O JORNAL DE NITERÓI

ANO 36 • Nº 1.454 • R$ 1,00 • 2ª QUINZENA DE MARÇO • 2015

Rodrigo Neves participa da viagem inaugural
da nova barca que faz a ligação Rio-Niterói

BRASIL:
CRISE É
MORAL

Câmara de Niterói
recebe Ampla para
explicar reajuste
de 42%
Pág. 3

Pág. 5

Terapia de
Grupo para
a Terceira
Idade
Pág. 10

2

2a Quinzena DE MARÇO • 2015

Santa Rosa

Música Medieval
no TCE/RJ
Foto: Rosangela Tozzi

Foto: Shana Reis

Rio 2016

anuncia
cidades que
sediarão jogos
de futebol nas
Olimpíadas

Luiz Fernando Pezão

Modalidade será a única realizada fora do Estado do Rio

O
Virgínia van der Linden

E

m homenagem ao
Dia Internacional da
Mulher, o Momento
Cultural e a Associação dos
Servidores do Tribunal do
Estado do Rio de Janeiro
(ASTCERJ) apresentaram o
Conjunto de Música Antiga
da Universidade Federal Fluminense (UFF), realizando o
concerto “Entre Ave e Eva”.
O sexteto de música medieval mostrou canções do último CD do grupo intitulado
“Milagres de Santa Maria”,
abordando modelos femininos na Idade Média e mostra como as figuras de Eva
(mulher pecadora) e Maria
(mulher santa) se tornaram
tão presentes e influentes no
imaginário popular.
A apresentação intercalou histórias dos milagres
de Santa Maria com canções
sobre eles escritas em galego
português pelo rei espanhol
Afonso X. Em uma dessas
histórias, em um mês, Ma-

ria transforma Musa, que levava uma vida mundana e
desregrada, numa moça de
vida pacata que vai viver no
Paraíso.
Lenora Mendes (viéle, uma
espécie de avô do violino);
Márcio Selles (solista e sopramino); Mário Orlando (viéle); Virgínia van der Linden
(flauta transversa) e Sônia
Wegenast (solista e percussão) chamaram a atenção para multinstrumentalidade,
característica dos músicos
medievais. Além dos instrumentos principais, outros,
como harpa, tambor e flautas
medievais e renascentistas,
contribuíram para deixar o
concerto ainda mais exótico.
Com mais de 30 anos de estrada, os integrantes do Conjunto de Música Antiga da
UFF são estudiosos do gênero
musical que executam. Lenora
e Márcio, por exemplo, concluíram o doutorado em História
Medieval.

Comitê Organizador
dos Jogos Rio/2016
anunciou as cidades
que cumprem os requerimentos técnicos, logísticos, operacionais e financeiros
estabelecidos no Caderno de
Encargos da Matriz de Responsabilidade e se habilitam para
receber partidas do Torneio
Olímpico de Futebol. São elas:
Rio de Janeiro, São Paulo, Belo
Horizonte, Brasília, Salvador
e Manaus. O governador Luiz
Fernando Pezão falou sobre o

legado dos Jogos para o Rio e
para o país: 
- O futebol é uma das modalidades que o brasileiro e o
mundo mais gostam. Os legados que ficarão para o estado
serão enormes, como a questão
da mobilidade, tão vital para
nós. Vamos deixar toda a nossa
frota de trens ao final de 2015
com ar condicionado, levar o
metrô para a Barra da Tijuca.
Ainda há os investimentos
da prefeitura no BRT, na área
portuária e na Barra da Tijuca.

Esse legado não será só para
as Olimpíadas, mas para toda
a população do nosso estado,
do nosso país - afirmou o governador.
A escolha final das sub sedes
caberá à Fifa. O futebol será a
única modalidade esportiva
com disputas fora do Rio de
Janeiro. Serão realizadas 58 partidas, em diferentes localidades.
No total, 16 países competirão
na categoria masculina e 12 na
feminina. O sorteio dos grupos
ocorrerá em abril de 2016. 

Niterói Mais Humana celebra o
Dia Internacional da Síndrome de Down

• O Projeto “Niterói Down
Click na Beleza!” é uma iniciativa da ONG ‘Niterói Mais
Humana’, com patrocínio do
Complexo Médico Hospitalar
(CMH) e em parceria com a
Prefeitura de Niterói, Câmara

Municipal, Apae, Andef, Movimento Down, dentre outros,
para celebrar o “Dia Internacional da Síndrome de Down”,
neste sábado, dia 21na cidade.
Hoje, exemplos bem sucedidos de pessoas com a Síndrome
de Down nos são apresentados.
Em suas diferentes áreas de
atuação - profissional, artística,
esportiva etc, esses cidadãos
destacam-se por conseguirem
ter autonomia e sucesso pessoal. Porém, ainda é necessário, refletirmos e avançarmos
na quebra de preconceitos e
na criação de mecanismos de
inclusão. O convívio com a
diversidade nos impulsiona a
pensar uma nova sociedade,

onde o respeito ao outro é fundamental.
O projeto prevê diversas atividades como mesa redonda,
vídeo-debate, manhã festiva e
muita informação. Destacamos
no calendário de atividades, a
Exposição Fotográfica “Niterói
Down Click na Beleza” produzida pelo renomado fotógrafo
niteroiense Renato Moreth e
pela fotógrafa Claudia Perpétuo, do Coletivo de Artistas
Independentes. A exposição
pretende através da arte, das
imagens inclusivas, sensibilizar
a população de Niterói para
um olhar mais humano acerca
da beleza da diversidade e da
política de inclusão.

CRONOGRAMA DE EVENTOS
• Dia 18 - Memorial Roberto da Silveira - Vídeo Debate, Filme “Colegas”.
• Dia 19 - Memorial Roberto da Silveira - Contação de Histórias, declamação de Poemas por André Varela, dentre outras atividades.
• Dia 20 – Câmara Municipal de Niterói - Mesa Redonda Celebrativa
com a presença de Breno Viola - Auto – Defensor do site Movimento
Down e exposição fotográfica, às 10h.
• Dia 21- Campo de São Bento - tendas informativas, estúdio de fotos,
Capoeira Din Din Down, Dança sobre Rodas, entre outras, às 09h30.
• Dia 21- Shopping Icaraí - Abertura Exposição Fotográfica “Niterói
Down Click na Beleza” dos fotógrafos Renato Moreth e Claudia
Perpétuo, às 16h. De 21 de março até 20 de abril. Compareça, você é
nosso convidado!!!

Rodrigo Neves participa da viagem inaugural
da nova barca que faz a ligação Rio-Niterói

Vereador quer
gratuidade no
transporte público
a partir dos 60 anos

O

prefeito de Niterói,
Rodrigo Neves, participou da viagem
inaugural do novo catamarã Pão de Açúcar, ao lado
do governador Luiz Fernando
Pezão, do secretário estadual
de Transportes, Carlos Roberto
Osorio, do presidente da CCR
Barcas, Márcio Roberto de Moraes, entre outras autoridades
municipais e estaduais.
A Pão de Açúcar é a primeira das sete novas embarcações
que vão operar na travessia
Rio-Niterói. A viagem inaugural partiu da estação Arariboia, em Niterói, com destino
à Praça XV, no Centro do Rio.
O novo catamarã tem capacidade para até 2 mil pessoas e
é equipado com espaço para
cadeirantes, bicicletários e duas proas.
Rodrigo Neves destacou que
para Niterói é muito importante melhorar a performance e a
capacidade do transporte público sobre a Baía de Guanabara. “É insustentável insistir
no modelo rodoviário. A Ponte
Rio-Niterói está sobrecarrega-

• De autoria do vereador
Bruno Lessa (PSDB), foi
protocolado na Câmara
Municipal um projeto de lei
para alterar o artigo 279 da
Lei Orgânica do Município.
Pela nova proposição, passageiros com idades entre
60 e 64 anos terão direito à
gratuidade no transporte
público, que pela legislação
atual é assegurada somente
a partir dos 65 anos.
Bruno explica que no Estatuto do Idoso, parágrafo
terceiro, artigo 39, deixa sob
responsabilidade dos municípios a regulamentação da
gratuidade para quem tem
entre 60 e 64 anos: “Apresentei o projeto para que
em Niterói, assim como em
outras cidades do país, passageiros a partir dos 60 anos
também possam usufruir
da gratuidade nos ônibus,
sem trazer qualquer dano
aos demais setores da sociedade e, por isso, acredito
que irá ter a adesão dos demais pares”, conclui.

