Você está na página 1de 32
COIMBRA, UMA CIDADE ENCANTADA Muito mais do que uma cidade de história, cultura e tradições,

COIMBRA, UMA CIDADE ENCANTADA

Muito mais do que uma cidade de história, cultura e tradições, do que uma das mais

monumentais cidades portuguesas, de acolher uma das mais antigas universidades da

Europa Património Mundial, da magia do fado e do culto da Rainha Santa, e muito mais

do que uma cidade que é líder no Conhecimento e na Investigação Científica e Tecnológica,

Coimbra está diferente: anima-se e renova-se a cada dia, está mais viva, dinâmica e

cosmopolita. Aqui vivem-se emoções únicas, experiências memoráveis, apenas sentidas

em cidades com alma.

Venha descobrir Coimbra uma cidade encantada!

E CELEBRE CONNOSCO AS FESTAS DA CIDADE DE COIMBRA 2015.

COIMBRA| 1 A 5 JULHO 2015 PAÇOS DO MUNICÍPIO UNIVERSIDADE DE COIMBRA QUINTA DAS LÁGRIMAS

COIMBRA| 1 A 5 JULHO 2015

PAÇOS DO MUNICÍPIO

UNIVERSIDADE DE COIMBRA

QUINTA DAS LÁGRIMAS

JARDIM DA SEREIA

SÉ VELHA

PRAÇA DO COMÉRCIO

PRAÇA 8 DE MAIO

QUEBRA-COSTAS

BAIXA DA CIDADE

PRAÇA DA CANÇÃO

CENTRO DE ARTES VISUAIS

ESTÁDIO MUNICIPAL

PAVILHÃO MULTIDESPORTOS MÁRIO MEXIA

CENTRO OLÍMPICO DE PISCINAS MUNICIPAIS

ESTÁDIO UNIVERSITÁRIO

ÍNDICE Apresentação 1 Programa 3 Sinopses 10 Baile da Rosa 10 Percursos Temáticos 10 Jorge

ÍNDICE

Apresentação 1 Programa 3 Sinopses 10 Baile da Rosa 10 Percursos Temáticos 10 Jorge Palma 11 Sun 7 Petiscos 11 Feira Popular 12 António Zambujo 12 Quebra J@zz 15 Videomapping 17 Rali Rainha Santa 18 Feira das Associações 18 Núcleo da Guitarra e do Fado de Coimbra 19 Festival do Croché 19 Combo Manouche 20 Dead Combo 20 Serenata Monumental 22 Fogo de Artifício 22 Tempo de Encontro 23 Eventos Desportivos 24 Agradecimentos 26 Contactos 27

APRESENTAÇÃO COIMBRA EM FESTA DE 1 A 5 DE JULHO As Festas da Cidade de

APRESENTAÇÃO

COIMBRA EM FESTA DE 1 A 5 DE JULHO

As Festas da Cidade de Coimbra estão de regresso, este ano com uma programação que convida a celebrar a cidade.

O formato não inclui as procissões em honra da Rainha Santa Isabel, uma vez que o evento de veneração à padroeira só se realiza em anos pares. Ainda assim, a organização do evento a Câmara Municipal de Coimbra e a Agência para a Promoção da Baixa de Coimbra entendeu reinventar o projeto e trazer a festa à rua também este ano, num conceito que tem como missão homenagear a cidade e os seus habitantes, celebrando espaços emblemáticos e patrimoniais, projetos artísticos, culturais e desportivos. Um programa que volta a contar com a cooperação de diversas entidades, que não hesitaram em participar e, assim, fazer deste um projeto partilhado, mais abrangente e de toda a cidade.

1

Entre 1 a 5 de julho, pretendemos realizar a grande festa de Coimbra e cruzar estilos e tendências, projetos e iniciativas, apostando na diversidade de propostas, espaços e públicos, e buscando como referência não só as expressões culturais mais contemporâneas, mas também projetos que preservam a tradição popular, colocando-os ao alcance de todos e integrando-os harmoniosamente nalguns dos espaços mais emblemáticos da cidade.

As Festas da Cidade de Coimbra incluem música, dança, exposições, visitas guiadas, workshops, animação de rua, teatro, folclore e etnografia, atividades desportivas e, claro, como não podia deixar de ser, o já tradicional espetáculo de fogo de artifício, a 4 de julho Dia da Cidade de Coimbra, data em que o Município promove um conjunto de cerimónias oficiais no edifício da Câmara Municipal e em que é aberto ao público, na Torre de Anto, o Núcleo Museológico da Guitarra e do Fado de Coimbra.

Mas são muitas mais as propostas a não perder. Jorge Palma, na Quinta das Lágrimas,

Mas são muitas mais as propostas a não perder. Jorge Palma, na Quinta das Lágrimas, António Zambujo com a Orquestra Clássica do Centro e os Dead Combo com a Royal Orquestra das Caveiras, no magnífico cenário do Jardim da Sereia são alguns dos concertos mais aguardados. Os espetáculos de videomapping, no Pátio da Universidade de Coimbra e a projeção interativa nos Paços do Município, a Serenata dos antigos Estudantes na Sé Velha, o Baile da Rosa, a Feira das Associações, o Festival do Crochet, a Noite de Fados, as inúmeras competições desportivas das mais variadas modalidades, algumas delas de âmbito internacional, são outras das iniciativas que farão deste um grande evento festivo. Tudo isto e muito mais, de 1 a 5 de julho, em Coimbra.

2

1 julho | quarta-feira PROGRAMA 9h30 – Mini Chef de Verão II (workshop para crianças

1 julho | quarta-feira

PROGRAMA

9h30 Mini Chef de Verão II (workshop para crianças dos 6 aos 12 anos) | Escola de Hotelaria e Turismo de Coimbra | Inscrição paga: 30€ (Escola de Hotelaria e Turismo de Coimbra) 10h00 Visita guiada Tesouros de uma Cidade Património Mundial II | Ponto de encontro:

Posto de Turismo da Universidade | Inscrições obrigatórias: 239857500 Câmara Municipal de Coimbra (Câmara Municipal de Coimbra) 15h00 – Visita guiada “Santo António” | Ponto de encontro: escadaria da Igreja de Santo António dos Olivais | Inscrições obrigatórias: 239702630 Casa Municipal da Cultura (CMC) 15h00 Visita guiada Tesouros de uma Cidade Património Mundial II | Ponto de encontro:

Posto de Turismo da Universidade | Inscrições obrigatórias: 239857500 Câmara Municipal de Coimbra (CMC) 17h00 1.º Torneio Internacional “Cidade de Coimbra” – Hóquei em Patins | Pavilhão

Municipal Multidesportos Mário Mexia (Associação Académica de Coimbra, AAC Secção de Patinagem e CMC) 21h30 - Baile da Rosa | Praça do Comércio (CMC e Agência para a Promoção da Baixa de Coimbra)

3

2 julho | quinta-feira

10h00 Vista guiada Tesouros de uma Cidade Património Mundial II | Ponto de encontro:

