Você está na página 1de 102
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS OBJETIVO DA MATÉRIA • Transmitir ao aluno o conhecimento técnico
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
OBJETIVO DA MATÉRIA
• Transmitir ao aluno o conhecimento técnico necessário
para o entendimento dos sistemas componentes das
aeronaves e suas partes;
• Transmitir conhecimento para eventuais soluções de panes
nos sistemas;
• Atingir a aprovação com excelência na banca examinadora
da ANAC.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS DIVISÃO DO CONTEÚDO • CLASSIFICAÇÃO DE AERONAVES • ESTRUTURA DA
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
DIVISÃO DO CONTEÚDO
• CLASSIFICAÇÃO DE AERONAVES
• ESTRUTURA DA AERONAVE
• CONTROLES DE VÔO
• TRENS DE POUSO
• MOTORES
• SISTEMAS (ELÉTRICO, HIDRÁULICO, CARBURAÇÃO/INJEÇÃO,
EXTINÇÃO DE FOGO, LUBRIFICAÇÃO, ARREFECIMENTO,
COMBUSTÍVEL, IGNIÇÃO E INSTRUMENTAÇÃO);
• MOTORES À REAÇÃO E SEUS SISTEMAS.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS CLASSIFICAÇÃO DAS AERONAVES AERONAVE – TODO APARELHO CAPAZ DE SE
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
CLASSIFICAÇÃO DAS AERONAVES
AERONAVE – TODO APARELHO CAPAZ DE SE LOCOMOVER
ATRAVÉS DO AR.
DIVIDEM-SE EM:
AERÓDINOS – APARELHOS MAIS PESADOS QUE O AR
PRINCÍPIO DA AÇÃO E REAÇÃO
AERÓSTATOS – APARELHO MAIS LEVES QUE O AR
PRINCÍPIO DE ARQUIMEDES
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS AERÓDINOS Terceira Lei de Newton – Toda ação corresponde à
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
AERÓDINOS
Terceira Lei de Newton – Toda ação corresponde à uma
reação de intensidade igual e sentido contrário.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS AERÓSTATOS Princípio de Arquimedes – Todo corpo mergulhado em um
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
AERÓSTATOS
Princípio de Arquimedes – Todo corpo mergulhado em
um fluido recebe um empuxo para cima igual ao
peso do fluído deslocado.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS COMPONENTES DA AERONAVE Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
COMPONENTES DA AERONAVE
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS ESTRUTURA DA AERONAVE: • Asas • Fusela em g •
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
ESTRUTURA DA AERONAVE:
• Asas
• Fusela em
g
• Empenagem
• Superfícies de Controle
• Dispositivos Hipersustentadores
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Podemos também dividir a aeronave em 3 grandes grupos: •
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Podemos também dividir a aeronave em
3 grandes grupos:
• Estrutura (Célula)
• Grupo Moto-propulsor
• Sistemas
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS ASAS Componente da aeronave que tem a finalidade de produzir
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
ASAS
Componente da aeronave que tem a finalidade
de produzir a sustentação necessária ao vôo.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS REVISÃO – PARTES DAS ASAS Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
REVISÃO – PARTES DAS ASAS
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS A ASA Pode ser fabricada em madeira, metálica (Tupi, C-152,
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
A ASA
Pode ser fabricada em madeira, metálica (Tupi, C-152,
Baron
)
ou materiais compostos (Cirrus).
Elas são constituídas das seguintes partes:
• Longarinas (torção)
• Nervuras (formato aerodinâmico)
• Montantes (compressão)
• Tirantes (tração)
Asa com revestimento em tela
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS CLASSIFICAÇÃO QUANTO À ASA • Quanto a Localização: • Quanto
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
CLASSIFICAÇÃO QUANTO À ASA
• Quanto a Localização:
• Quanto ao Nº. de Asas:
Asa
Baixa
Asa
Média
A
sa
Al
ta
Monoplano
Biplano
l
Multiplano
T i
r p ano
Asa
Pára-sol
• Quanto a Fixação:
• Quanto a Forma:
Cantiléver
Semi Cantiléver
(com montantes)
Retangular
Trapezoidal
Elíptica
Delta
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Quanto à localização: Asa Baixa Asa Média Asa Alta Asa
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Quanto à localização:
Asa Baixa
Asa Média
Asa Alta
Asa Parassol
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Quanto ao Número de Asas: Monoplano Biplano Multiplano – 4
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Quanto ao Número de Asas:
Monoplano
Biplano
Multiplano – 4 ou mais asas
Prof. Nadais
Triplano
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Quanto à Fixação: Semi-Cantilever: Com suportes Cantilever Prof.