­

3

Santa Rosa

2a QUINZENA DE MARÇO • 2015

“É insustentável insistir no modelo rodoviário. A Ponte
Rio-Niterói está sobrecarregada, e com a chegada de
quatro novas embarcações este ano, não tenho dúvida que
vai contribuir muito com a melhoria da mobilidade e da
qualidade do transporte público em Niterói”
Foto: Luciana Carneiro

Luiz Fernando Pezão e Rodrigo Neves 

da, e com a chegada de quatro
novas embarcações este ano,
não tenho dúvida que vai contribuir muito com a melhoria
da mobilidade e da qualidade
do transporte público em Niterói”, afirmou Neves.
O governador Luiz Fernando Pezão disse que a nova embarcação é fundamental para a
melhoria do transporte aquaviáro do Rio de Janeiro. “Nesta barca, os passageiros terão
mais conforto e agilidade na
viagem. Estou muito feliz por
conseguir entregar esse equipamento ainda no primeiro
trimestre deste ano. A previsão é de que, até julho, outras
três embarcações estejam operando. Quero fechar 2015 com
cinco das sete barcas que compramos em operação – disse
Pezão. O tempo de travessia
entre Rio de Janeiro e Niterói
foi reduzido de cerca de 22
para 15 minutos com a nova
barca. A ideia é que o novo
catamarã realize aproximadamente 12 viagens por dia, seis
no período da manhã e seis na
parte da tarde.

BRASIL: CRISE É MORAL
André Santa Rosa

N

os recentes escân­
dalos políticos e
econômicos que nos
são trazidos e ex­
postos pela imprensa (ainda)
livre, podemos claramente
perceber o que, de fato, está
por trás desta onda maléfica
que assola nosso país: o que
nos falta é caráter. O que nos
falta é conduta moral.
O brasileiro acostumou
ao ‘jeitinho’ para resolver as
coisas. Abordados por um
guarda de trânsito, imedia­
tamente pensamos em lhe
dar um trocado para nos li­
vrarmos daquele incômodo.
Em uma fila de banco, ou
outra que o valha, logo da­
mos um jeito de furar a tal

fila para nos darmos bem. Es­
te é o espírito do esperto, que
gosta de levar vantagem sobre
os demais pares da sociedade.
E não me venham falar em
Lei do Gérson, para justificar
este desvio comportamental,
pois o grande atleta nada tem
a ver com este lamentável ví­
cio que nos assola. Gérson foi
um exímio jogador de futebol
e que, até hoje, nos dá muitas
alegrias com suas escolinhas
espalhadas por Niterói, onde
procura dar vantagens aos pe­
quenos e necessitados aspi­
rantes a jogadores do esporte
bretão. Ali, serve lanche e fru­
tas aos pequeninos, pois de
barriga vazia não se aprende e
muito menos teriam forças pa­
ra os exercícios.
A crise econômica, por sua
vez, nada mais é do que o re­

flexo da desonestidade dos
políticos que, uma vez eleitos,
passam a agir como se tives­
sem um mandato, e mesmo um
mandado, para roubar e usu­
fruir pessoalmente do erário.
Porém, estes políticos que es­
colhemos, na verdade, são a
‘cara’ do povo brasileiro, sujei­
tos malandros que só pensam
em ‘se dar bem’.
A solução seria uma radi­
cal mudança nos costumes e
tradições deste povo, no in­
tuito de rever seus valores. Se­
riam necessárias duas ou três
gerações para que o cidadão
brasileiro realmente pudesse
aprender o respeito às leis, pa­
ra que o eleito para cargos po­
líticos não usurpasse os bens
públicos como se fossem seus.
Nenhuma sociedade saiu do
caos moral e ético, no qual es­

tamos afundados, sem que ex­
tirpasse de suas entranhas as
sujeiras do egoísmo, da men­
tira, do engano em relação aos
seus concidadãos. Não há co­
mo edificar uma nação sem que
o povo, ao sufragar um candida­
to, tenha as rédeas do seu com­
portamento.
Da mesma forma, jamais ha­
verá um país preparado para
os desafios do seu tempo sem
a valorização do professor, ali­
cerce maior de todos os povos
que alcançaram estabilidade
econômica e política. Afinal, po­
vo esclarecido e educado, vo­
ta melhor.
Contudo, o que vemos hoje
em dia, é o completo desinte­
resse da maioria dos mandatá­
rios em mudar o quadro caótico
da educação escolar. Os refle­
xos são uma sociedade mal pre­

parada para alçar degraus
na sua qualidade de vida e
o consequente baixo nivela­
mento do povo, a exemplo
dos países onde o regime
bolivariano está sendo ou
foi implantado.
Somente a consciência do
que é certo ou errado nos
fará alcançar melhores pa­
tamares civilizatórios. Mas
isto, só com boa educação
escolar e familiar. Ocorre
que o núcleo familiar vem
se dissolvendo por conta de
condutas que fogem à mo­
ralidade. Não há saída em
um futuro próximo. Talvez
um choque de ordem fos­
se preciso.
André Santa Rosa
santarosa.ator@gmail.com

4

Santa Rosa

Uma grande perda
• Bom Jardim perdeu um dos seus mais dignos filhos, com
o falecimento, aos 88 anos, do médico Celso Erthal, que se
notabilizou como cirurgião, atendendo a todo o centro-norte
fluminense, tendo feito da medicina verdadeiro sacerdócio.
Dotado de comprovada humildade, completamente avesso
às promoções pessoais, era desprovido de qualquer vaidade.
Atendendo ao seu desejo, Dulce Tardin Erthal, sua mulher,
e os filhos Everardo e Raimundo o sepultaram de pijama,
após velório simples e breve. Seu colega Dr. Júlio Carvalho,
radicado em Cordeiro, enalteceu, em nome dos amigos, sua
personalidade e digna trajetória profissional.
Após a formatura pela UFF, Celso fez parte, ainda jovem,
da equipe do consagrado médico Mário Monteiro na ocasião
da fundação do Hospital Antônio Pedro, foi membro da Academia de Medicina do Estado do Rio de Janeiro, e se fez amigo pessoal do eminente cardiologista Adib Jatene.
Tendo em vista os serviços prestados à população, a municipalidade bom-jardinense deu seu nome ao Hospital da
Santa Casa, onde trabalhou durante quatro décadas, como
cirurgião e radiologista. Foi um dos fundadores e o primeiro
presidente da Associação João Erthal, que congrega os descendentes do patriarca.
O seu conterrâneo A. Magno (Antônio Magno Lopes Almeida), atualmente residente no Recife, recordou, em artigo
publicado no ‘JORNAL MAIS BOM JARDIM’, fato que diz
bem do espírito cristão de Celso Erthal. Citou que o acompanhou, a seu pedido, numa noite chuvosa de inverno, através
de estradas de terra, para atender a uma família humilde do
interior do município. No percurso, passaram por três porteiras (que o acompanhante ia abrindo), regressando por volta de 2 horas da manhã: ‘Bons tempos em que médicos não
mediam esforços para socorrer seus pacientes, independentemente de classe social, local, horário, tempo bom ou chuvoso’!
Texto: Célio Erthal Rocha

Prefeitura inicia cobrança
para devedores de IPTU e ISS
• A Prefeitura iniciará uma
campanha complementar
ao programa especial
de recuperação fiscal
(REFIS), a fim de auxiliar
os contribuintes a quitar
seus débitos de IPTU e ISS
inscritos em dívida ativa até
2011 com descontos de 100%
de multas e juros. Com isso, o
contribuinte pode quitar seus
débitos, aproveitando todos
os descontos, sem sair de
casa, bastando pagar a guia
que acompanha a carta.

