Você está na página 1de 15

PROVA DE RACIOCÍNIO ANALÍTICO

(SETEMBRO 2007)

1. Desde que o primeiro barril de petróleo foi extraído do chão com o objetivo de mover
um automóvel, especula-se sobre o fim desse combustível. Há especialistas que o vêem
como um entrave descomunal ao crescimento global, e cujo preço, que já chegou à casa dos
70 dólares o barril, dificilmente retomará com estabilidade e segurança aos patamares
anteriores. Ninguém ainda tem uma resposta sobre quando essa fonte energética não-
renovável vai acabar; há quem diga que a curva de produção, na maioria das regiões
produtoras, atingiu o ápice e, daqui para frente, tende inexoravelmente ao declínio. Ao
mesmo tempo, o vetor dos preços aponta para cima.
No texto acima, admite-se que

A) Além da questão econômica, deseja-se ardentemente o fim da era do petróleo, pois


somente assim pode-se pensar em desenvolvimento sustentável.
B) Biodiesel, biogás, álcool combustível, gás natural, eletricidade e hidrogênio são
exemplos reais e bem sucedidos de que o petróleo pode ser dispensável.
C) Se as prospecções de novas reservas de petróleo hoje em andamento forem bem
sucedidas, poderá haver uma reversão temporária nas expectativas de altas de preços.
D) Se fosse possível praticar preços equivalentes àqueles pelos quais o petróleo era vendido
nos anos 70, as dificuldades seriam significativamente minimizadas.
E) Se surgir um combustível econômica e ecologicamente viável para substituir o petróleo,
desaparecerão os entraves ao crescimento global.

2. Desde tempos remotos, os pensadores tentam definir o que é felicidade. Mais


recentemente, o liberalismo estimulou a difusão da perspectiva que relaciona felicidade ao
progresso econômico e ao bem-estar material. Em julho de 2006, a ONG inglesa The New
Economics Foundation contribuiu para esse debate com a divulgação de uma pesquisa que
traz o ranking dos países cuja população é mais feliz. O resultado é surpreendente. Os
americanos, que vivem na nação mais rica do planeta, ocupam um modestíssimo 150°
lugares. Os italianos, sempre alegres, amantes da boa comida e da boa música, não passam
da 66ª colocação. Os brasileiros estão perto, em 63º lugar. O povo feliz de verdade,
segundo a pesquisa, é o de Vanuatu, um pequeno arquipélago no Pacífico Sul. O país tem
210.000 habitantes que vivem basicamente da agricultura de subsistência, produzindo coco,
cacau e inhame, e que não dispõem de água potável de qualidade. Apenas 3% da população
possuem telefone fixo e a mortalidade infantil é de 54 óbitos para cada 1.000 nascimentos,
o dobro da taxa brasileira. Vale ressaltar que os últimos lugares da lista são ocupados por
paupérrimos países africanos.
Qual das seguintes alternativas melhor resolve a aparente contradição no texto acima?

A) Para o filósofo grego Aristóteles, felicidade é uma manifestação da alma humana


mediante a constatação de uma vida virtuosa.

CE - Central de Ensino – F.3063 4019 1


R. Prof. Rubião Meira, n. 31 – São Paulo/SP 05409 020
http://www.centraldeensino.com.br
CNPJ: 07275065/0001-99
B) Os governos e os exércitos dos países ricos estão permanentemente envolvidos em
disputas ou mesmo em guerras contra outros países.
C) O isolamento geográfico facilita a manutenção de traços culturais específicos, como o
culto ao bem-viver, à convivência e à vida cooperativa.
D) Nos países mais desenvolvidos, as pessoas passam a maior parte do tempo tratando do
trabalho e da própria sobrevivência, o que as toma menos infelizes.
E) Em Vanuatu, poucas pessoas felizes têm um peso muito maior do que as infelizes para
se concluir sobre o estado geral de ânimo da população.

3. O celular é uma arma - logo, a solução é bloqueá-lo ou desligar as antenas transmissoras


nas proximidades dos presídios, mesmo que a medida isole e prejudique centenas de
milhares de cidadãos inocentes. Em breve, raciocínio idêntico deverá valer para a Internet,
também usada por fraudadores cibernéticos e por adeptos da pornografia ilegal. Da mesma
forma, poderá ser estendido aos automóveis, pois eles matam milhares de pessoas por ano;
também à gasolina, porque pode ser usada na fabricação de coquetéis molotov; e, ainda,
para as canetas, instrumentos maléficos usados para preencher cheques sem fundos.
No texto acima, admite-se que

A) As propostas do texto são adequadas para reverter a situação de insegurança e de


banditismo que assusta os moradores das grandes cidades.
B) Condenar o uso da Internet, dos automóveis, da gasolina e das canetas é uma abordagem
irônica para discordar do bloqueio de celulares.
C) Condenar o uso da Internet, dos automóveis, da gasolina e das canetas é uma forma
direta de denunciar o uso de celulares por presidiários.
D) Os crimes relacionados às propostas do texto são equivalentes em gravidade e em
penalização, e, por isso, o autor os utilizou como exemplo.
E) Os tribunais jamais dariam legitimidade jurídica a propostas que ameacem as liberdades
individuais e os valores da democracia.

