Você está na página 1de 9

SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS

PLANO DE ESTUDO TUTORADO


COMPONENTE CURRICULAR: MATEMÁTICA
ANO DE ESCOLARIDADE: 3º ANO – EM
NOME DA ESCOLA:
ESTUDANTE:
TURMA: TURNO:
MÊS: TOTAL DE SEMANAS: 04
NÚMERO DE AULAS POR SEMANA: 04 NÚMERO DE AULAS POR MÊS: 16

SEMANAS 1 A 4
EIXO TEMÁTICO I

TEMA: 14

TÓPICO:
32 Esferas e bolas.
50 Seções planas de figuras tridimensionais usuais.

HABILIDADE(S) do CBC
Identificar os elementos de uma esfera e de uma bola.
Identificar as interseções entre planos e esferas.

cilindro, pirâmide, cone e de uma esfera.

CONTEÚDOS RELACIONADOS:
Esfera.

13
SEMANAS 1 E 2

ESFERA

distância menor ou igual a R do ponto C.

C: centro da esfera
R: raio da esfera

Volume da esfera de raio R:

2
, calcule o raio da esfera.
Exemplo 1

Resolução:

Exemplo 2
Calcule o volume do recipiente, formado pela junção de um cilindro com uma esfera, conforme ilustrado
na figura. Todas as medidas estão em centímetros.

14
Resolução:
Primeiro, vamos calcular o volume do cilindro, que foi estudado no PET IV.

Basta, agora, somar o volume do cilindro com o da esfera.

Exemplo 3
-

235
3
)
a. 1530 cm e 26 kg.
b. 1500 cm e 26 kg.
c. 1530 cm e 24 kg.
d. 1500 cm e 24 kg.
e. 1530 cm e 24 kg.

Resolução.
Primeiro, vamos calcular o volume da esfera.

De acordo com o enunciado, temos 17 gramas de urânio para cada cm 3. Logo,

Resposta: Alternativa A.

ATIVIDADES
1– 3
. Determine a medida da área da superfície dessa esfera.
4 4 4
V=3 . 𝜋.r ⇒ 2400 𝜋= 3 𝜋 r ⇒ 2400=3 r ⇒7200=4r3⇒4r3=7200⇒ r3=7200/4⇒ r3=1800⇒r=∛1800⇒r=12,16
3 3 3

A=4 𝜋r2⇒4 𝜋(12,16)2 ⇒591,4 𝜋cm2


2 – (BANCO DE ITENS) A figura, a seguir, mostra uma esfera de centro O. Considere os segmentos: OS,

a) 2
b) 4 OS,OP,OT,OQ,OU
c) 5
d) 6

15
3 – (BANCO DE ITENS) Na figura 1, tem-se uma esfera na qual foi feita uma seção plana passando pelo
seu centro. Essa seção está destacada na figura 2, junto com alguns elementos dessa esfera.

Em relação a essa esfera, tem-se que


a) OM é raio, e RS é diâmetro

4–

4
a. 1024 Vi=3 . 𝜋.r3 R=4r
4 4
b. 256 VF=3 . 𝜋.(4r)3 ⇒ . 𝜋.64r3 ⇒ 64.Vi
3

c. 128
d. 64

5–

a. 4,2 Diâmetro=20 cm Raio= 10 cm


4 4 12560
b. 3,8 V=3 . 𝜋.r3 ⇒ . 3,14.103 ⇒ ⇒4186,67 cm3 : 1000= 4,18667L
3 3

c. 3,1
d. 2,5

6–
dividindo-a nas cinco partes indicadas na figura.

a.
b.a parte III é a de maior volume
c.
d. não foram obtidas duas partes com o mesmo volume.
e.

16
7–
de raio , com volume dado por .
,
cujo volume será dado por , sendo a altura da nova embalagem. Para que seja mantida a mesma
) deverá ser igual a
a. 2R. b. 4R. c. 6R. d. 9R. e. 12R.

