Você está na página 1de 20

António

Ja
Sem perdão
SEMANÁRIO GRATUITO
ANO I • N.º 3 • 6 Agosto 2010
Director: Vlademiro Marçal
Propriedade: Medi@Capital, SA
Tavares trocou banda por Deus
mas continua a dar-nos música
Em entrevista exclusiva ao Já,
irmão de Norberto Tavares
conta porque é que saiu
dos Tropical Power
Centrais

Desemprego
Espancada e
roubada em casa
Metade dos
jovens da
Aconteceu na Achada de S. Filipe
(Praia). Noite avançada, cinco me-
liantes entraram-lhe em casa, agredi-
ram-na, a ela e à filha, e levaram 4500
contos, três telemóveis e um televisor.
Domingas teve de ser levada ao hos-

Praia sem
pital. Já ninguém está seguro em casa.
Pág. 5

Em jogo

Futebol: falta
cumbu trabalho
Dois em cada quatro praienses, entre
os 15 e os 24 anos, não arranjam emprego.
São números oficiais – do INE
Pág. 13
É defesa sem descanso. Clubes procu-
ram reforços, a Associação de Santiago Insegurança O que por aí vai
Sul procura dinheiro. Todos estão de co-
fres vazios. E perante isso, torna-se difí-
cil encontrar-se candidatos a dirigentes,
porque poucos querem arriscar-se a ter
que levar a mão ao próprio bolso. Mas
Ladrões também podem Mindelo
apesar da crise, os clubes estão a catar
todo o terreno para ver se acham bons
craques que garantam vitórias e público
ser polícias sem água
nas bancadas. Isto é que vai uma crise –
até no futebol santiaguense.
Policial revela: a Polícia Nacional está a recrutar gente
Pág. 16
com cadastro. E já houve agentes apanhados a roubar É o descalabro. O recrutamento de
policiais está a ser feito sem ou-
tros critérios, para além da filiação par-
O que por aí vai tidária e do apadrinhamento. E os re-
sultados estão à vista: há indivíduos
com antecedentes criminais que en-
Dengue tram para a Polícia. Uma agente foi
apanhada a roubar carteiras no aero-
está de volta porto. E nem falta o assédio sexual a
Todos os anos, vira o disco e toca o mes-
A pandemia do dengue, que chegou a candidatas femininas. Os polícias sé-
mo: a Electra promete, promete e não re-
provocar pânico no ano passado, rios estão revoltados com o que está a
solve. Os mindelenses estão à míngua,
nunca foi erradicada. Agora está outra acontecer na corporação. Apesar das
vasculham tudo à busca da água que não
vez a preocupar: aparecem mais casos denúncias deste descalabro, ninguém
existe nas torneiras. E para a transportar
e os hospitais estão alerta. Teme-se toma medidas para pôr no são tal esta-
usam bidões, baldes e até garrafas. Vi-
que a doença venha com mais força do de coisas. Começa a haver desmo-
vem-se dias de desespero na segunda
do que há um ano. ralização.
maior cidade de Cabo Verde.
Pág. 12
Pág. 8 Pág. 8
2 • Já • Sexta-feira 6 Agosto 2010

marco do correio editorial


As cartas destinadas a esta secção devem indicar o nome e a morada do autor,
bem como um número telefónico de contacto. Vlademiro
O Já reserva-se o direito de seleccionar e, eventualmente, reduzir os textos não solicitados, Osvaldo Marçal
nem se prestará informação postal sobre eles.

que deve ser punido. Foi assim em um capítulo (Cap II) ao “processo de
1979, quando se deu a primeira unidade com a Guiné-Bissau”, no
dissidência, a dos chamados qual se afirmava expressamente a
trotskistas. Como reagiu o PAIGC? “vocação histórica do Povo de Cabo
Plantou a polícia política à porta de Verde... criar com o Povo da
casa e nos serviços dos elementos da Guiné-Bissau uma união orgânica,
dissidência. Recusou trabalho de livre e voluntária para a construção
professor a outros. Prendeu alguns. duma pátria forte e progressiva”. Nino
Ameaçou fisicamente outros. Vieira dá o golpe em Novembro de
Desencadeou uma campanha 1980, um mês depois da publicação
infamante, tentando denegrir a
imagem dos dissidentes, uma
campanha de autêntico terrorismo
da Constituição da unidade com a
Guiné-Bissau.
E o que fizeram os dirigentes Uma questão
O partido psicológico. Quem quiser saber mais, cabo-verdianos do PAIGC? Deram o

da dissidência
Porque é que o PAICV é um partido
consulte os jornais Voz di Povo e
Tribuna de 1979, a partir do mês de
Março.
Mas há mais! É que o PAICV é, na
seu golpe também. Entraram em
dissidência! Saíram do PAIGC e
fundaram um novo partido, em 20 de
Janeiro de 1981, o PAICV, que ainda
de moral
D
obcecado com as dissidências do sua essência, um partido dissidente! tem a coragem de se intitular “partido esavisadamente (coisa em que é reincidente), José
MpD? Porque o PAICV é o partido da Foi a maior dissidência partidária de da independência”. E, com a Maria Neves atacou pessoalmente Carlos Veiga durante
dissidência. Vamos por partes. que há memória em Cabo Verde. arrogância que ainda hoje caracteriza o debate “O Estado da Nação”. Fê-lo na Assembleia
Os dissidentes do MpD saíram do Senão vejamos. Até finais de 1980, a sua prática política, o partido da Nacional, onde o Presidente do MpD não é par. Isso ganha o
partido, criaram outros partidos, mas havia em Cabo Verde um único dissidência mandou que todas as aspecto de ataque pelas costas, deselegância que mereceu justo
não foram perseguidos, nem presos, partido, chamado “Partido Africano referências na Constituição, nas leis e
reparo de Elísio Freire, líder parlamentar ventoinha,
nem impedidos de trabalhar. Eram da Independência da Guiné e Cabo outros documentos da República de
Verde”, PAIGC. Havia uma Cabo Verde, fossem mudadas para a
classificando-a de “cobardia”.
livres de sair quando bem
entendessem, e assim fizeram. Os que Constituição, aprovada em 1980, que nova sigla, PAICV. O epíteto atirado por Freire tem cabimento já que Neves sempre
desejaram regressar mais tarde, foram consagrava esse tal PAIGC como O partido da dissidência tem moral fugiu ao confronto directo com Carlos Veiga, sempre que foi
recebidos de braços abertos e “força política dirigente da sociedade para dar a outros? solicitado. Bem diferente tem sido a atitude do líder da
reintegraram o MpD. e do Estado...” E essa mesma Oposição, sempre esteve disponível para essa confrontação.
O PAIGC tem outra postura. Constituição consagrava, sob a Miguel Monteiro, Ora, se o ainda Primeiro Ministro se exime, com mal
Considera a dissidência como crime epígrafe “Princípios fundamentais”, Presidente da JpD enjorcados pretextos, ao debate olhos nos olhos com o político
que se assume como potencial novo Primeiro Ministro, então
 AGUINALDO MARTINS, S. Vicente – Total concordância com a sua opinião. Faz falta que o PTS ressurja das cinzas e volte a não deve, moralmente não pode, responder a Veiga onde este
procurar ter um espaço político próprio. Para isso, é fundamental que evite os erros cometidos no tempo de Onésimo, fugindo a cair esteja ausente.
em certos oportunismos que o caracterizaram, JMN não tem razão quando diz que “não há espaço para mais partidos políticos”.
Trata-se, em primeiro lugar, de uma questão de educação,
 ALEYS FONSECA, Praia – Seus reparos sobre o estado em que se encontra o pavimento de muitas ruas da cidade da Praia são aquela que se aprende ainda menininho e deve acompanhar um
mais que justos. É importante que a CMP esteja atenta: os buracos, as “ondas” são um suplício para os praienses, cujas viaturas se homem por toda a vida. Infelizmente, o líder do PAICV teima
degradam. em provar que desconhece o que seja boa educação, resvalando
 M.S.A, Pedra Badejo – Na verdade, o urbanismo de Pedra Badejo é o caos. Orlando Sanches tem que tomar medidas para a terra
para ser menino mal criado quando se sente entalado e lhe
de Katchás se torne a beleza que todos os santa-cruzenses desejam. falham argumentos. Aconteceu neste debate.
Em segundo lugar, é questão de lealdade e honestidade
 ALBERTINA B., Nova Sintra – Brava pode, sim senhora, ser um paraíso, desde que seja melhor cuidada. Se Camilo Gonçalves políticas: enfrente-se um adversário quando ele se apresente;
está demasiado tempo ausente da ilha, isso é opinião sua, que respeitamos. Mas é como escreve: a ilha de Nhô Eugénio está
demasiado isolada e isso não ajuda. recuse-se fazê-lo quando ele está ausente; e menos se atreva a
evocá-lo pelas costas, quando não há coragem para o enfrentar.
Acontece que Neves vem mostrando, há muito e sem rubores,
que lealdade e honestidade políticas não constam da sua
formação. Mesmo assim…
Em terceiro lugar, é confissão de menoridade intelectual
procurar, com ataques a um ausente, fugir às críticas que os
presentes (deputados que o contraditaram na Assembleia

Anuncie Já
Nacional) lhe fizeram com frontalidade.
Tudo isto se reduz a uma questão de moral que importa lembrar
a alguém que, há uns anos, em plena ascensão, basofava ser
“campeão da ética”. Ética? Onde está ela, se alguma vez a teve?
Em que gaveta a escondeu? Em que a algibeira a guardou?

no jornal de Resvalando para o não aceitável, Neves fez prova de


incapacidade para o contraditório e para se orientar em
dificuldades. Por outras palavras: afirmou-se Primeiro Ministro
incapaz. Perdendo a cabeça, veio dizer ao País que se

maior tiragem 20 000


exemplares!
considerava derrotado neste debate parlamentar para o qual o
seu Governo gastou rios de dinheiro do Orçamento do Estado
num mar de propaganda preparatória. 

do País Já SEMANÁRIO GRATUITO


Telefone: (00238) 2601415
E-mail: semanarioja@gmail.com
Propriedade: Medi@capital, SA
Administração e Redação: Director: Vlademiro Marçal
Largo Eusébio Ferreira da Silva, Design e Paginação: Ateliê Inês Ramos
Aproveite os preços promocionais. Ligue 260 14 14 e reserve o seu espaço Achada de Santo António, Cidade da Praia,
Ilha de Santiago, Cabo Verde C.P. 669
Impressão: Grafedisport SA
Tiragem: 20.000 exemplares
Já • Sexta-feira 6 Agosto 2010 • 3

na rota dos dias


Montanha política pariu um rato morto
Existem centenas de pessoas
que conseguiram comprar terrenos
nos Municípios e depois vender
- e enriqueceram com essa prática.
É certo que é prática que a
sociedade condena. Mas é crime?
Se não for… vamos para a bicha
para comprar e depois vender
Cabo Verde até ao tutano?
Se ainda houver tutano…
Entretanto, acusações de corrupção
e negócios ilícitos contra
Carro da funcionaria da CMSV junto das instalações da PJ.
Cláudia Salomão foram para
O MP pediu ao Juiz o confisco dos bens
o cesto dos papéis

Defesa rebentou com as acusações


contra Cláudia Salomão
de identidade e residência, TIR. Para -os depois com lucros de milhares de E os nomes que surgirão nessa bi- trar uma forma de parar com a nego-

