.
Entendo dentro destes textos e exegese acima que tudo mesmo relacionado aos
ídolos e o sangue sempre são perigosos e devemos ter cautela ao comer e participar
de festas ou de quermesses com envolvimento tanto de comidas como de finanças,

4
Grifo nosso.
5
Grifo nosso.

40
pois você compra alimentos e tantas coisas que vai para a caixa de uma instituição
que não vai fazer um uso cristão dele, até mesmo, obras sociais feitas por
instituições não cristãs devem ser evitadas em minha opinião. É bem verdade que
nós ainda temos muito que crescer em termos de obra social, mas já existem muitas
delas que podemos contribuir.

16. TRANSFUSÃO DE SANGUE

Este artigo foi extraído da defesa da fé fala sobre a posição de uma seita sobre
transfusão de sangue, o que eu sou a favor. Acredito que um veículo com tanto
poder de influência pode ser um fator espiritual, então creio em alguns cuidados ao
receber sangue e também na hora de doar.
Temos que orar para abençoar quem vai receber este poder, pois o sangue de
Cristo está em nós e também no nosso sangue; e isto já é razão suficiente para cada
cristão doar sangue com muita fé e amor pelas vidas. Se Cristo pôde derramar seu
sangue por mim, também posso dar um pouquinho do meu por uma vida sem ser
egoísta.
Transfusão não é igual a comer sangue é totalmente diferente a Bíblia nos diz
sobre comer e não sobre se tratar com sangue recebido para tratar uma enfermidade
ou uma infecção mas eu tenho que é totalmente legal do ponto de vista da lei divina.

17 SINTOMAS E CAUSAS
Dentro da perspectiva da libertação o sangue é tanto sintomático quanto a causa
de várias maldições, vamos ver os sintomas primeiro um sintoma comum é a morte
prematura de pessoas, ou abortos espontâneos, também morte violentas, por
acidentes ou assassinados um outro sintoma é a pessoas ou pessoas da família
sempre tem alguém doente ou sendo operado é um espirito que está vampirizando
esta pessoa ou famílias inteiras, que sempre tem alguém doente passando por
cirurgia várias vezes, também atendemos muitos casos de pessoa que tem
hemorragia crônica mas que também pode estar ligado a falta de perdão associado a
histórias de abuso ou estupro.

41
Estes são alguns dos sintomas mas só o mapeamento pode nos dizer com certeza
se tem históricos de derramamento de sangue em algum nível.
As causas já estivemos vendo neste estudo mas que aconteceram no nível muitas
vezes dos nossos antepassados como por exemplo; mortes por brigas e desavenças,
exploração escravagista, participação em guerras, perseguição e morte dos Judeus,
Envolvimento com a criminalidade com agravante de derramamento de sangue,
desonra aos pais com derramamento de sangue, tanto por brigas como no sentido
sexual, abortos voluntários, sangue derramado em pactos com as trevas, estes são
causas principalmente quando aconteceram na geração passada.
Como vimos em
Mateus 23 "Ai de vocês, mestres da lei e fariseus, hipócritas! Vocês edificam os
túmulos dos profetas e adornam os monumentos dos justos.
E dizem: ‘Se tivéssemos vivido no tempo dos nossos antepassados, não teríamos
tomado parte com eles no derramamento do sangue dos profetas’. Assim, vocês
testemunham contra si mesmos que são descendentes dos que assassinaram os
profetas.
Acabem, pois, de encher a medida do pecado dos seus antepassados!
"Serpentes! Raça de víboras! Como vocês escaparão da condenação ao inferno?
Por isso, eu lhes estou enviando profetas, sábios e mestres. A uns vocês matarão e
crucificarão; a outros açoitarão nas sinagogas de vocês e perseguirão de cidade em
cidade.
E, assim, sobre vocês recairá todo o sangue justo derramado na terra, desde o
sangue do justo Abel, até o sangue de Zacarias, filho de Baraquias, a quem vocês
assassinaram entre o santuário e o altar.
Eu lhes asseguro que tudo isso sobrevirá a esta geração.
"Jerusalém, Jerusalém, você, que mata os profetas e apedreja os que lhe são
enviados! Quantas vezes eu quis reunir os seus filhos, como a galinha reúne os seus
pintinhos debaixo das suas asas, mas vocês não quiseram.
Eis que a casa de vocês ficará deserta.
Mateus 23:29-38
O sangue fica vigente como uma promissória aberta de geração em geração até
toda dívida de justiça seja paga vemos isto no julgamento da casa de Saul os homens
que descendiam de Saul foram mortos por causa do crime de sangue que envolvia
uma aliança e todo sangue gera este tipo de dívida no reino espiritual. Durante o
reinado de Davi, houve uma fome que durou três anos. Davi consultou o Senhor,
que lhe disse: "A fome veio por causa de Saul e de sua família sanguinária, por
terem matado os Gibeonitas".