4. Quando se trata de tecnologia, nem sempre o consumidor recebe pelo que paga. Apesar
da chegada dos modelos de televisão de plasma de alta definição ao Brasil, ainda há
pequena oferta de conteúdo com qualidade de imagem mais elevada. Os canais de televisão
de baixa definição, analógicos ou digitais, assim como os DVDs, têm resolução de até 480
linhas; a televisão de alta definição tem de 720 a 1.080 linhas. Sem os canais de alta
definição e o decodificador específico, no entanto, o consumidor não aproveita totalmente a
tecnologia de seu aparelho de televisão novo. Mesmo a televisão por assinatura digital hoje
disponível no país não é de alta definição- tem apenas o sinal digital, que permite a
transmissão com melhor qualidade e o envio de mais canais através do mesmo meio de
transmissão. Já a televisão aberta tem, atualmente, sinal analógico (sujeito a chuviscos e
interferências) e de baixa definição.
Todas as alternativas seguintes, se consideradas como verdadeiras, fortalecem a conclusão
do texto acima, EXCETO:

A) Algumas empresas oferecem kits eletrônicos para transformar carros comuns em


CE - Central de Ensino – F.3063 4019 2
R. Prof. Rubião Meira, n. 31 – São Paulo/SP 05409 020
http://www.centraldeensino.com.br
CNPJ: 07275065/0001-99
bicombustíveis. Entretanto, os carros comuns não foram projetados para esse uso, e seu
desempenho após a adaptação fica muito abaixo dos níveis anunciados.
B) Diante do crescente nível de tecnologia incorporada aos automóveis, as montadoras têm
recorrido mais vezes ao recall, convocando os proprietários para reparos gratuitos e
garantindo a satisfação com os veículos adquiridos.
C) Os automóveis importados são vendidos, geralmente, como se fossem superiores aos
nacionais. Contudo, em termos de tecnologia, por exemplo, os equipamentos de orientação
(GPS) não podem ser usados por falta de mapas da maioria das cidades brasileiras.
D) Os provedores de Internet vendem pacotes que incluem velocidades incríveis de acesso.
Ocorre que a maioria dos usuários que paga por isso não é avisada de que seus
computadores não comportam conexões tão rápidas.
E) Quando é lançada uma nova geração de chips de computador, muitos consumidores
afoitos correm para comprar a novidade. Só que, geralmente, nos primeiros momentos, não
existem softwares capazes de aproveitar efetivamente a potência da nova máquina.

5. Há sempre algum modismo em voga que estimula o ímpeto consumista dos jovens. Tênis
com rodinhas são a grande novidade para crianças entre 5 e 12 anos; os "skatênis", como
são chamados, podem ser vistos principalmente nos shopping centers e nos pátios das
escolas, onde o piso permite que se deslize mais suavemente sobre as rodinhas fixadas no
solado. Sem elas, o calçado tem a aparência de outro qualquer. É uma mania, como tantas,
importada dos Estados Unidos. Os "skatênis" importados chegam a custar R$ 400 no
Brasil, mas existem similares nacionais que saem por R$ 160. Seu fabricante espera vender
oitenta mil pares.
Considerando-se as seguintes alternativas como verdadeiras, qual delas mais fortaleceria a
conclusão do texto acima?

A) A cada década surge uma grande idéia que, por pouco tempo, resulta em vendas
milionárias; veja-se o caso do patinete motorizado.
B) Há uma tendência de se projetar espaços públicos com pisos planos e lisos, o que facilita
algumas brincadeiras e práticas desportivas.
C) Na Antiguidade, já se conhecia o uso lúdico das representações humanas em escala
reduzida, e já se utilizavam, por exemplo, bonecas como brinquedos.
D) No futuro, deverão ser incorporadas aos brinquedos as novas tecnologias de segurança
desenvolvidas a partir dos esportes radicais.
E) O ciclo de vida dos produtos diminuiu muito: a vida útil de uma novidade que vende
muito chega a poucos meses, e ela é logo substituída por outra, mais recente.

6. Durante uma corrida de táxi ou uma viagem de trem, já é possível ligar o celular e
assistir ao vivo aos programas da NCBC, CNN e ABC News, um serviço de MobiTV a
US$ 9,99 por mês, lançado no início de 2006 pela Cingular Wireless, a maior companhia
de telefonia móvel dos EUA. O sonho de se manter conectado 24 horas por dia atingiu um
patamar inédito na história. O marketing não precisa mais se contentar com territórios pré-
determinados, como a televisão, o rádio ou as revistas para alcançar a sociedade de
consumo.

CE - Central de Ensino – F.3063 4019 3


R. Prof. Rubião Meira, n. 31 – São Paulo/SP 05409 020
http://www.centraldeensino.com.br
CNPJ: 07275065/0001-99
Todas as alternativas podem ser inferidas a partir da leitura do texto acima, EXCETO:

A) A mobilidade das pessoas as impedia de assistirem ininterruptamente à televisão.


B) As vias tradicionais de comunicação representavam uma limitação para o marketing.
C) O MobiTV é um dos mais inovadores serviços de comunicação.
D) Os profissionais de marketing perceberão vantagens no novo serviço.
E) No início de 2006, a Cingular é a única a oferecer um serviço como o MobiTV.

7. O lucro da rede varejista americana Wal-Mart, a maior do mundo, teve um crescimento


de 11,5% no último trimestre, apesar de as vendas terem ficado no mesmo valor em relação
ao período anterior. O lucro líquido da rede chegou a US$ 2,65 bilhões, contra US$ 2,37
bilhões no período antecedente. As receitas também tiveram um crescimento de 12%,
atingindo US$ 83,54 bilhões no último trimestre, contra US$ 74,60 bilhões antes. O
resultado ficou abaixo do esperado pelos analistas, que previam um total de US$ 84,48
bilhões nas receitas do trimestre.

Qual das seguintes alternativas constitui a conclusão mais apropriada para o texto acima?

A) Os custos da Wal-Mart acarretaram lucros mais baixos do que o previsto pelos analistas.
B) Os lucros cresceram porque a Wal-Mart é a maior do mundo no segmento de varejo.
C) Os lucros cresceram porque a Wal-Mart vendeu mais no período indicado.
D) As receitas e os lucros habitualmente apresentam resultados proporcionais.
E) As receitas e os lucros da Wal-Mart não dependem somente das vendas.

