Você está na página 1de 2

Solar de Pascoaes AMARANTE

Quinta do Séc. XVII que Concelho riquíssimo em


termos paisagísticos, para o
sofreu algumas remodelações
que contribuem decisiva-
até aos nossos dias. O solar
mente as serras do Marão e
foi incendiado por ocasião Aboboreira e o rio Tâmega.
das Invasões Francesas; No Centro Histórico da BIBLIOTECA
apenas pouparam a capela, cidade merecem referência ESCOLAR
apesar do retábulo e a Ponte, o Convento e Igreja de S. Gonçalo, as Igrejas de S.
imaginária terem sido Pedro e S. Domingos, a Casa da Cerca e o Solar dos Maga-
lhães. Fora da urbe, o destaque vai para os Paços do Conce-
vandalizados com golpes de
lho de Santa Cruz de Riba Tâmega, o Mosteiro de Travan-
VIAJAR CO M …
baionetas dos soldados de
ca e para o românico das igrejas de Mancelos, Jazente, Frei- Te ixe ir a de
Napoleão. O solar encontra-se sensivelmente no xo de Baixo, Gatão ou Gondar. Pa s coa e s
centro da propriedade, parcialmente murada, com Museu Amadeu Souza Cardoso
jardim formal a preceder o portal que fecha o
O Museu Amadeo de
terreiro. Conserva ainda vários azulejos seiscentistas
Souza Cardoso pretende
a revestir a escadaria e a formar silhar em torno do manter a lembrança do
terreiro. No interior, na ala de Teixeira de Pascoaes seu núcleo inicial e das
conserva--se ainda sua biblioteca e objectos pessoais, suas colecções, a sua prin-
estando o espaço organizado de modo a recriar a cipal vocação é a Arte
ambiência de trabalho do poeta. O jardim mais Portuguesa Moderna e
Contemporânea, nomea-
antigo, junto à fachada posterior possui uma
damente a Pintura e a
monumental fonte: A Fonte dos Golfinhos. Junto 21 de Novembro
Escultura, tendo como principais referências António Car- 2009
ao jardim desenvolvem-se grandes alamedas com neiro (com os sinais possíveis do Simbolismo e Expressio-
ramadas de vinha que percorrem o vasto pomar, nismo) e Amadeo de Souza Cardoso, com a sua prática de
interceptados por um mirante mandado fazer por modernidade. O Museu procura responder ao encadeamen-
Teixeira de Pascoaes de modo a admirar a magnífica to das gerações de pintores e escultores portugueses que,
numa prática ambígua ou nas rupturas, assumiram ou ten-
Amarante
paisagem que tanto o inspirava.
tam assumir também um projecto de modernidade.
Minha boa janela, abandonada e triste,
Desbotada do sol, dos ventos e das águas!
Tua velhinha cor somente agora existe, BIBLIOTECA ESCOLAR
Invisível, diluída em misteriosas mágoas.
Escola Secundária D. Afonso Sanches
És um sentido, sim, que um dia alvoreceu Alameda Flâmula Pais
Na face desta casa, antiga e dolorosa, 4480 - Vila do Conde
Minha boa janela aberta para o céu
Com os olhos azuis de Virgem piedosa. Tel: 252640490
Cantos Indecisos Fax: 252640480
Correio electrónico: bibesas@gmail.com
PROGRAMA O POETA INSCRIÇÃO
Nascido a 2 de Novembro de 1877


NOME ______________________________________________________________________________________________

Os alunos do 3º ciclo só poderão participar quando acompanhados de um adulto e devidamente autorizados pelo Encarregado
Eu, _________________________________, Encarregado de Educação do aluno __________________________________

É imprescindível a autorização do Encarregado de Educação, caso o aluno do ensino secundário se inscreva sem o seu acompa-
8:30 - Concentração em frente à Escola em Amarante, a família de Teixeira

Nº de acompanhantes
de Pascoaes muda-se para a Casa de
8:45 - Partida para Gatão, Amarante no autocarro da Pascoaes situada na freguesia de São

nº _____ da turma ____ do ____º ano, autorizo que este se desloque a Amarante no dia 21 de Novembro de 2009.
João de Gatão, nos arredores de
CMVC
Amarante, dois anos mais tarde. Será
neste solar setecentista que Teixeira
10:30 - Visita ao Solar de Pascoaes de Pascoaes habitará a maior parte da
sua vida e onde virá a morrer, a 14
11:30 - Partida para Amarante de Dezembro de 1952.
As primeiras colaborações poéticas
12:00 - Almoço no Restaurante S. Gonçalo de Pascoaes, no jornal A Flor do Tâmega, datam de 1894
e Embryões, o seu primeiro livro e o único que será repudiado

Aluno  Professor  Funcionário  Encarregado de Educação.  Outro 


Ementa : pelo autor, é publicado um ano mais tarde, aos 18 anos. Em

Notas: O pagamento deverá ser efectuado em numerário até ao dia 19 de Novembro.


Teixeira de Pascoaes teve sempre uma saúde precária. 1896, Teixeira de Pascoaes matricula-se no curso de Direito,
Comia pouco, desprezava a gastronomia e rejeitava as na Faculdade de Coimbra, publicando durante esses anos,
carnes (que considerava sinal da Queda paradisíaca). entre outros livros, Belo, À Minha Alma, Sempre e Terra Proibi-
Daí que desta vez a ementa se baseie na gastronomia da da.
região e não nos gostos pessoais do autor. Exerce advocacia, no Porto, apenas até 1913, ano em que
abandona a cidade e fixa definitivamente a sua residência em
Entradas São João de Gatão. Durante os anos de vivência no Porto,
Pascoaes havia publicado, por exemplo, Vida Etérea, Senhora
Sopa de Legumes da Noite e Marânus.
Vitela assada no forno Os anos de 1912 a 1921 são marcados pela direcção da

Total € _____
revista literária A Águia, órgão do movimento da Renascença

Contacto _____________________________
Doçaria da região Portuguesa, pela publicação do seu primeiro livro em pro-
Café sa, Verbo Escuro, do ensaio A Arte de Ser Português, de O Baila-
do, entre outras obras. 1928, data de publicação de Livro de
14:30 - Visita ao Museu Amadeu Souza Cardoso Memórias, marca a transição de Teixeira de Pascoaes da poesia
para a prosa e o início de uma série de biografias: São Paulo
16.15 - Percurso pela zona histórica da cidade com a (1934), São Jerónimo (1936), Napoleão (1940), O Penintente -
colaboração da Associação Marânus. Camilo Castelo Branco(1942) e Santo Agostinho (1945).

Preço por pessoa: € 15


Em Portugal, a obra de Pascoaes é lida com entusiasmo e
17.30 - Regresso a Vila do Conde no autocarro da admiração pela elite intelectual da época, desde Pessoa a Sá-
CMVC Carneiro, Mário Cesariny e Alexandre O’Neill. Durante este

de educação.

nhamento.
período muitas das obras de Pascoaes são dadas a conhecer a
leitores estrangeiros, tornando-se o escritor português mais
traduzido e sendo louvado por escritores como García Lorca


e Unamuno.