Você está na página 1de 15

Tom e Semi-Tom

O que é?

Na guitarra no nosso caso, quando passamos, por exemplo, da casa 1 para


a casa 2, a distância percorrida foi de 1/2 tom (meio tom) ou Semitom,
essa distância é padrão para instrumentos de corda (com braço). Por tanto
se percorremos da casa 1 para a casa 3 temos 1Tom de distância.

Observe a formação da escala cromática ou semitonada!

C C# D D# E F F# G G# A A# B

(Não coloquei os bemóis pois não se faz necessário por enquanto) de C para
C# temos um semitom de distância, já de C para D temos um Tom de
distância!

Guardem bem esta escala se possível decore-a, agora podemos partir para
a próxima etapa os intervalos!!!

Intervalos

O intervalo é a distância entre duas notas abaixo eu coloquei um quadro


que você deve ter como bíblia!!!

Segunda menor----------------------------------------> 1/2 Tom

Segunda maior-----------------------------------------> 1Tom

Terça menor--------------------------------------------> 1 Tom 1/2meio

Terça maior --------------------------------------------> 2 Tons

Quarta perfeita ou justa ------------------------------> 2 1/2 tons

Quarta aumentada ou quinta diminuta---------------> 3 tons

Quinta perfeita ou justa ------------------------------> 3 1/2 tons

Quinta aumentada ou sexta menor------------------> 4 tons

Sexta maior ou Sétima diminuta---------------------> 4 1/2 tons

Sétima menor------------------------------------------> 5 tons

Sétima maior-------------------------------------------> 5 1/2 tons

Oitava --------------------------------------------------> 6 tons


Abreviaturas:

M----------->Maior

m---------->Menor

J----------->Justa

º----------->. Diminuta ou (dim)

Aum------->. Aumentada

1) Harmonia (20 min)


Segunda: Progressões Maiores (Tocar e adaptar o ouvido a entendê-las).
Terça: Progressões Menores.
Quarta: Analisar uma música (análise funcional dos acordes)
Quinta: Ler um livro sobre o assunto e fazer anotações (Schoenberg, Chediak, etc).

Outras sugestões: Estudo de campo harmônico; Formação dos acordes; Tríades e


tétrades no braço da guitarra.

2) Escalas (10 min)


Segunda:Menor Harmônica (Memorizar shape e visualizar intervalos).
Terça: Menor Melódica.
Quarta: Penta m6.
Quinta: Penta M7.

Outras sugestões: Penta m7; Penta Blues; Escala de tons inteiros; Visualização dos
intervalos dos modos gregos; etc.
* Se você possui mais tempo pode usar para estudar mais de uma escala por dia,
dessa forma facilitará sua memorização.

3) Fraseado (10 min)


Segunda: Aprender, anlisar e treinar um lick.
Terça: Criar um lick baseado em uma progressão harmonica simples.
Quarta: Estudar um shape de arpejo (e observar intervalos).
Quinta: Treinar os licks criados/aprendidos e catalogá-los.

4) Ouvido (20 min)


Segunda: Treino para ouvido absoluto* (15 min); Tirar um lick (5 min).
Terça: Treino para ouvido absoluto* (10 min); Tirar uma harmonia (10 min).
Quarta: Treino para ouvido absoluto* (15 min); Ouvir intervalos e tentar discerni-
los(5 min).
Quinta: Treino para ouvido absoluto* (10 min); Tirar uma harmonia (10 min).

* Estou fazendo um curso do David Lucas Burgee (Absolut Pitch Ear Training) para
desenvolver o ouvido absoluto. Eu recomendo, é muito bom. Em pouco tempo já se
começa a notar ótimos resultados na percepção dos diferentes tons.

**DESCANSO - 5 minutos**

5) Técnica (60 min)


Segunda: Palhetada Alternada (30 min); Palhetada Sweep (10 min); Palhetada
Híbrida (10 min); Tappings (5 min); Ligados (5 min).
Terça: Palhetada Alternada (10 min); Palhetada Sweep (25 min); Palhetada Híbrida
(10 min); Tappings (10 min); Ligados (5 min).
Quarta: Palhetada Alternada (25 min); Palhetada Sweep (10 min); Two-Hands (10
min); Dedilhado (10 min); Ritmos (5 min).
Quinta: Palhetada Alternada (10 min); Palhetada Sweep (20 min); Two-Hands (10
min); Dedilhado (10 min); Ritmos (5 min).

Outras sugestões: Vibrato; Bends; Alavancadas; Técnicas com String Skipping; etc.

**DESCANSO - 10 minutos**

6) Repertório (20 min)


Segunda: Análise geral de uma peça. Separar trechos mais complicados e incluí-los
no estudo de técnica.
Terça: Estudar a peça.
Quarta: Estudar a peça.
Quinta: Estudar a peça e catalogá-la. Só começar outra após estar firme nessa.

