Você está na página 1de 12
A 1 FOLH FOL QUINTA-FEIRA, 09 H DE NOVEMBRO AEXTRA AEXTRA DE 2017 - ED.1846
A
1
FOLH
FOL
QUINTA-FEIRA,
09
H
DE
NOVEMBRO
AEXTRA
AEXTRA
DE
2017
-
ED.1846
9
5,
7
M h
z
9
5,
7
M h
z
W
E N C E S L
A U
B
R
A Z
W
E N C E S L
A U
B
R
A Z
Versão na internet folhaextra.com
QUINTA-FEIRA , 09 DE NOVEMBRO
DE 2017 - ANO 14 - Nº 1846 R$ 1,00
O JORNAL DO NORTE PIONEIRO E CAMPOS GERAIS
DIRETOR ALCEU OLIVEIRA DE ALMEIDA
O SENHOR É O MEU PASTOR E NADA ME FALTARÁ!
O SENHOR É O MEU PASTOR E NADA ME FALTARÁ!
ME FALTARÁ! O SENHOR É O MEU PASTOR E NADA ME FALTARÁ! W. Braz sedia comemoração

W. Braz sedia comemoração dos 70 anos da SEED

Na noite desta terça-feira (7), Wenceslau Braz foi sede de um evento marcante para a Educação, a comemoração dos 70 anos da SEED-PR (Secre- taria Estadual de Educação do Estado do Paraná). Com o prédio do Clube Estação todo decorado com artes feitas pelos alunos da Escola Estadu- al Carmelina Ferreira Pedroso e na presença de uras i ustres como a secretária de ducaç o do Paraná, Ana Seres Trento Comin, centenas de ser idores i ados ducaç o artici aram do evento que iniciou com um vídeo da trajetória dos primeiros professores do Paraná. Página A6

VANESSA L OP ES- F OL H

A EXTR

A

do Paraná. Página A6 VANESSA L OP ES- F OL H A EXTR A Andarilho esfaqueia

Andarilho esfaqueia homem após pedir dinheiro

a man desta terça eira or o ta das um omem oi atin ido or uma facada na rua Don Fernando Taddey, em Jacarezinho. De acordo com a vítima, ele estava saindo de um escritório de advocacia quando um andarilho c e ou ao oca e ediu din eiro Página A5

SUSTO

Três policiais ficam feridos em acidente durante perseguição

nte rantes da o cia i itar de orn io rocó io aca aram se en o en do em um acidente de trânsito enquanto realizavam um acompanhamento tático a um sus eito situaç o ocorreu no timo domin o Página A5

Bancada do PSB reafirma convite a Osmar Dias

O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB) consi- dera apenas como manifestação pessoal a carta enviada pelo presidente estadual do partido, Se- erino ra o em que e e afirma n o a er una nimidade entre os inte rantes da e enda so re a fi iaç o do e senador smar ias e sua candida tura ao o erno Página A3

Parceria entre municípios eram a as de em re o para população

D

I VULG

AÇÃO

a as de em re o para população D I VULG AÇÃO A prefeitura de Wenceslau

A prefeitura de Wenceslau Braz e a Pro Tork, em- presa localizada no município vizinho de Siqueira Campos, idealizaram uma parceria para a inter- mediaç o da ência do ra a ador ra ense i sando o reenc imento das a as de tra a o que ossam sur ir na ind stria maior em re adora do Norte Pioneiro. Página A4

D I VULG AÇÃO Ônibus de boia frias e carro colidem em Santana do Itararé
D
I VULG
AÇÃO
Ônibus de boia frias e carro
colidem em Santana do Itararé
o fim da tarde de terça eira um acidente de tr nsito oi re is
trado no trevo principal que dá acesso ao município de Santana do
Itararé. Um ônibus de boia frias colidiu frontalmente com um Che-
vrolet/Celta. Página A5
Paraná tem iniciativa pioneira de
co eta se eti a de i o nas cidades
O Paraná é o primeiro Estado do Brasil a criar um projeto de respon-
sa i idade socia e am ienta que unifica as aç es do o erno esta
dual e estrutura os municípios para implantarem a coleta seletiva de
resíduos sólidos. Página A4

DOIS

TCE aponta prejuízo de quase R$ 3 mi em fundo de re idência de am o ar o condenou o Instituto de Aposentado- rias e ens es de am o ar o a en a de o er mi es aos co res do munic io da re i o metropolitana de Curiti- ba, com juros e correção monetária nos timos anos. O motivo foi a re- a i o de o eraç es ar itrárias no mercado fi nanceiro, que causaram prejuízo a fundo de previ-

dência Página A3

No Paraná, 14% dos CPFs estão suspensos - O Cadas- tro de Pessoas Físicas (CPF), re istro mantido e a eceita Federal do Brasil, deverá se tornar nos imos anos o n mero ico de identifi cação nacional do cidadão, se uindo recomendaç o do omitê estor de dentifica

ção Civil Nacional. Pág. A4

Editais Página B1
Editais Página B1

A

2

OPINIÃO

A 2 OPINIÃO QUINTA-FEIRA, 09 DE NOVEMBRO DE 2017 - ED.1846 “ O maior sinal de

QUINTA-FEIRA,

09

DE

NOVEMBRO

DE

2017

-

ED.1846

A 2 OPINIÃO QUINTA-FEIRA, 09 DE NOVEMBRO DE 2017 - ED.1846 “ O maior sinal de
“ O maior sinal de maturidade “ Os chefes que passaram por Olha o do
“ O maior sinal de maturidade
“ Os chefes que passaram por
Olha o
do ser humano é formar as nossas
aqui antes de mim fazem parte dessa
que foi
crianças com muito mais eficiência e
eficácia do que nós mesmos
história e se hoje temos conquistas
para mostrar, é graças a cada um
dito!
deles
Ana Seres – secretária
estadual de educação
Neli Couto - chefe do
NRE de Wenceslau

Editorial

Norte Pioneiro à Vista

O Paraná, estado em que os empregos crescem e a crise parece não causar abalo, co- memorou praticamente ¾ de um século de uma das secre- tarias que mais influenciam no futuro das pessoas, a Se- cretaria de Educação. Considerando a evidente grandiosidade do evento, um detalhe trouxe orgulho, ao

mesmo tempo em que atiçou a curiosidade de todos, a escolha de um município do Norte Pioneiro para sediar a festa. A explicação pode ser a va- lorização das regiões mais remotas, pois não se deve centralizar eventos como esse para os grandes centros. An- tes chamado ramal da fome,

hoje o NP pode ser considera- do um berço da política, de onde figuras importantes do país saíram em busca da de- fesa dos ideais. Mas o destaque de alunos e professores dos municípios lo- cais também influencia, pois quem não é visto, não é lem- brado. E nada melhor que ser visto, não como alguém que

cobra algo incessantemente, mas com méritos de quem se destaca na multidão e leva o nome de sua cidade à largos horizontes.

multidão e leva o nome de sua cidade à largos horizontes. COMENTE O ASSUNTO. ACESSE FOLHAEXTRA.COM

COMENTE O ASSUNTO. ACESSE FOLHAEXTRA.COM

CHARGE
CHARGE

Artigo

Artigo

A Vivência Por Trás De Cada Foto:

O Que Está Entre Você E O Agora?

Por NANDO PEREIRA

A polêmica história (e velha ques-

tão) das pessoas perderem a capa- cidade de estarem presentes por- que ficam tirando fotos de tudo a toda hora chega no Yoga quando, numa viagem de peregrinação

pela Índia, as pessoas trocam a vivência pelo registro da vivência (ou do que deveria ter sido uma vivência, não fosse a ocupação da fotografia).

O professor de Yoga Marcos

Schultz, experiente guia de via-

gens de peregrinação pela Índia

fala dessa questão com simplicida-

de e leveza, sem condenações ou

simplificações, em uma entrevista

em vídeo, investigando como nós

lidamos com nossa própria expe-

riência, presença e inteireza quan-

do temos a possibilidade de tirar

foto de todas as experiências que

vivemos (ou nem tanto). “Uma reflexão que sempre colo-

co, por exemplo para as pessoas

que viajam comigo dentro de um

propósito de peregrinação, e pe- regrinação é você estar inteiro, é você se colocar disponível a estar naquele lugar comungando com aquela cultura, encontro com encontro, ao invés de ter uma máquina fotográfica, preocupada com selfie, ou com imagem, em de repente documentar algo que

já já a viagem passou e é só uma

memória. Aí tu vai ter o que? A memória de uma foto que trans- mite… cadê a vivência?”

A questão, segundo ele, é ter res- ponsabilidade sobre aquilo que

se coloca entre você e o agora

— neste caso, uma máquina fo- tográfica. Mas pode haver muito

mais coisa neste meio do que uma máquina: “É muito pequeno também, ir pro outro extremo, e condenar você com uma máquina fotográfica (…). Não, você pode

estar altamente presente (…). É quase como que a máquina e o momento podem também colocar

a pessoa mais presente no acon-

tecimento do que de repente sem

a máquina, em que a pessoa está

lá, vamos dizer assim, com uma “máquina interna”, presa aos seus

pensamentos, aos seus julgamen- tos, à sua análise disso ou daquilo. Então é importante relativizar a extremidade de cá e a extremida- de de lá”, diz Marcos. Então a máquina, ou a distração, pode ser tanto a fotográfica quan- do seus próprios pensamentos descarrilhados, divagantes, ou obsessivos. Muitas vezes, a pró- pria presença do pensamento já é

distração suficiente. Nesse ponto,

a maioria desses objetos (de au-

sência, distração e fragmentação) se assemelham, ou se igualam.

E ao invés de projetar e julgar o

outro (já que boa parte de nós pa-

rece usar a máquina e condenar o uso ao mesmo tempo), podemos voltarmo-nos para nós e saber o que está acontecendo entre mim

e o momento presente, e se há um

objeto externo (ex: máquina) ou

um objeto interno (ex: um pensa- mento).

“A questão é: qual é o teu lugar?”

COMENTE O ASSUNTO. ACESSE FOLHAEXTRA.COM FOLHAEXTRA.COM

Fim da vacinação: um caminho sem volta

Por ÁGIDE MENEGUETTE, PRESIDENTE DO SISTEMA FAEP/SENAR-PR

A ideia de antecipar o fim da vacinação contra a fe- bre aftosa ganhou amplo

apoio do setor produtivo. Socie- dades rurais, cooperativas, sindi-

catos rurais, pecuaristas, associa- ções, entre outros, assinaram um manifesto defendendo a proposta. Mais de 200 entidades concordam que o Paraná deve trilhar esse ca- minho. Os motivos são vários.

O primeiro deles é o fato de ter-

mos condições sanitárias para isso. A vacinação, ao contrário do que parece, funciona como uma ação complementar para uma de- fesa sanitária que, para os critérios internacionais, não é suficiente. Sabemos que a obrigatoriedade de vacinar não reflete a nossa realida-

de atual. Hoje, temos totais condi-

ções de dar respostas imediatas, em uma remota possibilidade de um problema. Falta apenas o re- conhecimento pelos órgãos inter- nacionais, o que vai nos permitir mostrar também ao mundo que nosso sistema é robusto. Ao longo dos anos foram tomadas inúmeras medidas que demons- tram a responsabilidade na condu-

medidas que demons- tram a responsabilidade na condu- ção desse processo. Uma delas foi a criação

ção desse processo. Uma delas foi

a criação do Fundo de Desenvol-

vimento Agropecuário do Estado do Paraná (Fundepec), ainda nos anos 1990, que garante ao produ- tor, em caso de surtos de doenças em animais, indenização pelos

animais sacrificados por questões sanitárias. Nessa lista está também a participação constante nas reu- niões da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE), para conhe- cer como os países referência no assunto desenvolvem seus siste- mas de defesa. Sem contar ainda milhares de mobilizações, progra- mas e cursos promovidos pelo Sis- tema FAEP/SENAR-PR em relação à sanidade.

