Você está na página 1de 8

1

1. Objetivo

Padronizar uma solução de Permanganato de potássio e determinar


a concentração de água oxigenada com a volumetria de oxidação redução

2. Introdução

Reações de oxidação redução constituem a base de vários métodos


volumétricos aplicados a determinação de muitas espécies de interesse, como
ferro e cobre em fertilizantes. Ela se aplica evidentemente a espécies que
apresentam diferentes estados de oxidação.
Mais comumente são empregadas como titulantes soluções padrão de
agentes oxidante. O ponto final da reação de titulação é evidenciado por uma
mudança brusca no potencial de oxidação do meio, do mesmo modo como
variava o pH na volumetria de neutralização. Portanto, neste caso se tem na
curva de titulação a variação de potencial em função do volume de titulante
adicionado.
Muitos dos indicadores usados na volumetria de oxidação redução, mas
não todos, indicam o ponto final de reação por sofrerem variação de cor em
função da variação de potencial.
Uma volumetria de oxidação-redução baseia-se em reações em que há
transferência total ou parcial de elétrons entre as espécies oxidante e redutora.
Oxidante é toda a espécie capaz de captar elétrons e redutor toda a
espécie capaz de os ceder.
Uma partícula oxidante pode ser titulada por uma partícula redutora ou vice-
versa. O ponto de equivalência destas titulações é alcançado quando o
oxidante e o redutor estiverem nas proporções estequiométricas.
As titulações de oxidação-redução requerem, normalmente, um
indicador que adquira cores substancialmente distintas na forma oxidada e na
forma reduzida. No ponto de equivalência ou na sua vizinhança, ocorre uma
mudança distinta na cor do indicador, de tal maneira que o ponto final é
perfeitamente identificado.
2

Os principais casos de volumetria por oxidação-redução são:


Permanganometria, iodometria e dicromatometria.
Permanganometria: É a dosagem de uma solução redutora por
intermédio de uma solução titulada de permanganato de potássio (KMnO4),
geralmente em meio ácido. Solução problema: peróxido de hidrogênio, ácido
clorídrico, ácido acético, ácido fórmico, sulfito alcalino, nitrito, etc. Solução
padrão: KMnO4/H+ Neste caso o KMnO4 funciona como auto-indicador.
Iodometria: É a dosagem de uma solução redutora, por intermédio de
uma solução titulada de iodo. Solução problema: solução aquosa de tiossulfato
de sódio (Na2S2O3). Solução padrão: I2/I- .
Dicromatometria: É a dosagem de uma solução redutora, por intermédio
de uma solução titulada de dicromato de potássio (K2Cr2O7), geralmente em
meio ácido. Solução problema: solução aquosa de oxalato de sódio
(Na2C2O4). Solução padrão: K2Cr2O7/H+.

3. Materiais (Karoline)

4. Métodos (Karoline)
3

5. Resultados

5.1 Padronização de uma solução de Permanganato de potássio 0,020 mol/L


com oxalato de sódio 0,050 mol/L (padrão primário)

Tabela 1: Coloração e volume gasto na titulação de Permanganato de sódio

Volume gasto na titulação Coloração

1 Balão 1,4 Vermelho tijolo


2 Balão 1,5 Rosa
3 Balão 1,5 Rosa

5.1.2 Determinação da concentração de água oxigenada em % m/v e em


volumes de oxigênio

Tabela 2: Coloração e volume gasto na titulção de permanganato 0,020 mol/ L

Volume gasto na titulação Coloração

1 Balão 19,3 Rosa


2 Balão 18,9 Rosa
4

6. Discussão

O primeiro experimento foi realizado em triplicata devido a erro aderente


a manipulação durante o procedimento.
A exatidão do processo está na dependência da interrupção do contato
entre as soluções, no exato momento em que a reação termina. Para isso,
usou-se uma solução classificada como alto indicador, devido ela funcionar
como indicador no término da reação que é o permanganato de potássio, ele
reagiu com uma solução redutora, que no caso do primeiro experimento
reagiu com a solução oxalato de sódio e no segundo experimento com
água oxigenada. Isto porque o permanganato de potássio em solução
apresenta cor violeta característica e uma vez reduzida, a coloração violeta
desaparece, ficando a solução incolor.

7. Conclusão

A titulação deve ser feita em meio ácido, visto que o permanganato


além de ser o titulante, também é o indicador deste tipo de titulação e
também que o permanganato não é um padrão primário, necessitando de
padronização.

8. Questões complementares
5

8.1 Padronização de uma solução de Permanganato de potássio 0,020 mol/L


com oxalato de sódio 0,050 mol/L (padrão primário)

1) No que baseia a permanganimetria?

R: Baseia-se em uma solução redutora por intermédio de uma


solução titulada de permanganato de potássio (KMnO4), geralmente em
meio ácido.

2) Porque as titulações com permanganato são auto-indicadoras?

R: Porque ela constitui uma solução e, funciona como indicador no


término da reação. Devido esta solução ser formada por uma substância
colorida, à medida que ela vai reagindo com a outra solução, essa cor vai
alterando e quando se alterar totalmente, isso significa que a reação
terminou, portanto, uma substância, nestas condições é um auto-
indicador.

3) Quem é o agente oxidante e o agente redutor na reação?


R: O agente oxidante é o permanganato e o redutor é o oxalato de
sódio

4) Calcular a concentração real da solução em mol/L e o erro relativo


R:
6

8.2 Determinação da concentração de água oxigenada em % m/v e em


volumes de oxigênio

1) Calcule a concentração de H2O2 em % m/v e em volumes de oxigênio.

R:

2) O permanganato é um padrão primário? Justifique.

R: O permanganato não é um padrão primário, pois traços de MnO 2


estão invariavelmente presentes. Além disso, a água destilada geralmente
contém impurezas orgânicas suficientes para reduzir alguma MnO 4- recém
dissolvido a MnO2. Quando o reagente não é padrão primário (por
exemplo, o ácido clorídrico, os hidróxidos alcalinos e de amônio, o
permanganato de potássio,...) a preparação direta da solução não é
possível.
7

9. Referências

RODELLA, Arnaldo Antonio et al. Volumetria de oxidação redução.


Universidade de São Paulo. Disponível
em:<www.lce.esalq.usp.br/aulas/quimica/Apostilapratica2007.doc>.Acesso em:
31 out. 2010

Volumetria de oxidação redução.Disponível em:<http://www.infopedia.pt/


$volumetria-de-oxidacao-reducao>. Acesso em: 31 out. 2010.

RAMALHO, Indonésio; CUNHA, Edilene S. Volumetria de oxi-redução.


Disponível em:<http://www.scribd.com/doc/19826364/fisicoquimicab>.Acesso
em: 31 out. 2010

Instituto de Química - Universidade de Brasília. Disponível


em:<http://webcache.googleusercontent.com/search?
q=cache:ZC0cgV71oiUJ:br.oocities.com/evaristopaiva/trabalhos_escolares/DE
TERMINACAO_DE_PEROXIDO_DE_HIDROGENIO_POR_PERMANGANATO
METRIA.doc+o+permanganato+%C3%A9+um+padr
%C3%A3o+primario&cd=3&hl=pt-BR&ct=clnk&gl=br>.Acesso em: 31 out. 2010
8

Atividades experimentias.Disponível
em:<http://www.pucrs.br/quimica/mateus/geralexp.htm>.Acesso em: 31 out.
2010

Permanganimetria. Universidade Federal do Pará. Disponível


em:<http://www.ufpa.br/quimicanalitica/permanganimetria.htm>.Acesso em 31
out.2010