Você está na página 1de 6

RAE EXEC#1/mat.

sentidos 8/1/02 5:04 PM Page 70


RAE EXEC#1/mat.sentidos 8/1/02 5:04 PM Page 71

FATOR HUMANO

Os sentidos
do trabalho
bservamos o desaparecimento de empregos permanentes

O e o aparecimento de novas tecnologias e formas ino-


vadoras de organização do trabalho. Ao mesmo tempo
em que milhares de pessoas sofrem pela falta de uma vaga, outras
sofrem pelo fato de terem que trabalhar excessivamente. Construir,
ou reconstruir, os sentidos do trabalho é projeto de renovada
importância, tanto para os profissionais como para as empresas.
Por Estelle M. Morin HEC-Montreal

O trabalho conserva um lugar importante na sociedade. O trabalho representa um valor importante, exerce
Para a pergunta “se você tivesse bastante dinheiro para viver uma influência considerável sobre a motivação dos traba-
o resto de sua vida confortavelmente sem trabalhar, o que lhadores e também sobre sua satisfação. Vale a pena, então,
você faria com relação a seu trabalho?”, mais de 80% das tentar compreender o sentido do trabalho hoje e determi-
pessoas respondem que trabalhariam mesmo assim. As prin- nar as características que ele deveria apresentar a fim de
cipais razões são as seguintes: para se relacionar com outras que tenha um sentido para aqueles que o realizam.
pessoas, para ter o sentimento de vinculação, para ter algo Adicionalmente, devemos considerar que os proble-
que fazer, para evitar o tédio e para ter um objetivo na vida. mas de desempenho representam uma parte importante

©RAE executivo 71
RAE EXEC#1/mat.sentidos 8/1/02 5:04 PM Page 72

FATOR HUMANO: OS SENTIDOS DO TRABALHO

das preocupações dos administradores. Para resolvê-los, trabalho de outras pessoas, seja em sua organização, seja no
foram construídos mecanismos de gestão que visam iden- ambiente social.
tificar rapidamente os desvios de desempenho, determinar A partir desse modelo, Hackman e Oldham elabora-
suas origens e corrigi-los. ram cinco princípios de organização do trabalho, buscan-
Entretanto, os esforços para reorientar os comporta- do conferir sentido e coerência: a reunião de tarefas, a for-
mentos fora dos padrões e para reforçar os comportamen- mação da unidade natural de trabalho – o que deu lugar à
tos produtivos ainda não são suficientes para solucionar os formação de equipes (semi) autônomas –, o estabelecimen-
problemas de produtividade enfrentados pelas empresas. to de relações do tipo cliente-fornecedor, o enriquecimen-
Alguns especialistas acreditam que os problemas de desem- to das tarefas e a colocação em prática de mecanismos de
penho organizacional dependem da organização do traba- feedback sobre o desempenho.
lho e, mais precisamente, do grau de correspondência entre
A contribuição sociotécnica. Já na década de 1950,
as características das pessoas e as propriedades das ativida-
des desempenhadas. Eric Trist, do Instituto Tavistock de Londres, mostrava que
a insatisfação dos trabalhadores no setor de minas no Reino
Como tornar o trabalho estimulante. Vários Unido era causada menos pelo salário do que pela organi-
modelos foram propostos para organizar o trabalho a fim zação do trabalho. Em suas pesquisas, ele procurou com-
de estimular o comprometimento, como o das característi- preender quais são as condições que levam ao engajamen-
cas do emprego de Hackman e Oldham e o da concepção to do indivíduo em seu trabalho. Com seus colegas, propôs
de sistemas sociotécnicos de Emery e Trist. a chamada abordagem sociotécnica. Esse modelo visa orga-
Hackman e Oldham propuseram um modelo que nizar o trabalho de tal forma que o comprometimento dos
tenta explicar como as interações, as características de um indivíduos seja estimulado e que o desempenho organiza-
emprego e as diferenças individuais influenciam a motiva- cional possa ser melhorado.
ção, a satisfação e a produtividade dos trabalhadores. A partir das pesquisas realizadas por Emery e Trist, o
trabalho deve apresentar essencialmente seis
Executar tarefas que não têm propriedades para estimular o engajamento
daquele que o realiza:
utilidade prática, que não comportam 1. A variedade e o desafio: o trabalho deve
ser razoavelmente exigente – em outros ter-
nenhum interesse, em um meio
mos que o de resistência física – e incluir
ambiente onde as relações são variedade. Esse aspecto permite reconhecer o
prazer que podem trazer o exercício das com-
superficiais, torna o trabalho absurdo. petências e a resolução dos problemas;
2. A aprendizagem contínua: o trabalho
Segundo esse modelo, três características contribuem deve oferecer oportunidades de aprendizagem em uma
para dar sentido ao trabalho: base regular. Isso permite estimular a necessidade de cres-
1. a variedade das tarefas: a capacidade de um trabalho cimento pessoal;
requerer uma variedade de tarefas que exigem uma varie- 3. Uma margem de manobra e autonomia: o trabalho deve
dade de competências; invocar a capacidade de decisão da pessoa. Devem-se reco-
2. a identidade do trabalho: a capacidade de um trabalho nhecer a necessidade de autonomia e o prazer retirado do
permitir a realização de algo do começo ao fim, com um exercício de julgamentos pessoais no trabalho;
resultado tangível, identificável; 4. O reconhecimento e o apoio: o trabalho deve ser reco-
3. o significado do trabalho: a capacidade de um trabalho nhecido e apoiado pelos outros na organização. Esse aspec-
ter um impacto significativo sobre o bem-estar ou sobre o to estimula a necessidade de afiliação e vinculação;