O segundo motivo é o fato de que

esse processo irá acontecer mais cedo ou mais tarde. O Plano Es- tratégico do Programa Nacional de Erradicação e Prevenção da Febre Aftosa (PNEFA) define as ações para o Brasil tornar-se área livre da doença sem vacinação até 2023. Mas com todo o trabalho desem- penhado no Paraná nas últimas décadas, como já mencionado, nós podemos e temos a obrigação

de sair na frente. Fazemos diaria-

mente o nosso papel e merecemos todo o empenho das autoridades capazes de acelerar esse processo. Terceiro motivo: ganho de mer- cado. O novo status permite conquistar compradores globais diferenciados, que hoje não con- seguimos acessar, uma vez que eles não aceitam importar de mer- cados que vacinam. A vacinação contra aftosa é uma confissão de que o sistema de defesa sanitário não é confiável e, por isso, se vaci- na o gado. Um exemplo disso é a Coreia do Sul, que recentemente fechou acordo de importação de suínos de Santa Catarina (único Estado brasileiro “Livre de Febre

Aftosa Sem Vacinação”). Para se ter ideia do que isso representa, o vo- lume que o país asiático importou de suínos de todo o mundo em 2016 (615 mil toneladas) foi quase

o volume total de exportação do

Brasil do produto no período (733 mil toneladas). São vantagens econômicas como essa que vão ser alcançadas com

o novo status reconhecido mun-

dialmente. Isso vai gerar aumento

das exportações, melhor preço, maior produção, implantação de agroindústrias, mais impostos, empregos e outros fatores de dis- tribuição da riqueza. É algo que atinge toda a agropecuária, o que

inclui suinocultura e avicultura, nas quais somos grandes produ- tores e exportadores. É com muita responsabilidade que defendemos

o fim da vacinação contra a febre

aftosa. Afinal, o risco de foco não se elimina com vacina. E sabemos

a importância de estarmos sempre

em alerta porque seriamos nós, produtores rurais e pecuaristas, os maiores prejudicados se a nossa decisão não tivesse sido tomada de forma responsável.

COMENTE O ASSUNTO. ACESSE FOLHAEXTRA.COM FOLHAEXTRA.COM

QUINTA-FEIRA, 09 DE NOVEMBRO DE 2017 - ED.1846 POLÍTICA A 3 HABITAÇÃO Paraná vai ter

QUINTA-FEIRA,

09

DE

NOVEMBRO

DE

2017

-

ED.1846

POLÍTICA

A 3

HABITAÇÃO

Paraná vai ter mais R$ 246 milhões para construção de 3,3 mil moradias

mais R$ 246 milhões para construção de 3,3 mil moradias DAS AGÊN CIAS reportagem @ fol

DAS AGÊN CIAS reportagem @ fol h aext ra.co m

O Governo Federal liberou uma

cota com 3.331 novas casas po-

pulares a serem construídas no Paraná. Os projetos representam investimentos de mais R 2 6 milhões para o setor de habita- ção popular e serão destinados a municípios que apresentaram projetos com o auxílio da Com- panhia de Habitação do Paraná (Cohapar).

A liberação é resultado de uma

série de agendas do governador Beto Richa (PSDB) no Ministério das Cidades e na Caixa Econômi-

ca Federal nas últimas semanas, em Brasília.

Esta é a segunda etapa de sele- ção promovida pela União, que

já havia contemplado o Paraná

com 1.352 unidades em sua pri- meira fase, com projetos orçados em R milhões. Em ambos os

casos, as obras serão executadas por construtoras que apresenta- ram as propostas em conjunto com os municípios.

O governador já havia destacado

a articulação entre os Governos Estadual e Federal durante a entrega do maior conjunto habi- tacional da história da Cohapar,

D

I VULG

Governador Beto Richa, Bruno Araújo, ministro das Cidades e Abelardo Lupion, presidente da Cohapar
Governador Beto Richa, Bruno Araújo, ministro das
Cidades e Abelardo Lupion, presidente da Cohapar

AÇÃO

com 2.0 casas e apartamentos em Cascavel, no fim de setem- bro, com a presença do ministro

das Cidades, Bruno Araújo.

BENEFÍCIOS

Os empreendimentos serão fi- nanciados com recursos do Fun- do de Arrendamento Residencial

e são destinados para o grupo da faixa 1 do programa Minha Casa Minha Vida, que é composto por famílias com renda mensal de até

R 1, mil.

Além dos subsídios do programa federal, a construção dos novos empreendimentos contará com os incentivos do programa Mo- rar Bem Paraná, que incluem a

assessoria técnica da Cohapar e parcerias da Copel e Sanepar para a instalação dos sistemas de energia elétrica, água e esgoto. Com os aportes, as famílias be- neficiadas pagarão prestações que vão de R 0 até R 270 ao mês durante dez anos de finan- ciamento, o equivalente a cerca de 10% do valor do imóvel. Segundo o presidente da Coha- par, Abelardo Lupion, a articula- ção do overno do Estado junto ao Governo Federal foi funda-

mental para a conquista dos in- vestimentos. “O Paraná foi o ter- ceiro Estado que mais recebeu recursos da União nesta etapa”, afirmou. “Com as parcerias dos órgãos estaduais, os municípios

não precisarão arcar com prati- camente nada pelos empreendi- mentos”, acrescentou Lupion.

CIDADES

CONTEMPLADAS

Os municípios selecionados nes- ta etapa foram Califórnia, Campo Largo, Carambeí, Conselheiro Mairinck, Contenda, Curitiba, Engenheiro Beltrão, Figueira, Foz do Iguaçu, uaíra, uara- tuba, Itambaracá, Itaúna do Sul, Ivaí, aguariaíva, undiaí do Sul, Leópolis, Lobato, Lupionópolis, Manoel Ribas, Palmas, Palmeira, Pérola, Porecatu, Rio Azul, Rio Branco do Ivaí, Rio Negro, Santa Mariana e São Tomé.

Cida Borghetti representa Paraná em reunião com governadores e vices de 15 Estados

AEN

reportagem

@

fol h aext

ra.co

m

O estímulo à recuperação eco-

nômica, a criação do sistema

nacional de segurança pública, novas regras para o pagamento

de precatórios e a regulamenta-

ção da securitização das dívidas foram alguns dos temas do en- contro do Fórum Permanente dos Governadores nesta terça- -feira (07), em Brasília.

A vice-governadora, Cida Bor-

ghetti (PP), representou o Pa- raná na reunião na residência oficial do governador Rodri- go Rollemberg (PSB-DF), que contou com a participação de governadores, vices e represen- tantes de 15 estados. “São temas que unem os Es- tados e que visam acelerar a retomada do crescimento eco- nômico do país, assegurar mais investimentos e integrar políti- cas e estratégias na área de se- gurança pública. Essa união é fundamental para o país”, disse Cida Borghetti.

CONGRESSO

A comitiva dos representantes

se reuniu com os presidentes do Senado, senador Eunício Oliveira, e da Câmara dos De-

putados, deputado federal Ro- drigo Maia, para solicitar prio- ridade em projetos de interesse

para reforçar os caixas estaduais

e assegurar o equilíbrio fiscal

para os próximos anos. Os dois presidentes receberam

as propostas de forma positiva

e se prontificaram a colocar os

temas nas pautas para análise e votação nas próximas semanas. Entre os assuntos estão a regu- lamentação da securitização da

dívida ativa de estados e muni-

cípios e a proposta de emenda

à constituição que prolonga o

prazo de pagamento e permi- te aos estados utilizar 20% dos débitos judiciais para liquidar precatórios.

SEGURANÇA

Fórum também avançou na dis-

cussão da criação de um sistema nacional de segurança pública integrando todas as forças de segurança do Brasil. O assunto foi debatido também no Palácio do Planalto em audiência com o ministro da Defesa, Raul ung-

mann, e com o general Sérgio

Etchego en, ministro-chefe do abinete de Segurança Institu- cional do Brasil. Cida Borghetti transmitiu uma das sugestões do Fórum dos overnadores que é criar as condições para repassar às for- ças de segurança do Estado as armas pesadas apreendidas em operações policiais. Outra proposta discutida nas audiências desta terça-feira pre- vê que parte da arrecadação ob- tida com jogos eletrônicos seja destinada ao Fundo Nacional de Segurança Pública.

D

I VULG

AÇÃO

ao Fundo Nacional de Segurança Pública. D I VULG AÇÃO Cida representou o Paraná na reunião

Cida representou o Paraná na reunião entre governadores, vices e representantes de 15 Estados

FOCO EM 2018

Bancada do PSB reafirma convite a Osmar Dias

e nossa arte reiteramos o con ite ara que smar ias fi ie se ao artido e dis ute o o erno do stado afirma omane i

DA

reportagem

ASSESSORIA

@

fol h aext

ra.co

m

O deputado Luiz Claudio Ro- manelli (PSB) considera apenas como manifestação pessoal a carta enviada pelo presidente

estadual do partido, Severino Araújo, em que ele afirma não haver unanimidade entre os integrantes da legenda sobre a filiação do ex-senador Osmar Dias e sua candidatura ao go- verno. Segundo Romanelli, a bancada do PSB na Assembleia e outros

integrantes do partido não fo- ram consultados sobre o conte- údo da carta. “O PSB continua aberto à filiação de Osmar Dias para que seja o candidato ao go- verno e não vê urgência na deci- são, já que o prazo para defini- ções partidárias só termina em março de 201 . A carta enviada

não representa o pensamento dos deputados estaduais do PSB, tanto que o próprio presi- dente do partido já pediu que fosse desconsiderada. De nossa parte reiteramos o convite para que Osmar Dias filie-se ao parti- do e dispute o overno do Esta- do”, afirma Romanelli.

 
 

Dois Tempos

TCE aponta prejuízo de quase R$ 3 mi em fundo de

 

previdência de Campo Largo

O

TCE condenou o Instituto de Aposen-

tadorias e Pensões de Campo Largo (Fa-

pen) a devolver R$ 2,9 milhões aos cofres

do

município da região metropolitana de

Curitiba, com juros e correção monetária nos últimos 15 anos. O motivo foi a rea- lização de operações arbitrárias no mer- cado nanceiro, que causaram prejuízo a fundo de previdência. São responsáveis pelo ressarcimento, solidariamente, Eval- do Pissaia, diretor-geral do Fapen entre 2001 e 2007; e a empresa C&D Distribui- dora de Títulos e Valores Mobiliários, con- tratada pela entidade.

Moro diz serem lamentáveis questionamentos de Lula sobre sua imparcialidade

Em resposta a mais um pedido de suspei- ção impetrado pela defesa do ex-presi- dente Luiz Inácio Lula da Silva no Tribunal

Regional Federal da 4ª Região, o juiz fede-

ral

Sérgio Moro a rmou, nesta terça-feira

(7), que são“lamentáveis”e não passam de “diversionismo” os questionamentos dos advogados do petista sobre sua imparcia- lidade. O pedido de suspeição foi impe- trado no âmbito da ação penal em que o

ex-presidente é réu por corrupção e lava- gem de dinheiro no caso envolvendo o sí-

tio

de Atibaia e suas respectivas reformas,

que são tratadas como supostas propinas

da

OAS e da Odebrecht pela força-tarefa

da

Lava Jato. O magistrado resumiu os ar-

gumentos de Lula. “Em síntese, Luiz Inácio Lula da Silva seria um perseguido político, o que seria ilustrado pelas decisões contra ele tomadas e pela campanha midiática contra ele realizada”.

Sob pressão da base, Temer avalia mudar Ministério

Com a ameaça de deputados do Centrão

de obstruir votações na Câmara e os si- nais de desembarque dados pelo PSDB,

o

presidente Michel Temer (PMDB) avalia

antecipar para janeiro de 2018 a reforma ministerial, a princípio prevista para abril,

quando candidatos às eleições terão de deixar os cargos. Auxiliares do presidente dizem que o governo não vai car refém do bloco formado por partidos médios, como PP, PR e PTB, mas está à procura de uma solução para o impasse.

Assessor diz ter contado dinheiro para Geddel

 

O

ex-assessor parlamentar Job Ribeiro

 

Brandão a rmou em depoimento à Po- lícia Federal ter recebido do ex-ministro Geddel Vieira Lima elevadas quantias em dinheiro para fazer a contagem manual dos recursos. Os valores, que, segundo ele, variavam de R$ 50 mil a R$ 100 mil, eram contados em um gabinete localiza-

do

na casa da mãe do ex-ministro, Marlu-

ce

Quadros Vieira Lima.