8. Imagine um banco que cobra de seu correntista cada vez que este movimenta sua conta
utilizando o caixa com atendimento humano. Por mais inusitada que possa parecer tal
situação, isso realmente aconteceu: em abril de 1995, o First National Bank of Chicago
implantou uma tarifa de US$ 3,00 para os consumidores que utilizassem a assistência de
um caixa das agências para transações que poderiam ser feitas pelo caixa eletrônico ou por
telefone. A estratégia, obviamente impopular, tinha como objetivo final aumentar a
lucratividade da instituição financeira. Muito criticada por teóricos que pregavam a
aplicação de investimentos em programas de fidelidade como saída para o aumento da
competição no setor, a medida apresentou excelentes resultados, mesmo com a perda de
milhares de correntistas.

Qual das seguintes alternativas pode ser inferida a partir da leitura do texto acima?

A) A partir da diminuição da oferta do atendimento humano, o banco pôde reduzir sua


estrutura nesse ponto, além de aumentar os lucros através da cobrança da nova taxa.
B) A estratégia de que fala o texto foi engendrada e implementada porque os clientes que
utilizavam os serviços com atendimento humano não davam lucro ao banco.
C) Em um mercado competitivo, perder clientes não é coisa que se faça, sob qualquer
pretexto. Assim, a iniciativa deveria ter sido abortada logo depois de implementada.
D) O que propiciou a elevação dos lucros do banco foi a extinção dos serviços efetuados
mediante atendimento humano, depois da implementação da nova estratégia.
CE - Central de Ensino – F.3063 4019 4
R. Prof. Rubião Meira, n. 31 – São Paulo/SP 05409 020
http://www.centraldeensino.com.br
CNPJ: 07275065/0001-99
E) Se o banco cobrasse US$ 1,50 em vez de US$ 3,00, não perderia tantos clientes
lucrativos e seu lucro seria ainda maior com a receita da taxa de utilização.

9. O adágio popular "ganha mais dinheiro quem já tem dinheiro" parece se materializar
fielmente no mercado financeiro. A rentabilidade conseguida pelos pequenos investidores
tem ficado abaixo da computada pelas aplicações destinadas a investidores de maior poder
aquisitivo. Na média, os fundos rotulados como low end (aplicações que exigem
investimento mínimo de até R$ 5 mil) renderam 9,73% em 2006. Na outraponta, os
high end (fundos que exigem aplicação mínima acima de R$ 100 mil) pagaram 12,33%
no ano. Para os fundos que exigem investimentos mínimos entre R$ 5 mil e R$ 100 mil, o
retorno no período ficou em 11,71%. Analistas explicam que um dos principais problemas
encontrados pelo pequeno investidor é a taxa de administração. De um modo geral, os
fundos que pedem quantidades menores para aplicações mínimas cobram taxas de
administração mais elevadas, corroendo o ganho final do investidor.

Considerando-se as seguintes alternativas como verdadeiras, qual delas mais enfraqueceria


a conclusão do texto acima?

A) Os fundos de ações mais rentáveis no Brasil em 2006 foram aqueles que ancoraram seus
investimentos nos papéis da Vale do Rio Doce e da Petrobrás.
B) Os fundos de investimentos menos rentáveis no Brasil em 2006 foram aqueles que
congregaram pequenos investidores e que eram lastreados em âncora cambial.
C) Os investidores que apostaram nos lucros aplicando no mercado futuro de commodities
tiveram suas expectativas frustradas em 2006.
D) Os fundos de investimentos low end apresentaram um desempenho excepcional em
2006, fato que não havia sido registrado antes.
E) Nos últimos anos, o investimento mais rentável foi representado pelos fundos de
investimento que agrupam pequenos investidores e aplicam de forma diversificada.

10. Se os executivos brasileiros são como pilotos hábeis, que dirigem numa pista
desconhecida e sob forte neblina, então precisam compensar a visibilidade reduzida com
uma refinada capacidade de reagir rapidamente às mudanças de um ambiente volátil e
hostil.

Qual das seguintes alternativas mais se aproxima do método de raciocínio utilizado pelo
autor para chegar à conclusão acima?

A) Em 2006, a economia mundial alcançou um patamar de estabilidade que perdurou


durante todo o ano. As exportações brasileiras mantiveram um ritmo elevado e estável no
período, e o Real valorizou-se frente ao dólar de janeiro a dezembro de 2006.
B) Imaginemos que os chineses consigam, em algumas décadas, aproximar-se do
exagerado padrão de consumo que os americanos têm hoje. Se isso acontecer, é certo que
os recursos naturais se esgotarão mais rapidamente.
C) O consumo de drogas, já se sabe há muito tempo, estimula a criminalidade em suas mais
CE - Central de Ensino – F.3063 4019 5
R. Prof. Rubião Meira, n. 31 – São Paulo/SP 05409 020
http://www.centraldeensino.com.br
CNPJ: 07275065/0001-99
variadas manifestações. Por sua vez, a tensão e o perigo típicos da vida criminosa
favorecem o uso de drogas.
D) Para que o índice pluviométrico no Nordeste brasileiro atinja níveis que viabilizem a
agricultura de subsistência, são necessárias duas coisas: que o El Nino seja atipicamente
forte e que ocorram zonas de convergência sobre o Atlântico.
E) Quando as montadoras não fazem promoções nos finais de ano, baixando os preços dos
carros e oferecendo brindes e equipamentos grátis, os consumidores não se sentem
motivados a adquirir os modelos do ano que se encerra.

11. Entre 2002 e 2004, o valor das diárias dos hotéis no Brasil caiu porque a oferta de
quartos cresceu em demasia. Depois disso, os preços voltaram a subir. A única cidade em
que as tarifas não se elevaram foi o Rio de Janeiro, onde os hotéis dependem muito de
turistas estrangeiros, que trocaram o Brasil por outros destinos depois que o Real se
valorizou.