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Quanto à Fixação:
Semi-Cantilever: Com suportes
Cantilever
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Quanto à Forma: Delta Elíptica Retangular Trapezoidal Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Quanto à Forma:
Delta
Elíptica
Retangular
Trapezoidal
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS FUSELAGEM Parte do avião onde estão fixadas as asas e
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
FUSELAGEM
Parte do avião onde estão fixadas as asas e a
empenagem.
Ela abriga tripulantes, passageiros, carga e os
sistemas do avião.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS TIPOS DE FUSELAGEM • Estrutura Tubular – Tubos de aço
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
TIPOS DE FUSELAGEM
• Estrutura Tubular – Tubos de aço soldados
• Estrutura Monoco ue – Somente cavernas e
revestimento
q
• Estrutura Semi-Monocoque – Cavernas +
longarinas e revestimento
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS ESTRUTURA TUBULAR Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
ESTRUTURA TUBULAR
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS ESTRUTURA TUBULAR Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
ESTRUTURA TUBULAR
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS ESTRUTURA TUBULAR Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
ESTRUTURA TUBULAR
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS ESTRUTURA MONOCOQUE Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
ESTRUTURA MONOCOQUE
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS ESTRUTURA SEMI-MONOCOQUE Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
ESTRUTURA SEMI-MONOCOQUE
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS DIFERENÇAS DAS ESTRUTURAS Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
DIFERENÇAS DAS ESTRUTURAS
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS EMPENAGEM Conjunto de superfícies destinadas a estabilizar o avião,
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
EMPENAGEM
Conjunto de superfícies destinadas a estabilizar
o avião, mantendo sua trajetória.
Dividem-se em duas partes:
• Superfícies horizontais
• Superfícies verticais
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS PARTES DA EMPENAGEM Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
PARTES DA EMPENAGEM
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS SUPERFÍCIE HORIZONTAL Constituída pelo estabilizador horizontal e
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
SUPERFÍCIE HORIZONTAL
Constituída pelo estabilizador horizontal e profundor.
Estabilizador horizontal
Profundor
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS SUPERFÍCIE HORIZONTAL – STAB-PROFUNDOR Constituída pelo
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
SUPERFÍCIE HORIZONTAL – STAB-PROFUNDOR
Constituída pelo estabilizador horizontal e profundor
conjugados.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS SUPERFÍCIE VERTICAL Constituída pelo estabilizador vertical e o leme
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
SUPERFÍCIE VERTICAL
Constituída pelo estabilizador vertical e o leme de direção.
Estabilizador vertical
Leme de direção
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS SUPERFÍCIE SECUNDÁRIAS São os compensadores das superfícies
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
SUPERFÍCIE SECUNDÁRIAS
São os compensadores das superfícies primárias.
Tipos:
-Aileron
-Profundor
-Leme de direção
Atuação:
-Fixa
Sua atuação é contrária à da
superfície primária.
-Móvel
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS DISPOSITIVOS HIPERSUSTENTADORES Proporcionam maior sustentação à
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
DISPOSITIVOS HIPERSUSTENTADORES
Proporcionam maior sustentação à aeronave,
possibilitando decolagens e pousos com
menores velocidades e em pistas mais curtas.
Eles compreendem flapes, slats, slots e
spoilers*.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS DISPOSITIVOS HIPERSUSTENTADORES Flap – B727 Slat – B727 Prof.
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
DISPOSITIVOS HIPERSUSTENTADORES
Flap – B727
Slat – B727
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS CONTROLES DE VÔO Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
CONTROLES DE VÔO
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Compreendem as partes móveis das asas e empenagem, que tem
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Compreendem as partes móveis das asas e
empenagem, que tem por finalidade controlar
o vôo.