S
ejamos claros: a decisão do Juiz
Manuel Spencer de não aceitar quem conhece o sistema jurídico ca- contos, está ou não a cometer crime. cha… farão perguntar: “Tu também, ciata.
as acusações do Ministério bo-verdiano, o juiz considera que não Se é crime, onde é que pode ser en- Brutus?” Como se sabe, não conseguiu. Errou
Público que queria Cláudia Salomão há matéria para manter Claudia Salo- quadrado? em não fazer a denúncia pública. A
na cadeia por corrupção passiva, mão na Cadeia. Pode ser que venha a É público e notório que Cláudia A negociata negociata era antiga. Antes dos anos
negócio ilícito e lavagem de capitais, haver. Por agora, não há nada e, por- Salomão comprou e vendeu terrenos Já se sabe que Isaura Gomes, Pre- 90, quando o então edil Onésimo
foi balde de água fria naqueles que tanto, ela deve ser livre. O termo de que eram do Município - algo que o sidente da CMSV, andava há algum Silveira chamou de corruptos aos inte-
politizaram o processo e pensavam, identidade e residência é prática nor- juiz considerou merecer a censura tempo amuada, zangada, esbaforida grantes do Gabinete Técnico e cha-
com a acusação à funcionária da mal para toda a gente sobre quem moral da sociedade, porque descobrira que mou a si a decisão final da venda de
Câmara Municipal de São Vicente, recaia um processo-crime, mas não mas não está tipificado alguns proeminentes terrenos. Parece que os dois presi-
atingir fins políticos. Traçaram uma quer dizer absolutamente nada. Quer no Código Penal. No É essa a batata quente senhores e doutores, a dentes da CMSV ficaram a saber que
pirâmide de ilegalidades sobre a apenas dizer que há um processo- mínimo, tem dúvidas que a justiça quem a CMSV vende- a negociata se tornava legal por um
venda de terrenos, esperando que o crime contra ela. que seja crime. cabo-verdiana tem ra terrenos no Laza- vazio existente na lei. A sua culpa foi
vereador Benvindo Cruz fosse Isso pode acontecer com qualquer um Aqui pode acabar a reto, ao preço de dois não terem cortado o mal pela raiz.
envolvido e com ele levasse a numa sociedade tão invejosa como a politização deste caso e nas mãos: existem mil escudos o metro Esse cancro contaminou o sistema,
Presidente Isaura Gomes, que estaria nossa. Basta que um macaco apre- abrir-se caminho a um centenas de pessoas que quadrado, acabaram vivendo anos de ouro e pavoneando-
no topo da pirâmide. sente queixa contra alguém (que não processo jurídico que conseguiram comprar por revendê-los atra- se com milhares de contos ganhos na
seja da roda do actual Poder) para que dê respostas às pergun- explosão imobiliária entre 2005 e
Neste aspecto a montanha pariu um
o juiz decrete TIR. É assim e mais tas que formulamos.
terrenos aos Municípios; vés de um agente imo-
biliário a cinco mil es- 2009. Crime? Não! "Oportunidade de
rato: o Juiz não encontrou indícios da
prática de crimes de corrupção passi- nada. Apesar disso, o TIR vem surgin- Porém, se for decidido outros receberam-nos cudos ou mais o metro negócio" – disseram os causídicos.
va, negócio ilícito e lavagem de capi- do como algo que condena Cláudia, que quem comprou um como pagamento por quadrado. Um doutor Pois claro – concordaram os inchados
tais daquela que era apontada como quando na verdade é algo que a iliba terreno ou dois num serviços prestados - e comprou 500 metros negociantes. Usurpadores, especu-
pivô “de uma rede de venda ilegal de das acusações do Ministério Publico. Município e o vendeu quadrados por mil ladores, bandidos – gritou o homem
terrenos na CMSV”. Por isso, o juiz Pelo menos, por enquanto. com lucros cometeu depois venderam, contos para construir a do povo.
ordenou a soltura, o que significa que crime, então é melhor enriquecendo com tal sua casinha e vendeu- Pelos dados que se conhecem deste
ela está livre das acusações que O processo judicial pôr um cartaz em todos prática -os por 8 mil contos. processo, é essa a batata quente que a
levaram à detenção. Não sendo acusa- Ao contrário daqueles que pensam os Municípios com o Zau ficou a saber que justiça cabo-verdiana tem em mãos:
da dos crimes imputados no processo, que a decisão do juiz mostra que a seguinte dizer: “por fa- vários funcionários existem centenas de pessoas que con-
o juiz não podia decretar medidas de arguida não fez absolutamente nada vor, vá para a bicha dos que venderam adquiriram terrenos para construir a seguiram comprar terrenos aos Mu-
coação. de ilegal, a decisão abre caminho para com lucro terrenos municipais… para sua casa e estavam a vendê-los. Isaura nicípios; outros receberam-nos como
Todavia, determinada imprensa insiste se saber, por exemplo, se um fun- não falar das ZDTI”. Será uma fila tão juntou vários casos e andou a correr pagamento por serviços prestados - e
em escrever que o juiz decretou à cionário da CMSV, ao adquirir um ou grande que não haverá procuradores e atrás de advogados para tentar reaver depois venderam, enriquecendo com
arguida a medida mais leve - o termo mais terrenos na edilidade, vendendo- agentes da judiciária para a investigar. os terrenos para o Município e encon- tal prática.
PUB
Já • Sexta-feira 6 Agosto 2010 • 5

sem perdão
Na Achada de S. Filipe (Praia) Polícia confunde

Mulher Adilson: “não


sou thug”
agredida e
assaltada
em mais de Q uando, a 23 de Julho, Adilson
Carlos Varela Lopes foi alertado

4500 contos por amigos que a sua foto estava no


primeiro número do nosso semanário,
numa matéria sobre os thugs, fotos di-
vulgadas pela Polícia Nacional com a
cara de alegados jovens delinquentes
da capital, Adi ficou surpreendido e
chocado. Segundo o próprio disse a Já,
Nem dentro de casa uma pessoa está a salvo: nunca foi thug, não é, nem tem preten-
sões de o ser, porque é cidadão traba-
mulher e filha foram assaltadas em casa, já a lhador, honesto, embora “por fatali-
dade e injustiça” tenha ido parar à Ca-
noite ia avançada. Selvaticamente espancadas, deia de S. Martinho, numa trajectória
de má memória, pela má experiência
foram despojadas de dinheiro, telemóveis e que viveu na Cadeia Central da Praia.
Certo dia de 2006, Adi estava num bar
um televisor. Insegurança na cidade da Praia na Achadinha
com o padrasto Adilson Lopes
está na ordem do dia e o cunhado.
pondera levar a
Tinha 22 anos.
deu que o marido faleceu há pouco rapariga só pedia que não batessem na nheiro, “muito dinheiro”, confessa-nos

U Nesse bar tam- Polícia Nacional


ma mulher de 48 anos, resi-
dente em Achada de S. Filipe, tempo e que ela estava sem dinheiro. mãe: quando recebeu a reportagem de com cabeça baixa e a olhar para o bém se encon- aos tribunais,
cidade da Praia, foi assaltada Só tinha 60 contos em casa e no rés- Já, mostrava os efeitos das agressões: chão. “Levaram também 3 telemóveis trava um indi-
e agredida na sua própria residência. O -do-chão. Jídia tinha os dois olhos negros, que e uma televisão”. víduo que “lim- para limpar o
crime ocorreu na madrugada de sexta- Os meliantes mostraram então que sa- mal se abriam, de tanta pancada. Fora O caso está agora nas mãos da polícia e para” a casa do seu nome
-feira para sábado da passada semana e biam perfeitamente o que foram fazer agredida na cabeça e, por isso, perdeu os agentes da Brigada de Investigação cunhado. De-
foi cometido por 5 indivíduos encapu- àquela casa. Conheciam as condições os sentidos. Criminal (BIC) já se pois de alguns copos, surgiram insultos
zados que levaram mais de 4500 con- em que Jídia vivia, como morava e tra- A filha foi ter com a A filha, que veio encontram no terreno à e a briga veio por arrasto. O cunhado
tos em divisas. taram-na inclusive pela alcunha por mãe quando os bandi- caça dos assaltantes.
que é conhecida: “Lá em baixo mora dos foram embora e ela
a seu socorro, À nossa reportagem,
brigou com um tal Cecílio. Adi meteu-
A vítima do assalto é viúva e cambista -se na confusão, para tentar acabar com
da praça. Contou-nos que estava a dor- um mandjaco, deixe-se de brincadei- estava a sangrar pelo foi amarrada Jídia disse que precisa a altercação. Adi ficou cheio de sangue,
mir (passavam das 3 da manhã), quan- ras”, gritou um deles. De repente, um nariz. Foram as duas e ameaçaram violá-la de ajuda de toda a Cecílio foi agredido com um machim e
do, de repente, foi surpreendida por outro assaltante ameaçou, também em atendidas mais tarde gente, até porque o di- com pau. Cecílio perdeu os sentidos.
quatro indivíduos (um quinto ficou de voz alta: “Se não entregar o dinheiro, por outros dois familiares que se en- nheiro nem era dela. Foi-lhe entregue Adi garante a Já que não foi ele o
vigilância à porta) que estavam no in- vamos matá-la”. contravam em casa e que, apesar do re- por uma colega, que queria ganhar agressor. Quando chegou a polícia, foi
terior do seu quarto a pedir-lhe dinhei- Jídia entrou em pânico porque os ban- boliço, não tinham dado por nada. Jí- mais uns tostões com as oscilações do detido e conduzido à esquadra. Foi
ro: “Jídia, onde está o dinheiro?”, per- didos começaram a agredi-la aos mur- dia foi então conduzida ao hospital. dólar no mercado internacional: são nessa altura que o fotografaram e en-
guntou um deles, ao mesmo tempo que ros e pontapés. Levou com um ferro na Quando pôde ir ver o que os meliantes mais de 30 mil dólares e mais de 14 trou para a lista de thugs. Mas Adilson
a tirava da cama. Domingas Varela, é cabeça. A filha, que veio a seu socorro, tinham feito, Jídia deu-se conta de que, mil euros que agora se encontram nas repete: “não sou, nem nunca fui thug”.
assim o seu nome de baptismo, respon- foi amarrada e ameaçaram violá-la. A afinal, eles tinham levado todo o di- mãos dos ladrões. Adilson foi julgado como agressor e
condenado a 3 anos e 6 meses de pri-
são efetiva “por prática e co-autoria de

Segurança do Multibanco é vulnerável crime e ofensa qualificada à integrida-


de física”. Um ano depois, o advogado
pensou recorrer para o STJ. O caso não
foi adiante. Cumpriu 2 anos e encon-
mático e depois, diante centenas de maquina quando digitar o seu códi-
A demonstração foi feita por um
perito em segurança: perante
plateia atónita, Barnaby Jack, diretor
olhos, fez a experiência: pôs a máqui-
na a cuspir dinheiro. Segundo ele, to-
go para evitar que outras pessoas
possam vê-lo; prefira caixas auto-
tra-se neste momento em liberdade
condicional.
das as caixas Multibanco são vul- máticas em locais fechados; faça le- Adilson Lopes é controlador de Sanea-
de uma empresa de consultoria (a
neráveis. vantamentos em horários de gran- mento da Câmara Municipal da Praia e
IOActive Labs), mostrou como é pos-
Conselhos: não insira o seu cartão de movimento; se o seu cartão ficar o seu trabalho é reconhecido pelos co-
sível um hacker penetrar numa caixa
quando o ecrã da caixa indicar que preso, acione imediatamente a legas. Porque não é thug, não foi, e diz
multibanco da máxima segurança.
está inoperacional; não aceite ajuda agência. Não aceite ajuda de estra- que nunca será, pondera levar a Polícia
Barnaby Jack levou um ano a investi-
em terminais avulsos, mesmo que a nhos, pode ser um golpe; evite usar Nacional aos Tribunais, para limpar o
gar: comprou pela Internet um termi-
pessoa se diga funcionário do ban- telefones de terceiros para falar seu nome e porque não pode continuar
nal tipo Caixa 24, estudou-a ao por-
co; mantenha o corpo próximo à com o banco. a ser visto “com outra cara” pelos com-
menor, introduziu-lhe um vírus infor-
panheiros.
6 • Já • Sexta-feira 6 Agosto 2010

cá se fazem
O lançamento de “Check-in” aconteceu na discoteca
CockPit na presença de familiares, colegas, amigos,
admiradores(as) e fãs

Fatú e Djodje

Djodje em Check.in Gravado em Portugal, “é direcionado para as pis- go. Acaba de concluir, em Portugal, o curso de

C
omeçou a mostrar dotes vocais, entre os
seis e os sete anos. Em 2001, aos 12 tas de dança, contendo estilos como o Zouk, o Marketing e Produção Musical. Agora, Fernando
anos, com o projeto Verão, estreia-se na Ragga e influências de R&B e hip-hop ”. Conta Jorge Marta Silva – seu nome próprio – volta aos
discografia cabo-verdiana, ao lado dos TC, com com contribuições de Ricky Boy e Nelo Boss, palcos cabo-verdianos com Check-in, álbum
o tema “Voltá”. Estava lançada uma carreira. com quem Djodje tem partilhado experiências que inaugura nova fase da sua carreira.
Agora, com 21 anos, quatro anos depois do pri- musicais. “A produção musical é minha, colabora-
meiro álbum a solo, Djodje dá-se conta que a “Check-in” é o retrato de um Djodje “mais ma- ram comigo o produtor de afro-pop Kais-
música vai, para sempre, moldar-lhe o futuro. duro”, agora também editor e produtor, através ha e o Dj Snake, produtor de hip-hop.
Na passada semana, foi lançado o seu “Check-in”. da Broda Music. “É uma outra fase de mim. Aventuro-me na
“O álbum é miscelânea de vários estilos, com Creio que este é o disco com que mais me identi- produção e sin-
destaque para a música pop. Há três fatores que fico com os jovens. É um trabalho concebido pa- to-me condicio-
caracterizam a pop: espetáculos, aceitação do pú- ra o sucesso”. nado pelo meu
blico e estar no moda. Por isso, o meu álbum é Estreou-se a solo em 2006, com o álbum "...Sem- papel de produtor. Tentei conciliar
pop, pois acautelo todas estas vertentes, indepen- pre TC". Fez uma carreira que o levou a palcos estes dois papéis e alegro-me em sa-
dentemente dos géneros e ritmos”. internacionais – Portugal, Holanda e Luxembur- ber que encontrei o equilíbrio. Dei o
máximo de mim neste projeto, dei-lhe o
meu cunho bastante pessoal”.
O lançamento de “Check-in” aconteceu
na discoteca CockPit na presença de fa-
miliares, colegas, amigos, admirado-
res(as) e fãs. Djodje tem espetáculos agen-
dados em Cabo Verde (dia 13 no Sal), a 18
de Setembro na Suiça e a 9 de Outubro no
Luxemburgo. “Nesta fase de transição, com
pirataria facilitada pelas novas tecnologias,
não sabemos o destino. Por agora aposto nos es-
petáculos e em todas as formas de chegar ao
público. Tenho em construção o ‘Show Check-
-in’; com banda, muitas luzes, bailarinos… en-
fim, surpresa em Dezembro”.
Ricky Boy não podia faltar ao "momento" do amigo
Já • Sexta-feira 6 Agosto 2010 • 7

notícias do jet-set

Com a mãe Lena

Djodje entre fãs e familiares Gi do "Cockpit"

Cockpit encheu-se de jovens


O lançamento de “Check-in” teve lugar no
sábado, 31 de Julho, na discoteca CockPit,
Praia, na presença de familiares, colegas,
amigos, admiradores (as) e fãs. Todos qui-

para ver Djodje ao vivo


seram ouvir, dançar e viver mais este
grande momento do jovem músico cabo-
verdiano. No final houve ainda tempo pa-
ra uma sessão de autógrafos com Djodje.