A Prefeitura espera enviar
cerca de 50.000 cartas até
o final do próximo mês,
salientando que todos os que
não quitarem seus débitos
até o final do programa, que
termina em junho, terão seus
débitos protestados, o que
implica restrições de crédito
(SPC/Serasa), bem como
terão os respectivos imóveis
levados a leilão.
Mais informações:
pgm.niteroi.rj.gov.br

2a Quinzena DE MARÇO • 2015

Detran oferece curso
de reciclagem à distância
Motoristas infratores podem utilizar a modalidade
•  Detran vai permitir  que
os cursos de atualização e
reciclagem de motoristas
infratores – ou seja, aqueles
que tiveram suspenso o direito de dirigir – passem a ser
ministrados na modalidade
de ensino à distância. A medida consta de portaria do
presidente do departamento,
José Carlos dos Santos Araú-

jo, publicada no Diário Oficial
de terça-feira (10/3). Segundo
a portaria, as instituições interessadas no processo  devem
estar homologadas junto ao
Denatran (Departamento Nacional de Trânsito), para serem
cadastradas no Detran.
A decisão do presidente do
Detran tem como base a Resolução 168 do Conselho Nacio-

nal de Trânsito (Contran),
que, em seu Anexo III, regulamenta o procedimento,
trazendo, inclusive, todas as
exigências para que a instituição interessada possa
oferecer esse tipo de serviço. Uma delas é a comprovação, mediante impressão
digital, da participação do
aluno no curso. 

CARTAS... CARTAS... CARTAS... CARTAS...
Sucesso - Parabéns, meu poeta preferido (depois do Mario
Quintana). Cecchetti é um Dom
Quixote literário. Longe de ser
apenas um louco lutando contra
causas perdidas, mas alguém de
uma lucidez tão acima da média,
que o ambiente não consegue
acompanhá-lo. Tenho certeza
que esse centro cultural sairá do
papel e se materializará do jeito
que acredita. Afinal, você não
desiste nunca! Teremos um dia
em que as pessoas entenderão
que quanto maior é a informação, maiores serão as chances de
sucesso de uma sociedade equilibrada, justa e saudável. Grande
abraço, querido visionário!
Laura Botelho – Icaraí

Ele faz a diferença - Olá,
Sílvia Tani! O nosso jornal está
o máximo! E nem poderia ser
diferente! Gostei da reportagem
sobre «A Força dos Jornais Alternativos de Niterói». E veja
que você é a única representante feminina entre os «machões»,
hein? Parabéns, amiga! A coluna
do André Santa Rosa também
está ótima, destacando a figura
de Felipe Peixoto na Secretaria
de Estado. Estamos com ele! A
sua coluna continua brilhando
com «As Soltinhas», Seção de
Cartas, o artigo sobre os dinossauros que invadem a festa da
garotada... Da mesma forma,

continua «bombando” a coluna
do Alberto Araújo, disseminando a programação e a cultura de
nossa cidade. 

Luiza Francisconi – Santa Rosa

Nota 10 - O Jornal Santa Rosa vem atraindo a atenção do
leitor através da diversidade das
matérias publicadas. Parabenizo o artigo de André Santa Rosa
que acena com esperança na gestão de Felipe Peixoto à frente da
Secretaria de Saúde. Excelentes
também as entrevistas. Que Niterói possa conhecer melhor seus
valores. Obrigada, Sílvia Tani,
por tão bem conduzir esse veículo de informação. Ele é nota 10!
Fátima Soares Mello – Santa Rosa

Boa Causa - Excelente matéria sobre Edilson Martins, que
há décadas se dedica à causa indígena. Bom saber que continua
em plena atividade. Seres humanos como o Edilson deveriam
ser mais divulgados. O Jornal
Santa Rosa’ “bateu um bolão”
com a matéria!
Jorge Furtado - Ingá

Tudo pela cultura - Parabéns Cecchetti! O caminho se
faz ao caminhar... Parabéns pelos rumos escolhidos em prol
da cultura, pelas conquistas,
pela bela entrevista de Belvedere Bruno. Sucesso, sempre e fraterno abraço.

Liane Areas – Icaraí

Alguns comentários ...
• Caro primo, sempre batalhador! Gostei muitíssimo da entrevista, principalmente do
haicai “Francisco”. Abraços
- Vicente Cecchetti
• Parabéns, Cecchetti! Li e gostei muito. Abraços - Marcia
Pessanha
• Valeu, Cecchetti! A cultura
sempre precisa de um paladino! Parabéns! - Will Martins
• Parabéns, Cecchetti, pela belíssima entrevista. Abraços Carlos Rosa Moreira
• Li a matéria no original... vibrei, amigo, com os informes

que prestou na entrevista e os
projetos que, tenho certeza,
ainda vai realizar .Parabéns!
- Marcos Fioravanti 
• Gostei imensamente!!! Parabéns pelo trabalho que vem
desenvolvendo em favor da
arte, da cultura - Luzia Veloso
• Caro Ceccehtti. Esplêndida
entrevista. Você e a repórter
merecem parabéns. Abraços
do ASO - Antonio Soares
• Parabéns! Juntos somos mais!
Na torcida para que tudo se
realize - Lourdinha e Fernando Campos

NOSSO GRUPO PUBLICIDADE E EDITORA LTDA.
cnpj: 06.091.234/0001-78
Rua Matoso Maia, 46 • Bairro de Fátima • Niterói
CEP: 24.070-020

Editora Chefe: Maria Sílvia de Souza Tani (15428 MT)
Tels.: (21) 2613-0948 / 99751-2915
Diretora: Maria Sílvia de Souza Tani
e-mail: santarosajornal@gmail.com
Assessoria Jurídica: Ennio Figueiredo Júnior
silviatani@oi.com.br
Diagramação: Geraldo Machado (freelancer: 2719-2759)
silviasantarosa26@gmail.com
Distribuição: Ernesto Guadelupe
Matérias assinadas são de inteira responsabilidade de seus autores

CIRCULAÇÃO: Bairro de Fátima • Boa Viagem • Centro • Charitas • Cubango • Fonseca • Ingá • Icaraí • Jardim Icaraí

• Jurujuba • Pendotiba • Santa Rosa • São Domingos • São Francisco • Região Oceânica • Vital Brazil etc...