Posto de Turismo da Universidade | Inscrições obrigatórias: 239857500 Câmara Municipal de Coimbra (CMC) 15h00 – Visita Guiada “Vivências nos Jardins – Jardim da Sereia” | Ponto de encontro:

Casa Municipal da Cultura| Inscrições obrigatórias: 239702630 Casa Municipal da Cultura (CMC) 15h00 Visita guiada Tesouros de uma Cidade Património Mundial II | Ponto de encontro:

Posto de Turismo da Universidade | Inscrições obrigatórias: 239857500 - Câmara Municipal de Coimbra (CMC)

17h00 – 1. º Torneio Internacional “Cidade de Coimbra” – Hóquei em Patins | Pavilhão

17h00 1.º Torneio Internacional “Cidade de Coimbra” – Hóquei em Patins | Pavilhão Municipal Multidesportos Mário Mexia (AAC Secção de Patinagem e CMC) 21h30 Concerto de Jorge Palma com a participação especial da Banda Ginga | Quinta das Lágrimas - Anfiteatro Colina de Camões | Entrada paga: 20€ | bilhetes à venda nas bilheteira do TAGV e FNAC // no local, no dia do espetáculo, a partir das 20h00 (Associação Amigos dos Queimados com o apoio do TAGV) 22h00 Noite de Dança | Estúdio de Dança Flic-Flac e LOVE Escola de Dança, Sandra&Jorge | Praça 8 de Maio (CMC)

3 julho | sexta-feira 9h00 – Concurso Internacional de Saltos “Rainha Santa Isabel/Cidade de Coimbra” – Hipismo | Centro Hípico de Coimbra (Centro Hípico de Coimbra e CMC) 10h00 Tesouros de uma Cidade Património Mundial II | Ponto de encontro: Posto de Turismo da Universidade | Inscrições obrigatórias: 239857500 Câmara Municipal de Coimbra (CMC) 15h00 – Visita guiada “Rainha Santa Isabel” | Ponto de encontro: adro da Igreja da Rainha Santa Isabel | Entrada paga: 5€ | Inscrições obrigatórias: 239702630 – Casa Municipal da Cultura (CMC) 15h00 Visita guiada Tesouros de uma Cidade Património Mundial II | Ponto de encontro:

Posto de Turismo da Universidade | Inscrições obrigatórias: 239857500 Câmara Municipal de Coimbra (CMC) 18h00 Sun 7 Petiscos | Café Santa Cruz (Café Santa Cruz) 20h00 Inauguração da Feira Popular | Praça da Canção | Decorre até 19 de julho (União das Freguesias de Santa Clara e Castelo Viegas) 20h00 Rota das Tabernas | Antiga Leitaria do Raúl / Casa do Sr. Borges (Rua Doutor Marnoco e Sousa) | Preço da merenda: 8€ | Inscrições obrigatórias: 239702630 – Casa Municipal da Cultura (CMC) 21h30 – Estreia do espetáculo de teatro “Isto… era para ser outra coisa” | Loucomotiva – Grupo de Teatro de Taveiro | Bilhete geral €5; Pais e Encarregados de Educação €4; Formandos e <12 anos €2 (Loucomotiva) 21h30 - Concerto com António Zambujo e Orquestra Clássica do Centro participação especial de Samuel Úria | Jardim da Sereia (CMC)

4

22h00 – Quebra J@zz 2015 – Quinteto Pedro Moreira | Escadas do Quebra Costas (Bar

22h00 Quebra J@zz 2015 Quinteto Pedro Moreira | Escadas do Quebra Costas (Bar Quebra Costas, ADDAC - Associação para o Desenvolvimento e Defesa da Alta de Coimbra) 22h00 – Noite de Fados com o grupo “Coimbra Menina e Moça” | Praça 8 de Maio (Associação Cultural Coimbra Menina e Moça) 22h00 Espetáculo interativo de videomapping | Edifício dos Paços do Município (UC e CMC) 22h00, 22h30, 23h00, 23h30, 00h00, 00h30 Espetáculo de videomapping, no âmbito do Encontro de Antigos Estudantes da Universidade de Coimbra | Pátio das Escolas da Universidade de Coimbra (UC e CMC) 22h00 São Silvestre Kamalhão Rock Fest | Entrada paga: 5€ | São Silvestre (Junta de Freguesia de S. Silvestre)

4 julho | sábado 9h00 – Concurso Internacional de Saltos “Rainha Santa Isabel/Cidade de Coimbra” – Hipismo | Centro Hípico de Coimbra (Centro Hípico de Coimbra e CMC) 9h00 45.º Rali Rainha Santa Isabel/Cidade de Coimbra | Praça Heróis do Ultramar (Clube Automóvel do Centro e CMC) 9h00 28.º Concurso Nacional Juvenil em Pesca Desportiva | Praça da Canção (Associação Regional das Beiras de Pesca Desportiva e CMC) 9h00 5.º Torneio Internacional Master “Cidade de Coimbra” – Atletismo | Estádio Municipal “Cidade de Coimbra” (Clube de Veteranos de Atletismo de Coimbra e CMC) 9h00 – Torneio Juvenil “Cidade de Coimbra” – Minibasquetebol de rua | Praça da República (CAD Associação Coimbra Basquete e CMC) 9h00 Campeonato Interdistrital de Juvenis / Absolutos Natação | Centro Olímpico de Piscinas Municipais (Associação de Natação de Coimbra e CMC) 10h00 Feira das Associações | Ruas Ferreira Borges e Visconde da Luz (CMC) 11h00 – Debate: “UC e o seu papel no Mundo Global”, no âmbito do Encontro dos Antigos Estudantes da Universidade de Coimbra | Auditório da Reitoria Universidade de Coimbra (UC) 14h30 – Programa Cultural: “(Re)Visite a Alta”, no âmbito do Encontro de Antigos Estudantes da Universidade de Coimbra | Palácio de S. Marcos (UC)

5

15h00 – São Silvestre Kamalhão Rock Fest | Entrada paga: 5€ | São Silvestre (Junta