Classificam-se em:
- Superfícies Primárias
- Superfícies Secundárias
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS SUPERFÍCIES PRIMÁRIAS Aileron Leme Profundor Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
SUPERFÍCIES PRIMÁRIAS
Aileron
Leme
Profundor
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS SUPERFÍCIES SECUNDÁRIAS Compensadores de: Aileron, Profundor e Leme
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
SUPERFÍCIES SECUNDÁRIAS
Compensadores de: Aileron, Profundor e Leme
Leme
Aileron
Profundor
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS SUPERFÍCIES DE CONTROLE São as superfícies que se destinam a
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
SUPERFÍCIES DE CONTROLE
São as superfícies que se destinam a controlar o
voo. Dividem-se em Manche e Pedais.
Manche tipo Volante
Manche tipo Bastão
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS O Manche é utilizado para Cabrar ou Picar o avião,
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
O Manche é utilizado para Cabrar ou Picar o avião,
fazendo-o subir ou descer;
Arfagem e Tangagem também são denominações para
h
o ato
d
e
puxar
ou
empurrar
o manc e;
A Rolagem se dá pelo comando de rotação ou
deslocamento lateral (manche bastão) que também
podemos chamar de Bancagem ou Inclinação Lateral.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS “Bank angle Bank angle Bank angle ” Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
“Bank angle
Bank
angle
Bank
angle
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Os Pedais comandam o leme de direção, que por sua
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Os Pedais comandam o leme de direção, que por sua
vez proporciona o movimento de guinada da aeronave.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Funcionamento do Sistema de Controle de Voo. O sistema de
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Funcionamento do Sistema de Controle de Voo.
O sistema de controle de
voo é composto por:
Deve-se checar e ajustar:
-Cabos flexíveis;
-Alavancas;
-Hastes;
-Polias;
-Batentes.
-Tensão nos cabos;
-Alinhamento dos
comandos;
-Ajuste dos batentes;
-Balanceamento das
superfícies;
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS TREM DE POUSO Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
TREM DE POUSO
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS É o sistema destinado a apoiar a aeronave no solo,
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
É o sistema destinado a apoiar a aeronave no
solo, com particularidades de amortecimento,
frenagem e taxiamento.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Quanto ao pouso classificamos em: - Hidroplano - Avião Terrestre
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Quanto ao pouso classificamos em:
- Hidroplano
- Avião Terrestre
- Avião Anfíbio
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Hidroplano (Somente pouso na água) Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Hidroplano (Somente pouso na água)
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Terrestre Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Terrestre
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Anfíbio (Pouso na água e na terra) Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Anfíbio (Pouso na água e na terra)
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Quanto à distância de pouso e decolagem classificamos em: -
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Quanto à distância de pouso e decolagem
classificamos em:
- CTOL (pouso e decolagens convencionais)
- STOL (pouso e decolagens curtos)
- VTOL (pouso e decolagem verticais)
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Quanto à mobilidade do trem classificamos em: -FIXO; -RETRÁTIL
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Quanto à mobilidade do trem classificamos em:
-FIXO;
-RETRÁTIL (parcialmente visível);
-ESCAMOTEÁVEL (recolhido e alojado em
compartimento).
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Fixo Escamoteável Retrátil Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Fixo
Escamoteável
Retrátil
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Quanto à disposição das rodas: Triciclo Convencional Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Quanto à disposição das rodas:
Triciclo
Convencional
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS AMORTECEDORES O trem de pouso de mola é o tipo
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
AMORTECEDORES
O trem de pouso de mola é o tipo mais simples. A
estrutura é composta por uma simples lâmina ou tubo de
aço flexível que atua como mola, absorvendo o impacto
do pouso
Ex.: Aero- Boero
O trem de pouso Articulado com Amortecedores de
Borracha absorve um pouco mais o impacto, e os
amortecedores de borracha mais conhecidos são os que
tem forma de discos ou cordas denominados Sandows.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Sandows – Mooney Bravo Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Sandows – Mooney Bravo
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS TIPOS DE AMORTECEDORES Os Amortecedores Hidráulicos são
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
TIPOS DE AMORTECEDORES
Os Amortecedores
Hidráulicos são
constituídos por uma haste
que desliza dentro de um
cilindro contendo um fluido
oleoso. Esse fluido realiza
o amortecimento do
impacto, e existe também
uma mola externa que
suporta o peso do avião.