72 VOL.1 - Nº1 - AGO/SET/OUT 2002


RAE EXEC#1/mat.sentidos 8/1/02 5:05 PM Page 73

FATOR HUMANO: OS SENTIDOS DO TRABALHO

5. Uma contribuição social que faz sentido: o tra-


balho deve permitir a união entre o exercício de ati-
vidades e suas conseqüências sociais. Isso contribui
à construção da identidade social e protege a digni-
dade pessoal. Esse âmbito do trabalho reconhece o
prazer de contribuir para a sociedade;
6. Um futuro desejável: o trabalho deve permitir a
consideração de um futuro desejável, incluindo
atividades de aperfeiçoamento profissional. Isso re-
conhece a esperança como um direito humano.
Além desses aspectos intrínsecos ao trabalho,
a concepção dos sistemas sociotécnicos considera
vários aspectos extrínsecos que podem afetar o
engajamento no trabalho, tais como o salário, as
condições físicas e materiais e as regras organiza-
cionais. Embora existam diferenças individuais e
fatores de contexto que podem influenciar o com-
prometimento com o trabalho, tais fatores contri-
buem apreciavelmente para a melhoria da quali-
dade de vida no trabalho e para o desempenho
organizacional como um todo.
Os modelos de Hackman e Oldham e Emery e
Trist têm vários pontos em comum. Entre outros,
eles recomendam uma organização do trabalho que ofere- 1. Um trabalho que tem sentido é feito
ça aos trabalhadores a possibilidade de realizar algo que de maneira eficiente e gera resultados
tenha sentido, de praticar e de desenvolver suas competên- O trabalho é uma atividade produtiva que agrega valor a
cias, de exercer seus julgamentos e seu livre-arbítrio, de alguma coisa. As pessoas entrevistadas consideram que é
conhecer a evolução de seus desempenhos e de se ajustar. importante que o trabalho seja organizado de maneira efi-
Parece-nos igualmente importante que os trabalhadores ciente e que sua realização conduza a resultados úteis.
possam desenvolver o sentimento de vinculação e que pos- A maneira como os indivíduos trabalham e o que eles
sam atuar em condições apropriadas. produzem têm um impacto sobre o que pensam e na
maneira como percebem sua liberdade e sua independên-
Atualizando os princípios. Desde a publicação des- cia. O processo de trabalho, assim como seu fruto, ajuda o
ses modelos, as organizações têm vivido mudanças profun- indivíduo a descobrir e formar sua identidade. A organiza-
das. É justo então perguntar se as características enunciadas ção do trabalho conta muito: é importante que a organiza-
anteriormente ainda são importantes. Nossas pesquisas ção das tarefas e das atividades torne-se favorável à eficiên-
sobre o sentido do trabalho, realizadas de 1994 a 1998, cia e que os objetivos visados, assim como os resultados
permitem responder a essa pergunta. Em nosso estudo de esperados, sejam claros.
campo, utilizamos questionários e entrevistas. Pesquisa-
mos mais de 500 estudantes de administração e mais de 2. Um trabalho que tem sentido
70 administradores. é intrinsecamente satisfatório
Os resultados permitiram determinar seis característi- O prazer e o sentimento de realização que podem ser obti-
cas do trabalho que tem sentido: dos na execução de tarefas dão um sentido ao trabalho. A