42
O rei então mandou chamar os Gibeonitas e falou com eles. ( Os Gibeonitas não
eram de origem israelita, mas remanescentes dos Amorreus. Os israelitas tinham
feito com eles um acordo sob juramento; mas Saul, em seu zelo por Israel e Judá,
havia tentado exterminá-los. )
Davi perguntou aos Gibeonitas: "Que posso fazer por vocês? Como posso
reparar o que foi feito, para que abençoem a herança do Senhor? "
Os Gibeonitas responderam: "Não exigimos de Saul ou de sua família prata ou
ouro, nem queremos matar ninguém em Israel". Davi perguntou: "O que querem
que eu faça por vocês? ",
e eles responderam: "Quanto ao homem que quase nos exterminou e que
pretendia destruir-nos, para que não tivéssemos lugar em Israel,
que sete descendentes dele sejam executados perante o Senhor, em Gibeá de Saul,
no monte do Senhor". "Eu os entregarei a vocês", disse o rei.
O rei poupou Mefibosete, filho de Jônatas e neto de Saul, por causa do juramento
feito perante o Senhor entre Davi e Jônatas, filho de Saul.
Mas o rei mandou buscar Armoni e Mefibosete, dois filhos de Rispa, filha de Aiá,
que ela teve com Saul, e os cinco filhos de Merabe, filha de Saul, que ela teve com
Adriel, filho de Barzilai, de Meolá.
Ele os entregou aos Gibeonitas, que os executaram no monte, perante o Senhor.
Os sete foram mortos ao mesmo tempo, nos primeiros dias da colheita de cevada.
Então Rispa, filha de Aiá, pegou um pano de saco e o estendeu para si sobre uma
rocha. Desde o início da colheita até cair chuva do céu sobre os corpos, ela não
deixou que as aves de rapina os tocassem de dia, nem os animais selvagens à noite.
Quando Davi foi informado do que Rispa, filha de Aiá, concubina de Saul, havia
feito,
2 Samuel 21:1-11 é desta forma que se estabelecem algumas perseguições nas
famílias e ficam gerando cobranças espirituais sobre as injustiças e sobre a dívida de
sangue derramado na linhagem.

Vemos também que a pecados nesta área de sangue branco e iniquidade na área
sexual que a consequência é imediata por exemplo nos pecados de estupro onde se
gerou um filho neste pecado, no adultério na prostituição ou na fornicação que gera
um filho bastardo este pecado já gera uma consequência imediata na vida da pessoa
que é o filho que foi roubado o direito de ser legitimo muitas vezes o direito a
primogenitura e perseguições espirituais desde o ventre é o pecado com
consequência imediata já na próxima geração.

43
18. O SANGUE MAIS PURO

Porque o sangue de Jesus é o sangue que pode perdoar os pecados e garantir a


nossa salvação?
A primeira razão para isto é a pureza do sangue, pois o sangue inocente tem maior
valor do reino do Espírito. Quando Jesus foi acusado, ele não teve justiça. Foi
injustiçado, as acusações eram infundadas, outro fator de pureza foi a sua vida sem
pecados diante de Deus - não havia nenhuma mancha no seu caráter, inocência e
pureza valores inestimáveis no reino espiritual.
Mas isto não é tudo que contem de valor neste sangue. Jesus derramou bastante
sangue desde o Getsemani até a crucificação; foram chibatadas, torturas com
espinhos na sua cabeça até a vida se esvair de tal forma que por último verteu água.
Sangue com a vida. Outro valor, e por ser quem Jesus é, filho de Deus e Deus
sendo Rei e não somente Rei, mas Rei dos Reis. Jesus é o Filho único, primogênito
do Rei. O sangue mais alto de maior valor era sempre do filho do rei, sangue real,
sangue nobre sobre todos os nobre desta terra e do reino espiritual também. Por isto
o versículo de Hebreus 12:24 faz tanto sentido:

“À Jesus, mediador de uma nova aliança, e ao sangue aspergido, que fala melhor
do que o sangue de Abel”.

O sangue de Abel clamava por justiça, o de Jesus clama por salvação de todos
nós, a aliança de sangue que Jesus fez foi feita por toda humanidade mas nem todos
estão salvos porque não pactuaram com a aliança, ela se torna real ou legal para
mim se eu acordar nos termos do pacto uma aliança pode ser feita de forma
unilateral e espiritual sem necessidade de termos mas o pacto exige um termos de
conduta direitos e deveres mais específicos existem alianças assim mas não é
requisito para se estabelecer por exemplo uma prostituta se ela perguntar ao cliente
eu vou pactuar com você tudo que é meu em todo sentido vou dividir com você em
troca deste prazer que lhe darei ela ficaria sem nenhum cliente já no pacto tem que
haver concordância e termos acordados do pacto.