2a QUINZENA DE MARÇO • 2015

5

Santa Rosa

Câmara de Niterói recebe Ampla para explicar reajuste de 42%

U

m dia após a entrada em
vigor do reajuste de 42%
nas contas de energia
elétrica para os moradores de
Niterói, vereadores receberam
na tarde desta segunda-feira,
dia 16, uma equipe técnica da
Concessionária Ampla para
explicar as razões do aumento e a demora em restabelecer
a energia quando há queda no
fornecimento. Após a reunião,
o presidente da Casa, Paulo
Bagueira anunciou que irá convidar a Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) para
uma reunião e que a Casa irá
aprovar o requerimento dos
vereadores Leonardo Giordano (PT) e Paulo Henrique Oliveira (PPS) de realização de
uma audiência pública para
que a Ampla explique aos consumidores o reajuste.
Uma das principais indagações feitas pelos vereadores é
sobre a poda de árvores que
atrapalham a rede de energia elétrica e responsável, na
maioria das vezes, pelo corte
do fornecimento. “Notamos

Foto: Sergio Gomes

Vereadores discutem sobre o reajuste de 42%

que não há uma preocupação
em preservar e proteger as árvores dentro do que prevê a
lei de minha autoria aprovada
por esta Casa. A Ampla admitiu, por exemplo, que não conta
com um técnico ambiental para
realizar tal serviço, o que contraria a nossa legislação”, disse Leonardo Giordano. A poda
de árvores foi o tema que mais
rendeu críticas dos vereadores,
principalmente na falta de en-

trosamento entre a Prefeitura e
a concessionária para atender a
demanda. “Tenho em meu gabinete uma série de indicações
legislativas apontando locais
que precisam de poda e elas
não são atendidas”, criticou o
vereador Renato Cariello.
Já Paulo Eduardo Gomes, líder do Psol na Câmara, questionou a lei de autoria do
ex-prefeito Godofredo Pinto
e que não foi regulamenta-

da, que previa a instalação de
uma rede subterrânea no município. “O governo municipal
anuncia agora que pretende
enterrar os cabos de energia
e telecomunicações de toda a
Rua Moreira Cesar, em Icaraí.
Questionamos a razão dessa
lei não ter sido regulamentada
à época e que nenhum estudo
ter sido feito. Foi simplesmente ignorada”.
O presidente Paulo Baguei-

ra disse que a reunião com a
Aneel é importante para que
se possa confrontar as informações fornecidas pelos técnicos da Aneel. “Eles alegam que
o reajuste foi autorizado pela
agência e que serve para um
reequilíbrio das contas do setor
de energia do governo federal.
Segundo eles, para o cofre da
empresa o reajuste é de 0,47%.
Queremos saber da Aneel como se chega a esse percentual de 42% que, seguramente,
é um absurdo para qualquer
pessoa pagar. Há questões
conflitantes como, por exemplo, a Ampla dizer que trabalha para restabelecer a energia
elétrica em no máximo 24 horas, quando a Aneel exige que
tal serviço seja prestado em no
máximo 12 horas. Outra questão é sobre a concessão de 30
anos. Já se passaram 19 e a empresa mudou de dono algumas
vezes.  Por isso consideramos
ser importante a presença de
técnicos da agência e se possível na audiência pública que
será marcada”, concluiu.

6

Santa Rosa

2a Quinzena DE MARÇO • 2015

Foto: Sérgio Gomes

Leonardo Giordano, Cláudia Ricci e Paulo Bagueira

Bagueira presta homenagem
à Biblioteca Estadual
• O presidente da Câmara Municipal de Niterói, Paulo Bagueira entregou Moção de Aplausos
à diretora da Biblioteca Pública
Estadual de Niterói, Cláudia
Ricci, pelo 80º aniversário de
fundação da principal sala de
leitura e pesquisa da cidade.
Bagueira destacou a importância da biblioteca que fica em um
dos mais belos conjuntos arquitetônicos do Estado do Rio,

Novo desembargador - Tomou posse como desembargador no Tribunal de Justiça/RJ
o juiz Luiz Henrique Oliveira Marques, especialista em Direito Privado pela UFF. O novo
desembargador, que iniciou a carreira como defensor público, ingressou na magistratura
em 1992, e foi, durante vários anos, titular da 5ª Vara Cível de Niterói, tendo integrado a
1ª Turma Recursal do Juizado Especial e presidido a Amaerj/Regional. No Rio, atuou na
1ª Vara da Fazenda Pública, sendo titular, ultimamente, da Vara de Registros Públicos. Na
foto: Luiz Henrique Oliveira Marques, Luiz Fernando Ribeiro de Carvalho e Erthal Rocha.

formado pela Câmara, Palácio
da Justiça, Liceu Nilo Peçanha
e a própria Biblioteca. “É uma
data que deve ser comemorada
com vigor. É uma instituição
que todo niteroiense nutre um
imenso carinho”, disse.
Bagueira estava acompanhado do vereador Leonardo
Giordano, que preside a Comissão de Cultura, Comunicação e Patrimônio Histórico.

Palestra - “União Homoafetiva e Relação Familiar na
Guarda Compartilhada” é o tema da palestra desta terçafeira 24, às 18h, promovida pela Comissão OAB/Mulher,
presidida pela advogada Namara Gurupy.
O tema será apresentado pela juíza auxiliar da presidência
do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, Adriana Ramos de
Mello, e pela professora e chefe do Departamento de Direito
Privado da UFF, Fernanda Pontes Pimentel. A coordenação
é da advogada Helga Lise Mansur Rramos de Pinho, delegada da OAB/Mulher.
Avenida Amaral Peixoto 507 - 11º andar, Centro/Niterói.

Brilhantismo - O vereador Bruno Lessa acaba de concluir o curso de Direito pela Univer-

sidade Federal Fluminense (UFF). Na foto, Bruno divide sua alegria ao lado de Edson Alvisi
Neves, diretor da Faculdade de Direito e seus pais, Ana e Silvio Lessa. Parabéns, Bruno!

NOTINHAS...
Bisavós - A juíza Bernadete Barbosa
da Silva e o presidente da OAB/Niterói,
Antonio José Barbosa da Silva, tornaramse bisavôs. Nasceu Pedro, filho da bonita
Gabriela e de Pedro Caleb. Parabéns!!!
Meio século – Nilcea e o ex-conselheiro
da OAB/Niterói, Israel de Souza,
comemoraram as Bodas de Ouro no
Clube Português com a presença  de

representantes do mundo jurídico e
evangélico. Felicidades ao casal!
Casamento – Será na Igreja Assembleia
de Deus Central, em São Gonçalo, no dia
18 de Abril, às 18h, o casamento de Fabrícia
e Alberto, filhos dos casais Lucia Helena/
Antônio Carlos de Oliveira e Dalva/João
Alberto Batista do Nascimento.

7

Santa Rosa

2a QUINZENA DE MARÇO • 2015

A bancada do
batom na Alerj

santarosajornal@gmail.com

Foto Verinha

Deixa a Vida me Levar... Elegantes, lindas, alegres
e simpáticas, as amigas Gilza Fernandes, Vera Regnani e
Rachel Teixeira Brandão, sabem aproveitar tudo de bom
que a vida nos oferecem e confirmam: ‘A vida não ē perfeita,
ninguém é capaz de controlá-la’...
•O Dia internacional da Mulher reacende
o debate sobre a participação feminina na
política, representando 53,29 % do eleitorado do estado do Rio, mas, na Alerj, elas
são apenas nove entre os 70 deputados
(12,8%). Na legislatura anterior, elas eram
13. Na foto: Tia Ju; Márcia Jeovani; Lucinha; Martha Rocha; Danielle Guerreiro;
Zeidan; Enfermeira Rejane; Ana Paula Rechuan e Tania Rodrigues – as duas últimas
são suplentes que assumiram os mandatos
no lugar de Bernardo Rossi (que foi para a
secretaria estadual de Habitação) e Cidinha

Campos (secretária estadual de Proteção e
Defesa do Consumidor). 
Presidente da Comissão de Defesa dos
Direitos da Mulher, Enfermeira Rejane,
diz que a lei que obriga os partidos a
terem 30% de candidatas mulher não resulta numa maior participação feminina
na política. Os resultados das urnas são
uma prova disso. Ana Paula Rechuan é
categórica: “Os partidos são dominados
por homens”. Mas que beleza, elegância e
competência fazem toda a diferença, isso
não se discute...

Nove Meses: um romance
sobre a gravidez adolescente
Foto: Helena Cândido

Mini Miss de Niterói
ganha prêmio internacional

A pequena Helena Strada, moradora de Santa
Rosa, acaba de conquistar o título de ‘Mini Miss
Mesoamérica Internacional/2015’, realizado
na Guatemala. Com apenas 06 anos, ela tem
vencido todos os campeonatos que disputa,
sendo, primeiro, campeã no torneio Mini Miss
Mesoamérica Rio de Janeiro. Logo depois,
ainda em 2014, venceu o torneio nacional em
Manaus, sagrando-se Miss Brasil deste certame,
culminando com a brilhante vitória no exterior.
Sem apoio oficial, Helena vem representando
Niterói e o Brasil com seu talento e muito
esforço da família e amigos. Parabéns à nossa
campeã e à sua mãe, a incansável Laisa Strada.