7) Composição (10 min)


Segunda: Desenvolver um idéia.
Terça: Trabalhar em cima da idéia inicial.
Quarta: Ler livro de contraponto modal.
Quinta: Ler livro de composição do Schoenberg.

Outras sugestões: Harmonizar uma melodia; Desenvolver idéias rítmicas.

8) Improvisação (15 min)


Segunda: Analisar uma harmonia e listar opções de arpejos, escalas, etc.
Terça: Criar um lick baseado na análise anterior.
Quarta: Explorar motivos rítmicos diferentes para o mesmo lick.
Quinta: Trabalhar com improvisos vocais e transpô-los para guitarra.

----------------------------------------------------------------------
---------------------------

Vale lembrar que isso aqui não abrange todas as áreas do estudo de música. Existem
ainda diversos tópicos que poderiam ser abordados (como leitura de partitura, teoria
musical, analise de composições, etc). Entretanto acho que este programa serve
para dar uma boa noção de organização nos estudos de música.

1) Harmonia (20 min)

Segunda: Progressões Maiores (Tocar e adaptar o ouvido a entendê-las).

Terça: Progressões Menores.

Quarta: Analisar uma música (análise funcional dos acordes)

Quinta: Ler um livro sobre o assunto e fazer anotações (Schoenberg,


Chediak, etc).
Outras sugestões: Estudo de campo harmônico; Formação dos acordes;
Tríades e tétrades no braço da guitarra.

2) Escalas (10 min)

Segunda:Menor Harmônica (Memorizar shape e visualizar intervalos).

Terça: Menor Melódica.

Quarta: Penta m6.

Quinta: Penta M7.

Outras sugestões: Penta m7; Penta Blues; Escala de tons inteiros;


Visualização dos intervalos dos modos gregos; etc.

* Se você possui mais tempo pode usar para estudar mais de uma escala
por dia, dessa forma facilitará sua memorização.

3) Fraseado (10 min)

Segunda: Aprender, anlisar e treinar um lick.

Terça: Criar um lick baseado em uma progressão harmonica simples.

Quarta: Estudar um shape de arpejo (e observar intervalos).

Quinta: Treinar os licks criados/aprendidos e catalogá-los.

4) Ouvido (20 min)

Segunda: Treino para ouvido absoluto* (15 min); Tirar um lick (5 min).

Terça: Treino para ouvido absoluto* (10 min); Tirar uma harmonia (10
min).

Quarta: Treino para ouvido absoluto* (15 min); Ouvir intervalos e tentar
discerni-los(5 min).

Quinta: Treino para ouvido absoluto* (10 min); Tirar uma harmonia (10
min).

* Estou fazendo um curso do David Lucas Burgee (Absolut Pitch Ear


Training) para desenvolver o ouvido absoluto. Eu recomendo, é muito bom.
Em pouco tempo já se começa a notar ótimos resultados na percepção dos
diferentes tons.
**DESCANSO - 5 minutos**

5) Técnica (60 min)

Segunda: Palhetada Alternada (30 min); Palhetada Sweep (10 min);


Palhetada Híbrida (10 min); Tappings (5 min); Ligados (5 min).

Terça: Palhetada Alternada (10 min); Palhetada Sweep (25 min); Palhetada
Híbrida (10 min); Tappings (10 min); Ligados (5 min).

Quarta: Palhetada Alternada (25 min); Palhetada Sweep (10 min); Two-
Hands (10 min); Dedilhado (10 min); Ritmos (5 min).

Quinta: Palhetada Alternada (10 min); Palhetada Sweep (20 min); Two-
Hands (10 min); Dedilhado (10 min); Ritmos (5 min).

Outras sugestões: Vibrato; Bends; Alavancadas; Técnicas com String


Skipping; etc.

**DESCANSO - 10 minutos**

6) Repertório (20 min)

Segunda: Análise geral de uma peça. Separar trechos mais complicados e


incluí-los no estudo de técnica.

Terça: Estudar a peça.

Quarta: Estudar a peça.

Quinta: Estudar a peça e catalogá-la. Só começar outra após estar firme


nessa.

7) Composição (10 min)

Segunda: Desenvolver um idéia.

Terça: Trabalhar em cima da idéia inicial.

Quarta: Ler livro de contraponto modal.

Quinta: Ler livro de composição do Schoenberg.


Outras sugestões: Harmonizar uma melodia; Desenvolver idéias rítmicas.

8) Improvisação (15 min)

Segunda: Analisar uma harmonia e listar opções de arpejos, escalas, etc.