44
E não tem um sangue com valor maior do que o de Jesus e por ser quem era sua
nobreza garante muito mais valor.

19. ORAÇÕES
Princípios para orar quebrando estas maldições e recolhendo o sangue:
Toda oração deve se afirmar novamente o pacto e aliança com cristo, também não
deve ser feita orações sozinhas e sim com a presença do seu pastor, ou líder,
discipulador ou conselheiro.
Modelos de oração:
Pactos de sangue com as trevas;
Eu agora renuncio todos os deuses estranhos em minha vida eu saio agora do
domínio e do território espiritual das trevas e me transporto espiritualmente para o
reino de cristo com seu amor e sua graça e misericórdia e rompo com os deuses
estranhos em nome de Jesus declaro que somente Jesus cristo é o meu senhor e meu
Deus.
Em nome de Jesus eu agora rompo toda aliança e comprometimento que fiz com
as trevas nas religiões que me envolvi toda consagração com sangue raspagem da
cabeça marcas no corpo comido sangue e derramado o meu sangue o de animais em
comprometimento ritual as entidades de quaisquer seitas ou religiões (citar com qual
se envolveu) Como consagração de meu nome com as entidades (citar o nome)
anulo os termos desta aliança (citar os termos de acordo ou aquilo que se esperava
alcançar bem como dons e habilidades.) recolho o sangue do animal que foi
sacrificado no altar rua encruzilhada ou mata ou cachoeira, peço perdão por este
pecado me arrependendo profundamente deste ato se foi sangue humano(citar
situação e circunstância que aconteceu) expulso da minha vida todos os espíritos
que vieram e atuaram na minha vida, saiam agora e vão para o lugar que o Senhor
Jesus determinar e não voltem mais, rompo todo relacionamento com as trevas e
coloco o sangue de Jesus sobre estes sangue desta aliança, retiro o meu nome de
quaisquer registro ou documento que assinei com sangue em nome de Jesus, e
Anulo assim todo este pacto com as trevas e declaro que minha vida pertence a
partir de hoje 100% ao Senhor Deus Criador e seu filho Jesus Cristo.
Recolhendo o sangue da imoralidade:

45
Senhor Jesus eu peço agora perdão ao Senhor pelos pecados de masturbação,
fornicação, prostituição adultério, recolho todo sangue branco do altar das Pombas
giras, Iemanjá zé pilintra, (demônios que atuam no sexo ilícito) recolho este sangue
destes altares e coloco no altar de cristo debaixo do sangue de Jesus, peço perdão
por desperdiçar minha força fora da aliança de casamento, retiro e expulso estes
espíritos da minha vida em nome de Jesus saiam e vão para o lugar que Jesus
determinar. Também desvinculo a minha vida das pessoas com quem fui um só
corpo com elas tudo delas que ficou em mim eu devolvo que os teus anjos levem no
sentido; espiritual, físico, emocional, sexual, e tomo de volta através do sangue e da
cruz de Cristo, desvinculando minha vida destes pecados expulso os demônios e
recolho o sangue da minha virgindade e coloco no altar de cristo e resgato minha
pureza e minha inocência em nome de Jesus. Me perdoa por toda desonra das moças
e rapazes que tirei a virgindade deles desonrando suas vidas e suas famílias, também
por desonrar meus pais cometendo pecados que fui ensinado a não cometer. Eu me
arrependo em nome de Jesus peço perdão novamente e tenha misericórdia de mim e
dos meus descendentes não lhes imputando este pecado e suas consequências oro
em nome de Jesus.
Tatuagem:
Senhor Jesus me arrependo por ter feito tatuagem sem pedir permissão ao Senhor
já que meu corpo é o teu templo peço perdão pela motivação que me levou a fazer
esta(s) tatuagem peço perdão pela revolta, ira, influência de grupos ou para ser
aceito por querer mostrar minha independência e minha rebelião contra a sociedade
e a família ou para homenagear alguma crença, por ter feito pacto com as trevas pela
representação destas tatuagens desfaço todo ponto de contato com as entidades que
elas representam em nome de Jesus recolho todo sangue derramado do altar do
inimigo, também por toda oferenda feita pelo tatuador ou toda influência de suas
crenças ou envolvimentos sobre minha vida em nome de Jesus, e coloco no altar de
Cristo Jesus o sangue derramado, anulo toda influencia na minha vida destas marcas
e me comprometo a buscar uma direção tua e cobrir com algo que represente minha
nova vida em cristo em nome de Jesus.

