Você está na página 1de 102

Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

Programa de Pós-graduação em Educação


Mestrado em Educação

A aprendizagem de ondas
sonoras sob a ótica de
desafios em um ambiente
virtual potencialmente
significativo

Mestrando: Rodrigo Claudino Diogo


Banca examinadora:

 Dr.ª Shirley Takeco Gobara


(orientadora) - UFMS
 Dr. José André Peres Angotti -
UFSC
 Dr. Luiz Carlos Pais - UFMS
 Dr. José Luiz Magalhães de
Freitas - UFMS
Agenda

1. Trajetória e Desafios pessoais


2. A pesquisa de mestrado
3. Referencial teórico
4. A construção do ambiente virtual
5. Resultados e análises: os desafios
6. Resultados e análises: o organizador prévio
7. Resultados e análises: os mapas conceituais
8. Cartazes, opiniões, motivação e satisfação
9. Considerações finais
Trajetória e desafios pessoais
Trajetória e desafios pessoais
A formação como o primeiro desafio
 Graduações de caráter extremamente
tradicional:
– Bacharel em Ciências da Computação – UFG
– Licenciatura em Física - UFG
 Atenção especial ao formalismo
matemático e à resolução de exercícios

 Superar as características da formação


para elaborar um material não-tradicional
Trajetória e desafios pessoais
A “experiência primeira” como desafio para as análises
 A tendência em se fixar nas
características que mais chamam a atenção
em um fenômeno

 Dificulta a análise e a interpretação dos


dados
 Obstáculo que exige constante vigilância
A pesquisa de mestrado

Objeto, objetivo, hipóteses,


metodologia e ambiente da
pesquisa
A pesquisa de mestrado
O objeto de pesquisa

 A influência do uso de tecnologias da


informação na aprendizagem de conceitos
relacionados às ondas sonoras, em alunos
da segunda e terceira séries do ensino
médio
A pesquisa de mestrado
Objetivo geral

 Verificar se as tecnologias da
informação e comunicação podem ser
utilizadas como meios potencialmente
significativos para se efetivar a
aprendizagem significativa de conceitos
introdutórios de Física sobre ondas
sonoras.
A pesquisa de mestrado
Hipóteses
 As tecnologias da informação e
comunicação são recursos educacionais
que facilitam a aprendizagem
significativa
 A problematização de conceitos físicos
na forma de desafios, implementada em
um ambiente virtual de aprendizagem se
constitui em um material potencialmente
significativo para a aprendizagem desses
conceitos
A pesquisa de mestrado
Metodologia
 Delineamento com grupo de controle e só
pós-teste:
Grupo experimental:
A X O1
Pós-teste após uso do
Grupo de controle:
material educacional
Pós-teste após aulas
A O2 expositivas

 Foi oferecido um curso aos alunos, em um


turno distinto do turno em que o aluno está
em sala de aula.
A pesquisa de mestrado
Metodologia ► observações
 Buscou-se a integração entre as
abordagens quantitativa e qualitativa
 Após a aplicação do pós-teste os alunos do
grupo de controle utilizaram o material
educacional
A pesquisa de mestrado
Ambiente da pesquisa
 Escola pública estadual da cidade de Campo
Grande - MS
 Alunos de segunda e terceira séries dos
turnos matutino e vespertino
Referencial teórico

Teoria da aprendizagem
significativa
Obstáculos epistemológicos
Referencial teórico
Teoria da aprendizagem significativa (TAS)
 O que é a aprendizagem significativa?
– O resultado de um processo pelo qual uma nova
informação se relaciona aos conhecimentos que
uma pessoa já possui
 Esta interação modifica tanto a nova
informação quanto o conhecimento prévio
do indivíduo
Referencial teórico
TAS - subsunçores
 Os conhecimentos prévios com os quais as
novas informações irão interagir

