Você está na página 1de 25

Ministério das Cidades

CalcPR Secretaria Nacional de Saneamento


PMSS
Programa de Modernização do Setor Sa

Modelagem de ganhos com redução de


Brasil
pressão RESSALVAS
em Sistemas de Abastecimento de Água Antes de utilizar, consulte a documentação. Embora o
tenham procurado fazer uma ferramenta confiável, ne
Versão 1.00 (outubro 2007) - free software patrocinadores responsabilizam-se pela utilização da
risco dos usuários.
É livre a utilização desde que citada a fo

Cidade: Montes Claros/MG

Sistema: Morrinhos

Desenvolvimento: Eng. Airton S Gomes Pretendemos aqui dar uma pequena contr
Testes e documentação: Engenheiros Eduardo
das perdas nos sistemas de abasteciment
Bulhões Filho, Guilherme Bechuate, Sérgio Siebra
Moreira, Julian Thornton e Milene Aguiar. do mundo...
das Cidades
Nacional de Saneamento Ambiental

Modernização do Setor Saneamento

S
consulte a documentação. Embora os técnicos envolvidos
o fazer uma ferramenta confiável, nem os autores nem seus
sponsabilizam-se pela utilização da mesma, que fica por conta e
s.
zação desde que citada a fonte.

Entrar Dados

s aqui dar uma pequena contribuição para a redução


os sistemas de abastecimento de água do Brasil e
DADOS BÁSICOS PARA MODELAGEM DE GANHOS COM RED
DADOS GERAIS
Nome do setor ou zona: Todos os Santos
Data: 9/6/2007
Calculado por: Eduardo e Guilherme
e-mail: eduardo@bbengenharia.com.

CÁLCULO DO CONSUMO MÉDIO DIÁRIO (suposto indepentente


Consumo micromedido médio diário (m³/dia)
Grau de submedição estimado (%) - medido corrigido
Consumos especiais ou não medidos (m³/dia)
Consumo diário de clandestinos e fraudes (m³/dia)
Consumo Médio Diário - suposto independente da pressão (m³/dia)
Verificação dos dados da macro e micromedição

DADOS SOBRE A PARAMETRIZAÇÃO DAS VRP


Hora crítica
Pressão Setagem 1
(entrar com
TIPO DE VRP desejada no da VRP
numero de
ponto crítico (calculado)
ordem)
(mca)

Pressão fixa na saída: 11 10 15.00

os campos em branco são preenchidos


automaticamente
11 10 15.00

HORA DE INÍCIO (EXPRESSA


COMO NUMERO DE ORDEM)
10
Modulada por tempo (entre com os
inícios e términos dos 2 patamares de
pressão): HORA DE TÉRMINO (EXPRESSA
COMO NUMERO DE ORDEM)
24

Modulada por vazão (o sistema calculará vazões para


manter o ponto crítico com a pressão desejada todas as 10
horas do dia):

OUTRAS INFORMAÇÕES
Informações básicas: Tipo de uso (%)
Extensão de redes (km): 25 Residencial
Número de ligações ativas: 1,730 Industrial Ponto Médio
Número de economias: 5,000 Comercial Ponto Crítico
População atendida: 18,500 Público CHECK PIEZOMETRIA
(1) Custo variável de
produção (R$/m³)
0.41
(2) Tarifa Média de
Água+Esgoto (R$/m³):
1.80 Entre com o valor de N1

DADOS DE VAZÕES E PRESSÕES NOS PONTOS DE CONT


Pressão no
Pressão no
Pressão na ponto médio
ponto
ORDEM HORÁRIO entrada representativo
crítico
do setor

mca mca mca


1 00:00 - 01:00 50.90 44.9 29
Não esqueça que a qualidade dos dados de saída depende dos dados de entrada!