15h00 São Silvestre Kamalhão Rock Fest | Entrada paga: 5€ | São Silvestre (Junta de Freguesia de S. Silvestre) 15h00 Sessão Solene Comemorativa do Dia da Cidade de Coimbra | Paços do Município (CMC) 17h00 Inauguração da exposição temporária “Uma Nova Coleção na Cidade: Pintores portugueses da segunda metade do século XX” (até 10 de outubro) | Paços do Município – Sala da Cidade (CMC) 18h00 – Inauguração da exposição “Eles tinham coisas para me dizer…”, de Vasco Araújo (até 4 de outubro) | Centro de Artes Visuais (Centro Artes Visuais) 18h00 Concerto com a Orquestra Clássica do Centro e o Coro dos Antigos Orfeonistas da Universidade de Coimbra, no âmbito do Encontro dos Antigos Estudantes da Universidade de Coimbra | Sala dos Capelos (UC) 18h30 Abertura ao público do Núcleo Museológico da Guitarra e do Fado de Coimbra | Torre de Anto (CMC) 19h00 – II Festival “Cidade de Coimbra” – Boxe | Parque Verde do Mondego (Secção de Boxe da AAC e CMC) 19h00 – Concerto “Combo Manouche” | Café Santa Cruz (Conservatório de Música de Coimbra e Café Santa Cruz) 21h00 Jantar: À mesa com a Infanta D. Maria Chef Luís Lavrador recria refeição a partir do livro de receitas da Infanta D. Maria, no âmbito do Encontro de Antigos Estudantes da UC | Palácio de S. Marcos (UC) 21h30 – Espetáculo de teatro “Isto… era para ser outra coisa” | Loucomotiva – Grupo de Teatro de Taveiro | Bilhete geral €5; Pais e Encarregados de Educação €4; Formandos e <12 anos €2 (Loucomotiva) 22h00 Espetáculo com os Dead Combo & Royal Orquestra das Caveiras | Jardim da Sereia (CMC) 22h00 XVII Festa do Folclore do Grupo Etnográfico da Região de Coimbra (GERC) | Desfile dos Grupos (GERC, Grupo de Folclore das Terras da Nóbrega, Rancho Folclórico de Zebreiros, Grupo Folclórico Casa do Povo de Fermentões), seguido de atuação | Portagem/Praça 8 de Maio (Grupo Etnográfico da Região de Coimbra) 22h00 Quebra J@zz 2015 Quinteto Pedro Moreira | Escadas do Quebra Costas (Bar Quebra Costas, ADDAC- Associação para o Desenvolvimento e Defesa da Alta de Coimbra)

6

24h00 – Espetáculo de Pirotecnia | Rio Mondego (CMC) 24h00 – Serenata Monumental dos Antigos

24h00 Espetáculo de Pirotecnia | Rio Mondego (CMC) 24h00 Serenata Monumental dos Antigos Estudantes | Sé Velha (Fado ao Centro) 24h00 – DJ’s Session “Novos Talentos” | Praça do Comércio (CMC) III Festival do Croché Social | Baixa da cidade até 31 agosto (CMC)

5 de julho | domingo 08h00 Mondego Ultra Trail (Partida - Ultra 50 Km) | Torres do Mondego (Junta de Freguesia de Torres do Mondego) 09h00 – Concurso Internacional de Saltos “Rainha Santa Isabel/Cidade de Coimbra” – Hipismo | Centro Hípico de Coimbra (Centro Hípico de Coimbra e CMC) 9h00 Campeonato Interdistrital de Juvenis / Absolutos Natação | Centro Olímpico de Piscinas Municipais (Associação de Natação de Coimbra e CMC) 9h00 Mondego Ultra Trail (Partida - Trail 20 Km) | Torres do Mondego (Junta de Freguesia Torres do Mondego) 9h30 Mondego Ultra Trail (Partida - Caminhada) | Torres do Mondego (Junta de Freguesia Torres do Mondego) 10h00 Manhã desportiva do Encontro dos Antigos Estudantes da Universidade de Coimbra jogo com os veteranos de rugby da AAC | Estádio Universitário da Universidade de Coimbra (UC) 10h00 – Campeonato Regional de Motocross “Cidade de Coimbra” | Crossódromo de Vil de Matos (Centro Cultural e Recreativo de Sant’Ana e CMC) 11h00 Manhã desportiva do Encontro dos Antigos Estudantes da Universidade de Coimbra jogo com os veteranos de futebol da AAC | Estádio Universitário (UC) 15h00 Espetáculo Tempo de Encontro, no âmbito do Encontro de Antigos Estudantes da Universidade de Coimbra | Praça do Comércio (UC) 15h15 Peça de teatro “A Fórmula de Deus”, pelo grupo Fatias de Cá | Colégio de Jesus (UC) 16h30 – Espetáculo “Isto… era para ser outra coisa” | Loucomotiva – Grupo de Teatro de Taveiro | Bilhete geral €5; Pais e Encarregados de Educação €4; Formandos e <12 anos €2 (Loucomotiva) 18h30 – Apresentação do álbum “Semente” com um concerto de evocação à Rainha Santa, pelo Trio Ricardo Silva | Claustro do Convento de Santa Clara-a-Nova (CMC)

7

O Encontro de Antigos Estudantes da UC tem inscrições pagas. Informações através do email antigos-estudantes@uc.pt

O Encontro de Antigos Estudantes da UC tem inscrições pagas. Informações através do email antigos-estudantes@uc.pt

OUTRAS INICIATIVAS

26 junho | sexta-feira

19h00 6.º Torneio Rainha Santa Isabel Cidade de Coimbra Bridge | Estádio Cidade

de Coimbra (Federação Portuguesa de Bridge e CMC)

27 junho | sábado

9h45 Taça de Portugal em Precisão de Aterragem Paraquedismo | Jardim do Mosteiro de Santa Clara-a-Velha (Sky4Pombal, Associação de Desportos Aeronáuticos e CMC) 10h30 6.º Torneio Rainha Santa Isabel Cidade de Coimbra Bridge | Estádio Cidade de Coimbra (Federação Portuguesa de Bridge e CMC) 16h00 1.ª Subida Mítica da Ladeira Rainha Santa em Bicicleta | Ponto de partida:

Convento de S. Francisco (Associação Desportiva Quatro Estações, Associação de Ciclismo de Aveiro, Federação Portuguesa de Ciclismo e CMC)

28 junho | domingo

09h45 Taça de Portugal em Precisão de Aterragem Paraquedismo | Jardim do Mosteiro de Santa Clara-a-Velha (Sky4Pombal, Associação de Desportos Aeronáuticos e CMC) 10h30 II Sanfil Corrida Académica Cidade de Coimbra | Estádio Universitário de Coimbra (Associação Recreativa Casaense e CMC)

29 junho | segunda-feira

17h00 1.º Torneio Internacional “Cidade de Coimbra” – Hóquei em Patins | Pavilhão

Municipal Multidesportos Mário Mexia (AAC Secção de Patinagem e CMC)

30 junho | terça-feira

17h00 1.º Torneio Internacional “Cidade de Coimbra” – Hóquei em Patins | Pavilhão Municipal Multidesportos Mário Mexia (AAC Secção de Patinagem e CMC) 8 julho | quarta-feira (até 10 julho) 21h00 Jogos Sem Fronteiras Cidade de Coimbra 2015 | Cova do Ouro (Associação Recreativa e Cultural da Cova do Ouro e Serra da Rocha)

8

Até 25 julho Exposição temporária “Por um Fio” | Galeria Pinho Dinis Até 2 agosto

Até 25 julho

Exposição temporária “Por um Fio” | Galeria Pinho Dinis

Até 2 agosto Exposição temporária “O Êxtase da Inquietação” | Galeria Almedina Até 30 setembro Exposição temporária “As Pontes de Coimbra” - Exposição documental com base na investigação científica de Jorge de Alarcão | Torre de Almedina

9

SINOPSES BAILE DA ROSA 1 JULHO| 21H30 PRAÇA DO COMÉRCIO Entrada livre No dia 1

SINOPSES

BAILE DA ROSA 1 JULHO| 21H30 PRAÇA DO COMÉRCIO

Entrada livre

No dia 1 de julho, a Praça do Comércio transforma-se num enorme salão de baile, com decoração a preceito e com a atuação da banda Smooth, cujo repertório é exclusivamente dedicado à música popular de diversas épocas. O Baile da Rosa é a recriação de uma antiga festa popular da nossa cidade e, tal como aconteceu no ano passado, promete ser um dos momentos de grande animação nas Festas da Cidade de Coimbra.

