Você está na página 1de 1

U2

Sem medo de errar

Nesta seção, foi possível identificar que empresas de um mesmo segmento,


localizadas em uma mesma região, que compartilham fornecedores e dividem
clientes tem muita coisa em comum e podem se ajudar mutuamente. Trata-se de
uma estratégia de negócio que visa obter resultados mais significativos, pois, dessa
forma, as empresas agregarem muito mais valor do que fariam se estivessem isoladas.

Sendo assim, é necessário um novo olhar para compreender questões como as


apresentadas. O que é preciso desenvolver para que as proprietárias da Bolo Brigadeiro
possam melhorar seu desempenho organizacional partindo dos conceitos de criação
do conhecimento interorganizacional?

As práticas de gestão devem contemplar o conhecimento com um valor


indissociável do sucesso do negócio. Por meio de contatos com outras empresas do
ramo elas poderiam verificar se os mesmos problemas relacionados a desperdícios e
falta de padronização ocorrem. Existe alguma associação na cidade ou no estado em
que se localizam? É possível estabelecer uma maior aproximação com fornecedores?
E as empresas concorrentes, elas podem se ajudar? Esses são questionamentos que
precisam serem feitos.

Fomentar a criação do conhecimento interorganizacional, e assim desenvolver


novos produtos, visando manterem-se competitivas, é essencial. O mercado, qualquer
que seja ele, está sempre em busca de novidades e alternativas. Mais uma vez, faz-se
necessário lançar mão de trocas e intercâmbios com outras organizações.

Uma sugestão é que se criem Bas dentro da própria empresa e também fora, de
modo que esses conhecimentos sejam mais facilmente compartilhados. Há várias
formas, lembra-se? Pode-se escolher os espaços físicos ou virtuais. O que você sugere
que seja implantado?

Uma vez que a empresa se conscientize sobre a importância da criação do


conhecimento partindo das trocas tanto internas quanto as externas, como deve manter
essa destreza depois de compreender sobre conhecimento interorganizacional?

O conhecimento envolve um fluxo contínuo, e as práticas gerenciais do


conhecimento envolve cuidar da estratégia, da inovação, do capital humano, de
processos e projetos, e de clientes. Manter a destreza em manter o conhecimento
interorganizacional se mostra fundamental. O primeiro passo é a conscientização.

Gestão do conhecimento 79