2 01:00 - 02:00 53.10 46.5 31.5


3 02:00 - 03:00 55.00 49 33.5
4 03:00 - 04:00 56.00 49.7 35
5 04:00 - 05:00 56.40 49.9 35
6 05:00 - 06:00 56.00 50 35
7 06:00 - 07:00 50.00 45.2 30
8 07:00 - 08:00 40.80 36 22
9 08:00 - 09:00 33.80 24 15
10 09:00 - 10:00 30.20 21.5 12
CONFIRA CUIDADOSAMENTE TODOS OS DADOS

11 10:00 - 11:00 28.70 20.5 9


12 11:00 - 12:00 27.50 20 7
13 12:00 - 13:00 27.00 20 3
14 13:00 - 14:00 27.30 21 4
15 14:00 - 15:00 28.00 21.5 4
16 15:00 - 16:00 29.60 21 4
17 16:00 - 17:00 29.90 21.8 12
18 17:00 - 18:00 30.50 22.1 11
19 18:00 - 19:00 32.51 25.1 12.5
20 19:00 - 20:00 35.75 28.2 15.5
21 20:00 - 21:00 38.51 31.5 17.5
22 21:00 - 22:00 41.75 35.2 21
23 22:00 - 23:00 44.40 39 23
24 23:00 - 00:00 48.00 41 26

VAZÃO TOTAL (m³/dia)

OBSERVAÇÕES RELATIVAS ÀS CHECAGENS DOS DADOS


Em relação à hora anterior, quando a pressão na entrada aumenta, a vazão na entrada dev
*
Em relação à hora anterior, quando a pressão na entrada diminui, a vazão na entrada deve

** A relação entre vazão e pressão é maior do que na hora crítica


ANHOS COM REDUÇÃO DE PRESSÃO
AIS
Todos os Santos
9/6/2007
Eduardo e Guilherme
eduardo@bbengenharia.com.br

suposto indepentente da pressão)


982
15.00% 1,129 CAMPOS EM
VERDE SÃO
OBRIGATÓRIOS
1,129
OK

RIZAÇÃO DAS VRP

Setagem 2 Depois de preencher o formulário até o fim e


da VRP conferir os dados, pressione o botão abaixo,
(calculado) em azul

13.06

1 CALCULAR

MAÇÕES
Cotas dos pontos:
Entrada 630.9
Ponto Médio 632
Ponto Crítico 644
CHECK PIEZOMETRIA Ok
ntre com o valor de N1 1

OS PONTOS DE CONTROLE

CHECK DE CHECK (vazão /


Vazão na
entrada
PRESSÕES versus pressão)**
VAZÕES* (proporção das
(sinal das variações) variações)
m³/h
85.18
80.60
75.06
70.56
69.30
68.58 CONFIRME OS DADOS
69.66
70.92
90.04
114.70
128.52
119.59 CONFIRME OS DADOS
100.80 CONFIRME OS DADOS
102.67 CONFIRME OS DADOS
99.72
93.60
88.56
95.04 CONFIRME OS DADOS
91.62
93.06 CONFIRME OS DADOS
94.14 CONFIRME OS DADOS
92.16
91.62
86.94

2,172.64

nta, a vazão na entrada deve diminuir


ui, a vazão na entrada deve aumentar
INDICADORES DE PERDAS REAIS
Perdas Reais
TIPO DE CONTROLE
L/ligação/dia m³/km rede/dia
ANTES 603 42
VRP - PRESSÃO FIXA NA SAÍDA DEPOIS 225 16
VARIAÇÃO 378 26
ANTES 603 42
VRP - MODULADA POR TEMPO DEPOIS 213 15
VARIAÇÃO 390 27
ANTES 603 42
VRP - MODULADA POR VAZÃO DEPOIS 207 14
VARIAÇÃO 396 27

EVOLUÇÃO DOS PARÂMETROS DA ZM


Pressão
Vazão mínima
média noturna
TIPO DE CONTROLE SITUAÇÃO noturna (m³/h) -
(mca)
3 às 4 h
3 às 4 h

ANTES 49.70 70.56


VRP - FIXA
DEPOIS 14.25 26.76
ANTES 49.70 70.56
VRP - MODULAÇÃO POR TEMPO
DEPOIS 12.43 24.52
ANTES 49.70 70.56
VRP - MODULAÇÃO POR VAZÃO
DEPOIS 10.26 21.84

ESTIMATIVA DE PERDAS REAIS INEVITÁVEI


INDICADOR ANTES DO CONTROLE DEPOIS DA VRP - FIXA

PRAI = (18 x Lr + 0,80 x Nl + 25 x


60 m³/dia 22
Lp) x Pmédia

Pressão Média do Setor 32.7 mca 12.0

onde:
PRAI= perdas inevitáveis (L/dia)