PERCURSOS TEMÁTICOS 1, 2, 3 JULHO VÁRIOS LOCAIS

São nove as visitas guiadas que integram o programa das Festas da Cidade de Coimbra. Surgem com o objetivo de contribuir para um melhor conhecimento da identidade da cidade, do património arquitetónico, histórico, social e imaterial ou evocam a vida e obra de figuras históricas, como a Rainha Santa Isabel e Santo António. Entre estes percursos temáticos, destaque para os “Tesouros de uma Cidade Património Mundial II”, um itinerário que visa divulgar valores culturais ligados aos espaços de culto das tradições académicas e do património edificado, destacando como temas centrais “As Repúblicas” e a “Canção de Coimbra”. Serão percorridos os seguintes locais: Paços da República Baco, Solar Marias do Loureiro, Real República Rás-Te-Parta, República dos Inkas, Real República do Bota-Abaixo, Largo da Sé Velha, Pátio do Castilho. As visitas requerem inscrição (através do telefone 239857500) e realizam-se com um mínimo de 10 pessoas e um máximo de 25. Todos os circuitos propostos no programa são realizados por um Guia Intérprete Oficial da Câmara Municipal de Coimbra.

10

JORGE PALMA 2 JULHO| 21H30 QUINTA DAS LÁGRIMAS ANFITEATRO COLINA DE CAMÕES Entrada paga A

JORGE PALMA

2 JULHO| 21H30

QUINTA DAS LÁGRIMAS

ANFITEATRO COLINA DE CAMÕES Entrada paga

A voz única de Jorge Palma revisita Frágil, Dá-me Lume, Deixa-me rir, Portugal, Portugal e tantos outros temas que marcam os mais de 40 anos de carreira do compositor, poeta, intérprete e músico.

Jorge Palma é um nome incontornável do panorama artístico português, com um

percurso de vida sempre ligado à música. Percorreu a Europa na companhia da sua guitarra e, no regresso a Portugal, editou vários discos de originais, somando discos de ouro e alcançando a marca de dupla platina com Voo Nocturno. Venceu o prémio José Afonso, em 2002, e, em 2008 e 2012, ganhou o Globo de Ouro na categoria de melhor intérprete. Com o seu último trabalho - Com Todo o Respeito - foi distinguido com o prémio Pedro Osório/SPA.

O concerto em Coimbra, que acontecerá num dos cenários mais deslumbrantes da

cidade, é uma organização Associação Amigos dos Queimados, com o apoio do Teatro Académico de Gil Vicente (TAGV). Conta com a participação especial da Banda Ginga e tem entrada paga (20€), sendo que os bilhetes poderão ser adquiridos no TAGV, na FNAC e no local e dia do concerto, a partir das 20h00.

SUN 7 PETISCOS

3 JULHO| 18H00

CAFÉ DE SANTA CRUZ

Entrada livre

No dia 3 de julho, fica garantido um final de tarde animado, a partir das 18h00, no Café Santa Cruz, com o Sun 7 Petiscos, evento que junta gin, petiscos e música. Até às 22h00, o espaço, um dos cafés históricos e mais antigos do país, conta com a presença de um Dj, bem como com a participação de dois restaurantes: o Dux Petiscos e Vinhos e o Fangas, que são responsáveis pela componente gastronómica do evento.

11

FEIRA POPULAR 3 JULHO| 20H00 PRAÇA DA CANÇÃO Entrada paga A Feira Popular de Coimbra

FEIRA POPULAR

3 JULHO| 20H00

PRAÇA DA CANÇÃO

Entrada paga

A Feira Popular de Coimbra é inaugurada no dia 3 de julho, pelas 20h00, na Praça da

Canção, onde, até dia 19 de julho, a diversão será uma constante devido às inúmeras atrações, entre carrosséis, tasquinhas, música, entre muitos outros atrativos, que

compõem o cartaz desta edição. Numa organização da União de Freguesias de Santa Clara e Castelo Viegas, apresenta um programa de animação diversificado, de que se destacam as atuações de Simara (3 julho), Banda Red (4 julho), banda Kremelin (10 julho)

e grupo musical Hi-Fi (17 julho). Haverá ainda a Gala Kick Boxing (11 julho), a Festa da Espuma com Dj’s (18 julho), para além de um desfile de vestidos de chita, vários espetáculos ambulantes de fogo, marchas, danças e cantares, entre muitas outras iniciativas. O preço da entrada é de 1,5€, sendo que as crianças até aos 12 anos não pagam.

ANTÓNIO ZAMBUJO & ORQUESTRA CLÁSSICA DO CENTRO

3 JULHO| 21H30

JARDIM DA SEREIA

Entrada livre

Um dos grandes destaques do cartaz das Festas da Cidade de Coimbra 2015 é o concerto de António Zambujo, que terá como palco o magnífico cenário do Jardim da Sereia. Um espetáculo inédito, com a participação especial da Orquestra Clássica do Centro e de cantautor Samuel Úria.

A Coimbra, Zambujo vai trazer alguns dos seus temas mais conhecidos, sobretudo os do

último disco, Rua da Emenda, o 6.º álbum de originais do cantor de Beja, onde coabitam

as sonoridades do Brasil, França, Uruguai e do continente africano e, claro, como não podia deixar de ser, o tema Pica do 7 também não irá faltar naquele que é um dos concertos mais aguardados das Festas da Cidade de Coimbra 2015.

12

Na companhia de músicos de exceção (dirigidos pelo contrabaixista e diretor musical do cantor, Ricardo

Na companhia de músicos de exceção (dirigidos pelo contrabaixista e diretor musical do cantor, Ricardo Cruz), António Zambujo, com a sua voz e guitarra, promete um espetáculo ímpar, esperando-se que o público também entoando algumas músicas. No tema Pica do 7 aquele que, de resto, será o mais aguardado -, António Zambujo contou com a colaboração de Miguel Araújo, d’Os Azeitonas. Juntos, desenharam o cenário do elétrico, romantizando a típica figura do revisor. Outros são os colaboradores habituais que marcaram presença em Rua da Emenda, João Monge, Maria do Rosário Pedreira, José Eduardo Agualusa ou Pedro da Silva Martins, entre outros -, sendo que ainda houve espaço para novos encontros, como acontece com Samuel Úria e José Fialho Gouveia, para citar alguns. Nos 15 temas que completam Rua da Emenda cabem também emocionantes tributos aos talentos imortais do brasileiro Noel Rosa, Serge Gainsbourg (com La Chanson de Prévert reinventada pela magia da guitarra portuguesa), Jorge Drexler (o uruguaio que ganhou o óscar de melhor canção original em 2005) e Rodrigo Maranhão e Pedro Luís (mais dois brasileiros da linha da frente).

