Você está na página 1de 9

ESCOLA DE APLICAÇÃO DR.

ALFREDO JOSÉ BALBI

UNITAU

APOSTILA

POLIEDROS

PROF. CARLINHOS

1
blog.portalpositivo.com.br/capitcar
Sólidos Geométricos
Introdução

Grande parte dos objetos que nos são familiares tem formas geométricas definidas; são
denominados sólidos geométricos.

São objetos que lembram Poliedros:

São objetos que lembram corpos redondos:

Denomina-se Poliedros o sólido geométrico limitado por polígonos planos que têm, dois a dois,
um lado comum. Elementos de um poliedro:

Vértice

Face

Aresta
Face: Região poligonal que limita o poliedro.

Aresta: Interseção de duas faces.

Vértice: Interseção de 3 ou mais arestas.

Obs: Um poliedro possui no mínimo 4 faces.

Poliedro Convexo: Quando o segmento da reta que ligar dois pontos quaisquer do poliedro
estiver contido no poliedro ele é chamado Poliedro Convexo.

2
blog.portalpositivo.com.br/capitcar
x2

x1

De acordo com o número de faces , os poliedros convexos possuem nomes especiais.

Veja a tabela abaixo:

NÚMERO DE FACES NOME DO POLIEDRO

4 TETRAEDRO

5 PENTAEDRO

6 HEXAEDRO

7 HEPTAEDRO

8 OCTAEDRO

12 DODECAEDRO

20 ICOSAEDRO

Observe alguns poliedros:

TETRAEDRO PENTAEDRO

3
blog.portalpositivo.com.br/capitcar
HEXAEDRO HEPTAEDRO

OCTAEDRO DODECAEDRO

Poliedro Não- Convexo: Observe a figura abaixo:

x1

x2

Nela vemos que existem pontos X1 e X2 do poliedro tais que o segmento de reta X1X2 não está
contido no poliedro, ou seja, uma parte do segmento “esta fora” do poliedro. De acordo com o
seu número de faces um poliedro pode ser classificado em Tetraedro(4 faces), Pentaedro(5
faces), Hexaedro(6 faces) e assim por diante.

A relação que veremos a seguir estabelece correspondência entre o número de vértices, o


número de arestas e o número de faces de um poliedro convexo.

Fórmula de Euler

O autor desta façanha é Leonardo Euler (lê-se Óiler), grande matemático suíço (1707-1783),
que produziu trabalhos em diversos ramos da ciência, como física, astronomia, biologia,
matemática etc.

4
blog.portalpositivo.com.br/capitcar
Tinha uma memória inigualável e uma incrível destreza com a matemática. Euler escrevia seus
trabalhos com a mesma facilidade com que um escritor redige uma carta. Nem a cegueira total
que o afligiu durante os últimos dezessete anos de vida modificou isso; parece até que a
cegueira o ajudou a desvendar mais ainda o seu mundo interior.

Em qualquer poliedro convexo vale a seguinte relação:

V-A+F = 2

Onde

V= nº de vértices

A= nº de arestas

F= nº de faces

Faremos apenas a verificação dessa relação através de um exemplo, no qual contaremos os


vértices, as arestas e as faces de um poliedro.

V=8 vértices

F=6 faces

A=12 arestas

V-A+F=2

8-12+6=2

Poliedros de Platão

Denomina-se poliedro de Platão1 ao poliedro convexo que satisfaz as seguintes condições:

- todas as faces têm o mesmo número de arestas

- de cada vértice parte o mesmo número de arestas

Existem cinco e somente cinco poliedros de Platão

Tetraedro – possui 4 faces triangulares

Hexaedro – possui 6 faces quadrangulares

Octaedro – possui 8 faces triangulares

1
Platão (427AC). Filósofo e matemático grego. Ficou conhecido não como matemático, mas como “O
Criador de Matemáticos“. Os poliedros regulares foram chamados de “Sólidos de Platão” devido a
maneira pela qual Platão os aplicou para explicar fenômenos científicos.

5
blog.portalpositivo.com.br/capitcar
Dodecaedro – possui 12 faces pentagonais

Icosaedro – possui 20 faces triangulares

Poliedros Regulares

Denomina-se poliedros regulares àquele:

- cujas as faces são polígonos regulares,

- e seus ângulos poliédricos congruentes.

Só existem 5 tipos de poliedros regulares.

Tetraedro Octaedro regular Icosaedro regular


regular

Hexaedro regular Dodecaedro regular

Soma dos Ângulos das Faces

A soma dos ângulos de todas as faces de um poliedro convexo é:

S = (V-2).360º

onde V é o número de vértices.

Demonstração:

V, A e F são nesta ordem o número de vértices, arestas e faces do poliedro.