O

ex-assessor disse que costumava contar

 

dinheiro da família mas, a partir de 2010, passaram a ser mais frequentes os pedi-

dos de Geddel para que ele executasse essa tarefa. “O declarante recebeu do Sr. Geddel dinheiro na residência da mãe deste, para que o contasse”, diz termo de declaração do ex-assessor obtido pela re- portagem. “Que o dinheiro era apresentado, em re- gra, em envelopes pardos e as somas gi- ravam em torno de R$ 50 mil a R$ 100 mil; que a contagem era feita, em regra, em sala reservada que funcionava como ga- binete”.

torno de R$ 50 mil a R$ 100 mil; que a contagem era feita, em regra,

A

4 CIDADES

A 4 CIDADES QUINTA-FEIRA, 09 DE NOVEMBRO DE 2017 - ED.1846 PARA DRIBLAR A CRISE Prefeitura

QUINTA-FEIRA,

09

DE

NOVEMBRO

DE

2017

-

ED.1846

PARA DRIBLAR A CRISE

Prefeitura de W. Braz faz nova parceria por intermediação de vagas de trabalho

Agência do Trabalhador do município tem atuado como uma espécie de “Recursos Humanos”, encaminhando currículos e agendando entrevistas

Humanos”, encaminhando currículos e agendando entrevistas DA reportagem ASSESSORIA @ fol h aext ra.co m A

DA

reportagem

ASSESSORIA

@

fol h aext

ra.co

m

A prefeitura de enceslau Braz

e a Pro Tor , empresa localizada no município vizinho de Siquei- ra Campos, idealizaram uma

parceria para a intermediação da Agência do Trabalhador brazense visando o preenchimento das va- gas de trabalho que possam sur-

gir na indústria, maior emprega-

dora do Norte Pioneiro. De imediato a empresa já dispo- nibilizou cinco vagas para traba- lhadores que estejam cadastra- dos na Agência do Trabalhador

de enceslau Braz.

Vale lembrar que a gestão Paulo Leonar conseguiu uma impor-

tante parceria com a Frangos Pioneiro, em oaquim Távora, que tem empregado 6 trabalha- dores de enceslau Braz.

CRISE ATRAPALHA

Arrumar empregos fora da ci- dade é o ideal? Não, obviamen- te. Mas em uma época de crise econômica nacional e da maior taxa de desemprego dos últi- mos anos, essas medidas são um importante “socorro” ao muni- cípio, que ficou estagnado no quesito geração de emprego e renda nas últimas décadas, não

sendo possível agora em poucos meses recuperar todo o tempo perdido. Como praticamente não há no-

vos investimentos da iniciativa

privada no interior atualmente, direcionar a mão de obra ociosa para outros municípios se torna uma forma eficaz de reduzir a taxa de desemprego do municí- pio. “Claro que o cenário ideal é onde o município receba novos investimentos e gere novos pos- tos de emprego, mas isso não está acontecendo em lugar ne- nhum do Brasil, infelizmente a verdade é esta, então é melhor um pai de família trabalhando em outro lugar do que este pai de família ficar desempregado”, avalia o prefeito de enceslau Braz, Paulo Leonar (PDT).

ESTRUTURAÇÃO

Entretanto, apesar da crise, o município tem feito sua parte para amenizar os efeitos da crise. Um dos pontos principais é a es- truturação e regulamentação do parque industrial. “Assumimos um parque industrial precário, sem infraestrutura adequada e o pior, sem uma lei clara de regula- mentação da cessão de terrenos. Hoje essa lei está pronta e logo entrará em vigor, dando garan-

D

I VULG

AÇÃO

e logo entrará em vigor, dando garan- D I VULG AÇÃO Secretário de Indústria e Comércio

Secretário de Indústria e Comércio de W. Braz, Gilson Santos (centro), em visita à Pro Tork

tias aos empresários que já estão instalados e segurança para futu- ros investimentos, porque uma hora a crise vai passar”, revela o prefeito. Além disso, a prefeitura também tem tido outras ações para for- talecer a economia local. Uma delas é uma lei que beneficia comércios, empresas e prestado-

res de serviços do município nas licitações públicas. Outra grande novidade em 2017 foi a implantação do programa ovem Aprendiz, que dá capa- citação técnica e inserção no mercado de trabalho para 35 adolescentes devidamente sele- cionados por uma prova ideali- zada e aplicada pelo Sebrae.

Paraná tem iniciativa pioneira de coleta seletiva de lixo nas cidades

iniciativa pioneira de coleta seletiva de lixo nas cidades AEN reportagem @ fol h aext ra.co

AEN

reportagem

@

fol h aext

ra.co

m

O Paraná é o primeiro Estado do

Brasil a criar um projeto de res- ponsabilidade social e ambiental que unifica as ações do governo estadual e estrutura os municí- pios para implantarem a coleta

seletiva de resíduos sólidos. Cen- to e vinte municípios já foram beneficiados desde 2015 com a criação do Sistema Integrado de Coleta Seletiva (Reciclo Paraná).

A meta é atender todos os 399

paranaenses municípios até o final de 201 . Em três anos, o

Estado já liberou R 60 milhões para compra de caminhões espe- cíficos para coleta, maquinários para separação dos resíduos e conjuntos de carrinhos de cole-

ta e cestos de lixo reciclável. Só

neste ano foram atendidos 7

municípios, com R 22 milhões.

O programa é coordenado pelo

Instituto das guas Paraná, que atua junto com a Sanepar e o Programa de Voluntariado do Pa- raná (Provopar). Além de estruturar os municí- pios, o Reciclo Paraná também envolve ações de educação am- biental e de capacitação dos ca-

tadores. Com apoio da Sanepar, Provopar e da Itaipu Binacional, eles recebem cursos e palestras sobre organização administrati- va, física e comercial. Também são realizadas campanhas de conscientização junto à popula- ção para a separação diária do lixo.

“Na última fase, orientamos e incentivamos os municípios para que façam a concessão do siste- ma de coleta seletiva por 20 anos para a cooperativa ou associação de catadores. Isso garantirá que haja continuidade do projeto, mesmo com trocas de governo”, explica o presidente do Instituto

guas Paraná, Iram Rezende. “É o programa com maior ampli- tude do país, pois propõe uma solução definitiva para a cole- ta seletiva e trabalha a questão como política pública. Temos um ciclo completo, com ganhos so- ciais e ambientais muito grande”, afirma Rezende.

CONTRAPARTIDA

Como contrapartida às ações do overno Estadual, o município constrói barracões para abrigar a unidade de processamento dos materiais e se responsabiliza pela manutenção dos equipamentos e or- ganização da cooperativa de catadores, que vai administrar a compra e venda dos materiais reciclados.

D I VULG AÇÃO
D
I VULG
AÇÃO

Esportes

No Paraná, 14% dos CPFs estão suspensos

O Cadastro de Pessoas Físicas (CPF), registro

mantido pela Receita Federal do Brasil, de-

verá se tornar nos próximos anos o número público de identi cação nacional do cidadão, seguindo recomendação do Comitê Gestor de Identi cação Civil Nacional. No Paraná, po- rém, muita gente vai ter de correr para regula- rizar sua situação, já que 14% dos paranaenses estão com o CPF suspenso ou nulo, segundo levantamento feita pela UnitFour, empresa fornecedora de dados para o mercado. No Paraná, a maioria das pessoas (aproxi- madamente 86%) estão com o CPF regulari- zado, enquanto outros 13%, com o cadastro suspenso e 0,015%, nulos. É importante res- saltar, contudo, que a situação cadastral e a condição scal não tem o mesmo signi cado, ou seja, o tributário pode estar com registro regular mesmo se tiver débitos na Receita Fe- deral.

Receita abre consulta ao 6º lote de restituição do Imposto de Renda 2017

A Receita Federal liberou, a partir de 9h de

quarta-feira (8), a consulta ao sexto lote de restituição do Imposto de Renda. Segundo a

Receita, cerca de 2,36 milhões de contribuin- tes serão contemplados no lote, que totaliza mais de R$ 2,8 bilhões. O órgão também pa- gará restituições de anos anteriores que ca- ram retidas na malha na. Somando o lote de 2017 e os passados, cerca de 2,43 milhões de contribuintes receberão R$ 3 bilhões. O paga- mento será realizado no dia 16.

A consulta pode ser feita na página da Re-

ceita na internet ou por meio do aplicativo para tablets e smartphones ou pelo telefone 146. Quem ainda não teve a restituição libe- rada também pode veri car se há alguma pendência, por meio do serviço e-CAC. Se o valor não for creditado no banco informado na declaração, o contribuinte deve procurar

uma agência do Banco do Brasil ou ligar para

a Central de Atendimento 4004-0001 (capi-

tais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para de cientes auditivos) para reagendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco, segundo a Re- ceita. Dias para declaração do IR.

Paraná não registra mortes por dengue há 14 meses

O último Boletim da Dengue divulgado pela

Secretaria de Estado da Saúde mostra que

até segunda-feira (06) o Paraná não registrou óbitos provocados pelo vírus da dengue nos

últimos 14 meses. O boletim divulgado no m da tarde desta terça-feira (7) corresponde ao período epidemiológico iniciado em agosto de 2017. “Estes números mostram que as es- tratégias adotadas pelo Estado no combate

à dengue estão dando resultados positivos.

Mas é importante destacar que precisamos ter constantemente os cuidados para manter

este índice”, enfatizou o secretário de Estado da Saúde, Michele Caputo Neto.

O período epidemiológico correspondente a

agosto de 2016 e julho de 2017 também não registrou mortes relacionadas à dengue. Já no período anterior, de agosto de 2015 a julho de 2016, morreram no Estado 63 pessoas devido à doença.

à dengue. Já no período anterior, de agosto de 2015 a julho de 2016, morreram no
à dengue. Já no período anterior, de agosto de 2015 a julho de 2016, morreram no
QUINTA-FEIRA, 09 DE NOVEMBRO DE 2017 - ED.1846 RADAR A 5 Três policiais ficam feridos

QUINTA-FEIRA,

09

DE

NOVEMBRO

DE

2017

-

ED.1846

RADAR

A

5

Três policiais ficam feridos em acidente durante perseguição

iatura da o cia i itar ficou arcia mente danificada ao co idir com um ort o e muro durante acom an amento de um sus eito que u iu em um no

DA

reportagem

REDAÇÃO

@

fol h aext

ra.co

m

Policiais da Polícia Militar de Cornélio Procópio acabaram se envolvendo em um acidente de trânsito enquanto realizavam um acompanhamento tático a um suspeito. A situação ocorreu no último domingo (5).

Tudo teve início quando três po- liciais estavam voltando do aten- dimento a uma diligência, quan- do, na Avenida XV de Novembro, a equipe avistou um veículo Fiat/ Uno em atitude suspeita.

Os policiais então se aproxima-

ram do veículo e, ao avistar a

viatura, o condutor empreendeu

fuga. A equipe passou a acom- panhar o carro pelas ruas da ci- dade e, durante a perseguição,

o condutor da viatura teve que

desviar de um veículo para evitar

uma colisão, momento em que perdeu o controle e acabou ba- tendo no portão e muro de um depósito.

D I VULG AÇÃO
D I VULG
AÇÃO

Viatura ficou parcialmente danificada após uma colisão durante perseguição

Os três policiais sofreram alguns

ferimentos e foram encami-

nhados para a Santa Casa pela equipe do Serviço Integrado

de Atendimento ao Trauma em

Emergência (Siate). A viatura ficou parcialmente danificada e teve de ser recolhida ao pátio do

Batalhão de Trânsito do municí- pio. Agora será aberto um inqué- rito para investigar quais foram as causas e circunstâncias que o acidente ocorreu. Já o suspeito que conduzia o Uno acabou sendo identificado e, apesar de ter conseguido fugir

do local, seus dados foram re- passados para Polícia Civil. Ago- ra, será aberta uma investigação para levantar o envolvimento do indivíduo com o acidente, po- dendo o condutor do Uno ser indiciado pelo crime de desobe- diência.

Andarilho esfaqueia homem após pedir dinheiro

diência. Andarilho esfaqueia homem após pedir dinheiro DA reportagem REDAÇÃO @ fol h aext ra.co m

DA

reportagem

REDAÇÃO

@

fol h aext

ra.co

m

Na manhã desta terça-feira (7), por volta das 11h, um homem foi atingido por uma facada na rua Don Fernando Taddey, em Jacarezinho. De acordo com a vítima, ele es- tava saindo de um escritório de advocacia quando um andarilho chegou ao local e pediu dinhei-

ro. Enquanto ele foi pegar o va- lor, o andarilho começou a des- ferir palavras de baixo calão e xingar a recepcionista do local.

xou o local e fugiu em direção

a rodoviária. Os policiais toma- ram o depoimento de testemu- nhas que trabalham próximo ao local e conseguiram identificar

o autor da agressão.

Foram efetuadas rondas pela

região da Rua Marechal Floria-

no Peixoto, onde o suspeito foi

localizado. Ao realizar a revista pessoal no indivíduo, a faca uti- lizada no crime não foi encon- trada. Após a vítima realizar o reconhecimento do andarilho,

ele recebeu voz de prisão. A faca

acabou sendo encontrada na

Rua Heráclio Gomes.