SOBRE ANTÓNIO ZAMBUJO António Zambujo nasceu em Beja, a 19 de Setembro de 1975. Por inerência familiar e geográfica, cresceu a ouvir a gravitas do cante alentejano. Sabe-se, também, que, ainda em pequeno, se deslumbrou com as grandes vozes das fadistas Amália Rodrigues, Maria Teresa de Noronha, Alfredo Marceneiro ou Max. Teve uma feliz infância musical começou a estudar clarinete com apenas oito anos e ganhou um concurso destinado a jovens fadistas, quando tinha 16 anos , até que rumou a Lisboa, numa decisão de risco que ajudou a moldar-lhe o futuro. Rapidamente, conheceu os bastidores e os segredos do universo fadista, juntando-se ao elenco do Clube do Fado, tendo ainda sido um dos escolhidos por Filipe La Féria para o musical Amália, em cena durante quatro anos. Em 2002, publica O Mesmo Fado, já com composições por si desenhadas, fados de reportórios clássicos e contactos firmados com autores de primeira linha, um disco que lhe valeu várias distinções. Depois do segundo álbum - Por Meu Cante , Zambujo dá com regularidade concertos no estrangeiro e ganha um novo prémio, o de Melhor Intérprete Masculino de Fado, atribuído pela Fundação Amália Rodrigues. É, desta forma, que se torna “embaixador” da música

13

portuguesa, representando-a em festivais internacionais, como é o caso do Atlantic Waves, em Londres. No

portuguesa, representando-a em festivais internacionais, como é o caso do Atlantic Waves, em Londres. No ano de 2007, surge o terceiro álbum, Outro Sentido, o que permite ao cantor de Beja edições na Europa e nos Estados Unidos e, em simultâneo, o direito a reclamar um lugar no planeta da world music. Com o álbum, lançado no selo World Village da editora Harmonia Mundi, e com as suas constantes viagens, Zambujo conquista novas praças- fortes de divulgação, nomeadamente a francesa (Outro Sentido esteve colocado no topo de vendas da poderosa cadeia FNAC). Outra “excursão” altamente compensadora leva-o ao Brasil, com valiosas colaborações (Ivan Lins, Roberta Sá, Zé Renato).

A influência brasileira, mantida até hoje, aprofunda-se em Guia, álbum lançado em 2010,

com a inclusão de temas assinados por novos valores brasileiros, como Rodrigo Maranhão, Márcio Faraco ou Pierre Aderne, mas, de igual forma, com os contributos os poemas de Aldina Duarte, Maria do Rosário Pedreira, José Eduardo Agualusa, João Monge e as canções de Miguel Araújo. Quando chega Quinto, já o artista faz convergir em pleno o carinho, o aplauso e o entusiasmo de um público. Canções como Lambreta ou Flagrante partem para o “domínio

público”, ao mesmo tempo que o seu intérprete é desafiado para duetos, colaborações, composições e autorias cedidas a terceiros. Rua da Emenda é o sexto disco do cantor, um trabalho que junta influências musicais do Brasil, França, Uruguai, África, e conta com colaborações de Samuel Úria e José Fialho Gouveia, Noel Rosa ou de Serge Gainsbourg, lado a lado com Jorge Drexler, Rodrigo Maranhão ou Pedro Luís. Prova de que esta Rua da Emenda é, afinal, uma rua do mundo.

SOBRE A ORQUESTRA CLÁSSICA DO CENTRO

14

A Orquestra Clássica do Centro (OCC) apresentou-se, pela primeira vez, enquanto orquestra profissional, em Dezembro de 2001, na altura com 25 elementos e com a denominação de Orquestra de Câmara de Coimbra. Considerada de superior interesse cultural pelo Ministério da Cultura, a OCC encontra-se abrangida, desde então, pela Lei do Mecenato Cultural (atual Estatuto dos Benefícios Fiscais). Em 2002, a Orquestra passou a ser composta por 32 elementos, sendo esta a sua atual constituição. Já em 2004 viu aprovada, por unanimidade, em Assembleia-Geral, a alteração do nome para Orquestra Clássica do Centro. Do seu historial, destacam-se os concertos que tiveram lugar em

monumentos arquitetónicos da cidade e concelho de Coimbra, no âmbito do projeto Mo(nu)mentos Musicais (2003)

monumentos arquitetónicos da cidade e concelho de Coimbra, no âmbito do projeto Mo(nu)mentos Musicais (2003) e o alargamento da sua atividade a conselhos e distritos mais diferenciados. Passou ainda a contar com o contributo solístico e de regência de notáveis figuras do nosso panorama musical, encontrando também meios para, pontualmente, produzir concertos com uma densidade tímbrica e orquestral sinfónica. Também tem vindo a multiplicar a atuação de formações de câmara (trios, quartetos e quintetos, entre outras).

A Orquestra Clássica do Centro conta com o apoio Institucional da Câmara Municipal de Coimbra.

QUEBRA J@ZZ 2015 3 e 4 JULHO| 22H00 ESCADAS DO QUEBRA-COSTAS

Entrada livre

É

com o Quinteto Pedro Moreira que, nos dias 3 e 4 de julho, arranca o Quebra J@zz 2015, evento que trará a um dos espaços mais originais para concertos em Coimbra o melhor do jazz, para ver e ouvir nas Escadas do Quebra-Costas, até dia 5 de setembro.

O

espetáculo que marca o início da programação intitula-se “Canções e Outras Memórias”

e

é um projeto original, baseado em composições de diversos autores, que aqui se

15

apresentam em versão instrumental. Cada tema invoca um universo distinto, sugerindo imagens e recordações próprias. O repertório é complementado por outras peças musicais, como prelúdios e canções sem palavras que convocam a imaginação e subjetividade de cada um. Constituição do grupo:

Pedro Moreira - saxofone tenor, composição João Moreira - trompete Sérgio Rodrigues - piano

Bruno Santos - contrabaixo Paulo Bandeira - bateria

SOBRE O QUEBRA J@ZZ Desde 2012 que os fins de semana de verão têm um

SOBRE O QUEBRA J@ZZ Desde 2012 que os fins de semana de verão têm um encanto especial nas Escadas do Quebra-Costas, com uma mostra do melhor jazz que se vai fazendo por Portugal. O Jazz@Quebra conta, nesta edição, com a realização de diversos concertos, que têm lugar entre julho e setembro, às sextas e sábados. São concertos intimistas, de grande proximidade com o público, onde se podem ver e ouvir alguns dos melhores músicos portugueses e dos mais conceituados intérpretes do universo jazzístico europeu e mundial, como são exemplos Bernardo Moreira, André Sousa Machado, Jeffery Davis, João Paulo Esteves da Silva, Carlos Barretto ou Mário Laginha. O Quebra J@zz, evento que já granjeou o reconhecimento nacional, soma já seis dezenas de sessões. Programa:

3 e 4 de julho - Quinteto Pedro Moreira;