Qual das seguintes alternativas constitui a conclusão mais apropriada para o texto acima?

A) Em outras cidades, particularmente nas situadas no Nordeste, os turistas estrangeiros


têm maior poder aquisitivo, o que permitiu o aumento das tarifas em hotelaria.
B) O número de turistas estrangeiros que visitam o Rio de Janeiro é maior do que no
restante do Brasil.
C) Proporcionalmente, o número de hóspedes estrangeiros no Rio de Janeiro é maior do
que em outras cidades brasileiras.
D) Proporcionalmente, os turistas estrangeiros julgam que o Rio de Janeiro é o melhor
destino turístico no Brasil.
E) Se o Real se desvalorizar, o valor das diárias dos hotéis no Rio de Janeiro subirá em
resposta ao grande afluxo de turistas estrangeiros.
12. Uma ampla pesquisa sobre o transporte no Estado de São Paulo conseguiu mapear os
problemas que levam os carros a parar nas vias públicas: 7,5 % apresentam pane elétrica,
12% param por falta de combustível, 17,5% têm pneus furados e 63% apresentam falha
mecânica. A conclusão disso é que a maioria dos acidentes é causada, de longe, por falha
mecânica.

No texto acima, admite-se que

A) 50% das paradas se dão por causas não-mecânicas.


B) Na realidade, a maior parte dos acidentes ocorre por causa de buracos na pista.
C) Na realidade, a maior parte dos acidentes se dá por abuso dos motoristas.
D) Não é possível apontar as causas dos acidentes a partir desses dados.
E) Se a conservação dos carros fosse melhor, não seria necessário pesquisar.

13. O lucro líquido da fabricante alemã de veículos Volkswagen mais que dobrou no
segundo trimestre de 2006, chegando a € 859 milhões, impulsionado pelo ganho com a
venda da Europcar, maior empresa locadora de veículos da Europa. No mesmo trimestre de

CE - Central de Ensino – F.3063 4019 6


R. Prof. Rubião Meira, n. 31 – São Paulo/SP 05409 020
http://www.centraldeensino.com.br
CNPJ: 07275065/0001-99
2005, o lucro da Volks havia sido de € 333 milhões. A receita da montadora cresceu 8,1% e
chegou a € 26,56 bilhões no período, contra € 24,58 bilhões um ano antes. A Volks
informou que ainda pretendia superar em 2006 os resultados de vendas e de lucros em
relação a 2005, quando as vendas chegaram a € 95,27 bilhões e o lucro operacional a € 3,14
bilhões. A venda da Europcar gerou um ganho líquido de € 796 milhões no primeiro
semestre do ano, segundo a empresa. Apesar disso, o lucro operacional da Volks no período
foi afetado por encargos de € 1,3 bilhão referentes a custos de reestruturação. Desse modo,
o lucro operacional, no segundo trimestre, ficou em € 379 milhões, contra € 873 milhões há
um ano.

O que se conclui a partir da leitura do texto acima?

A) A Volks foi mais eficiente na produção de seus veículos no ano de 2006.


B) As vendas da montadora Volkswagen em 2006 foram melhores do que em 2005.
C) Lucros não ocorrem apenas em função da produção e da venda de mercadorias.
D) Os lucros dos primeiros trimestres são sempre superiores aos dos demais.
E) Todos os anos, a montadora Volkswagen incorre em custos de reestruturação.

14. O projeto do primeiro ônibus brasileiro movido a hidrogênio deverá sair do papel, até
novembro de 2007, para circular no Corredor Metropolitano São Mateus/Jabaquara (SP),
durante quatro anos. A região metropolitana de São Paulo foi escolhida para o projeto
porque abriga a maior frota de ônibus do mundo. Também contribuiu para justificar a
realização do projeto o fato de o Brasil ser o maior mercado mundial de ônibus (19 mil ao
ano). Do ponto de vista ambiental, São Paulo tem hoje um dos maiores problemas de
poluição ambiental do planeta: na região, os veículos motorizados são responsáveis por
90% das emissões de poluentes na atmosfera, o que é agravado pelo fato de a maioria dos
ônibus utilizar motores movidos a derivados de petróleo. Por outro lado, o Brasil lidera,
atualmente, a redução de emissão de gases causadores do efeito estufa por meio do uso de
energia hidrelétrica e de etanol (álcool combustível).

No texto acima, admite-se que

A) O fato de o Brasil constituir o maior mercado mundial de ônibus é o grande fator a ser
levado em consideração para se analisar a poluição ambiental.
B) A situação crítica a que chegou a poluição ambiental nas grandes metrópoles deve-se
exclusivamente à incúria das autoridades.
C) A situação em São Paulo chegou ao nível crítico porque sua população utiliza mais o
transporte coletivo do que as de outras metrópoles, proporcionalmente.
D) A iniciativa de implementar o uso de hidrogênio terá um papel decisivo no combate à
poluição ambiental em São Paulo e outras metrópoles.
E) A produção de álcool combustível queima menos derivados do petróleo do que
queimariam os veículos que vão rodar com o combustível alternativo.

CE - Central de Ensino – F.3063 4019 7


R. Prof. Rubião Meira, n. 31 – São Paulo/SP 05409 020
http://www.centraldeensino.com.br
CNPJ: 07275065/0001-99
15. Ao se utilizar o salário mínimo como critério para medir o desempenho do poder
aquisitivo no período de 1990 até hoje, é preciso levar em conta tanto seu aumento real
quanto seu poder de compra. Por causa da queda nos preços dos alimentos e dos aumentos
reais dados ao mínimo no último Governo (25% acima da inflação), o salário mínimo, que
comprava apenas 70% de uma cesta básica ao final do Governo anterior, hoje paga duas.
Como muitos dos benefícios assistenciais e previdenciários são indexados ao mínimo, a
correção do poder de compra dos inativos foi maior do que para quem ficou no mercado.