É necessário o
subsunçor
Referencial teórico
TAS ► organizador prévio

 Fazer com que os subsunçores estejam


disponíveis

X Y
Zd
KKK
Referencial teórico
Obstáculos epistemológicos
 O problema do conhecimento científico
deve ser considerado em termos de
obstáculos inerentes ao próprio ato de
conhecer, não se tratando de obstáculos
decorrentes da complexidade ou
fugacidade dos fenômenos
 O ato de conhecer dá-se contra um
conhecimento anterior, por meio de
rupturas
Referencial teórico
Obstáculos epistemológicos ► tipos
A construção do ambiente virtual
A construção do ambiente virtual
A proposta
 Elaborar material educacional:
– Desenvolvido a partir de recursos advindos das
tecnologias da informação e comunicação (TIC)
– Que oferecesse uma abordagem distinta das
presentes em livros didáticos tradicionais
A construção do ambiente virtual
O conteúdo do material educacional
 Características importantes das ondas
sonoras:
– Necessidade de um meio material para
propagação do som
– Freqüência
– Amplitude
– Intensidade
– Propagação sem transporte de matéria
A construção do ambiente virtual
A primeira versão do material educacional
 Consistia em:
– Uma série de páginas Web interligadas
– Um dicionário de termos
– Um fórum de discussões - denominado Ponto
de Encontro
 Possuía estrutura similar a de um livro
didático tradicional de Física
A construção do ambiente virtual
A reestruturação do ambiente
 A primeira versão:
– Não se adequava aos referenciais adotados
– Não se apresentava como uma proposta
inovadora no uso das TIC

 Decidiu-se por tentar uma nova abordagem


para o material
A construção do ambiente virtual
A nova abordagem: os desafios ► pontos chaves
 Permitir a problematização dos conteúdos
 Um problema verdadeiro tem semelhanças
com um desafio
 Estimular a motivação e a disposição em
aprender
 Fazer uso de situações próximas ao
cotidiano dos alunos
 Propor questionamentos que o aluno não se
propõe
A construção do ambiente virtual
Os desafios ► fundamentos teóricos
 Teoria da aprendizagem significativa (A.S.)
 Condições para a A.S.:
A construção do ambiente virtual
Material potencialmente significativo
A construção do ambiente virtual
A versão “final” do material educacional (1 de 2)
 Quatro desafios
– O Jogo do erro
– O pernilongo e os sons
– Abaixe o volume
– Como uma onda no mar...
 Um organizador prévio
– É importante saber!!!
 Atividades complementares
– Fazendo um mapa e Fazendo um cartaz...
– Opinário
A construção do ambiente virtual
A versão “final” do material educacional (2 de 2)
 Um fórum virtual:
– Ponto de Encontro
 Um canal de diálogo com o professor
 Biblioteca
– Formada por páginas da primeira versão
A construção do ambiente virtual
A página principal do ambiente
Resultados e análises:
os desafios
Resultados e análises: os desafios
Categorias para análise das respostas
 Excelente  Correta
Correta,
Não
A
O resposta
aluno
responde
afirmou
não
masnão
respondeu
não
está
que
está
nãoa
 Satisfatória  bem
adequadamente
relacionada
sabia
questão,
Todos detalhada
responder
os deixando
à pergunta
conceitosàa a
 Insatisfatória  pergunta
questão
resposta
associados
Não estãoque
em
proposta
apresenta lhe
branco
foi ou
presentes
estãoos
 proposta.
assinalando
presentes
todos
Alguns
conceitos
os e outrosestãoe,
conceitos
conceitos
necessários
 Incorreta caracteres.
corretamente
associados
presentes
estão relacionados
mas,
mas,nem
estão
 Não sei relacionados
todos
incorretamente
estão relacionados
 Não respondeu  corretamente
Detalhada
Resultados e análises: os desafios
O Jogo do Erro
 Conhecimento em jogo:
– Necessidade de um meio material para que uma
onda sonora possa se propagar
 Fonte de inspiração:
– Brincadeiras nas quais devem ser encontradas
as diferenças entre duas imagens semelhantes
Resultados e análises: os desafios
O Jogo do Erro ► o papel do aluno
 O aluno assume o
papel de um revisor
científico de um
estúdio de cinema:
 Deve analisar um
vídeo com um erro
de Física: sons se
propagando e sendo
ouvidos no espaço
 O aluno percorre
uma trilha na qual
realiza diversas
atividades
Resultados e análises: os desafios
O Jogo do Erro ► grupo experimental no desafio

