P. 1
O exemplo da palmeira

O exemplo da palmeira

|Views: 683|Likes:
Publicado porlailahadassa

More info:

Published by: lailahadassa on Mar 26, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

06/14/2012

pdf

text

original

R A N Q U I L A

O ee p d xm l a o p l er am ia
T é r c i o Sarli justo florescerá como a palmeira." Sal. 92:12. Foi pela contemplação da Natureza, enquanto pastoreava os rebanhos de seu pai, que Davi foi levado a fazer essa bela comparação entre o justo e a palmeira. Pela força vital, pela longevidade, pelos abundantes frutos, pela variada utilidade, pelo porte nobre e atraente, a palmeira é um símbolo dos que amam a Deus e andam em Seus caminhos. Eis algumas das qualidades dessa árvore majestosa, que ilustram a vida do verdadeiro cristão: 1. A palmeira cresce no deserto - onde não há chuva, ela floresce. A o seu redor há só areia escaldante, mas sua copa é sempre verde, porque suas raízes se aprofundam em busca da água e do alimento revitalizantes. Assim o cristão. Vive neste mundo árido. A o seu redor prolifera toda espécie de males, mas ele floresce e viceja porque busca a seiva de sua vida nas profundezas, nas fontes refrescantes da comunhão com Deus, ocultas aos olhos humanos, mas poderosas e inesgotáveis. A oração e o estudo da Palavra de Deus nos colocam em contato com o manancial da água viva: Deus. 2. A palmeira é de grande utilidade para o homem. Dizem os hindus que ela pode ser utilizada em 360 maneiras diferentes. Sua sombra protege os viajantes cansados. Seu fruto alimenta. Sua presença é semabril97

o

pre motivo de alegria e esperança para as caravanas errantes do deserto. As palmeiras formam os oásis, nos quais há sempre uma fonte a jorrar. Assim é o cristão. Sua presença é uma bênção constante aos que vivem ao seu redor. Ele espalha alegria e esperança aos que estão cansados e desanimados. Ele se transforma em uma fonte de água viva, como afirmou Jesus à mulher samaritana. Mas tudo isso não é originário dele; ele recebe de sua comunhão com Deus. 3. A palmeira produz frutos. E seus frutos mais saborosos são produzidos dos 30 aos 100 anos de idade. U m só cacho de tamareiras pode pesar até 200 quilos. E a palmeira produz frutos a vida inteira. E em média ela vive mais de 100 anos. Assim, quem está em Cristo também "produz muitos frutos". A Bíblia fala desses frutos como o fruto do Espírito, como o amor, a bondade, a longanimidade, o domínio próprio, a paz e a alegria. Se permanecemos em Cristo nossa vida inteira pode ser de inspiração e ajuda aos que co-

nosco convivem. "Na velhice ainda darão frutos, serão viçosos e florescentes." Sal. 92:14. 4- A palmeira da tâmara, quando ferida, deixa correr do corte um líquido doce e aromático. Assim o cristão. Ele paga o mal com o bem. Como Cristo, ele também pode d i zer: "Pai, perdoa-lhes porque não sabem o que fazem". Que símbolo mais apropriado poderia haver dos verdadeiros filhos de Deus? N o Oriente a palmeira é chamada "árvore abençoada". E realmente assim é. O sertanejo, mais do que outras pessoas, em nossos vastos sertões, usufrui das dádivas da palmeira. Com seu tronco constrói sua casa. Com suas folhas, a cobre. Dela tira a lenha para o fogo, e dos seus cachos, os frutos para o alimento da família e o óleo para iluminar a casa, à noite. Que nós possamos ser assim como as palmeiras. Que cresçamos em beleza e vigor, em utilidade, em experiência, em frutos, e, como suas copas verdes que contrastam com o azul do céu, possamos nós também subir sempre em direção a Deus. SS
Tércio Sarli, presidente da União Central-Brasikira

Cartas dos Leitores: "Queridos irmãos e amigos do Clube da Hora Tranqüila, é muito gratificante participar desse momento de oração, louvor e estudo da Palavra de Deus. Fico muito feliz porque o Clube nos incentiva a reservarmos um momento, que é maravilhoso, para Deus. Peço a todos os participantes que juntos oremos para que nossa fé cresça mais e mais até a breve volta de Jesus." Edenilson Gianini - Prefeitura Municipal - 85485-000 Três Barras do Paraná, PR. "Escrevo para agradecer a Deus em primeiro lugar e também a vocês, pelo espaço na Revista Adventista para a Hora Tranqüila. Sou leitora assídua da mesma, e graças a Deus faço parte do Clube. Tenho sentido o poder e ajuda dos Céus para vencer as provações da vida. Gostaria que orassem por mim e pela minha família." - Terezinha Domingues Costa - R. Mesopotâmia, 93 - Vila São José - 0 4 8 3 7 - 1 4 0 - S ã o Paulo, SP.

Nota aos Leitores: Como vai sua Hora Tranqüila? Não desanime. Se parou por algum tempo, volte e persevere. É sempre possível, no mundo em que vivemos, que os cuidados da vida sufoquem a semente da comunhão e da oração. Mas peça a Deus que o ajude a permanecer em Cristo, em constante ligação com Ele, assim como as palmeiras estão ligadas às fontes profundas da terra.

Escrevam para:

A Hora Tranqüila
Caixa Postal 101 13160-000 - Artur Nogueira, SP

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->