Terça: Criar um lick baseado na análise anterior.

Quarta: Explorar motivos rítmicos diferentes para o mesmo lick.

Quinta: Trabalhar com improvisos vocais e transpô-los para guitarra.

- intervalo
classificação intervalar, simbologia intervalos simples e compostos.
- escalas
escala maior
escala menor
escala menor melodica
escala menor harmonica
escala pentatonica
escalas simetricas
modos gregos, campo harmonico, padrões (shapes)
- tecnicas
- teoria
acordes (triade, tetrade, dissonancia, harmonia quartal)

Módulo Básico 1:

1- Fundamentos da guitarra

2- Notas no braço do instrumento

3- Tom e Semitom

4- Acidentes Musicais

5- Partitura x Tablatura

6- Termos Técnicos da Guitarra

7- Técnica de Mão Direita - palhetada alternada

8- Postura e Técnica de Mão Esquerda

9- Escala Pentatônica:

• Formação
• Padrões

• Licks

• Aplicação Prática

10-Harmonia Básica / Dicionário Básico de Acordes

11- Seqüências Harmônicas (Aplicação)

12- Blues Playing

13- Teoria Elementar / Leitura Rítmica e Melódica

14- Repertório com aplicação dos itens acima mencionados (vários estilos:
Rock, Pop, Funk, Blues, Country, Jazz, etc...).

Módulo Básico 2:

1- Técnica II:

• Ligadura

• Independência dos dedos

• Cromáticos

• Cordas Adjacentes

2- Escala Pentatônica II:

• Padrões

• Licks

• Pentatônica Blues

• Improvisação / Blues Playing

3- Visualizando as oitavas em todas as regiões (preparação para o “Sistema


5”)

4- Harmonia Básica II (harmonizando em diferentes regiões)

5- Teoria Elementar II / Leitura rítmica e melódica

6- Repertório com aplicação dos itens acima mencionados (vários estilos:


Rock, Pop, Funk, Blues, Country, Jazz, etc.)

Módulo 1

1- Escalas Maiores e Relativas Menores:

• Formação

• Ciclo de 5as e 4as


• Armadura de Clave

• Digitações Tradicionais / 3 Notas por Corda

• Técnica / padrões

• Licks

• Aplicação prática / improvisação

2- Harmonia (Sistema 5):

• Escala X Acorde

• Dicionário de Acordes em 5 regiões

• Análise de Tonalidades Maiores e menores (seqüências diatônicas)

3- Teoria Elementar / Leitura Rítmica e Melódica

4- Repertório com aplicação dos itens acima mencionados (vários estilos:


Rock, Pop, Funk, Blues, Country, Jazz, etc.)

Módulo 2

1- Intervalos:

• Formação

• Intervalos simples / Compostos / Harmônicos / Melódicos

• Inversão de Intervalos

• Localização Geométrica dos Intervalos

• Técnica utilizando intervalos / padrões

• Aplicação prática

2- Tríades:

• Formação

• Tríades Maiores, menores, aumentadas e diminutas

• Inversões

• Tríades Fechadas

• Tríades Abertas

• Técnica utilizando tríades (palhetada alternada, sweep picking)

• Arpejos (fechados, abertos, com saltos)

• Licks / Aplicação Prática

3- Campo Harmônico Maior (Triádico):

• Formação
• Tríades Fechadas / Tríades Abertas (campo harmônico nos modelos de E,
D e A / campo harmônico por região)

4- Aplicação Prática

5- Repertório com aplicação dos itens acima mencionados (vários estilos:


Rock, Pop, Funk, Blues, Country, Jazz, etc...).

Módulo 3

1- Revisão:

• Digitações: Tradicionais e 3 notas por corda

• Técnica para escalas maiores / menores / intervalos

• Sistema 5 (Tríades e Tétrades)

2- Campo Harmônico Maior (Tétrades):

• Formação

• Acordes

• Arpejos

3- Conceito Modal:

• Formação dos Modos Gerados no Campo Harmônico Maior

• Análise comparativa entre os modos

4- Modo Jônio:

• Intervalos

• Nota característica

• Avoid Note

• Acordes Modais / Blocos Modais

• Soluções para Improvisação (escala maior, pentatônicas, tríades,


tétrades)

• Licks

• Aplicação prática / improvisação sobre playbacks modais

5- Idem para modos Dórico, Frígio, Lídio, Mixolídio, Eólio e Lócrio

6- Leitura Rítmica e Melódica

7- Repertório com aplicação dos itens acima mencionados (vários estilos:


Rock, Pop, Funk, Blues, Country, Jazz, etc...).