Monteiro de férias entre elas Tony Montana bem acompanhado

Olhe prá caneta ó Djodje Ai, ai, ki belezura Daniel Custódio e duas crioulas
8 • Já • Sexta-feira 6 Agosto 2010

o que por aí vai


Electra é uma seca

Mindelenses
estão à míngua
Os san-vicentinos estão fulos com a falta de água. Seca de Vida – dizem. E lá vão eles no
Arcénia

calvário em que se transformou ter água em casa. Uns com latas. Outros com bidões.
Garrafas de água de cinco litros e de litro, garrafões também servem. E porque não
canecas? Tudo serve para levar um pouco de água para casa… a água que a Electra todos
os anos, por esta altura, nega aos mindelenses
há três semanas sem água. Não sei o lhou com ele a água que tinha”. Joa-

T
odos os anos pelo Verão é a
mesma coisa: falta água na ci- que fazer. Não temos nem água para quim também encontrou na sua vizi-
dade do Mindelo. É ver os cozinhar”. nha uma “fonte” para ter o precioso lí-
mindelenses esbaforidos e chateados à No Monte Sossego, o problema não é quido.
procura de água. Uns com latas. Outros diferente. Seca e mais seca. Geraldina De despero em desespero, de expedi-
diz que até as necessidades básicas de ente em expediente, os mindelenses Alcindo
com bidões. Garrafas de água de cinco
litros e de litro, garrafões também ser- higiene estão em causa. Tomar banho procuram por água e a Electra, em vez
vem. Tudo serve para levar um pouco começa a ser um luxo - coisa cada vez de água, fornece um lema: “nunca um
de água para casa. mais rara. só ralou tantos san-vicentinos de uma
Todos os anos é o mesmo drama. Mas só vez”.
a Electra sempre repete promessas de De lata na cabeça
que o assunto vai ser resolvido. Há um A procura de água na cidade do Minde- Repetem-se as promessas
o ano, o jornal digital Liberal escrevia lo tornou-se um tormento. Procura-se Como no passado, a Electra repete pro-
o seguinte: “Poucos estavam à espera por todo o lado. Na Ribeirinha, uma se- messas. Diz Hipólito Gomes, director
que a situação se repetisse este ano, nhora, desesperada, lembrou-se de pedir de produção e distribuição da Região
pois a direcção da Electra tinha anun- água na escola primária, uma vez que Norte: “vai entrar em funcionamento,
ciado no ano passado que, devido aos os alunos estão de fé- em S. Vicente, uma uni-
investimentos realizados, a cidade do rias. Mas a gestora ne- Até as necessidades dade de dessalinização
Mindelo passaria a ter água nas tornei- gou o pedido, visto que, de água com capacidade
ras 24 horas por dia”. Isso não aconte- se lhe desse, teria de for- básicas de higiene para produzir 1.800 to- Dona Patrolina
ceu. E, chegado mais um Verão, o pro- necer água a toda a co- estão em causa. neladas por dia.”
blema mantém-se. munidade e arredores. Tomar banho começa Mas avisa desde já que
Outros, menos criati-
Tomar banho vos, põem a lata na ca-
a ser um luxo - coisa se trata de uma unidade
velha, que está em re-
começa a ser um luxo beça e saem à procura. cada vez mais rara paração na CABNAVE
Tissiano Rocha, residente em Espia, Tissiano, para ter água e não vai resolver o
classifica esta situação como triste. “É para beber, tem que comprar água problema. Para o executivo da Electra,
uma situação que se repete, sendo ne- engarrafada, “que custa caro”. Dona o problema só será resolvido com a
cessário tomar medidas para prevenir. Patronilia, de Monte Sossego, viu-se compra de uma nova unidade. Esclare-
Mas nada fazem. Há três semanas que obrigada a comprar água salgada para ce que o concurso para a aquisição já
estou sem água”. limpar casa e, em última solução, foi foi lançado, mas não pode precisar
Espia está sem água. E para Rosa, a si- obrigada a cozinhar com ela. quando é que a unidade irá ser instala-
tuação é a pior: “tenho nove pessoas Mas há exemplos de solidariedade. Al- da e entrar em funcionamento.
em casa, o número vai aumentar com a cindo não passou por muitas dificulda- E os mindelense perguntam: “Para quan- Tissiano
chegada de parentes do exterior. Estou des por causa do vizinho que “parti- do nhor Deus? Quando nhor Deus?”

Dengue está de volta


Está de volta e em força: os hospitais estão a receber infetados e a situação pode tornar-se muito preocupante
contatada por este jornal, já se mani- Com Praia deficitária na recolha do li- próximas chuvas trazem.
A inda está bem presente na me-
mória dos praienses os momen-
tos difíceis vividos o ano passado
festaram alguns casos nos últimos
tempos, estando neste momento a de-
xo e todos os problemas de escoa-
mento de água, as próximas chuvas
Segundo analistas, as chuvas deste
ano podem atirar-nos para uma situa-
com a epidemia do dengue. Este ano, correr diversas análises. Não há ainda deixam prever um cenário negro, com ção muito mais difícil do que a vivida
as coisas não tendem a ser diferentes, elementos rigorosos a este respeito. possibilidades de se viver o mesmo o ano passado, atendendo a que o ví-
embora as pessoas tenham sido mobi- A mesma fonte acrescentou-nos que o drama do ano passado, mas a um ní- rus já está instalado entre nós.
lizadas para campanhas de limpeza e dengue não desapareceu do nosso dia vel mais alto. Pelo andar da carruagem só resta ao
desinfeção da cidade, a realidade é a dia – apenas decresceu a níveis pou- A somar a estas limitações, está o fato cidadão praiense, precaver-se com
que o dengue continua presente e a co significativos. Agora manifesta-se do Governo e Câmara não consegui- roupas compridas (que cubram o cor-
tendência é para aumentar. de modo mais intenso. Já promete rem um plano capaz e coordenação po todo), repelentes, redes nas janelas
De resto, segundo fonte hospitalar acompanhar este assunto. eficaz para minimizar os riscos que as e - acima de tudo - muita fé em Deus.
Já • Sexta-feira 6 Agosto 2010 • 9

sem tirar nem pôr


Televisão do Estado

Governo “esmaga”
Oposição
Os números falam por si: Já deu-se ao trabalho de contabilizar quanto
Governo/PAICV e Oposição tiveram de tempo de informação durante vários
dias na TCV. Depois disto…

O
s tentáculos do Governo e do partido
que o sustenta estão, cada vez mais,
a controlar o serviço público de tele-
Aposentado como
visão, sendo já difícil esconder a manipulação
daquele órgão, principalmente quando existe
um livro de estilo que defende o tempo e o es-
ministro Brito continua
tilo das reportagens e entrevistas que passam Duarte não diz com que categoria foi
na TCV.
Para muita gente que assiste aos Telejornais
O “caso da Aposentação do Mi-
nistro José Brito” continua a dar
que falar. Depois da notícia publicada
José Brito reformado – até porque não
foi como embaixador, pelo fato de não
das 20 horas “a sem-vergonhice” atingiu to- no Já da semana passada várias men- ser diplomata de carreira –, as pessoas
dos os limites: a TCV defende que existe nela sagens de repúdio e admiração che- que contataram a nossa redação para
liberdade de informação e igual tratamento do garam à nossa redação por este ato de perguntar se o actual membro do Go-
Executivo e da Oposição por parte dos jorna- “camaradagem” que saiu dos punhos verno de José Maria Neves estará a re-
listas e pela direcção da informação da televi- de Cristina Duarte, a Ministra das Fi- ceber a reforma de José Brito e o salá-
são suportada pelos contribuintes. nanças e da Adminstração Pública. rio de ministro. “Porque isso de brin-
Já decidiu contar o tempo a que é atribuído a Indignados com a car aos camaradas
cada um dos dois sujeitos políticos e os resul- “sorte grande” de Nem José Maria Neves tem limites”, subli-
tados são surpreendentes, para não dizer ater- José Brito, aposen- nham.
radores. reagiu ainda para
tado pelos seus 34 Até porque pelos
Entre os dias 27 e 31 de Julho, para além dos anos de funcionalis- explicar a “sorte” do lados do Palácio das
destaques nas manchetes que dão prevalência mo público e refor- seu ministro Comunidades e da
aos atos dos tambarinas, o resultado foi este: mado como minis- Várzea o silêncio é
em cinco dias, a TCV deu 33,74 minutos de tro, querem saber como é que o chefe total. José Brito não diz se vai deixar o
espaço ao PAICV/Governo e apenas 7,67 mi- da Diplomacia cabo-verdiana, “desli- cargo – porque, segundo Cristina
nutos à Oposição. É obra. gado do serviço”, continua a exercer o Duarte ele já está reformado, “está
No dia 27 de Julho, a televisão paga pelos ca- cargo governativo. E o cargo de desligado de serviço” e não pode rece-
bo-verdianos falou durante 12 minutos sobre ministro é uma função política e não ber dois salários-, nem José Maria Ne-
o Governo e PAICV e apenas 2 minutos e 13 administrativa. ves reagiu ainda para explicar a “sor-
segundos sobre a Como o despacho da Ministra Cristina te” do seu ministro.
Oposição (MpD e Em cinco dias,
UCID, entenda-se!).
No dia seguinte, 28, a TCV deu
foram 5 minutos e 33,74 minutos UCID
55 segundos para o
de espaço ao
Governo/PAICV e 1
minuto e 20 segun- PAICV/Governo
dos para a Oposição. e apenas
Militantes exigem novos
Na passada sexta-
-feira, 30 de Julho, o 7,67 minutos
mesmo esquema foi à Oposição
desafios
de 31 de Agosto de 1981, passados
montado, ou seja, 11
minutos e 28 segundos para o partido tamba-
rina/Executivo, e apenas 2 minutos e 2 segun-
A lguns militantes da União Cabo-
verdeana Independente e Demo-
crática, UCID, estão descontentes
mais de 30 anos, só porque estamos
em época pré-eleitoral, para além de
dos para MpD e UCID juntos. com a forma de fazer política daquele completamente extemporânea, não
Mas todos viram Rui Semedo, líder parlamen- partido e não concordam com a ini- traz nada de novo”, continua o mili-
tar do PAICV, e próprio Sidónio Monteiro a ciativa da actual direcção em realizar tante muito crítico à actual direção:
dizerem durante o Estado da Nação que nunca uma jornada de "Reflexões Sobre os “portanto, salvo o devido e merecido
houve tanta liberdade de imprensa como ago- Acontecimentos do 31 de Agosto de respeito, creio que a UCID está a
ra. Esqueceram-se de usar a palavra “Leber- 1981", de má memória para a ilha de regredir no tempo à descoberta do ...
dade” (assim o diz José Maria Neves, já em S. Antão e Cabo Verde. vazio”.
campanha eleitoral e a “entrar” em casa de to- De acordo com uma fonte do Já que Para estes militantes, “o Povo das
dos num programa de propaganda sobre o seu pediu o anonimato, o “31 de Agosto”, ilhas quer saber o que nos espera o
Governo com rótulo de publi-reportagem). enquanto "arma de arremesso políti- futuro, o amanhã, se se quiser, os
Num país civilizado, onde funcione o Estado co" já deu tudo o que tinha a dar, nos próximos 5 anos já que estamos em
de Direito e a Justiça, numa televisão pública anos 90. “Hoje, o povo das ilhas quer maré de eleições”, sublinham, acres-
que permitisse o Primeiro Ministro fazer “fi- ouvir, como dizia o poeta, ‘um poema centando que os cabo-verdianos
guras tristes”, cairia o Diretor da Estação e ia diferente para o povo das ilhas’ e ir querem sim alternativas. Ou seja, “o
com ele o Ministro que tutela a comunicação agora falar de acontecimentos rela- que se pede agora são ideias e projec-
social. cionados com o levantamento popular tos para um novo Cabo Verde”
10 • Já • Sexta-feira 6 Agosto 2010

pela boca grande entrevista


António Tavares
lança CD em Cabo Verde

Da fama ao
reencontro
com Deus
António Tavares (Totó), como é conhecido pelos amigos, Antes do mais, os agradecimentos por ter aceite o convite para esta conver-
sa. Quem é António Tavares (Totó Tavares)?
ex-baixista do grupo “Tropical Power”, É um cabo-verdiano com forte ligação às culturas do seu País, cujo cordão umbi-
lical está em Santa Catarina de Santiago. Nasci e cresci em Assomada até a idade
de 12 anos, filho de Aristides Mendes Tavares e de Maria Lomba Tavares. Sou
fundado nos finais dos anos 70, por seu irmão, irmão do famoso e talentoso músico Norberto Tavares.

o famoso compositor, músico e cantor Norberto Tavares, Fale-nos um pouco da sua infância em Assomada.
São lindas as memórias da minha infância em Assomada. Filho de pais campone-
está em Cabo Verde para divulgar o seu CD a solo. ses, com apenas 12 anos trabalhava bastante. Ajudava a minha mãe nas lides de
casa, fazia djunta mô com os meus colegas nos trabalhos agrícolas, tomava conta
Um trabalho que contém músicas de cariz religioso de alimárias no campo, guardava os corvos, enfim, fazia tudo aquilo a que uma
criança da minha idade estava sujeita. Até ficava zangado com a minha mãe, ao
ponto de reivindicar, porque enquanto eu estava a trabalhar, o meu irmão Norberto
e de apelo ao encontro com Deus. ficava a tocar viola e, portanto, achava aquilo injusto. Ele era tido como um ado-
lescente frágil, porque sofria de meningite e não podia fazer nada.
Este novo género musical de Totó surgiu Gostava de referir ainda a minha passagem pela escola primária, na companhia do
actual Primeiro Ministro, José Maria Neves, que foi, de resto, um brilhante aluno.
na sequência duma “experiência com Jesus Cristo” Dispensámos dos exames do 2º Ano do Ciclo Preparatório de Santa Catarina - ele
era um aluno muito aplicado. Por isso, chegou onde está hoje. Foi e é um grande
(como ele diz), que o motivou a deixar o grupo em 1998. amigo. Sentávamo-nos juntos na mesma carteira.