O que se conclui a partir da leitura do texto acima?

A) Devido ao fato de o valor do salário mínimo estar sujeito a interveniências políticas, seu
uso para mensurar o poder de compra do salário é inadequado.
B) Entre dois trabalhadores, um aposentado antes dos anos 90 e outro depois, o que se
aposentou primeiro ganhou mais em 2006.
C) Entre dois trabalhadores que ganhavam o mesmo em 1990, o aposentado recebeu mais
em 2006 do que o que permaneceu trabalhando.
D) O achatamento dos salários dos trabalhadores ativos prejudica a economia, pois a massa
salarial direcionada ao consumo diminui.
E) Para preservar o poder de compra dos trabalhadores ativos, os políticos deveriam
aprovar uma lei corrigindo todos os salários pelo mínimo
.
16. O chip de computador acaba de dar um enorme salto tecnológico: cientistas anunciaram
a criação de um chip capaz de operar a laser e de multiplicar por 100 a atual velocidade de
processamento. Esse avanço abre a possibilidade de usar o laser para trocar dados entre os
chips, removendo um grande gargalo existente na arquitetura dos computadores. Os raios
luminosos já são utilizados na transmissão de dados a grande velocidade, por meio de fibra
óptica. Em um chip comum, os dados são transmitidos por impulsos elétricos que
percorrem fios microscópicos de silício ou de cobre. O que os cientistas fizeram foi cobrir o
microprocessador com uma fina camada de fosfato de índio, substância capaz de propagar
raios luminosos. No chip a laser, os fios continuam existindo, mas apenas para orientar o
feixe de luz.

Todas as alternativas seguintes, se consideradas como verdadeiras, fortalecem a conclusão


do texto acima, EXCETO:
A) Alguns cientistas afirmam que o grande salto tecnológico foi a invenção do transistor, e
que, desde então, ocorreram meras evoluções.
B) A NASA já está planejando o uso dos chips a laser nas naves espaciais, porque acredita
que, assim, terá melhores chances de evitar acidentes.
C) Até agora, os avanços na velocidade dos chips se davam na ordem de duas, quatro ou
dez vezes, nunca ultrapassando esta marca de uma geração para a seguinte.
D) O novo chip a laser permitirá otimizar os modelos de previsão meteorológica, o que não
era possível com a tecnologia utilizada até agora.
E) Salto tecnológico é o nome dado a uma transição rápida e significativa de
conhecimentos e de aplicações em determinada área.
CE - Central de Ensino – F.3063 4019 8
R. Prof. Rubião Meira, n. 31 – São Paulo/SP 05409 020
http://www.centraldeensino.com.br
CNPJ: 07275065/0001-99
17. Se nada mudar, serão necessários 75 anos para que desapareça a diferença salarial entre
homens e mulheres existente no Brasil Dados do BNDES mostram que as mulheres
recebem salários 9% mais baixos do que os homens contratados para a mesma função.
Embora venha diminuindo, essa diferença o faz em ritmo muito lento: na última década, a
redução foi de 0,12% ao ano.

Todas as alternativas seguintes, se consideradas como verdadeiras, enfraquecem a


conclusão do texto acima, EXCETO:

A) Tramita no Congresso Nacional um Projeto de Lei que determina a impossibilidade de


disparidades salariais entre os gêneros.
B) No serviço público, cada pessoa nomeada, guardadas as qualificações individuais, tem
seus vencimentos definidos de acordo com o Plano de Cargos e Salários.
C) Existe um número crescente de famílias chefiadas por mulheres, e essas famílias têm
renda média 25% maior do que as demais.
D) As grandes corporações, em atividades específicas, não encaram com bons olhos a
diminuição dos custos por meio da contratação de mulheres.
E) As mulheres têm invadido espaços profissionais tradicionalmente masculinos e
incrementado sua renda ao longo dos anos em um ritmo igual ao dos homens.

18. Nos últimos tempos, muitos americanos vêm dizendo que querem uma alimentação
mais saudável, porém as redes de fast food acreditam cada vez menos nisso. Os
restaurantes, esperando atrair consumidores que procuram ofertas "indulgentes", estão
estimulando o consumo de quantidades absurdas de comida. A propaganda do Burger King
para o novo BK Stackers, por exemplo, diz que o consumidor pode adicionar até quatro
fatias de carne, queijo e bacon a seu hambúrguer. Com mais de 1.000 calorias, 1.800 mg de
sódio e metade de seu peso total representado por gorduras saturadas, o BK Stackers foi
feito para pessoas que têm orgulho de comer mal. Infelizmente, até os que se dizem
comedores conscientes podem não ser tão virtuosos se defrontados com menus que
oferecem batatas fritas e bacon. Contudo, cerca de 72% das pessoas afirmaram estarem
fazendo escolhas mais conscientes e tentando comer mais saudavelmente do que há dois
anos, de acordo com uma pesquisa realizada pela Associação Nacional de Restaurantes.

Qual das seguintes alternativas pode ser inferida a partir da leitura do texto acima?

A) São as ofertas indulgentes que fazem os consumidores gostarem da comida.


B) Os formuladores de cardápios não levam em conta os resultados das pesquisas.
C) As pesquisas, certamente, não abordaram os consumidores defast food.
D) As declarações de parte dos pesquisados não traduzem comportamentos reais.
E) A rede Burger King é uma exceção em relação à totalidade dos restaurantes.