10

17

24

31

7 e 8 de agosto - CBS Trio;

e 11 de julho - Fongaro Santos Renfrow Trio;

e 18 de julho - Trio Mário Laginha;

e 25 de julho - Davis Fernandes Cascais Miralta Quarteto;

de julho e 1 de agosto - Trio NOA;

14

e 15 de agosto - Kiko & The Jazz Refugees;

21

e 22 de agosto - BounceLab;

28

e 29 de agosto - ARARUR;

16

4 de setembro - Big Band Estarrejazz; (Com o apoio da Câmara Municipal de Estarreja)

5 de setembro - Jam Session

“UMA HISTÓRIA DE LUZ”| VIDEOMAPPING 3 JULHO| A PARTIR DAS 22H00 UNIVERSIDADE DE COIMBRA E

“UMA HISTÓRIA DE LUZ”| VIDEOMAPPING 3 JULHO| A PARTIR DAS 22H00 UNIVERSIDADE DE COIMBRA E PAÇOS DO MUNICÍPIO

Entrada livre

No dia 3 de julho, o Pátio das Escolas vai encher-se de imagens, luz e som. Para as comemorações do 725º Aniversário da Universidade de Coimbra, o ateliê OCUBO está a criar o espetáculo de videomapping "UC 725 Anos: Uma História de Luz", que irá ser projetado sobre a mais emblemática fachada da Universidade, a do edifício do Paço Real. Numa viagem pelo tempo, cujo motor de aventura é o conhecimento, dois estudantes universitários exploram a herança cultural, histórica e arquitetónica da mais antiga universidade portuguesa, cobrindo de luz e magia o pátio.

O espetáculo vai encher a Torre de imagens dinâmicas virtuais e trazer para o exterior do

edifício a Biblioteca Joanina que, através de animações 2D/3D e efeitos especiais adaptados à fachada, irá espalhar-se num labirinto imaginário do conhecimento, promovendo o espólio artístico e o património arquitetónico da Universidade como

Património Mundial da UNESCO. Um evento repleto de momentos mágicos e emoção, imerso num mundo de cor e movimento, em que o público se torna num participante da peça.

Numa homenagem à própria cidade onde a mais antiga Universidade do país foi fundada,

o ateliê OCUBO traz-nos ainda uma instalação videomapping interativa projetada sobre a

fachada da Câmara Municipal de Coimbra onde o público pode pintar com a luz e dar cor à

fachada. Este é um projeto integrado na programação do Ano Internacional da Luz 2015. As projeções na Universidade de Coimbra têm o seguinte horário: 22h00, 22h30, 23h00, 23h30, 24h00, 00h30. Nos Paços do Município tem início às 22h00.

17

RALI RAINHA SANTA 4 JULHO| 9H00 PRAÇA HERÓIS DO ULTRAMAR Com 45 edições realizadas e

RALI RAINHA SANTA 4 JULHO| 9H00 PRAÇA HERÓIS DO ULTRAMAR

Com 45 edições realizadas e 62 anos de história (a primeira edição data de 1953), o Rali Rainha Santa é a mais antiga prova da modalidade realizada em Portugal, de acordo com o Clube Automóvel do Centro, entidade que promove o evento. Nos últimos 15 anos, o rali, uma organização do Clube Automóvel do Centro, em colaboração com a Câmara Municipal de Coimbra, tem sido levado a cabo na modalidade de regularidade histórica, onde ocupa um lugar cimeiro entre as provas que se fazem em Portugal.

FEIRA DAS ASSOCIAÇÕES 4 JULHO|10H00/19H00 BAIXA DA CIDADE

Iniciativa que envolve as estruturas associativas do concelho, convidando-as a promover as atividades que desenvolvem, expondo e, até, vendendo o produto do seu trabalho. O evento integra animação de rua, com música, performances e teatro, bem como um espaço destinado à gastronomia. A Praça 8 de Maio é, desta forma, o espaço privilegiado para a apresentação de espetáculos, com grupos provindos de algumas das associações participantes. As Ruas Visconde da Luz e Ferreira Borges acolhem as tendas onde as coletividades se fazem representar.

18

NÚCLEO DA GUITARRA E DO FADO DE COIMBRA |Abertura ao Público| 4 JULHO| 18H30 TORRE

NÚCLEO DA GUITARRA E DO FADO DE COIMBRA |Abertura ao Público| 4 JULHO| 18H30 TORRE DE ANTO

Do programa das comemorações oficiais do Dia da Cidade de Coimbra, destaca-se a abertura ao público do novo Núcleo Museológico do Museu Municipal de Coimbra - Núcleo da Guitarra e do Fado de Coimbra. Instalado na Torre de Anto, classificada como Monumento Nacional desde 1935, este

núcleo integra-se no programa do Museu Municipal de Coimbra e pretende contribuir para

o conhecimento e divulgação duma expressão artística que projetou a cidade no mundo.

Cantores, instrumentistas, compositores e violeiros formatam um percurso expositivo que acompanha os momentos mais relevantes do Canto e da Guitarra de Coimbra ao longo de várias gerações. Antes da inauguração deste núcleo museológico, pelas 15h00, tem lugar a Sessão Solene

Comemorativa do Dia da Cidade, nos Paços do Município, seguida, duas horas mais tarde, às 17h00 - pela inauguração, na Sala da Cidade, da exposição Uma nova coleção na cidade: pintores portugueses da segunda metade do século XX.

19

FESTIVAL DO CROCHÉ 4 JULHO VÁRIOS LOCAIS

À semelhança dos anos anteriores, a Câmara Municipal de Coimbra promove o III Festival

do Croché Social, a decorrer entre os dias 4 de Julho e 31 de Agosto de 2015. As peças em croché verdadeiras obras de arte - são produzidas pelas Instituições Particulares de Solidariedade Social (IPSS) e as associações, e serão expostas em zonas estratégicas da cidade, nomeadamente nos Largos do Poço, da Freiria e na junção entre a Rua do Almoxarife e Rua Eduardo Coelho, Rua Fernandes Tomás e o Largo Paço do Conde. Com a realização desta iniciativa pretende-se, mais uma vez, promover a aproximação entre as pessoas e os lugares que habitam. Desta forma, surgirá uma harmoniosa relação

entre o antigo e o contemporâneo, no qual o croché se destaca e se cruza

entre o antigo e o contemporâneo, no qual o croché se destaca e se cruza com outras artes, transformando os espaços urbanos numa casa acolhedora onde apetece regressar.

