Você está na página 1de 1

Ecocentro IPEC - www.ecocentro.

org
O que a lua tem a ver com a gente?

Maias, Astecas, Egípcios, Sumérios, Celtas e muitas outras civilizações baseavam seus calendários nos
ciclos da lua e do sol. Nessa lógica natural o ano tem treze meses, tempo que o sol e a lua demoram
para completar seus ciclos. A racionalização dos processos naturais nos afastou de dicas valiosas para a
manutenção de hortas, canteiros e viveiros.

Creditar à lua o sucesso na semeadura e na saúde das plantas não tem nada de místico. Existe uma
influência natural da lua nos movimentos dos oceanos, no comportamento da água do solo e nos
tecidos das plantas. A força gravitacional da lua e do sol age sobre os oceanos causando as marés. As
marés mais cheias, por exemplo, sempre ocorrem durante a lua cheia. Os mais experientes garantem
que as plantas também retêm mais líquido durante a lua cheia. Isto favorece o crescimento das raízes.
À medida que a lua viaja, dando a volta na Terra, diferentes
porções de seu lado brilhante podem ser vistas. É a isso que
chamamos fases da lua: crescente, minguante, cheia e nova.

Alguns fatos já foram registrados e devem ser levados em


conta por quem está começando a plantar agora. Durante as
duas semanas em que a lua está crescente, a seiva sobe em
direção ao céu, por isso as plantas crescem e as flores abrem.
Nova
Por isso, evite fazer podas nesse período. A seiva é a energia, a
força da planta, não é bom passar a tesoura no que ela tem de
mais valioso.

Acredita-se que durante a lua cheia, terra está fértil. Não é


mística e a explicação é simples: Nessa fase, a lua ativa a vida
no solo ao elevar a umidade ao máximo. Dois dias antes e dois
dias depois da lua cheia a germinação é rápida. Aproveite para
Minguante
semear muitas sementes.

Durante as duas semanas em que a lua está minguando, o


fluxo da seiva é baixo. Ela fica concentrada nas extremidades
das raízes. Por isso, é um bom período para os cultivos de
tubérculos: beterrabas, cenouras, mandiocas etc. Mas, para
as outras plantas o crescimento é lento. Ou seja, um ótimo
momento para pulverização, poda e colheita de sementes.
Crescente

Na lua nova, a terra pede atenção, pois à medida que vai


minguando o solo seca e as plantas descansam. Nessa
época, o crescimento das plantas é fraco e espigado, com
tendência a contrair fungos. Então, cuide do solo e prepare-
o para o período fértil que está vindo. Também coloque
cobertura vegetal nos canteiros para limitar o crescimento de
ervas daninhas. Aproveite para fazer os trabalhos extras de
Cheia
manutenção.

Cadastre-se no site Ecocentro.org para receber informações exclusivas, como esta, por email!

Ecocentro IPEC - www.ecocentro.org Ecocentro IPEC © 2007