Categoria Freqüência Percentual


Satisfatória 15 62,50%
Insatisfatória 8 33,33%
Não sei 0 0,00%
Não respondeu 1 4,17%
Total 24 100,00%

 Sete alunos provavelmente tiveram


dificuldades na utilização dos recursos
disponibilizados pelo ambiente
Resultados e análises: os desafios
O Jogo do Erro ► grupos no pós-teste

Grupo experimental Grupo de controle


Categoria
Freqüência Percentual Freqüência Percentual
Satisfatória 10 66,67% 5 41,67%
Insatisfatória 5 33,33% 4 20,83%
Não sei 0 0,00% 3 25,00%
Total 15 100,00% 12 100,00%

 O uso do computador como recurso


educacional obteve resultados bastante
satisfatórios
Resultados e análises: os desafios
O Jogo do Erro ► algumas considerações
 Os resultados e análises indicam:
– O Jogo do Erro é um material potencialmente
significativo e favorece a aprendizagem e a
construção do conhecimento pelo aluno
– A falta de habilidade no uso do computador
pode ter comprometido a aprendizagem de
alguns alunos
– As respostas de um aluno indicam a presença
do obstáculo animista
Resultados e análises: os desafios
O Pernilongo e os sons
 Conhecimentos em jogo:
– Fonte sonora
– Vibração
– Freqüência
– Grave e agudo
– Infra-som e ultra-som
– Espectro sonoro
– Relação entre as freqüências de vibração da
fonte sonora e do som que ela emite
Resultados e análises: os desafios
O Pernilongo e os sons ► a convocação
Resultados e análises: os desafios
O Pernilongo e os sons ► detalhes
 O aluno assume o papel de um cientista:
– Que tem como tarefa principal propor um
aparelho que consiga expulsar os pernilongos
 Este aparelho:
– Não deve poluir o ambiente
– Não pode causar danos à população
 Para obter estes conhecimentos, o aluno
percorre uma trilha
– Realiza diversas atividades
– Utiliza recursos computacionais
Resultados e análises: os desafios
O Pernilongo e os sons ► grupo exp. no desafio (1 de 2)

Categoria Freqüência Percentual


Excelente 6 28,57%
Satisfatória 4 19,05%
Insatisfatória 4 19,05%
Incorreta 4 19,05%
Não sei 1 4,76%
Não respondeu 2 9,52%
Total 21 100,00%

 47,62% dos alunos obtiveram um


desempenho excelente ou satisfatório
Resultados e análises: os desafios
O Pernilongo e os sons ► grupo exp. no desafio (2 de 2)
 Em decorrência da extensão da trilha e da
variedade de atividades, o rendimento
médio foi calculado
Aproveitamento médio no desafio O Pernilongo e
os sons

Insatisfatório Excelente
24% 24%

Satisfatório
52%
Resultados e análises: os desafios
O Pernilongo e os sons ► grupo exp. no desafio
 Performance na  Rendimento
superação do desafio: médio:
– 47,62% (satisfatórias – 76% (satisfatório
e excelentes) e excelente)

– Para alguns alunos a suposta aprendizagem dos


conceitos trabalhados ao longo da trilha não
foi suficiente para a superação do desafio