O

homem interviu na situação

O

agressor foi encaminhado

e

advertiu o andarilho quanto a

para a Delegacia de Polícia para

sua atitude, sendo que ele não

que fosse dado prosseguimen-

gostou e se iniciou uma discus-

to

as medias cabíveis ao caso.

são. Os dois foram parar na rua

a vítima, foi encaminha pelo

onde começou uma luta corpo-

Samu (Serviço de Atendimento

ral. O andarilho pegou uma faca

Móvel de Urgência) para o Pron-

com 15 cm de lâmina e desferiu

to

Socorro e, apesar do corte ter

um golpe que acertou o peito

causado bastante sangramento,

da vítima.

Após a agressão o andarilho dei-

o homem não corre risco de morte.

Ônibus de boia frias e carro colidem em Santana do Itararé

Ônibus de boia frias e carro colidem em Santana do Itararé DA reportagem REDAÇÃO @ fol

DA

reportagem

REDAÇÃO

@

fol h aext

ra.co

m

No fim da tarde de terça-feira (7), um acidente de trânsito foi registrado no trevo principal que dá acesso ao município de Santana do Itararé. Um ônibus

de boia frias do município de

Salto do Itararé que seguia no sentido de Santana para Wences-

lau Braz, acabou colidindo com

um Chevrolet/Celta que seguia

no sentido Wenceslau Braz para

Santana e cruzou a pista para ter acesso ao trevo de entrada da ci-

Após sacar pagamento, homem cai em golpe da “saidinha do banco” e oi a ordado
Após sacar pagamento,
homem cai em golpe da
“saidinha do banco”
e oi a ordado or um su eito que
disse ser uncionário do anco e a e ou
que o a or sacado esta a errado
DA
REDAÇÃO
reportagem
@
fol h aext
ra.co
m
Um homem compareceu à com-
Assim, o indivíduo pediu que
lhe fosse repassado os docu-
mentos e o dinheiro para que
fossem levados a agência para
provar que a quantia estava er-
panhia da Polícia Militar de San-
rada e ser possível fazer o estor-
to Antônio da Platina, para rela-
no.
tar que, por volta das 11h desta
O
falso funcionário do banco
terça-feira (7), foi até uma agên-
conferiu os documentos e de-
cia bancária no centro da cidade
para sacar seu salário.
volveu ao homem, deixando o
local apenas com o dinheiro.
Após pegar a quantia de R$ 680,
Quando vítima percebeu que se
o homem deixou o banco e se-
guiu pela Rua Rui Barbosa quan-
do, de repente, foi abordado
por um indivíduo trajando ca-
tratava de um golpe, já era tarde
e o suspeito havia fugido com o
dinheiro.
A vítima foi orientada quanto
misa de manga longa azul, calça
preta e sapatos; se apresentan-
aos procedimentos cabíveis ao
caso. O boletim de ocorrência
do
como funcionário do banco.
foi confeccionado e repassado
O
suposto bancário, disse ao
para outras equipes informando
homem que havia ocorrido um
problema e o dinheiro sacado
as características do suspeito.
estava errado, pois era inferior
Até o fechamento desta edição,
ele ainda não havia sido encon-
ao valor que ele tinha direito.
trado.

D

I VULG

AÇÃO

ao valor que ele tinha direito. trado. D I VULG AÇÃO dade. Apesar do susto, felizmente,

dade.

Apesar do susto, felizmente, ne- nhum dos passageiros do ônibus ficaram feridos. á o motorista do Celta, veículo que ficou com

a frente bastante destruída, foi atendido e encaminhado para o

hospital municipal sentindo for- tes dores no peito.

A ambulância do hospital muni-

cipal esteve no local para prestar atendimento, além das equipes da Policia Militar e Polícia Rodo- viária.

Esportes

Keirrison avisa:

“Não quero sair do Coritiba nunca mais”

Keirrison voltou ao Coritiba para sua terceira passagem em julho desse ano. Assinou con-

trato até julho de 2018. Mas depois de ter feito

a primeira partida como titular, ter jogado 90

minutos diante do Avaí, ele revelou, que com 28 anos não pensa em sair do Coritiba. Keirri-

son não revelou quando pensa em encerrar a carreira, mas a rmou que é no clube, onde ele começou e quer encerrar o ciclo. “Sei que terão clubes interessados, mas a von- tade é não sair, isso eu já decidi, minha von- tade é continuar por muito tempo. Meu ob- jetivo no momento é esse, encerrar a carreira aqui. Agradeço tudo que eu passei, tive várias oportunidades, aprendi muito, vivi grandes experiências, quero continuar aqui no clube

é aqui que me sinto bem, não tenho vontade

nenhuma de ir para outro lugar, meu pensa- mento é o Coritiba”, a rmou.

Londrina vence e segue com chances de acesso para a Série A

Londrina vence e segue com chances de acesso para a Série A O sonho de buscar

O sonho de buscar uma vaga na Série A do

Brasileirão em 2018 continua vivo para o Lon- drina. A equipe comandada por Claudio Ten-

cati venceu o Goiás, por 2 a 0, na noite desta terça-feira (7), no Café, em Londrina, pela 34ª rodada da Série B. Com o resultado, o Londri- na somou 52 pontos e gura na sétima colo- cação e está quatro pontos do G-4 (o Paraná Clube abre a zona de classi cação com 56 pontos e, na rodada, perdeu para o Brasil de Pelotas por 2 a 0). O Goiás, por sua vez, segue estacionado nos 43 e cai para o 11º lugar. Na próxima rodada, o Londrina terá pela fren-

te o Náutico, na Arena de Pernambuco, no sá-

bado (11), às 17h30. Na mesma data e horário,

o Goiás enfrentará o Ceará, no Serra Dourada.

Paraná é derrotado na ‘Batalha de Pelotas’, mas segue no G4

O Paraná Clube perdeu por 2 a 0 para o Bra-

silde Pelotas-RS, nessa terça-feira (7), em Pe- lotas-RS, pela 34ª rodada da Série B. Com o resultado, o time paranaense cou na 4ª colo- cação, com 56 pontos. A equipe gaúcha está em 13º lugar, com 42 pontos. O resultado ali- viou a má fase do Brasil, que só tinha vencido uma das últimas nove partidas.

O

Oeste empatou com o Figueirense e está na

colocação, também com 56 pontos. O Para-

ca à frente da equipe paulista no primeiro

critério de desempate: número de vitórias (16

a 14).

A partida no Estádio Bento Freitas pode até

ser chamada de “Batalha de Pelotas”, já que cou marcada pelas brigas entre jogadores

e lances violentos. Apesar do clima tenso, o

árbitro não usou o cartão vermelho. Apenas mostrou oito cartões amarelos.

e lances violentos. Apesar do clima tenso, o árbitro não usou o cartão vermelho. Apenas mostrou
e lances violentos. Apesar do clima tenso, o árbitro não usou o cartão vermelho. Apenas mostrou

A 6

DESTAQUE

A 6 DESTAQUE QUINTA-FEIR A , 09 DE N O V E MBR O DE 2017

QUINTA-FEIR A ,

09

DE

N O V E MBR O

DE

2017

-

ED.1846

EDUCAÇÃO EM FESTA

W. Braz sedia comemoração dos 70 anos da Secretaria de Educação do Estado

Em uma noite repleta de homenagens, agradecimentos e arte, centenas de pessoas acompanharam a trajetória da instituição através de um resgate histórico

F OTOS: VANESSA L OP ES - F OL H

A EXTR

A

resgate histórico F OTOS: VANESSA L OP ES - F OL H A EXTR A Ana

Ana Seres fez um discurso emocionante sobre sua trajetória na educação

um discurso emocionante sobre sua trajetória na educação VAN ESSA LOPES reportagem @ fol h aext

VAN ESSA LOPES reportagem @ fol h aext ra.co m

Na noite desta terça-feira (7), Wenceslau Braz foi sede de um evento marcante para a Educa- ção, a comemoração dos 70 anos da SEED-PR (Secretaria Estadual de Educação do Estado do Para- ná). Com o prédio do Clube Estação todo decorado com artes feitas pelos alunos da Escola Estadu-

al Carmelina Ferreira Pedroso e

na presença de figuras ilustres como a secretária de Educação do Paraná, Ana Seres Trento Comin, centenas de servidores ligados à Educação participaram do evento que iniciou com um vídeo da trajetória dos primeiros professores do Paraná. Entre os relatos, os educadores contavam como era a rotina dos alunos e

como a figura do professor era, também ligado às demais fun-

ções da escola, como servente, merendeira, secretária e diretor.

O evento foi narrado pelo inves-

tigador da Polícia Civil, Elcio u-

nior, que passou a palavra a che- fe do NRE (Núcleo Regional de Educação) de Wenceslau Braz,

Neli Couto, sendo ela, a anfitriã do evento. Sua fala foi dedicada aos agrade- cimentos a todos os envolvidos no setor, sua equipe, diretores, professores, e todos os agentes que atuam na escola. “Além dos agradecimentos a toda equipe empenhada nos nossos sete mu- nicípios, agradeço à secretária Ana Seres, por atender nossas solicitações e manter uma gestão serena e focada a frente da se- cretaria. Quem também merece nossos aplausos, são os chefes que passaram por aqui antes de

mim, vocês fazem parte dessa história e se hoje temos conquis- tas para mostrar, é graças a cada um de vocês”, comemorou. Neli também fez uma menção especial à ex-prefeita Carolina Batistão de Souza, que além de ter sido chefe da divisão por dois anos, foi a principal responsável pelo remanejamento da sede do núcleo para Wenceslau Braz, quando no ano 2000 o núcleo foi transferido do município bra- zense para aguariaíva, porém em abril de 2004, a sede retor-

nou ao município de origem, abrangendo também Salto do Itararé, São osé da Boa Vista, Santana do Itararé, Sengés, Ara- poti, aguariaíva.

Na sequência o presidente da Câ- mara de Vereadores, Luiz Alber- to Antônio, o Beto do Esporte (PSDB), também fez seus agrade- cimentos aos representantes da Educação, relembrando que ele também foi educador e que, ali, haviam vários alunos. O prefeito Paulo Leonar (PDT), anunciou a inserção de dois no- vos cursos na grade curricular do Ensino Médio em Wenceslau Braz. “Tenho a imensa satisfação em anunciar dois cursos técnicos que estarão disponíveis a partir do ano que vem, técnico em ves- tuário e em agronegócio, con- quistas que vieram por meio da nossa parceria com a secretária Ana Seres”, comemorou. A secretária Ana Seres, encerrou as falas com um discurso emo- cionante sobre sua trajetória e como o sucesso desse setor é imprescindível na formação de cidadãos. “Que seja de saia pre- gada, de jaleco branco ou de mo- letom, em 50, 70, 100 anos, se- remos profissionais, pais, mães, avós, dedicados à formação do futuro. Temos no Paraná escolas centenárias e através do resgate histórico em um regime de co- laboração, pudemos fazer um resgate do nosso legado”, afirma. “Cabe a nós, quando chegar a

Apresentação da Dança do Bambu do Colégio Estadual Maria Isabel Guimarães, de São José da
Apresentação da Dança do Bambu
do Colégio Estadual Maria Isabel
Guimarães, de São José da Boa Vista
Maria Isabel Guimarães, de São José da Boa Vista Neli agradeceu a todos que contribuíram para
Maria Isabel Guimarães, de São José da Boa Vista Neli agradeceu a todos que contribuíram para

Neli agradeceu a todos que contribuíram para que a SEED chegasse aos 70 anos

nossa vez, receber esse legado, acrescentar o melhor de cada um de nós e entrega-lo ainda melhor aos nossos sucessores, que são nossos alunos e filhos”, continua. Para finalizar sua fala, Ana Seres, cita uma frase que, segundo ela, é uma demonstração do que é ser educador. “O maior sinal de maturidade do ser humano é formar as nossas crianças com muito mais eficiência e eficácia do que nós mesmos”. Um sho à parte ficou por conta dos alunos das escolas estaduais que executaram diversas mani- festações culturais de dança e música, coordenadas pelos pro- fessores e equipe pedagógica. O Colégio Estadual Maria Isabel uimarães, de São osé da Boa Vista, abriu as apresentações com a Dança do Bambu, onde foram vistas noções básicas de geometria, como paralelismo e perpendicularismo, ainda no- ções de tempo e sincronismo. No segundo ato, o coral formado por alunos e professores brazen- ses do Colégio Estadual Ar Bar- roso, entoou a música Aleluia, seguido por uma dança de salão que envolveu o público ao som da música Casal Perfeito.