Lr=extensão de redes (Km) 24.955


NI=número de ligações ativas 1730
Lp= extensão de redes dentro dos
imóveis dos clientes (Km) 0
DE PERDAS REAIS

PARÂMETROS DA ZMC
Estimativa de
Estimativa de
vazão média FND - Fator
usos normais
dependente da Noite e Dia
noturnos (m³/h)
pressão (m³/h)

43.47
16.23
43.47
9.16 16.99
15.38
43.47
14.90

S REAIS INEVITÁVEIS (PRAI)


DEPOIS DA VRP - MODULADA DEPOIS DA VRP -
DEPOIS DA VRP - FIXA
POR TEMPO MODULADA POR VAZÃO

m³/dia 21 m³/dia 20 m³/dia

mca 11.3 mca 10.9 mca


Cálculo de N1 pelo método da variação induzida da pressão noturna (dados de exemplo)
Pressão (mca) Vazão na
Descrição hora inicial hora final entrada
Entrada Ponto Médio Ponto Crítico (m³/h)
Condições iniciais 1:30 64 52.0 36.0 72.0
Estágio 1 2:00 2:30 51 42.6 31.0 61.2
Estágio 2 3:00 3:30 45 38.0 29.0 56.2
Estágio 3 4:00 4:30 40 34.0 26.0 51.5

OBS: N = log (L0 / L1) / log (P0 / P1)


L1 = L0 * (P1/P0)^N1
(dados de exemplo)
Estimativa do valor de N1
Perdas na
Usos noturnos
distribuição Inicial Estágio 1 Estágio 2
8.0 64.0
8.0 53.2 0.93
8.0 48.2 0.90 0.86
8.0 43.5 0.91 0.89 0.92
ANÁLISE DAS VAZÕES E PRESSÃO N
Vazão m³/h
140.00

130.00

120.00

110.00

100.00

90.00

80.00

70.00

60.00

50.00

40.00

30.00

20.00

10.00

0.00
00:0 01:0 02:0 03:0 04:0 05:0 06:0 07:0 08:0 09:0 10:0 11:0 12:0 13:0 14:0 15:0 16:0 17:0
0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0-
01:0 02:0 03:0 04:0 05:0 06:0 07:0 08:0 09:0 10:0 11:0 12:0 13:0 14:0 15:0 16:0 17:0 18:0
0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

ANÁLISE DAS PRESSÕES ANTES E DEPOIS DO CONTROLE CO


Vazão m³/h
140.00
130.00
120.00
110.00
100.00
Vazão m³/h
140.00
130.00
120.00
110.00
100.00
90.00
80.00
70.00
60.00
50.00
40.00
30.00
20.00
10.00
0.00
00:0 01:0 02:0 03:0 04:0 05:0 06:0 07:0 08:0 09:0 10:0 11:0 12:0 13:0 14:0 15:0 16:0 17:0 18:0
0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0-
01:0 02:0 03:0 04:0 05:0 06:0 07:0 08:0 09:0 10:0 11:0 12:0 13:0 14:0 15:0 16:0 17:0 18:0 19:0
0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

ANÁLISE DAS PRESSÕES ANTES E DEPOIS DO CONTROLE COM


Vazão m³/h
140.00

130.00
120.00
110.00

100.00
90.00

80.00

70.00
60.00

50.00
40.00

30.00
80.00

70.00

60.00
50.00

40.00
30.00

20.00
10.00

0.00
00:0 01:0 02:0 03:0 04:0 05:0 06:0 07:0 08:0 09:0 10:0 11:0 12:0 13:0 14:0 15:0 16:0 17:0 18:0
0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0-
01:0 02:0 03:0 04:0 05:0 06:0 07:0 08:0 09:0 10:0 11:0 12:0 13:0 14:0 15:0 16:0 17:0 18:0 19:0
0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