COMBO MANOUCHE 4 JULHO| 19H00 CAFÉ SANTA CRUZ

Entrada livre

Combo Manouche é o grupo formado pelos alunos do Curso Profissional de Instrumentista de Jazz da Escola Artística do Conservatório de Música de Coimbra. Nasce sob a orientação do professor Mauro Ribeiro, no âmbito de um dos projetos de formação em contexto de trabalho do ano letivo de 2013/2014. Um dos seus principais objetivos é a exploração de uma vertente do jazz que, nascida no Sul de França nos idos anos 30, tem no guitarrista Django Reinhardt a sua maior referência. O jazz manouche, também conhecido por jazz cigano, pode ser reconhecido através dos seus ritmos acelerados e altamente enérgicos. Ficha artística:

Guitarras - Joaquim Festas, Miguel Coelho, Diogo Martinho, Bruno Sousa Contrabaixo - Jóni Axel Cajon - Diogo Alexandre Direção Musical - Mauro Ribeiro

20

DEAD COMBO & ROYAL ORQUESTRA DAS CAVEIRAS 4 JULHO| 22H00 JARDIM DA SEREIA

Entrada livre

A música dos Dead Combo é indissociável dos espaços (físicos, mitológicos) que a geraram. Sem letras nem palavras, o duo de Tó Trips e Pedro Gonçalves canta com uma clareza desarmante o Tejo e Lisboa, Portugal e o Mediterrâneo, uma África idealizada e a vastidão da América, imaginada em Itália nos westerns de Morricone, majestosamente filmada por Wim Wenders e tocada por Ry Cooder. Para cantarem estes retratos, repita-se, não precisam de uma voz. Precisam apenas de uma guitarra e um contrabaixo que, informados

por uma certa vivência do rock'n'roll , conjuram anos e anos de música e atravessam

por uma certa vivência do rock'n'roll, conjuram anos e anos de música e atravessam continentes, reunindo o fado e os blues na mesma canção. A Bunch of Meninos é o mais recente capítulo de um dos mais belos e singulares corpos de trabalho produzidos em Portugal ao longo da última década.

SOBRE OS DEAD COMBO Os Dead Combo são Tó Trips e Pedro Gonçalves. A dupla nasceu em 2003, em sequência de um convite do radialista Henrique Amaro (Antena 3) para comporem e gravarem a canção Paredes Ambience, incluída no disco de homenagem a Carlos Paredes Movimentos Perpétuos Música para Carlos Paredes. Os cinco álbuns da banda editados até ao momento têm sido largamente elogiados em Portugal e no estrangeiro, recebendo vários prémios para Álbum do Ano. Lusitânia Playboys (2008), o terceiro disco de estúdio, foi eleito Álbum da Década pelo jornal Expresso. A dupla participou no episódio sobre Lisboa do programa No Reservations, de Anthony Bourdain, o que lhes valeu a entrada no top 10 dos discos de world music mais vendidos no iTunes norte-americano. Em Dezembro de 2014, coroando um ano com mais de 40 concertos realizados, esgotaram, com espetáculos mágicos, o Coliseu dos Recreios, em Lisboa, e o Teatro Rivoli, no Porto. Também no final de 2014, ficou a saber-se que A Bunch of Meninos foi considerado, pelos leitores do Blitz, como o melhor álbum português desse ano. O ano de 2015 começa com a chegada da música dos Dead Combo a Hollywood, através da inclusão de duas músicas suas no filme Focus, realizado pela dupla Glenn Ficarra. Ficha artística:

DEAD COMBO Tó Trips: Guitarras Pedro Gonçalves: Contrabaixo e Guitarras ROYAL ORQUESTRA DAS CAVEIRAS Ana Araújo: Piano João Cabrita: saxofones João Marques: trompete e Fliscornio Jorge Ribeiro: trombone Alexandre Frazão: Bateria

21

SERENATA MONUMENTAL DOS ANTIGOS ESTUDANTES 4 JULHO| 24H00 SÉ VELHA Entrada livre A canção de

SERENATA MONUMENTAL DOS ANTIGOS ESTUDANTES 4 JULHO| 24H00 SÉ VELHA

Entrada livre

A canção de Coimbra vai voltar a ouvir-se no Largo da Sé Velha. A 4 de julho, assim que a

“Cabra” anunciar as 24h00, os acordes das guitarras e as vozes dos cantores dos antigos estudantes da Academia vão juntar-se para entoar o fado de Coimbra. São cada vez mais aqueles que, de ano para ano, fazem questão de responder ao repto e celebrar a condição, especial e única, de antigo estudante da universidade que, desde há dois anos, ficou inscrita na lista Património da Humanidade pela UNESCO, pela

monumentalidade que ostenta, mas também pelo que de imaterial representa o seu património, da Língua Portuguesa à Canção de Coimbra. Organizada uma vez mais pelo Fado ao Centro, a IV Serenata Monumental dos Antigos Estudantes da Universidade de Coimbra vai acontecer, na escadaria da Sé Velha, com o talento e a arte dos grupos Rapsódia (que marcou presença nas serenatas da presente década), Toada Coimbrã (representada nos anos de 1980) e Tuna “Anos 90” (exatamente por ter participado nas serenatas dos anos de 1990). Ao Fado ao Centro e Convidados fica reservado o momento especial em que as várias gerações do fado de Coimbra se encontram para emprestarem ainda mais alma e sentimento à Serenata Monumental.

22

FOGO DE ARTÍFICIO 4 JULHO| 24H00 RIO MONDEGO

O fogo de artifício é um dos pontos altos do programa das Festas da Cidade de Coimbra,

atraindo, como já é habitual, milhares de pessoas. Este ano, o espetáculo pirotécnico, acompanhado de música, representa o culminar do programa de iniciativas do Dia da Cidade (4 de julho), decorrendo à meia-noite desse dia, ao contrário do vem sendo hábito nos últimos anos, em que o fogo de artifício acontecia no dia 3 de julho, às 24h00. O

espetáculo piromusical, que iluminará os céus de Coimbra, terá 12 mil disparos, e será lançado

espetáculo piromusical, que iluminará os céus de Coimbra, terá 12 mil disparos, e será lançado de plataformas instaladas no rio Mondego, entre as pontes Pedro e Inês e de Santa Clara.

TEMPO DE ENCONTRO 5 JULHO| 15H00 PRAÇA DO COMÉRCIO

Entrada livre

O encontro com a história da Universidade para projetar o futuro terá como ponto alto o Encontro dos Antigos Estudantes da Universidade de Coimbra, altura em que se reunirão na cidade os embaixadores da Academia. Será um mega evento, que promoverá um encontro com várias gerações de antigos estudantes, convidando-os a revisitar a UC. O evento, que inclui um conjunto de iniciativas, de 3 a 5 de julho, culmina com o espetáculo Tempo de Encontro, no dia 5 de julho, pelas 15h00, na Praça do Comércio. Programa do espetáculo:

Abertura - Antigos Tunos Grupo “Dar de Vaia” – AAEC Algarve Coro Misto com Jorge Condorcet em comemoração dos 100 anos de magia dos Condorcet AAEC Coros Dramáticos AAEC Porto Estudantina 725 AAEC Lisboa Grupo de Fados com declamação de Poemas - AAEC Braga Grupo Folclórico da Casa de Pessoal da UC Grupo de Fados Raízes de Coimbra Final Balada de Coimbra tocada e cantada por todos os intervenientes

23

EVENTOS DESPORTIVOS 26 JUNHO a 10 JULHO VÁRIOS LOCAIS Também na área desportiva são inúmeras