Lúcia Seixas com os filhos

A descoberta de uma gravidez em plena adolescência é o
tema de ‘Nove Meses’, de Lúcia Seixas, lançado pela Giostri Editora em Niterói. O livro é dedicado aos jovens, mas
adultos também se identificarão com Nanda, a protagonista
da história. Ao saber que está esperando um bebê, ela vê
o seu temor se transformar em felicidade. Dividida entre
seus desejos de trabalhar, ser independente e a realidade
que a vida lhe apresenta, ela experimenta perdas, ingressa
mais cedo na vida adulta. Este é o segundo livro de Lúcia,
que nasceu em Niterói e formou-se em jornalismo pela UFF.
Em 2010 lançou “Procura-se Um Coração”, abordando a
delicada questão de doação de órgãos.

8

2a Quinzena DE MARÇO • 2015

Santa Rosa

CULTURA
Homenagem
a Ademilde
Fonseca

• A Sala Carlos Couto
abre a sua programação
de 2015 homenageando
as mulheres com a exposição “Ademilde Fonseca,
a Rainha do Chorinho”,
sob a curadoria de Teca
Nicolau. A mostra é composta de fotografias, capas
de discos, medalhas de
condecoração e poderá ser
vista até 30 de abril, nos
seguintes horários: Terças
a sextas-feiras, das 10h às
18h; sábados e domingos,
das 15h às 18h.
Sobre a cantora - Ademilde Fonseca nasceu no Rio
Grande do Norte em 1921
e faleceu em 2012. Sua
primeira gravação foi ‘Tico-Tico no Fubá’, em 1942,
mas a gravação que mais
marcou sua carreira foi
‘Brasileirinho’, realizada
em 1950. Seu maior legado
artístico foi a criação do
choro cantado ligeiro, o
que propiciou a popularização e a perpetuação
deste gênero musical considerado o mais genuinamente brasileiro.
Rua Quinze de Novembro
35, Centro/Niterói.

a.alberto.sousa@bol.com.br

Quintaventos na Sala Leila Diniz
• Formado, em 2011,
por Ana Beatriz Terra
Crippa (oboé); Filipe
Alves (trompa); Renato
Reis (clarinete); Rodrigo Rodrigues (fagote) e
Timóteo Pereira (flauta), o ‘Quintaventos’
tem dedicado parte do
seu repertório à música brasileira, seja com
peças originalmente
compostas para a
formação, ou com arranjos de músicas populares. O grupo tem
passagem por diversos
centros culturais de

Niterói e do Rio de
Janeiro, além de participações em importantes festivais de música
instrumental.
Temas como ‘Suíte
para Quinteto de Sopros’ (Radamés Gnattali); ‘Sapato Velho’
(Paulo Tapajós); ‘Quatro Danças Brasileiras’
(Hudson Nogueira),
entre outras, fazem
parte do repertório
do concerto. Entrada
franca.
Rua Heitor Carrilho
81- Centro/Niterói.

O grupo ‘Quintaventos’ será a atração na
Sala Leila Diniz, nesta quinta-feira, dia 25, às 12h30

Foto: Divulgação/IMMUB

Rodrigo Maia faz palestra na OAB/Niterói

EXPOSIÇÃO
Ademilde Fonseca 

ALBERTO ARAÚJO

• Com vernissage no dia 9 de
abril, às 19h, o artista plástico
Antonio Machado apresenta
“Cor e Liberdade - Pinturas
Recentes de Antonio Machado”, no Museu do Ingá, com
curadoria de P.R.Cecchetti. A
exposição poderá ser vista até
30 de abril, de terça a sexta-feira, das 10h às 17h, aos sábados,
domingos e feriados, das 13h
às 17h. O artista Machado fará
visitação mediada em dois sábados, dias 11 e 25 de abril, às
14h30. Vale conferir! 
Rua Presidente Pedreira 78,
no Ingá.

A reforma política será tema de palestra do deputado federal
Rodrigo Maia (DEM-RJ) na OAB/Niterói, nesta segundafeira, dia 23, às 18 horas, no auditório da instituição. Ele é o
presidente da Comissão sobre a Reforma Política da Câmara.
A iniciativa é do presidente da Comissão de Petróleo e Gás da
OAB/Niterói, Luis Meato.

UMAS & OUTRAS... UMAS & OUTRAS... UMAS & OUTRAS...

Antonio Machado

O “Amor” está no ar da
Sala de Cultura Leila Diniz
• Até o dia 10 de abril
o amor tomará conta da
Sala Leila Diniz, com a
exposição “Amor”, do
artista Carlos Valença que,
ao longo dos últimos dez
anos, vem apresentando
obras que convidam à
percepção da trajetória do
próprio artista costurando
momentos, observações
do cotidiano tendo o
amor como ferramenta de
descoberta e construção.
A expectativa é trazer ao
público uma reflexão sobre

a retomada do que Carlos
considera como a nossa
matéria original: o amor.
Certamente o público verá
mundos incomuns, de
encontros e desencontros.
É uma vã tentativa de
plastificar o que o coração
sente. Vale conferir com
o coração aberto e (por
que não?) cheio de amor?
Funcionamento: de
segunda a sexta, das 10h às
17h, com entrada gratuita.
Rua Professor Heitor
Carrilho 81- Centro.

Vitória - O presidente da OAB/
RJ, Felipe Santa Cruz, resolveu
dar um presentão a Niterói. Vai
transformar o Centro em Prática de Processo Eletrônico José
Carlos Guimarães da OAB da
cidade em Escola de Inclusão
Digital. Funcionará no térreo
da Casa dos Advogados, espaço que era ocupado pela ótica.
Livro - O jurista José Ribamar
Garcia acaba de lançar o romance “E depois, o Trem”. Desta vez
conta a história da família.
Homenagem - A Associação
dos Procuradores do Município de Niterói homenageou o
presidente da OAB/Niterói,
Antonio Jose Barbosa da Silva
com o Prêmio Jurista Oswaldo
Aranha Bandeira de Mello, pela
“militância em defesa das prerrogativas da advocacia e ideais
republicanos”. A cerimônia foi
no Hotel H, no Ingá.
Tributo a Pink Floyd – Neste
sábado 21 retorna aos palcos da
Casa Maestrina, em Itaipú, repetindo o show Pulse realizado
em outubro passado, tocando
na íntegra todo o CD 1 e 2 do

Pulse, e, com uma novidade: a
execução da novíssima música
“ Louder Than World”. Esperamos por você!!!
Recital - O Grupo de Arte e
Resistência e Informações Poéticas – G.A.R.IN.P.O – promoveu
belíssimo recital na Biblioteca
Pública, recebendo convidados
para declamar e cantar. Seus integrantes são: Levi Alucinação
(coordenador); Mariney Klecz; o
ator Sérgio Carlos; Juber Baesso;
Carmen Brazil e Lúcia Antonieta. Um sucesso!!!
Entrelinhas - A Galeria de Arte La Salle recebe, entre os
dias 17 de março e 30 de abril, a
exposição “Entrelinhas”, com
trabalhos da artista plástica e
arquiteta Lenora Barreda. Por
meio da sobreposição linear de
peças de madeiras, recolhidas
em canteiros de obra, a artista
expressa o exercício da geometrização e revela a essência
de seu trabalho na articulação
entre linhas, formas e cores. A
mostra pode ser vista de segunda a sexta-feira, das 9h às 21h, e
aos sábados, das 9h às 12h, com
entrada gratuita.