ANÁLISE DAS PRESSÕES ANTES E DEPOIS DO CONTROLE


Vazão m³/h
140.00

130.00

120.00
110.00

100.00

90.00

80.00

70.00

60.00

50.00

40.00

30.00

20.00

10.00

0.00
00:0 01:0 02:0 03:0 04:0 05:0 06:0 07:0 08:0 09:0 10:0 11:0 12:0 13:0 14:0 15:0 16:0 17:0 18
0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0-
01:0 02:0 03:0 04:0 05:0 06:0 07:0 08:0 09:0 10:0 11:0 12:0 13:0 14:0 15:0 16:0 17:0 18:0 19
0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
10.00

0.00
00:0 01:0 02:0 03:0 04:0 05:0 06:0 07:0 08:0 09:0 10:0 11:0 12:0 13:0 14:0 15:0 16:0 17:0 18
0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0-
01:0 02:0 03:0 04:0 05:0 06:0 07:0 08:0 09:0 10:0 11:0 12:0 13:0 14:0 15:0 16:0 17:0 18:0 19
0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
PRESSÃO NO PONTO MÉDIO
Pressão - mca

60

Consumos

50

Vazão na
entrada

40

Vazão
média
disponibiliz
30 ada

Consumo
20
médio

10 Pressão no
ponto
médio
representat
ivo do setor
0
3:0 14:0 15:0 16:0 17:0 18:0 19:0 20:0 21:0 22:0 23:0
- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0-
4:0 15:0 16:0 17:0 18:0 19:0 20:0 21:0 22:0 23:0 00:0
0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

CONTROLE COM VRP DE PRESSÃO FIXA NA SAÍDA


Pressão - mca
60

50
Vazão na entrada
Pressão - mca
60

50
Vazão na entrada

40

Pcrit após VRP


fixa
30

20
Pressão no ponto
crítico

10

Pressão na
0 entrada
3:0 14:0 15:0 16:0 17:0 18:0 19:0 20:0 21:0 22:0 23:0
- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0-
4:0 15:0 16:0 17:0 18:0 19:0 20:0 21:0 22:0 23:0 00:0
0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

ONTROLE COM VRP COM PROGRAMADOR HORÁRIO


Pressão - mca
60

50 Vazão na
entrada

40

Pcrit após VRP


com prog
30 horário

20
Pressão no
ponto crítico
Pcrit após VRP
com prog
30 horário

20
Pressão no
ponto crítico
10

Pressão na
0
entrada
3:0 14:0 15:0 16:0 17:0 18:0 19:0 20:0 21:0 22:0 23:0
- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0-
4:0 15:0 16:0 17:0 18:0 19:0 20:0 21:0 22:0 23:0 00:0
0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

O CONTROLE COM VRP MODULADA POR VAZÃO


Pressão - mca
60

50 Vazão na
entrada

40

Pcrit após VRP


modulada por
30 vazão

20
Pressão no
ponto crítico
10

0 Pressão na
3:0 14:0 15:0 16:0 17:0 18:0 19:0 20:0 21:0 22:0 23:0 entrada
- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0-
4:0 15:0 16:0 17:0 18:0 19:0 20:0 21:0 22:0 23:0 00:0
0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
0 Pressão na
3:0 14:0 15:0 16:0 17:0 18:0 19:0 20:0 21:0 22:0 23:0 entrada
- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0- 0-
4:0 15:0 16:0 17:0 18:0 19:0 20:0 21:0 22:0 23:0 00:0
0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
VRP COM PRESSÃO FIXA NA SAÍDA
Pressão Nova Pressão Nova VAZÃO
VAZÃO
original pressão original pressão APÓS ECONOMIA
HORÁRIO ORIGINAL
no ponto no ponto no ponto no ponto CONTROLE (m³)