De passagem pela ilha de Santo Antão, Está em Cabo Verde para divulgar o seu primeiro CD a solo, resultado do seu
reencontro com Jesus Cristo. Mas, antes, falemos da sua experiência na
emigração.
Já entrevistou o artista no Santantao Art Resort, A minha experiência na emigração começou em Portugal onde, nos finais de
1975, com 15 anos, recebi o convite do meu irmão Norberto Tavares para integrar
em Porto Novo o grupo Black Power, que acabara de criar. Tínhamos muita fama, era um grupo
Já • Sexta-feira 6 Agosto 2010 • 11

muito falado no seio da comunidade cabo-verdiana em Portugal, sobretudo na Quando fala do encontro com Deus, que aconteceu de uma forma inespera-
zona da Grande Lisboa. Animávamos as festas crioulas e dávamos concertos em da e alterou todo o paradigma da sua vida, está a referir-se a que mudança,
vários países europeus, como Espanha, Holanda, França, Luxemburgo, Itália, etc. concretamente?
Com o “Black Power” gravei O “Volta Pa Fonti”, o qual continha a famosa faixa De fato, foi uma coisa muito estranha, que muitos patrícios meus nos Estados
“Mariazinha Bá Rubêra”. Em 1979, sempre na companhia do meu irmão, Unidos não sabiam. Repare que é uma maravilha incomensurável quando um
seguimos para os EUA, onde formámos o “Tropical Power” e gravámos dois dis- indivíduo sente que está do lado errado e, de repente, consciencializa-se desse
cos em vinil, com destaque para o “Mundo Sta Di Boita”, que foi um sucesso em erro e arrepende-se, reconciliando-se com Jesus Cristo e O recebe como o seu
todo o mundo. Salvador, que pagou um preço pelos nossos pecados. Foi, justamente, o que acon-
teceu comigo.
“Deus tinha outro plano para a minha vida”
Como e quando é que sentiu esse chamamento de Deus, na sua vida?
Tanto quanto sei o grupo desmoronou-se. Qual terá sido a causa desse des- (Riso) Foi num congresso de negócios, cujos organizadores eram figuras perten-
moronamento? centes às igrejas evangélicas e tinham uma
O que posso dizer-lhe é que, em 1998, o conjun- vida muito regrada. A páginas tantas da
to estava no bom caminho. Tínhamos uma agen- conferência, o mestre-cerimónia perguntou
da recheada de concertos e a vida mundana esta- se havia alguém que estivesse interessado
va ótima. Entretanto, nessa altura em que tudo em receber Jesus Cristo. Foi então que


parecia bem do ponto de vista carnal, apareceu resolvi manifestar a minha vontade, uma
Jesus Cristo no meu caminho. O encontro pessoal vez que já tinha a experiência com Ele,
com Jesus significou para mim, uma profunda quando era acólito na Igreja de Nossa
mudança na minha vida. Salvou-me do caminho Senhora de Fátima, em Assomada. Fi-lo, O mestre-cerimónia
da perversidade e da fornicação. porque sentia um vazio total, do ponto de
Foi assim, contra a vontade dos meus companhei- vista da minha espiritualidade. Ficava, perguntou se havia
ros, alguns mesmo desapontados, que acabei por durante muito tempo, fechado no quarto alguém que estivesse
deixar o grupo, porque na verdade não me estava sozinho porque esse vazio apoquentava-me
a sentir bem. Deus tinha um outro plano para a bastante. Apesar da fama e do dinheiro que interessado em
minha vida. ostentava, havia qualquer coisa que me fal-
tava. receber Jesus Cristo.
Como é que os seus colegas reagiram? Disse então: já experimentei tanta coisa na Foi então que resolvi
Mal como já disse. Numa altura em que estáva- minha vida, porque não procurar Jesus e
mos na ribalta da notoriedade, aparece um ele- ver se Ele preencherá o meu vazio? Dito e manifestar a minha
mento que deixa o grupo. Como deve calcular, é feito! Comecei a ler a Bíblia e senti cada
complicado gerir um conflito dessa envergadura. vez mais a fome das palavras. Ia, de vez em vontade, uma vez que
Fui acusado até de lavagem cerebral religiosa, quando, à Igreja Católica, mas percebi que já tinha a experiência
fato que me impediria de continuar no conjunto. as prédicas dos sacerdotes não respondiam
Que, provavelmente, estaria a ser influenciado às minhas necessidades espirituais e, por com Ele, quando era
por alguma religião ortodoxa. Mas não foi nada outro lado, não encaixavam no que a Bíblia
disso. O que aconteceu, como já disse, foi um diz, de modo que acabei por procurar uma acólito na Igreja
reencontro com Jesus Cristo. Porque Ele disse: igreja evangélica, onde me encontro, neste de Nossa Senhora
‘Se queres seguir-me tens que morrer a cada dia’. momento, a trabalhar juntamente com
Morrer a cada dia, significa, justamente renunciar outros irmãos. Mas devo confessar uma de Fátima,
aos prazeres da carne e entregar a sua vida a coisa: nenhuma igreja salva. A salvação
Jesus, porque o Reino de Deus está em primeiro está em Jesus Cristo. Ele não pertence a em Assomada.
lugar. Já diz a Bíblia, citando o Salvador do Mun- nenhuma igreja. Veio ao mundo para nos Fi-lo, porque sentia
do, que ‘ninguém vem a mim a não ser através do salvar.
meu Pai’. ‘É preciso nascer de novo’. Isto signifi- um vazio total,
ca, arrependimento, confissão dos nossos peca- “Um dia partiremos
dos para que o Espírito Santo possa habitar entre do ponto de vista
deste mundo…”
nós. A pessoa com pecado é uma pessoa morta, da minha
pois o espírito de Deus não mora nas pessoas que Falemos agora do seu CD a solo, que
O ofendem. Diria que este novo género contém mensagens muito apelativas ao espiritualidade.
encontro com Jesus Cristo.
Apesar do seu novo modelo de vida, tem-se musical, que Deus me inspirou O CD tem 10 faixas musicais e gostava de
Ficava, durante muito
encontrado com os seus ex-colegas do “Tropi-
para compor, é, sem dúvida, um
destacar aquela que apela a todos os cabo- tempo, fechado
cal Power”? -verdianos a chegarem-se mais perto de
Ainda assim, encontrámo-nos, esporadicamente, Deus. É o número 3, “Txiga Pértu”. Nesta no quarto sozinho
para alguns concertos em momentos especiais. alimento para as almas famintas música convido todos, sem excepção: pes-
porque esse vazio
Mas de fato deixei o conjunto para dedicar-me cadores, políticos, camponeses, pedreiros,
inteiramente, agora, a VIDA – Voz Informativa taxistas, professores, músicos, polícias, apoquentava-me
de Amor -, uma organização que ajudámos a fundar, eu e a minha esposa, junta- funcionários, juízes, advogados, etc, a encontrarem-se com Deus. Porque no
mente com Higino de Pina, no ministério de evangelização, através da “Rádio Di fundo, todos somos pecadores, não há justos, ninguém é imaculado. É preciso bastante.
Nôs”, canal 1380 – AM, todos os Sábados das 15h40 às 16 horas, portanto com uma nova relação com Deus, para que possamos entrar no Reino dos Céus. Diria
apenas 20 minutos de emissão. Mas pensamos elevar esse tempo para 1 hora. que este novo género musical, que Deus me inspirou para compor, é, sem dúvi-
Apesar da fama
Penso que esta é, seguramente, a melhor forma de servir a Deus e de sensibilizar da, um alimento para as almas famintas. Todos os dias programamos as nossas e do dinheiro
todas as almas perdidas, sobretudo, as dos colegas artistas que ainda procuram a férias, projetamos uma boa casa, compramos bons carros, mas não paramos para
totalidade da satisfação através do prazer carnal. planear a nossa entrada para a eternidade. Esquecemo-nos de que um dia vamos que ostentava,
partir deste mundo.
Músicas de Norberto tinham conteúdo espiritual
havia qualquer coisa
Não podia concluir esta entrevista, sem perguntar-lhe sobre a recuperação que me faltava
Considera que as músicas que tocavam eram perversas? do seu irmão, depois do transplante do rim. Como é que ele está?
Devo salvaguardar aqui que nem tudo era perverso. Veja que as músicas de O meu irmão está bem. O transplante foi um sucesso e houve uma grande trans-
Norberto Tavares são ricas em conteúdos de apelo à paz, à solidariedade, à liber- formação do ponto de vista fisionómico. No princípio, fazia hemodiálise quatro
dade, à fraternidade e ao amor ao próximo. Por isso, não considero que as men- vezes por semana, durante 4 horas por cada sessão. Como deve calcular, é uma
sagens do meu irmão sejam perversas. Antes pelo contrário. Ele conseguiu des- situação dolorosa. Hoje, graças a Deus, depois de um mês, o rim começou a fun-
pertar os cabo-verdianos, dentro e fora do País, para a nova realidade politica e cionar bem e já não precisa de hemodiálise. É, sem dúvida, um milagre de Deus!
cultural que se impunha. Neste aspecto, creio que as músicas do Norberto têm Carlos Tavares salvou o meu irmão! Por isso, ficaremos eternamente grato a este
uma componente espiritual muito elevada e que valeu a pena ter estado no grupo senhor maravilhoso e altruísta, porque salvou uma vida. O exemplo dele deve ser
com ele. Disto não tenho dúvidas. seguido por todos os homens de boa vontade que deambulam pelo mundo.
12 • Já • Sexta-feira 6 Agosto 2010

isto vimos
Ponto de mira
Boa vai ela…

João Dono

A insegurança
na segurança

Polícia recruta A insegurança é, hoje,


fenómeno que afeta todo
o País. Trata-se de triste
realidade que nem os discursos
fantasiosos de José Maria

marginais
Neves conseguem esconder.
Infelizmente, este Governo
optou pelo discurso em vez de
ação e os resultados negativos
são visíveis em todas as
vertentes.
A segurança é um dos fins do
Estado, constitucionalmente
consagrado. Porém, foi
completamente ignorada por
Agentes com passado criminal, thugs arregimentados, polícias apanhados a roubar, mulheres recrutadas para agentes por via
este Governo. Estranhamente,
de assédio sexual. Assim vai a Polícia do Ministro Lívio Lopes temos um Governo que ignora
que são recrutadas com base em assé- ocasião para essa operação. Só que foi do da droga e que, no exercício das a Polícia e insiste em não lhes

A
denúncia vem de diversos
quadrantes. E é caso para di- dio sexual. denunciada pela lesada, e os agentes suas funções, revelam condutas inade- aprovar, propositadamente, os
zer: “não acredito nas bruxas, A nossa fonte garante-nos que as auto- que estavam no sítio perseguiram-na. quadas a uma profissão que exige ele- Estatutos. Pior: em vez de
mas que elas existem … existem”. A ridades foram alertadas, mas ninguém Ela já estava metida num táxi, mas foi vado grau de cultura cívica. pensar na segurança com
provar a tese uma fonte policial, com levantou um dedo: há graúdos que têm apanhada”, revela-nos esta fonte. A nossa fonte assegura-nos que é de- seriedade, prefere marcar
uma longa carreira, põe a boca no responsabilidades em alguns destes Segundo ele, essa tectável a conduta des-
encontro com os “thugs”. As
trombone para denunciar casos de re- casos, e se o sistema de investigação agente foi denunciada Agentes que vieram ses agentes em certas vítimas e todos aqueles que,
crutamento para a corporação de indi- funcionasse alguém iria mofar nos nos serviços da Polícia intervenções nas quais
víduos com antecedentes criminais. calabouços. Nacional, e apanhou do mundo da droga e demonstram pura e diariamente, combatem a
“É lastimável o que está acontecer, 30 dias de suspensão, que, no exercício das simplesmente metodo- criminalidade ficam
pois são vários indivíduos com antece-
Agente apanhada mas está neste mo- suas funções, revelam logias impróprias de esquecidos. Grande injustiça e
dentes criminais, ou com processos em kasu-bodi mento integrada. actuação. inversão da ordem dos valores
pendentes nos tribunais, que são recru- Outra fonte policial assegurou ao nos- “Como é que podemos condutas inadequadas “As denúncias de vá- dos cabo-verdianos.
tados para a Policia Nacional”, diz a so jornal a existência de uma agente da ter credibilidade junto rios advogados e cida- Não se percebe o porquê de
Já esta fonte policial. Ela acrescenta- polícia surpreendida pelos colegas no do público, se enquanto guardiães de dãos têm caído em saco roto. Mas se tanta demora na aprovação dos
nos que os critérios de recrutamento aeroporto a surripiar a uma cidadã da segurança estamos a ter gente com vivemos, de fato, num Estado de Di- Estatutos da Policia Nacional,
estão assentes sobre bases como mi- costa ocidental africana uma carteira essa conduta?”, indaga o nosso inter- reito é chegada a hora de termos cora- criada em 2005. Será que não
litância partidária, afinidades fami- com uma massa de dinheiro. “Ela, ao locutor. Ele também nos refere a exis- gem para dizer que assim não está cer- se pretende dar melhores
liares. E há também casos de jovens inspeccionar a viajante, aproveitou a tência de agentes que vieram do mun- to”, conclui o nosso interlocutor.
condições à Polícia Nacional?
Que não se pretende melhorar
a grelha salarial? Que a Polícia