19. O percentual de consumidores endividados na região metropolitana de São Paulo


atingiu 70% do total em novembro de 2006; trata-se do maior patamar apurado desde junho

CE - Central de Ensino – F.3063 4019 9


R. Prof. Rubião Meira, n. 31 – São Paulo/SP 05409 020
http://www.centraldeensino.com.br
CNPJ: 07275065/0001-99
de 2004 (72%). Dos que ganham até três salários mínimos, 76% afirmaram ter dívidas; na
faixa de 3 a 10 salários, 77% encontram-se nessa situação; por fim, no universo dos que
recebem rendimentos acima de 10 mínimos, 56% declaram pendências. A inadimplência,
por sua vez, distribui-se da seguinte forma: dos que ganham até três salários mínimos, 49%
afirmam ter dívidas em atraso; na faixa de 3 a 10 salários, 30% encontram-se nessa
situação; e, no universo dos que recebem rendimentos acima de 10 mínimos, 25% declaram
pendências. A Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor é apurada
mensalmente pela Fecomercio desde fevereiro de 2004. Os dados são coletados por meio de
entrevista com 1.360 consumidores no município de São Paulo.

Qual das seguintes alternativas constitui a conclusão mais apropriada para o texto acima?

A) Boa parte dos consumidores paulistanos está gastando muito com supérfluos.
B) Grande parte dos consumidores paulistanos está gastando mais do que ganha.
C) O endividamento é resultado do processo inflacionário.
D) O endividamento resulta da diminuição da massa salarial na cidade de São Paulo.
E) São Paulo apresenta comportamento atípico de consumo entre as capitais.

20. Cientistas australianos anunciaram a invenção de uma camiseta que permite a quem
aspira ser guitarrista de rock produzir música, sem necessariamente tocar esse instrumento.
A camiseta possui sensores incorporados nos cotovelos da pessoa, que produz som ao
movimentar os braços e tocar cordas imaginárias. Em seguida, a informação é enviada,
através de tecnologia wireless, para um computador, que gera a música. "É um instrumento
virtual fácil de usar e que permite fazer música em tempo real, inclusive por pessoas que
não têm conhecimentos significativos sobre música ou sobre informática", acrescentou um
cientista entusiasmado. A pesquisa que resultou na camiseta musical tem um propósito
mais sério, já que os pesquisadores visam aplicar a tecnologia na área da saúde e do
esporte, como na fisioterapia, por exemplo.

Qual das seguintes alternativas constitui a conclusão mais apropriada para o texto acima?

A) A camiseta musical representa uma revolução no campo artístico.


B) A pesquisa mencionada representa uma revolução na saúde e no esporte.
C) A tecnologia cada vez mais dispensa as pessoas de possuírem talentos.
D) As pesquisas científicas podem gerar produtos sem ter esse objetivo.
E) Pesquisa científica bem-feita resulta em produtos de sucesso.

CE - Central de Ensino – F.3063 4019 10


R. Prof. Rubião Meira, n. 31 – São Paulo/SP 05409 020
http://www.centraldeensino.com.br
CNPJ: 07275065/0001-99
Solução

R1. Resposta C. O texto diz que há relação entre a escassez e o preço do petróleo. É
coerente (o texto admite a possibilidade) que novas reservas façam cair os preços
temporariamente. A alternativa A discute um ponto externo as conclusões possíveis do
texto, já que não se fala nos “desejos ardentes”, além de discutir desenvolvimento
sustentável, que é assunto desconectado das idéias do texto. O texto nada diz sobre outras
fontes de combustível, assim não admite discussões sobre estes. A alternativas D está
incorreta, pois o problema não é apenas o preço, mas sim a escassez do petróleo, e diminuir
o preço (que o texto afirma que vem crescendo), não resolverá esse problema. A alternativa
E também está incorreta, pois não se pode afirmar que o petróleo seja o único entrave ao
crescimento global.

R2. A contradição é a seguinte: Enquanto os paises ricos são infelizes e também os paises
pobres da áfrica são infelizes, um país pobre e isolado é aquele com as pessoas mais felizes.
Essa contradição é resolvida pela letra C, que diz que o isolamento geográfico facilita a
manutenção de aspectos relativos à felicidade, explicitando assim que a felicidade não é
influenciada apenas pela riqueza. A letra A não explica porque o país isolado é o mais feliz.
A alternativa B explica porque os paises ricos são infelizes, mas não explica porque o mais
feliz é um país pobre e isolado.
A alternativa D fala em pessoas “menos infelizes”, ou seja, mais felizes, mas isso contradiz
o texto, que afirma que nos paises ricos, as pessoas não são mais felizes.
A alternativa E, está confusa, e não explica porque as pessoas de Vanuatu são felizes, na
verdade, diz inclusive o oposto (que elas não são felizes).

R3. A alternativa “B” está correta, a ironia é exatamente o recurso utilizado pelo autor do
texto, como fica evidente nos argumentos sobre as canetas. Não se pode admitir “A” a
partir do texto, pois não há como afirmar que haja uma situação de insegurança nas grandes
cidades. A alternativa “C” está incorreta já que ignora o componente irônico do texto. A
alternativa D está incorreta pois não pode-se afirmar que os crimes sejam equivalentes em
gravidade pelo texto. A alternativa E não se relaciona com o texto, que não fala em
tribunais, e portanto não se pode admitir.

R4. A conclusão que o texto pretende fortalecer é expressa em os “consumidores pagam


por serviços tecnológicos que não utilizam”. A única alternativa que não fortalece essa
sentença é a “B”. Pois nesta alternativa, as empresas estão oferecendo um serviço a mais, e
que É utilizado integralmente. Todas as outras alternativas são exemplos de tecnologias
compradas, mas que não são completamente utilizadas pelos consumidores, por diversas
restrições (falta de adaptação, falta de softwares, falta de mapas, etc.).