Santa Rosa

2a QUINZENA DE MARÇO • 2015

Curso de Extensão
em Gastronomia no
Unilasalle-RJ
• O Unilasalle/RJ oferece, entre os
meses de março deste ano e setembro de 2016, o curso de extensão
“Chef de Cozinha”, cuja proposta é
formar o aluno com as habilidades
e competências para se tornar um
verdadeiro chef. Com uma grade
curricular que abrange as técnicas
e práticas culinárias, assim como
as culturas de diferentes países e
os fundamentos das tradicionais
escolas de cozinha, o curso possibilita uma formação ampla e
completa. Além das aulas teóricas,
em sala equipada com recursos de
audiovisual, e das aulas práticas,
em nossa Cozinha Experimental,
o programa inclui ainda atividades complementares como visitas
técnicas a locais de referência para
a Gastronomia do Rio de Janeiro.
As aulas acontecerão sempre as
terças e quintas-feiras, das 9h às
12h. O investimento do curso é
de 18x de R$ 426,67 (para público
externo) e 18x de R$ 392,53 (para
alunos, ex-alunos e conveniados).
Desconto de 12% para pagamentos
à vista. Informações: 0800 7093773.
Inscrições: unilasalle.edu.br/rj/
extensao/.
Rua Gastão Gonçalves 79,
em Santa Rosa.

Oficina de Graffiti
O Centro Cultural Paschoal
Carlos Magno abriu suas portas para receber a Oficina de
Graffiti, de Gustavo Gut, da
Máfia 44, todas as sextas–feiras, das 15h às 17h. O projeto,
que teve início em 2014, tem
como proposta ensinar aos interessados a parte prática e teórica da expressão “graffiteira”.
Técnicas de como fazer uma
pintura artística com spray, estudos das cores e tipografias
são alguns dos tópicos que estão no cronograma da oficina.
Com faixa etária mínima de 13
anos, o investimento é de $180
mensais. Todas as sextas-feiras do ano de 2015, das 15h às
17h, com entrada fanca, na Sala
Hilda Campofiorito, Rua Lopes
Trovão s/n, em Icaraí.

Curso Básico de Esperanto
O Clube de Esperanto de Niterói,
sob a direção de Neide Barros
Rêgo, oferece cursos gratuitos, com
duração de quatro meses, sendo
uma aula por semana. A sede do
Clube fica na Avenida Amaral
Peixoto 207 – Sala 1.609 (Edifício
Albert Sabin) – Centro /Niterói.
Peça logo a sua ficha de inscrição,
preencha e envie à diretora de cursos: Neide Barros Rêgo.
Contato: 2711-2378 e 98606-9999 –
email neidebarrosrego@terra.com.br

LBV entrega kits de
materiais pedagógicos
para crianças em Niterói
•  A Legião da Boa Vontade
(LBV) em Niterói promoveu
neste mês a confraternização
da Campanha Criança Nota 10
- “Educar alimenta o futuro!”,
onde as crianças atendidas na
instituição receberam kits escolares e uniformes.
A campanha tem como objetivo contribuir para o desenvolvimento escolar da criança;
estimular a permanência na escola, contribuindo para a redução de índices de evasão escolar
e de analfabetismo no país, além
de incentivar a participação da
família nas ações sócio-educacionais promovidas pela LBV;
melhorar o rendimento escolar
e contribuir para a melhoria da
autoestima da criança e da famí-

lia. Esse incentivo também vem
no kit que é composto de acordo
com a faixa etária do aluno, são
eles: mochila, cadernos, estojo,
caixa de giz de cera, lápis de cor
e canetinhas hidrocor, dicionário
de português (com a nova ortografia), entre outros itens.
Esta campanha atende crianças de seis a doze anos de idade
que cursam as séries iniciais no
Ensino Fundamental (1° ao 5°
ano), que estejam matriculadas
na escola e inscritas no Programa LBV: Criança Futuro no
Presente.
Em Niterói, o Centro Comunitário de Assistência Social
da Legião da Boa Vontade está
localizado na Alameda São Boaventura, 474 – Fonseca/Niterói.

Sindilojas/Niterói abre inscrições para cursos rápidos
O Sindilojas/Niterói está com
inscrições abertas para um pacote
de cursos rápidos ao longo deste
mês, todos eles sobre temas de
imediata aplicação no dia a dia
do Comércio. Para a segunda
quinzena, há vagas para “A Arte
de Gerenciar Pessoas” (dia 24)
e “Marketing Pessoal – Imagem
Corporativa e o Sucesso Profissional” (dia 31). Com turmas pela
manhã (das 9h às 12h30) e à tarde
(das 14 às 17h30), cada um terá

três horas e meia de duração, com
pausa para café.
Por curso, o investimento por
pessoa é de apenas R$ 45,00 (para
associados do Sindilojas/Niterói), ou R$ 90,00 (para os não
-associados ao Sindicato).
Inscrições pelo e-mail comercial@sindilojas.org.br, pelo telefone 2717-5357 ou ainda no
próprio Sindilojas, onde serão
ministrados os curso à Rua Dr
Borman 6/301 - Centro.

9

10

Santa Rosa

2a Quinzena DE MARÇO • 2015

Sinmed de Niterói, São Gonçalo e
Região comemora 44º aniversário

Meteorologia
H. Francisconi

E

m algum momento da década de 1960, Sérgio Porto
- o Stanislaw Ponte Preta - escreveu que “o serviço
meteorológico anda muito meteoro e pouco lógico”.
Cinquenta anos depois, a razão continua ao seu lado, onde
quer que esteja ele agora.
A minha primeira visita matinal, no vastíssimo campo dos
sítios virtuais, costuma ser ao “Climatempo”. Menos por
qualquer tipo de precaução e mais pela ânsia mesmo por
temperaturas baixas, que possam variar entre 12 e 20 graus.
A princípio, reconheço, uma utopia nestas terras de Arari­
boia. Mas a crua e fria verdade é que eu não gosto do ca­
lor. Certo, os raios solares deixam excitados, para o bem, o
complexo de vitamina D em nosso organismo e coisa e tal.
As plantas necessitam do raio desses mesmos raios e a eva­
poração das águas é imprescindível à renovação climática.
Mas acontece que eu não sou um comprimido de vitamina
D, ou uma plantinha no meu jardim, tampouco uma gota de
chuva que, periodicamente, se transforma em névoa e de­
pois em água novamente. Eu gosto do frio! A esta altura,
o leitor deve estar me perguntando: “por que você não se
muda para a patagônia chilena ou para um dos polos gela­
dos?” Ora, primeiro porque não pretendo morrer por aquilo
de que gosto; segundo, como afirmei acima, espero sempre
por um clima variante entre 12 e 20 graus. Além do mais,
encabeço uma prole que adora uma praia, areia escaldante,
asfalto fervilhante e tudo o mais que termine como termina
a palavra sufocante. Tenho que ficar por aqui...
Mas estou falando de previsões, e o homem é incapaz de
prever um segundo à sua frente, que dirá uma semana, a
despeito de nossa arrogante tecnologia. Antes de sua crí­
tica, caríssimo leitor, pense bem: a nossa famigerada e ofi­
cial “previsão” de tornados ou furacões sobre cidades não
significa ‘pressentimento’ dessas precipitações, mas apenas
acompanhamento, via satélite, daquilo que já teve o seu iní­
cio em algum ponto do oceano sem aviso prévio! Evidente­
mente, isso não é uma ‘pré – visão’.
O meu sitiozinho de previsões vive a me iludir. Não bas­
tassem as notícias capengas, que ora me informam e ora me
desinformam aquilo que primeiro me informaram, e o friozi­
nho que prometem e cuja sensação térmica, nestas terras,
atinge descabidos 55º, eu pergunto: precisa mais?...
Sem dúvida, há mais meteoros entre o céu e a Terra do
que supõe a nossa vã astronomia.
Hilário Francisconi é escritor
francisprov@hotmail.com