Péssimas condições Carreiras congeladas Nacional não tem direito a


progressão? Não se pode
exigir tanto e dar em
contrapartida algumas

de trabalho
progressão. “ Há gentes com 10, 11, 12
anos sem progredir na carreira, na cor- migalhas em troca.
poração a promoção é um problema, Não se governa um país com
só não é no caso dos oficiais, conquan- discursos, não se pode colocar
P ara fazer face à onda de criminalidade e garantir a operacionalidade do sis-
tema, a Polícia Nacional, mais do que nunca, enfrenta uma situação cari-
cata que se vem reflectindo na qualidade do serviço da Corporação.
to os sub-chefes e agentes ficam sem-
pre apeados”, acusa acrescentando ha-
os cabo-verdianos num clima
de insegurança e medo. A
Uma fonte policial, em jeito de denuncia, assegura-nos que não há dinheiro ver casos de oficiais com processos
aposta na Polícia Nacional é
para nomear agentes recém-formados, que falta tinta para impressoras, falta crimes nos tribunais , e que são promo-
imperativo e obrigação do
papel e outros consumíveis, falta combustíveis para as viaturas… E, no entan- vidos. A nossa fonte desafia o jornalis-
mo cabo-verdiano a investigar casos e Estado. Formar, treinar,
to, a tutela da Polícia Nacional pinta um “quadro cor-de-rosa” sobre a situação. equipar aqueles que são
“Temos tido lealdade para com a nossa instituição. Mas já são várias as vozes casos que marcam a história da Policia
Nacional, por forma o Ministério responsáveis pela nossa
que se juntam para questionar o status quo. Todavia, não há como convencer
Público possa despertar para averiguar segurança, que correm riscos
esta gente que algo vai mal no Reino da Dinamarca”, adverte-nos o nosso
interlocutor. “Não é possível continuar assim, pois deste modo o sistema O estatuto da Polícia Nacional está
engavetado há seis anos para a
sua aprovação. No ano transacto des-
o que está a passar. “ Ninguém é doido
para fazer denuncias do género, e no
em defesa dos cabo-verdianos,
é obrigação do Estado e um
entrará em colapso. Basta ver o caso de alegados criminosos que entram para
a corporação, bem como o problema de promoção e/ou progressão, e ainda a bloquearam o processo de progressão entanto por imperativo da lei estamos direito dos cabo-verdianos.
carência de meios técnicos para garantir a operacionalidade do sistema”. na Administração Publica. Uma fonte vedados a dar a cara, mas há gente e Obrigação que não se realiza
Quem avisa, bom amigo é. Mas quem não escuta… policial revelou à nossa reportagem gente quase a querer vomitar perante com discursos, com sonhos.
que só por inércia na polícia não houve tanta pasmaceira”, conclui.
Já • Sexta-feira 6 Agosto 2010 • 13

nota$ solta$
A “massagem da taxa de desemprego”

A manipulação
dos números
fabrica ilusões
O artifício da mudança de metodologias pelo INE baixou a taxa de
desemprego de 18% para 13%, quando na realidade ela subiu

mente debatida, e declara que a taxa de gia deu uma taxa de desemprego de Partindo de uma estimativa da popula- efetivos! O denominador aumentou

D
isse o Primeiro Ministro, na
sua intervenção inicial no de- desemprego em Dezembro de 2009 21%. ção de 509 mil habitantes, e de uma bastante! Ao fazer o inquérito utilizan-
bate O Estado da Nação, que era de 13%! Leva cinco meses para Como é que os dados terão sido mas- proporção de habitantes com 15 anos e do o questionário antigo, o INE deve
o “desemprego está a diminuir”, sem publicar os resultados e acaba por pu- sajados? É simples. A taxa de desem- mais, de 68% do total (consta do docu- ter extrapolado um total de 41 mil de-
apresentar números e fontes. Tal afir- blicá-los a um mês da realização do prego é o quociente entre o número de mento sobre a nova metodologia, pu- sempregados.
mação (que contraria todos os núme- censo 2010. Desemprego a 13%! Em desempregados e a população ativa. blicado pelo INE), estima-se que a po- Com o novo questionário, que se su-
ros publicados até agora) só é enten- 2008, o desemprego estava na casa Basta aumentar o denominador (popu- pulação dessa faixa etária (15 anos e põe tenha sido utilizado (era bom que
dível, quando se coloca em perspetiva dos 18%. Agora, fica próximo do de- lação ativa) ou reduzir o numerador mais) atinja 346 mil habitantes. Nos o INE disponibilizasse no seu site os
a recente mudança de metodologia na semprego de um dígito prometido pelo (número de desempregados) ou ainda dois casos apresentados no quadro é dois instrumentos para que todos pos-
definição de “desemprego” por parte PM. aumentar tanto o numerador como o igual. sam comparar), o INE extrapolou a
do Instituto Nacional de Estatísticas e denominador, mas mais o denomina- A grande diferença é na taxa de ativi- partir da amostra um total de 45 mil
a declaração do Presidente do INE de
Uma questão de dor, para que o quociente, a taxa de de- dade, ou seja, a proporção da popula- desempregados. Mas como tinha au-
que, a partir de agora, só são publica- metodologias semprego, diminua. ção com 15 anos e mais que está em- mentado o denominador de 19 mil, os
das informações sobre o emprego ba- Note-se o que diz o PM: “o desempre- O INE publicou apenas as percenta- pregada e desempregada ou, dito de 4 mil de acréscimo ao numerador ser-
seadas na “nova metodologia”. go está a diminuir”. Tenta passar, sub- gens e não os números absolutos, o outro modo, que não é inativa. vem perfeitamente para fazer baixar a
Ora, a próxima publicação é o Censo repticiamente, a ideia de que o desem- que seria desejável. A partir dessas Na metodologia antiga essa proporção taxa de desemprego para 13%. A per-
2010, que apresenta, seguramente, da- prego que, em 2008, era de 18% percentagens e da definição de popula- é de 56,3% e na nova é de 61,9%, o gunta que fica no ar é a seguinte: como
dos sobre o desemprego. Repare-se na baixou para 13%. Esqueceu-se de di- ção ativa com 15 anos e mais, pode que se reflete, em termos absolutos, é possível que entre as duas meto-
lógica: o INE revê a metodologia de zer que estes famosos 13% foram cal- tentar-se chegar aos números absolu- em 195 mil pessoas e 214 mil, respec- dologias possa haver uma diferença
cálculo do desemprego, sem que a culados com a nova metodologia. E tos socorrendo-nos de uma aritmética tivamente, o denominador de que se tão grande na população ativa com 15
questão tenha sido ampla e longa- que o cálculo com a antiga metodolo- simples. falou acima. Uma diferença de 19 mil anos e mais?

Desemprego jovem na Praia Onde INE descobriu 15 mil


novos empregos?
atinge 50 por cento N um dos anexos ao documento
publicado pelo INE, afirma-se
que no ano de 2009 foram criados 15
do Inquérito, foi de 38,3%, corres- 11.070 desempregados do que em
O Inquérito ao Emprego do ano
2009, publicado pelo Instituto
Nacional de Estatística, INE, mostra
pondente a cerca de 18.024 jovens na
faixa etária 15-24 anos que estão de-
2000 (Censo 2000), ou seja um agra-
vamento global do desemprego de
mil novos empregos! Deve ser a
maior criação de emprego de toda a
história de Cabo Verde! O problema é
que 2 em cada 4 jovens com idade sempregados, mais 3.897 jovens de- 37% em nove anos, mais cerca de que ninguém consegue descobrir
entre 15 e 24 anos, na cidade da sempregados do que no ano 2000, ou 1.230 desempregados por ano. donde vieram esses empregos. Num
Praia, está desempregado (não se seja, mais 28%. O Inquérito ao Emprego 2009 apre- ano em que o crescimento da econo-
contam os estudantes e outros jovens O agravamento da taxa de desempre- senta, ainda, algumas informações mia (3%) atingiu o valor mais baixo
não ativos). No total, são cerca de go jovem reflete o agravamento geral interessantes sobre emprego e de- dos últimos 18 anos e em que os sec-
5.582 jovens com idade entre 15 e 24 do desemprego no País, que afeta semprego. Quase um terço dos de- tores da construção e do turismo, que Presidente do INE
anos que não têm emprego na cidade praticamente todas as faixas etárias. sempregados está à procura do pri- empregam um número considerável António Duarte Paulo Cabral
Considerando uma taxa de atividade meiro emprego; 3 em cada 4 empre- de pessoas, regrediram, de onde vie-
da Praia.
ram esses 15 mil novos empregos? 15 mil novos empregos todos os ano
Esta taxa de desemprego jovem na da população, com 15 anos e mais, de gos são de natureza informal, e mais
Das pescas? Da agricultura? Da in- para atingir o tão almejado objectivo!
cidade da Praia, 50,1%, é a mais alta 56,3% e uma taxa de desemprego de de metade (52%) dos empregos loca- dústria? É bom ter na mente o seguin- E toda a gente sabia que isso era fan-
do País, seguindo-se S. Vicente com 20,9% (dados do inquérito ao empre- lizam-se em empresas privadas infor- te: quando no inicio do actual manda- tasia. De repente, no pior ano do ciclo
um desemprego jovem de 45,2% e go de 2009), o número total de de- mais. Para cada 4 trabalhadores, 3 to o primeiro-ministro lançou a famo- económico do actual governo, o INE
Fogo com 44,3%. sempregados é de 40.708, mais 5.232 não possui qualquer cobertura que sa tirada de crescimento a dois dígitos descobre 15 mil novos empregos! É
No conjunto do País, a taxa de de- desempregados do que em 2008 (In- lhe dê proteção na doença ou na ve- e redução do desemprego para um dí- obra. Em números desses nem cegos
semprego jovem, segundo os dados quérito ao Emprego 2008) e mais lhice. gito, seria necessário criar pelo menos acreditam.
14 • Já • Sexta-feira 6 Agosto 2010

coisas do mundo
IRAQUE S. TOMÉ

Sete anos depois, Trovoada: nuvens


vêm depois
desastre Com o regresso de Patrice Trovoada, foram redistribuídas as
cartas no jogo político são-tomense. Vem aí a vaza seguinte
e todos olhos em volta para saber se Fradique de Menezes se
dispõe a destrunfar

A vitória da ADI nas legislativas de


S. Tomé e Príncipe não é surpre-

confirmado
sa: fora pré-anunciada nas autárquicas
da semana anterior, quando o partido
de Patrice Trovoada arrebatou os dois
principais distritos – o de Água Grande
e de Mé-zochi, onde se concentra a
maioria da população (80%). Os resul-
tados do escrutínio atribuíram 26 luga-
res de deputados à ADI e 21 ao
MLSTP/PSD, de Rafael Branco, en- sentido do voto, na medida em o voto
quanto o PCD, de Albertino Bragança, é um direito cívico dos cidadãos e não
apenas assegurou 7 lugares. O deve estar associados a obtenção de
MDFM-PL, do Presidente Fradique de vantagens por seu exercício”. Palavras
Menezes, limita-se a um único assento que caíram em saco roto.
no parlamento. Embora sem maioria absoluta, a ADI
Com boicotes (em Belém-Trindade, regressa ao Governo. O PCD vai em
onde a população ergueu barricadas queda livre e o partido de Fradique de
em protesto contra a falta de água) Menezes “desaparece”, deixando em
muitas acusações de “banho” (compra dificuldades o atual Presidente da Re-
de votos), estas eleições decorreram pública. Albertino de Bragança já pedi-
pacificamente, apesar de alguns atos ra a sua demissão de líder partidário,
violentos, como em Lucumy – mas quando Fradique delegara no vice-pre-
pouco significativos. Fato grave só o sidente do MDFM/PL o seu poder pre-
assalto à sede da Comissão Nacional sidencial: “O PCD entende como úni-
de Eleições, no início das campanhas co expediente válido a renúncia do se-
eleitorais. nhor Fradique de Menezes ao cargo de
Bush previu gastar 50 biliões para ganhar esta guerra. Já lá vão 90 biliões e não há O “banho” foi incontornável e denun- presidente do MDFM/PL para o qual
fim à vista. E nem a violência abranda ciado pelos diferentes partidos, como foi inconstitucionalmente eleito.”
se nenhum deles se envolvesse nesta Agora, já não é só a liderança partidá-