Quem gerou filhos fora da aliança de casamento:


Senhor peço perdão por ter gerado meu filho (o nome dele) fora da aliança no
pecado de ... (citar o pecado) roubando dele o direito de ser um filho legitimo, peço
perdão por isto também, e por ter através do meu pecado trago maldição até a fida

46
dele de bastardia e tirando dele o direito ao seu lugar na assembleia dos santos, eu
agora quebro esta maldição colocando o meu pecado sobre a cruz de cristo sobre o
sangue puro de Jesus e trago meu filho para dentro da aliança com a família e com
Deus eu o incluo na comunhão dos santos e peço que o meu pecado não seja
imputado sobre ele em nome de Jesus, e toda perseguição e contaminação espiritual
que veio sobre ele desde o ventre até hoje eu retiro e repreendo em nome de Jesus
expulsando da vida dele toda infiltração maligna por causa do meu pecado. Em
nome de Jesus entrego o meu pecado e o meu filho ao Senhor em nome de Jesus.

Filhos que foram gerados fora do casamento:


Senhor Jesus eu me coloco na tua presença pedindo ao Senhor perdão pelos
pecados dos meus pais, (citar os pecados) e por terem me gerado fora da aliança do
casamento tirando meu direito de ser legitimo peço perdão pelo pecados deles e
também dos meus antepassados (citar possíveis pecados ou conhecidos pecados
deles) eu renuncio toda perseguição ou entrega da minha vida a qualquer entidade
ou santo renuncio a vinculação de minha pessoa a estes pactos e da minha linhagem
futura também quebro toda perseguição maligna ou demônios que vieram à minha
vida por eu ter sido gerado fora da aliança de casamento desde o ventre até o dia de
hoje em nome de Jesus eu peço que o Senhor não impute esta maldição sobre mim e
meus descendentes por conta do pecado dos meus pais coloco o sangue de Jesus
entre eu e eles e passo a espada do espirito entre eu e eles me separando destas
maldições eu renuncio a bastardia e declaro que pelo sangue de Jesus eu sou filho de
Deus e aceito na congregação em nome de Jesus. Amém.
Pecados por ter abortado ou consentido no aborto:
Senhor Jesus me coloco humildemente diante de ti confessando meu pecado
abominável diante do Senhor de abortar minha descendência e colocar no altar de
Moloque, bem como concordar com aborto de minha companheira (citar o nome)
peço perdão ao Senhor por ter derramado sangue inocente no meu ventre poluindo a
minha terra meu ventre meu corpo me arrependo deste pecado e peço ao Senhor que
recolha o sangue derramado e coloco este sangue no altar de Cristo sob o sangue de
Jesus eu peço o sangue de cristo sobre minha vida sobre meu corpo purificando
todas as áreas que foram contaminadas por este pecado, peço ainda que não imputes
as consequências do meu pecado sobre minha descendência tenha misericórdia dos
meus filhos netos e bisnetos, eu me arrependo profundamente do meu pecado em
nome de Jesus também expulso da minha vida todos ao demônios que vieram a mim

47
por causa deste pecado bem como sobre os meus familiares marido e filhos por
causa desta abertura espiritual eu os expulso que saiam da minha vida e da minha
parentela e vão para o lugar que o Senhor Jesus determinar em nome de Jesus.
Por ter assassinado e derramado sangue humano:
Venho diante do Senhor Jesus confessando meu pecado de homicídio assassinato
meu ou da minha linhagem, peço perdão por mim e por eles pedindo o perdão e a
misericórdia do Senhor sobre minha vida, me perdoa por estes pecados. eu agora me
arrependo por ter me colocado na posição de Deus pois só o Senhor pode determinar
o fim de uma vida e eu me coloquei nesta posição me arrependo por isto também e
agora expulso todo espirito de ira incontida, raiva, ódio, falta de perdão e violência
contra pessoas peço perdão e expulso os demônios que se alimentaram deste sangue
na minha vida e na vida dos meus antepassados como pessoa e linhagem eu me
arrependo e confesso pedindo perdão ao Senhor recolho o sangue que derramei ou
que derramaram meus antepassados retiro este sangue do altar de satanás e seus
demônios e coloco no altar de Cristo debaixo do sangue de Jesus purifica minha
vida expulsando agora toda infiltração maligna por causa deste meu pecado.
Por ter suicídio na linhagem:
Senhor peço perdão por todo suicídio na minha história de vida e também pela
tentativa de realiza-lo em minha vida renuncio o espirito de desistência de morte e
de depressão na minha vida e na minha linhagem recolho o sangue de meus parentes
do altar de satanás e seus demônios e coloco no altar de Cristo pedindo perdão ao
senhor e me cobrindo com o sangue de Cristo coloco o sangue de cristo sobre meus
antepassados que cometeram este pecado retirando o direito legal de satanás sobre
minha família linhagem e parentela peço perdão por estes pecados e me arrependo
por mim e pelos meus antecedentes em nome de Jesus.

48