• Neste domingo, dia 22, o
Sindicato dos Médicos de Niterói, São Gonçalo e Região
completa 44 anos de fundação.
Criado em 1971, numa pequena sala na Rua da Conceição,
no Centro de Niterói, por um
grupo de abnegados, o Sinmed
avançou nas lutas em defesa
da classe. Hoje se destaca nos
cenários regional e nacional
também reivindicando melhor
qualidade no atendimento para a população, com melhorias
no Sistema Único de Saúde.
O Sinmed é uma entidade
que, há quatro décadas, mantém acesa a chama da dignidade médica, por isso que,
com suas denúncias, sempre
verdadeiras e em prol da medicina e dos médicos, passou a
ser respeitado e acatado pelos
governantes.
Sua atual diretoria não recebe qualquer forma de remuneração. E é importante
sempre ratificar este fato, pois

Dr. Clóvis Abrahim Cavalcanti

são médicos que se dedicam
e se empenham com grande
abnegação para as melhorias
em todos os sentidos da classe
e, diretamente, para quem trabalha na Saúde. Melhorando o
atendimento para a população,
os profissionais da área médica
também são beneficiados.
O pediatra Clóvis Abrahim
Cavalcanti, presidente do Sin-

med, conclama que “todos os
médicos participem e denunciem. Que venham fazer parte
desta luta que é de todos, acima de partidos e facções ideológicas, mas somente em prol
do bem comum à Saúde que
é Direito de todos e dever do
Estado. Quando todos lutam
juntos, são maiores e mais rápidas as vitórias”.

Terapia de Grupo para a Terceira Idade
– Um novo olhar para um novo tempo –
• Por que terapia de grupo?
Resgatar as vivências de que
forma? Trocando experiências
e valorizando sua melhor idade: a maturidade, com muita
saúde, muito bom humor, solidariedade e essencialmente
com muito, muito afeto. O afeto vivido ao longo do tempo
ao “rigor da moda” aprisionava seu tempo, seus desejos. O
parâmetro da juventude é justamente estar na “moda” do
seu tempo. Na maturidade,
você é quem dita a sua moda,
você é o dono da sua moda, é
um processo de libertação. E
isso, compartilhado grupalmente, com diferentes pessoas
das mais diversas vivências,
torna-se um prazeroso e generoso aprendizado coletivo.
A solidariedade, a gene-

rosidade, tão libertadoras
e assimiladas ao longo do
aprendizado de nossas vidas
em “batalhas” fáceis ou difíceis, são o legado para nós
mesmos e para as gerações
adiante, eis o nosso processo
de vida. Um processo paciente, em que o lidar com o tempo torna-se uma das maiores
virtudes do ser humano: da
infância à maioridade, tempo
da maturidade.
Niterói segue o seu tempo
de criar o novo e abre caminho para o novo: Terapia de
Grupo para Terceira Idade,
sob a coordenação do médico psicoterapeuta, Daniel
Chutorianscy. “Valorizar a
maturidade é valorizar o ser
humano em todas as suas
facetas”. No grupo, ressalta

Daniel, “o outro ouve o que
você tem guardado dentro
de si. No momento seguinte,
o outro conta e você ouve
atentamente, e, nessa troca, constrói-se o verdadeiro
processo de aprendizado: as
semelhanças e diferenças”.
Daniel Chutorianscy é um
ativista assíduo da sua própria terceira idade, com experiências e projetos rea­lizados.
”Sempre é tempo de criar o
novo, de um novo olhar, de
mudança, e à medida que
mudamos, temos outra visão
de perceber o mundo. Esperamos por você!
Dr. Daniel Chutorianscy
Psiquiatra - CRM 52-27647-7
Contatos: 99996-6514 ou 26105941. E-mail trenzinhocaipira@
vnet.com.br

Honrarias - O presidente da OAB/Niterói, Antonio José Barbosa da Silva, o nosso Toninho,
recebeu, recentemente, duas merecidas homenagens. Primeiro, das mãos do Reitor Alexandre
Rurikovich Carvalho, o título honorífico de ‘Embaixador da Paz’, pelo Centro Sarmathiano de
Altos Estudos Filosóficos e Históricos, ligado à ONU, por ser personalidade promotora da paz.
Logo depois, recebia o título de ‘Amigo Belas Artes e Belas Letras’, da Academia Niteroiense
de Belas Artes, Letras e Ciências, cabendo ao presidente desta entidade, Edson De Luna Freire, a entrega da justa homenagem, tendo em vista os serviços prestados à cultura. Parabéns!

11

Santa Rosa

2a QUINZENA DE MARÇO • 2015
Foto: Leo Zulluh

Jornal Santa Rosa: Quando e
como surgiu a paixão pela arte em madeira?
Ademas Pereira da Costa: Já na
infância sempre tive curiosidade em mexer com madeiras, e acabou virando
uma paixão até hoje em minha vida, no âmbito da arte.
JSR: Quais fatores propiciam inspiração para as suas
obras?
APC: Vários são os fatores
que motivam minha inspiração. Estou sempre ligado,
desde o retrô à atualidade,
não havendo fronteiras.
JSR: Tem preferência por
alguma modalidade do trabalho?
APC: Sim: Reproduzir rostos de pessoas e fazer réplicas de móveis antigos.
JSR: Qual a média de tempo
gasta nas obras?
APC: Geralmente uma
média de três semanas,
com exceção de ‘A Santa
Ceia’, uma obra que levei 4
meses para terminar.

ENTREVISTA:

ADEMAS PEREIRA DA COSTA NETO

P

rocurador do legislativo da cidade de Niterói
( Pre s i d e n t e d a C o missão de Inquérito Administrativo Disciplinar) 35 anos
no cargo, advogado criminalista,
detentor do título de Cidadão
Benemérito da cidade, e artista
plástico. Sua arte, exposta em
seu ateliê, é voltada na madeira, com quadros esculpidos
e móveis fazendo as linhas
retrô e contemporânea. Com
estilo exclusivo, suas obras
são facilmente reconhecidas
e valorizadas. (Por Belvedere
Bruno – belvederebruno14@
gmail.com)

Cada obra é
uma satisfação
inenarrável para
mim. Fico parado
e ‘namorando’.

JSR: Onde são expostos e como são comercializados os seus
trabalhos?
APC: Sempre tenho convites
para expor, mas de maneira
fixa exponho em meu ateliê
ou através da internet, tendo
um bom resultado de vendas.
JSR: Quais as maiores dificuldades encontradas nesta trajetória?

Circo Volante chega em Niterói
• Entre os dias 19 e 29 de
Março, a cidade de Niterói
recebe o CIRCO VOLANTE, projeto que desde março de 2014 tem levado a
magia do circo às cidades
do Estado do Rio de Janeiro
apresentando algumas das
melhores companhias do
país. Em Niterói, os amantes do Circo poderão conferir o trabalho da Cia de
Teatro de Anônimo, com
“Intermezzo” cuja base é
a palhaçaria explorando a
comicidade através de técnicas de dança, equilíbrio,
magia e acrobacia; da Cia
Circo no Ato, com o espe-

táculo “Um Dia de João”,
uma linda história sobre um
novo olhar sobre o cotidiano; e da Cia Circo Rebote,
com “Columpio”, onde dois
palhaços, em números de
trapézio, contorcionismo
e malabarismo, aliados à
música, divertem os espectadores.
A Cia Teatro de Anônimo, com seu espetáculo
'Intermezzo' se apresentará
nos dias 19, quinta-feira, às
16h e na sexta-feira, dia 20,
às 20h.
Já a Cia Circo No Ato,
com sua apresentação 'Um
Dia de São João' estará em

cartaz nos dias 21, sábado,
às 20h; 22, domingo, às 19h;
26, quinta-feira, às 16h; 27,
sexta-feira, às 20h.
Por fim, a Cia Circo de
Rebote trará ao público seu
show nos dias 28, sábado,
às 20h e dia 29, domingo,
às 19h.
As apresentações acontecem no Teatro Oscar Niemeyer, na Av. Jornalista
Rogério Coelho Neto, s/
nº - Centro – Niterói.
Os preços são imbatíveis:
R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00
(meia) para todos os espetáculos. A criançada vai
adorar! Não dá pra perder!