HOMENAGENS

Somado aos agradecimentos, houveram algumas homenagens à figuras que deixaram sua con- tribuição para que a SEED che- gasse aos seus 70 anos, come- çando pela professora Maria Rita Teixeira Reis, primeira inspetora de ensino de Wenceslau, a qual recebeu a honraria póstuma através de sua filha Maria Cristi- na Reis. Dentre as homenageadas, tam- bém estava a professora Caro-

lina Batistão de Souza, que por motivos pessoais não pode estar presente. A ex-prefeita nasceu em Ibaiti, mas morou em W. Braz desde seus quatro anos de idade, formada em pedagogia, geogra- fia e especialista em didática, ini- ciou sua carreira de professora no ano de 1959, sendo diretora do Colégio Estadual Dr Sebas- tião Paraná, um dos maiores do Norte Pioneiro. Além de inúmeras atribuições na Educação, Carolina também foi a primeira vereadora mulher do município, em 1982. Outros ex-chefes e professores com vasta carreira em W. Braz e região também foram homenage- ados, Ales Nassar; Ida Iwamoto; oão Antônio dos Santos Lima, in memorian, representado por sua filha elen dos Santos Lima - rio Fonseca Filho; Elizete Nobre De Azevedo E Azevedo; Giovan- na Precoma e Suzana Aparecida De Souza. Os alunos também receberam méritos, iniciando pela estudan- te do Colégio Estadual Maria Isabel uimarães, de São osé da Boa Vista, ganhadora do concur- so de arte visual Criando na Sala de Aula únior do Prado Menel- chenco e a professora Dilvane de Brito, o aluno estuda no Colégio Estadual do Campo Patrimônio São Miguel e ficou entre as 10 melhores redações do Estado; Vitor Luiz anuário e a professora ane Aparecida Martins, o aluno estuda no Colégio Estadual Nilo Peçanha de aguariaíva, foi classi- ficado para representar o NRE de W. Braz, em Curitiba, no concur- so do projeto Geração Atitude; Matheus Augusto Dutra, aluno do Colégio Estadual abriel Ber- toni, de Salto do Itararé, que re- cebeu a medalha de bronze pela Olimpíada Brasileira de Matemá-

tica das escolas públicas de 2016. No final da cerimônia, um gran- de bolo em comemoração aos 70 anos, foi servido ao público, em- balado com o Parabéns entoado pela Banda Municipal.

PRESENÇAS

Além dos citados, também com- puseram a mesa, ex-chefes do núcleo local; vereadores muni- cipais; membros do Conselho Tutelar e OAB (Ordem dos Ad- vogados do Brasil) autorida- des eclesiásticas; secretários de Educação dos sete municípios; representante da Regional da Sanepar, uarez Antônio olls Capitão da 5ª Cia do BPEC de Ponta rossa, Saulo Vinícius Hlads s os sargentos da 2 Cia do 2 Batalhão, Lucio Dziuba e Marco Aurélio C. Barbosa; Rob- son Vilela, chefe do Ciretran de . Braz Diretora Do Colégio Estadual Nilo Peçanha, de agua- riaíva, professora Graciane Cava Guimarães, representando todos os diretores e demais educado- res das comunidades escolares do NRE de Wenceslau Braz; Maria Lúcia Coutinho da Silva, representante da APMF do Co- légio Estadual Professor Milton Benner, de Wenceslau Braz, e de todos os pais e familiares dos alunos dos estabelecimentos es- colares jurisdicionados ao NRE; aluna representante do grêmio estudantil do Colégio Estadual Miguel Nassif Maluf e também representando todos os alunos e alunas deste núcleo, Alessandra Nicoli Amaral De Souza. Apesar de não poderem compa- recer, os deputados Sergio Souza (PMDB), Luiz Cláudio Romanelli (PSB) e Diego arcia (PHS), en- viaram seus assessores para pres- tigiar o evento.

(PMDB), Luiz Cláudio Romanelli (PSB) e Diego arcia (PHS), en - viaram seus assessores para pres-
(PMDB), Luiz Cláudio Romanelli (PSB) e Diego arcia (PHS), en - viaram seus assessores para pres-
QUINTA-FEIRA, 09 DE NOVEMBRO DE 2017 - ED. 1846 EDITAIS B 1 ERRATA Informamos que

QUINTA-FEIRA,

09

DE

NOVEMBRO

DE

2017

-

ED.

1846

EDITAIS

B

1

ERRATA

Informamos que erramos no número da edição posta no Caderno B na edição desta Quarta-Feira, 8 de novembro de 2017. Nas quatro páginas data- das como “Edição 1844”, o correto a ser publicado seria “Edição 1845”. Comunicado o erro, pedimos desculpas pelo inconveniente.

GOVERNO DO ESTADO DO PARANÁ A Companhia de Saneamento do Paraná - SANEPAR torna público
GOVERNO DO ESTADO DO PARANÁ
A Companhia de Saneamento do Paraná - SANEPAR torna público que recebeu do IAP
a renovação da Licença de Operação - LO 5491 do seguinte empreendimento: Atividade:
Sistema de Esgotamento Sanitário - ETE Xavantes. Endereço: Rua André Jorge de Barros, S/N.
Município: Carlópolis. Validade: 06/09/2020

OUTRAS PUBLICAÇÕES

Carlópolis. Validade: 06/09/2020 OUTRAS PUBLICAÇÕES WENCESLAU BRAZ ERRATA DA PUBLICAÇÃO DA HABILITAÇÃO E

WENCESLAU BRAZ

ERRATA DA PUBLICAÇÃO DA HABILITAÇÃO E QUALIFICAÇÃO PREGÃO PRESENCIAL N.° 79/2017

O Município de Wenceslau Braz - PR. torna público para todos os fins e efeitos legais, que a publicação da Habilitação e qualificação da empresa vencedora no Pregão Presencial n.° 79/2017 levada a efeito em data de 06 de Novembro de 2017, no Diário Oficial do Município, Edição 0174, foi realizada com equívoco quanto a data do documento o qual diz: 01 de OUTUBRO DE 2017. Assim, por esta forma, fica devidamente retificado o equívoco e para todos os efeitos legais, onde consignou-se: 01 de OUTUBRO DE 2017, fica consignado correto, “01 DE NOVEMBRO DE 2017”, com os efeitos da presente ERRATA, para todos os efeitos e fins legais.

Wenceslau Braz - PR, 07 de Novembro de 2017.

Fabio Antonio Batista da Rosa Pregoeiro Municipal

EDITAL DE HABILITAÇÃO E QUALIFICAÇÃO REF: PREGÃO PRESENCIAL - REGISTRO DE PREÇOS Nº 81/2017

O pregoeiro comunica aos interessados no fornecimento do objeto do Pregão

Presencial – Registro de Preços nº. 81/2017, que após a análise e verificação das propostas e documentação apresentada pelas proponentes, decidiu habilitar e classificar:

Nº.

Proponente

Itens

Valor Total

 

MARA MON- ALISA GUADA- LUP MALA- QUIAS - ME

04, 13, 14, 15, 16, 17, 18, 21, 22,

 

01

25, 26, 27, 28, 30, 41, 44, 45, 49, 51, 54, 59, 69, 70, 71, 72, 73, 74, 75, 76, 77, 78, 79

R$ 143.177,63

 

FLAVIA

   

ROBERTA DE

01, 02, 03, 05, 10, 32, 39, 40, 42,

02

CARVALHO

47, 50, 52, 53, 61, 62, 63, 64, 65, 66, 67, 80

R$ 36.934,20

RODRIGUES

- ME

 
 

A

G ROSSATO

   

03

DISTRIBUI- DORA - ME

06, 07, 08, 09, 24, 43, 48

R$ 15.250,00

 

MARCOS

   

DE SOUZA

04

ALMEIDA

29, 31, 37, 60

R$ 47.491,00

COMERCIAL

ME

05

LUIZ MINIOLI NETTO - EPP

11, 12, 19, 20, 23, 38, 46, 55, 56, 57, 58, 68, 81, 82

R$ 38.381,24

2017.

Fábio Antonio Batista da Rosa Pregoeiro Municipal

Wenceslau Braz-PR, 07 de Novembro de

HOMOLOGAÇÃO

REF.: PREGÃO PRESENCIAL-REGISTRO DE PREÇO Nº. 79/2017

OBJETO: “A possível aquisição de materiais em artefato de cimento diversos,

bem como pedra brita, pedrisco e pedra irregular, para utilização na manutenção

e conservação de prédios públicos, pavimentação de ruas e captação de esgoto

e pluviais, pela Secretaria Municipal de Obras, Viação e Serviços Urbanos, pelo período de 12 meses”.

Face ao contido no Parecer, do Departamento Jurídico, o Excelentíssimo Senhor PAULO LEONAR FERREIRA AMADOR, Prefeito do Município de Wenc- eslau Braz, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais, torna público para todos os efeitos e fins legais, principalmente para intimação das partes, terceiras e eventuais interessados, que HOMOLOGA o presente procedimento licitatório, para o fim de adjudicar seus objetos as empresas:

BRUNA RODRIGUES ALMEIDA - ME.

Wenceslau Braz-PR, 07 de Novembro de 2017.

PAULO LEONAR FERREIRA AMADOR PREFEITO MUNICIPAL

PORTARIA nº. 722/2017

O Sr. PAULO LEONAR FERREIRA AMADOR, Prefeito Municipal de Wenc-

eslau Braz - Paraná, no uso de suas atribuições que lhe são conferidas por lei,

RESOLVE:

RETIFICAR a portaria nº 568/2017, de 04 de agosto de 2017, que concedeu licença especial a servidora JANETE APARECIDA DOS SANTOS DA SILVA, matrícula 2501, lotada da Secretaria Municipal de Educação.

Onde se lê:

CONCEDER a pedido, Licença Especial de 06 meses, a servidora JANETE APARECIDA DOS SANTOS DA SILVA, portadora do RG nº 4.284.460-8 e CPF nº 585.470.709-82, matrícula 2501, ocupante do cargo efetivo de profes- sora, nos termos do Artigo 91 da Lei Municipal nº. 770/93 de 16/01/1993, a partir de 07 de Agosto de 2017 ao dia 03 de Fevereiro de 2018, referente ao período 2003/2008 e 2008/2013.

Leia-se:

CONCEDER a pedido, Licença Especial de 03 meses, a servidora JANETE APARECIDA DOS SANTOS DA SILVA, portadora do RG nº 4.284.460-8 e CPF nº 585.470.709-82, matrícula 2501, ocupante do cargo efetivo de profes- sora, nos termos do Artigo 91 da Lei Municipal nº. 770/93 de 16/01/1993, a

partir de 07 de Agosto de 2017 ao dia 06 de Novembro de 2017, referente

partir de 07 de Agosto de 2017 ao dia 06 de Novembro de 2017, referente ao período 2003/2008.

Wenceslau Braz, 07 de Novembro de 2017

PAULO LEONAR FERREIRA AMADOR PREFEITO MUNICIPAL

PAULO LEONAR FERREIRA AMADOR PREFEITO MUNICIPAL

Resolução N° 011/2017 SÚMULA: Aprovar o Projeto FIA-“Transporte para Melhor Acessibilidade”

Resolução N° 011/2017 SÚMULA: Aprovar o Projeto FIA-“Transporte para Melhor Acessibilidade”

Edital nº 004/2017-Secretaria da Família e Desenvolvimento Social do Estado do Paraná, no valor de

Edital nº 004/2017-Secretaria da Família e Desenvolvimento Social do Estado do Paraná, no valor de R$60.000.00(Sessenta Mil reais), para a Associação

de

Pais e Amigos dos Excepcionais – APAE do Município de Wenceslau Braz

Estado do Paraná.

Estado do Paraná.

O

Conselho Municipal dos Direitos da Criança e Adolescente - CMDCA, do

Município de Wenceslau Braz/PR, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições

Município de Wenceslau Braz/PR, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições

conferidas pela Lei Federal n° 8.069/90, de 13 de julho de 1990, Lei Municipal

conferidas pela Lei Federal n° 8.069/90, de 13 de julho de 1990, Lei Municipal

2.695/2015, e considerando a reunião Ordinária realizada em 07/11/2017, e

ata n° 019/2017. RESOLVE:

ata n° 019/2017. RESOLVE:

Art. 1° - Aprovar o Projeto FIA- “Transporte para Melhor Acessibilidade” Edi- tal nº 004/2017-Secretaria

Art. 1° - Aprovar o Projeto FIA- “Transporte para Melhor Acessibilidade” Edi- tal nº 004/2017-Secretaria da Família e Desenvolvimento Social do Estado do Paraná, no valor de R$ 60.000,00(sessenta mil reais) para a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais – APAE do Município de Wenceslau Braz Estado do Paraná.