Amortecedores
Hidropneumáticos, também
chamados de óleo-
pneumáticos, contém no seu
p
à uma pressão suficiente
elevada para suportar o peso
do avião.
int
e
ri
o
r
a
r
ou g
á
s co
m rimid
o
Esse tipo de amortecedor
evita o salto de um avião,
mesmo o pouso sendo mal
executado.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS AMORTECEDOR HIDRÁULICO Hastes interligadas aos pedais Amortecedor C
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
AMORTECEDOR HIDRÁULICO
Hastes interligadas aos pedais
Amortecedor C 152
Amortecedor de Shimmy
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS AMORTECEDOR HIDROPNEUMÁTICO Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
AMORTECEDOR HIDROPNEUMÁTICO
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS CONJUNTO DE RODAS Conjunto que tem por finalidade permitir a
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
CONJUNTO DE RODAS
Conjunto que tem por
finalidade permitir a
rolagem do avião no solo e
a sua frenagem.
Suas partes principais são:
Pneu – Formado por uma carcaça
resistente chamada lona, que
reveste o interior do pneu. Já na
parte exterior do pneu existe a
banda de rodagem, ou seja a
superfície desgastável do pneu,
que fica em contato com o solo.
-Pneu
-Cubo
-Freio
Existem também os sulcos em um
pneu, que são os ´´ cortes ``
externos que facilitam a fuga da
água, evitando-se a
aquaplanagem.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS PNEUS - GENERALIDADES Existem também os pneus com câmara e
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
PNEUS - GENERALIDADES
Existem também os pneus com
câmara e sem câmara de ar e
deve-se lembrar que a pressão é
suportada pelos pneus e não pela
câmara de ar.
Além dos pneus ´´ com câmara `` e ´´
sem câmara `` temos ainda os pneus:
- Alta Pressão = para pistas
pavimentadas
- Baixa Pressão = para pistas com
grama e terra solta
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS CORTE ESQUEMÁTICO – CONJUNTO PNEU / RODA Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
CORTE ESQUEMÁTICO – CONJUNTO PNEU / RODA
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Trem Principal – B 747 – Perda de Pneu por
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Trem Principal – B 747 – Perda de Pneu por desgaste
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Trem Principal – B 767 – RTO (Rejected Takeoff) Prof.
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Trem Principal – B 767 – RTO (Rejected Takeoff)
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS RODAS AERONÁUTICAS – TIPOS E CONSTRUÇÕES Meias-Rodas Cubo e Flange
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
RODAS AERONÁUTICAS – TIPOS E CONSTRUÇÕES
Meias-Rodas
Cubo e Flange
Flanges
Independentes
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS “- Equipe de solo, calços fora pra início de pushback.”
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
“- Equipe de solo, calços fora pra início de pushback.”
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS SISTEMA DE FREIOS Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
SISTEMA DE FREIOS
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Freios aeronáuticos são do tipo hidráulico, sendo os sistemas
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Freios aeronáuticos são do tipo hidráulico, sendo os
sistemas pressurizados ou não.
O pedal de freio atua no sistema, o qual comanda o
cilindro mestre enviando fluído hidráulico sob pressão
para o cilindro atuador, exercendo pressão sob o
conjunto de pastilhas + disco ocasionando assim a
parada da aeronave.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS FREIOS AERONÁUTICOS – TIPOS Freio a Tambor – Constituído por
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
FREIOS AERONÁUTICOS – TIPOS
Freio a Tambor – Constituído por um tambor que é acoplado a
roda e um sistema de lonas e atuador hidráulico (cilindro
atuador ou “burrinho”). Seu funcionamento se dá pela
compressão das lonas contra as paredes do tambor.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS FREIOS AERONÁUTICOS – TIPOS Freio a Disco – Constituído por
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
FREIOS AERONÁUTICOS – TIPOS
Freio a Disco – Constituído por disco que é preso ao cubo de
roda. Quando o piloto aciona os freios, o fluido hidráulico faz
com que as pastilhas, que ficam em ambos os lados do disco,
façam pressão sobre este, provocando a frenagem da roda.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS FREIOS AERONÁUTICOS – PARTICULARIDADES Frenagem Diferencial –
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
FREIOS AERONÁUTICOS – PARTICULARIDADES
Frenagem Diferencial – Quando há a necessidade de se
efetuar curvas fechadas o piloto pode frear independentemente
a roda em que estiver no lado da curva pretendida.
Na maioria dos aviões encontramos sistema de freios somente
no trem principal. Alguns aviões possuem 4 pedais, sendo 2
deles para o acionamento dos freios.