EVENTOS DESPORTIVOS 26 JUNHO a 10 JULHO VÁRIOS LOCAIS

Também na área desportiva são inúmeras as iniciativas relevantes que se destacam na programação das Festas da Cidade de Coimbra 2015. Eventos que marcam o calendário desportivo, não só a nível nacional, mas também internacional, e que mostram a assinalável vitalidade de Coimbra na área do desporto. Durante estes dias, de salientar a realização de provas que reunirão na cidade alguns dos melhores atletas das mais diversas modalidades, desde o atletismo, natação, basquetebol, hóquei em patins, passando pelo automobilismo, boxe, pesca, hipismo, bridge ou, até, motocross, paraquedismo e BTT. Programa desportivo:

26

junho

19h00 6.º Torneio Rainha Santa Isabel Cidade de Coimbra Bridge | Estádio Cidade de Coimbra (Federação Portuguesa de Bridge e CMC)

27

junho

9h45 Taça de Portugal em Precisão de Aterragem Paraquedismo | Jardim do Mosteiro de Santa Clara a Velha (Sky4Pombal, Associação de Desportos Aeronáuticos e CMC) 10h30 6.º Torneio Rainha Santa Isabel Cidade de Coimbra Bridge | Estádio Cidade

de Coimbra (Federação Portuguesa de Bridge e CMC) 16h00 1.ª Subida Mítica da Ladeira Rainha Santa em Bicicleta | Ponto de partida:

Convento de S. Francisco (Associação Desportiva Quatro Estações, Associação de Ciclismo de Aveiro, Federação Portuguesa de Ciclismo e CMC)

28

junho

9h45 Taça de Portugal em Precisão de Aterragem Paraquedismo | Jardim do Mosteiro

de Santa Clara a Velha (Sky4Pombal, Associação de Desportos Aeronáuticos e CMC) 10h30 II Sanfil Corrida Académica Cidade de Coimbra | Estádio Universitário de Coimbra (Associação Recreativa Casaense e CMC)

29 e 30 junho|1 e 2 julho

17h00 1.º Torneio Internacional “Cidade de Coimbra” – Hóquei em Patins |Pavilhão Municipal Multidesportos Mário Mexia (AAC Secção de Patinagem e CMC)

24

3 julho 09h00 – Concurso Internacional de Saltos “Rainha Santa Isabel/Cidade de Coimbra” – Hipismo

3

julho

09h00 – Concurso Internacional de Saltos “Rainha Santa Isabel/Cidade de Coimbra” – Hipismo | Centro Hípico de Coimbra (Centro Hípico de Coimbra e CMC)

4

julho

9h00 – Concurso Internacional de Saltos “Rainha Santa Isabel/Cidade de Coimbra” – Hipismo | Centro Hípico de Coimbra (Centro Hípico de Coimbra e CMC) 9h00 45.º Rali Rainha Santa Isabel/Cidade de Coimbra | Praça Heróis do Ultramar (Clube Automóvel do Centro e CMC)

9h00 28.º Concurso Nacional Juvenil em Pesca Desportiva | Praça da Canção (Associação Regional das Beiras de Pesca Desportiva e CMC) 9h00 5.º Torneio Internacional Master “Cidade de Coimbra” – Atletismo | Estádio Municipal “Cidade de Coimbra” (Clube de Veteranos de Atletismo de Coimbra e CMC) 9h00 – Torneio Juvenil “Cidade de Coimbra” – Minibasquetebol de rua | Praça da República (CAD Associação Coimbra Basquete e CMC) 9h00 Campeonato Interdistrital de Juvenis / Absolutos Natação | Centro Olímpico de Piscinas Municipais (Associação de Natação de Coimbra e CMC)

5

julho

25

08h00 | Mondego Ultra Trail (Partida - Ultra 50 Km) |Torres do Mondego (Junta de Freguesia de Torres do Mondego) 09h00 – Concurso Internacional de Saltos “Rainha Santa Isabel/Cidade de Coimbra” – Hipismo | Centro Hípico de Coimbra (Centro Hípico de Coimbra e CMC) 09h00 Campeonato Interdistrital de Juvenis / Absolutos Natação | Centro Olímpico de Piscinas Municipais (Associação de Natação de Coimbra e CMC) 09h00 | Mondego Ultra Trail (Partida - Trail 20 Km) |Torres do Mondego (Junta de Freguesia Torres do Mondego) 09h30 | Mondego Ultra Trail (Partida - Caminhada) |Torres do Mondego (Junta de Freguesia Torres do Mondego) 10h00 | Campeonato Regional de Motocross “Cidade de Coimbra” | Crossódromo de Vil de Matos (Centro Cultural e Recreativo de Sant’Ana e CMC) 8, 9 e 10 julho 21h00 Jogos Sem Fronteiras Cidade de Coimbra 2015 | Cova do Ouro (Associação Recreativa e Cultural da Cova do Ouro e Serra da Rocha)

AGRADECIMENTOS As Festas da Cidade de Coimbra 2015, uma organização da Câmara Municipal de Coimbra

AGRADECIMENTOS

As Festas da Cidade de Coimbra 2015, uma organização da Câmara Municipal de Coimbra e da Agência para a Promoção da Baixa de Coimbra, são possíveis graças ao espírito de cooperação e às parcerias estabelecidas com a Universidade de Coimbra, Teatro Académico de Gil Vicente e Associação Amigos dos Queimados.

Foi ainda determinante a colaboração da Orquestra Clássica do Centro, do Conservatório de Música de Coimbra, do Centro de Artes Visuais, do Teatro Loucomotiva, da ADDAC Associação para o Desenvolvimento e Defesa da Alta de Coimbra, do Grupo Etnográfico da Região de Coimbra, da Associação Cultural Menina e Moça, do Café Santa Cruz, do Bar Quebra-Costas, do Fado ao Centro, do Centro Norton de Matos, da escola de dança LOVE, da Associação Académica de Coimbra, do Clube Automóvel do Centro, da Federação Portuguesa de Bridge, do Centro Hípico de Coimbra e da Associação de Natação de Coimbra.

Relevante foi ainda a cooperação com a União de Freguesias de Santa Clara e Castelo Viegas, com a Junta de Freguesia de S. Silvestre, com a Junta de Freguesia de Torres do Mondego, com a Associação Regional das Beiras de Pesca Desportiva, com o Clube de Veteranos de Atletismo de Coimbra, com a CAD Associação Coimbra Basquete, com o Centro Cultural e Recreativo de Sant’Ana, com a Associação Recreativa Casaense e com a Associação Recreativa e Cultural da Cova do Ouro e Serra da Rocha.

26

Por fim, a Câmara Municipal de Coimbra agradece ainda a todas as instituições, associações, clubes, artistas, músicos, cantores, atores, artistas plásticos e todos aqueles que estiverem envolvidos na realização das Festas da Cidade de Coimbra 2015, com a certeza de que é graças a todos eles que este projeto é possível.

CONTACTOS CÂMARA MUNICIPAL DE COIMBRA Praça 8 de Maio 3000 - 300 Coimbra (Portugal) T.

CONTACTOS CÂMARA MUNICIPAL DE COIMBRA Praça 8 de Maio 3000 - 300 Coimbra (Portugal) T. + 351 239 857500 Email. geral@cm-coimbra.pt| turismo@cm-coimbra.pt

27

Interesses relacionados