E01, E09, E11, E16, E18 e E19


Resultados e análises: os desafios
O Pernilongo e os sons ► grupos no pós-teste
Grupo experimental Grupo de controle
Categoria
Freqüência Percentual Freqüência Percentual
Excelente 3 20,00% 1 8,33%
Satisfatória 8 53,33% 8 66,67%
Insatisfatória 4 26,67% 2 16,67%
Não sei 0 0,00% 1 8,33%
Total 15 100,00% 12 100,00%

 Sugerem uma equivalência entre:


– O material educacional e as aulas
tradicionais
Resultados e análises: os desafios
O Pernilongo e os sons ► algumas considerações
 Os resultados e análises indicam:
– Que o desafio é um material potencialmente
significativo, favorecendo a aprendizagem e a
construção do conhecimento pelo aluno
– Que este desafio e as aulas expositivas foram
eficientes
– Indícios de um obstáculo (verbal ou da
experiência primeira)
– Os alunos do grupo experimental tendem a
associarem ou confundirem as sensações e os
conceitos de freqüência e intensidade sonora
Resultados e análises: os desafios
Abaixe o volume ► conceitos em jogo
 Fonte sonora
 Amplitude de um movimento oscilatório
 Amplitude de vibração da fonte sonora
 Amplitude da onda sonora
 Intensidade da onda sonora
 Relação entre estes conceitos
Resultados e análises: os desafios
Abaixe o volume ► o desafio proposto
 Os alunos devem
decidir quem
está certo e
explicar sua
resposta
 Para obter estes
conhecimentos, o
aluno percorre
uma trilha
Resultados e análises: os desafios
Abaixe o volume ► grupo experimental no desafio

Categoria Freqüência Percentual


Excelente 5 27,78%
Satisfatória 10 55,56%
Insatisfatória 2 11,11%
Incorreta 1 5,56%
Total 18 100,00%

 83,34% de respostas satisfatórias ou


excelentes
 Estabilidade das noções de volume e
Resultados e análises: os desafios
Abaixe o volume ► grupos no pós-teste

Grupo experimental Grupo de controle


Categoria
Freqüência Percentual Freqüência Percentual
Correta 3 20,00% 4 33,33%
Incorreta 12 80,00% 8 66,67%
Total 15 100,00% 12 100,00%
 Percentuais de acertos extremamente
baixos:
– 20,00% para o grupo experimental
– 33,33% para o grupo de controle
Resultados e análises: os desafios
Abaixe o volume ► algumas considerações (1 de 2)
 O fato do pós-teste possuir apenas uma
questão associada aos conhecimentos do
desafio prejudicou a verificação da
aprendizagem
 Três alunos do grupo de controle e um
aluno do grupo experimental:
– Associaram a sensação fisiológica da
intensidade sonora (volume) com a freqüência
da onda;
Resultados e análises: os desafios
Abaixe o volume ► algumas considerações (2 de 2)
 As noções de volume e “altura do som” são
resistentes (grupo experimental),
funcionando como um obstáculo à
aprendizagem do conceito de intensidade
sonora
Resultados e análises: os desafios
Como uma onda no mar ► conceitos em jogo
 Onda não transporta matéria
 A onda do mar é um tipo de onda
 O som é um tipo de onda
Resultados e análises: os desafios
Como uma onda no mar ► desafio proposto
Resultados e análises: os desafios
Como uma onda no mar ►grupo exp. no desafio (1 de 2)

Categoria Freqüência Percentual


Excelente 3 12,50%
Incorreta 19 79,17%
Não sei 1 4,17%
Não respondeu 1 4,17%
Total 24 100,00%

 Concepções presentes nas respostas


incorretas:
– Vento ou ar  causa do transporte de matéria
– Onda transporta matéria
Resultados e análises: os desafios
Como uma onda no mar ►grupo exp. no desafio (2 de 2)
 Relação entre as concepções e obstáculos
Resultados e análises: os desafios
Como uma onda no mar ► grupos no pós-teste (1 de 2)