Sistema Anti-Skid – Sistema semelhante ao ABS encontrado
na indústria automobilística, presente nos aviões.
Sangria – Tem a finalidade de eliminar as bolhas de ar do
sistema.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Válvulas de Controle do Anti-Skid Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Válvulas de Controle do Anti-Skid
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS FREIOS A DISCO Sistema mais utilizado na aviação. O acionamento
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
FREIOS A DISCO
Sistema mais utilizado na aviação.
O acionamento se dá através do sistema hidráulico.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS FREIOS AERONÁUTICOS – ACIONAMENTO • Hidráulico :Utilizado
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
FREIOS AERONÁUTICOS – ACIONAMENTO
• Hidráulico :Utilizado praticamente em todos os aviões;
• Pneumático :Utiliza ar comprimido no lugar de fluido
hidráulico;
• Mecânico :Acionado através de hastes, cabos,
alavancas, polias, etc
• Sistema de Frenagem de Emergência :Constituído por:
- Sistema Duplicado
- Sistema de Emergência Independente
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS FREIOS AERONÁUTICOS – FLUIDOS Sabe-se que os fluidos hidráulicos
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
FREIOS AERONÁUTICOS – FLUIDOS
Sabe-se que os fluidos hidráulicos são altamente inflamáveis
e em função desta característica a indústria química
desenvolveu fluidos com a mesmas propriedades, porém
isentos de flamabilidade para uso aeronáutico.
Hidráulico normal
Hidráulico aeronáutico
Skydrol
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS TESTE DE FREIOS – A380 Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
TESTE DE FREIOS – A380
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS SISTEMA HIDRÁULICO Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
SISTEMA HIDRÁULICO
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS SISTEMA HIDRÁULICO Conceito – É o conjunto das partes destinadas
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
SISTEMA HIDRÁULICO
Conceito – É o conjunto das partes destinadas a acionar
componentes através da pressão transmitida por um
d
como Lei de Pascal.
fl
u
íd
o, ut
ili
zan
o o pr nc p o
i
í
i
d
a F s ca con
í
i
h
ec
id
o
Lei de Pascal: “A pressão aplicada a um ponto de um
fluido transmite-se igualmente para todas as partes
desse fluido.”
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Como exemplo podemos citar o sistema de freios anteriormente estudado.
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Como exemplo podemos citar o sistema de freios anteriormente
estudado.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS SISTEMA HIDRÁULICO O sistema hidráulico tem por finalidade aliviar os
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
SISTEMA HIDRÁULICO
O sistema hidráulico tem por
finalidade aliviar os esforços
impressos pelo piloto nas
superfícies de comando da
aeronave, bem como acionar
outros sistemas tais como
trem-de-pouso, flapes,
escadas, portas de
compartimentos de
bagagens, entre outros.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS VANTAGENS DO SISTEMA HIDRÁULICO • Amplia forças com facilidade; •
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
VANTAGENS DO SISTEMA HIDRÁULICO
• Amplia forças com facilidade;
• É confiável devido à baixa quantidade de peças
móveis
• É um sistema leve pois seus componentes são
relativamente pequenos;
• É de fácil instalação, pois suas tubulações são
pequenas;
• É controlado com facilidade
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS RENDIMENTO MECÂNICO • É comum se dizer que o rendimento
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
RENDIMENTO MECÂNICO
• É comum se dizer que o rendimento mecânico é a área
do pistão do cilindro atuador sobre a área do pistão do
cilindro primário
É possível se construir um sistema hidráulico com rendimento mecânico
menor que 1 porém, neste caso estaria se ampliando o movimento e
reduzindo-se a força.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS OUTROS SISTEMAS DA AERONAVE • Sistema Elétrico: Sistema formado por
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
OUTROS SISTEMAS DA AERONAVE
• Sistema Elétrico: Sistema formado
por motores elétricos, cabos, contatos.
É geralmente fácil de instalar e
controlar, porem tende a ser pesado, e
acarretar falhas repentinamente devido
aos maus contatos.
• Sistema Mecânico: É o sistema
mais simples e barato a ser usado.
Dispõe de uma fácil manutenção e é
geralmente utilizado na aviação de
pequeno porte.