©RAE executivo 73
RAE EXEC#1/mat.sentidos 8/1/02 5:05 PM Page 74

FATOR HUMANO: OS SENTIDOS DO TRABALHO

execução de tarefas permite exercer talentos e competên- associação com os outros no trabalho e durante as trocas
cias, resolver problemas, fazer novas experiências, apren- com os clientes, superiores e colaboradores. Nesse sentido,
der e desenvolver habilidades. o trabalho permite passar por cima dos problemas existen-
O interesse do trabalho em si mesmo parece estar asso- ciais, como a solidão e a morte.
ciado, por um lado, ao grau de correspondência entre as
exigências do trabalho e, por outro, ao conjunto de valores, 5. Um trabalho que tem sentido
de interesses e de competências do indivíduo. Efetiva- garante a segurança e a autonomia
mente, muitas pessoas relataram que um trabalho que tem O trabalho está claramente associado à noção de
sentido é aquele que corresponde à personalidade, aos emprego. O salário que ele propicia permite prover as
talentos e aos desejos delas. necessidades de base, provê sentimento de segurança e
O interesse de tal trabalho também se origina das possi- possibilita ser autônomo e independente. Para a maioria
bilidades que ele oferece para provar seus valores pessoais e dos administradores, ganhar a vida é sinônimo de ganhar o
para realizar suas ambições. Este permite realização, dando respeito dos outros e, assim, preservar sua dignidade pes-
oportunidades para vencer desafios ou perseguir ideais. soal aos olhos dos outros.
Isso não nos impede de ter que considerar as condições
3. Um trabalho que tem sentido é moralmente aceitável nas quais o trabalho realiza-se, pois elas são importantes aos
O trabalho é uma atividade que se inscreve no desen- olhos dos trabalhadores. Além do mais, para os administra-
volvimento de uma sociedade; ele deve, portanto, respeitar dores entrevistados, as exigências de desempenho e o estres-
as prescrições relativas ao dever e ao saber viver em socie- se são os principais fatores que contribuem para deteriorar
dade, tanto em sua execução como nos objetivos que ele sua experiência no trabalho. Por isso, muitos procuram um
almeja e nas relações que estabelece. Em outras palavras, o equilíbrio entre vida profissional e vida privada.
trabalho deve ser feito de maneira socialmente responsável.
Vários administradores mostraram-se preocupados 6. Um trabalho que tem sentido é
com as contribuições do trabalho para a sociedade. O fato aquele que nos mantém ocupados
de fazer um trabalho pouco útil, que não comporta nenhum O trabalho também é uma atividade programada, com
interesse humano, em um meio ambiente onde as relações um começo e um fim, com horários e rotina. Ele estrutura
são superficiais, contribui para tornar o trabalho absurdo. o tempo: os dias, as semanas, os meses, os anos, a vida pro-
fissional. É, assim, uma atividade que estrutura e permite
4. Um trabalho que tem sentido é fonte de organizar a vida diária e, por extensão, a história pessoal.
experiências de relações humanas satisfatórias Isso é ainda mais marcante para os administradores
O trabalho é também uma atividade que coloca as pes- que perderam seu emprego. Estes dizem que o trabalho é
soas em interação umas com as outras. Essa característica uma necessidade, uma dimensão importante de suas vidas,
aparece de maneira consistente, o que é sinal de sua impor- que lhes ajuda a se situar, que ocupa o tempo da vida e que
tância para a organização do trabalho. Vários administrado- lhe dá um sentido, sobretudo quando eles têm a possibili-
res reportaram que um trabalho que tem sentido permite- dade de escolher seu caminho e fazer qualquer coisa que
lhes encontrar pessoas com quem os contatos podem ser esteja de acordo com suas personalidades e seus valores.
francos, honestos, com quem se pode ter prazer em traba-
lhar, mesmo em projetos difíceis. Da teoria à prática. No momento em que os adminis-
Um trabalho que tem sentido permite ajudar os outros tradores pensam em fazer mudanças nas organizações,
a resolver seus problemas, prestar-lhes um serviço, ter um deveriam projetar meios para valorizar o trabalho e lhe dar
impacto sobre as decisões tomadas pelos dirigentes, ser um sentido. No quadro, apresentamos uma síntese das
reconhecido por suas habilidades e contribuições ao suces- características do trabalho e princípios de organização.
so dos negócios. As satisfações podem ser adquiridas na Inspirados nos modelos mencionados no início deste arti-

