Você está na página 1de 2

 Qual a diferença da beneficiação do mineiro de ferro comparado a outro minérios?

 A técnica de flotação reversa (em coluna ou em células tradicionais) é a mais utilizada


entre os processos de concentração de minério de ferro, porém a mesma apresenta
um consumo elevado de água. Para cada tonelada de minério de ferro processada, são
necessários, em média, 4m3 de água. Em 2000, foram processadas 194 milhões de
toneladas de minério bruto e necessitou-se de 1 bilhão de metros cúbicos de água
para o seu beneficiamento (Oliveira, 2001).

 Qual as diferenças entre as técnicas graviticas, magnéticas e de flotação na hora de


concentrar o minério e qual deles utiliza mais agua no processo?

 A concentração gravítica, magnética e flotação são métodos empregados em


separado, ou, mais comumente, combinados, para a concentração de minérios de
ferro no Brasil. Na região do Quadrilátero Ferrífero, as frações de sinter feed e pellet
feed são submetidas à concentração. Em algumas usinas, as de menor porte, a
escrubagem também é utilizada para melhorar os teores dos granulados removendo
partículas de ganga porosa.

 Os rejeitos possuem alguma destinação?

 Quais danos o componente amina causa na barragem de rejeito?

 O comportamento das aminas nas barragens de rejeitos - especialmente no que diz


respeito à sua degradação e aos produtos gerados - ainda não é completamente
compreendido. Portanto, não é possível dimensionar com precisão o impacto gerado
pelo rompimento destas barragens (Araújo et al., 2010).

 Além da liquefação, quais outras razões levaram o rompimento da barragem?

 Qual a relação do trânsito de maquinário pesado com liquefação?

 Quais os principais impactos causados pelo desastre em relação a agua, solo, e


vegetação?

 É importante ressaltar que em certos locais, como no encontro do Rio Gualaxo do


Norte com Rio do Carmo, houve movimento contracorrente do rejeito devido ao seu
grande volume e energia cinética, impactando vários quilômetros da região a
montante. Este movimento contracorrente ocorreu em outros afluentes de menor
porte, provavelmente comprometendo a qualidade da água e a biodiversidade. Como
este impacto não é visualizado pelas imagens de satélite, sua extensão global pode
estar sendo subestimada.

 O DPA (dano potencial associado) foi de 28 pontos em media para o desastre de


Mariana, como é definido esse valor e o que ele indica?
A concentração gravítica, magnética e flotação são diferentes métodos empregados em
separado, ou, mais comumente, combinados, para a concentração de minérios de ferro no
Brasil. A separação ou concentração gravítica é o método que apresenta resultados
compatíveis com o seu baixo custo, no qual a diferença de densidade existente entre os
minerais presentes, utilizando-se de um meio fluido (água ou ar) para efetivar a
separação/concentração. No processo de separação magnética o fator determinante é a
suscetibilidade magnética. Baseado nesse fato, os minerais podem ser divididos em 3 grupos,
de acordo com o seu comportamento quando submetidos a um campo magnético:
ferromagnéticos (forte atração), paramagnéticos (média e fraca atração) e diamagnéticos
(nenhuma atração). Os processos podem ser desenvolvidos via seca ou via úmida, por fim,
temos a flotação que é o processo que consume mais água atualmente para cada tonelada de
minério de ferro processada, são necessários, em média, 4m3 de água, o processo dominante
no tratamento de quase todos os tipos de minérios, devido à sua grande versatilidade e
seletividade.