Art. 2ª –. A presente Resolução entrará em vigor na data de sua publicação.

Art. 2ª –. A presente Resolução entrará em vigor na data de sua publicação.

Wenceslau Braz, 07 de Novembro de 2017.

Wenceslau Braz, 07 de Novembro de 2017.

Janete Youssef Abboud Pontes Vice-Presidente CMDCA

PINHALÃO

ESTADO DO PARANÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHALAO EXTRATO DE ADITIVO CONTRATUAL

Aditivo Nº: 01 ao CONTRATO Nº. 111/2017– PREGÃO PRESENCIAL Nº 46/2017- Processo nº. 76/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DEA PINHALAO

Contratada

:

FLAVIO DE ARAUJO VIEIRA 07260824905

CLÁUSULA PRIMEIRA: Fica prorrogado o prazo de vigên- cia do presente contrato, passando de 01 de novembro de 2017 para 01 de fevereiro de 2018, ficando então alterada a cláusula segunda do referido contrato. CLÁUSULA SEGUNDA: Fica acrescido ao contrato, por conta do presente aditivo que aumenta a prestação de serviços em 03 meses, em R$ 6.300,00 (Seis mil e trezentos reais). CLÁUSULA TERCEIRA: Fica inserida a seguinte dotação ao contrato acima mencionado: Dotação – 503 - Comple- mento 33903905000000 CLÁUSULA QUARTA: Ficam inalteradas as demais Cláusu- las Contratuais. Pinhalão - PR, 01 de novembro de 2017.

ESTADO DO PARANÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHALAO EXTRATO DE ADITIVO CONTRATUAL

Aditivo Nº: 01 ao CONTRATO Nº. 112/2017– PREGÃO PRESENCIAL Nº 47/2017- Processo nº. 77/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHALAO

Contratada

:

FLAVIO DE ARAUJO VIEIRA 07260824905

CLÁUSULA PRIMEIRA: Fica prorrogado o prazo de vigên- cia do presente contrato, passando de 04 de novembro de 2017 para 04 de fevereiro de 2018, ficando então alterada a

cláusula segunda do referido contrato. CLÁUSULA SEGUNDA: Fica acrescido ao contrato, por conta do presente aditivo que aumenta a prestação de ser- viços em 03 meses, em R$ 7.050,00 (Sete mil e cinquenta reais). CLÁUSULA TERCEIRA: Fica inserida a seguinte dotação ao contrato acima mencionado: Dotação – 503 - Comple- mento 33903905000000 CLÁUSULA QUARTA: Ficam inalteradas as demais Cláusu- las Contratuais. Pinhalão - PR, 01 de novembro de 2017.

ESTADO DO PARANÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHALAO EXTRATO DE ADITIVO CONTRATUAL Aditivo Nº: 01 ao CONTRATO Nº. 121/2017– Inexigibili- dade de Licitação nº. 14/2017- Processo nº 95/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHALAO

Contratada

:

AMANDA HAILLA DE OLIVEIRA – ACA-

DEMIA FITNESS - ME CLÁUSULA PRIMEIRA: Fica prorrogado o prazo de vigência do presente contrato, passando de 27 de outu- bro de 2017 para 27 de fevereiro de 2018, ficando então alterada a cláusula segunda do referido contrato. CLÁUSULA SEGUNDA: Fica acrescido ao contrato, por conta do presente aditivo que aumenta a prestação de ser- viços em 04 meses, em R$ 10.400,00 (Dez mil e quatrocen- tos reais). CLÁUSULA TERCEIRA: Fica inserida a seguinte dotação ao contrato acima mencionado: Dotação – 505 - Comple- mento 33903999990000 CLÁUSULA QUARTA: Ficam inalteradas as demais Cláu- sulas Contratuais. Pinhalão - PR, 27 de outubro de 2017.

ESTADO DO PARANÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHALAO EXTRATO DE ADITIVO CONTRATUAL Aditivo Nº: 02 ao CONTRATO Nº. 44/2017– PREGÃO PRESENCIAL Nº 19/2017- Processo nº. 38/2017 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHALAO

Contratada

:

JULIANA OLIVEIRA DE PAULA

06279369979

CLÁUSULA PRIMEIRA: Fica prorrogado o prazo de vigência do presente contrato, passando de 08 de novem- bro de 2017 para 08 de fevereiro de 2018, ficando então alterada a cláusula segunda do referido contrato. CLÁUSULA SEGUNDA: Fica acrescido ao contrato, por conta do presente aditivo que aumenta a prestação de

serviços em 03 (três) meses, o valor de R$ 12.000,00 (Doze mil reais). CLÁUSULA TERCEIRA: Ficam inseridas as seguintes dotações ao contrato acima mencionado: Dotação – 503 -

 

33903953000000

CLÁUSULA QUARTA: Ficam inalteradas as demais Cláu- sulas Contratuais. Pinhalão - PR, 08 de novembro de 2017

ESTADO DO PARANÁ PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHALAO EXTRATO DE ADITIVO CONTRATUAL

Aditivo Nº: 03 ao CONTRATO Nº. 47/2015– Tomada de Preços N°. 01/2015 – PMP - Processo nº. 32/2015 Contratante: PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHALAO

Contratada

:

MPS CONSTRUÇÕES CIVIS LTDA - ME

CLÁUSULA PRIMEIRA: Fica prorrogado o prazo de vigên- cia do presente contrato, passando de 28 de outubro de 2017 para 28 de março de 2018, ficando então alterada a cláusula décima sétima do referido contrato. CLÁUSULA SEGUNDA: Ficam inalteradas as demais Cláu- sulas Contratuais. Pinhalão - PR, 27 de outubro de 2017

PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHALÃO ESTADO DO PARANÁ Ato de Provimento nº 22 do Concurso Público 01/2015 Art. 1º O Prefeito do Município de Pinhalão Sr. Sergio Inácio Rodrigues no uso de suas atribuições legais, vem por inter- médio deste, nomear os aprovados no concurso público nº 01/15, cuja relação segue abaixo:

AGENTE DE SERVIÇOS TANIA ERICA DOS SANTOS ELEOTERIO. Art. 2º Após a publicação do presente ato de provimento, a candidata nomeada terá o prazo de 30 dias para assinar o termo de posse. Parágrafo único: No ato da posse o servidor apresentará declaração de bens e valores que constituem seu patrimônio

declaração quanto ao exercício ou não de outro cargo, em- prego ou função pública. Art. 3º Tomada à posse, o funcionário público terá o prazo máximo de 30 dias para se investir no cargo, sob pena de ser exonerado “ex ofício”. *A validade deste ato de provimento é a partir da data deste documento. Pinhalão – PR, 08 de novembro de 2017. SERGIO INÁCIO RODRIGUES PREFEITO MUNICIPAL

e

PREFEITURA MUNICIPAL DE PINHALÃO ESTADO DO PARANÁ

H

O M O L O G A Ç Ã O

O Prefeito Municipal, no uso de suas atribuições legais e tendo em vista o Parecer Jurídico sobre a Inexigibilidade de Licitação n°. 17/2017 de 01/11/2017. RESOLVE:

Homologar o certame a favor do proponente:

WESLAINE SILVEIRA DOMINGUES, CPF 036.066.831-38, da cidade de Pinhalão- PR, vencendo em todos os itens , perfazendo o valor total de R$ 20.879,56

(Vinte mil oitocentos e setenta e nove reais e cinquenta e seis centavos). Gabinete do Prefeito Municipal de Pinhalão Em 08 de novembro de 2017 SERGIO INACIO RODRIGUES Prefeito Municipal

PREFEITURA DE PINHALÃO ESTADO DO PARANÁ

H

O M O L O G A Ç Ã O

= = = = = = = = = = = = = = = = = = = = = =

O Prefeito Municipal de Pinhalão, Estado do Paraná, no uso de suas atribuições legais e tendo em vista os Pareceres da Comissão de Licitação e da Consul- toria Jurídica:

R E S O L V E:

Homologar o resultado da Licitação na modalidade de Edital de Pregão Presencial nº. 66/2017 de 10/10/2017 a FAVOR dos Proponentes:

A K MEDINA DE CARVALHO - ME, CNPJ Nº 27.675.488/0001-03, pelo valor total de R$ 68.420,00 (Sessenta e oito mil e quatrocentos e vinte reais);

O. L. DOS SANTOS - ME, CNPJ Nº 02.747.313/0001-33, pelo valor total de R$ 433.294,60 (Quatrocentos e trinta e três mil e duzentos e noventa e quatro reais e sessenta centa- vos).

Gabinete do Prefeito Municipal de Pinhalão

 

Em 08

de novembro de 2017.

SERGIO INÁCIO RODRIGUES

 

Prefeito

Municipal

LEI 1628/2017

Súmula: Abre Crédito Adicional Especial no orçamento geral do exercício de 2017, e dá outras providencias.

A

Câmara Municipal de Pinhalão, Estado do Paraná aprovou,

e,

Eu, SERGIO INÁCIO RODRIGUES, Prefeito Municipal sanciono a seguinte lei:

Art. 1º. - Fica autorizado ao Poder Executivo Municipal a

abertura de Crédito Adicional Especial, no Orçamento Geral

do

Município, no exercício de 2017, no valor de R$ 29.400,00 (vinte e nove mil e quatrocentos reais), conforme segue:

09 – ASSISTENCIA SOCIAL

 

02 – FUNDO MUNICIPAL DE ASSISTEN- CIA SOCIAL

 

08.244.0002.2.048

– MANUT. DO FUNDO

 

MUN DE ASSIST. SOCIAL

499-3.3.90.36.00.00.00.00-3719-Outros serv

de terc pessoa física

R$

400,00

500-3.3.90.39.00.00.00.00-3719-Outros serv

de terc pessoa jurídica

R$

10.000,00

08.244.0002.2.052

– EQUIPE TÉCNICA E

MANUT DO CRS

 

503-3.3.90.39.00.00.00.00-3934-Outros serv

de terc pessoa jurídica

R$

11.0000,00

505-3.3.90.39.00.00.00.00-3936-Outros serv

8.000,00

de terc pessoa jurídica

R$

TOTAL

R$

29.400,00

Art. 2º

. – Para cobertura do crédito aberto no artigo anterior,

serão utilizados recursos provenientes da anulação ou redução

cobertura do crédito aberto no artigo anterior, serão utilizados recursos provenientes da anulação ou redução

B 2

EDITAIS

B 2 EDITAIS QUINTA-FEIRA, 09 DE NOVEMBRO DE 2017 - ED. 1846 de dotações das seguintes

QUINTA-FEIRA,

09

DE

NOVEMBRO

DE

2017

-

ED.

