Você está na página 1de 14

Ler, compreender e interpretar

textos
aula I

Prof.ª Me Fabiane Carniel


fabiane.carniel@ead.cesumar.br
1
Objetivos

Apresentar diferentes níveis de leitura;


Discutir sobre a importância da leitura na
academia;
Estimular o desenvolvimento da competência
leitora;

2
A importância da leitura

O ponto de partida para a leitura é o texto.


Você sabe o que é um texto?

3
A importância da leitura

O desenvolvimento cognitivo promovido pelo


ato de ler pode ser confirmado diante do
estímulo ao pensamento do leitor causado pela
leitura, estímulo esse passível de promover
incontáveis possibilidades de se construírem
aprendizados a partir do que foi lido.
•(COLOMER; CAMPS, 2002)

4
A importância da leitura

A leitura requer e permite


classificar, sintetizar, selecionar, relacionar,
enumerar, imaginar, organizar, predizer
compreender, interpretar, analisar, (re)criar.

5
Leitura Ascendente

• Leitor passivo.
• Texto: objeto acabado, independente.
• Para entender o texto, o leitor decodifica
progressivamente suas unidades menores
para chegar às maiores.
• Deve-se usar a oralidade.
• O significado global do texto é a soma das
unidades menores: significado literal.

6
Leitura descendente

• Leitor ativo.
• Texto: objeto não acabado. O leitor é o
elemento mais importante.
• Não precisa oralizar.
• O processo vai da mente do leitor ao texto.
• O leitor resolve ambiguidades e escolhe
entre as interpretações possíveis do texto.

7
Leitura interativa

• Leitor ativo.
• Texto: objeto não acabado. O leitor e o texto
são importantes para a leitura.
• Para entender o texto, o leitor utiliza-se de
indícios visuais do texto e da ativação de uma
série de mecanismos mentais que permitem
atribuir-lhe um sentido.
• Não precisa oralizar.
• O leitor resolve ambiguidades e escolhe entre
as interpretações possíveis do texto.
8
Pressuposto e subentendido

• São informações que não estão explícitas


nos textos, contudo, podem ser identificadas
por meio de marcas linguísticas.

• Os pressupostos são de mais fácil


identificação, estando sugeridos no texto. Os
subentendidos são deduzidos pelo leitor,
sendo da sua responsabilidade.

9
Pressuposto e subentendido

• Pressuposto
[...] a população ganha tempo para fazer
mais pressão sobre os deputados

Marcas linguísticas que facilitam a identificação


de pressupostos:
• Verbos que indicam fim, continuidade,
mudança e implicações: começar, continuar,
parar, deixar, acabar, conseguir,...
10
Pressuposto e subentendido

• Advérbios: felizmente, finalmente, ainda, já,


depois, antes,...
• Pronome introdutório de orações
subordinadas adjetivas: que
• Locuções que indicam circunstâncias: depois
que, antes que, desde que, visto que,...

11
Pressuposto e subentendido

• Subentendido

Os subentendidos são insinuações,


informações escondidas, dependentes da
interpretação do leitor. Não possuem marca
linguística, sendo deduzidos através do
contexto comunicacional e do conhecimento
que os destinatários têm do mundo.

12
Pressuposto e subentendido

13
Ler, compreender e interpretar
textos
aula I

Prof.ª Me. Fabiane Carniel


fabiane.carniel@ead.cesumar.br 14