Grupo experimental Grupo de controle


Categoria
Freqüência Percentual Freqüência Percentual
Excelente 0 0,00% 1 8,33%
Satisfatório 5 33,33% 3 25,00%
Insatisfatório 10 66,67% 7 58,34%
Não sei 0 0,00% 1 8,33%
Total 15 100,00% 12 100,00%

 Baixo índice de respostas satisfatórias e


excelentes:
– 33,33% para os dois grupos
– Equilíbrio entre os grupos
Resultados e análises: os desafios
Como uma onda no mar ► grupos no pós-teste (2 de 2)
 Concepções presentes nas respostas
incorretas:
Resultados e análises: os desafios
Como uma onda no mar ► algumas considerações
 O conhecimento prévio dos alunos atuou
como obstáculo epistemológico à
aprendizagem do conhecimento físico em
jogo no desafio
 Principal obstáculo:
– Onda transporta matéria
 Os resultados indicam:
– A necessidade de se pesquisar metodologias e
recursos que sejam capazes de auxiliar os
alunos na superação dos obstáculos
Resultados e análises:
o organizador prévio
Resultados e análises: org. prévio
Conceitos em jogo
 Regularidade
 Movimento periódico
 Período
 Freqüência
Resultados e análises: org. prévio
A pergunta chave
Resultados e análises: org. prévio
Grupo experimental na pergunta chave
Categoria Freqüência Percentual
Excelente 3 11,11%
Satisfatória 3 11,11%
Insatisfatória 1 3,70%
Incorreta 16 59,26%
Não sei 3 11,11%
Não respondeu 1 3,70%
Total 27 100,00%
 Baixa performance:
– Indica: pouca compreensão dos fenômenos
periódicos
Resultados e análises: org. prévio
Organizador prévio ► algumas considerações
– A dificuldade de interpretação e análise do
movimento dos ponteiros de um relógio
analógico
• falta de hábito na leitura e uso dos relógios
analógicos
• a divisão das horas, minutos e segundos são feitas
em uma base que não é decimal, e que “foge” ao
senso comum
– Não é possível estabelecer uma relação entre o
desempenho obtido no organizador prévio e as
performances nos desafios
– O organizador prévio dever ser alterado em
futuras versões do material
Resultados e análises:
Os mapas conceituais
Resultados e análises: os mapas
O que são os mapas conceituais?
 Maneira de representar as relações
significativas entre dois ou mais conceitos
 Possuem como referencial teórico a teoria
da aprendizagem significativa
 Devem representar a hierarquia entre os
conceitos
Resultados e análises: os mapas
A atividade proposta aos alunos
 Elaborar um
mapa conceitual
a partir de uma
lista de
conceitos
Resultados e análises: os mapas
O mapa de referência
 A partir do mapa
de referência foi
feita uma lista de
itens (relações
entre conceitos)
que deveriam
estar presentes
nos mapas dos
alunos
Resultados e análises: os mapas
O que os mapas dos alunos revelam (1 de 2)
 Os itens que apresentaram a maior
freqüência nos mapas conceituais se
referem aos desafios: O jogo do erro, O
pernilongo e os sons e Abaixe o volume.
– reforça as evidências de que estes são
potencialmente significativos
 Os mapas indicam que os alunos não
compreenderam que:
– O som é um tipo de onda
– As ondas não transportam matéria
Resultados e análises: os mapas
O que os mapas dos alunos revelam (2 de 2)
 Evidenciam um aspecto já detectado na
análise dos desafios O pernilongo e os sons
e Abaixe o volume:
– a tendência em associar e confundir as noções
físicas e fisiológicas de intensidade sonora e
freqüência
Cartazes,opiniões, motivação e
satisfação
Cartazes, opiniões, motivação e satisfação
Atividades: “Fazendo um cartaz...” e “Sua opinião”
 Fazendo um cartaz:
– O aluno deve confeccionar um cartaz
– O cartaz poderia recomendar, ou não, a
participação no curso
 Sua opinião:
– O aluno responde a um opinário
Cartazes, opiniões, motivação e satisfação
Fazendo um cartaz... ► alguns resultados
 Nenhum cartaz “contra-indicando” o curso
 O ambiente virtual contém elementos que
contribuem para a manutenção da
motivação
Cartazes, opiniões, motivação e satisfação
Sua opinião ► alguns resultados
 A abordagem de ensino e aprendizagem por
desafios é, ainda, pouco explorada
 Segundo a maioria dos alunos esta
abordagem favorece uma melhor
aprendizagem
 Os desafios preferidos pelos alunos são os
que mais se aproximam de situações
cotidianas:
– O Pernilongo e os sons
– Como uma onda no mar
Cartazes, opiniões, motivação e satisfação
Sua opinião ► alguns resultados
 Média da nota atribuída ao curso:
– 9,77
 Sugestões de melhoria mais freqüentes:
– ampliar o conteúdo presente no ambiente
virtual
– aumentar o número de desafios
Cartazes, opiniões, motivação e satisfação
Algumas considerações
 As análises indicam um alto índice de
satisfação
 O ambiente virtual e a metodologia de
utilização adotada conseguiram favorecer
a motivação dos alunos e atender às suas
expectativas
Considerações finais
Considerações finais
O objetivo geral foi alcançado?
 Verificar se as tecnologias da informação e
comunicação podem ser utilizadas como
meios potencialmente significativos para se
efetivar a aprendizagem significativa de
conceitos introdutórios de Física sobre
ondas sonoras 
Considerações finais
As hipóteses foram verificadas? (1 de 2)
 As tecnologias da informação e
comunicação são recursos educacionais que
facilitam a aprendizagem significativa
Considerações finais
As hipóteses foram verificadas? (2 de 2)
 A problematização de conceitos físicos na
forma de desafios, implementada em um
ambiente virtual de aprendizagem se
constitui em um material potencialmente
significativo para a aprendizagem desses
conceitos
– Verificada nos desafios: O Jogo do erro, O
pernilongo e os sons e Abaixe o volume
– Não pode ser verificada no desafio Como uma
onda no mar...
Considerações finais
Resultados importantes
 Existência de obstáculos epistemológicos
 O material pode ser considerado
potencialmente significativo
 O ambiente virtual e a metodologia de
utilização adotada conseguiram favorecer
a motivação dos alunos e atender às suas
expectativas
Considerações finais