• Sistema Pneumático: É similar ao
Como exemplo podemos citar os
freios dos planadores KW – 02.
sistema hidráulico usando ar no lugar
de fluido. Apresenta como vantagem
não necessitar de linha de retorno,
porem necessita de uma manutenção
cuidadosa.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS MOTORES - GENERALIDADES • Conceito: Máquinas que produzem energia
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
MOTORES - GENERALIDADES
• Conceito: Máquinas que produzem energia mecânica a partir de outros
tipos de energia são denominadas motores.
• Todos os motores que transformam energia calorífica em energia
mecânica são denominados motores térmicos, logo os motores aeronáuticos
são motores térmicos.
Os motores térmicos são classificados em:
- Motores de Combustão Externa
- Motores de Combustão Interna
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS MOTORES - GENERALIDADES Motores de Combustão Externa: Motores de
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
MOTORES - GENERALIDADES
Motores de Combustão
Externa:
Motores de Combustão
Interna:
O combustível é queimado
fora do motor,
apresentando como
vantagem utilizar
qualquer tipo de
combustível, porém este
tipo de motor é
excessivamente pesado.
O combustível é queimado
no interior do motor,
apresenta como vantagem
elevada potência e ao
mesmo tempo leve, por
isso é vantajoso para uso
aeronáutico.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS QUANTO À PROPULSÃO • Quanto a propulsão os motores podem
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
QUANTO À PROPULSÃO
• Quanto a propulsão os motores podem ser
classificados em dois grupos principais:
- es a
A
v
héli
ce
Grandes massas de ar à
velocidades pequenas
MOTORES A PISTÃO
MOTORES TURBOHÉLICE
- Aviões a reação
MOTORES TURBOJATO
MOTORES TURBOFAN
Massas relativamente pequenas
à grandes velocidades
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS MOTOR A PISTÃO • Construído dentro das exigências aeronáuticas de
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
MOTOR A PISTÃO
• Construído dentro das exigências aeronáuticas de leveza,
confiabilidade, alta eficiência e econômico, sendo por isso
utilizado na aviação de pequeno porte, com baixo custo.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS MOTOR TURBOJATO • Neste motor, o ar admitido é impulsionado
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
MOTOR TURBOJATO
• Neste motor, o ar admitido é impulsionado num fluxo de
alta velocidade, utilizando energia expansiva dos gases
aquecidos pela combustão. Em baixas velocidades ou
baixas altitudes torna-se antieconômico e ineficiente,
sendo por isso mais indicado para aviões supersônicos.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS MOTOR TURBOFAN • Este motor é constituído por um turbojato
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
MOTOR TURBOFAN
• Este motor é constituído por um turbojato acrescido de
um Fan (Ventilador). O Fan cria um fluxo de ar frio que se
mistura com os gases quentes do jato principal. As
vantagem desse motor são elevada tração, baixo ruído e
grande economia de combustível.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS MOTOR TURBOÉLICE • Trata-se de um motor turbojato modificado, onde
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
MOTOR TURBOÉLICE
• Trata-se de um motor turbojato modificado, onde quase toda a
energia é utilizada para girar uma turbina livre, a qual aciona
uma hélice através de uma caixa de engrenagens de redução.
Ideal para velocidades intermediárias entre as dos motores à
pistão e os motores turbofan.
• No motor turboélice, 90% da tração é dada pela hélice e os
10% restantes são gerados pelos gases de escape da turbina.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS ASPECTOS DOS MOTORES • As qualidades que devemos ressaltar nos
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
ASPECTOS DOS MOTORES
• As qualidades que devemos ressaltar nos motores aeronáuticos
são:
- Segurança de funcionamento;
- Durabilidade;
- Ausência de vibrações;
- Economia;
- Facilidade de manutenção;
- Compacidade;
- Eficiência térmica;
- Leveza.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS ASPECTOS DOS MOTORES • Eficiência Térmica: A relação entre a
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
ASPECTOS DOS MOTORES
• Eficiência Térmica:
A relação entre a potência mecânica produzida e a
potência térmica liberada pelo combustível. Na
prática, a eficiência dos motores aeronáuticos é da
ordem de 25% a 30%, o que é muito pouco,
considerando-se os motores elétricos de alta
potência têm eficiências que superam facilmente os
90%.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS ASPECTOS DOS MOTORES • Leveza: É a relação massa/potência, que
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
ASPECTOS DOS MOTORES
Leveza:
É a relação massa/potência, que é igual à razão
entre a massa do motor e a sua potência.