R5. A conclusão que a alternativa deve fortalecer é expressa na sentença: “Há sempre
algum modismo em voga que estimula o ímpeto consumista dos jovens.”. A alternativa que

CE - Central de Ensino – F.3063 4019 11


R. Prof. Rubião Meira, n. 31 – São Paulo/SP 05409 020
http://www.centraldeensino.com.br
CNPJ: 07275065/0001-99
mais fortalece essa conclusão é a “E”, que afirma a existência de modismos, ou seja,
produtos que vendem muito e rapidamente desaparecem. A alternativa A também fortalece
um pouco a conclusão, mas faz parecer que não há SEMPRE modismos, mas apenas a cada
dez anos. As alternativas B, C e D pouco influem na expressão.

R6. A ANPAD afirma que a única alternativa que não pode ser inferida é “D”. Isso porque
o texto não discute como os profissionais de marketing reagirão a novidade, podendo gostar
ou não dessa. Pode-se argumentar que em E também não se pode ser inferir, pois o serviço
pode ser inédito nos EUA, mas talvez não seja no mundo. No entanto o texto afirma que
com o serviço, “o sonho de se manter conectado atingiu um patamar inédito na história”, o
que ilustra o ineditismo.

R7. A alternativa E está correta, pois se as receitas e lucros dependessem somente das
vendas, não teriam se alterado, já que as vendas ficaram no mesmo valor em relação ao
período anterior. A alternativa A está incorreta, pois os analistas fizeram previsões sobre as
receitas, e não sobre os lucros. As alternativas B e C estão incorretas, pois não se sabe a
razão do crescimento dos lucros e não se pode afirmar que seja devido a maiores vendas
(inalteradas) ou devido ao posicionamento no mercado. A alternativa D está incorreta, pois
apesar de haver uma relação entre lucros e receitas (informação não explicitada no texto) é
exagero afirmar que sejam habitualmente proporcionais.

R8. A alternativa A está correta, pois se pode inferir que houve redução da demanda (e da
oferta) de atendimento humano. Pode-se inferir também que o banco reduziu assim a
estrutura desses serviços. Apesar de discutível se os lucros aumentaram devido à cobrança
das taxas (pois pode haver um aumento de receitas, sem decorrente aumento de lucros), é
uma inferência possível, o que não ocorre nas demais alternativas.
A alternativa B está incorreta, pois não se pode afirmar que os clientes não eram lucrativos,
sabe-se apenas que os resultados melhoraram. A alternativa C está incorreta, pois trata-se
de uma “prescrição”, que discute aspectos externos ao texto, é opinião do leitor e não do
autor do texto. A alternativa D diz que o banco “extinguiu” o atendimento humano, o que é
incorreto, pois alguns clientes devem ter continuado a usar o serviço, mesmo que pagando a
taxa. A alternativa E também está incorreta, pois não se sabe qual seria a o resultado de
cobrar apenas 1,50 U$, talvez o banco perde-se menos clientes, mas talvez perde-se os
mesmos números.

R9. O texto afirma que os investidores com menos dinheiro tem menor rentabilidade. A
alternativa E enfraquece essa conclusão ao argumentar que os fundos de maior
rentabilidade eram aqueles para pequenos investidores. As outras alternativas pouco
interferem na conclusão.

R10. O raciocínio utilizado foi a apresentação de uma relação condicional. Se um evento X


ocorre, um evento Y tem que ocorrer. A estrutura assemelha-se ao enunciado B. Cabe
observar que também a alternativa E apresenta uma relação condicional, no entanto trata-se
de uma associação negativa. Se X não acontece, então Y não acontece.

CE - Central de Ensino – F.3063 4019 12


R. Prof. Rubião Meira, n. 31 – São Paulo/SP 05409 020
http://www.centraldeensino.com.br
CNPJ: 07275065/0001-99
R11. A resposta C está correta, PROPORCIONALMENTE há mais turistas estrangeiros no
Rio, tanto é que o preço das diárias não mudou, pois estes hotéis dependiam MUITO dos
estrangeiros (note que aqui está implícito que os outros lugares não dependiam TANTO
destes). A alternativa A está incorreta, pois não há como afirmar que no nordeste os turistas
estrangeiros têm maior poder aquisitivo, o texto discute o Brasil e o Rio, mas não fala do
nordeste. A alternativa B está incorreta, pois não se pode afirmar que o número absoluto de
turistas estrangeiros seja maior no Rio. A alternativa D está incorreta, pois não se sabe o
que pensam os turistas estrangeiros. A alternativa E está incorreta, pois não se pode afirmar
com certeza o que acontecerá se o real se desvalorizar, o cenário apresentado (aumento das
diárias) é apenas um dos possíveis desdobramentos, mas outros fatores que interferem no
preço da diária também podem mudar (por exemplo, o custo dos insumos importados).

R12. A questão é controversa. Realmente não é possível afirmar que os acidentes estejam
relacionados com as falhas (paradas nas vias) dos motoristas, e portanto, não é possível
apontar as causas a partir destes dados, que não apresentam inúmeros outros fatores
relacionados à acidentes como embriaguez do motorista, excesso de velocidade, direção
imprudente, entre outros. A alternativa D pode ser portanto admitida. O texto entretanto
afirma em sua conclusão que a maioria dos acidentes é causada por falha mecânica, e nesse
ponto a ANPAD exige do candidato o julgamento da argumentação, ou seja, se a conclusão
decorre das premissas, o que não costuma ser o padrão das provas. “A” está incorreta, pois
pelo texto 63% das paradas têm causas mecânicas, logo apenas 27% têm causas não
mecânicas. As alternativas B e C apresentam fatos externos ao texto, e que não se podem
admitir pois podem estar incorretos. A alternativa E é apenas uma opinião, externa ao texto.