 Não se pretende advogar a favor do


computador como uma estratégia ou mesmo
um recurso que possa substituir as aulas
expositivas e presenciais
 Evidenciar que o uso adequado do
computador, pode favorecer a construção
do conhecimento pelo aluno; e deve ser
considerado como mais um recurso a ser
utilizado pelo professor para favorecer a
aprendizagem de seus alunos
Fim...
Por enquanto...
Agradecimentos
Agradecimentos

 À todos que ficaram até o final desta


apresentação
Agradecimentos

 À minha esposa Raquel


Agradecimentos

 À diretora: Maria de Lourdes


 À vice-diretora: Ernângela
 À toda a coordenação do colégio no qual a
pesquisa se realizou
 Ao alunos que participaram e viabilizaram a
pesquisa
Agradecimentos

 À professora Shirley, por sua orientação


primorosa
 Aos componentes da banca pelas sugestões e
questionamentos feitos na qualificação
 Ao professor David pelo auxílio nas
traduções
Agradecimentos

 Às amizades feitas durante a permanência


em Campo Grande
 Em especial à Danise
Alunos participando da pesquisa
Alunos participando da pesquisa
Alunos participando da pesquisa
Alunos participando da pesquisa
Amigos
Amigos
Amigos
Amigos
Amigos
Amigos
Amigos
Amigos
Amigos
Agora acabou mesmo...

Contato:
rdiogo@gmail.com