Sejam n1, n2, n3, ...,nF os números de lados das faces 1,2,3,...,F, ordenadamente. A soma dos
ângulos de uma face é (n-2).180º

Para toda as faces temos:

S = (n1-2).180º + (n2-2).180º + (n3-2).180º + ... + (nF-2).180º

6
blog.portalpositivo.com.br/capitcar
S = n1180º - 360º + n2180º - 360º + n3180º - 360º + ... + nF180º - 360º

S = (n1 + n2 + n3 +...+nF).180º - F.360º

mas n1 + n2 + n3 +...+nF = 2A, logo

S = 2A.180º - F. 360º

S = 360º.A – F.360º

S = (A – F).360º

Da relação de Euler, temos:

V-A+F = 2 ⇒ V-2 = A – F

S = (V – 2).360º

EXERCÍCIOS RESOLVIDOS

1) Num poliedro convexo, o número de faces é 8 e o número de vértices é 12, calcular o


número de arestas.

F=8 Relação de Euler V-A+F = 2

V = 12 12 – A + 8 = 2 ⇒ A = 18

Logo, o poliedro tem 18 arestas

2)Um poliedro convexo possui seis faces quadrangulares e duas hexagonais. Calcular o número
de vértice desse poliedro.

Vamos determinar inicialmente o número de arestas.

6 faces quadrangulares: 6.4 =24 arestas

2 faces hexagonais: 2.6 = 12 arestas

Como cada aresta foi contada 2 vezes, temos 2A = 24 + 12 ⇒ A = 18

Aplicando a relação de Euler, temos V – A + F = 2 ⇒ V – 18 + 8 = 2 ⇒ V = 12

Logo, o número de vértices é 12

3) Numa publicação científica de 1985, foi divulgada a descoberta de uma molécula


tridimensional de carbono, na qual os átomos ocupam os vértices de um poliedro
convexo cujas as faces são 12 pentágonos e 20 hexágonos regulares, como numa
bola de futebol. Em homenagem ao arquiteto norte-americano Buckminter Fuller, a
molécula foi denominada fulereno. Determine o número d e átomos de carbono
nessa molécula e o número de ligaçõees entre eles.

7
blog.portalpositivo.com.br/capitcar
Sendo V(vértices) o número de átomos e A(arestas) o número de ligações entre eles, temos:

12 faces pentagonais: 12 x 5 = 60 ligações

20 faces hexagonais: 20 x 6 = 120 ligações

Como cada aresta(ligação) foi contada 2 vezes, vem 2 A= 60 + 120 ⇒ A = 90

O número de átomos(vértices) pode ser obtido pela relação de Euler.

V – A + F = 2 ⇒ V – 90 + 32 = 2 ⇒ V = 60

Logo, a molécula possui 60 átomos e 90 ligações.

3) Determine a soma dos ângulos das faces de um poliedro convexo de 12 vértices.

V = 12 S = (V – 2). 360º ⇒ S = (12 – 2).360º ⇒ S = 3600º

Logo, a soma dos ângulos das faces é igual 3600º.

EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO DA APRENDIZAGEM

1) Determinar o número de vértices de um poliedro convexo que tem 2 faces quadrangulares e


8 faces triangulares. Resp: V= 8

2) Determinar o número de faces de um poliedro convexo com 9 vértices. Sabe-se que de 4


vértices partem 3 arestas e dos outros 5 vértices partem 4 arestas. Resp: F = 9

3) Um poliedro convexo tem 14 arestas e 6 faces. Determinar:

a) o número de vértices desse poliedro, Resp: 10

b) a soma das medidas dos ângulos das faces desse poliedro. Resp: 2880º

4) Em um poliedro convexo de 20 arestas, o número de faces é igual ao número faces é igual


ao número de vértices. Quantas faces tem esse poliedro ? Resp: 11 faces

5) ( FAAP-SP) Num poliedro convexo, o número de aresta excede o número de vértices em 6


unidades.Calcule o número de faces. Resp: 8 faces

6) A soma dos ângulos das faces de um poliedro convexo é 1080º. Determine o número
de faces, sabendo que o poliedro tem 8 arestas. Resp: 5 faces

7) Calcule a soma dos ângulos das faces do:

8
blog.portalpositivo.com.br/capitcar
a) tetraedro regular Resp: 7200

b) octraedro regular Resp: 14400

c) icosaedro regular Resp: 36000

8) Qual a área da superfície de:

a) tetraedro regula de aresta 6m, Resp: 72 2 m2

b) icosaedro regular de aresta 5cm Resp: 125 3 cm2

9) (UNIRIO-RJ) Um geólogo encontrou, numa de suas explorações, um cristal de rocha no


formato de um poliedro, que satisfaz a relação de Euler, de 60 faces triangulares. O número
de vértices é:

a)35 b) 34 c) 33 d) 32 e) 31 Resp: d

10) ( FUVEST-SP) O número de faces triangulares de uma pirâmide é 11. Pode-se, então,
afirmar que essa pirâmide possui:

a) 33 vértices e 22 arestas

b) 12 vértices e 11 arestas

c) 22 vértices e 11 arestas

d) 11 vértices e 22 arestas

e) 12 vértices e 22 arestas Resp: e

Bibliografia:

Curso de Matemática – Volume Único

Autores: Bianchini&Paccola – Ed. Moderna

Matemática Fundamental - Volume Único

Autores: Giovanni/Bonjorno&Givanni Jr. – Ed. FTD

Contexto&Aplicações – Volume Único

Autor: Luiz Roberto Dante – Ed. Ática

Apostila elaborada pelo Prof. Carlinhos

9
blog.portalpositivo.com.br/capitcar