Você está na página 1de 3

Referenciais de Formação Específica - FICHA MODELO DE SUBUNIDADE DE FORMAÇÃO

Curso de Treinadores de: Federação: Portuguesa de Futebol Futsal Grau de Formação: I
Curso de Treinadores de:
Federação:
Portuguesa de Futebol
Futsal
Grau de Formação:
I
(modalidade/estilo/disciplina)
Componente Prática:
horas
Componente Teórica:
6
horas
Total de horas:
6
Subunidade
Gestão e Organização do Futsal
Temas
Competências de Saída
Critérios de Evidência
Formas de Avaliação
Duração
1.
Função social do Clube de Futsal
CP:
CT:
1
1.1. Missão, visão e valores
a)
os fundamentos da intervenção social
1.2. Fundação, organização e gestão dum clube
a) procedimentos organizativos
Identifica os principais
aspectos que integram o
Clube de Futsal no contexto
social
Teste escrito
b) estrutura e componentes da organização
c) objetivos, coordenação, instrumentos e direção
1.3. Cidadania activa
a) cidadania e participação ativa no clube
b) participação democrática, lealdade, regras e disciplina
c) envolvimento social e solidariedade
Descrever e relacionar os
principais aspectos que
definem a função social do
Clube de Futsal
nomeadamente os que se
relacionam com a formação
não-formal dos diferentes
estratos sociais e níveis
etários envolvidos e com o
enquadramento daquele no
contexto social
d) voluntariado e educação não-formal
1.4. Capital humano
a) conhecimentos específicos e interação profissional
b) competências sociais e técnicas
c) motivação, empenho e superação
específicos e interação profissional b) competências sociais e técnicas c) motivação, empenho e superação

1.

Função social do Clube de Futsal (cont.)

 

Duração

       

CP:

 

CT:

1

Descrever e relacionar os principais aspectos que definem a função social do Clube de Futsal nomeadamente os que se relacionam com a formação não-formal dos diferentes estratos sociais e níveis etários envolvidos e com o enquadramento daquele no contexto social

1.5. Coesão económica e social

 
 

a) integração social de grupos vulneráveis ou sub-

Identifica os principais aspectos que integram o Clube de Futsal no contexto social

Teste escrito

 

representados e migrantes

 

b) pertença, participação e diálogo intercultural

 

c) impacto económico local

   

1.6. Intervenção na morbilidade

 

a)

morbilidade social e morbilidade desportiva

 

2.

Raízes do Futsal

 

Duração

       

CP:

 

CT:

2

 

a) Missão e filosofia das Raízes do Futsal

 

b) Equidade e Protecção de Menores

Adoptar os fundamentos das Raízes do Futsal e identificar as condutas adequadas para a realização satisfatória de actividades de Futsal

Demonstra através da referenciação de exemplos o domínio das normas orientadoras dos comportamentos dos diferentes agentes

c) Segurança das Actividades

d) Conduta dos Praticantes

Teste escrito

e) Responsabilidades dos Pais ou Encarregados de Educação

f) Actuação de Treinadores e Voluntários

   

g) Salvaguarda dos Jogadores Veteranos

 
f) Actuação de Treinadores e Voluntários     g) Salvaguarda dos Jogadores Veteranos  

3. Organização de actividades e procedimentos administrativos do Futsal

Duração

CP:

CT:

2

a) Organização de actividades em espaços próprios ou cedidos

b) Actividades lúdicas e quadros competitivos

c) Particularidades dos escalões juniores

d) Processos de inscrição de equipas e jogadores

e) Planeamento da realização de um jogo

f) Procedimentos consequentes ao jogo

Identificar os constrangimentos para a organização de actividades e os procedimentos administrativos associados

Organiza modelos de actividades lúdicas e de quadros competitivos elementares, executa correctamente processos de inscrição, estabelece um cronograma de acções para

organização de um jogo e identifica as tarefas pós-jogo

Teste escrito

Perfil do Formador

Treinador ou dirigente executivo que exerça funções numa entidade desportiva que

1. promova, regulamente e dirija a nível regional ou nacional a prática do Futsal,

 

2. tenha como principal objeto da sua atividade o ensino e a prática do mesmo,

3. consagre regulamentação específica da modalidade,

4. assuma o estrito respeito pelas Leis do Jogo do Futsal aprovadas pelo IFAB e

5. respeite a regulamentação da FIFA e da UEFA,

sendo responsável pela condução operacional ou pela direção executiva de

a) programas de desenvolvimento – nos seus diferentes fatores – e planos de atividades;

b) processos nacionais de seleção e deteção de talentos;

c) preparação de grupos de jogadores de excelência;

d) de cursos e ações de formação de agentes desportivos.

c) preparação de grupos de jogadores de excelência; d) de cursos e ações de formação de