Módulo 4
1- Pentatônica m6 / Pentatônica M7:

• Formação / Intervalos

• Digitações

• Padrões / Licks

• Aplicação Prática (playbacks)

2- Inversões das Tétrades do Campo Harmônico Maior

3- Escala Menor Harmônica:

• Histórico / Formação

• Digitações: tradicional (sistema 5) / 3 Notas por Corda

• Padrões

• Licks

• Aplicação Prática (Playbacks)

• Vamp, seqüências tonais, II V I menor

4- Campo Harmônico Menor Harmônico:

• Formação

• Acordes gerados

• Arpejos gerados

• Modos gerados / análise

• Simetria diminutos / aumentados

• Aplicação prática

5- Teoria elementar (compassos compostos / quiálteras nos compassos


simples e compostos)

6- Leitura

7- Repertório com aplicação dos itens acima mencionados (vários estilos:


Rock, Pop, Funk, Blues, Country, Jazz, etc.)

Módulo 5

1- Harmonia Funcional

2- Estudo do II V I Maior e menor

3- II V I estruturais (acordes x escalas)

4- Escala menor Melódica:

• Histórico / formação
• Digitações: tradicional (sistema 5) / 3 notas por corda

• Aplicação prática

5- Campo Harmônico Menor Melódico:

• Formação

• Acordes gerados

• Arpejos gerados

• Modos gerados / análise

• Aplicação prática

6- Resolução do Trítono

7- Acorde Dominante x Dominante Alterado

8- Estudo específico sobre Mixo 4#, Lócrio 9 e Alt. 7

9- Dicionário de Acordes Dominantes

10- II V I: Aplicação prática / lines

11- Sub V (acorde substituto do V° grau)

12- Subdominantes menores (substituições)

13- Dom Dim:

• Formação

• Digitações

• Acordes gerados / simetrias

• Aplicação prática

14- Repertório com aplicação dos itens acima mencionados (vários estilos:
Rock, Pop, Funk, Blues, Country, Jazz, etc.).

Módulos 6, 7 e 8:

Especialização em Rock, Jazz ou Fusão.

Conteúdos da apostila de Teoria Musical em PDF

São mais de 300 páginas de conteúdo, estruturado da seguinte forma:

Módulo 1:
O que é Música

O que são notas musicais

O que é um timbre

O que é sustenido e bemol

O que são tons e semitons

Identificando notas no instrumento

Módulo 2:

Intervalo, enarmonia, altura e intensidade

O que são escalas

Desenhos para as escalas naturais

O que são graus

Diminuta, aumentada e justa

O que são oitavas

Módulo 3:

O que são acordes, tríades e tétrades?

Conceitos complementares sobre graus

O que são cifras e compassos

Notação para os dedos da mão

O que é arpejo de um acorde?

Música popular, erudita, riff, frase, feeling e acidente

Módulo 4:

Como dar nome aos acordes – Parte 1

Como dar nome aos acordes – Parte 2

Como dar nome aos acordes – Parte 3

Como se formam os campos harmônicos


Tonal, atonal, nota de passagem, outside notes

Cromatismo – Escala Cromática

Módulo 5:

Introdução à improvisação

Relativa menor

Acordes antirrelativos

Modos gregos

Escala Pentatônica

Introdução ao Blues

Escala Blues – Pentablues – Blue Note

Módulo 6:

Funções Harmônicas

Supertônica, mediante, superdominante e sensível

Trítono, o som do diabo

Resolução Deceptiva

Acordes Invertidos

Modulação (conceito)

Notas alvo na improvisação

Módulo 7:

Deslocamento de Oitavas

Target Notes por Aproximação Cromática

Cadências e Progressões – Parte 1

Cadências e Progressões – Parte 2

Cadências e Progressões – Parte 3

Ciclo das Quintas e das Quartas


Dominantes Secundárias

Módulo 8:

Notas de tensão e notas evitadas – Parte 1

Notas de tensão e notas evitadas – Parte 2

Como utilizar acordes suspensos

Acordes Disfarçados

Tom x Tonalidade

Tons Homônimos

Tons Vizinhos

Módulo 9:

Como e onde aplicar as escalas

Escala Menor Harmônica

Escala Menor Melódica

Escala Alterada

Escalas simétricas e assimétricas

Acorde de Aproximação Cromática

Acorde Diminuto

Escala Diminuta

Módulo 10:

Equivalência VII° = V7(b9)

O Acorde SubV7

Acorde Interpolado

Acordes de Empréstimo Modal

Modulação (Recursos e Análises)

Escala Bebop (Jazz Bebop)


Módulo 11:

Escala Hexafônica

Hexafônica e Modo Lídio Dominante

O acorde de segundo grau maior (II7)

O acorde de quarto grau menor IVm6

Improvisação com outside notes

Improvisação avançada no Blues

Como Improvisar no Jazz