S
ete anos depois de ter sido des- eralizada, haja condições para investir prática, que a Missão de Observação ria que fica em causa com o apagamen-
encadeada, a intervenção norte- com segurança nestas indispensáveis da CPLP tentou desincentivar. O chefe to dos “liberais” do MDFM/PL: social-
americana no Iraque mostra-se estruturas básicas. da Missão, Pedro Bacelar Vascon- democratas, PCD e ADI reclamam a
um descalabro quase tão grande como Por outro lado, é incomensurável o cellos, alertou: “É um problema que renúncia do seu inimigo comum, Fra-
foi para os Estados Unidos a guerra do que, em termos culturais, a afeta a autenticidade na expressão da dique de Menezes, na Presidência da
Vietnam, ganhando cada vez mais Humanidade perdeu em consequência vontade popular e prejudica o próprio República.
razão aqueles que, na altura própria, desta guerra (recorde-se que o Iraque é
condenaram a desesperante aventura a antiga Mesopotâmia, um dos berços
para a qual George W. Bush atirou o da cultura universal, pelo menos em
poder de Washington: cerca de 90 bil- termos de monumentalidade tragica- Mundo Global
iões de dólares já foram gastos só no Julho, foram contabilizados 396 civis, mente destruída pelos ataques indis-
terreno da ação militar, não entrando 89 polícias e 50 soldados mortos em criminados): históricas ruínas defen- DÓLARES • Sete angolanos condicionalismos que lhe foram
aqui em linha de conta os gastos com o ataques armados, totalizando 535 víti- estradas, importantes museus devasta- acusados de falsificar dólares norte- impostos, pelo que se mantêm as
suporte de estruturas políticas mas da violência iraquiana (números dos. A miragem de apetecíveis lucros americano foram detidos em Luena restrições.A Comissão Europeia
iraquianas mais do que frágeis e os oficiais) e 1043 feridos, dos quais 680 que empresas norte-americanas teriam pela Polícia de Investigação Criminal também decidiu incluir na lista de
custos da chamada “ajuda human- civis, 198 polícias e 165 soldados. com a reconstrução do Iraque não de Angola. Dois dos detidos são empresas proibidas de voar no espaço
itária”. Nem se incluem os gastos de Julho último foi o mês mais mortífero encontraram confirmação no terreno. mulheres com idades entre 25 a 44 europeu «todas as transportadoras
outros países que foram arrastados dos dois últimos anos. Só sobra destruição. Nem, por via das anos. Todos eles residem nesta cidade. aéreas certificadas» em São Tomé e
para esta desastrada intervenção – Grã- armas, se evitou a crise económica No momento da detenção foram Príncipe.
Bretanha e outros. Uma “guerra esquecida” global já adivinhável há sete anos e encontradas na posse dos arguidos
Barack Obama tem como objetivo A situação no terreno não regista mel- cujos alvores foram, de fato, a causa dez notas de 100 dólares e 80 papéis S. PAULO • S. Paulo tem mais de 35
fazer retirar do Iraque, logo que pos- de cor preta com o mesmo tamanho, mil padeiros e confeiteiros
horas significativas (embora a grande direta desta guerra – pelo contrário,
além de um embrulho com pó branco responsáveis pela produção de pães,
sível, o contingente norte-americano. comunicação social tenha deixado de ajudou a agravar a crise.
e um frasco com um produto de cor doces, bolos, tortas e pães recheados
O problema está em saber quando é falar disso): os poucos relatos que Quando já ninguèm se lembra da
castanha para lavagem. em quatro mil estabelecimentos
que se torna possível esse “logo que surgem falam de milhares de “história da carochinha” que serviu de existentes na grande metrópole
possível”, uma vez que não se desco- iraquianos sem acesso a água tratada, a argumento para o ataque ao Iraque de INTERDIÇÕES • A transportadora brasileira. Os salários variam de R$
bre como cimentar a pseudo democra- saneamento básico ou a atendimento Saddam Hussein – a alegada existên- angolana TAAG e as companhias 800 a R$ 1.500 para uma jornada de
cia instalada em Bagdad, ainda conde- de saúde - dois em cada três iraquianos cia de miríficas “armas de destruição aéreas santomenses continuam na trabalho de oito horas. Para ganharem
nada a volatilizar-se se os militares não têm acesso a água potável; cerca massiva” -, ressalta a evidência daqui- lista negra da União Europeia. mercado, as padarias paulistas
estrangeiros se retirarem daquele país. de oito milhões de iraquianos - quase lo que os críticos da guerra apontavam: Recorde-se que, em Março, as ganharam novas funções, além da de
É que, sempre que surgem declarações um terço da população de 27 milhões aquele país era um barril de pólvora, restrições impostas à TAAG foram confeiteiro - para atrair o público,
apontando à eventual retirada de con- de habitantes - precisam de ajuda repartido etnica e religiosamente entre «parcialmente levantadas”, mas a surgiram os chapeiros, os montadores
tingentes militares, de imediato humanitária para viver. E não se vê parcelas cuja cohabitação dificilmente transportadora não entendeu aos de lanche e também os copeiros.
recrudesce a violência no Iraque: em como, numa situação de violência gen- será pacífica a médio prazo.
Já • Sexta-feira 6 Agosto 2010 • 15

segredos de polichinelo
Myles a milhas diz-se...
!?!
A “montadora” !!
Aconteceu no final do debate O Estado da
Nação: jornalista da “querida televisão” do
Governo não conseguiu disfarçar ardores
militantes e decidiu recolher declarações
«Sabemos que
dos intervenientes na peça parlamentar.
Ouviu um deputado do PAICV, outro do
há enormes
MpD e outro da UCID – três minutos a
cada um. Depois, uáhu!, ouviu o Primeiro
desafios, como
Ministro – dez minutos! É assim mesmo:
chefe é chefe!
a pobreza, que
ai embora, ao cabo de dois anos em Cabo aos inquilinos da Várzea. É de esperar que o novo
Não contente com o serviço, decidiu-se por
um “contributo”- “acabamos de ouvir o
PM a desmontar aqui algumas informações
feitas pela Oposição e também pelo
V Verde. Chegou em Agosto de 2008, parte em
Agosto de 2010, que nestas coisas de manda-
tos e calendários, os norte-americanos são rigorosos.
embaixador dos Estados Unidos na cidade da Praia,
para mais tendo em conta possíveis evoluções que
aconteçam no País, traga consigo, para além de uma
atinge muitos
cabo-verdianos,
Já não o são quanto a neutralidades que deveriam ser- lufada de ar fresco, uma equidistância prudente relati-
deputado da UCID” (como se o deputado vir de norte à função diplomática: Marianne Myles vamente aos atores políticos cabo-verdianos. Que te-
da UCID não fosse da Oposição). Ah, esteve (quase) sempre vestida de amarelo, com sorri- nha em conta que o povo das ilhas espera muito do e o desemprego,
marafona, é assim mesmo! Logo premiada sos amarelos e bouquet a condizer. A abalada aconte- tio Sam: sobretudo que não se deixe enganar pela ca-
com o epíteto: “a desmontadora (ou ce a poucos meses de eleições cruciais que podem chupa. Em excesso, provoca desarranjos intestinais e demasiado
montadora?) de serviço”. trazer novos cenários ao arquipélago. Sai, portanto, isso não fica bem ao representante diplomático de um
na altura própria, esgotado o acompanhamento feito país que se arvora como farol da democracia. elevado.»
José Maria Neves,
Primeiro Ministro,
E esta, hein!? debate O Estado da
Nação
 INOCÊNCIO  DAVID  REFORMA  SALTO
«O seu modelo
está esgotado.»
Jorge Santos,
Vice-presidente MpD,
debate O Estado da
Nação
Numa roda viva em busca de Bem que tentou David Hopffer Mistérios cabo-verdianos ou Andam engulhos no IIPC:
mais promessas que suportem a fazer pela vida, ainda cabo-verduras? É lá possível Charles Akibodé caiu
sua quase certa candidatura à esperançado em conseguir o que um Ministro se reforme, nas boas graças de Fernanda
Presidência – não é segredo perdão por distanciamentos empalme a reforma e se Marques e recolheu-se «Temos de
que ele é o candidato de Neves, antigos e confiante em que Janira mantenha no seu lugar? ao bom regaço da UNESCO.
há muito por este catapultado, fosse “seguro garantido” para Em Cabo Verde é possível. Está na maior. suportar esta
desde que em declarações que a esponja do tempo tudo José Brito está aí para Os seus pares roem as unhas
feitas em S. Vicente lhe deixou lavasse. Por isso, é que David o demonstrar. e engolem raivas. carga até às
a porta aberta. O lançamento quis mostrar, com truculências, Há quem diga que o homem Já tinham como certo
da candidatura foi preparado fidelidades acima de qualquer está à espera da próxima que ele era carta fora do
eleições»
por campanha de inaugurações, suspeita. Todavia, o Chefe, sem “cheia” para se deixar levar baralho. António Monteiro,
onde Inocêncio se fez vedeta lhe dizer abertamente que não, pela onda, agora com uma Fizeram-lhe a cama nos idos
televisiva (do Estado). Só não dispensou-se de lhe dar apoios. gorda prancha para surfar. de Carvalho, mas Carvalho Presidente da UCID,
percebeu quem não quis. E lugar de deputado só por si foi-se. É assim a vida. debate O Estado da
Aristides é que se deixou não dá para grandes voos. Nação
adormecer, sabe-se lá porquê. Coitado.

AVISO À NAVEGAÇÃO: segredos de polichinelo é sátira e xuxadera. Aqui não se respeita ninguém: são ditas as coisas sem recato.
É o reino da má-língua, pura e dura. A quem tenha temores e pudores, um conselho: não leia. Quem goste de rumores e tenha bons humores, leia, leia.
16 • Já • Sábado 7 Agosto 2010

em jogo
Campeonato
Futebol em Santiago Sul de Veteranos da Praia

À procura de Paiol vence


Platô e lidera
grupo
dinheiro e reforços disponibilidade de Donnay Avelino,
pois que “é difícil encontrar gente pa-
ra ocupar esses cargos. As pessoas que
lá estão fazem-no por pura carolice”.
“É difícil encontrar pessoas para assu-
mir os destinos do futebol em Santia- Equipa do Paiol
go/Sul, pois existem grandes cons-
trangimentos: casos da falta de verbas
para pagar aos árbitros, do policia-
mento. As receitas são fracas, por
A equipa do Platô iniciou o III
Campeonato de Veteranos a
perder por 1 a 0 frente à equipa do
causa de alguma falta de qualidade do Paiol, no jogo disputado sábado no
nosso futebol, que é pouco atraente”. Estádio da Várzea, para o grupo B,
arbitrado por um trio feminino. No
Profissionalismo segundo jogo da tarde e a contar para o
mesmo grupo, os veteranos de
camuflado Babolacha e Varanda não foram para
A época futebolística, na cidade da além do nulo.
Praia, movimenta cerca de 450 joga-
dores, na primeira e segunda divisões.
Os clubes da primeira divisão têm ido
buscar jogadores nas equipas da se-
gunda, na região de Santiago Norte, e
bem assim no Fogo e Maio, para além
dos “reforços” de jogadores da África
Ocidental que, residindo na cidade da
Praia, acabam por militar nas equipas
federadas. Uma vez que o “mercado”
de jogadores movimenta dinheiro e
Dinheiro é o que falta. Mesmo assim, os clubes da capital desunham-se na busca valores, é quase consensual entre diri- Veteranos do Platô
dos craques possíveis. É que os sonhos são caros e as riquezas são nenhumas gentes, treinadores e analistas que o
futebol em Santiago Sul ganhou
“reinado” no Sporting da Praia. Uma mática que, funcionando on line, dete- contornos de uma actividade profis- Jogos da
T
emem a concorrência, do
situação pendente que, longe de hipo- ta qualquer tentativa de dupla ins- sional.
mesmo modo que o guarda-
-redes teme o avançado. Jo- tecar as aspirações desses clubes à crição. O sistema, já testado pela FCF, “Em Cabo Verde já existe o profissio- 2.ª Jornada
gam sempre em “defeso”. São os “ca- próxima época, acaba por “atrasar” o está ainda indisponível na sede da nalismo camuflado, pois há jogadores
çadores de jogadores”: presidentes expediente de preparação da nova Associação Regional de Futebol, daí a com um ordenado no final do mês”,
Sábado, 7 de Agosto
dos clubes, na maioria. Na cidade da temporada futebolística. sua instalação ser um dos objectivos argumenta o comentador desportivo
Cardoso da Silva.
• 15 horas:
Praia, escondem-se os trunfos até ao A Académica da Praia - depois de ver do candidato a presidente da ARFSS,
Mesmo neste aparente desenvolvi-
Campo Sucupira (Grupo C)
último apito do campeonato, porque gorada a aposta no avançado Fufuco, Donnay Avelino, actual vice-presi-
faltam regras ao “jogo de transferên- a favor da liga egípcia – está, neste dente da Associação. Mas, talvez, a mento de um mercado de futebol em Brasil x Doce Vita
cias”. Neste campo de ataque e contra- momento, “num trabalho profundo” maior tarefa de Donnay Avelino seja Cabo Verde, os clubes passam por di- • 16 horas:
-ataque, nos bastidores, onde quase de reestruturação para imprimir maior mesmo angariar fun- ficuldades financeiras Achadinha Riba x Veteranos
tudo acontece, Académica da Praia, dinamismo à equipa. Demonstração dos para a realização “não raras vezes, enormes para garantir da Praia
Boavista e Sporting dão as cartas. A dessa vontade é a recente criação da das provas regionais, o salário aos jogadores,
cinco meses do início oficial do Sociedade Académica de Negócios: sem que tenha de, ao
são os dirigentes propinas aos atletas-es- Sábado, 7 de Agosto
Campeonato Regional de Futebol de para financiar a acção do clube. longo da época, ir “ta- que ‘desenrascam’ tudantes, almoços nos • 15 horas:
Santiago Sul, cedo começou a disputa As restantes equipas do Regional de pando buracos” para os seus clubes dias de jogos, prémios, Estádio da Várzea (Grupo B)
pelos “melhores reforços” – a meio da Futebol de Santiago Sul também se financiar o futebol em etc. As empresas têm-
com dinheiro se associado ao despor-
Achadinha Baixo x Achada
campanha para eleição dos novos movimentam, num cenário marcado Santiago Sul, como
do próprio bolso” Grande Trás
órgãos sociais da ARFSS. por “pesadíssimas” heranças, quais tem acontecido. “É sa- to na capital do País,
A Académica da Praia sai à frente na sejam a precariedade de financiamen- bida a exiguidade dos em montantes abaixo • 16 horas:
conquista de novos jogadores para o tos, a duplicação de jogadores, o “êxo- montantes que a Federação Cabo-ver- das reais necessidades, pelo que, “não Lém Ferreira x Eugénio
plantel, enquanto nos directos concor- do” dos sócios e a ausência de público diana de Futebol transfere para as as- raras vezes, são os dirigentes que ‘de- Lima
rentes, Sporting e Travadores, parece nos estádios. sociações”. Por isso, Donnay Avelino senrascam’ os seus clubes com dinhei-
ainda não haver estratégia definida. tem como propósito “encontrar um ro do próprio bolso”. Domingo, 8 de Agosto
Ambas esperam pela eleição dos seus
Associação à procura patrocinador à altura da Região”, pois Certo é que começa a fazer escola en- • 15 horas:
novos dirigentes, pois que, da parte de financiamentos está cético quanto a outras fontes de tre os dirigentes que, “sem gestão em- Campo Sucupira (Grupo A)
dos Travadores, João de Deus Carva- Perante a multiplicação de casos de financiamento. As eleições na Asso- presarial não haverá evolução, não ha- Paiol x Babolacha
lho é presidente demissionário há dupla inscrição de jogadores, a Fede- ciação Regional de Futebol devem verá dinheiro que chegue, pois falta • 16 horas:
quase um ano, e Rui Évora, mal termi- ração Cabo-verdiana de Futebol acontecer em meados deste mês, ha- planeamento e visão empresarial aos Varanda X Platô
nou a época, anunciou o fim do seu (FCF) apostou numa solução infor- vendo apenas, até este momento, a dirigentes”.
Já • Sexta-feira 6 Agosto 2010 • 17