1846

de dotações das seguintes fontes: revogada as disposições em contrário. ARAPOTI 09 – ASSISTENCIA SOCIAL
de dotações das seguintes fontes:
revogada as disposições em contrário.
ARAPOTI
09 – ASSISTENCIA SOCIAL
02 – FUNDO MUNICIPAL DE ASSIS-
TENCIA SOCIAL
Edifício da Prefeitura Municipal de Pinhalão, em 07 de no-
vembro de 2017.
SERGIO INACIO RODRIGUES -
Prefeito Municipal
08.244.0002.2.048
– MANUT. DO FUNDO
MUN DE ASSIST. SOCIAL
497-3.3.90.30.00.00.00.00-3719-Material
JUNDIAÍ DO SUL
400,00
de consumo
R$
PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE ARAPOTI
FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE
ESTADO DO PARANÁ
RUA PLACÍDIO LEITE Nº 148 CENTRO CÍVICO
CEP 84990-000 FONE (43) 3512-3000
CNPJ Nº 75.658.377/0001-31 - CNPJ nº 12.601.793/001-83
498-3.3.90.32.00.00.00.00-3719-Mat. Bem
10.000,00
ou serv de distrib gratuita
R$
EXTRATO 2º TERMO ADITIVO
08.244.0002.2.052
– EQUIPE TÉCNICA E
MANUT DO CRS
501-3.3.90.30.00.00.00.00-3934-Material
8.150,00
de consumo
R$
524-3.3.90.36.00.00.00.00-3934-Outros
2.850,00
serv de terc pessoa física
R$
504-3.3.90.30.00.00.00.00-3936-Material
8.000,00
de consumo
R$
TOTAL
R$
29.400,00
Art. 3º. - Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação,
revogada as disposições em contrário.
Edifício da Prefeitura Municipal de Pinhalão, em 07 de novem-
bro de 2017.
SERGIO INÁCIO RODRIGUES - Prefeito Municipal
PREFEITURA MUNICIPAL DE JUNDIAI DO SUL
Estado do Paraná
AVISO DE ALTERAÇÃO DA DATA DE ABERTURA LICITAÇÃO
PREGÃO PRESENCIAL Nº 16/2017
Exclusivo ME/EPP
O Município de Jundiaí do Sul, por intermédio da Pre-
feitura Municipal de Jundiaí do Sul através do(a) PREGOEIRO(a)
designado(a) pela Portaria nº 140/17 de 11/07/2017, torna público
para conhecimento dos interessados que na data, horário e local acima
indicado com obediência ao disposto na Lei n.º 10.520, de 17.07.02,
do Decreto nº 007, de 09/05/2006 e LC 123/06 e LC 147/2014 e,
subsidiariamente, na Lei n.º 8.666/93 e demais legislação comple-
mentar, Seguindo o Decreto Municipal nº 036/2017, o qual Decreta
recesso dos órgãos públicos, em função do feriado de 09 de novem-
bro de 2017, “ Aniversario do Município”, RECESSO para o dia 10
de novembro de 2017. Fica determinado até o dia 13 de novembro de
2017, das 08h00 às 09h00, os quais deverão ser entregues na seção
de protocolo desta Prefeitura Municipal, iniciando-se o julgamento
às 10h01 do mesmo dia das Propostas referente ao Pregão Presencial
nº 16/2017, objetivando a Contratação de empresas para prestação
de serviços de retifica, usinagem na recuperação de motor do veículo
ônibus volvo B10 placa ADY 9810, ano 87/88, com reposição de
peças novas de primeira linha.
Jundiaí do Sul - PR, 08 de novembro de 2017.
Walderlei Leme Fernandes
Pregoeiro
Credenciamento n°: 117/2017-FMS.
Inexigibilidade n°: 05/2017-FMS.
Contratante: Fundo Municipal de Saúde.
Contratada: ADRIAN ESTRADA BARBER CLÍNICA
MÉDICA EIRELI.
Objeto: O presente Termo Aditivo, objetiva a prorrogação do
prazo de execução e vigência do TERMO DE
CREDENCIAMENTO sob o n° 117/2017-FMS, por mais 60
(sessenta) dias, iniciando-se em 29/10/2017, estendendo-se
até 27/12/2017, com base no inciso II, art. 57 da Lei nº
8.666/93.
Disposições finais: Permanecem inalteradas as demais
cláusulas do contrato original a que se refere o presente
Termo Aditivo. Data da Assinatura: 27/10/2017.
LEI 1629/2017
Súmula: Abre Crédito Adicional Suplementar no orçamento
geral do exercício de 2017, e dá outras providências.
A
Câmara Municipal de Pinhalão, Estado do Paraná aprovou,
PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE ARAPOTI
FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE
ESTADO DO PARANÁ
RUA PLACÍDIO LEITE Nº 148 CENTRO CÍVICO
CEP 84990-000 FONE (43) 3512-3000
CNPJ Nº 75.658.377/0001-31 - CNPJ nº 12.601.793/001-83
e, Eu, SERGIO INACIO RODRIGUES, Prefeito Municipal
sanciono a seguinte lei:
EXTRATO 2º TERMO ADITIVO
Art. 1º) – Fica autorizado ao Poder Legislativo Municipal a
proceder a abertura de Crédito Adicional Suplementar no orça-
mento do e ercício financeiro de 2017 no valor de R .000,00
(sessenta e cinco mil reais),
conforme segue:
04
– VIAÇÃO E OBRAS PUBLICAS
PREFEITURA MUNICIPAL DE JUNDIAÍ DO SUL
01
– VIAÇÃO URBANA
15.451.0006.2.012 – MANUTENÇÃO
DO SISTEMA DE VIAS VICINAIS
DECRETO Nº. 036/2017.
Credenciamento n°: 118/2017-FMS.
Inexigibilidade n°: 05/2017-FMS.
Contratante: Fundo Municipal de Saúde.
Contratada: JOÃO LINEU ANTUNES JUNIOR & CIA S/S
LTDA.
Objeto: O presente Termo Aditivo, objetiva a prorrogação do
prazo de execução e vigência do TERMO DE
CREDENCIAMENTO sob o n° 118/2017-FMS, por mais 60
(sessenta) dias, iniciando-se em 30/10/2017, estendendo-se
até 28/12/2017, com base no inciso II, art. 57 da Lei nº
064-3.3.90.39.00.00.00.00-1000-Outros
65.000,00
8.666/93.
serv de terc pessoa jurídica
R$
Art. 2º) – Como recurso para cobertura do Crédito suplementar
por anulação externa de dotação, para o Executivo Municipal
indicado no artigo anterior, fica utilizado igual import ncia o
cancelamento de dotações do Legislativo Municipal.
Parágrafo Único; Por transposição de dotação para o Executivo
Municipal considerar-se-á o montante de R$ 65.000,00 (sessenta
e cinco mil reais).
Art. 3º. – Esta LEI entrará em vigor na data de sua publicação,
revogadas as disposições em contrário.
Edifício da Prefeitura Municipal de Pinhalão, em 07 de novem-
bro de 2017.
SÚMULA: Decreta recesso
nos órgãos públicos do poder executivo deste Município de Jundiaí
do Sul - PR.
O PREFEITO MUNICIPAL DE JUNDIAÍ DO
SUL - ESTADO DO PARANÁ, Senhor Eclair Rauen, usando de
suas atribuições Legais;
Disposições finais: Permanecem inalteradas as demais
cláusulas do contrato original a que se refere o presente
Termo Aditivo. Data da Assinatura: 27/10/2017.
DECRETA:
Art. 1° - Em função do
feriado de 09 de novembro de 2017 “Aniversário do Município”,
fica decretado recesso nos órgãos públicos do Poder E ecutivo deste
Município de Jundiaí do Sul - Pr, no dia 10 de novembro de 2017,
sexta-feira.
PREFEITURA DO MUNICÍPIO DE ARAPOTI
FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE
ESTADO DE PARANÁ
RUA PLACÍDIO LEITE Nº 148 CENTRO CÍVICO
CEP 84990-000 FONE (43) 3512-3000
CNPJ Nº 75.658.377/0001-31 - CNPJ nº 12.601.793/001-83
EXTRATO 2º TERMO ADITIVO
SERGIO INÁCIO RODRIGUES -
Prefeito Municipal
LEI 1630/2017
Súmula: Abre Crédito Adicional Especial no orçamento geral do
exercício de 2017, e dá outras providencias.
Art. 2° - A Secretaria Mu-
nicipal de Saúde e Departamento Municipal de Habitação, Urban-
ismo e Saneamento, funcionarão em regime de plantão, neste dia de
recesso, através de escala entre seus servidores das respectivas áreas,
a fim de manterem os serviços essenciais população.
Art. 3° - Todos os servi-
dores públicos municipais beneficiados com o presente Decreto,
voltarão às suas atividades normais a partir de 13 de novembro de
2017, e não sofrerão prejuízos quer quanto suas remunerações.
Credenciamento n°: 121/2017-FMS.
Inexigibilidade n°: 05/2017-FMS.
Contratante: Fundo Municipal de Saúde.
Contratada: A.M. SEXTARO SERVIÇOS MÉDICOS ME.
Objeto: O presente Termo Aditivo, objetiva a prorrogação do
prazo de execução e vigência do TERMO DE
CREDENCIAMENTO sob o n° 121/2017-FMS, por mais 30
(trinta) dias, iniciando-se em 30/10/2017, estendendo-se até
28/11/2017, com base no inciso II, art. 57 da Lei nº 8.666/93.
Disposições finais: Permanecem inalteradas as demais
cláusulas do contrato original a que se refere o presente
Termo Aditivo. Data da Assinatura: 27/10/2017.
A
Câmara Municipal de Pinhalão, Estado do Paraná aprovou,
e, Eu, SERGIO INÁCIO RODRIGUES, Prefeito Municipal
sanciono a seguinte lei:
Art. 4° - Este Decreto
entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições
em contrário.
Art. 1º. - Fica autorizado ao Poder Executivo Municipal a
abertura de Crédito Adicional Especial, no Orçamento Geral do
Município, no exercício de 2017, no valor de R$ 1.619,58 (um
mil e seiscentos e dezenove reais e cinquenta e oito centavos),
Edifício da Prefeitura Municipal de Jundiaí Sul -Pr, aos 08 dias do
mês de novembro do ano de dois mil e dezessete.
1º EXTRATO DE ATA REGISTRO DE PREÇO
PREFEITURA MUNICIPAL DE ARAPOTI – ESTADO DO PARANÁ
PREGÃO ELETRONICO N° 56/2017 – PROCESSO Nº 99/2017
Empresa(s) detentora(s) do(s) Registro(s): CONFORME ABAIXO
Interessada: Secretarias Municipais.
Valores: CONFORME ABAIXO
Prazo de Entrega: Conforme as necessidades das Secretarias.
387 - ROY SAMIR CHAWICHE - ME - CNPJ: 04.796.763/0001-41
Eclair Rauen
Vlr
conforme segue:
Item
Descrição Produto
Unid
Marca
Qtde
Valor Total
Prefeito
Unit
PINCEL
ATOMICO
04 – VIAÇÃO E OBRAS PUBLICAS
1462
MATERIAL
PLASTICO
UNI
Leonora
421
0,89
374,69
02 – VIAÇÃO RURAL
ESCRITA GROSSA
PINCEL
ATOMICO
26.782.0008.1.004
– PAVIMENTAÇÃO DE ES-
1465
MATERIAL
PLASTICO
UNI
Leonora
205
1,05
215,25
TRADAS RURAIS
PREFEITURA MUNICIPAL DE JUNDIAI DO SUL
Estado do Paraná.
EXTRATO DO CONTRATO DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO Nº.
ESCRITA GROSSA
530
– 4.4.90.93.00.00.00.00-3807-Indenizações e
PINCEL
ATOMICO
443,21
62/2017
1466
MATERIAL
PLASTICO
UNI
Leonora
444
0,89
395,16
restituições
R$
531
- 4.4.90.93.00.00.00.00-1807-Indenizações e
PARTES: Município de Jundiaí do Sul e a empresa Juliana de
Oliveira Locações - ME, CNPJ nº 26.033.560/0001-36
FUNDAMENTAÇÃO LEGAL: Processo Licitatório Dispensa de
Licitação nº 024/2016, nos termos da Lei 8.666/93 e alterações
posteriores.
OBJETO: Prestação de Serviços para apresentação de Banda
Musical com fornecimento de palco para apresentação do show
ESCRITA GROSSA
1.176,37
ESTILETE
MATERIAL
restituições
R$
5429
CORPO
PLASTICO
UNI
Leonora
88
8,00
704,00
TOTAL
R$
1.619,58
RESISTENTE
FOLHA EMBORRACHADA
Art. 2º
. – Para cobertura do crédito aberto no artigo anterior,
1287
COR VERMELHO TIPO E V
UNI
DubFlex
1140
1,15
1.311,00
serão utilizados recursos provenientes da anulação ou redução de
dotações das seguintes fontes:
A
FOLHA EMBORRACHADA
1285
UNI
DubFlex
730
1,65
1.204,50
em
COR VERDE CLARO TIPO
04 – VIAÇÃO E OBRAS PUBLICAS
LAPIS PRETO
1310
CX
Leonora
199
33,50
6.666,50
02
– VIAÇÃO RURAL
comemoração à Festividade alusiva aos “70 Anos de Emancipação
Política do Município.
DOTAÇÃO ORÇAMENTÁRIA:
LAPIS
PRETO
MATERIAL
26.782.0008.1.004
– PAVIMENTAÇÃO DE
5188
CORPO
MADEIRA
CX
Leonora
51
23,00
1.173,00
ESTRADAS RURAIS
10 – Departamento Municipal de Cultura
001 – Gabinete do Diretor
13.392.0019.2070 – APOIO AS DATAS COMEMORATIVAS
02610 – 3.3.90.39.00.00 – 0 – 0 – 000 – Outros Serviços de Ter-
ceiros Pessoa Jurídica.
VIGÊNCIA: até 30 de novembro de 2017.
VALOR: R$-7.800,00 (sete mil e oitocentos reais)
DATA DA ASSINATURA: 31/10/2017.
FORO: Comarca de Ribeirão do Pinhal – Pr.
OB : ica Retificado o E trato de ontrato de Prestação de erviços
nº 60/2017, que foi publicada no Jornal Folha Extra, no dia 01 de
novembro de 2017, Edição nº 1843/2017, em cumprimento ao art.26
da lei 8.666/93
Jundiaí do Sul - PR, 08 de novembro de 2017.
Eclair Rauen
Prefeito Municipal
DIAMETRO
PAPEL PARANA 80 MM
071-4.4.90.51.00.00.00.00-1807-Obras e
24516
FL
VMP
175
3,40
595,00
1.176,37
instalações
R$
4872 - L A P ESTEFANUTO EIRELI EPP - CNPJ: 03.639.354/0001-79
441-4.4.90.51.00.00.00.00-3807-Obras e
443,21
Vlr
Item
Descrição Produto
Unid
Marca
Qtde
Valor Total
instalações
R$
Unit
TOTAL
R$
1.619,58/
BLOCO RECADOS AUTO
6153
ADESIVOS REMOVIVEIS
NOTE E COLE
BL
JOCAR
1046
1,40
1.464,40
Art. 3º. - Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação,
revogada as disposições em contrário.
Edifício da Prefeitura Municipal de Pinhalão, em 07 de novem-
bro de 2017.
SERGIO INÁCIO RODRIGUES - Prefeito Municipal
10830
PAPEL DROBRADURA
FL
VMP
551
0,18
99,18
PAPEL
CARTAO
5815
MATERIAL
CELULOSE
FL
VMP
625
0,62
387,50
VEGETAL GRAMATURA
PAPEL
CARTAO
5817
MATERIAL
CELULOSE
FL
VMP
706
0,62
437,72
VEGETAL GRAMATURA
LEI 1631/2017
Súmula: Abre Crédito Adicional Especial no orçamento geral
do exercício de 2017, e dá outras providências.
PAPEL
CARTAO
5818
MATERIAL
CELULOSE
FL
VMP
635
0,62
393,70
VEGETAL GRAMATURA
PAPEL
CARTAO
A
Câmara Municipal de Pinhalão, Estado do Paraná aprovou,
5869
MATERIAL
CELULOSE
FL
VMP
625
0,65
406,25
VEGETAL GRAMATURA
e, Eu, SERGIO INACIO RODRIGUES, Prefeito Municipal
sanciono a seguinte lei:
JABOTI
TNT
TECIDO
SINTETICO
NEW
5911
RL
40
39,00
1.560,00
GRAMATURA 65
TNT
TNT
TECIDO
SINTETICO
NEW
Art. 1º. - Fica autorizado ao Poder Executivo Municipal a ab-
5912
RL
39
39,00
1.521,00
GRAMATURA 65
TNT
ertura de Crédito Adicional Especial, no Orçamento Geral do
Município, no exercício de 2017, no valor de R$ 100.000,00
(cento mil reais), conforme segue:
AVISO DE LICITAÇÃO
PREGÃO PRESENCIAL N. º 54/2017
EXCLUSIVO PARA ME - EPP
A PREFEITURA MUNICIPAL DE JABOTI, Estado do Paraná,
TNT
TECIDO
SINTETICO
NEW
5915
RL
34
39,00
1.326,00
GRAMATURA 65
TNT
TNT
TECIDO
SINTETICO
NEW
5916
GRAMATURA
65
RL
40
38,89
1.555,60
TNT
LARGURA 140
07 – SAÚDE PARA TODOS
torna público que fará realizar licitação, conforme segue:
CARTOLINA AMARELA
5987
UNI
GB
20
0,80
16,00
TAMANHO 50X66 - 180GR
02
– FUNDO MUNICIPAL DE SAÚDE
- MODALIDADE: Pregão Presencial nº. 54/2017. TIPO DE
LICITAÇÃO: Menor Preço Por item.
1
PASTA FICHARIO
10.302.0010.2.032 – MANUT. DAS UNI-
DADES BÁSICAS DE SAÚDE
5756
2
– OBJETO: Seleção de Proposta entre os proponente
PLASTICO A4 REVESTIDA
LOMBO E DORSO 4.0
UNI
ACP
184
16,99
3.126,16
523-3.3.90.39.00.00.00.00-1495-Outros serv de
30.000,00
enquadrados como Microempresa e Empresa de Pequeno
Porte, de acordo com o artigo 48 da Lei Complementar
PASTA
TIPO
PAPELAO
terc pessoa jurídica
R$
532-3.3.90.30.00.00.00.00-1495-Material de
R$
5823
MATERIAL
CARTAO
UNI
ICL
497
0,77
382,69
63.000,00
PRENSADO
consumo
COLA
COMPOSICAO
533-3.3.90.14.00.00.00.00-1495-Diarias pessoal
nº 123/2006 e alteração dada pela Lei Complementar nº
147/2014, para Aquisição de Pneus, Câmaras de ar e Prote-
tores para o departamento de Educação
RENDIC
1216
SILICONE
APLICACAO
UNI
100
0,26
26,00
7.000,00
OLLA
civil
R$
PISTOLA QUENT
3
- ABERTURA DOS ENVELOPES: Dia 22/11/2017 às 09:00
na Prefeitura Municipal de Jaboti.
FITA ADESIVA
TOTAL
R$
100.000,00
1262
UNI
FITPEL
569
0,74
421,06
Art. 2º
. - Para cobertura do crédito aberto no artigo anterior,
4
– INFORMAÇÕES COMPLEMENTARES: Departamento
20556
COLA COLORIDA CX C 6
UND C GLITER C 23 GR
PIRATIN
UNI
265
4,50
1.192,50
INGA
serão utilizados recursos provenientes do excesso de arrecada-
ção do crédito de R$ 100.000,00 na cc 624055-0 em 30 de
outubro de 2017 das fontes como segue:
de Licitação, Prefeitura Municipal de Jaboti, na Praça Minas
Gerais, 175, no horário das 08h00minh às 11h00min. e das
14396
CADERNO DE LINHA COM
48 FOLHAS
UNI
TILIBRA
33
0,90
29,70
13h00minh às 16h00min. Edital Completo no site www.jaboti.
pr.gov.br.
Edifício da Prefeitura Municipal de Jaboti,30/10/2017.
Juliano Rodrigo Moreira,
Pregoeiro Oficial
Portaria nº 170/2017.
CADERNO BROCHURA
EXCESSO DE ARRECADAÇÃO
6060
UNI
TILIBRA
780
1,39
INCREMENTO TEMPORÁRIO DO COM-
PEQUENO CAPA DURA 48
FOLHAS.
1.084,20
14552 CARTOLINA ROSA
ALOFO
PONENTE DE CUSTEIO DO PAB (2017)
100.000,00
UNI
5
0,40
2,00
RM
F=1495
R$
14553 CARTOLINA VERDE
ALOFO
UNI
10
0,40
4,00
TOTAL GER-
RM
100.000,00
AL
R$
Art. 3º. - Esta Lei entrará em vigor na data de sua publicação
QUINTA-FEIRA, 09 DE NOVEMBRO DE 2017 - ED. 1846 EDITAIS B 3   CAIXA PLASTICA