𝜋4𝑅 3/3= 𝜋 (R/3)2h


4 𝜋R /3 : 𝜋 R2/9=h⇒ h= 9.4 𝜋R3/3𝜋R3⇒12R
3

8–

Essas pílulas são moldadas por uma máquina programada para que os cilindros tenham sempre
10 mm de comprimento, adequando o raio de acordo com o volume desejado.
-

A redução do volume da pílula, em milímetros cúbicos, após a reprogramação da máquina, será igual a
a. 168. b. 304. c. 306. d. 378. e. 514.
Cada pílula é formada por um cilindro de raio R e altura h e duas semiesferas também de raio R, assim, seu volume será de:

V = 4/3. π.R³ + π.R².h

Para π = 3, fazendo as diferenças das pílulas com os raios diferentes, temos:

1 – 4/3. 3. 5³ + 3.5².10 = 1250

2 – 4/3. 3. 4³ + 3.4².10 = 736

Assim, a redução do volume será de 1250 – 736 = 514 mm³.

9–
com diâmetro medindo 10 cm, o qual servirá de suporte para espetar diversos doces. Ele irá retirar

suporte, dificultando que o melão role sobre a mesa, o chefe fará o corte de modo que o raio r da seção circular de
corte seja de pelo menos 3 cm. Por outro lado, o chefe deseja dispor da maior área

Para atingir todos os seus objetivos, o chefe deverá cortar a calota do melão numa altura h, em centímetro, igual a

a. . Obrservando o triângulo pitagórico OAB, temos OA=4


b.
c. 1. Logo: h+4=5
d. 4. h=1
e. 5.

17
SEMANAS 3 E 4
Posição de um plano e uma esfera.
A posição de um plano em relação a uma esfera pode ser:

d >r d <r

O plano secante à esfera. Há mais


O plano O plano tangente à esfera. Há
de um ponto em comum (infinitos
há ponto em comum. somente um ponto em comum.
pontos em comum).

Quando o plano

Exemplo 1
Um plano secciona uma esfera a uma distância de 6 cm do seu centro, sabendo que o raio (R) da esfera
mede 10 cm. Determine o raio (r) da seção circular formada.

Resolução:
Vamos destacar o triângulo retângulo.

Por meio do Teorema de Pitágoras podemos determinar o valor do raio.

Logo, o raio de secção circular mede 8 cm.

18
ATIVIDADES

1 – (BANCO DE ITENS) Uma bola de centro C tem raio medindo 5 cm. A distância de um plano ao centro

Nesse caso, o plano e a bola


a) não se interceptam.
b) interceptam-se em um único ponto.

2 – (BANCO DE ITENS) Um plano


do plano

b) Um conjunto formado por dois pontos.


c) Um quadrilátero.
d) Um segmento de reta.

3 – (BANCO DE ITENS) O professor pediu que os alunos desenhassem uma seção plana em uma esfera

consideram ser uma seção plana na esfera.

a. Apenas Carla.
b.
c.
d.

19
4 – (BANCO DE ITENS) Quatro planos, P1, P2, P3 4
quadro, a seguir, mostra as distâncias desses planos ao centro da esfera.

Sabe-se que d1< d2 < d3 < d4


ao plano
a) P1.
b) P2.
c) P3.
d) P4.

5–
a) 2r.
b) r.
𝑟
c)
2

d)
6 – Um plano secciona uma esfera a uma distância de 8 cm do seu centro, determinando uma seção
circular de raio 6 cm.
O raio R dessa esfera, em centímetros, mede
a. 2 r2=82+62
b. 8 r2=64+36
c. 10 r2=100
d. 14 r=√100 r=10

7 – Sobre uma esfera E, de centro em O e raio r, são feitas as seguintes afirmativas.


I. Se P e Q são pontos sobre a superfície da esfera E e o segmento PQ não passa pelo centro O, então a

II.

III.

corretas
a. I e II, apenas.
b. I e III, apenas.
c. II e III, apenas.
d. I, II e III.

20
REFERÊNCIAS
-
dio.

SITES CONSULTADOS:
OBMEP. Disponível em: https://portaldosaber.obmep.org.br/. Acesso em 18/07/2020.
TV ESCOLA. Percursos Educativos. Site: http://hotsite.tvescola.org.br/percursos/matematica.
Acesso em 13/08/2020.
Banco de questões SIMAVE/MG. Disponível em: http://simavebancodeitens.educacao.mg.gov.br
Acesso em 12/08/2020.

21