Você está na página 1de 6

Lista de Exercícios – Unidade 1 - Hidrostática

Disciplina: Física, Termodinâmica, Ondas e Óptica


Professores Online: Ana Paula Grimes de Souza, Eliana Franco e Olívia Ortiz John.

Conteúdo: DENSIDADE

1- Você compra uma peça retangular de metal com massa igual a 0,0158 kg e dimensões de 5,0 mm x 15,0
mm x 30,0 mm. O vendedor diz que o metal é ouro puro. Para verificar se é verdade, você deve calcular a
densidade média da peça. Qual o valor obtido? Você foi enganado? Dado: densidade do ouro = 19,3×103
kg/m3.

𝑅: 𝜌 = 7,02. 103 𝑘𝑔/𝑚³


Comparando o valor obtido com a densidade do ouro (19,3×103 kg/m3), percebemos que a peça não é de ouro
puro.

2- Um tubo cilíndrico de cobre vazio mede 1,50 m de comprimento e tem um diâmetro externo de 3,50 cm e
um diâmetro interno de 2,50 cm. Quanto pesa esse tubo? Dado: densidade do cobre = 8,96 g/cm 3.

𝑅: 𝑃 = 62,0 𝑁
3- Três líquidos imiscíveis são despejados dentro de um recipiente cilíndrico. Os volumes e as massas
específicas dos líquidos são 0,50 L e 2,6 g/cm3; 0,25 L e 1,0 g/cm3; 0,40 L e 0,80 g/cm3. Qual a força que estes
líquidos exercem sobre o fundo do recipiente? (Ignore a contribuição devido à atmosfera). Um litro = 1 L =
1000 cm3 = 1 dm3.

𝑅: 𝑃 = 18,3𝑁

Conteúdo: PRESSÃO

4- Determine o aumento de pressão do fluido contido em uma seringa quando uma enfermeira aplica uma
força de 42 N ao pistão circular da seringa, que tem um raio de 1,1 cm.

Pressão é:

𝑅: 𝑝 = 1,11.105 𝑃𝑎

5- Um líquido de densidade 1,25 g/cm 3 está em repouso dentro de um recipiente aberto. No fundo do recipiente
existe uma conexão com um tubo cilíndrico de 2,0 cm de diâmetro. O tubo possui um êmbolo cuja parte exterior
está sob a ação da atmosfera e em contato com uma mola. Considere que não haja atrito entre o êmbolo e o
tubo cilíndrico. Num determinado experimento a força da mola sobre o êmbolo tem intensidade de 6,28 N.
Calcule a altura h do líquido indicado na figura.
No fundo do recipiente existe uma força aplicada de 6,28N, temos que:
P = F/ A ( pressão = força/área)
A área A do recipiente é: A = πr^2 = π0,01^2 = π10^-4
Então a pressão no fundo do recipiente é:
P = 6,28/π10^-4 = 2/10^-4 = 2×10^4 Pa = 2×10^4N/m^2
Temos também que:
P = dhg ( pressão = densidade×altura×gravidade)
A densidade dada é de 1,25 g/cm^3 , porém é conveniente transformar as unidades para as do SI: 1,25 g/cm^3
= 1250kg/m^3 . Como se trata do um exercício de vestibular é natural que g seja considerado como 10m/s^2.
Assim, temos que:
2×10^4N/m^2 = 1250kg/m^3 × h × 10m/s^2
h = (2×10^4N/m^2)/(1250kg/m^3)(10m/s^2)
h =200/125 = 1,6m
O exercício não é difícil, você tem que basicamente compreender que a pressão é a mesma para uma mesma
altura, tanto no fundo do recipiente quanto nas laterais do recipiente.

𝑅: ℎ = 1,63 𝑚

Conteúdo: PRINCÍPIO DE PASCAL

6- Um pistão com uma pequena área de seção transversal a é usado em uma prensa hidráulica para exercer
uma pequena força f sobre o líquido confinado. Uma tubulação de ligação conduz a um pistão maior com área
de seção transversal A. Se o pistão menor possuir um diâmetro de 3,80 cm e o pistão maior um diâmetro de
53,0 cm, que intensidade da força sobre o pistão menor equilibrará uma força de 20,0 kN sobre o pistão maior?

𝑅: 𝐹1 = 102,7𝑁
Conteúdo: PRESSÃO E EMPUXO

7 - Na figura, um objeto cúbico com a dimensão L = 0,600 m de lado e com uma massa
de 450 kg está pendurado por uma corda em um tanque aberto com um líquido de
densidade igual a 1030 kg/m 3. O objeto está a uma profundidade L/2 da superfície como
indicado na figura ao lado.
a) Determine a diferença de pressão na face superior do objeto.
b) Determine a intensidade da força total para baixo que o líquido e a atmosfera exercem
sobre a parte de cima do objeto, supondo que a pressão atmosférica seja de 1,00 atm.
c) Determine a intensidade da força total para cima sobre o fundo do objeto.
d) Calcule a intensidade da força de empuxo sobre o objeto usando o princípio de Arquimedes. Qual a relação
existente entre as forças calculadas nos itens b) e c) que atuam no objeto e o empuxo?
e) Determine a tração da corda.

𝑎) 𝑅: 3,028 × 103 𝑃𝑎
𝑏) 𝑅: 3,74 × 104 𝑁
𝑐) 𝑅: 3,96 × 104 𝑁
𝑑)𝑅: 2,2 × 103 𝑁
𝑒) 𝑅: 2,2 × 103 𝑁
8- Um curto-circuito elétrico impede o fornecimento da potência necessária para um submarino que está
situado a 30 m abaixo da superfície do oceano. A tripulação deve empurrar uma escotilha com área de 0,75
m2 e peso igual a 300 N para poder escapar pelo fundo do submarino. Se a pressão interna for igual a 1 atm,
qual é a força para baixo que eles devem exercer para abrir a escotilha? Suponha que a massa específica da
água do oceano é de 1025 kg/m3.

𝑅: 2,3 × 105 𝑁

Conteúdo: EMPUXO - FLUTUAÇÃO

9- Um bloco de madeira flutua em água doce com dois terços do seu volume submerso. Em óleo, o bloco
flutua com 0,90 do seu volume submerso. Dado 𝝆água = 998 kg/m3, encontre a massa específica (densidade):
a) da madeira;
b) do óleo.

𝑎) 𝑅: 𝜌𝑚𝑎𝑑𝑒𝑖𝑟𝑎 = 665,3 𝑘𝑔/𝑚³


𝑏) 𝑅: 𝜌ó𝑙𝑒𝑜 = 739,2 𝑘𝑔/𝑚³
10 - Um bloco de densidade 800 kg/m3 flutua em um fluido de densidade 1200 kg/m3. O bloco tem uma altura
H = 6,0 cm. Qual a altura h da parte submersa do bloco?

𝑅: ℎ = 4 𝑐𝑚

Conteúdo: EMPUXO

11- Quando um bloco de alumínio maciço é totalmente imerso na água, ele parece 300 N mais leve do que no
ar. Dados: densidade da água = 1 g/cm 3 e densidade do alumínio = 2,7 g/cm3.
a) Qual o volume do bloco?
b) Qual o peso do bloco no ar?

𝑎) 𝑅: 𝑉𝑑𝑒𝑠𝑙𝑜𝑐𝑎𝑑𝑜 = 0,0306 𝑚3

𝑏) 𝑅: 809,68 𝑁