QUINTA-FEIRA,

09

DE

NOVEMBRO

DE

2017

-

ED.

1846

EDITAIS

B 3

 

CAIXA

PLASTICA

PARA

 

ALAPLA

     

11905

ARQUIVO

MORTO

EM

UNI

ST

1908

2,17

4.140,36

POLIONDA

 

20572

PAPEL LAMINADO PRATA

UNI

VMP

290

0,57

165,30

 

PAPEL

 

CREPOM

         

1341

MATERIAL

CELULOSE

UNI

VMP

310

0,50

155,00

VEGETAL

 
 

PAPEL

 

CREPOM

         

1342

MATERIAL

CELULOSE

UNI

VMP

320

0,50

160,00

VEGETAL

 
 

PAPEL

 

CREPOM

         

1349

MATERIAL

CELULOSE

UNI

VMP

320

0,50

160,00

VEGETAL

 
 

PAPEL

 

CREPOM

         

1351

MATERIAL

CELULOSE

UNI

VMP

320

0,55

176,00

VEGETAL

 
 

PAPEL

 

CREPOM

         

1352

MATERIAL

CELULOSE

UNI

VMP

325

0,55

178,75

VEGETAL

 
 

PAPEL CREPOM

         

1345

MATERIAL CELULOSE VEGETAL COR BRANCO

UNI

VMP

315

0,50

157,50

5180

ENVELOPE BRANCO TAMANHO A4 24X34.

UNI

FORONI

1581

0,18

284,58

14572

ENVELOPE SACO BRANCO 75GR - 310X410.

UNI

FORONI

450

0,37

166,50

 

PERFURADOR PAPEL 02

         

1442

(DOIS) FUROS - MATERIAL METAL

UNI

JOCAR

108

4,50

486,00

 

PRENDEDOR DE PAPEL

         

4505

15MM COM 12 UND (TIPO GRAMPOMOL)

UNI

BRW

134

3,50

469,00

 

PASTA

SANFONADA DE A

         

4527

A

Z

MEDINDO

UNI

FRAMA

67

10,00

670,00

370X105X255 COR

 
 

PASTA

ARQUIVO TIPO AZ

         

5204

TAMANHO OFICIO - DIMENSÕES APROX.

UNI

FRAMA

584

6,22

3.632,48

 

ALMOFADA

 

PARA

         

1137

CARIMBO

TINTA

AZUL

UNI

STAR

52

2,50

130,00

NRO 03

 

ALMOFADA

 

PARA

         

1138

CARIMBO

TINTA

UNI

STAR

25

1,99

49,75

VERMELHA

NR.

03

MATERIAL

 
 

BOLINHA

DE

ISOPOR

 

20

         

20563

MM

PCT C 50 UND

 

UNI

STYRO

CORT

52

9,25

481,00

 

TINTA

RELEVO

FRASCO

 

ACRILE

     

1492

DE

35

ML

CORES

FRS

X

231

2,40

554,40

VARIADAS

 
 

PAPEL A4 COM 10 RESMA

 

MAGNU

     

5201

DE

500 FOLHAS PAPEL

CX

M

1152

146,50

#########

A4

 

PASTA

CATALOGO

COM

         

1419

50

ENVELOPES

DE

CX

ACP

69

192,50

13.282,50

PLASTICOS MÉDIO

 

PASTA

CATALOGO

COM

         

1419

50

ENVELOPES

DE

CX

ACP

210

195,00

40.950,00

PLASTICOS MÉDIO

1289

GIZ DE QUADRO NEGRO

CX

DELTA

347

1,60

555,20

CORES

VARIADAS

 
 

PAPEL

CONVITE

VERGE

         

6032

COR

BRANCO

120

G

-

CX

OFFPA

PER

77

8,00

616,00

PAPEL A4

 
 

CLIPE

NOME

CLIPE

 

WIREPL

     

1209

CLIPS PARA PAPEL 3 0

 

CX

AST

413

1,00

413,00

 

CLIPE

NOME

CLIPE

 

WIREPL

     

1210

CLIPS PARA PAPEL 8 0

 

CX

AST

476

1,05

499,80

5179

ENVELOPE 25X35 CX COM

CX

FORONI

138

35,30

4.871,40

250

UND PARDO

 
 

GRAMPO TRILHO 80MM C/

         

5185

50 UNIDADES FABRICADO EM LAMINA

-

CX

JOCAR

56

4,86

272,16

 

PERCEVEJO

CAIXA COM

         

14355

100

UND

CX

BRW

7

1,36

9,52

 

GRAMPO

PARA

         

1300

GRAMPEADOR

 

CX

BRW

324

5,24

1.697,76

 

PRENDEDOR DE PAPEL

         

12216

19MM (TIPO GRAMPOMOL)

CX

BRW

107

2,50

267,50

CX

12 UND -

 

FOLHA

 

DE

         

27497

TRANSPARENCIA

PCT

C/

PCT

USAFO

1

85,00

85,00

50

FOLHAS SEM TARJA

LIEN

 

FOLHA

EMBORRACHADA

         

24506

DE

E.V.A. C/ TEXTURA

 

FL

HAITI

820

2,40

1.968,00

 

ALFINETE

 

DE

         

25270

SEGURANÇA Nº 00, CAIXA

UNI

BACCHI

7

8,75

61,25

CONTENDO

 

100

ALFINETES

 
 

PISTOLA

DE

COLA

         

21844

QUENTE GROSSA

 

UNI

MAKE +

130

9,80

1.274,00

 

ELÁSTICO LÁTEX

         

25435

ESPECIAL AMARELO N.18

UNI

MAMUT

156

2,25

351,00

DE

QUALIDADE E ALTA

 

H

 

CADERNO