Alta leveza
Baixa leveza
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS ASPECTOS DOS MOTORES • Manutenção: Etapa fundamental para o
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
ASPECTOS DOS MOTORES
Manutenção:
Etapa fundamental para o perfeito funcionamento e
confiabilidade dos motores aeronáuticos. Ela pode
ser dividida em:
- Inspeções periódicas;
- Revisão geral (TBO)
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS ASPECTOS DOS MOTORES - Inspeções periódicas Os motores devem ser
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
ASPECTOS DOS MOTORES
- Inspeções periódicas Os motores devem ser inspecionados em
determinados intervalos ( 25, 50 horas de vôo ), que compreendem na troca
de óleo, limpeza dos filtros, etc. Este tipo de manutenção é chamada de
preventiva.
-
R
ev s
i
ã
o gera
l
(
TBO
) Após determinado número de horas de vôo
(este tempo é conhecido como durabilidade), o motor sofre revisão geral,
onde é totalmente desmontado para verificação e substituição das peças
desgastadas e/ou danificadas.
A durabilidade é freqüentemente referida através das iniciais ´´TBO``
(Time Between Overhauls - tempo entre revisões gerais ).
Os períodos entre inspeções e o número de horas para revisão geral são
determinados pelo fabricante do motor ( não do avião ).
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS ASPECTOS DOS MOTORES - ECONOMIA Os motores aeronáuticos devem ter
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
ASPECTOS DOS MOTORES - ECONOMIA
Os motores aeronáuticos devem ter baixo consumo de
combustível. Há duas definições de consumo:
- Consumo Horário: Quantidade de combustível consumido
por hora de funcionamento. Ex.: 30 litros/hora
- Consumo Específico: Este consumo leva em consideração
a potência do motor. Assim, um consumo específico de 0,3
litro/HP/hora indica que o motor consome 0,3 litro de
combustível por HP produzido, em cada hora de
funcionamento do motor.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS EQUILÍBRO E REGULARIDADE DO CONJUGADO MOTOR Equilíbrio significa
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
EQUILÍBRO E REGULARIDADE DO CONJUGADO MOTOR
Equilíbrio significa ausência de vibrações no sentido
transversal e o termo regularidade do conjugado motor
indica ausência de vibrações no sentido rotacional do motor.
Conjugado = momento ou torque
EXCESSO DE POTÊNCIA – OVERBOOST POWER
Os motores de aeronáuticos devem ser capazes de manter
por curto período de tempo (+- 1 minuto) uma potência
superior a de projeto, para ser usada durante a decolagem
(110%).
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS PEQUENA ÁREA FRONTAL De preferência, os motores aeronáuticos devem
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
PEQUENA ÁREA FRONTAL
De preferência, os motores aeronáuticos devem apresentar
pequena área frontal, para que possam ser instalados em
aviões de fuselagem estreita e aerodinâmica. Vale ressaltar
que os motores radiais possuem grande área frontal, porém
apresen am a o ren
t
lt
di
men o com eveza e compac
t
l
id
a
d
e.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS MOTORES A PISTÃO Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
MOTORES A PISTÃO
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS MOTOR A PISTÃO São utilizados praticamente em todos os aviões
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
MOTOR A PISTÃO
São utilizados praticamente em todos os aviões de pequeno
porte.
Princípio de funcionamento do motor a pistão:
O
mo or
t
a
p s
i tã
o
aprove a
it
a
energ a
i
d
a
que ma
i
d
o
combustível no interior de um cilindro, onde os gases da
combustão impulsionam um pistão. O movimento do pistão
é transformado em movimento de rotação através de uma
biela acoplada a um eixo de manivelas. O motor funciona
através da sucessão de impulsos sobre o pistão.
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS MOTOR A PISTÃO - FUNCIONAMENTO Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
MOTOR A PISTÃO - FUNCIONAMENTO
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS MOTOR A PISTÃO Podemos classificar os motores a pistão em
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
MOTOR A PISTÃO
Podemos classificar os motores a pistão em 2 grupos:
- Motor a Quatro Tempos
- Motor a Dois Tempos
Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS Prof. Nadais
CONHECIMENTOS TÉCNICOS E MOTORES AERONÁUTICOS
Prof. Nadais