olhem para elas


Cuidados com a pele

Os tormentos
da acne
A acne afeta sobretudo os adolescentes, causando grande ansiedade, depressão e até
diminuição da auto-estima. Pode ser tratada com medicamentos, enquanto os cosméticos são
indicados para manter a higiene e a limpeza da pele com acne ligeira. Pode apresentar-se sob
diversas formas: lesões cutâneas, pápulas, pústulas e pontos negros, entre outras.
mas não é a verdadeira causa. Quanto à acne moderada e a grave dução de sebo e a dimensão das glân- base aquosa para disfarçar as lesões da

O
corpo humano está coberto
de pêlos, cada qual inserido Para a acne ligeira, são usados cos- deve ser tratada através de comprimi- dulas sebáceas devem ser receitados acne, contendo a menção “não come-
num folículo pilo-sebáceo, méticos para melhorar a aparência. dos. Os antibióticos são eficazes em criteriosamente, porque podem afetar a dogénico” na embalagem.
com uma glândula sebácea, que pro- Nos casos mais moder- lesões com ou sem in- atividade das enzimas do fígado, Não esprema as borbulhas, nem as ta-
duz sebo, substância lançada para a ados, usam-se medica- Não esprema as flamação, cujos efeitos aumentar o nível de colesterol e piorar pe com pensos ou roupa apertada, por-
superfície da pele. Se for em quanti- mentos tópicos, como secundários variam a depressão. No caso das mulheres que isso agravará o problema.
dade excessiva e houver distúrbios na cremes e/ou gel, adap- borbulhas, nem as com a substância usa- grávidas, podem causar malformações Antes de aplicar medicamentos tópi-
epiderme, o canal fica obstruído e há tados ao tipo de pele. tape com pensos ou da: manchas nos dentes no feto. cos, como creme, gel ou outros, lave e
lesão (não inflamatória) – é o início da Para a pele oleosa, uti- roupa apertada, ou aumento da sensibi- limpe bem a pele. Faça o mesmo às
acne. lizam-se produtos não lidade da pele ao sol; Cuidados a ter mãos, antes e depois de usar o produto,
O sebo na pele é ambiente propício pa- gordurosos e com efei-
porque isso agravará outras podem reduzir a Há precauções que devem ser adota- para evitar que fiquem descamadas.
ra o desenvolvimento de bactérias, que to de secagem. Se a pe- o problema eficácia dos contrace- das: não lavar o rosto mais de duas ve- Remonta aos primórdios da humanida-
podem originar lesões inflamatórias e le for seca, usam-se tivos (pílula) - os con- zes por dia e fazê-lo com a ajuda de de obedecer a cânones de beleza e sen-
agravar a acne. Há estudos que indicam cremes e loções, alguns dos quais re- tracetivos orais com ciproterona um pano suave. Devem evitar-se sabo- tir-se bem na própria pele. A preocupa-
que factores genéticos e hormonais po- querem receita médica, já que podem podem ser usados no tratamento deste netes e produtos de limpeza abrasivos. ção em ter uma figura esbelta e pele
dem contribuir para o desenvolvimento ter efeitos secundários: irritação, des- problema. A maquilhagem deve ser usada com jovem e fresca propiciou o nascimento
do problema: o stress pode agravá-lo, camação e vermelhidão, entre outros. Os medicamentos para diminuir a pro- cuidado, preferindo-se produtos de de uma florescente indústria coméstica.

Nhô Sabura
Tire de cima o
No aproveitar peso da gordura
C omo fazer para calcular o peso

é que está o ganho ideal de um adulto? Existem


técnicas suficientemente confiáveis e
precisas para calcular a gordura do
corpo. A fórmula mais utilizada é o
chamado índice de Massa Corpórea
(Body Mass Index), indicado com a
Uma das razões por que o cabo-verdiano come excesso de sigla BMI. Determina-se dividindo o
fritos ou guisados terá a ver com dificuldades em conservar e, peso representado em kg, pelo qua-
em consequência, aproveitar as sobras dos alimentos cozidos drado da altura de um indivíduo em
centímetros.
– carne ou peixe A fórmula é a seguinte: BMI = peso
outra, cortá-las também em pequenos corpóreo (em kg) a dividir pelo qua-
E stas dificuldades agravam-se
com os constantes apagões com
as quais a Electra atrapalha a nossa
pedaços – não havendo, podem cozer-
se com vista à refeição que se prepara.
drado da altura (em cm). Se o resulta-
do for inferior a 19 há peso a menos;
vida doméstica. Também a má quali- Junte-se um ou dois ovos cozidos entre 19 e 25, há normalidade; entre
dade do azeite que se encontra à venda (depende da quantidade que se quei- 25 e 29,9 há peso a mais. Mas se for
no mercado cabo-verdiano contribui ra), descasquem-se e cortem-se às mais de 30, muito cuidado, porque
para isto. rodelas. Salpicar com salsa ou coentro então há obesidade.
Damos aqui duas receitas simples de e alho picados, e adicionar algumas
aproveitamento do que sobrou de uma azeitonas. Regar com azeite (o melhor Para perder gordura, o mais indicado é o recurso a uma dieta racional.
refeição de peixe: duas saborosas sa- que encontrar à venda). O aconselhável é que essa dieta tenha um início severo e uma conti-
ladas. Em alternativa: tomar os bocados de nuação dietética. O período de dieta não deve apontar apenas à redução
Desfazem-se em bocados as postas peixe arranjados, e misturá-los com de calorias, gorduras e doces, mas depender das circunstâncias: se o
que ficaram da refeição anterior, tendo pedaços de manga e papaia, adicio- aumento de peso é recente (por exemplo: 6 quilos em 2 anos) ou prolon-
o máximo cuidado em tirar espinhas e nando assim o bom sabor da fruta à gado no tempo (10 quilos em 10 anos).
pele. Havendo também batata (inglesa riqueza proteica que o peixe oferece. Para um bom resultado, a pessoa a necessitar de emagrecer deve ser
ou batata doce), cenoura e abóbora Resulta um sabor exótico, mas muito acompanhada por um médico dietista.
que ficaram de uma refeição para agradável.
18 • Já • Sexta-feira 6 Agosto 2010

cachupada
Mia, a baleia Horóscopo Por Maria Helena

do Bairro Manguí - III De 8 a 14 de Agosto

Carneiro Leão Sagitário


21-3 a 20-4 23-7 a 22-8 21-11 a 20-12
Carta Dominante: 6 de Copas, que Carta Dominante: 4 de Paus, que Carta Dominante: Ás de Ouros, que
significa Nostalgia. significa Ocasião Inesperada, Amizade. significa Harmonia e Prosperidade.
Amor: Saudades da sua infância poderão Amor: É possível que reencontre alguém Amor: Será elogiado pela sua tolerância e
ocupar-lhe a mente. A vida é um canto que não via há muito tempo. Que o futuro compreensão. Dê sempre em primeiro
eterno de beleza! lhe seja risonho! lugar um bom exemplo de conduta!
Saúde: Cuidado com o aparelho digestivo. Saúde: Estará tudo na normalidade. Saúde: O bem-estar físico vai acompanhá-lo
Dinheiro: Tenha cuidado com os conflitos Dinheiro: Poderá ter necessidade de durante toda a semana.
entre colegas. Pode sair prejudicado. utilizar as suas poupanças. Dinheiro: Poderá receber uma quantia
Número da Sorte: 42 Número da Sorte: 26 considerável de dinheiro.
Números da Semana: 1, 14, 25, 36, 47, 49 Números da Semana: 11, 22, 29, 32, 39, 49 Número da Sorte: 65
Dia mais favorável: domingo Dia mais favorável: segunda-feira Números da Semana: 1, 21, 23, 29, 32, 33
Lema da Semana: Concentro-me com Lema da Semana: A vida traz-me boas Dia mais favorável: terça-feira
confiança no presente. surpresas e oportunidades. Lema da Semana: Cultivo a harmonia na
Horóscopo Diário Ligue já! 760 30 10 11 Horóscopo Diário Ligue já! 760 30 10 15 minha vida!
Horóscopo Diário - Ligue já! 760 30 10 19

