Você está na página 1de 8
UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA - UESB DEPARTAMENTO DE ESTUDOS BÁSICOS INSTRUMENTAIS – DEBI MÉTODOS

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO SUDOESTE DA BAHIA - UESB DEPARTAMENTO DE ESTUDOS BÁSICOS INSTRUMENTAIS DEBI MÉTODOS E TÉCNICAS DA PESQUISA CIENTÍFICA

PROJETO MUSICALIDADE E INSTRUMENTALIDADE DO VIOLÃO

Adriano Santos

Itapetinga

Abril/2013

2

Adriano Santos

PROJETOS SOCIAIS EM EDUCAÇÃO MUSICAL

Projeto de Pesquisa apresentado à Prof. Msc. Cristina Silva Santos como proposta de trabalho musical paraatender a comunidade interna e externa à UESB, campus de Itapetinga.

Itapetinga

Agosto/2012

3

SUMÁRIO

INTRODUÇÃO

4

METODOLOGIA

6

CRONOGRAMA

7

ORÇAMENTO

8

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

9

APÊNDICES

10

4

INTRODUÇÃO

Um dos grandes desafios da educação musical contemporânea tem sido contemplar a diversidade sociocultural existente, bem como encontrar meios de aproximar significativamente a música dessas realidades, considerando assim contextos, espaços e metodologias que transcendem os universos formais das instituições. Para tanto, estudiosos da área têm centrado seu foco de estudo e o seu campo de abordagens em práticas diversificadas nos múltiplos contextos de ensino e aprendizagem que se estabelecem em nossa sociedade. (Almeida, 2005; Arroyo, 2002; Fialho, 2003; Queiroz, 2004, 2005; Souza, 2004). Considerando o trabalho de educação musical desenvolvido nesses contextos, Bozon (2000) chama a atenção para o caráter social da música devido a sua prática em si implicar em relações interpessoais, afirmando ainda, com base em estudos realizados que a música pode constituir-se como um fenômeno de sociabilidade. Através de uma pesquisa bibliográfica, Santos (2006) propõem que a crescente proliferação dos projetos sociais em educação musical em nosso país, nas últimas décadas, tem suscitado novas buscas, reflexões, caminhos e possibilidades para o ensino e aprendizagem da música. Ele afirma que os projetos sociais em música, quando desenvolvidos de forma contextualizada com a realidade social de seu público, podem ser considerados como um importante veículo educativo-musical, visto que tem alcançado significativos resultados musicais e socioculturais junto às comunidades e indivíduos que deles participam. As implicações para o campo epistemológico da educação musical incidem em uma visão que reconheça que a produção do conhecimento pedagógico-musical deve considerar múltiplos contextos da realidade social, dissolvendo categorias hierárquicas de valores culturais. Para tanto, é preciso refletir sobre as categorias dominantes de mérito artístico e pedagógico, questionando e problematizando, borrando o limite das estruturas de avaliações e julgamento de práticas musicais. Faz-se necessário, também, reexaminar as relações entre o conhecimento da cultura popular e conhecimento estabelecido pela academia, como já tem sido proposto pela área de educação musical (KLEBER, 2008, p. 234). Para Kater (2004), tanto a música quanto a educação são produtos da construção humana e podem ser um instrumento de formação e assim possibilitar o conhecimento e o auto-conhecimento. No caso da educação musical, sobretudo em âmbito não escolar a exemplo dos projetos sociais, é possível afirmar que possui a função de promover no indivíduo a compreensão e consciência de si próprio e do mundo, de forma mais abrangente, bem como de aspectos não comuns do cotidiano, fazendo assim com que se tenha um olhar crítico e enfim criativo de sua realidade. Tendo em vista uma grande necessidade por parte das instituições em produzir apresentações musicais em eventos internos ou voltados à sociedade, e auxiliar as crianças, adultos e os adolescentes inseridos nas comunidades e também para

5

funcionários da instituição, visando o desenvolvimento sócio-profissional. Esse trabalho filantrópico é direcionado à criança, adolescente e aos adultos e funcionários, com o objetivo de afastá-los do perigo à exposição às drogas, violências, prostituição infantil e desenvolver nas pessoas mais experientes de que não teve oportunidade de aprender música, a capacidade de que para aprender nunca é tarde. Além de mostrar a cada participante deste projeto de música que o melhor caminho pra uma vida melhor é a participação e a força de vontade aliados ao desejo coletivo de transformação. Essa fundação tem desejo de participa de eventos como: encontros de bandas, festas religiosas, comemorações da cidade, e apresentações à parte. A maioria dos componentes será constituída por crianças, adolescentes e funcionários, tendo o auxílio dos monitores, contra mestres e professores. O presente estudo vem responder o seguinte problema de pesquisa: “Quais os impactos que a música promove na vida da criança, dos adolescentes e adultos que

participa do projeto?”, tendo como objetivo geral: analisar os impactos na vida da

criança, adolescentes e adultos após ingressar na aula música. E como objetivos específicos: verificar os benefícios promovidos às crianças, adolescentes e adultos após ingressar na aula de música; apresentar o papel da família na participação das

crianças, adolescentes e adultos no projeto social de música; comparar o desempenho sócio-escolar das crianças, adolescentes e adultos (se ainda estiver estudando) antes e depois de ingressarem na aula de música.

6

OBJETIVO GERAL

Oportunizar aos interessados pela musicalidade reproduzida em instrumento de corda, o estudo e aprendizagem de técnicas para manipulação desse instrumento, proporcionando eficiência na dinâmica e mecânica da metodologia do violão.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

Com o desenvolvimento das aulas, o aluno/participante estará apto a:

  • Estruturar todos os acordes e conhecer com mais propriedade as notas que as compõe;

  • Reproduzir os ritmos e batidas que dão expressão as músicas.

  • Ampliar o raciocínio

  • Reforçar o sentimento de convivência em grupo, proporcionando melhorias no relacionamento interpessoal.

7

CRONOGRAMA

ATIVIDADES

JAN

FEV

MAR

ABR

LEITURA DO TEMA

X

X

X

X

ELABORAÇÃO

X

     

APRESENTAÇÃO

     

X

COLETA DE DADOS

 

X

   

TABULAÇÃO DE DADOS

 

X

X

 

ANÁLISE

 

X

X

 

PUBLICAÇÃO

       

8

REFERÊNCIAS

http://www.faculdadevertice.com.br/programasocial/index. php (acessado em 14 de Agosto de 2012, às 15hrs)

http://www.hojecentrosul.com.br/cidades/projeto-de-artes-marciais-visa-

afastar-criancas-e-jovens-das-drogas-e-violencia (acessado em 14 de Agosto de 2012, às 15h:46min)

http://www.anppom.com.br/anais/anaiscongresso_anppom_2006/CDROM/CO

M/01_Com_EdMus/sessao05/01COM_EdMus_0503-034 (acessado em 21 de Agosto de 2012, às 15h:39min)

http://praticasemeducacaomusical.blogspot.com.br/2011/01/educacao-

musical-em-ongs-e-projetos.html (acessado em 26 de Agosto de 2012, às

14h:49min)