Você está na página 1de 2

EDUCADOR (A) SOCIAL

MARÉ RJ

____________________________________________________________________

A Luta pela Paz procura um Educador/a Social de Desenvolvimento Pessoal, que é o profissional
que desenvolve atividades didáticas com o objetivo de facilitar o crescimento social, emocional e
cognitivo de crianças, adolescentes e jovens na Luta pela Paz.
O objetivo da função é conduzir os educandos nas práticas de como lidar com a vida, com os
próprios sentimos, a rever comportamentos, a ampliar percepções e projetar o próprio futuro.

Principais atribuições/ atividades:

Condução de aulas de Desenvolvimento Pessoal

• Criar planos de aula para crianças, adolescentes e jovens;


• Conhecer e transmitir os valores da instituição;
• Fomentar a igualdade racial, de gênero, de sexualidade e de liberdade religiosa, assim
como combater ativamente preconceitos e discriminações a partir de práticas pedagógicas;
• Oferecer atividades de inclusão para pessoas com deficiência;
• Participar de atividades externas de desenvolvimento pessoal dos jovens;
• Estar alinhado, cooperar e conduzir jovens aos demais serviços da Luta pela Paz;
• Pesquisar e trabalhar com temas de atualidade;
• Seguir as diretrizes pedagógicas institucionais.

Rotinas de trabalho

• Participar de reuniões e encontros de formação da Luta pela Paz;


• Realizar chamadas e lançamento de dados de jovens no sistema;
• Participar de encontros com responsáveis e estabelecer uma boa relação com a
comunidade da Maré;
• Colaborar para a construção de relatórios de projeto;
• Zelar pelo material e equipamento disponibilizado pela instituição.

Requisitos Técnicos e Comportamentais

• Formação em Educação e/ou áreas correlatas;


• Ser morador/a da Maré;
• Ter conhecimento básico em informática, internet e pacote office;
• Conhecer técnicas didáticas voltadas para atividades lúdicas/ recreativas;
• Disponibilidade para diferentes horários;
Desejável:

• Experiência na condução de grupos de crianças;


• Experiência em trabalhar diretamente com jovens em situação de vulnerabilidade social;
• Ter bom conhecimento de temas atuais e questões sociais;
• Participação em projetos sociais na Luta pela Paz.

O que procuramos

• Boa comunicação e habilidade de escuta e acolhimento;


• Bom trato com crianças e jovens, respeitando seus momentos e limitações;
• Vontade de aprender e de compartilhar novos conhecimentos;
• Gostar de trabalhar em ambiente dinâmico, com muitas mudanças de planos e atividades;
• Poder vir a ser uma referência representativa para crianças e jovens;
• Compromisso com os Direitos Humanos Universais e causas sociais;
• Capaz de se adaptar ou se reinventar de acordo com desafios inerentes a instituições que
lidam com pessoas;
• Acreditar em mudanças positivas e no potencial dos jovens.

A Luta pela Paz trabalha em comunidades afetadas pela desigualdade e violência para que
jovens possam se desenvolver e contribuir para a construção de sociedades seguras e inclusivas.
Fundada em 2000, hoje estamos presente em mais de 26 países, através das nossas Academias,
Programas Comunidades Seguras e parceiros treinados na nossa metodologia.

A Aliança Luta pela Paz é uma comunidade global de organizações treinadas na metodologia
Luta pela Paz conectadas para apoiar jovens que vivem em áreas afetadas pela desigualdade e
violência.
O objetivo é potencializar o conhecimento existente nessa rede global para ampliar as
capacidades coletivas, buscando assegurar a sustentabilidade das iniciativas e resultados cada
vez mais positivos.

Importante:

Disponibilidade de 20 horas semanais;


Contrato por 12 meses.

Para concorrer à vaga

Escreva uma carta de aplicação ao processo seletivo, destacando suas habilidades e


competências e sua pretensão salarial, junto com seu currículo e envie para o e-mail
selecao@lutapelapaz.org até o dia 21/04/2021 com o título: Educador (a) Social.