médio médio crítico crítico m³
00:00 - 01:00 44.9 13.6 29.0 12.4 85.2 46.2 39.0
01:00 - 02:00 46.5 13.7 31.5 13.0 80.6 39.5 41.1
02:00 - 03:00 49.0 14.1 33.5 13.5 75.1 32.1 42.9
03:00 - 04:00 49.7 14.2 35.0 13.9 70.6 26.8 43.8
04:00 - 05:00 49.9 14.3 35.0 13.9 69.3 25.2 44.1
05:00 - 06:00 50.0 14.4 35.0 14.0 68.6 24.8 43.8
06:00 - 07:00 45.2 14.2 30.0 13.5 69.7 32.1 37.6
07:00 - 08:00 36.0 13.6 22.0 12.9 70.9 43.1 27.8
08:00 - 09:00 24.0 10.0 15.0 11.7 90.0 68.4 21.7
09:00 - 10:00 21.5 9.6 12.0 11.4 114.7 96.4 18.3
10:00 - 11:00 20.5 9.6 9.0 10.0 128.5 111.8 16.7
11:00 - 12:00 20.0 10.1 7.0 9.3 119.6 104.7 14.9
12:00 - 13:00 20.0 10.6 3.0 6.9 100.8 86.9 13.9
13:00 - 14:00 21.0 11.1 4.0 7.4 102.7 88.6 14.1
14:00 - 15:00 21.5 11.1 4.0 7.1 99.7 84.9 14.9
15:00 - 16:00 21.0 10.0 4.0 6.6 93.6 76.6 17.0
16:00 - 17:00 21.8 10.4 12.0 11.9 88.6 71.5 17.1
17:00 - 18:00 22.1 10.2 11.0 10.8 95.0 77.0 18.0
18:00 - 19:00 25.1 11.1 12.5 10.8 91.6 71.8 19.8
19:00 - 20:00 28.2 11.4 15.5 11.0 93.1 69.7 23.4
20:00 - 21:00 31.5 11.9 17.5 10.9 94.1 67.9 26.2
21:00 - 22:00 35.2 12.5 21.0 11.5 92.2 62.6 29.5
22:00 - 23:00 39.0 13.2 23.0 11.5 91.6 59.4 32.2
23:00 - 00:00 41.0 13.0 26.0 11.9 86.9 51.0 36.0
MÉDIAS: 32.7 12.0 TOTAIS 2,172.6 1,518.7 653.9
63.3%

VRP COM PROGRAMADOR HORÁRIO


Nova
Pressão Nova Pressão VAZÃO
pressão VAZÃO
original pressão original APÓS ECONOMIA
HORÁRIO nos ORIGINAL
no ponto no ponto no ponto CONTROLE (m³)
pontos m³
médio médio crítico m³
críticos
00:00 - 01:00 44.9 11.8 29.0 10.7 85.2 44.0 41.2
01:00 - 02:00 46.5 11.9 31.5 11.2 80.6 37.3 43.3
02:00 - 03:00 49.0 12.3 33.5 11.7 75.1 29.9 45.2
03:00 - 04:00 49.7 12.4 35.0 12.1 70.6 24.5 46.0
04:00 - 05:00 49.9 12.5 35.0 12.1 69.3 22.9 46.4
05:00 - 06:00 50.0 12.5 35.0 12.2 68.6 22.6 46.0
06:00 - 07:00 45.2 12.4 30.0 11.8 69.7 29.9 39.8
07:00 - 08:00 36.0 11.8 22.0 11.2 70.9 40.9 30.0
08:00 - 09:00 24.0 8.4 15.0 10.0 90.0 65.9 24.1
09:00 - 10:00 21.5 9.6 12.0 11.4 114.7 96.4 18.3
10:00 - 11:00 20.5 9.6 9.0 10.0 128.5 111.8 16.7
11:00 - 12:00 20.0 10.1 7.0 9.3 119.6 104.7 14.9
12:00 - 13:00 20.0 10.6 3.0 6.9 100.8 86.9 13.9
13:00 - 14:00 21.0 11.1 4.0 7.4 102.7 88.6 14.1
14:00 - 15:00 21.5 11.1 4.0 7.1 99.7 84.9 14.9
15:00 - 16:00 21.0 10.0 4.0 6.6 93.6 76.6 17.0
16:00 - 17:00 21.8 10.4 12.0 11.9 88.6 71.5 17.1
17:00 - 18:00 22.1 10.2 11.0 10.8 95.0 77.0 18.0
18:00 - 19:00 25.1 11.1 12.5 10.8 91.6 71.8 19.8
19:00 - 20:00 28.2 11.4 15.5 11.0 93.1 69.7 23.4
20:00 - 21:00 31.5 11.9 17.5 10.9 94.1 67.9 26.2
21:00 - 22:00 35.2 12.5 21.0 11.5 92.2 62.6 29.5
22:00 - 23:00 39.0 13.2 23.0 11.5 91.6 59.4 32.2
23:00 - 00:00 41.0 13.0 26.0 11.9 86.9 51.0 36.0
MÉDIAS: 32.7 11.3 TOTAIS: 2,172.6 1,498.4 674.3
65.4%