Touro Virgem Capricórnio


21-4 a 21-5 23-8 a 22-9 21-12 a 20-12
– Ó César, desliga aí os motores e

A
pesar de ainda não ser épo- Carta Dominante: 9 de Ouros, que Carta Dominante: 2 de Copas, que Carta Dominante: o Sol, que significa
ca de Verão, a noite estava vamos ficar algum tempo à espera, a significa Prudência. significa Amor. Glória, Honra.
quente e só a brisa que o ver no que dá. – pediu avô Irondino. Amor: A sua relação poderá estar a Amor: Aproveite bem os momentos mais Amor: Aprecie uma reunião familiar e
avançar muito rapidamente. Aja com íntimos para mostrar à sua cara-metade o ponha de lado as preocupações
bailado das águas levantava invadia E assim foi. Ficou o barco calado, os cautela mas não se preocupe com o seu tamanho do seu amor. A felicidade espera profissionais. O ambiente familiar
o barco de nhô César. O silêncio amiguinhos do bairro Manguí e o futuro. Deus cuidará de si! por si, aproveite-a! encontra-se na perfeição, aproveite a boa
manteve-se por minutos que parece- avô Irondino em silêncio, de olhos Saúde: Cuide melhor dos seus dentes, Saúde: Procure o seu médico de família disposição que vos rodeia.
pois merece ter um lindo sorriso. para fazer exames de rotina. Saúde: Possíveis problemas de
ram horas, de olhos arregalados en- postos nas águas mais calmas do al- Dinheiro: Não gaste mais do que aquilo Dinheiro: Dedique-se com afinco e obstipação.
tre o mar e o cachimbo do avô Iron- to mar. A ilha de San Jon já mal se que realmente pode. Faça bem as suas determinação ao seu emprego porque pode Dinheiro: Seja mais flexível; o facto de
dino, como se de dentro fossem sair via dali e apenas a lua se apresenta- contas. ter uma excelente surpresa. ser tão minucioso pode prejudicá-lo.
va como companhia. As candeias de Número da Sorte: 73 Número da Sorte: 38 Número da Sorte: 19
os sinais de fumo que indicariam a Números da Semana: 2, 15, 24, 26, 41, 42 Números da Semana: 8, 17, 21, 25, 27, 47 Números da Semana: 9, 14, 18, 22, 33, 44
posição de Mia. petróleo acenderam-se e avô Irondi- Dia mais favorável: terça-feira Dia mais favorável: sexta-feira Dia mais favorável: quarta-feira
Avô Irondino foi o primeiro a que- no abriu uma saca de mancarra que Lema da Semana: Sou prudente nos Lema da Semana: O Amor habita o meu Lema da Semana: Mereço a glória que
levara para todos. Descasca daqui, meus passos, para chegar ao sucesso. coração. existe na minha vida!
brar o silêncio: – Ó César não viste
Horóscopo Diário Ligue já! 760 30 10 12 Horóscopo Diário Ligue já! 760 30 10 16 Horóscopo Diário Ligue já! 760 30 10 20
nada daí? saboreia dali, veio a sede e Iva pediu
– Ver… eu vi, mas baleia não era, pe- água a quem tivesse. Sorte que nhô
la certa. Devia ser um roaz perdido César traz sempre água de reserva Gémeos Balança Aquário
por aí. Há por aqui muito disso. Uma na traineira. Só avô Irondino puxou
21-5 a 20-6 23-9 a 22-10 20-1 a 18-2
baleia não é fácil de encontrar, só se de uma garrafa de plástico piquinote
Carta Dominante: Valete de Ouros, que Carta Dominante: a Força, que significa Carta Dominante: Rei de Paus, que
ela vier à tona para respirar e estiver e bebeu dois goles de bom grogue, significa Reflexão, Novidades. Força, Domínio. significa Força, Coragem e Justiça.
por perto, mas elas às vezes estão advertindo a miudagem que aquilo Amor: Saiba ouvir a sua cara-metade. Amor: Dê mais atenção às necessidades da Amor: Poderá ter uma discussão com os
mata e só depois de muito velho se Lembre-se que ele também precisa de si. sua cara-metade. Não ponha de parte seus filhos. Lembre-se que eles têm vida
mais de meia hora lá no fundo…
Procure dizer coisas boas, a palavra tem aqueles que ama, cuide deles com carinho. própria.
– Mas as baleias têm pulmões e res- pode beber. muita força! Saúde: Possível inflamação dentária. Saúde: Trate-se com amor! A sua saúde é
piram como nós? – perguntou Nádi – E se nós chamássemos baixinho: Saúde: Espere um período regular. Dinheiro: É provável que surja a o espelho das suas emoções.
ao avô Irondino. Miiiia, Miiiia, bu ben li?... – pergun- Dinheiro: Poderá investir em novos oportunidade pela qual esperava, para dar Dinheiro: Período de grande estabilidade.
projectos, com prudência. andamento a um projecto que tinha parado. Número da Sorte: 36
– É claro que têm pulmões e vêm de tou, na sua inocência, o pequeno Ju- Número da Sorte: 75 Número da Sorte: 11 Números da Semana: 11, 20, 28, 29, 30, 36
vez em quando à superfície para se ninho. Números da Semana: 5, 11, 17, 19, 28, 36 Números da Semana: 5, 20, 30, 40, 44, 48 Dia mais favorável: segunda-feira
encherem de ar. A grande diferença – Ó miúdo, as baleias não entendem Dia mais favorável: quarta-feira Dia mais favorável: quinta-feira Lema da Semana: Tenho a coragem
Lema da Semana: Procuro reflectir bem Lema da Semana: Tenho força para necessária para fazer mudanças na minha
é que os pulmões das baleias são tão crioulo! Ah, ah, ah! – explicou, com antes de agir. superar todos os desafios. vida.
grandes que aguentam para cima de uma gargalhada, o avô Irondino, pa- Horóscopo Diário Ligue já! 760 30 10 13 Horóscopo Diário Ligue já! 760 30 10 17 Horóscopo Diário Ligue já! 760 30 10 21
cinco contentores de água que elas ra depois falar mais sério e ensinar:
depois deitam fora em grandes jatos – A linguagem das baleias é o grugru
quando vêm respirar. e, quando comunicam umas com as Caranguejo Escorpião Peixes
– Se calhar, não vai aparecer Mia outras, podem ser ouvidas a mais de 21-6 a 22-7 23-10 a 21-11 19-2 a 20-3
nenhuma! – disse Nixon meio desa- cem quilómetros de distância! Carta Dominante: O Imperador, que Carta Dominante: 6 de Espadas, que Carta Dominante: Valete de Espadas,
nimado. Foi neste momento que umas ondas significa Concretização. significa Viagem Inesperada. que significa Vigilante e Atento.
Amor: Estará num período bastante Amor: Deixe de lado o passado e Amor: Andará um pouco desconfiado do
– Calma, rapaz, não desanimes. Eu, enormes apareceram a bater contra
propício ao romantismo. Que a juventude concentre-se mais no presente. Pratique seu parceiro. Fale e esclareça as suas
que sou velho, nunca desanimo e o casco do barco e todos se desequi- de espírito o faça ter o mais belo sorriso! agora o pensamento positivo e as acções dúvidas com ele. Agora é tempo para
acredito. Tenho uma fé que há-de libraram e até se assustaram… exce- Saúde: Se sofrer de alguma doença construtivas! partilhar.
to nhô César e avô Irondino que sor- crónica, poderá ressentir-se um pouco Saúde: Poderá sofrer de quebras de tensão, Saúde: Sentir-se-á cheio de energia.
andar por aqui perto baleia piquino-
neste período. tenha cuidado! Dinheiro: Aproveite bem as
te. A esperança é a última a perder- riram e disseram: – Desta vez, algu- Dinheiro: Poderá alcançar os seus Dinheiro: A impulsividade irá causar oportunidades que lhe surjam.
se, ouviste? – animou o avô Irondi- ma coisa grande é. objectivos profissionais. alguns estragos na sua conta bancária. Número da Sorte: 61
no, também entusiasmado com Mas ficaram à espera vários minutos Número da Sorte: 4 Número da Sorte: 56 Números da Semana: 8, 12, 17, 19, 30, 48
Números da Semana: 9, 18, 22, 36, 39, 44 Números da Semana: 14, 28, 32, 33, 41, 49 Dia mais favorável: domingo
aquela aventura. e ainda nada... Mia teimava em não Dia mais favorável: sábado Dia mais favorável: sábado Lema da Semana: Estou atento às
– Entramos nas águas fundas – gri- aparecer, mas todos acreditavam Lema da Semana: Sei que consigo Lema da Semana: A vida é uma viagem oportunidades que a vida me traz.
tou nhô César de dentro da casinha agora que ela ia chegar em breve. concretizar os meus objectivos! cheia de surpresas boas! Horóscopo Diário Ligue já! 760 30 10 22
Horóscopo Diário Ligue já! 760 30 10 14 Horóscopo Diário Ligue já! 760 30 10 18
do leme da pequena traineira. José Braga-Amaral
Já • Sexta-feira 6 Agosto 2010 • 19

Telenovelas DESTAQUE
RECORD • Ribeirão do Tempo
Djédjé lança “Ultimu Verson”
no Festival Hip Hop
F lores lembra-se de Zé Mário e emociona-se. O carro de Zé Mário
está em chamas no meio da estrada. Nasinho diz a Virgílio que tem
uma boate interessante em Ribeirão do Tempo.Virgílio e Nasinho che-
gam a Mico Leão. Sónia e André conversam ao telefone, muito apaixo-
nados. Ajuricaba ouve a conversa da filha e diz a Virgínia que acha que
Sónia está ao telefone com um namorado. Sónia fica furiosa com a atitu-
de do pai e os dois discutem. Célia sai do carro de Teixeira preocupada.
Karina pergunta a Célia quem é o homem que esteve na loja. Célia res-
ponde que é Teixeira e afirma que ele só foi dar um olá. Eleonora diz a
Teixeira que quer dar uma volta na cidade. Virgílio conta a Nasinho que
bate na mulher. Os dois conversam cada vez mais cafajestes. Nicolau
chega à boate e Nasinho apresenta-o a Virgílio. Nasinho afirma que vai
providenciar um encontro entre Virgílio e Nicolau num lugar discreto pa-
ra que Tito não fique sabendo. Eleonora convence Teixeira a entrar com
ela na boate. Nicolau cumprimenta a madame e o advogado. Guilherme
está abatido em seu quarto. Sílvio garante ao filho que vai acompanhar o Mika Mendes, Mark Gonçalves entre outros.
caso de Diana. Ellen pergunta a Sílvio se ele quer conversar um pouco,
mas o piloto afirma que está cansado. Ellen fica triste, frustrada. Querên-
cio assusta-se ao ver a madame e o advogado na boate. Querêncio e Eleo-
O Gimno Desportivo recebe este sábado, 7 de
Agosto, a 1.ª edição do “Festival Hip Hop”, or-
ganizado pela empresa de Promoção de Eventos New
O festival do Hip Hop irá contar a com a participação
de vários grupos e artistas de renome no panorama mu-
nora discutem mais uma vez. Nicolau conta a Flores que Arminda é am- Look e apresenta como cabeça de cartaz o conceituado sical do Hip Hop cabo-verdiano (música e dança), co-
biciosa e pretende substituir madame Durrel nas empresas. Flores diz a
Nicolau que tem planos de transformá-lo em Presidente do Brasil. O pro- rapper cabo-verdiano Djédjé, radicado nos Estados mo Rapaz 100 Juiz, New Look Dance, Detroit, Shade
fessor manda Nicolau aproxima-se de Arminda enquanto eles pensam Unidos, que acaba de lançar o seu mais recente traba- B, Afrokasku, Mito, Ely Brito, Pomba Preto, Revolu-
em uma maneira de acabar com Eleonora. Nicolau diz a Beatriz que quer lho discográfico, intitulado “Ultimu Verson”. tion, DSD, B Brothers, Black Style Júnior,entre outros.
oferecer um jantar a Arminda. Joca vai até a delegacia para saber sobre
Diana e Ajuricaba trata-o mal. Marta diz ao detetive que a menina foi en- O álbum é composto por dez faixas musicais e contém Os bilhetes estão à venda a partir do dia 3 no Café So-
caminhada para uma casa de internação de menores. Joca conta a Armin- vários géneros musicais desde Rap, Zouk e Funaná e fia, Enacol Nuno Duarte (Fazenda), Shell Terra Bran-
da onde Diana está. A executiva faz-se de durona, mas no final pede para conta com vários nomes da música cabo-verdiana, no- ca, Cometa na ASA e nas instalações da New Look,
Joca ligar-lhe caso tenha notícias da menina. Eleonora vai ao Agito Co-
meadamente Norberto Tavares, Dabs Lopes, Gama, Palmarejo (no edifício da TV Record Cabo Verde).
lonial e pede para conversar com Filomena. Newton dá carona a Ellen.
O aventureiro pergunta a Ellen se ela é feliz no casamento e beija-a. Que-
rêncio aguarda Eleonora, que chega depois do horário combinado.

SIC • Passione Boa Mesa Farmácias


de serviço
Lótus, o primeiro restaurante Praia
06/08 • Farmácia Universal

indiano em Cabo Verde 07/08 • Farmácia 2000


08/ 08 • Farmácia Moderna
Thal, prato duplo que chega aos 2500$00. Há 09/08 • Farmácia Central
ainda um outro prato muito apreciado: Hassina, 10/08 • Farmácia Santo
carne de cordeiro marinada em iogurte.
Os proprietários de Lótus dizem-se encantados António
com a experiência, pois descobriram Cabo Verde 11/ 08 • Farmácia Africana
B ete ameaça Fred, que não se intimida. Felícia e Fátima conversam e
a jovem diz que tentará aceitá-la como mãe. Candê percebe que
Kelly está abatida e Valentina inventa uma desculpa. Fortunato veste-se
pelo acaso de umas férias. Emília Sousa, Ajou
Chandwani e Viajay Chandwani são originários
12/ 08 • Farmácia Avenida

de Espanha e da Índia. Estando em Cabo Verde 13/08 • Farmácia Santa


como a mãe de Olavo e impressiona o sobrinho. Clara oferece dinheiro
para Francesca voltar a encontra-se com Adamo. Mimi tenta convencer
Agostina a perdoá-lo. Melina diz a Fred que vai agilizar os preparativos
do casamento. Lorena comenta com Saulo sobre o jantar que fará para
C omeça a haver proliferação na cidade da
Praia de restaurantes da primeira categoria
funcionando, como atração de turistas, mas tam-
entenderam criar algo especial para um país de
vocação turística.
“Se Cabo Verde é um pais turístico, para além de
Isabel

Agnello. Sinval diz a Stela que ainda está muito preocupado com Danilo. bém para embaixadores, governantes, empresá- apostar nos valores folclóricos, autótones, tem S. Vicente
Bete pede para Mauro ser seu espião dentro da metalúrgica. Mauro fica rios, enfim utentes com poder financeiro. também de dar ao turista oportunidade de apre-
furioso ao ver Noronha ocupando a sua sala. Saulo rebaixa Mauro para
06/08 • Farmácia Jovem
O restaurante Lótus, conhecido no meio praiense ciar pratos típicos de outras paragens. Foi com
o cargo de chefe de almoxarifado. Jackie diz a Berilo que está tudo pron- por “O indiano” é um espaço gastronómico que essa ideia que montamos este restaurante”, diz 07/ 08 • Farmácia Higiene
to para a festa surpresa de Jéssica. Danilo compra uma passagem de
aposta num serviço diferente, com um requinte Emília Sousa para quem o Lotus está a marcar a 08/08 • Farmácia Jovem
avião para Toscana. Luciano explica a Clara quanto vale o património do
especial - a começar pela música. Para além de diferença. 09/08 • Farmácia Mindelo
seu marido. Clara tenta convencer Totó a deixar Agostina ir para o Brasil
levando Dino. Brígida conta a Bete sobre a briga que Gerson e Diana privilegiar a música da Índia, procura valorizar a A cozinha indiana começou a ganhar fama no
de outros quadrantes. mundo ocidental nos anos 70 do século passado, 10/08 • Farmácia Avenida
tiveram e a empresária tenta consolar o filho. Fred afirma a Agnello que
não vai deixar Bete tirar a procuração que Totó lhe deu. Bete envia um No domínio gastronómico a novidade vai para a com o lançamento no mercado do conhecido pão 11/08 • Farmácia Leão
dossiê sobre Fred para Totó. Gemma fica desesperada quando Totó avisa especialidade da casa - Chiken Tikka” que é “naan”, que é iguaria utilizada em diversos esti- 12/08 • Farmácia Nena
que ela vai viajar com Agostina para o Brasil. Francesca procura Adamo. frango grelhado com condimentos indianos. É o los gastronómicos.
Diana e Mauro se beijam. Stela implora que Saulo impeça Danilo de via- prato mais barato, não ultrapassa os 600$00, a Lótus é o primeiro restaurante indiano a operar 13/08 • Farmácia Higiene
jar. Agnello chega para o jantar em casa de Lorena e encontra Stela. contrapor ao prato mais caro, o Mix Tandóóri em Cabo Verde.
PUB