R13. A alternativa C está correta, pois o texto mostra exatamente uma situação em que o
lucro de uma empresa variou devido a fatores não ligados a produção e venda de
mercadorias. No caso, a venda de uma locadora (prestação de serviços), e os custos de
reestruturação.

R14. A questão deveria ser anulada, e foi muito questionada na comunidade da ANPAD do
orkut. A alternativa A está incorreta, pois não se pode dizer que os ônibus sejam o principal
aspecto da questão sobre a poluição ambiental. Da mesma forma, também não se pode
afirmar que o problema decorra da atuação das autoridades (B incorreto). O texto não
discute o transporte publico ou coletivo, portanto C está incorreta. A alternativa D está
incorreta, pois ainda não se pode afirmar que o hidrogênio terá um papel decisivo no futuro.
A alternativa E está confusa e tem muitas interpretações. Segundo a ANPAD é a alternativa
correta, pois só faz sentido pensar em substituir os carros a gasolina por carros a álcool se o
processo de produção de álcool não usar mais derivados de petróleo do que queimariam os
mesmos veículos se eles estivessem rodando a gasolina. Entretanto a alternativa é muito
mal escrita, é possível, por exemplo, interpretar a frase: “do que queimariam os veículos
que vão rodar com o combustível alternativo” como queimariam os veículos que vão rodar
com o hidrogênio (pois o texto fala principalmente em uso de hidrogênio como
combustível). Isso tornaria o exercício completamente sem sentido, e deixaria o candidato

CE - Central de Ensino – F.3063 4019 13


R. Prof. Rubião Meira, n. 31 – São Paulo/SP 05409 020
http://www.centraldeensino.com.br
CNPJ: 07275065/0001-99
em dúvida, como de fato ocorreu com diversas pessoas em setembro de 2007. Além disso,
mesmo na interpretação da ANPAD há pontos de crítica, pois a questão compara redução
de poluição, com redução de gases do efeito estufa, e com redução de restos da queima de
derivados de petróleo e esses gases não são necessariamente os mesmos, nem são
produzidos nas mesmas proporções pelos diferentes processos. Por exemplo, o ozônio é um
gás poluente no solo, mas nas camadas finais da atmosfera, essencial.
Isso sem considerar a quantidade de informações gerais que o candidato tem que conhecer
totalmente externas ao texto, por exemplo, o texto fala que o Brasil é campeão na redução
do efeito estufa por meio do uso da energia hidrelétrica e do etanol, mas não há
informações suficientes no texto para saber que o álcool combustível é utilizado em
veículos (e menos ainda para saber que esses são utilizados para reduzir a emissão de gás
carbônico).

R15. A alternativa correta para a ANPAD é C. Realmente o texto diz que “a correção do
poder de compra dos inativos foi maior do que para quem ficou no mercado”. A alternativa
entretanto está mal feita, pois mesmo sendo correta para dois trabalhadores “hipotéticos”,
certamente há trabalhadores que sofreram reajustes por outras formas, e portanto não se
pode afirmar com certeza qual ganhará mais. As restantes alternativas estão erradas.

R16. Resposta A. A alternativa não fortalece a idéia que o novo chip seja uma revolução.
Ao contrário, diz que o único salto tecnológico foi o transistor. A alternativa E também não
fortalece o enunciado, mas ao menos não o enfraquece.

R17. A alternativa A não enfraquece a conclusão, pois o texto diz que se nada mudar, as
mulheres receberão menos que os homens. A alternativa afirma que uma lei tramita, mas
essa lei implica numa mudança, concordando com o texto, e não o enfraquecendo.
As alternativas B, C, D e E mostram situações onde homens e mulheres recebem igual, ou
são tratados da mesma forma.

R18. A sentença: “[...] até os que se dizem comedores conscientes podem não ser tão
virtuosos se defrontados com menus que oferecem batatas fritas e bacon” explicita a idéia
da alternativa correta, D, pois evidencia que algumas pessoas se dizem conscientes, mas
acabam comendo mal. A alternativa A está incorreta, não se pode afirmar a razão porque
alguém gosta de comer esse ou aquele prato. As alternativas B e C estão erradas, pois não
se sabe em que se baseiam os formuladores de cardápios, e também não é possível pelo
texto saber quem são os respondentes da pesquisa. A alternativa E também discute aspectos
não apresentados no texto.

R19. Resposta B. Se há um aumento das dívidas e muitos endividados, é provavelmente


porque se gasta mais do que se ganha, para a maioria dos casos. As alternativas A, C e D
estão incorretas, pois o texto não permite concluir como os consumidores se endividaram,
nem as causas desse endividamento. A alternativa E está incorreta, pois nada sabemos
sobre o comportamento fora de São Paulo.

CE - Central de Ensino – F.3063 4019 14


R. Prof. Rubião Meira, n. 31 – São Paulo/SP 05409 020
http://www.centraldeensino.com.br
CNPJ: 07275065/0001-99
R20. Como o texto afirma que o propósito da pesquisa era mais sério do que produzir a
camiseta, é possível concluir pela alternativa D, ou seja, uma pesquisa cientifica PODE
gerar produtos, mesmo que esse não seja seu principal objetivo. As restantes alternativas
apresentam elementos externos ao texto (“produtos de sucesso” ou “dispensa o talento”), ou
julgamentos de valor (“é uma revolução” ou “pesquisa bem-feita”).

Raciocínio
Questão
Analítico

1 C
2 C
3 B
4 B
5 E
6 D
7 E
8 A
9 E
10 B
11 C
12 D
13 C
14 E
15 C
16 A
17 A
18 D
19 B
20 D

CE - Central de Ensino – F.3063 4019 15


R. Prof. Rubião Meira, n. 31 – São Paulo/SP 05409 020
http://www.centraldeensino.com.br
CNPJ: 07275065/0001-99