VRP MODULADA POR VAZÃO (PRESSÃO NO PONTO CRÍTICO)


Pressão Nova Pressão Nova VAZÃO
VAZÃO
original pressão original pressão APÓS ECONOMIA
HORÁRIO ORIGINAL
no ponto no ponto no ponto no ponto CONTROLE (m³)

médio médio crítico crítico m³
00:00 - 01:00 44.9 11.0 29.0 10.0 85.2 43.0 42.1
01:00 - 02:00 46.5 10.6 31.5 10.0 80.6 35.6 45.0
02:00 - 03:00 49.0 10.5 33.5 10.0 75.1 27.6 47.4
03:00 - 04:00 49.7 10.3 35.0 10.0 70.6 21.8 48.7
04:00 - 05:00 49.9 10.2 35.0 10.0 69.3 20.2 49.1
05:00 - 06:00 50.0 10.2 35.0 10.0 68.6 19.8 48.8
06:00 - 07:00 45.2 10.5 30.0 10.0 69.7 27.6 42.1
07:00 - 08:00 36.0 10.6 22.0 10.0 70.9 39.4 31.5
08:00 - 09:00 24.0 8.4 15.0 10.0 90.0 65.9 24.1
09:00 - 10:00 21.5 8.3 12.0 10.0 114.7 94.4 20.3
10:00 - 11:00 20.5 9.6 9.0 10.0 128.5 111.8 16.7
11:00 - 12:00 20.0 10.8 7.0 10.0 119.6 105.7 13.9
12:00 - 13:00 20.0 14.2 3.0 10.0 100.8 92.2 8.6
13:00 - 14:00 21.0 14.1 4.0 10.0 102.7 92.8 9.9
14:00 - 15:00 21.5 14.4 4.0 10.0 99.7 89.6 10.1
15:00 - 16:00 21.0 13.9 4.0 10.0 93.6 82.6 11.0
16:00 - 17:00 21.8 8.7 12.0 10.0 88.6 68.8 19.7
17:00 - 18:00 22.1 9.4 11.0 10.0 95.0 75.9 19.2
18:00 - 19:00 25.1 10.4 12.5 10.0 91.6 70.7 20.9
19:00 - 20:00 28.2 10.4 15.5 10.0 93.1 68.3 24.8
20:00 - 21:00 31.5 11.0 17.5 10.0 94.1 66.7 27.5
21:00 - 22:00 35.2 11.0 21.0 10.0 92.2 60.6 31.5
22:00 - 23:00 39.0 11.6 23.0 10.0 91.6 57.4 34.2
23:00 - 00:00 41.0 10.9 26.0 10.0 86.9 48.3 38.6
MÉDIAS: 32.7 10.9 TOTAIS: 2,172.6 1,486.8 685.9
66.7%
Vazão dependente da Vazão independente da
pressão pressão

m³/h m³/h

55.8 29.4
58.2 22.4
60.3 14.8
61.4 9.2
61.8 7.5
61.4 7.2
54.8 14.8
44.7 26.2
37.1 53.0
33.1 81.6
31.5 97.1
30.2 89.4
29.6 71.2
29.9 72.7
30.7 69.0
32.5 61.1
32.8 55.8
33.4 61.6
35.6 56.0
39.2 53.9
42.2 51.9
45.8 46.4
48.7 42.9
52.6 34.3
62.7% 1,043.3 1,129.3
64.6%

65.7%
RETORNO ECONÔMICO DA REDUÇÃO DE

Economia Economia Custo Variável


TIPO DE VRP diária anual de Produção
(m³/dia) (m³/ano) R$/m³

Pressão Fíxa na Saída 654 238,669 0.41

Programador Horário 674 246,107 0.41

Modulada por vazão (pressão no


686 250,343 0.41
ponto crítico)
EDUÇÃO DE PRESSÃO

Economia anual
Economia anual
Taria Média de de valoração
de valoração por
A+E por custo de
tarifa média
R$/m³ produção
R$
R$

1.80 97,854.35 429,604.45

1.80 100,903.88 442,992.64

1.80 102,640.43 450,616.54