74 VOL.1 - Nº1 - AGO/SET/OUT 2002


RAE EXEC#1/mat.sentidos 8/1/02 5:05 PM Page 75

FATOR HUMANO: OS SENTIDOS DO TRABALHO

Quadro: Características de um trabalho que tem sentido e princípios de organização


UM TRABALHO QUE TEM SENTIDO É CARACTERÍSTICAS DO TRABALHO PRINCÍPIOS DE ORGANIZAÇÃO
UM TRABALHO QUE...
É realizado de forma eficiente e leva a Finalidade Clareza e importância dos objetivos.
um resultado Utilidade, valor dos resultados
Eficiência Racionalidade das tarefas
É intrinsecamente satisfatório Aprendizagem e desenvolvimento de Correspondência entre as exigências do
competências trabalho e as competências da pessoa
Realização e atualização Desafios e ideais
Criatividade e autonomia Margem de manobra sobre a
administração das atividades e a
resolução dos problemas
Responsabilidade Feedback sobre o desempenho
É moralmente aceitável Retidão das práticas sociais e Regras do dever e do saber viver em
organizacionais sociedade
Contribuição social Valores morais, éticos e espirituais
É fonte de experiências de relações Afiliação e vinculação Trabalho em equipe
humanas satisfatórias
Serviço aos outros Relações do tipo cliente-fornecedor
Garante a segurança e a autonomia Independência financeira Salário apropriado e justo
Saúde e segurança Boas condições de trabalho
Mantém ocupado Ocupação Carga de trabalho adequada

go e a partir de nossas pesquisas, esses princípios represen- valores morais, éticos e espirituais. Examinar as regras e os
tam indicações concretas para organizar o trabalho. valores que subentendem as práticas sociais e organizacio-
Para que um trabalho tenha sentido é importante que nais que envolvem o trabalho pode parecer supérfluo para
quem o realize saiba para onde ele conduz; em outras pala- alguns, mas isso é inevitável em um contexto de diversida-
vras, é essencial que os objetivos sejam claros e valorizados e de cultural e de promoção das liberdades individuais.
que os resultados tenham valor aos olhos de quem o realiza. O trabalho em equipe e o desenvolvimento de relações
Para que um trabalho seja satisfatório para quem o rea- positivas, do tipo cliente-fornecedor, são dois princípios
liza, parece ser importante que ele apele para suas compe- que incentivam o desenvolvimento do sentimento de vin-
tências. Além disso, parece relevante que o trabalhador culação e de cooperação dentro dos grupos de trabalho.
tenha a oportunidade de testar suas capacidades, com o Finalmente, deve-ser procurar proporcionar aos traba-
objetivo de estimular suas necessidades de crescimento lhadores os sentimentos de segurança e de autonomia
pessoal e seu senso de responsabilidade. Vários recursos necessários para seu desenvolvimento: os salários e as con-
podem ser considerados: a presença de desafios, a autono- dições de trabalho devem ser estudados cuidadosamente.
mia na administração das atividades e os mecanismos de Os momentos de transformação organizacional consti-
feedback sobre o desempenho. tuem uma oportunidade para reorganizar o trabalho de tal
O trabalho deve se realizar segundo as regras do dever forma que a qualidade de vida e a eficácia organizacional
e do saber viver em sociedade e deveria ser inspirado pelos sejam melhoradas.

©RAE executivo 75