JSR: Em todos os seus trabalhos realizados, qual o que
mais o tocou  emocionalmente?
APC: ‘A Santa Ceia’, não
só pelo desafio em fazê-la e
o tempo que levei, mas pelo que ela representa.
JSR: Considera a arte como
um processo de libertação?
APC: Sim e mais que isso, uma terapia. Posso estar bem e feliz ou mesmo
aborrecido com alguma
coisa, mas em cada obra
ou mesmo fazendo manutenção em minhas ferramentas, em minha mente e
coração só tem espaço para
as coisas positivas da vida.

APC: Conciliar o tempo com
o meu outro trabalho.
JSR: Como se sente ao término
de cada obra?
APC: Cada obra é uma satisfação inenarrável para mim.
Fico parado e ‘namorando’. E,
acredite, tem obras que prefiro não ver... rsrsrs

JSR: Deixe uma mensagem
aos leitores.
APC: A nossa tendência
é sempre buscar a felicidade. Busquei e ainda busco,
através da Arte, e para encontrá-la, necessário se torna manter acesa a chama da
esperança... A esperança é a
única forma de se ter coragem para enfrentar o futuro
e a maior dádiva que Deus
nos deu. As estrelas são
provas de que a luz rompe
a escuridão. Devemos continuar a  irradiar amor por
onde transitarmos. Sejamos 
como as estrelas, que embora pequeninas aos nossos
olhos, na verdade possuem
uma grandiosidade infinita. Sendo assim, seremos
sempre a estrela de nossas
próprias vidas!

12

2a Quinzena DE MARÇO • 2015

Santa Rosa

Exposição reúne fotos
feitas por jovens de
comunidades com UPPs

Mais de 200
imagens estão na
mostra, que pode
ser conferida no
Museu da República
Foto: Bruna Basílio

MAC: uma das
maravilhas
arquitetônicas
do mundo

MAC vai virar
Patrimônio Nacional
• O Superintendente Regional do Instituto do Patrimônio
Histórico e Artístico Nacional
(IPHAN), Ivo Barreto, esteve
no MAC de Niterói para uma
reunião sobre o tombamento
do museu e as obras que serão
realizadas no local.
Na inédita reforma, estão
previstos um novo sistema de
ar condicionado, a troca do
piso, acessibilidade, iluminação de led, retirada das grades e a impermeabilização
do teto do Museu. O programa de trabalho faz parte do
Plano de Governo 2015 para
a celebração dos 20 anos do
MAC, que será comemorado
em 2016.

De acordo com Barreto, ainda no mês de março, será publicado no Diário Oficial uma
notificação que configura um
tombamento provisório do
Museu. Após ser analisada a
integridade do bem e ao fim da
reforma, o MAC já estará tombado como patrimônio histórico. Os integrantes do IPHAN,
incluindo Ivo Barreto, visitaram todas as dependências do
museu (subsolo, bistrô, pátio
externo, recepção, salão principal, varanda e mezanino),
acompanhados pelo diretor do
MAC, Guilherme Vergara, e
pela diretora de unidades da
Fundação de Arte de Niterói
(FAN), Roberta Martins.

Cursos nas áreas de
Arquitetura e Engenharia
• O palestrante, escritor e engenheiro Ênio Padilha realizará, em Abril, dois cursos
ligados à sua área de formação.
O primeiro deles
é ‘Como Negociar e
Vender Serviços de
Arquitetura, Engenharia e Design de
Interiores’, nas seguintes cidades:
Cabo Frio: 13 de
abril, das 14h às
22h; Macaé: 14
de abril, das 14h
às 22h; Campos: 15 de abril,
das 14h às 22h. Os locais ainda
serão definidos e divulgados.
O segundo, abordará o tema
‘Como Aumentar a Produtividade em Escritórios de Arquitetura,
Engenharia e Design de Interiores’, nas seguintes cidades: Rio
de Janeiro: 17 de abril, das 9h
às 18h; no Centro; Niterói: dia
18 de abril, das 9h às 18h, no
Hotel H, no Ingá.
Os cursos são destinados a
profissionais e estudantes de

Arquitetura, Engenharia, Design de Interiores e Decoração.
O custo destes cursos, com inscrições até 31 de março, será de

R$ 600,00. Após esta data, será
de R$ 700,00. Poderá ainda ser
parcelado no cartão de crédito
em até 05 vezes sem juros ou
pago via depósito ou boleto
bancário, sendo 50% para garantir a vaga e o valor restante
até o dia 05 de abril. Garanta já
a sua vaga!
E-mail: contato@arquitetosecia.arq.br ou ligue: (21) 26193387/98702-6788) informando
nome, curso e cidade que fará o
curso e a forma de pagamento.

A fotógrafa Hikaru Nagatake e jovens participantes da oficina

• O Jardim do Museu da República, no Catete, é cenário
de uma exposição diferente. A mostra Conexões de
Olhares reúne mais de 200 fotos feitas por crianças e adolescentes de 12 comunidades
pacificadas. As imagens mostram a cidade e o lugar onde
vivem, sob um ponto de vista
diferente dos cartões-postais
tradicionais.
A mostra, que fica aberta à
visitação até o dia 3 de maio,
reúne imagens das comunidades Santa Marta, Tabajaras, Mangueira, São Carlos,
Formiga, Andaraí, Complexo
do Alemão, Providência, Cidade de Deus, Macacos, Morro Azul e Borel. Iniciativa do
Sistema Firjan, por meio do

programa Sesi Cidadania, a
exposição é um presente ao
Rio de Janeiro pelos seus 450
anos. 
Os jovens, com idade entre
10 a 16 anos, participaram de
oficinas de fotografia ministradas pela fotojornalista japonesa Hikaru Nagatake, que
realiza em várias partes do
mundo o Wonder Eyes Project. A iniciativa tem o objetivo
de desenvolver a criatividade
de crianças e adolescentes por
meio da fotografia. Com câmeras simples, eles retratam
sua visão sobre a beleza do
ambiente onde moram.
Um dos fotógrafos é o estudante Fabrício de Souza Sepúlveda, de 15 anos, morador
do Andaraí.  A experiência o

marcou tanto que agora ele
quer ser fotógrafo.
- Quando as pessoas olharem para as minhas fotografias vão sentir uma energia
positiva - disse Fabrício. Experiência aprovada - Morador do Morro Azul, Cleiton
Sobrinho Macário, 13 anos,
também participou do projeto Wonder Eyes, em 2013. 
Ele aprovou o curso e repetiu a oficina.
- Minha foto preferida é a
do Cristo Redentor, que eu
tirei em cima de uma laje. De
lá, dá para ver o Pão de Açúcar e a Praia de Copacabana
também - afirmou Cleiton. 
O Museu da República fica na Rua do Catete 153, no
Catete. 

E a Páscoa vem aí...
A Fundação Evangélica de Ação Social El Shadai (FENASE), responsável por mais de 80 crianças de famílias carentes, sobrevive sem
apoio governamental e/ou político, solicita aos amigos e colaboradores
uma ajuda para que nesta Páscoa, possa oferecer ovos de Páscoa às
crianças. A FENASE tem conta no Bradesco: Ag. 309 e C/C 141.252-3.
Qualquer ajuda é sempre bem vinda quando o sorriso de uma criança é
o resultado de sua ação. Vamos lá gente, a causa é nobre!

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful